Crise no Espírito Santo repercute em Campos
06/02/2017 | 04h11
Folha da Manhã
A crise no Espírito Santo, provocada pela greve dos policiais, já tem reflexo em Campos.
Empresas de ônibus interestaduais no município estão vendendo passagens para municípios do Espírito Santo de maneira restrita e alterada.
Campistas que estão no estado vizinho não conseguem voltar. A informação é que existe um toque de recolher.
No último final de semana, foram 51 homicídios só em Vitória, contra quatro em janeiro.
Os policiais militares não saem às ruas desde sábado. Como a lei proíbe que eles façam greve, os PMs alegam que não podem trabalhar, porque grupos de parentes dos PMs fizeram bloqueios na frente dos batalhões.
Atualização:
De acordo com os guichês das empresas em Campos, as passagens estão sendo vendidas. Porém, por telefone, a informação era que a venda para ônibus executivos estavam suspensas. A orientação, extra-oficial, foi para que evitassem a viagem.
Já a Viação Águia Branca emitiu comunicado informando que, em função da crise da segurança, mudou o horário de seus ônibus:
Comentar
Compartilhe
Músico da Orquestrando a Vida assassinado em Guarus
05/02/2017 | 10h43
O músico da ONG Orquestrando a Vida, Marlon da Conceição Gomes, 21 anos, foi assassinado a tiros ontem, em Guarus. Bolacha, como era conhecido, foi atingido por três disparos.
Marlon, que era casado e eletricista, morava no Parque São Silvestre e chegou a ser socorrido para o HFM, mas não resistiu.
(Com informações de Marcus Pinheiro)
Em sua página no Facebook, o maestro Jony William, do Orquestrando, lamentou a perda:
Atualização: 
A edição de hoje da Folha da Manhã traz matéria mostrando que o número de homicídios cresceu em 2016 65% quando comparado a 2015 (confira)
* A esposa de Marlon, Talita Tavares, informou que ele fez parte do Osquestrando durante 10 anos — dos 10 aos 20.
Comentar
Compartilhe