Clima quente no Fórum para depoimento de Garotinho
27/06/2017 | 14h12
  • Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

    Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

  • Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

    Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

  • Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

    Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

  • Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

    Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

  • Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

    Chegada de Garotinho ao Fórum de Campos

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

  • Depoimento de Garotinho

    Depoimento de Garotinho

Antes mesmo da chegada de Anthony Garotinho ao Fórum Maria Tereza Gusmão, em Campos, onde ele será interrogado pelo juiz Ralph Manhães por suspeita de envolvimento no “escandaloso esquema” de troca de votos por Cheque Cidadão, o clima foi de tensão em frente à Comarca. Apoiadores do ex-governador se concentraram em frente ao local e um tumulto foi formado. Um dos manifestantes, o jornalista Avelino Ferreira, chegou a ser detido por desacato, mas já foi liberado. Os portões principais do fórum foram fechados e a entrada de pessoas está sendo controlada pelos portões laterais e dos fundos.
Garotinho chegou por volta das 14h10, acompanhado da mulher, Rosinha, e do filho Wladimir, e entrou pelo portão dos fundos.
Com informações e fotos de Bárbara Cabral
Compartilhe
Defesa de Garotinho confirma gravações clandestinas e diz que há parcialidade no juiz
27/06/2017 | 11h49
A defesa do ex-governador Garotinho divulgou nota, há pouco, dando suas versões do caso sobre as alegadas gravações clandestinas, reveladas ontem, na decisão do juiz Ralph Manhães, que manteve para hoje, o interrogatório do marido da ex-prefeita Rosinha.
De acordo com a defesa, "as gravações demonstram várias diferenças entre o que ocorreu nas audiências de depoimentos, além da total parcialidade do juiz".
E: "As provas que respondem as gravações alegadas pelo magistrado são evidências claras de cerceamento de defesa e do impedimento de perguntas quando o advogado instaurou a contradita da testemunha Elizabeth Gonçalves, conhecida como 'Beth Megafone', para torná-la suspeita".
Afirmou que "os advogados com auxílio da Ordem dos Advogados do Brasil- Seccional Rio de Janeiro (OAB- RJ) impetraram Mandado de Segurança no Tribunal Regional Eleitoral contra a decisão do juiz" - (Não informa, porém, se houve decisão em contrário, que não havia até ontem).
O advogado "fundamenta várias nulidades do processo como o arrolamento de testemunhas com interesse na causa, processamento de crimes sem competência da Justiça Eleitoral, e obstrução de acesso aos computadores apreendidos".
Leia a nota completa abaixo:
"A defesa do ex-governador Anthony Garotinho juntou nesta segunda-feira, (26/06), nos autos da ação penal provas de cerceamento de defesa por parte do juiz Ralph Manhães, da 100ª Zona Eleitoral de Campos dos Goytacazes (RJ).
As provas que respondem as gravações alegadas pelo magistrado são evidências claras de cerceamento de defesa e do impedimento de perguntas quando o advogado instaurou a contradita da testemunha Elizabeth Gonçalves, conhecida como 'Beth Megafone', para torná-la suspeita.
Segundo o advogado Fernando Fernandes, as gravações demonstram várias diferenças entre o que ocorreu nas audiências de depoimentos, além da total parcialidade do juiz. “O magistrado que passou a gravar as audiências em vídeo, havia anteriormente proibido os advogados de registrarem os julgamentos. Em contrapartida, os advogados com auxílio da Ordem dos Advogados do Brasil- Seccional Rio de Janeiro (OAB- RJ) impetraram Mandado de Segurança no Tribunal Regional Eleitoral contra a decisão do juiz”, explica Fernandes.
Entre as muitas arbitrariedades do juiz está a determinação de que trechos da petição que constam as gravações sejam riscados e que seja oficiado o Ministério Público Eleitoral para denunciar o advogado por desobediência, sob acusação de má-fé.
Na petição o advogado fundamenta várias nulidades do processo como o arrolamento de testemunhas com interesse na causa, processamento de crimes sem competência da Justiça Eleitoral, e obstrução de acesso aos computadores apreendidos.
De acordo com Fernandes, o juiz confunde poder de polícia com ação policialesca ao impedir a juntada de gravações de audiências, que o próprio magistrado passou a gravar e a divulgar na imprensa, realizando uma ação carregada de ilegalidades. “O Supremo Tribunal Federal já decidiu que há legalidade e publicidade no uso de gravações ambientais de audiências”.
Sobre a acusação do juiz de agir de má-fé e sem lealdade processual o advogado rechaça e diz que, "a lealdade do advogado é com a legalidade e com a constituição e essencialmente com o amplo direito de defesa. Não há exigência de lealdade com atos arbitrários do juiz", finaliza Fernandes".
Compartilhe
Câmara: Audiência sobre Plano de Metas, LDO e recesso no sábado
27/06/2017 | 11h18
A Câmara de Campos tem agenda cheia esta semana. Depois da audiência pública ontem, sobre cirurgias bariátricas, proposta pelo vereador José Carlos, hoje acontece, às 15h, audiência pública para demonstrar e avaliar o cumprimento de metas fiscais referentes ao 3 quadrimestre de 2016, ao 1 quadrimestre de 2017 e apresentação da metodologia do orçamento participativo do PPA 2018/2021.
Em seguida, na sessão, está prevista votação da LDO.
E o recesso começa sábado. Porém, de acordo com o presidente Marcão Gomes, o Legislativo funcionará normalmente, ficando apenas sem as sessões. As CPIs, por exemplo, manterão o ritmo normal.
Compartilhe
Juiz diz que defesa de Garotinho trapaceia ao fazer gravação clandestina
26/06/2017 | 20h10
Fernando Fernandes lidera equipe de advogados de Garotinho no caso
Fernando Fernandes lidera equipe de advogados de Garotinho no caso
Com interrogatório do réu marcado para amanhã, a defesa do ex-governador Anthony Garotinho tentou hoje, mais uma vez, adiar a realização da audiência e evitar a presença dele em Campos.
Em uma das mais duras decisões de todo processo da Chequinho, o juiz Ralph Manhães, da 100 Zona Eleitoral, denunciou que a defesa teria gravado clandestinamente audiências, apesar de decisões em contrário dele próprio e do Tribunal Regional Eleitoral.
Ralph classificou a atitude como "total desrespeito, a falta de lealdade processual e má-fé do patrono do réu, cuja litigância de má-fé já foi reconhecida pelo TRE-RJ".
Ressaltou, também, que a defesa já foi advertida "de que qualquer gravação das audiências seria clandestina, o mesmo, em total afronto às decisões judiciais e demonstrando completo desprezo para com o judiciário, até porque a decisão em comento foi confirmada nas Instâncias Superiores e não revertida até a presente data, informa e afronta o judiciário dizendo que gravou clandestinamente as audiências, não se encontrando até os dias de hoje tamanha deslealdade e desrespeito nas avenidas pretorianas".
E, diante da desobediência, determinou que o caso seja investigado pelo Ministério Público. E ainda, disse que a notícia de gravação clandestina é extremamente grave e deve ser de conhecimento das autoridades superiores, razão pela qual devem ser expedidos ofícios à Presidência e Corregedoria do TRE-RJ e do TSE.
"A briga pelo direito é legítima, mas a trapaça não pode ser tolerada", afirma o juiz.
Ralph Manhães negou pedido de suspeição da testemunha Beth Megafone e manteve o interrogatório marcado para amanhã, às 14h.
O espaço está aberto para a defesa de Garotinho se manifestar.
Confira, abaixo, a decisão completa:
/
Compartilhe
CPI das Rosas realiza primeiras diligências
26/06/2017 | 16h22
Foto: Arquivo
Foto: Arquivo/
A CPI das Rosas iniciou, efetivamente, seus trabalhos na manhã de hoje. À primeira reunião, compareceram os vereadores Fred Machado (presidente), Cláudio Andrade (relator) e os membros da comissão Neném e Marcelo Perfil.
O vereador Silvinho Martins, integrante da CPI, não esteve presente porque estava realizando a primeira diligência a pedido do presidente. 
"A CPI seguirá o propósito de ser técnica e será focada nos documentos e nas oitivas", afirmou Fred.
Durante a reunião, foram feitas as primeiras análises dos documentos e a delimitação dos pontos e a organização nominal das primeiras pessoas que serão intimadas a depor. Inicialmente a comissão vai identificar quais empresas solicitaram os editais, quais efetivamente participaram do certame e os motivos de outras tantas não disputarem.
A CPI continuará com seus trabalhos normalmente, mesmo diante do recesso parlamentar que se refere apenas a pausa de sessões, não comprometendo os trabalhos internos.
 
" Uma relatoria firme é feita com base nos dados apresentados e no respeito à verdade dos fatos", afirmou Cláudio Andrade, relator da CPI.
 
O grupo de trabalho da CPI das Rosas se reunirá todas as segundas-feiras, às 10h, na Câmara de Vereadores de Campos.
(Da assessoria)
Compartilhe
Campista é vencedor do Prêmio "João Batista Rocha"
26/06/2017 | 12h20
O campista Rodrigo Nunes Rangel foi o vencedor do concurso cultural “Prêmio João Batista Rocha”, promovido pelo Porto do Açu. Um total de 1.306 que participaram do concurso, que teve como tema o município de São João da Barra. Os fotógrafos amadores da região tiveram a missão de tomar a cidade como personagem principal de seus registros para entrarem na disputa. Todas as fotografias publicadas no Instagram com #premiojbatistarocha foram submetidas à avaliação de uma Comissão Julgadora, que selecionou as 10 melhores imagens. Foram utilizados critérios como originalidade, criatividade e adequação ao tema proposto.
Os selecionados no concurso foram: Bruna Peixoto Gomes; Danilo Coutinho; Joel de Sá Rosa; Lívia de Siqueira Manhães; Matheus Drumond Costa Junior; Rafaela França da Silva; Raphael Fonseca de Souza; Rodrigo Nunes Rangel; Victor de Aquino Vianna Fernandes; Victor Hugo Rangel Duarte. Todos participaram de uma cerimônia para entrega de certificados, no Centro Cultural Narcisa Amália, em São João da Barra, onde foi inaugurada uma exposição das fotos escolhidas. A mostra estará disponível até o dia 15 de julho.
O ganhador do concurso retratou um momento de descontração de uma família, no Pontal de Atafona. Além do certificado de participação, Rodrigo Nunes Rangel recebeu uma câmera fotográfica Cannon T5 I.
E Rodrigo passou por um juri de peso, que teve os fotógrafos profissionais Leonardo Berenger, Paulo Sérgio Pinheiro e Diomarcelo Pessanha.
Atualização: Com informações da assessoria da Prumo.
Compartilhe
Prefeitura convoca aprovados em processo seletivo de 2015
26/06/2017 | 12h04
/
O Diário Oficial de hoje traz a convocação de 19 aprovados no Processo Seletivo 02/2015 para assinatura de contrato.
Eles devem comparecer nos dias 29 e 30, no RH da secretaria municipal de Educação.
Compartilhe
Primeira audiência do orçamento participativo nesta segunda, em Farol
25/06/2017 | 15h18
Acontece nesta segunda-feira (26), a primeira das 11 audiências públicas distritais do “Orçamento Participativo – Plano Plurianual”.
Será uma oportunidade dos moradores de Campos contribuírem, efetivamente, com a elaboração do Plano Plurianual (PPA) para o exercício do próximo quadriênio 2018-2021. A reunião será realizada na Escola Municipal Farol de São Thomé, das 18h às 21h.
Já na terça-feira (27), o secretário da Transparência e Controle, Felipe Quintanilha, irá à Câmara Municipal para a abertura oficial da metodologia de trabalho do orçamento participativo, e ainda fará prestação de contas do relatório de gestão fiscal.
O Orçamento Participativo é uma ação conjunta, realizada entre o poder público e a sociedade, que possibilita a participação popular na escolha das prioridades para os investimentos municipais. O link já está disponível no Portal da Prefeitura, com o formulário de sugestões. Mais de 200 pessoas, de várias regiões do município, já apresentaram sugestões em várias áreas, como: educação, saúde, segurança e transporte.
— A população vai atuar efetivamente em todos os distritos de forma regionalizada. Queremos a participação cidadã de forma ampla e democrática para que seja exercido o controle social na prática. Além de promover maior transparência nas ações, o Orçamento Participativo também promove maior eficiência na aplicação dos recursos públicos — destacou o prefeito Rafael Diniz.
Confira na imagem acima o cronograma das audiências.
(Da Assessoria)
Compartilhe
Silvinho Martins: "G5 está firme e forte"
24/06/2017 | 19h25
Firme e forte. Assim define Silvinho Martins (PRP), líder do G5, bloco de sustentação do governo Rafael, oficializado em maio último.
Além de Silvinho, o grupo conta com os vereadores Jorginho Virgílio (também do PRP), Enock Amaral, Marcelo Perfil (ambos do PHS) e Igor Pereira (PSB). 
De acordo com Silvinho Martins, na sexta (23) os colegas do grupo estiveram reunidos definindo estratégias para o segundo semestre na Câmara. Uma das mudanças, mas que começa já na próxima sessão, é o encaminhamento dos votos.
— Nosso grupo continua unido e forte, embora alguns plantem notícias para tentar nos separar. Mas está tudo certinho e em breve poderemos ser G7 ou G8. Neste momento, porém, somos o G5, que faz parte da base do governo Rafael, mantendo claro nosso posicionamento — afirmou Silvinho.
Compartilhe
Chequinho: Muito além de apenas "um depoimento"
24/06/2017 | 19h20
Em vídeo, o ex-governador Garotinho afirma que as acusações na Ação Penal em que é réu, no caso Chequinho, são baseadas em um único depoimento: da radialista Beth Megafone.
Será?
Leia a matéria completa na edição de amanhã da Folha da Manhã.
Compartilhe