Gil Vianna deixa PSB e vai para PSL
30/03/2018 | 12h59
Gil Vianna - divulgação
Gil Vianna - divulgação
O ex-vereador e suplente de deputado estadual Gil Vianna deixou o Partido Socialista Brasileiro (PSB) e vai filiar-se ao PSL (Partido Social Liberal).
A filiação está prevista para a próxima semana, com a presença de representantes da família Bolsonaro. O deputado federal Jair Bolsonaro é pré-candidato à presidência pelo PSL.
Em Campos, o PSL tinha como representante na Câmara o vereador Miguelito, que foi afastado após a condenação pelo TRE na Chequinho. Com isso, o PSL perdeu a cadeira, que foi ocupada por Álvaro Oliveira, do SD.
Recentemente, Gil perdeu o mandato no TRE por infidelidade partidária, mas continua recorrendo no cargo.
Comentar
Compartilhe
João Peixoto com indicações para reconstrução de ponte e recuperação de estrada
29/03/2018 | 19h12
O deputado estadual João Peixoto (PSDC) protocolou na Alerj indicações simples solicitando reparos nas rodovias estaduais do interior. Entre elas, a reconstrução da ponte na RJ 204, que liga São Luiz de Mutuca (Campos) à Deserto Feliz (SFI). A ponte caiu devido a força da correnteza nas últimas chuvas.
Peixoto também solicitou a recuperação da RJ 194, que interliga Campos à Gargaú, estrada da antiga usina São João. A estrada precisa urgentemente de uma recuperação nesse trecho pois está com muitos buracos e quase intransitável.
Comentar
Compartilhe
Bacellar: Embargos parcialmente providos, mas condenação mantida
29/03/2018 | 15h07
O juiz Elias Pedro Sader Neto, da 76 Zona Eleitoral, acatou parte da defesa do vereador Marcos Bacellar (PDT) e retirou um processo do Tribunal de Contas do Estado (TCE) que serviu de base para a condenação do parlamentar.
A decisão foi no julgamento dos Embargos de Declaração - recurso pelo qual são explicados pontos da sentença.
No último dia 15 de março, ele condenou Bacellar, cancelando seu registro e declarando nulos seus votos declarados nulos, assim como seu diploma (Lembre AQUI). Na sentença, o magistrado considerou dois processos do TCE, sendo que um, como informou a defesa, já estava suspenso.
A condenação foi mantida por conta do processo restante, também do TCE.
Bacellar vai recorrer no cargo ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Comentar
Compartilhe
Rosinha assume vice-presidência nacional do Patriota
29/03/2018 | 10h22
A ex-governadora e ex-prefeita de Campos Rosinha Garotinho assumiu a vice-presidência nacional do Patriota, partido ao qual filiou-se no último final de semana. A informação é do blog de Ralfe Reis.
O Patriota, inclusive, anunciou quarta-feira (28) a pré-candidatura do Deputado Cabo Daciolo a presidente da república.
 
Daciolo é bombeiro militar e se destacou ao liderar as reivindicações na greve dos bombeiros em 2011. 
Comentar
Compartilhe
Câmara de Campos cria comissão para acompanhar intervenção federal na Segurança
28/03/2018 | 18h48
O vereador Thiago Ferrugem apresentou, terça-feira (27), requerimento, que solicita a criação da comissão de representação do legislativo municipal para acompanhar a intervenção federal da segurança pública no estado do Rio de Janeiro, especialmente no município de Campos dos Goytacazes. O requerimento foi assinado por todos os vereadores presentes à sessão.
“A segurança pública do Estado chegou ao patamar catastrófico, com violência generalizada. Infelizmente, a sensação que temos até agora é que as atenções estão voltadas para a cidade do Rio de Janeiro e região metropolitana, deixando o interior, mais uma vez, esquecido. Entretendo, a cidade de Campos, foi apontada como a 45ª cidade mais violenta do mundo, com taxas de homicídio assustadoras. A criação desta comissão visa à cobrança de fortes investimentos na segurança pública no interior, convocação dos aprovados do último concurso para a Polícia Militar, relocação dos policiais que são do interior de volta às suas cidades e garantir melhores condições de trabalho aos policiais que dedicam a sua vida para garantir a ordem e a nossa segurança, efetiva compatível a demanda do 8º BPM e as delegacias de polícia de Campos, entre outras ações que tragam paz a nossa cidade”, disse o vereador Thiago Ferrugem.
Comentar
Compartilhe
Aboipic consegue R$ 1 milhão da Lei Rouanet para Carnaval fora de época
28/03/2018 | 14h33
Pela primeira vez, o Carnaval de Campos será financiado através da Lei Rouanet. A informação é do presidente da Associação dos Bois Pintadinhos de Campos (Aboipic), Marciano da Hora.
A Aboipic conseguiu a liberação de R$ 1.163.976,00 milhão para a realização Festival Folclórico de Bois Pintadinhos de Samba - seguimento desfile de Carnaval.
O Festival será um Carnaval fora de época por que terá, também, além dos bois, desfile de escolas e blocos de samba.
"É a primeira vez que uma entidade consegue este incentivo para o Carnaval de Campos. Agora, vamos partir para a contratação da empresa para captação dos recursos", disse Marciano.
Ele também explicou que está mantendo reuniões com representantes do governo municipal, para que a Prefeitura entre com a parte estrutural.
O que é a Lei Rouanet? É a Lei que estabelece política de incentivos fiscais que possibilita empresas (pessoas jurídicas) e cidadãos (pessoa física) aplicarem uma parte do IR (imposto de renda) devido em ações culturais.
Comentar
Compartilhe
TRE nega pedido de Rosinha e Garotinho para suspender da Ação Penal da Caixa d'Água
28/03/2018 | 12h55
A desembargadora Cristiane Frota, relatora do caso Caixa d'Água no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), negou pedido do casal Garotinho para suspender a Ação Penal 1281, oriunda da operação. 
Rosinha e Anthony Garotinho queriam que a Ação Penal fosse interrompida, enquanto a prova testemunhal pretendida pela defesa não fosse produzida. O casal alegou que a defesa foi cerceada pelo juízo de primeira instância, em razão do indeferimento do pedido de produção de testemunhal realizado no corpo da sua resposta à acusação. 
Cristiane Frota pediu informações ao juiz sobre a decisão e, depois, encaminhará à Procuradoria Regional Eleitoral (PRE).
Acontece que...
Entre outras testemunhas, em suas respostas à acusação, o casal arrolou três Procuradores da República, um desembargador do TJRJ e o Procurados Geral de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.
Sem apresentar justificativa para estas testemunhas, o pedido para estas testemunhas de defesa foi negado, no início de março, pelo juiz responsável pela AP, Ralph Manhães. Para o magistrado, "trata-se de requerimento protelatório, pois tais pessoas não tem qualquer vinculação com os fatos criminosos imputados aos mesmos, o que nos leva a crer que a não indicação por parte dos réus, dos motivos para as oitivas das referidas testemunhas também é um ato que deve ser considerado procrastinatório, com o único objetivo de retardar o processo com diligências desnecessárias". (Lembre AQUI).
Além disso, a audiência para oitiva das testemunhas de defesa já aconteceu e o interrogatório dos réus foi marcado para dia 18 de abril (Lembre AQUI)
Na Caixa d'água, os ex-governadores e outras seis pessoas são acusados pelo MP de integrarem uma organização criminosa que arrecadava recursos de forma ilícita com empresários com o objetivo de financiar as próprias campanhas eleitorais e a de aliados, inclusive mediante extorsão.
Comentar
Compartilhe
Lei para distribuição de cestas básicas só será aplicada em 2019
27/03/2018 | 20h04
Sancionada nesta terça-feira pelo prefeito Rafael Diniz (AQUI), a Lei 8.816, que trata de financiamento para a distribuição de cestas básicas a famílias carentes, só passará a ser aplicada em 2019, após o período eleitoral.
Foi o que esclareceu o procurador-geral do Município, José Paes Neto:
- Nós, enquanto Poder Executivo, estamos cumprindo o nosso papel de analisar as leis propostas pelo Poder Legislativo e sancioná-las, quando forem relevantes para a população e viáveis para a administração pública. É importante lembrar que nós só iremos aplicá-la depois do pleito eleitoral de 2018 — observação, inclusive feita pelo próprio autor da Lei, o vereador Marcão. Não podemos e não iremos, de forma alguma, confundir assistência social com abuso eleitoreiro, o que já ocorreu em nossa cidade. Jamais utilizaremos qualquer projeto social para tirar proveito eleitoral, por isso a aplicação da lei será somente depois do processo eleitoral, em 2019 – explica o procurador geral do município, José Paes Neto, ressaltando que, para a aplicação, a lei precisa ser regulamentada pelo Poder Executivo.
A sugestão do adiamento da aplicação surgiu do próprio autor da lei, o presidente da Câmara, vereador Marcão Gomes, após polêmicas em torno da lei (Lembre no Arnaldo Neto).
Leia a matéria completa na edição desta quarta-feira da Folha da Manhã.
Comentar
Compartilhe
Chequinho: Cecília Ribeiro Gomes condenada a dois anos de reclusão
27/03/2018 | 18h38
O juiz Elias Pedro Sade Neto condenou a suplente de vereadora Maria Cecília Lysandro Gomes, a Cecília Ribeiro Gomes, a dois anos de reclusão em Ação Penal do caso Chequinho.
A suplente foi condenada pelo art 288 do Código Penal (associação criminosa) e pelo art 299 do Código Eleitoral (Dar, oferecer, prometer, solicitar ou receber, para si ou para outrem, dinheiro, dádiva, ou qualquer outra vantagem, para obter ou dar voto e para conseguir ou prometer abstenção, ainda que a oferta não seja aceita). Na sentença também consta 08 dias-multa, no valor unitário de 1/30 avos de 15 salários mínimos.
A Ação Penal que tem Cecília como ré é um desmembramento de outra, em que são réus Marcos André, Thiago Ferrugem, Vinicius Madureira, Roberto Pinto e Bruno Bastos Gomes e na qual a denúncia contra Jorge Magal foi rejeitada.
Cecília chegou a ficar na Câmara entre janeiro e abril, no lugar de Marcos Bacellar que, até então, não tinha os votos computados por problemas no registro de candidatura.
Comentar
Compartilhe
Rafael sanciona Lei para distribuição de cestas básicas a famílias carentes
27/03/2018 | 12h43
O prefeito Rafael Diniz sancionou e está publicada no Diário Oficial de hoje a Lei 8.816, que dispõe sobre financiamento para a execução de benefícios eventuais existentes no âmbito da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Humano e Social.
Através da Lei, de autoria do vereador Marcão Gomes, as empresas que licitarem com o Poder Público Municipal doarão 1% de seus contratos para que sejam compradas bolsas de alimentos para famílias carentes, beneficiadas seguindo critérios técnicos.
Antes mesmo de ser sancionada, a Lei gerou polêmica, com assistentes sociais e professores se posicionando contrários, o que levou Marcão a afirmar que pediria ao prefeito para que a lei só fosse posta em prática a partir do ano que vem. 
Comentar
Compartilhe
Kellinho e Ozéias também notificados de afastamento através do Diário Oficial
26/03/2018 | 17h59
Mais dois vereadores estão sendo comunicados através do Diário Oficial sobre o afastamento determinado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em função da condenação na Chequinho.
Desta vez foram Kellinho (PR) e Ozéias (PSDB), a exemplo do que já aconteceu com Thiago Virgílio, Linda Mara e Miguelito.
Os dois terão três dias para apresentarem suas defesas, antes de seus suplentes serem convocados - Thiago Godoy e Geraldinho de Santa Cruz, ambos também já condenados na Chequinho.
Comentar
Compartilhe
Rosinha filiada ao Patriota
26/03/2018 | 10h49
Usando a tática de guerra de dividir para - tentar - conquistar, o ex-governador Garotinho pulverizou a família por vários pequenos partidos. Depois de ele, junto com o filho Wladimir, acertarem com o PRP, e a filha Clarissa com o PROS (AQUI), a ex-prefeita Rosinha filiou-se ao Patriota (PEN). Neste partido, aliás, antes mesmo de os Garotinho chegarem, já provocaram baixas: o então presidente local, Carlos Café, pediu desfiliação do partido (AQUI).
Comentar
Compartilhe
Audiência pública vai debater falta de doação de sangue em Campos
26/03/2018 | 10h18
A Câmara de Vereadores realiza, nesta terça-feira (27), a partir das 14h, audiência pública sobre falta de doação de sangue no município de Campos. A audiência foi proposta e será presidida pelo vereador José Carlos Monteiro. Além de vereadores, confirmaram presença médicos, diretores de Hospitais, Secretaria de Saúde, Polícia Militar, Corpo de Bombeiros, Polícia Rodoviária Federal, a diretora do Hemocentro do Hospital Ferreira Machado e o superintendente de Comunicação.
Presidente da Comissão de Doação de Sangue da Câmara de Vereadores, o vereador Zé Carlos destacou a importância da participação da população. "O cidadão campista é nosso convidado para debatermos juntos essa dificuldade. Sangue é vida, participe você também", convida.
Comentar
Compartilhe
Shell inicia nesta segunda embarque e desembarque para Bacia de Campos no Aeroporto Bartolomeu Lisandro
25/03/2018 | 15h33
Foto: Luis Macapá
Boas novas para Campos e região:
A petrolífera anglo-holandesa Shell inicia nesta segunda-feira (26), no Aeroporto Bartolomeu Lisandro, operações de embarque e desembarque de trabalhadores para suas atividades na Bacia de Campos, utilizando os serviços da empresa de transporte aéreo canadense CHC Helicopter. A solenidade de início das operações será às 13h30, com representantes das duas empresas e da Companhia de Desenvolvimento do Município de Campos (Codemca), que administra o aeroporto.
Segundo o diretor da Codemca no aeroporto, Anderson Gomes, para comportar as operações da Shell e CHC, a Codemca realizou uma série de melhorias e adequações no terminal, incluindo sala de briefing, galpão e cercas divisórias, dentre outras.
O presidente da Codemca, Carlos Vinícius Vieira, destaca que a CHC vai atuar gerando empregos diretos e indiretos, fortalecendo a economia com o movimento de trabalhadores offshore, além de aumentar receita a partir dos “serviços de processamento de passageiros offshore”, que são toda a assistência logística no desembarque e desembarque.
— Já recebemos por isso mesmo antes da Shell e a CHC iniciarem as operações aqui e isso colaborou para que o aeroporto se tornasse superavitário, quadro oposto ao observado no período da gestão anterior — conclui Carlos Vinícius Vieira, presidente da Codemca.
A Shell opera na região, os campos de Bijupirá e Salema, na Bacia de Campos, com 80% de participação, tendo a Petrobras como parceira. Com início da exploração em 2003, foi nestes campos que a Shell se tornou a primeira empresa internacional a produzir petróleo em escala comercial no Brasil, após a abertura do mercado nacional.
(Fonte: Supcom)
Comentar
Compartilhe
Após aliança do PEN com Garotinho, Carlos Café deixa presidência do partido em Campos
23/03/2018 | 20h50
Presidente do PEN em Campos desde 2016, quando assumiu para apoiar Caio Vianna na corrida à Prefeitura de Campos, o engenheiro e ex-vereador Carlos Faria Café deixou a presidência e apresentou sua desfiliação ao partido. 
A decisão de Café ocorreu no mesmo dia em que, no Rio, o ex-governador Anthony Garotinho assinava com o PRP e anunciava uma aliança com o PEN para a disputa ao Governo do Estado.
Por telefone, Café afirmou que não poderia ficar no partido diante desta aliança: "Trabalhei em 2016 para sabia que Campos precisava mudar e, de certa forma, ajudei nisso", afirmou.
Em rede social, Café postou um esclarecimento aos amigos:
Comentar
Compartilhe
Caixa d'Água: Interrogatório dos réus marcado para dia 18 de abril
23/03/2018 | 17h16
O interrogatório dos réus da Ação Penal originada da operação Caixa d'água está marcado para o dia 18 de abril, às 13h, no Fórum Maria Teresa Gusmão de Andrade, em Campos.
A data foi estipulada nesta sexta-feira pelo juiz Ralph Manhães, ao final da oitiva das testemunhas de defesa.
 São réus da Caixa d'água os ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho, o ex-secretário de Controle de Campos, Suledil Bernardino, o advogado e ex-subsecretário de Governo, Thiago Godoy, além do empresário Ney Flores Braga, do policial civil aposentado Antônio Carlos Ribeiro Da Silva, conhecido como Toninho - identificado como braço armado da organização, o presidente nacional do PR, Antônio Carlos Rodrigues, e seu genro, Fabiano Rosas Alonso.
Comentar
Compartilhe
Agora com Garotinho, como ficam os vereadores do PRP em Campos?
23/03/2018 | 13h59
O ex-governador Garotinho assinou, ontem, sua filiação ao PRP. E, embora não seja presidente regional do partido - cargo que continua com Eliane Cunha - Garotinho chega com o peso de sua pré-candidatura ao Governo do Estado e do filho Wladimir à Câmara Federal.
O evento de filiação foi prestigiado pelo presidente local do PRP, Vinicius Madureira, vereador afastado da Câmara de Campos por condenação em segundo grau na Chequinho.
Acontece que...
O Legislativo campista tem três vereadores do PRP: Silvinho Martins, Jorginho Virgílio e Josiane Morumbi, que assumiu no lugar de Madureira.
Silvinho e Jorginho fazem parte do G5, grupo independente, mas de apoio ao prefeito Rafael Diniz. Já Josiane é oposição.
Resta saber qual será a orientação do partido em relação ao posicionamento de seus parlamentares.
Comentar
Compartilhe
Garotinho filia-se ao PRP e lança pré-candidatura
22/03/2018 | 16h49
Uma reunião que acontece agora, na Tijuca, Rio de Janeiro, marca a entrada do ex-governador Anthony Garotinho no PRP, para onde segue depois de deixar o PR - partido do qual foi retirado da presidência regional após sua prisão, em novembro do ano passado, no âmbito da operação Caixa d'água.
Na mesma operação foi preso o presidente nacional do PR Antonio Carlos Rodrigues e seu genro Fabiano Alonso.
Também está sendo anunciada aliança com Pros para disputar aliança ao Governo do Estado, que terá Brizola Neto como vice.
Junto com Garotinho no PRP estará seu filho Wladimir, pré-candidato a deputado federal. Já Clarissa filiou-se ao Pros.
Rosinha ainda não definiu seu destino político.
No PRP, Garotinho chega com apoio, mas sem o domínio do poder, como ocorreu em outras legendas por onde passou. A presidência, pelo menos por enquanto, continua com Eliane Cunha.
Comentar
Compartilhe
Consórcio do Açu esclarece sobre vagas de emprego
22/03/2018 | 12h49
COMUNICADO CONSÓRCIO DO AÇU
 
 
Com o objetivo de esclarecer informações sobre a contratação para as obras da termelétrica GNA I, no Porto do Açu, o Consórcio do Açu, liderado pela Andrade Gutierrez Engenharia, informa que:
 
 
- Hoje o projeto conta com cerca de 70 funcionários contratados e está em fase de preparação para terraplanagem do terreno. A previsão é que, em dezembro de 2018, aproximadamente 460 pessoas estejam trabalhando na obra.
 
 
- Os empregos gerados neste ano serão para a fase de construção civil da termelétrica, como ajudantes, armadores, operadores e pedreiros, entre outros.
 
- É importante ressaltar que o projeto será concluído até o final de 2020, com previsão de geração de 2 mil empregos no pico da obra.
 
- O Consórcio do Açu está compromissado com o desenvolvimento socioeconômico da região e priorizará, durante toda a realização do empreendimento, a contratação de mão de obra local, sempre que esta puder suprir as necessidades do projeto.
 
- Cabe informar ainda que o Consórcio do Açu recebe currículos pelo email [email protected], além da Rede de Empregabilidade do Porto do Açu (www.vagas.com.br/rede-de-empregabilidade).
 
 
Assessoria de Imprensa
 
Consórcio do Açu
Comentar
Compartilhe
Audiência pública sobre Mulher Contemporânea hoje na Câmara
22/03/2018 | 12h19
A Câmara de Campos dos Goytacazes através das VEREADORAS JOSIANE MORUMBI e JOILZA RANGEL, realiza hoje a “AUDIÊNCIA PÚBLICA DA MULHER CONTEMPORÂNEA”. 
 
PROGRAMAÇÃO:
17hs – ABERTURA
PALESTRA: “A IMPORTÂNCIA DA MULHER NA POLÍTICA” - ELIANE CUNHA
PALESTRA: “QUESTÕES SOCIAIS DA MULHER” - MANUELLI BATISTA RAMOS
PALESTRA: “DIREITOS DA MULHER” – DRª MARTA OLIVEIRA
PALESTRA: “MULHER NO MERCADO DE TRABALHO” - FERNANDA GOMES DA SILVA
PALESTRA: “DESAFIOS DA MULHER NO SÉC XXI PARA MANTER SUA SAÚDE” - DRª LEILA WERNECK BARRETO
Comentar
Compartilhe
Câmara notificada para afastar Ozéias e Kellinho
21/03/2018 | 19h20
O presidente da Câmara de Campos, vereador Marcão Gomes (Rede) recebeu a notificação do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) para afastar os vereadores Ozéias (PSDB) e Kellinho (PR).
Ambos já esgotaram seus recursos na Corte do Rio contra a condenação no caso Chequinho.
Cumprindo o rito seguido nos afastamentos anteriores, Marcão vai enviar expediente para a Procuradoria do Legislativo, que irá preparar ato para notificar Ozéias e Kellinho. A partir daí, os dois terão três dias para apresentarem suas contrarrazões.
Além de Ozéias e Kellinho, já deixaram a Câmara por condenação na Chequinho, Thiago Virgílio (PTC), Linda Mara (PTC), Miguelito (PSL), Jorge Rangel (PTB), Jorge Magal (PSD, cujo recurso já foi negado no TSE) e Vinicius Madureira (PRP).
Já teve recurso julgado e negado pelo TRE Roberto Pinto (PTC). Ainda não foi julgado Thiago Ferrugem (PR).
Comentar
Compartilhe
Gilmar Mendes e Barroso batem boca no STF
21/03/2018 | 18h10
A sessão desta quarta-feira no Supremo Tribunal Federal (STF) teve bate-boca entre os ministros Gilmar Mendes e Luís Roberto Barroso. A sessão chegou a ser interrompida pela ministra Carmen Lúcia. Confira mais no G1.
Comentar
Compartilhe
Adiado para abril julgamento da "venda do futuro"
21/03/2018 | 16h51
Foi adiado para 11 de abril o julgamento do recurso da Caixa Econômica Federal contra a decisão que garante que o Município de Campos utilize apenas 10% do repasse dos royalties e participações especiais para pagar os dois empréstimos no valor de R$ 762 milhões contraídos pela então prefeita Rosinha Garotinho nos anos de 2015 e 2016 - a chamada “Venda do Futuro”.
O mérito seria julgado na tarde desta quarta-feira (21) no Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF2). Mas o relator, desembargador Marcelo Pereira de Silva, pediu o adiamento tendo em vista que ainda está pendente a apreciação de um recurso da Câmara Municipal de Campos, que pretende ingressar no processo na condição de assistente do Município.
No dia 11 de abril, primeiro será julgado o recurso da Câmara, para logo depois, na mesma sessão, os desembargadores do TRF2 julgarem os recursos interpostos pela Caixa e pela Prefeitura de Campos.
(Fonte: Supcom)
Comentar
Compartilhe
Juventude negra em discussão hoje na OAB
21/03/2018 | 16h11
A Superintendência da Igualdade Racial e a Comissão de Igualdade Racial da OAB-RJ de Campos dos Goytacazes, na busca de estreitar cada vez mais o diálogo com a sociedade civil e consolidar parcerias para construção de ações e políticas públicas para a população jovem e negra do município no município de Campos dos Goytacazes, convidam todos a participar do ENCONTRO PARA DISCUSSÃO SOBRE JUVENTUDE NEGRA. Contamos com a presença de todos para esta ação de promoção da justiça social e do combate ao racismo.
Data: 21/03/2018
Horário de Credenciamento: 16h às 17h
Horário de Abertura: 17h
Local: Casa do Advogado - Auditório Dr. Hécio Bruno – Rua Barão da Lagoa Dourada, 201 – Centro – Campos dos Goytacazes - RJ
Comentar
Compartilhe
Marcão cria abaixo-assinado em defesa do Repetro
21/03/2018 | 10h21
O presidente da Câmara, Marcão Gomes (Rede), convocou, na sessão dessa terça-feira, os vereadores a assinaram um documento onde o Legislativo campista firma posição contra a limitação do Repetro. O abaixo-assinado será levado por ele à reunião da Ompetro, sexta-feira, em Rio das Ostras, onde Marcão estará representando o presidente do órgão, o prefeito Rafael Diniz.
O documento também será encaminhado à Assembleia Legislativa, que votará limite ao Repetro é um regime aduaneiro especial para o setor de petróleo e gás natural, garantindo isenção ou redução tributária em várias fases da produção. “A economia já fragilizada do estado do Rio de Janeiro está em risco e os municípios produtores de petróleo, como Campos, estão em iminência de sofrer graves prejuízos caso o alcance do Repetro seja restrito em território fluminense”, explicou.
Marcão Gomes ainda ressaltou que, caso seja aprovado na Alerj o Projeto de Lei 3660/2017, que limita a Repetro, cerca de 100 mil empregos serão extintos. “O estado do Rio de Janeiro perderá competitividade e o setor poderá migrar para outros Estados, como São Paulo e Espírito Santo. É imperativo reunirmos esforços diante da grave ameaça a milhares de famílias que poderão ficar sem renda, agravando ainda mais o índice de desemprego no estado”, pontuou.
A vereadora Josiane Morumbi (PRP), que já esteve no Rio em defesa do Repetro, destacou que a restrição do benefício aduaneiro é uma ameaça a economia. “Hoje nosso estado começa a ter um respiro e a gente começa a ver a economia tendo uma reação, ainda que de forma tímida. Se esse projeto for aprovado, essas empresas que investem e acreditam em nosso estado irão migrar para outros”, afirmou. “É muito importante essa força que vai sair aqui do Legislativo”, finalizou.
(Com informações da Ascom)
Comentar
Compartilhe
CPI das Rosas sugere investigação de Rosinha por crimes como formação de quadrilha e improbidade
20/03/2018 | 19h27
Depois da CPI da Odebrecht, a Comissão Parlamentar de Inquérito das Rosas, que investigou contrato da empresa Emec com a Prefeitura de Campos, na gestão de Rosinha Garotinho, também teve seus trabalhos concluídos.
O relator da CPI, vereador Cláudio Andrade (PSDC), levou parte do relatório na sessão desta terça-feira. Nas mais de sete mil folhas está sugerida a investigação da ex-prefeita Rosinha por crimes como formação de quadrilha, licitação e improbidade administrativa.
Também há a sugestão de investigação dos ex-secretários Suledil Bernardino, Zacarias Albuquerque, Edilson Peixoto, Cesar Romero, Jorge Willian Pereira Cabral.
O presidente da Câmara, Marcão Gomes, explicou que o relatório será encaminhado às autoridades para investigações que acharem necessárias.
A CPI das Rosas investigou contrato da Prefeitura de Campos durante a gestão da prefeita Rosinha,entre 2011 e 2016, com a Emec Obras e Serviços Ltda, no valor total de R$ 76.150.706,73, para manutenção civil e paisagística de canteiros, parques, praças, jardins e afins.
Atualização:
A CPI das Rosas é composta pelos vereadores Fred Machado (PPS), Cláudio Andrade (PSDC), Neném (PTB), Marcelo Perfil (PHS) e Silvinho (PRP).
A primeira fase da CPI, contou com a análise de mais de 7 mil páginas, além das diligências e as oitivas de testemunhas. Dez pessoas foram ouvidas presencialmente e três não compareceram, entre elas, a ex-prefeita de Campos, Rosinha Garotinho.
O vereador Cláudio Andrade lembra que a CPI, ao contrário do que muitos pensam não condena.
“A CPI colhe informações sobre seu objeto para, no final, encaminhar ao MP ou aos órgãos judiciais para que esses tenham dados concretos para oferecer denúncia ou instaurar processo de responsabilidade civil”, diz Andrade.
Os investigados poderão responder pelos seguintes crimes:
ROSINHA:
• Concurso de Pessoas
• Crime contra o procedimento licitatório
• Formação de quadrilha
• Dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei
• Fraudar, mediante ajuste, ao caráter competitivo do procedimento licitatório
• Dar causa à prorrogação contratual, durante execução dos contratos, celebrados com o Poder Públicosem autorização em lei
• Improbidade administrativa
SULEDIL BERNARDINO
• Improbidade administrativa, sem prejuízo das demais sanções por ter exercido a função de Secretário de Controle e Transparência. Tinha o dever de evitar que as irregularidades acontecessem
ZACARIAS ALBUQUERQUE OLIVEIRA
• Concurso de Pessoas
• Crime contra o procedimento licitatório
• Formação de quadrilha
• Dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei
• Fraudar, mediante ajuste, ao caráter competitivo do procedimento licitatório
• Dar causa à prorrogação contratual, durante execução dos contratos, celebrados com o Poder Públicosem autorização em lei
• Improbidade administrativa
EDILSON PEIXOTO
• Concurso de Pessoas
• Crime contra o procedimento licitatório
• Formação de quadrilha
• Dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei
• Fraudar, mediante ajuste, ao caráter competitivo do procedimento licitatório
• Dar causa à prorrogação contratual, durante execução dos contratos, celebrados com o Poder Públicosem autorização em lei
• Improbidade administrativa
CÉSAR ROMERO
• Concurso de Pessoas
• Crime contra o procedimento licitatório
• Formação de quadrilha
• Dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei
• Fraudar, mediante ajuste, ao caráter competitivo do procedimento licitatório
• Dar causa à prorrogação contratual, durante execução dos contratos, celebrados com o Poder Públicosem autorização em lei
• Improbidade administrativa
JORGE WILLIAN PEREIRA CABRAL
• Concurso de Pessoas
• Crime contra o procedimento licitatório
• Formação de quadrilha
• Dispensar ou inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei
• Fraudar, mediante ajuste, ao caráter competitivo do procedimento licitatório
• Dar causa à prorrogação contratual, durante execução dos contratos, celebrados com o Poder Públicosem autorização em lei
• Improbidade administrativa
FÁBIO SAAD JUNGEN
• Crime contra o procedimento licitatório
• Improbidade Administrativa
Comentar
Compartilhe
Denúncia de assédio moral e sexual na Uenf
20/03/2018 | 10h35
As paredes de todos os prédios da Uenf iniciaram a semana repletas de cartazes, assinados pelo Coletivo de Mulheres Uenfianas, denunciando supostos abusos cometidos nas dependências da Universidade.
O pior é que não trata-se de uma exclusividade da Uenf. Recentemente, uma aluna de faculdade particular denunciou professor que fazia comentários sexistas, falando que mulher era menos inteligente.
Difícil entender uma coisa dessas em universidades que estão formando novos profissionais e que têm em seus quadros professores dos mais graduados.
O espaço está aberto à manifestação na Uenf.
Comentar
Compartilhe
Palestra sobre memória e comportamento do idoso
20/03/2018 | 09h42
Idosos, familiares e cuidadores estão convidados para o Alertamente, palestra que acontece hoje, a partir das 18h, no Edifício Lumina, e que vai tratar de memória, humor e comportamento.
Comentar
Compartilhe
Comandante do 8 BPM recebe Medalha Tiradentes na próxima sexta-feira
20/03/2018 | 09h13
O comandante do 8 BPM, tenente-coronel Fabiano Souza, será homenageado pelo deputado João Peixoto com a maior honraria do Estado: a Medalha Tiradentes. A solenidade acontece nesta sexta-feira. Confira o convite abaixo:
Convidamos você e sua família para a solenidade em homenagem ao Coronel do 8°BPM Fabiano, onde estará recebendo através do deputado estadual João Peixoto, a maior honraria do estado do Rio de Janeiro, a Medalha Tiradentes, pelos relevantes serviços prestados à sociedade do estado, sobretudo as regiões Norte e Noroeste Fluminense.
 
A comenda será entregue nesta Sexta-Feira (23/03), na Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, a solenidade terá início as 19h.
 
 
Comentar
Compartilhe
Desembargador pede vistas e julgamento de Thiago Ferrugem no TRE é interrompido
19/03/2018 | 17h59
O julgamento do recurso do vereador Thiago Ferrugem (PR) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) foi interrompido após pedido de vistas do desembargador Nagib Slaibi.
A Desembargadora Relatora Cristiane Frota deu parcial provimento ao recurso, no sentido apenas de manter os votos para o partido, confirmando a condenação de Ferrugem de primeira instância.
Acompanharam a relatora o desembargador Antônio Abi Ramia e a desembargadora Fernanda Xavier.
Dois desembargadores vão aguardar a vista para proferirem seus votos, o que deve acontecer em 10 dias.
Comentar
Compartilhe
PHS terá Enock Amaral e Auxiliadora na disputa de 2018
19/03/2018 | 10h35
O PHS definiu, nesse domingo, que terá pela primeira, em Campos, candidatos a deputado federal (o vereador Enock Amaral) e estadual (a ex-vereadora Auxiliadora). A informação é do presidente local do partido, Wainer Teixeira:
Hoje foi um dia muito importante é histórico para o PHS Campos. Após a visita do novo presidente estadual do PHS, Dr. João, pela primeira vez em Campos o PHS lançará candidatos a Deputado Federal e Estadual. Ficou concretizado hoje que teremos Enock Amaral e Prof. Auxiliadora concorrendo respectivamente a Deputado Federal e Deputada Estadual.
Comentar
Compartilhe
Bacellar: "Enfrento um processo a mando de Garotinho"
17/03/2018 | 21h55
O vereador Marcos Bacellar falou, na noite deste sábado, a respeito da decisão do juiz Elias Pedro Sader Neto, que responde temporariamente pela 76 Zona Eleitoral e cassou o registro do parlamentar na última semana. Confira abaixo a nota do vereador:
Como todos sabem, enfrento um processo eleitoral sobre o meu registro de candidatura desde as vésperas da eleição movido a mando de Garotinho.
Ocorre que quando consegui a cautelar no TSE para tomar posse foi decidido também pela msm Corte que o processo fosse iniciado novamente em Campos pois fui atropelado no meu direito de defesa.
Logo, o meu registro acaba de ser analisado pelo Juízo de piso que entendeu por indeferi-lo.
Ressalto apenas a forma odiosa da sentença no tratamento dispensado a mim por um Magistrado que acaba de assumir temporariamente a 76° Zona Eleitoral até o dia 31 de Março, porém a respeito e acato, pois sei bem o quanto trabalhei a frente do Legislativo quando tive a honra de presidi-lo e tenho plena convicção que meus pares a época testemunham nesse sentido, então não será uma frase descabida da sentença ou um convênio formulado e julgado de maneira equivocada que irá jogar por terra tudo aquilo que trabalhei e me propus naquela casa de Leis e a prova maior disso foi que o povo democraticamente me reconduziu para o mais um mandato.
Vamos recorrer no cargo a princípio e vamos até a última instância no TSE para provar mais esse equívoco.
Concluo reiterando que nunca precisei de cargo para servir e ajudar o próximo e assim continuarei fazendo no eterno Sindicato dos Eletricitários sendo Vereador ou não.
Muito obrigado a todos pelo apoio que tenho recebido.
Sempre Sinônimo de luta!!!
Comentar
Compartilhe
Câmara convoca Cabo Alonsimar para lugar de Linda Mara
17/03/2018 | 12h12
Mais um suplente é convocado pela Câmara de Campos para ocupar a cadeira de um vereador afastado pela Justiça pela condenação na Chequinho.
Desta vez é o Cabo Alonsimar (PTC), que assume o lugar de Linda Mara Silva, mesmo partido. Ela teve a condenação na Chequinho confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que também rejeitou seus Embargos Declaratórios. Linda Mara pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas fora do cargo.
Alonsimar recebeu 1.840 votos na eleição de 2016 e chegou a ficar na Câmara entre janeiro e junho de 2017 porque Linda Mara e outros cinco vereadores - Thiago Virgílio, Ozéias, Miguelito, Kellinho e Jorge Rangel - foram impedidos de serem diplomados em outubro de 2016 por decisão da Justiça.
1.840
Comentar
Compartilhe
Bacellar tem registro cassado e diploma anulado
16/03/2018 | 19h09
O juiz Elias Pedro Sader Neto julgou procedente impugnação proposta pelo Ministério Público Eleitoral ao pedido de registro de candidatura do vereador Marcos Bacellar. Como consequência, seu registro foi cancelados e seus votos declarados nulos, assim como seu diploma.
Bacellar pode recorrer ao Tribunal Regional Eleitoral (TRE). O recurso tem efeito suspensivo. Ele também poderá recorrer ao Superior Eleitoral (TSE).
O ex-presidente da Câmara de Campos recebeu 2.685 votos na eleição de 2016, porém os votos não haviam sido computados porque Bacellar teve o registro indeferido no TRE, após uma ação movida pelo ex-subsecretário de Governo e suplente de vereador, Thiago Godoy (PR).
Em novembro de 2016, decisão da então ministra Luciana Lóssio, do Tribunal Superior Eleitoral, validou os votos recebidos por ele. Porém, a decisão de Lóssio foi contestada por Godoy e o recurso foi a plenário. A decisão do TSE, de fevereiro de 2017, foi pelo retorno da ação a Campos, porém dois meses depois isso ainda não tinha acontecido.
A então ministra Luciana Lóssio deferiu liminar dentro do recurso do ex-subsecretário de Governo, Thiago Godoy, determinando a posse imediata.
Em abril do ano passado, Bacellar foi diplomado e empossado. 
Neste meio tempo, o processo voltou para Campos. Na decisão, o juiz Elias Sader levou em consideração processo TCE-RJ, que trata sobre contrato firmado em 21/02/2007, no valor de R$ 558.000,00: "sem licitação, mais uma vez travestido de 'parceria', para escapar da licitação, com a OSCIP denominada INVISA (Instituto Vida e Saúde), objetivando implantar, desenvolver e manter o 'projeto CâmaraNet', no valor de R$ 558.000,00".
ATUALIZAÇÃO PARA CORREÇÃO DO NOME DO JUIZ.
Comentar
Compartilhe
Empresário confirma à Justiça 10% para campanhas de Garotinho
16/03/2018 | 18h09
Um empresário ouvido ontem na audiência das testemunhas de acusação do caso Caixa d’água afirmou que 10% do que era faturado nas obras realizadas na gestão Rosinha tinham que ser devolvidos. Ainda, segundo ele, as informações eram que os 10% seriam para as campanhas políticas de Anthony Garotinho.
O empresário relatou como ocorria, segundo ele, a divisão de obras na Prefeitura de Campos. Haveria um direcionamento das obras, às vezes por parte do governo, outras através de sorteio.
Questionado pelo Ministério Público sobre como ocorreu a contratação da empresa para a construção da quadra poliesportiva do Colégio Maria Lúcia, ele contou que tinha obras que vinham com indicação direta da Prefeitura para as empresas e outras sorteadas. Todas as empresas que eram filiadas ao sindicato participavam dos sorteios para que houvesse um rodízio das empresas.
Ainda segundo o empresário, dois ou três dias depois de faturadas, os telefonemas cobrando começavam e quem apanhava o dinheiro era Toninho (policial aposentado, apontado pelo Ministério Público Eleitoral e pela Polícia Federal como braço armado do grupo liderado por Garotinho).
O espaço está aberto para a manifestação dos citados.
Confira o vídeo abaixo:
Comentar
Compartilhe
Chequinho: Ferrugem na pauta de segunda-feira no TRE
16/03/2018 | 13h41
Único dos vereadores eleitos ainda não julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) no caso Chequinho, Thiago Ferrugem (PR) está na pauta do órgão na próxima segunda-feira, dia 19.
Ferrugem recebeu 3,959 votos na eleição de 2016, mas em 19 de janeiro de 2017 foi condenado em primeira instância no caso do "escandaloso esquema" do uso político do Cheque Cidadão.
Confira a situação dos demais vereadores condenados na Chequinho:
Jorge Magal (PSD) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorreu ao TSE e perdeu. 
Vinicius Madureira (PRP) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorre ao TSE.
Miguelito (PSL), Thiago Virgílio (PTC) e Linda Mara (PTC) - condenados em primeira instância, perderam no TRE e já tiveram Embargos de Declaração rejeitados pelo TRE. Miguelito já deixou o cargo. Thiago e Linda Mara já foram notificados através de Diário Oficial.
Ozéias (PSDB) e Kellinho (PR) — condenados em primeira instância, perderam no TRE.
Comentar
Compartilhe
Prazos para pagamento do IPTU 2018: Pagamento começa hoje. Confira
16/03/2018 | 09h07
A Prefeitura de Campos estabeleceu os prazos para pagamento do IPTU 2018, como mostra o Diário Oficial de hoje:
Cota única, com desconto correspondente a 15% (quinze por cento), a partir do dia 16.03.2018 até 10.04.2018. 
Cota única, com desconto correspondente a 10% (dez por cento), a partir do dia 13.04.2018 até 10.05.2018
08 (oito) cotas mensais, iguais e consecutivas, desde que o valor da parcela não seja inferior a R$ 31,48 (trinta e um reais e quarenta e oito centavos), sem qualquer desconto, cujo vencimento ocorrerá nas seguintes datas:
I - 1ª parcela: 10.05.2018;
II - 2ª parcela: 10.06.2018;
III - 3ª parcela: 10.07.2018;
IV - 4ª parcela: 10.08.2018;
V - 5ª parcela: 10.09.2018;
VI - 6ª parcela: 10.10.2018;
VII - 7ª parcela: 10.11.2018;
VIII - 8ª parcela: 10.12.2018;
* O documento de arrecadação fiscal poderá ser obtido no endereço eletrônico do Município de Campos dos Goytacazes na internet e no guichê da Secretaria Municipal de Fazenda, na Rua Treze de Maio, 129,
Centro, Campos dos Goytacazes.
Comentar
Compartilhe
Wladimir diz que irá à Justiça Eleitoral contra material atribuído a sua possível campanha
15/03/2018 | 23h18
Filho do casal Garotinho e pré-candidato a deputado federal, Wladimir Garotinho disse ter sido surpreendido, nesta quinta-feira (15), com a distribuição em ruas do Centro de Campos de um material alusivo a sua possível campanha eleitoral. Wladimir nega a produção do material:
"Eu não fiz e nem autorizei que fizessem, isso claramente é uma tentativa de me jogar contra a Justiça Eleitoral. Estarei dando ciência a Justiça Eleitoral e pedindo que tome as providências para punir o responsável"
Comentar
Compartilhe
Câmara convoca Carlinhos Canaã para lugar de Thiago Virgílio
15/03/2018 | 09h19
Divulgação
Divulgação
O Diário Oficial desta quinta-feira (15) traz o Ato Executivo 0010/2018, que convoca o suplente Carlinhos Canaã (PTC) para o lugar do vereador Thiago Virgílio (PTC). Condenado em segunda instância na Chequinho, Thiago Virgílio pode recorrer ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas fora do cargo.
Acontece que...
Carlinhos Canaã, que recebeu 2.057 votos em outubro de 2016 e chegou a ocupar uma cadeira na Câmara de Campos até junho do ano passado, quando Virgílio foi empossado, também é condenado na Chequinho, com recurso rejeitado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) em 27 de fevereiro. Seu processo está em fase de Embargos de Declaração e, caso sejam também negados, ele - se já tiver assumido - terá que deixar a Câmara.
Comentar
Compartilhe
Justiça para Marielle Franco
15/03/2018 | 08h57
Marielle, em evento ontem na Lapa, Rio, pouco antes de ser morta
Marielle, em evento ontem na Lapa, Rio, pouco antes de ser morta
Antes de qualquer coisa, justiça para Marielle Franco. É preciso descobrir quem matou a vereadora do PSOL porque já está mais que evidente que ela não foi vítima da violência que assola e assombra o Rio. Sua morte foi encomendada.
E antes que venham dizer que todo dia morre gente, Marielle simbolizava a luta de uma grande parte da sociedade e que é excluída e vítima, todos os dias, dos mais variados tipos de violência. Também simbolizava o que, com persistência se é capaz de chegar.
Mulher-negra-favelada
Socióloga- mestre em Administração-liderança respeitada.
Comentar
Compartilhe
Gil Vianna perde mandato por infidelidade partidária
14/03/2018 | 18h41
Gil Vianna - divulgação
Gil Vianna - divulgação
O deputado estadual Gil Vianna (PSB) acaba de ter seu mandato cassado pelo plenário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). A presidência da Assembleia Legislativa será comunicada nas próximas horas.
Gil assumiu uma cadeira na Alerj em fevereiro de 2017 no lugar de Jair Bittencourt (PP), que assumiu a secretaria de Agricultura do Estado.
Na coligação PR/Pros para disputa por cadeiras na Alerj em 2014, Gil, então vereador, ficou com a segunda suplência, ao obter 22.334 votos. Com a vitória de Rogério Lisboa (PR) para a Prefeitura de Nova Iguaçu, o até então primeiro suplente Marco Figueiredo (Pros) herdou a cadeira. Agora, com a saída de Bittencourt, a vaga ficou para o ex-vereador campista. 
Porém, o suplente Pastor Éber (PR)reivindicou a cadeira, alegando infidelidade partidária. Gil deixou o PR porque, segundo ele, teve problemas com o partido. No entanto, Jair Bittencourt voltará à Alerj, evitando a posse do Pastor Eber.
Por telefone, Gil Vianna informou que está tranquilo: "Sou suplente. Jair Bittencourt já iria voltar daqui a 15 dias porque vai disputar a reeleição. Estou tranquilo porque trabalhei durante um ano e dois meses. Volto para Campos e vou trabalhar na minha pré-candidatura", afirmou.
Atualização nas informações.
Comentar
Compartilhe
Julgamento de Rosinha no TRE adiado
14/03/2018 | 17h51
O TRE adiou o julgamento da ex-prefeita de Campos, Rosinha Garotinho, no “escandaloso esquema” da troca de Cheque Cidadão por votos. Além dela, também são réus na Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) principal o ex-vice-prefeito Dr. Chicão Oliveira (PR) e candidato a prefeito em 2016 com apoio do casal Garotinho, o ex-vereador e candidato a vice na chapa de Chicão, Mauro Silva (PSDB), a ex-secretária de Desenvolvimento Humano e Social Ana Alice Alvarenga, e a ex-coordenadora do Cheque Cidadão Gisele Koch.
No julgamento desta quarta-feira (14), o presidente está de férias, o vice-presidente ausente justificadamente. A desembargadora Cristina Feijó ausente e substituída. Sem os titulares presentes ao plenário, a relatora sugeriu o adiamento. Além disso, houve a substituição de advogados: Carlos Azeredo, que já atua nas ações penais, assumiu, também, a Aije.
Em primeira instância, eles foram condenados a oito anos de inelegibilidade, a contar de 2016, além de multa.
A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) que tem Rosinha e os demais como réus foi proposta pelo Ministério Público Eleitoral em setembro de 2016. De acordo com investigações do MP e da Polícia Federal, o número de beneficiários saltou de 12,5 mil para 30,5 mil no período investigado.
Comentar
Compartilhe
Alunos do Thiers Cardoso vão estudar no Ciep da Lapa a partir de amanhã
14/03/2018 | 14h54
A Folha da Manhã traz, na edição de hoje, matéria falando sobre a indefinição a respeito de onde vão estudar os alunos do Colégio Estadual Dr. Thiers Cardoso, que passará por uma reforma no telhado que está com infiltrações.
De acordo com o deputado estadual Geraldo Pudim, em reunião na manhã desta quarta-feira (14) na Secretaria de Educação do Estado, o secretário Wagner Victer afirmou que os alunos irão a partir de amanhã (15), iniciar suas atividades no Ciep Nilo Peçanha, o Ciep da Lapa.
"As equipes pedagógicas fizeram os devidos estudos e levantamentos e a instituição tem as condições de abrigar, com salas já reservadas, os 1080 alunos oriundos da Escola Thiers Cardoso, que já recebeu profissionais da engenharia que faz o levantamento e orçamento, destacando mais uma vez que a própria Secretaria de Educação utilizará de verba própria para arcar com os custos da reforma.
Estou assim dando uma nova resposta aos alunos, pais, professores e todos os envolvidos no caso que me foi apresentado no último final de semana. Espero, sinceramente, que cumprindo desta forma meu papel, encontremos as soluções para os anseios de todos, destacando o contato que recebi da vereadora Joilza Rangel e agradeço ao secretário Wagner Victer que está atendendo prontamente as solicitações. A Regional de Educação está acompanhando todo os procedimentos.
Os problemas estruturais das escolas, não só do Thiers Cardoso, mas de todo o estado foram levantadas e o estado está na busca de recursos para dentro de sua realidade orçamentária ir cumprindo as diversas deficiências. Me foi comunicado, que além dos valores encaminhados para as unidades educacionais, todas as do estado estarão recebendo o valor de R$ 15 mil para que possam sanar problemas estruturais dentro dessa realidade, novos valores ao longo do ano, além dos casos mais graves como o ocorrido no Thiers Cardoso, serão enviados às escolas", disse Pudim.
Comentar
Compartilhe
Aije (e futuro político) de Rosinha na pauta de hoje do TRE
14/03/2018 | 09h49
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) julga hoje o recurso da principal Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) do “escandaloso esquema” da troca de Cheque Cidadão por votos. Nesta Aije foram condenados em primeira instância a ex-prefeita Rosinha Garotinho, seu ex-vice Chicão Oliveira (PR) e candidato a prefeito em 2016 com seu apoio, o ex-vereador e candidato a vice na chapa de Chicão, Mauro Silva (PSDB), a ex-secretária de Desenvolvimento Humano e Social Ana Alice Alvarenga, e a ex-coordenadora do Cheque Cidadão Gisele Koch. A condenação em primeira instância foi a oito anos de inelegibilidade, a contar de 2016, além de multa. (Leia mais no Arnaldo Neto)
Todas as demais Aijes já julgadas - além da principal são mais 37 - tiveram condenação confirmada, inclusive de vereadores eleitos. Já deixaram a Câmara: Jorge Magal (PSD) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorreu ao TSE e perdeu. Ainda tem um recurso no TSE. Vinicius Madureira (PRP) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorre ao TSE. Jorge Rangel (PTB), cujo recurso subiu para o TSE. Miguelito (PSL), Thiago Virgílio (PTC) e Linda Mara (PTC).
Rosinha sempre foi uma "carta debaixo da manga" do grupo político de seu marido, que também deve ser julgado em breve pelo TRE na Chequinho, mas por sua condenação na Ação Penal. Caso o TRE mantenha a condenação de Rosinha e dos demais, será bem difícil uma candidatura este ano. A não ser que o TSE e até o STF deem uma decisão em contrário. Tem sido este o entendimento dos Tribunais Regionais por todo País.
Agora, é aguardar para ver.
Comentar
Compartilhe
Chequinho: Recurso de Jorge Rangel sobe ao TSE
13/03/2018 | 10h02
O recurso de Jorge Rangel (PTB) contra a condenação no caso Chequinho subiu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
Eleito com 4.855 votos pela coligação PR/PTB/PSD, Rangel não foi diplomado em dezembro de 2016 por determinação da Justiça Eleitoral. Além dele também não foram diplomados Linda Mara (PTC), Kellinho (PR), Miguelito (PSL), Ozéias (PSDB) e Thiago Virgílio (PP), que chegaram a ser presos na Operação Chequinho.
O grupo recebeu os diplomas e tomou posse em meados do ano passado, após decisão do TSE e liminar do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).
Porém, em outubro Rangel teve a condenação de primeira instância confirmada pelo TRE por abuso de poder político e econômico cometido com o uso eleitoral do programa municipal Cheque Cidadão, o que determinou seu afastamento do cargo. O recurso ao TSE não tem efeito suspensivo.
Confira a situação dos demais vereadores condenados na Chequinho:
Jorge Magal (PSD) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorreu ao TSE e perdeu. Ainda tem um recurso no TSE.
Vinicius Madureira (PRP) - condenado em primeira instância, perdeu no TRE e teve que sair do cargo, recorre ao TSE.
Miguelito (PSL), Thiago Virgílio (PTC) e Linda Mara (PTC) - condenados em primeira instância, perderam no TRE e já tiveram Embargos de Declaração rejeitados pelo TRE. Miguelito já deixou o cargo. Thiago e Linda Mara já foram notificados através de Diário Oficial.
Ozéias (PSDB) e Kellinho (PR) — condenados em primeira instância, perderam no TRE e aguardam julgamento dos Embargos de Declaração no TRE.
Falta, ainda, ser marcado o julgamento de Thiago Ferrugem (PR).
Obs.: Com saída de Thiago Virgílio e Linda Mara serão convocados Carlinhos Canaã - também condenado na Chequinho - e Cabo Alonsimar.
Comentar
Compartilhe
Ex-secretário de Cabral e diretor do Core presos em nova fase da Lava Jato
13/03/2018 | 09h47
O delegado Marcelo Martins, atual diretor-geral de Polícia Especializada, e o ex-secretário de Administração Penitenciária da gestão Sérgio Cabral, coronel César Rubens Monteiro de Carvalho, foram presos em mais um desdobramento da Operação Lava Jato no Rio na manhã desta terça (13).
 
A operação "Pão Nosso" é realizada para cumprir 14 mandados de prisão, sendo 9 temporárias e 5 preventivas. Segundo as investigações, os suspeitos teriam desviado cerca de R$ 73 milhões dos cofres públicos com um esquema de superfaturamento e fraude no fornecimento de pão para os presos das cadeias estaduais.
 
Além de Martins e do ex-secretário, mais uma pessoa tinha sido presa até as 9h, porém o nome ainda não foi divulgado. O empresário Felipe Paivas também é um dos alvos de mandado de prisão e, segundo os investigadores, está em Portugal.
 
É o quinto secretário do governo Cabral preso em operação da Polícia Federal. Em novembro de 2016, a Calicute prendeu, além do ex-governador, o ex-secretário de governo Wilson Carlos e o ex-secretário de obras Hudson Braga. Na operação Fatura Exposta, em abril de 2017, foi preso o ex-secretário de Saúde Sérgio Côrtes. Em novembro, o ex-chefe da Casa Civil de Cabral Régis Fichtner foi preso na operação C'est Fini.
(Do G1)
Comentar
Compartilhe
No Diário Oficial, Câmara convoca Álvaro Oliveira para entrar e notifica Linda Mara para sair
12/03/2018 | 08h25
A edição desta segunda-feira (12) do Diário Oficial traz o Ato Executivo 0009/2018, que convoca o suplente de vereador Álvaro Oliveira (SD) para assumir a vaga de Miguelito (PSL).
Miguelito perdeu a vaga por determinação da Justiça Eleitoral, mas não compareceu à Câmara, sendo notificado também no Diário Oficial. Confira AQUI e no blog de Arnaldo Neto.
Também no Diário Oficial está a notificação para que a vereadora Linda Mara Silva (PTC) deixe o cargo, também em função da condenação pelo TRE no caso Chequinho.
Comentar
Compartilhe
Morre pai da vereadora Joilza Rangel
11/03/2018 | 18h40
Comunicamos o falecimento do Senhor José Pereira Rangel, pai da Vereadora Joilza Rangel. O velório acontecerá na Capela da Santa Casa (Caju) hoje (11) a partir das 19:30h. O sepultamento ocorrerá amanhã às 16h no Cemitério de Travessão.
Atualização: O sepultamento ocorrerá às 11h.
(Fonte: Assessoria)
Comentar
Compartilhe
Governo do Estado nega fechamento do Thieres Cardoso
10/03/2018 | 22h43
O secretário estadual de Educação Wagner Victer negou, em vídeo enviado ao deputado Geraldo Pudim, que a Escola Estadual Dr. Thieres Cardoso irá fechar. Victer foi contactado por Pudim, após contato com o governador Pezão, e informou que uma equipe da Emop estará na escola esta semana para avaliar a situação e iniciar a contratação da empresa para a realização das obras. Pudim, por sua vez, foi procurado pela vereadora Joilza Rangel, preocupada com o possível fechamento que atingiria funcionários, professores e os cerca de 1.200 alunos.
O fechamento da escola iria ocorrer por falta de estrutura ocasionada pelas fortes chuvas dos últimos dias, que deixaram a escola completamente alagada e com infiltrações. A notícia do fechamento seria passada aos pais e responsáveis na próxima segunda-feira (12), como mostra a matéria da repórter Jane Ribeiro, na Folha 1.
 Confira abaixo o vídeo do secretário Wagner Victer.
Comentar
Compartilhe
Via Esporte solidário às famílias de Morro do Coco neste domingo
10/03/2018 | 14h26
A Fundação Municipal de Esportes está solicitando a população que frequenta a Via Esporte da Arthur Bernardes, que neste domingo(11) ajuda as famílias atingidas pelas chuvas na localidade de Morro do Coco, fazendo doações de roupas, material limpeza, higiene pessoal ou alimentos. A FME está com recendo as doações no Trio Elétrico. Viva o Esporte, via sua cidade. A Via Esporte funciona de 7"30 às 13h30, na Avenida Arthur Bernardes, no trecho entre a BR -101 e a Avenida José Alves de Azevedo( Beira Valão)
Comentar
Compartilhe
Vereador Thiago Vigílio notificado no Diário Oficial sobre afastamento da Câmara de Campos
09/03/2018 | 18h40
Como aconteceu com Miguelito (PSL), o vereador Thiago Virgílio (PTC) também foi notificado da decisão judicial que o afasta da Câmara de Campos através de Diário Oficial. (Confira a imagem no final do post).
Virgílio teve a condenação no caso Chequinho confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e poderá recorrer ao TSE, mas fora do cargo.
O TRE comunicou a decisão à Câmara de Campos no dia 1 de março, porém, o vereador não tem comparecido ao Legislativo desde então. No início da semana, o presidente Marcão Gomes (Rede) informou que a notificação iria ocorrer por DO (Lembre AQUI).
Thiago Virgílio tentou uma Ação Cautelar no TSE, mas foi negado seguimento. (Confira AQUI)
Saiba mais sobre a notificação de Miguelito no blog do Arnaldo Neto.
Atualização nas informações.
Comentar
Compartilhe
Prefeito Rafael Diniz acompanha socorro às famílias em Morro do Coco
09/03/2018 | 12h47
O prefeito Rafael Diniz falou há pouco a respeito das chuvas que caíram em Campos - de acordo com a Defesa Civil, em cinco horas choveu o esperado para todo mês de março. As aulas estão suspensas e os lançamentos da Feira da Roça de Goitacazes e do Prefeitura Aqui foram adiados.
Comentar
Compartilhe
Ponto Final: Quem não se expôs ao ridículo, expôs seus seguidores
09/03/2018 | 11h13
“Ridículo” (I)
No último dia 26 de fevereiro, durante reunião no Clube de Regatas Rio Branco, Centro de Campos, o ex-governador Anthony Garotinho disse que esperava multiplicar por 10 o número de manifestantes no ato convocado para a Praça do Santíssimo Salvador contra o governo Rafael Diniz. A “base” da multiplicação era o número de presentes naquela reunião – cerca de 300, quando o esperado eram 600. Se dizendo convidado para o ato que convocava, Garotinho conclamou a uma participação maciça: “Não podemos expor o povo de Campos ao ridículo de convocar um ato para ir meia dúzia”.
“Ridículo” (II)
Em um live esta semana, Garotinho voltou a confirmar que estaria presente: “Se eu vou sair do Rio para participar, por que você não pode sair de sua casa?”, questionava. De nada adiantou. Seja pela chuva, seja pelos convidados, o ato não reuniu nem 300 adeptos, não na Praça, mas no Largo da Imprensa, onde visualmente o volume de pessoas. Sem querer se expor ao ridículo, não foi ao ato, nem apresentou justificativa à ausência. Mandou apenas um abraço. Em seu lugar, Rosinha discursou convocando os descontentes a deixarem as redes sociais e se juntarem a eles. Mais tarde Garotinho resolveu aparecer ao lado de Rosinha em um vídeo ao vivo no Facebook. O cenário parecia ser a “casinha da Lapa”.
Túnel do tempo
Em mais de um mês de convocação, movimentação no Centro em busca de assinatura, promessa de presença da liderança e só conseguir juntar 300 pessoas é de se fazer pensar até quem é conhecido por ignorar a lógica. Culpar a chuva? Para quem tem um pouco mais de idade ou para quem não a tem, mas quer viajar nos túneis da História, é só lembrar ou buscar saber como, até poucos anos, o grupo conseguia reunir multidões. Não foram raras as vezes em que a Praça S. Salvador recebeu mais de 30 mil pessoas para ouvir aqueles que, hoje, não conseguem convencer nem 300.
Feio
Sem juízo de valor, que não deve ser nada agradável a situação dos vereadores condenados na Chequinho é certo. Claro que deixar o cargo, ter que abrir mão dos assessores e do trabalho desenvolvido, além dos futuros planos políticos deve ser muito difícil. Está muito feia esta história dos vereadores que não estão comparecendo à Câmara e, assim, estão sendo notificados através de Diário Oficial da decisão da Justiça Eleitoral que determina o afastamento imediato. Dos vereadores condenados na Chequinho, apenas Linda Mara apareceu no ato dos Garotinho contra o governo Rafael.
O “rebelado”
Desde o ano passado a população de diversos bairros de Guarus vem sofrendo com o aumento da violência. O motivo estaria na recusa de Francio da Conceição Batista, mais conhecido como “Nolita” em aceitar a junção das facções criminosas Amigos dos Amigos (ADA) e Terceiro Comando Puro (TCP), seguindo o mesmo movimento na capital, a mando dos chefes do tráfico das comunidades da Baleeira e Tira Gosto. As duas maiores comunidades de Campos mantêm o tráfico em um numero incontável de pontos de venda espalhados pela cidade.
“Guerra do tráfico”
Insatisfeito, “Nolita” resistiu e teria iniciado uma “guerra do tráfico” onde moradores de bairros de Guarus foram assaltados, expulsos de casa e, aqueles que resistiam ou ameaçavam o comando, eram executados. A prisão de “Nolita” não é sinal de sono tranquilo para moradores de bairros como Eldorado, Santa Rosa, Santa Clara, Parque Bandeirantes e tantos outros em Guarus. Apesar das polícias esperarem redução de homicídios, o comando do 8º BPM informa que vai intensificar o patrulhamento nas áreas de conflito pela possibilidade de facções rivais tentarem tomar o lugar deixado por “Nolita”, que diante da facilidade de comunicação nos presídios brasileiros, pode continuar a ditar as ordens.
Contra exigência
O Ministério Público do Estado ajuizou uma ação contra o Departamento Estadual de Trânsito do Rio de Janeiro (Detran-RJ) por exigir pagamento de IPVA para liberação de veículos apreendidos. Segundo o MP, a autarquia tem cometido abuso de poder ao requerer o pagamento prévio do imposto para liberar aos motoristas a retirada de seus veículos apreendidos em blitz, e alocados em depósitos do Estado. O MP ressalta que não pretende acabar com a cobrança, mas fazer com que ela seja efetuada de acordo com as vias legais, não por meio da retenção do veículo.
* Com participação do jornalista Mário Sérgio.
Comentar
Compartilhe
Chuva alaga e causa transtorno em Campos e região
09/03/2018 | 10h13
A chuva que cai mais intensamente desde ontem em Campos continua fazendo estragos. Hoje pela manhã, um carro caiu em uma cratera na descida da Ponte da Lapa.As aulas na rede municipal de ensino estão suspensas.
O rio Morro do Coco transbordou e inundou a BR 101 (Campos/Vitória). O trânsito ficou interrompido na madrugada durante seis horas, mas já está parcialmente liberado (Confira a nota atualizada da Autopista Fluminense no final do post).
De acordo com a Defesa Civil de Campos, em cinco horas choveu mais do que o esperado para o mês de março inteiro. A Prefeitura informou que está nas ruas com ações emergenciais (Confira a nota no final do post).
Também choveu muito no Noroeste e o rio Pomba transbordou no município de Santo Antônio de Pádua.
Em Macaé, a Prefeitura está recomendando que a população evite sair de casa. (Veja fotos e posicionamento da Prefeitura abaixo)
Abaixo, vídeo recebido e postado pelo radialista Alfredo Soares mostrando um pouco do transtorno nas ruas de Campos.
Confira a nota atualizada da Prefeitura de Campos:
O Prefeito Rafael Diniz esteve reunido com o Grupo de Emergência em Alagamento desde a madrugada desta sexta-feira (9) para traçar ações conjuntas. De acordo com dados da coordenaria de Defesa Civil, em cinco horas, choveu mais do que o esperado para o mês de março inteiro, já que foram registrados cerca de 94,5 mm enquanto que a previsão para todo o mês era de 73,1. Alguns locais chegaram a registrar 140mm de chuva, como em Sapucaia. Equipes já estão nas ruas atendendo os chamados de emergência e o prefeito Rafael Diniz acompanha as ações nas localidades mais afetadas. Para acionar a Defesa Civil, a população pode entrar em contato com os telefones 199 ou 98175 2512.
Equipes do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) já se encontram nos pontos onde houve instabilidade no sistema de semáforo para ações se fizerem necessárias. A Guarda Civil Municipal dá apoio para ordenamento no trânsito. Em caso de solicitações, a população pode entrar em contato com o Disque Semáforo do IMTT, através do número 99855 9596.
Confira as informações atualizadas da Autopista Fluminense:
Nota ajustada: O Rio Morro do Coco transbordou e transpassou as pistas da BR-101 na altura do km 28, no distrito der Morro do Coco, Campos dos Goytacazes, próximo ao posto da Polícia Rodoviária Federal. Por medidas de segurança, a rodovia ficou ficou bloqueada, entre 1h e 7h, que gerou cerca de 5km de congestionamento em ambos os sentidos. A pista foi parcialmente liberada sob sinalização pare e siga às 7h, após vistoria envolvendo a Concessionária, Defesa Civil, Bombeiros e PRF. Não há filas neste momento. A Arteris Fluminense informa que continua monitorando o local e não descarta novas interdições no local se necessário. As informações de trânsito estão sendo atualizadas no Twitter (@Arteris_AFL).
Macaé:
Nota da Prefeitura às 10h:
O nível de água já está diminuindo em Macaé. Equipes da prefeitura estão atuando em toda a cidade, com destaque para a região serrana. Ainda há pontos críticos como os bairros Visconde, Miramar e Campo D´oeste.
Os condutores devem estar atentos pois há vias que ainda apresentam retenções de água como: Linha Verde; Aristeu Ferreira da Silva; Télio Barreto e Francisco Portela.
As Estratégias Saúde da Família (ESF) do Horto e Campo D'Oeste e a Unidade Básica de Saúde (UBS) Imboassica estão com atividades suspensas, no momento, tendo em vista dificuldade de acesso.
Na região serrana, equipes atuam em Crubixais, Boa Alegria, Serra da Cruz e Bicudas, com objetivo de liberar o acesso das vias interrompidas. As pontes de Trapiche e Córrego do Ouro estão interditadas para veículos de grande porte e o transporte público está sendo realizado por baldeação.
O abastecimento de água na serra já foi restabelecido nas localidades de Córrego do Ouro, Trapoleo e Sana. Já em Glicério, Trapiche e Frade o trabalho continua para que a normalização no fornecimento ocorra o quanto antes. A orientação para economia de água permanece.
Não há desalojados ou desabrigados, apenas uma família da serra foi conduzida pela prefeitura para uma pousada como medida de segurança.
Comentar
Compartilhe
STF vai investigar Garotinho, Rosinha e Clarissa por "barraco" em hospital
09/03/2018 | 09h14
O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), Celso de Mello,determinou a abertura de inquérito contra os ex-governadores do Rio Janeiro Anthony e Rosinha Garotinho e contra a filha do dois, a deputada federal licenciada Clarissa Garotinho (PRB-RJ), para investigar o suposto cometimento dos crimes de resistência e desacato.
O inquérito, instaurado a pedido da procuradora-geral da República Raquel Dodge, vai investigar se houve "resistência à ordem judicial" e "desacato" no episódio de novembro de 2016, quando Garotinho foi preso pela primeira vez no caso Chequinho.
Com apoio de Rosinha e Clarissa, Garotinho resistiu a sua transferência do Hospital municipal Souza Aguiar, no Centro do Rio, para o Complexo Penitenciário de Gericinó, em Bangu, na Zona Oeste do Rio, onde havia uma UPA onde ele poderia ser atendido.
Para lembrar...
Garotinho foi preso pela primeira vez na Chequinho em 16 de novembro de 2016, no apartamento em que mora, no Flamengo, zona Sul do Rio. Ele foi levado à superintendência da Polícia Federal e seria encaminhado para Campos, mas passou mal.
Foi internado no Souza Aguiar, mas funcionários denunciaram regalias a ele e a família. Assim, a Justiça determinou a transferência para Bangu, quando se deu o episódio da ambulância. Antes disso, Clarissa - que estava no quarto onde estava o pai preso - tentou impedir a transferência através de telefonemas e até colocando um médico para falar com os policiais federais que estavam ali para cumprir a ordem judicial.
Rosinha também estava no quarto, tentou segurar o marido para que não fosse levado.
Atualização nas informações.
Comentar
Compartilhe
Chequinho: Thiago Virgílio perde no TSE e tem que deixar a Câmara
08/03/2018 | 19h52
Sem comparecer à Câmara e prestes a ser notificado de seu afastamento através de Diário Oficial, como já aconteceu com seu colega Miguelito, o vereador Thiago Virgílio tentava em Brasilia sua última cartada para continuar no cargo enquanto recorre da condenação em segunda instância na Chequinho.
Mas, como se diz por aí "deu ruim". O ministro do TSE, Tarcísio Vieira, negou seguimento à Cautelar. Assim, o vereador deverá continuar recorrendo ao TSE, mas fora do cargo.
Comentar
Compartilhe
Rafael lança nesta sexta o "Prefeitura Aqui"
08/03/2018 | 17h58
O prefeito Rafael Diniz lança, nesta sexta-feira (9), às 14h, o programa "Prefeitura Aqui", que terá a união de órgãos municipais para o fortalecimento dos serviços de rua. O evento será no Centro Administrativo José Alves de Azevedo, sede da Prefeitura de Campos.
 
O "Prefeitura Aqui" vai buscar maior eficiência nas ações das Secretarias de Infraestrutura e Mobilidade Urbana e Desenvolvimento Ambiental e das Superintendências de Iluminação Pública e Limpeza Pública. A coordenação será da Secretaria de Governo.
Comentar
Compartilhe
SJB comemora Dia Internacional da Mulher com R$ 500 mil para combate à violência e melhorias à saúde feminina
08/03/2018 | 16h57
No Dia Internacional da Mulher, a prefeita de São João da Barra, Carla Machado anunciou em sua página no Facebook, emendas da deputada federal Soraya Santos, destinando R$ 250 mil para programas de combate à violência contra a mulher e R$ 300 mil para aquisição de equipamentos destinados à saúde da mulher. Uma notícia ótima notícia!
Comentar
Compartilhe
Mudança no IMTT: Sai Renato Siqueira entra Felipe Quintanilha
08/03/2018 | 08h16
Novas mudanças na prefeitura de Campos. O Diário Oficial desta quinta-feira (8) traz, a pedido, o afastamento de Renato Siqueira do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT). No lugar de Renato, foi nomeado Felipe Quintanilha, ex-secretário da Transparência e Controle e que está à frente da secretaria de Desenvolvimento Econômico.
— Sem dúvidas, é um grande desafio. Primeiro, por dar continuidade ao belo trabalho desenvolvido pelo Renato Siqueira, e também por ter que fazer os avanços necessários para que a gente possa ter um transporte de qualidade que Campos nunca teve. Um transporte coletivo que atenda aos interesses da população. Isso também passa pelo planejamento da mobilidade urbana, que nada mais é assegurar o direito de ir e vir das pessoas, de uma maneira segura, ágil e com fluidez — disse Felipe Quintanilha.
Para lembrar...
Renato Siqueira deixa o cargo em meio à crise no transporte público de Campos - que envolve empresas de ônibus, vans e lotadas -  que se eterniza desde o governo Rosinha. 
No mais recente capítulo desta novela, moradores da Baixada chegaram a ficar dias sem transportes depois que funcionários da empresa São Salvador, integrante do Consórcio Planície, responsável pelas linhas naquela área, entraram, mais uma vez, em greve. O Consórcio Planície assumiu os itinerários.
Outras mudanças:
O Diário Oficial traz outras mudanças na administração, entre elas a chefia do cerimonial da Prefeitura e na comunicação interna. Confira abaixo:
Comentar
Compartilhe
Suposta agressão a Garotinho: Novo laudo pedido pela Justiça aponta que imagens não foram alteradas
07/03/2018 | 20h04
Imagem divulgada no dia seguinte da suposta invasão
O processo que investiga a suposta agressão ao ex-governador Anthony Garotinho em Benfica teve uma reviravolta. Em janeiro, uma perícia feita pelo Ministério Público disse que as câmeras da galeria onde Garotinho estava teriam sido manipuladas. Mas um novo laudo, pedido pela Justiça, contradiz essa versão.
O novo laudo apontou que não houve nenhuma edição nas imagens. Os peritos do setor de segurança eletrônica do Tribunal de Justiça compararam as imagens de duas câmeras, a pedido juiz Rafael Estrela, titular da vara de execuções penais do Rio.
A câmera chamada de 'Galeria B meio' fica quase em frente à cela de Anthony Garotinho. Essa câmera tem um sensor que interrompe as gravações, e só é acionada quando registra algum movimento. Foi essa mesma câmera que captou o momento em que Anthony Garotinho bate palmas para chamar os agentes penitenciários, no horário de 1h32 da madrugada de 24 de novembro do ano passado.
A outra câmera é a 'Galeria B fundos', que fica mais longe da cela, mas grava sem interrupções, mostrando o mesmo corredor, de outro ângulo. A olho nu, não é possível ver as palmas do ex-governador.
Essa foi uma das razões que levaram o Ministério Público a afirmar, numa perícia em janeiro, que as imagens tinham sido manipuladas. Segundo o MP, as palmas teriam sido cortadas, comprovando a edição das imagens, mas os engenheiros do Tribunal de Justiça chegaram a uma conclusão diferente.
Eles afirmam que fizeram uma aproximação em que foi possível verificar que ocorre uma variação de pixels, ou seja, de tons e de luminosidade, no mesmo exato momento indicado na câmera 'Galeria B meio'. Ou seja, segundo eles, a câmera dos fundos também registrou as palmas do ex-governador. Por isso, os peritos concluem, dizendo: "não podemos confirmar tecnicamente que tenha havido manipulação na gravação."
Comentar
Compartilhe
CPI da Lava Jato aponta indícios de pelo menos cinco crimes na gestão Rosinha
07/03/2018 | 19h34
Associação criminosa, fraude em licitação, corrupção passiva, caixa 2 eleitoral, lavagem de dinheiro. Estes foram alguns crimes cujos indícios foram detectados nas investigações da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Lava Jato, cujo relatório final foi lido na sessão da Câmara desta quarta-feira (6) pelo presidente vereador Genásio (PSC). O relatório – que foi votado e aprovado pela maioria - sugere o indiciamento da ex-prefeita Rosinha Garotinho e de seu marido, Anthony Garotinho, por: corrupção passiva, caixa 2 eleitoral, improbidade administrativa, possível associação criminosa, fraude no caráter competitivo de licitação e fraude em concorrência. Os documentos da CPI serão encaminhados à Polícia Federal (PF), Ministério Público Estadual (MPE), Tribunal de Contas do Estado (TCE), Ministério Público Federal (MPF), Polícia Civil, além da presidência do Legislativo e Prefeitura de Campos.
Também há a sugestão de indiciamento dos executivos da Odebrecht Benedicto Barbosa Jr, Leandro Azevedo, Fernando Orsi Lopes, Angelo Enêas Areal, Eduardo Fontenelle e Nadir da Costa por possível associação criminosa, fraude no caráter competitivo de licitação e fraude em concorrência. Pelos mesmos crimes, o indiciamento de José Augusto Vieira, representante da Queiroz Galvão, Tiago Maurício da Cruz Soares, da Carioca Engenharia, os ex-secretários de Obras de Campos Antônio José Petrucci, Davi Loureiro, Cesar Romero, Edilson Peixoto, além do ex-secretário de Controle Suledil Bernardino, de vários fiscais de obras e de então membros da Comissão de Licitação.
Membro da Comissão e ex-integrante da gestão Rosinha, o vereador Thiago Ferrugem usou a tribuna para afirmar que não foram constatadas irregularidades, o que foi contestado por Genásio.
Confira a cobertura completa na edição desta quinta-feira da Folha da Manhã. 
Comentar
Compartilhe
CPI do Transporte na Alerj vai apurar denúncia sobre monopólio da Viação 1001
07/03/2018 | 13h31
O deputado estadual Geraldo Pudim (MDB) protocolou na CPI do Transporte da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), na manhã desta quarta-feira (07) denúncia encaminhada a seu gabinete pela Associação dos Usuários de Transportes Coletivos Intermunicipais e Interestaduais, Rodoviários, Ferroviários, Hidroviários, Metroviários e Aéreos do Estado do Rio de Janeiro – AUTRAC, com denúncias de possível Monopólio da Auto Viação 1001 no Norte, Noroeste Fluminense e Região dos Lagos.
O requerimento encaminhado a presidência da CPI do Transporte solicita informações para apuração de denúncia de possíveis irregularidades como na prática tarifária; concessões inconstitucionais de linhas; fretamento de petroleiros, além de denúncia ainda de descumprimento da Lei de Gratuidade.
Comentar
Compartilhe
Sem comparecer à Câmara, Miguelito e Thiago Virgílio serão notificados de afastamento no Diário Oficial
07/03/2018 | 12h34
Os vereadores afastados Thiago Virgílio (PTC) e Miguelito (PSL) serão notificados de seu afastamento através do Diário Oficial.
Isso porque, a Justiça Eleitoral já notificou à Câmara da confirmação da condenação de ambos no caso Chequinho - Miguelito, no dia 28 de fevereiro e Thiago Virgílio, no dia no dia 1 de março. Após a notificação, a Câmara informa ao vereador, que tem três dias para deixar o cargo, prazo que já esgotou.
Porém...
Até agora os dois, segundo o Legislativo, não foram localizados para receberem a notificação.
Confira o posicionamento da presidência da Câmara:
O presidente da Câmara de Vereadores de Campos, Marcão Gomes (Rede), informou que até o momento os vereadores Miguelito e Thiago Virgílio ainda não foram encontrados para receber a notificação da Procuradoria do Legislativo a respeito do afastamento dos mesmos, em cumprimento à decisão judicial. Sendo assim, deverão ser notificados através do Diário Oficial do município ainda esta semana.
Obs.: Um site ligado ao grupo rosáceo publicou matéria ontem afirmando que os dois estão em Brasília buscando verba. Já o blogueiro Esdras Pereira informou que eles, além de Linda Mara e Ozéias, estariam tentando uma liminar no TSE. 
O espaço está aberto aos dois vereadores, se quiserem falar sobre o assunto.
Comentar
Compartilhe
Relatório da CPI da Odebrecht será apresentado hoje
07/03/2018 | 10h42
O relatório da CPI da Odebrecht será apresentado na sessão da Câmara desta quarta-feira (7), como informei AQUI, em primeira mão.
A CPI apura contrato da Prefeitura de Campos, na gestão Rosinha Garotinho, com a Odebrecht para construção do conjunto habitacional Morar Feliz. 
Muito pouco se sabe sobre o que a CPI apurou, mas vamos ao que já sabemos sobre a relação Odebrecht/Prefeitura de Campos:
* O contrato foi o maior já firmado pelo Município: Já com aditivos chegou a quase R$ 1 bilhão.
* Das 10 mil casas populares do contrato, apenas 5.426 unidades entregues, três não saíram do papel e outras ficaram inacabadas e/ou foram invadidas.
* Em 26 de junho do ano passado, como mostrei AQUI e AQUI com exclusividade, delatores da Lava Jato e ex-executivos da Odebrecht, Benedicto Barbosa Jr e Leandro Azevedo estiveram em Campos, onde prestaram depoimento ao Ministério Público Estadual, que investiga as irregularidades desde 2011.
* Os executivos confirmaram, entre outras coisas, pagamento, parte através de caixa 2, para a campanha de Rosinha Garotinho (PR), em 2008 e 2010, e para Anthony Garotinho em 2014. No total, o “investimento” foi de R$ 20 milhões. Em troca, facilidade no acesso a quem tinha “ingerência no governo municipal a tão ponto de mandar realizar eventuais pagamentos de obras em atraso. (O casal Garotinho já negou qualquer irregularidade)
* Benedicto assinou o contrato do Morar Feliz junto com a então prefeita Rosinha Garotinho. Na solenidade do lançamento do programa habitacional, ele foi representado por Leandro Azevedo.
* Uma empresa foi terceirizada para realizar parte do contrato
Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz anuncia 13º de servidores, salários de RPAs e pagamento a hospitais
06/03/2018 | 19h59
O prefeito Rafael Diniz anunciou na noite desta terça-feira (6), para os próximos dias, a quitação antecipada do 13º salário dos servidores estatutários ativos, o pagamento de um mês integral aos prestadores de serviço em Regime de Pagamento Autônomo (RPA) e ainda das unidades da rede contratualizada na área de saúde. Os valores serão repassados assim que a Prefeitura de Campos receber o crédito adicional de Participação Especial na ordem de R$ 25.847.014,42 — referente a uma auditoria feita pela Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) com relação ao período de 2005 a 2010 — e realizados os trâmites bancários.
— Essa é a resposta para todas as nossas idas ao Rio de Janeiro e Brasília, para todas as vezes que mantivemos o diálogo permanente e responsável com todas as instituições e com a ANP para o recebimento deste crédito adicional. Com o valor a ser recebido estaremos realizando importantes pagamentos. Assumi o compromisso de pagar a terceira parcela do 13º salário em maio, mas também de que se tivesse condições estaria antecipando o valor — ressaltou Rafael Diniz que lembrou do momento econômico difícil em 2017. “Sabemos que o ano de 2018 será difícil para todo o País, mas já demos sinais claros da retomada da economia e por óbvio da retomada da nossa cidade”, frisou.
Segundo Rafael Diniz, os valores devidos representam uma importante receita para os municípios produtores de petróleo neste momento que enfrentam uma grave crise financeira.
O Município receberá Participação Especial dos royalties no valor de R$ 25,8 milhões, como mostrou o blog Ponto de Vista, de Christiano Abreu Barbosa.
Comentar
Compartilhe
Médica chega e evita assalto a casa de seu pai de 90 anos
06/03/2018 | 12h40
A violência continua não dando trégua em Campos. Na manhã de hoje, um bandido invadiu a casa de um idoso de 90 anos, pai da médica Ana paula Galvão. Segundo ela, o ladrão pulou por um terreno baldio, cheio de lixo perto da ponte de ferro. Na sua postagem no Facebook, chegou a informação que o terreno seria limpo logo.
Por sorte, Ana Paula chegou na hora do assalto e conseguiu evitar um mal maior. O ladrão foi preso logo depois, através de uma ação rápida da Polícia Militar próximo ao Fórum.
Comentar
Compartilhe
Caixa d'água: Juiz nega pedido protelatório dos réus Garotinho e Rosinha e marca audiência para dia 23
06/03/2018 | 12h01
O juiz Ralph Manhães, responsável pelo julgamento da Ação Penal resultante da operação Caixa d'água, negou pedidos do casal Garotinho no processo e marcou para o dia 23 de março, às 13h, oitiva de testemunhas de defesa. Pedidos de outros réus, que também, de acordo com a decisão, não apresentaram justificativas e se caracterizaram pelo caráter protelatório, também foram negados.
Na Caixa d'água, os ex-governadores e outras seis pessoas são acusados pelo MP de integrarem uma organização criminosa que arrecadava recursos de forma ilícita com empresários com o objetivo de financiar as próprias campanhas eleitorais e a de aliados, inclusive mediante extorsão.
Alegando que não tem a obrigação de justificar a produção da prova testemunhal, o casal Garotinho havia listado entre suas testemunhas de defesa, três Procuradores da República do Rio de Janeiro, o atual Procurador Geral de Justiça, José Eduardo Ciotola Gussem,e o desembargador do Tribunal de Justiça José Carlos Paes. Para o magistrado, "trata-se de requerimento protelatório, pois tais pessoas não tem qualquer vinculação com os fatos criminosos imputados aos mesmos, o que nos leva a crer que a não indicação por parte dos réus, dos motivos para as oitivas das referidas testemunhas também é um ato que deve ser considerado procrastinatório, com o único objetivo de retardar o processo com diligências desnecessárias".
No entanto, foi designada a data para oitiva das testemunhas das defesas, em que os réus poderão levar, espontaneamente, as suas testemunhas, no máximo de 10, para deporem independente de intimação "evitando-se, assim, qualquer prejuízo para a defesa, respeitando-se, assim, o princípio da ampla defesa e o da duração razoável do processo, além de evitar a prática de atos procrastinatórios e desnecessários por culpa exclusiva dos próprios acusados".
Confira a decisão completa abaixo:
Comentar
Compartilhe
Calçada vira sinônimo de lixeira no bairro Capão
06/03/2018 | 11h23
Nós, população, temos por hábito reclamar dos governos, mas, muitas vezes deixamos de fazer nossa parte. Olha a situação na rua Marcílio Martins esquina com Princesa Isabel, no Capão. A calçada virou lixeira , atrapalhando, inclusive os pedestres, que têm que passar pela rua. Que isso, né? Vamos dar o exemplo.
Confira as fotos que recebi na página Na curva do rio, no facebook.
Comentar
Compartilhe
Por unanimidade, TRE rejeita Embargos de Ozéias e Kellinho
05/03/2018 | 17h45
Por unanimidade, o plenário do TRE rejeitou os Embargos de Declaração dos vereadores Ozéias (PSDB) e Kellinho (PR), ambos condenados na Chequinho em primeira e segunda instância.
Com isso, nos próximos dias, a Justiça Eleitoral irá comunicar à Câmara de Campos para que ambos deixem os cargos, a exemplo do que já aconteceu com Jorge Magal (PSD), Vinicius Madureira (PRP), Jorge Rangel (PTB), Miguelito (PSL). O TRE já comunicou à Câmara sobre a saíde de Thiago Virgílio (PTC).
Todos podem recorrer, mas fora dos cargos.
Comentar
Compartilhe
Chuva alaga Felipe Uebe. Veja vídeo
05/03/2018 | 17h01
A forte chuva da tarde de hoje alagou a avenida Felipe Uebe, próximo ao Extra.
Veja vídeo:
 
Comentar
Compartilhe
Programação da SMDHS no mês da Mulher
05/03/2018 | 10h20
Neste mês da mulher, a Secretaria de Desenvolvimento Humano e Social de Campos está com programação nas comunidades. Os eventos acontecerão sempre de 9h ao meio-dia e haverá disponível assistência jurídica, orientações de saúde com aferição de pressão arterial e dosagem glicêmica, avaliação odontológica, campanha contra violência doméstica, cortes de cabelo, trançagem com equipe do movimento EncresCampos e assistência social através de equipes dos Creas e Cras. E na próxima sexta-feira, dia 9, às 17h, haverá audiência pública na Câmara de Vereadores para apresentação do Plano Municipal de Políticas para Mulheres. 
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de Campos firma convênio com Universo para descontos a servidor
03/03/2018 | 09h43
A Prefeitura de Campos firmou convênio com a Universidade Salgado de Oliveira (Universo) que possibilitará descontos a servidores municipais que optarem por cursos presenciais na instituição de ensino. O benefício é válido para ingresso, reingresso e transferência.
A medida beneficiará os cerca de 20 mil servidores ativos e inativos da Prefeitura, que terão oportunidade de qualificação com graduação em ensino superior, por apenas R$ 400 a mensalidade. E o convênio contempla ainda cônjuges e dependentes com mensalidade a R$ 450. 
Mais que uma "boa notícia", a qualificação superior é um ganho para o servidor, tanto profissional, quanto pessoalmente. E mais: beneficia marido/esposa e filhos.
Saiba mais:
Os valores fixos promocionais são válidos para o primeiro semestre. Nos demais, os valores serão de acordo com o percentual de desconto que varia entre 60% e 70%. A unidade oferece graduação em Direito, Educação Física (licenciatura ou bacharelado), Engenharia Civil, Enfermagem e Nutrição.
Na próxima segunda-feira, a partir das 9h, a Universidade estará com estandes na sede da Prefeitura; na Secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Smece) e na Guarda Civil Municipal para informação e inscrição no vestibular.
O documento foi assinado sexta-feira (2), na sede da prefeitura, pelo secretário de Gestão Pública, André Oliveira e a diretora geral da Universo/Campos, Gisele Almeida.
— Essa é uma ação do governo Rafael Diniz que tem como proposta valorizar o servidor, o maior patrimônio da prefeitura. Proporcionar a ele esta oportunidade de realizar uma graduação e até mesmo de garantir os estudos do filho, até o final do curso, com condições especiais. É um grande passo para a concretização de muitas propostas que estão por vir em benefício do servidor público municipal — ressaltou André.
Gisele Almeida destaca que o custo mensal, sem descontos, em Engenharia Civil e Direito, por exemplo, é de, R$ 1.376 e R$ 1.297, respectivamente, mas com o convênio, o valor da mensalidade será o promocional.
Saiba como funcionará:
O vestibular será na próxima quarta-feira (7), às 19h30. “O candidato terá também a opção de se inscrever através do site vestibularuniverso.com.br e pelo WhastApp (22) 981478139”, acrescentou. A Universo disponibiliza ainda o número 30549974 para esclarecimentos.
Para efetivação da matrícula o servidor precisa apresentar o contracheque; cônjuge, contracheque do marido/esposa e certidão de casamento, declaração de união estável ou declaração de próprio punho; e filhos, contracheque do pai/mãe e documento que comprove a filiação.
Talento Empresa - Os servidores e dependentes que já estão em algum curso presencial, na própria Universo, serão beneficiados com o Programa Talento Empresa com desconto de 30%. Neste caso, devem procurar a secretaria da universidade.
Comentar
Compartilhe
No xadrez político de Garotinho aposta pode ser Edson Batista, pre-candidato à Alerj
02/03/2018 | 12h29
Com as peças do seu xadrez político sendo derrubadas pela Justiça, a solução para o grupo de Garotinho pode vir de um antigo e fiel aliado e, ate agora, sem condenação eleitoral: O ex-presidente da Câmara de Vereadores, Edson Batista lançou sua pré-candidatura a deputado estadual em reunião realizada quarta feira no sindicato dos Trabalhadores Rurais. 
Dr. Edson Batista teve cinco mandatos de vereador, onde criou a lei que instituiu o Arquivo Público Municipal; promoveu a reforma da Lei Orgânica, criou a TV Câmara, a Escola Municipal de Gestão do Legislativo (Emugle), o Parlamento Mirim e o projeto Bonde da História e promoveu a recuperação e preservação de personagens históricos do município com documentários, livretos e as estátuas do Corredor Histórico Cultural.
Aliado fiel de Garotinho, interceptações telefônicas na operação Chequinho flagaram Batista chamando o ex-governador de "comandante" e recebendo "ordens" de seu líder político. 
Comentar
Compartilhe
João Peixoto em reunião com comandante do BPRV
02/03/2018 | 10h31
O deputado estadual João Peixoto (PSDC) , participou ontem de reunião com o comandante da Polícia Rodoviária Estadual (BPRV), Capitão Santana.
"Conversarmos sobre segurança pública, demanda de grande interesse durante todos esses mandatos que Deus e a população vem me confiando, entre outros assuntos. Agradeço a disponibilidade do Comandante em me receber para juntos buscarmos melhorias na segurança nas rodovias da nossa região.
Também participaram os amigos Gustavo Crespo e o Policial Militar Lobo", disse o deputado no Facebook. 
Comentar
Compartilhe
Relatório da CPI da Odebrecht será apresentado na próxima quarta
01/03/2018 | 16h26
O vereador Genásio  (PSC) apresenta, na próxima quarta-feira no plenário da Câmara, o relatório com as apurações da CPI da Odebrecht, presidida por ele. A CPI apura contrato da Prefeitura de Campos, na gestão Rosinha Garotinho, com a Odebrecht para construção do conjunto habitacional Morar Feliz.
O contrato foi o maior já firmado pelo Município: Já com aditivos chegou a quase R$ 1 bilhão. 
Confira abaixo a nota do presidente da CPI:
NOTA DE INFORMAÇÃO
O Presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito da Odebrecht informa que foram concluídos os trabalhos da Comissão e na manhã de hoje foi realizada reunião na qual o Relator apresentou o Relatório Final da CPI – ODEBRECHT para deliberação dos membros que integram a Comissão Parlamentar de Inquérito da Odebrecht.
O Presidente da Comissão comunicará a conclusão dos trabalhos ao Plenário da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, atendendo o que estabelece o artigo 120 do Regimento Interno da Câmara e, em respeito à necessidade de comunicação ao Plenário e às normas regimentais, o conteúdo do Relatório Final só poderá ser disponibilizado após a realização desses procedimentos internos.
Campos dos Goytacazes, 01 de março de 2018.
Vereador PAULO CÉSAR GENASIO DE SOUZA
Presidente da CPI da Odebrecht
Comentar
Compartilhe
TRE notifica Câmara para afastar vereador Thiago Virgílio
01/03/2018 | 13h44
O Tribunal Regional Eleitoral (TER) notificou, na manhã de hoje, a Câmara Municipal de Campos para afastar o vereador Thiago Virgílio (PTC). Ele é o quinto vereador afastado após ter a condenação no caso Chequinho confirmada pelo TRE. Ele ainda pode recorrer ao TSE, mas fora do cargo. Além dele, já perderam o mandato Jorge Magal (PSD), Vinícius Madureira (PRP), Jorge Rangel (PTB) e Miguelito (PSL).
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Suzy Monteiro

[email protected]

Arquivos