Padre Élio fala sobre ataque e agradece orações: "Para mim, agora, é só alegria"
31/08/2018 | 19h58
Já em casa se recuperando após ser esfaqueado nas costas dentro do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro (Lembre no Folha 1), o padre Élio da Silva Athayde, de 82 anos, gravou um vídeo agradecendo as orações e falando sobre o ataque.
Comentar
Compartilhe
Maioria do TSE rejeita registro de Lula
31/08/2018 | 17h49
O plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) julga, neste momento, o registro de candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso desde o dia 7 de abril.
O ministro Luis Roberto Barroso votou pela inelegibilidade de Lula e pelo impedimento de qualquer ato de campanha, facultando à coligação "O povo feliz de novo" a substituição do candidato à presidência em um prazo de 10 dias.
Ministro Edson Fachin disse que a decisão da Comissão de Direitos Humanos da ONU tem que ser respeitada e votou a favor da manutenção da candidatura de Lula.
Ministro Jorge Mussi votou com o relator, pela inelegibilidade e aplicação imediata da decisão.
Ministro Og Fernandes citou uma música de Chico Buarque e disse que não é um momento fez para a Justiça. Votou com o relator.
Ministro Admar Gonzaga Neto votou com o relator.
Ministro Tarcísio Vieira também votou com o relator.
A ministra Rosa Weber também acompanhou o voto do relator. Ela divergiu na questão da retirada imediata do candidato da propaganda, mas foi vencida pela maioria.
Atualização
Comentar
Compartilhe
Instituto Paraná com Romário e Eduardo Paes empatados com Garotinho em terceiro
31/08/2018 | 08h00
Terceira rodada de pesquisas para a eleição ao governo do Estado do Rio, divulgada ontem pelo Instituto Paraná, em parceria com o JORNAL DO BRASIL, mostra que o candidato do Podemos, Romário Faria, perdeu terreno, com 18,3% das intenções de voto, deixando o ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM) encostar, com 17,3%, ficando tecnicamente empatados. Realizada entre os dias 25 e 30 de agosto, a pesquisa evidencia a movimentação dos eleitores após o primeiro debate na televisão entre os candidatos, promovido pela Band TV no dia 16.
Romário vem apresentando queda constante de votos. No primeiro levantamento feito pelo Instituto Paraná, em 10 de maio, ele se destacou na liderança isolada com 26,9%. Já em 20 de julho, a primeira queda, ainda que pequena: 24,3%. O resultado atual pode ser considerado um reflexo do debate na TV, em que o candidato teve uma participação bastante criticada.
Na contramão de Romário, Eduardo Paes tem conquistado aumentos de intenção de votos. Em 10 de maio, já aparecia como segundo colocado, mas com 14,1%, quase 13 pontos percentuais abaixo de Romário. Na segunda rodada de pesquisas, subiu para 15,1%, ficando 9 pontos percentuais de diferença. Agora, apenas 1 ponto percentual separa os dois adversários. Com uma margem estimada de erro de aproximadamente 2,5% para os resultados gerais, já se pode considerar empate entre eles.
Quem também vem apresentando crescimento regular na preferência dos eleitores é Anthony Garotinho. O candidato pelo PRP recebeu 14,5% dos votos. O ex-governador começou nas pesquisas com 11,6%, subindo para 13,5% em julho. Com esse desempenho, Garotinho ainda pode ser considerado um forte nome para avançar ao segundo turno, embora ele seja, entre todos os concorrentes, o de maior rejeição: de acordo com a pesquisa, 69,9% dos eleitores disseram que não votariam nele de jeito nenhum para voltar a assumir o Palácio Guanabara.
Em segundo lugar, em termos de rejeição, aparecem juntos Paes e o candidato do PSOL, Tarcísio Motta, com 61,5%. Romário é o menos rejeitado, embora seu índice também seja alto, de 54,9%. Índio da Costa (PSD) tem 60,5% de rejeição e se mantém em quarto lugar na pesquisa, mas em queda: começou com 8,8% das intenções de voto, caiu para 7,2% e agora está com 5,5%.
Tarcísio Motta é o mais bem colocado entre os candidatos de partidos de esquerda e também tem apresentado crescimento, embora não seja ainda suficiente para se considerar no páreo. Em 10 de maio, o psolista recebeu 3,1% dos votos, passando para 3,8% em julho e, no levantamento divulgado ontem, subiu para 4,4%.
Indecisos
O número de eleitores afirmando que não pretende votar em nenhum dos candidatos a governador ainda chama atenção: 22,8% indicados na atual pesquisa, índice que só fez crescer desde a primeira rodada de entrevistas, inicialmente com 16,5%, em maio; e 21,3% em julho.
Entre os que não sabem em quem vai votar, percebe-se uma oscilação. Na primeira pesquisa eram 5% do total de eleitores entrevistados. Na etapa seguinte, ainda anterior ao debate na TV, esse número caiu para 3,7%; subindo e ultrapassando agora o índice inicial, chegando a 6,6% dos eleitores.
(Fonte: JB)
 
 
Comentar
Compartilhe
Campos com resultado positivo no índice Saeb de Educação
30/08/2018 | 19h26
O Ministério da Educação divulgou nesta quinta-feira (30) o resultado do Sistema de Avaliação de Educação Básica (Saeb) 2017, anteriormente conhecido como Prova Brasil. Na última avaliação, os critérios foram alterados e quase dobrou o número alunos testados, o que fez com que especialistas em Educação acreditassem na queda das notas de Campos. Contrariando esta expectativa, o Ensino Fundamental do município manteve a média de 2015, alcançando avanços em Português. Em 2015, alunos de 31 escolas da rede municipal fizeram a prova. Já em 2017, o número de unidades de ensino saltou para 82, uma alteração que quase dobrou o número de estudantes avaliados.
 A avaliação é uma das bases de cálculo do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb).
 -O município de Campos vive uma de suas maiores crises e, mesmo diante deste cenário, o governo tem conseguido significativos avanços. O resultado desta avaliação é fruto do trabalho em conjunto com os nossos professores que abraçaram o projeto de reconstrução da Educação -, ressalta o secretário de Educação, Brand Arenari.
 Para Rafael Damasceno, subsecretário Pedagógico da secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Smece), o resultado é decorrência das capacitações dos professores e projetos de incentivo à leitura, assim como a criação da Olimpíada Municipal de Matemática.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de Campos paga servidores nesta sexta
30/08/2018 | 17h14
Nesta sexta-feira, 31 de agosto, a Prefeitura de Campos efetua o pagamento dos cerca de 20 mil servidores estatutários ativos e inativos referente ao mês de agosto. O valor total da folha correspondente ao mês é de R$ 78,6 milhões.
 Desta quantia, cerca de R$ 14 milhões são destinados ao pagamento de aposentados e pensionistas do Instituto de Previdência dos Servidores Públicos Municipais de Campos (PreviCampos) — referentes ao valor devido de verbas previdenciárias.
 No próximo dia 10, conforme anunciado pelo prefeito Rafael Diniz será paga mais uma folha aos prestadores de serviço pelo regime de Recibo de Pagamento Autônomo (RPA). Dessa forma, a prefeitura mantém a regularidade de pagar uma folha por mês.
 — A situação financeira do Município ainda é bastante delicada, mas o governo Rafael Diniz não vem medindo esforços para honrar o compromisso de pagar em dia aos servidores, mesmo com decisões judiciais, como a dos precatórios judiciais com o bloqueio de R$ 22 milhões, para pagamento de parte da dívida deixada por administrações anteriores —disse o secretário de Gestão Pública, André Oliveira.
 
 
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB paga servidores nesta sexta
30/08/2018 | 13h14
São João da Barra efetua, nesta sexta-feira, 31, o pagamento do funcionalismo público referente ao mês de agosto. Também serão liberados os valores de R$ 300,00 do Cartão do Servidor e de R$ 100,00 do Auxílio Transporte. O último dia útil do mês vigente é a data estipulada pela Secretaria Municipal de Administração para a realização do pagamento.
 
 
 
 
Comentar
Compartilhe
Folha de pagamento terá que ser enviada todos os meses ao TCE
29/08/2018 | 17h23
A partir do dia 21 de novembro, quando completa 90 dias da publicação da Deliberação TCE-RJ nº 293/18 no Diário Oficial, será obrigatório aos órgãos que prestam contas ao Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) encaminhar, mensalmente, os dados relativos às folhas de pagamento de pessoal. O envio deve ser feito, exclusivamente, por meio do módulo próprio do Sistema e-TCERJ, ou seja, de forma digital. O procedimento eletrônico foi desenvolvido pela Subsecretaria de Controle de Pessoal (SUP) em parceria com a Diretoria de Tecnologia da Informação (DTI).
 As normas e os manuais necessários para o cumprimento da deliberação podem ser encontrados em área do site especialmente criada para o tema neste link.
 
Comentar
Compartilhe
Post retirado
29/08/2018 | 16h28
Por determinação da Justiça Eleitoral, foi retirado do blog a postagem "Campanha para cantar: Clodomir Crespo".
No entendimento do juiz Ralph Manhães, da 129ª Zona Eleitoral, havia prática contrária às regras eleitorais.
Nota do blog:
Diante do fato, o blog vai retirar, também, as outras postagens de jingles já recebidos e não irá postar os demais, o que vinha fazendo em todas as campanhas desde 2012.
 
 
Comentar
Compartilhe
TSE anula cassação de Pezão e Dornelles
29/08/2018 | 00h02
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) deu provimento ao recurso do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, e de seu vice, Francisco Dornelles, para anular os efeitos da decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) que impôs a ambos sanções de perda de mandato e inelegibilidade por oito anos por abuso de poder político e econômico.
 De acordo com o relator do recurso, ministro Jorge Mussi, o julgamento de mérito da ação de investigação judicial eleitoral (AIJE) proposta contra a chapa pelo deputado estadual Marcelo Freixo (PSOL) foi feito com quórum incompleto (apenas cinco dos sete integrantes da Corte regional votaram), o que resulta na nulidade do julgamento, cujo placar foi de três votos a dois.
 Em seu voto, o ministro afirmou que o TRE-RJ não observou o disposto no artigo 28, parágrafo 4º, do Código Eleitoral, que exige a presença de todos os membros dos Tribunais Regionais no julgamento de ações que importem cassação de registro, anulação geral de eleições ou perda de diplomas. No caso em questão, não votaram a juíza substituta da classe dos advogados nem o juiz-presidente.
 O TSE determinou o retorno dos autos ao TRE-RJ para que julgue a ação com quórum completo. O ministro Edson Fachin divergiu parcialmente do relator, votando para que os autos retornassem apenas para se colher os dois votos faltantes. Os demais ministros acompanharam integralmente o voto do relator.
 Na ação, Freixo apontou a celebração, pela Administração Pública estadual, de uma série de aditivos contratuais de prestação de serviços e reconhecimento de dívidas do Estado em favor de pessoas jurídicas privadas, em momentos imediatamente anteriores a doações vultosas para a campanha de Pezão e Dornelles. Denunciou também irregularidades envolvendo a produção de material de propaganda eleitoral da chapa do então PMDB, por parte de gráficas que figuram como prestadoras de serviços ao Governo do Estado, havendo divergência de valores constantes em diversas planilhas, denotando eventual caixa-dois.
 (Fonte: TSE)
Comentar
Compartilhe
Ataques mútuos e alvo em Eduardo Paes marcam debate
28/08/2018 | 12h38
Terminou há pouco o debate com candidatos ao Governo do Estado, promovido pelo O Globo, Extra, revista Época e Universidade Estácio de São. Durante duas horas, eles apresentaram propostas para os problemas do Estado, mas esbanjaram nos ataques aos adversários. O principal alvo foi, mais uma vez, o ex-prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM).
Participaram do evento, além de Paes, o ex-governador Anthony Garotinho (PRP), Tarcísio Motta (PSOL) e Indio da Costa (PSD); o senador Romário (Podemos) foi convidado, mas não compareceu.
Comentar
Compartilhe
Ao vivo, mais um debate entre candidatos ao Governo do Estado
28/08/2018 | 10h29
Acontece, neste momento, mais um debate entre candidatos ao Governo do Estado do Rio. Candidato do Podemos, o senador Romário não compareceu.
O debate é promovido pelos jornais O GLOBO e Extra, e a revista Época, em parceria com a Universidade Estácio de Sá.
Foram convidados para o debate os candidatos Romário (Podemos), Eduardo Paes (DEM), Anthony Garotinho (PRP), Tarcísio Motta (PSOL) e Indio da Costa (PSD). Eles foram os cinco primeiros colocados de acordo com a primeira pesquisa Ibope sobre a eleição estadual de 2018, divulgada na semana passada e encomendada pelo GLOBO, em conjunto com a TV Globo.
Comentar
Compartilhe
Porto do Açu terá heliporto
28/08/2018 | 09h35
O Porto do Açu, localizado em São João da Barra (RJ), irá contar com um heliporto a partir de 2020, com capacidade para abrigar até 20 helicópteros de grande porte e estrutura semelhante a de um aeroporto.
 O negócio foi firmado com o grupo Aeropart na semana passada e tem o objetivo de atender ao apoio offshore das plataformas instaladas no Norte da Bacia de Campos e no Sul da Bacia do Espírito Santo. As negociações entre o Porto do Açu e a Aeropart tiveram início há cerca de cinco meses.
 Orçada em cerca de R$ 40 milhões, a construção do heliporto começa em 2019, assim que a licença ambiental for liberada. Projetado para ter uma estrutura de grande porte, o heliporto contará com pista de decolagem e estação de embarques. Este será o primeiro heliporto privado na região a oferecer serviços completos de embarque offshore.
 O heliporto será construído na parte Norte do distrito industrial, em uma área de 210 mil m². A projeção é de que por mês sejam embarcados até 30 mil passageiros. A operação das instalações deve contratar cerca de 240 pessoas.
 “Queremos ser capazes de prover a solução mais integrada possível e o heliporto traz toda uma sinergia com o complexo”, avalia Carlos Tadeu Fraga, presidente executivo do Porto do Açu Operações.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de Campos chama mais 77 professores
27/08/2018 | 14h42
A secretaria municipal de Educação, Cultura e Esporte (Smece) publicou no Diário oficial desta segunda-feira (27) mais uma chamada para professores substitutos aprovados no Processo Seletivo Simplificado 2018 para contratação temporária ( Confira AQUI). Ao todo, nesta chamada, foram 77 convocados, totalizando mais de 400 este ano. Nesta última publicação, foram chamados 60 para a vaga de Professor II (25h), nove para Professor II (35 horas) e oito para Professor I, divididos por áreas de conhecimento.
 Os convocados deverão comparecer à sede da Smece, na terça-feira (28), para entrega de documentos e na quarta-feira (29) e quinta-feira (30) para escolha do local de atuação, nos horários e dias definidos de acordo com a função. Aqueles que faltarem, sem justificativa, serão considerados desistentes.
 A Smece fica na Praça Cinco de Julho, 60 (prédio da antiga Estação Ferroviária). A convocação dos aprovados acontece de acordo com a necessidade das unidades de ensino e é necessário apresentar a seguinte documentação: Cédula de Identidade; CPF; Título de Eleitor com comprovação de regularidade com a Justiça Eleitoral; Documentação comprobatória de nível de escolaridade e formação para o cargo pretendido; 01(uma) foto colorida 3X4 recente; Carteira de Trabalho (cópia da parte da foto frente e verso); Certificado de Reservista ou Dispensa de Incorporação, para os candidatos do sexo masculino; Certidão de Nascimento dos filhos menores de 18 anos; Cartão PIS/PASEP; Comprovante de Residência; e Certidão Negativa de Antecedentes Criminais.
 Terça-feira (28)- Entrega de documentos/habilitação/cadastro:
 Prof II- 25h
Manhã (9h) - do 250º ao 279º
Tarde (14h) - do 280º ao 309º
 Professor II- 35h
Tarde (14h)- do 17º ao 25º
 Prof. I- 20h
Manhã (9h)- Geografia, Ciências, Matemática e Artes
 
 
Comentar
Compartilhe
Romário em visita a Campos
27/08/2018 | 12h44
O senador Romário, candidato ao Governo do Estado pelo Podemos, visita Campos nesta segunda-feira. A vinda do candidato foi informada no blog De Fato, do jornalista Aldir Sales.
Romário faz caminhada neste momento, na Rodoviária Roberto Silveira.
Foto: Facebook do candidato a federal Fabrício Lírio
Foto: Facebook do candidato a federal Fabrício Lírio / Foto: Facebook do candidato a federal Fabrício Lírio
Comentar
Compartilhe
Aposentados e pensionistas começam a receber primeira parcela do 13o
27/08/2018 | 10h28
Aposentados e pensionistas começam a receber nesta segunda-feira (27) a antecipação da primeira parcela do décimo terceiro. De acordo com a Secretaria de Previdência, o depósito será feito junto com a folha mensal de pagamentos do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) até 10 de setembro, conforme a Tabela de Pagamentos de Benefícios 2018.
 A estimativa é de que essa antecipação injete na economia do país R$ 20,7 bilhões em agosto e setembro. Segundo o INSS, 29,7 milhões de beneficiários terão direito a receber a primeira parcela do abono anual, que corresponde à metade do valor do benefício.
(Fonte: Agência Brasil)
Comentar
Compartilhe
Procuradoria Eleitoral quer impugnação da candidatura de Armando Carneiro
25/08/2018 | 16h03
Ex-prefeito de Quissamã, Armando Carneiro (PV) está na lista dos políticos com pedido de impugnação por parte da Procuradoria Regional Eleitoral (PRE). Também contesta a candidatura de Armando o Partido dos Trabalhadores (PT). Recentemente, Armando teve sua condenação mantida pela 6ª Câmara Criminal do Tribunal de Justiça do Rio (TJRJ). Por telefone, o candidato a deputado estadual afirmou que está tranquilo: “Querem jogar uma cortina de fumaça sobre minha candidatura. Meus advogados me deixaram muito tranquilo. Minha candidatura está indo de vento em popa. Hoje, por exemplo, estou em Macaé. Já estive em Campos várias vezes. Estou muito otimista”, disse.
O Ministério Público Estadual (MPRJ) moveu Ação Civil Pública para investigar a contratação da empresa RKM Fitness para realização de um evento nacional de esportes no município, em setembro de 2006. A contratação se deu por dispensa de licitação, no valor de R$ 99.060 mil.)
Comentar
Compartilhe
MP Eleitoral impugna 24 candidaturas, entre elas de Garotinho
25/08/2018 | 11h28
Nestas eleições, a Procuradoria Regional Eleitoral no Rio de Janeiro (PRE/RJ) impugnou 24 candidatos no Estado porque não cumpriam os requisitos da Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010). Entre os registros impugnados, estão de candidatos a governador (um), senador (um), deputado federal (quatro) e deputado estadual (20). A reprovação de contas relativas ao exercício de cargos ou funções públicas e o abuso de poder político e econômico são as causas mais recorrentes de impedimento a esses candidatos, respectivamente dez e seis casos.

A PRE trabalhou analisando os documentos fornecidos pelos candidatos e os dados levantados junto aos Tribunais de Contas da União (TCU) e do Estado (TCE/RJ), além dos Tribunais da Justiça Estadual (TJ/RJ) e Federal (TRF2) para identificar possíveis irregularidades em candidaturas. Agora as impugnações protocoladas pela PRE/RJ serão analisadas pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RJ), que decidirá sobre o prosseguimento ou não do candidato no pleito.

Causas de impugnação*
10 reprovação de contas
6 abuso de poder
4 condenação criminal
3 ato doloso de improbidade
2 doação eleitoral ilegal
1 conduta vedada a agentes públicos
*Dois casos reuniam mais de uma causa

Confira todas as candidaturas impugnadas com base na Lei da Ficha Limpa:

Candidato/nome na urna

Cargo

Causa de inelegibilidade

Número do processo

Anthony Garotinho (PRP)

Governador

Ato doloso de improbidade administrativa

0603231-22.2018.6.19.0000

Lindbergh (PT)

Senador

Contas reprovadas

0602102-79.2018.6.19.0000

Moises D’Luta (PPL)

Deputado federal

Abuso de poder político e econômico

0603525-74.2018.6.19.0000

Paulo Corrêa (MDB)

Deputado federal

Contas reprovadas

0604260-10.2018.6.19.0000

Robson Paes (PR)

Deputado federal

Doação eleitoral ilegal

0601283-45.2018.6.19.0000

Sandro Matos (PSD)

Deputado federal

Contas reprovadas

0600732-65.2018.6.19.0000

Alair Corrêa (PRP)

Deputado estadual

Ato doloso de improbidade administrativa e contas reprovadas pelo TCE

0603533-51.2018.6.19.0000

Armando Carneiro (PV)

Deputado estadual

Condenação criminal pelo TJ e contas reprovadas

0603887-76.2018.6.19.0000

Bispo Gleibe de Andrade (PRTB)

Deputado estadual

Doações eleitoral ilegal

0603943-12.2018.6.19.0000

Doutor Fernando Gonçalves (PSL)

Deputado estadual

Ato doloso de improbidade administrativa

0602361-74.2018.6.19.0000

Dr. Deodalto (DEM)

Deputado estadual

Condenação por conduta vedada a agente público (TRE)

0601763-23.2018.6.19.0000

Felipe Peixoto (PSD)

Deputado estadual

Abuso de poder de comunicação

0600672-92.2018.6.19.0000

Gedeon Antunes (PODE)

Deputado estadual

Contas reprovadas

0603174-04.2018.6.19.0000

Gelsinho Guerreiro (MDB)

Deputado estadual

Abuso de poder político e econômico

0603030-30.2018.6.19.0000

Irmão Bira (PMB)

Deputado estadual

Condenação criminal pelo TJ

0602566-06.2018.6.19.0000

Kellinho (PROS)

Deputado estadual

Abuso de poder político e econômico

0602257-82.2018.6.19.0000

Marcão (MDB)

Deputado estadual

Contas reprovadas

0603016-46.2018.6.19.0000

Miguel Novaes (SDD)

Deputado estadual

Condenação criminal pelo TJ-RJ

0601066-02.2018.6.19.0000

Napoleão O Imperador (PHS)

Deputado estadual

Condenação criminal pelo TJ-RJ

0601410-80.2018.6.19.0000

Sagário Nego Velho (Avante)

Deputado estadual

Contas reprovadas

0602176-36.2018.6.19.0000

Thiago Virgílio (PTC)

Deputado estadual

Abuso de poder político e econômico

0602989-63.2018.6.19.0000

Waldeck Carneiro (PT)

Deputado estadual

Contas reprovadas

0602041-24.2018.6.19.0000

Wilson Três Fontes (PROS)

Deputado estadual

Abuso de poder político e econômico

0602284-65.2018.6.19.0000

Zito (PP)

Deputado estadual

Contas reprovadas

0600769-92.2018.6.19.0000

 

Comentar
Compartilhe
Empresários de três estados em Campos para conhecer agricultura local
24/08/2018 | 21h14
O superintendente de Agricultura de Campos, Nildo Cardoso, recebeu, nesta sexta-feira, empresários de Alagoas, Mato Grosso e São Paulo. Eles vieram conhecer a agricultura local e o tipo de terra no município. O próximo encontro já está definido: será em Mato Grosso. Nildo vai conhecer uma tecnologia que transforma batata doce em etanol.
"Vai gerar emprego e menos custo do consumidor de etanol. Vamos fazer uma unidade em Campos", afirma.
Cristóvão Spalla, Geraldo Silva (empresário de Alagoas ), Nildo Cardoso (Sup. Agricultura Campos) , Aldo Silva (empresário de Mato Grosso ) e Ricardo Ribeiro (São Paulo). 
Comentar
Compartilhe
Contrato para iluminação pública com valor 50% menor publicado no DO
24/08/2018 | 10h52
O Diário Oficial desta sexta-feira (24) traz a publicação do extrato de contrato com a empresa Urbeluz Energética S/A, que será responsável pela manutenção da iluminação pública em Campos.
O valor global de R$ 6.750.000,00. Inicialmente, a licitação estava estimada em R$ 13.771.994,36 milhões, havendo, pois, uma economia de mais de 50%.
A licitação foi contestada por empresas e até suspensa, mas finalmente foi autorizada pelo TCE.
Comentar
Compartilhe
RJ e SP tem maior concorrência para vaga de deputados
23/08/2018 | 21h38
Os eleitores de Rio de Janeiro e São Paulo poderão escolher entre mais de mil candidatos para votar para deputado federal. Os dois estados têm a maior concorrência por uma vaga na Câmara dos Deputados. A relação candidato/vaga é de 23,9 no RJ e 23,6 em SP.
A informação é do G1, que analisou dados a partir dos dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
 Em São Paulo, 1.651 candidatos concorrem a 70 vagas para representar a população do estado na Câmara dos Deputados. São Paulo tem o maior número de cadeiras reservadas na Casa por causa de seu tamanho populacional. A Constituição Federal determina que nenhum estado tenha menos do que 8 ou mais do que 70 deputados federais.
 Já o estado do Rio tem 1.100 candidatos a deputado federal para 46 vagas na Câmara. É o terceiro estado com mais cadeiras na Casa, atrás de SP (70 vagas) e MG (53). O Distrito Federal fica em terceiro lugar no ranking sobre a concorrência por uma vaga na Câmara dos Deputados. São 184 candidatos para 8 vagas – ou seja, 23 candidatos por vaga.
 
 
(Fonte: G1)
Comentar
Compartilhe
Procuradoria Eleitoral quer impugnação das candidaturas de Kellinho e Thiago Virgílio
23/08/2018 | 16h11
A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) impugnou as candidaturas a deputado estadual de Kellenson “Kellinho” de Souza (Pros) e Thiago Virgílio (PTC). Os dois são ex-vereadores em Campos dos Goytacazes e deixaram os cargos por terem sido condenados em segunda instância por abuso de poder político e econômico cometido por meio de um esquema que usava o programa Cheque Cidadão, da Prefeitura de Campos, para a compra de votos.
 Para a PRE, a Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010) tornou Kellinho e Virgílio inelegíveis até 2024 por terem sido condenados pela Justiça Eleitoral em Campos e depois pelo TRE nesse esquema criminoso em busca de votos nas eleições de 2016. O TRE/RJ, que julga o registro de candidaturas, notificará os dois para se defenderem e, se necessário, produzirem prova testemunhal e documental.
 Os recursos (embargos de declaração) de Kellinho e de Thiago Virgílio foram julgados pelo TRE neste ano e foram negados por unanimidade. A PRE consultou os tribunais superiores e verificou que não há decisão cautelar que suspenda a inelegibilidade de Kellinho e Thiago Virgílio.
Atualização:
 
Resposta de Thiago Virgílio:
"O pedido de impugnação no domingo a noite. Já estamos preparando nossa defesa, temos sete dias para apresentá-la. Estamos muito tranquilos. Se o TRE negar, pediremos ao TSE e, se necessário, vamos até o STF. Ou seja: Seremos candidatos de qualquer maneira, mesmo sub-judice. No nosso entendimento, o processo da Chequinho foi uma armação contra Garotinho e contra o grupo de Garotinho e que está com seus dias contados. Não temos dúvidas. O que preciso fazer é ganhar a eleição. Tenho certeza que meus votos serão validados. Tenho certeza que, até a data da diplomação, em 19 de dezembro, toda a operação Chequinho cairá por terra. Vou trabalhar para ganhar a eleição e até 19 de dezembro esta farsa chamada Chequinho vai cair por terra".
Comentar
Compartilhe
Cinco candidatos à Presidência com registros aprovados pelo TSE
23/08/2018 | 14h54
Na manhã desta quinta-feira (23), os ministros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovaram, em Plenário, o registro de candidatura de mais quatro candidatos à Presidência da República e seus respectivos vices candidatos: Marina Silva e Eduardo Jorge; Guilherme Boulos e Sônia Guajajara; Cabo Daciolo e Suelene Balduino; e João Amoêdo e Christian Lohbauer. Os ministros também aprovaram o Demonstrativo de Regularidade de Atos Partidários (DRAP) relativos a cada uma das coligações que representam esses candidatos.
 No dia 21 de agosto, o Plenário já havia aprovado o registro da candidata Vera Lúcia e de seu vice, Hertz Dias, que concorrem pelo Partido Socialista dos Trabalhadores Unificados (PSTU).
 
Comentar
Compartilhe
"Vou comemorar minha vitória em Campos", afirma Eduardo Paes
22/08/2018 | 21h50
"Dia 8 de outubro estarei em Campos para comemorar minha vitória". A afirmação é do candidato ao Governo do Estado pelo DEM, Eduardo Paes, que cumpriu agenda nesta quarta-feira (22) em Campos e região.
Com o espaço Versailles super lotado, Paes participou de um grande encontro com lideranças políticas e afirmou que o município será prioridade em seu governo.
E disse que ajudará a gestão do prefeito Rafael Diniz (PPS) a recuperar o município do caos econômico deixado pela administração passada.
Ele também afirmou que será governador de todos os municípios.
Leia mais na edição desta quinta-feira da Folha da Manhã.
Comentar
Compartilhe
Caso Iuri: Primeira audiência que investiga 4 médicos acontece nesta quinta
22/08/2018 | 16h56
Acontece nesta quinta-feira (23), às 9h30, na 1 Vara Criminal, a primeira audiência da ação que investiga a morte do jovem Fernando Iuri Chagas Rangel. Quatro médicos foram denunciados por meio da 1ª e da 2ª Promotoria de Justiça de Investigação Penal. A audiência será conduzida pelo juiz Bruno Rodrigues Pinto.
Iuri faleceu em 26 de dezembro de 2013, aos 19 anos, após complicações neurológicas decorrentes de uma cirurgia de clavícula, realizada em um hospital particular de Campos. De acordo com a denúncia, o rapaz passou pela cirurgia simultaneamente com outras três pessoas, recebeu fortes doses de anestésico, passou mal e não recebeu socorro em tempo.
No último dia 21 de outubro do ano passado, o MP denunciou os quatro médicos que atenderam Iuri. O cirurgião Paulo Cézar Mota da Rocha e o anestesista Luis Bernardo Vital Brasil Bogado foram denunciados por homicídio doloso e falsidade ideológica. Já os médicos Rocklane Viana Areas e Hugo Manhães Areas foram denunciados por falsidade ideológica, no mesmo procedimento.
A Justiça aceitou a denúncia em 13 de novembro de 2017. (Lembre AQUI)
De acordo com o advogado de Fernanda Chagas, mãe de Iuri, Tiago Reid, "Seja qual for a decisão da Justiça, espera-se que a triste e precoce morte de Fernando Iuri possa ter um significado utilitário: mostrar para a sociedade que a morte de alguém não pode ser banalizada. Aguarda-se que a Justiça trate a hipótese com o mesmo rigor: médicos ou analfabetos; pobres ou ricos; em ruas ou em hospitais. Quem sabe, dessa forma, a dor insuperável e imensurável da perda de um filho possa transformar-se na esperança de expurgar práticas médicas desidiosas, contribuindo para que inúmeros pacientes tenham um tratamento digno e correto".
Comentar
Compartilhe
Mesa da Câmara cassa mandato de Paulo Maluf
22/08/2018 | 12h23
A Mesa Diretora da Câmara decidiu hoje (22) declarar a perda do mandato do deputado afastado Paulo Maluf (PP-SP). Atualmente, ele cumpre prisão domiciliar em São Paulo por ter sido condenado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) pelo crime de lavagem de dinheiro.
 Após reunião na manhã de hoje (22) na residência oficial da presidência da Câmara, em Brasília, o corregedor da Casa, deputado Evandro Gussi (PV-SP), informou que não há mais recurso à deliberação da Mesa e que a decisão do STF tem que ser cumprida.
 Maluf cumpre pena de 7 anos e 9 meses de reclusão em casa, em São Paulo, após condenação por desvios em obras quando foi prefeito da capital paulista. Ele chegou a ser preso por três meses em regime fechado, em Brasília, mas teve direito a regime domiciliar concedido pelo plenário do STF em maio.
 Em maio, o parlamentar afastado foi novamente condenado, por unanimidade, pela Primeira Turma STF por falsidade ideológica com fins eleitorais devido a fraudes na prestação de contas de sua campanha eleitoral de 2010. A pena é de 2 anos e 9 meses de prisão em regime semiaberto, convertido para domiciliar.
 (Fonte: Agência Brasil)
Gustavo Lima - Câmara dos deputados
Comentar
Compartilhe
Datafolha: Paes lidera em empate técnico com Romário e Garotinho
22/08/2018 | 07h47
O ex-prefeito Eduardo Paes (DEM) é o mais bem posicionado na disputa pelo Governo do Estado, com 18% das intenções de voto, segundo a pesquisa Datafolha divulgada na madrugada desta quarta-feira. Paes, no entanto, está tecnicamente empatado com o senador Romário (Podemos), que tem 16%, e com o ex-governador Anthony Garotinho (PRP), que tem 12%. A margem de erro do levantamento é de três pontos porcentuais, para mais ou para menos.
Pesquisa Ibope divulgada segunda mostrava empate técnico, mas com Romário à frente. Confira no Arnaldo Neto.
 A pesquisa Datafolha aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo do Rio de Janeiro.
Eduardo Paes (DEM): 18%
Romário Faria (Podemos): 16%
Anthony Garotinho (PRP): 12%
Indio da Costa (PSD): 5%
Tarcísio Motta (PSOL): 5%
Pedro Fernandes (PDT): 3%
Marcelo Trindade (Novo): 2%
Márcia Tiburi (PT): 2%
Dayse Oliveira (PSTU): 1%
Wilson Ex Juiz Federal (PSC): 1%
Luiz Eugênio (PCO): 1%
André Monteiro (PRTB): 1%
Brancos/nulos/nenhum: 26%
Não sabe: 7%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal Folha de S.Paulo. É o primeiro levantamento do Datafolha realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.
 Sobre a pesquisa
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.322 eleitores em 33 municípios, com 16 anos ou mais
Quando a pesquisa foi feita: 20 e 21 de agosto
Registro no TRE: RJ-03549/2018
Registro no TSE: BR04023/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado
(Fontes: G1 e O Dia) 
 
 
Comentar
Compartilhe
TRE define tempo de partidos e coligações no horário eleitoral gratuito
21/08/2018 | 20h14
O TRE-RJ definiu, nesta terça-feira (21), a distribuição do tempo e a ordem de veiculação dos programas e inserções em rádio e televisão dos partidos e coligações no horário eleitoral gratuito, que terá início em 31 de agosto. A reunião foi comandada pelo coordenador da fiscalização da propaganda eleitoral no estado, juiz Mauro Nicolau Júnior, que destacou a importância da participação dos representantes dos partidos, coligações e emissoras. "Agradeço a presença de todos. O objetivo desse encontro é promover a transparência, lisura, objetividade do processo eleitoral", disse o magistrado.
 Por meio de sorteio, foi definida a ordem de veiculação da propaganda, para o primeiro dia do horário eleitoral, referente aos cargos de governador, senador, deputados federal e estadual. Conforme disposto na Resolução TSE 23.551/2017, a ordem nos dias seguintes obedece a um rodízio, ou seja, o último veiculado no dia anterior passa a ser o primeiro do dia seguinte, apresentando-se as demais legendas ou coligações na ordem do sorteio. Para o primeiro turno, o horário eleitoral gratuito na televisão terá 50 minutos diários, divididos em dois blocos de 25 minutos, de segunda a sábado, além de 70 minutos em inserções por dia, inclusive aos domingos.
 Na disputa para o cargo de governador, a Coligação Força do Rio (DEM / PP / MDB / PTB / SOLIDARIEDADE / PSDB / PPS / PV / DC / PHS / AVANTE / PMN), de Eduardo Paes, terá o maior tempo na TV e rádio, com 3 minutos e 43 segundos em rede e 5 minutos e 48 segundos em inserções, seguida da Coligação Frente Popular (PT / PCdoB), de Marcia Tiburi, com 1 minuto e 22 segundos em rede e 2 minutos e 9 segundos em inserções. A Coligação Renovar Para Mudar (PDT / PSB), de Pedro Fernandes, terá 58 segundos em rede e 1 minuto e 31 segundos em inserções; a Coligação A Força Que Vem Do Povo (PODE / PR / REDE / PPL), de Romário Faria, 44 segundos em rede e 1 minuto e 9 segundos em inserções; o Partido Social Democrático, de Índio da Costa, 40 segundos em rede e 1 minuto e 3 segundos em inserções; a Coligação Para o Povo Voltar a Ser Feliz (PRP / PRB / PTC / PATRI / PMB), do candidato Anthony Garotinho, 32 segundos em rede e 50 segundos em inserções; a Coligação Mais Ordem, Mais Progresso (PSC / PROS), de Wilson Witzel, 27 segundos em rede e 43 segundos em inserções.
 A Coligação Mudar É Possível (Psol / PCB), de Tarcísio Motta, terá 9 segundos em rede e 14 segundos em inserções; o Partido Renovador Trabalhista Brasileiro (PRTB), de André Monteiro, 5 segundos em rede e 8 segundos em inserções; o Partido da Causa Operária (PCO), de Luiz Eugênio, 4 segundos em rede e 7 segundos em inserções; o Partido Novo, de Marcelo Trindade, 4 segundos em rede e 7 segundos em inserções; e o Partido Socialista dos Trabalhadores Unificado (PSTU), de Dayse Oliveira, também 4 segundos em rede e 7 segundos em inserções. Os tempos para os demais cargos, bem como os planos de mídia completos e a ordem de veiculação podem ser consultados no site do TRE-RJ, em Eleições>Eleições 2018>Propaganda Eleitoral > Horário Eleitoral. A ata da reunião também será disponibilizada até esta quarta-feira (22) no mesmo endereço eletrônico.
 Conforme prevê a Lei das Eleições (Lei nº 9.504/97), a divisão do tempo da propaganda no rádio e na TV é feita da seguinte forma: 90% distribuídos proporcionalmente ao número de representantes que o partido tenha na Câmara dos Deputados, considerados, no caso de coligação para eleições majoritárias, o resultado da soma do número de representantes dos seis maiores partidos que a integrem e, nos casos de coligações para eleições proporcionais, o resultado da soma do número de representantes de todos os partidos que a integrem. Os outros 10% devem ser distribuídos igualitariamente.
 Debate aberto com partidos e emissoras
 Durante a reunião, ficou acordado que os partidos e coligações entregarão as mídias com as propagandas gravadas em meio físico, e opcionalmente por meio eletrônico, conforme a disponibilidade definida pelas emissoras para os tipos de arquivos e meios de recebimento.
 O advogado Luciano Alvarenga, representando o Partido Democrático Trabalhista (PDT), ressaltou a importância das reuniões realizadas no TRE-RJ. "O trabalho de orientação que o Tribunal vem fazendo é fundamental para o bom andamento do processo eleitoral. Esse diálogo aberto com os partidos políticos, com possibilidade de se discutir e estabelecer conjuntamente pontos importantes do horário eleitoral gratuito e da propaganda como um todo, é justamente o que esperamos", opinou.
 O técnico da Rádio Nacional André Fontana disse que sempre "faz questão" de comparecer às reuniões convocadas pelo TRE-RJ. "Em todo pleito, sempre há alguma mudança de regra ou de procedimento que precisamos saber para fazer bem o nosso trabalho e não sermos pegos de surpresa", explicou. Filipe Parente, da TV Brasil, concordou: "Quando o horário gratuito tem início, o trabalho da área técnica fica ainda mais corrido. Temos que estar preparados para resolver rapidamente todos os imprevistos, daí a importância de conhecer e debater antes o assunto", destacou.
Comentar
Compartilhe
Eduardo Paes em Campos e região nesta quarta
21/08/2018 | 20h00
Candidato ao Governo do Estado, Eduardo Paes cumpre agenda na região nesta quarta-feira (22). Ele visita as cidades de Italva, Cardoso Moreira, São Francisco de Itabapoana, São João da Barra e Campos.
 10h - Caminhada em Italva. Ponto de encontro: Avenida Governador Leonel Brizola.
11h - Caminhada pelo Centro de Cardoso Moreira. Ponto de encontro: Ponte do Centro.
12h30 - Caminhada na Praça de São Francisco de Itabapoana.
17h - Caminhada pelo Centro de São João da Barra. Ponto de encontro: Rua Joaquim Tomás de Aquino Filho.
20h - Reunião com empresários na Firjan de Campos. Local: Rua Bruno de Azevedo.
Além disso, Paes e o vice Comte Bittencourt terão um grande encontro com políticos da região.
 
 
Comentar
Compartilhe
Venda do futuro de Campos para o RJ: "Garotinho é um cara de pau", diz Pezão
21/08/2018 | 14h37
Chamado na TV, durante o debate da Band, de "frouxo" por Anthony Garotinho (PRP) por aceitar as condições impostas pela União para que o estado aderisse à recuperação fiscal, o governador Luiz Fernando Pezão (MDB) procurou a Coluna para rebater: "O Garotinho é um cara de pau! Fez uma operação de crédito em Campos dos Goytacazes em que pegou R$ 900 milhões com juros de 43%. Nós fizemos pagando 8%. Eu é que sou frouxo?"
De acordo com a Prefeitura de Campos, comandada hoje por Rafael Diniz (PPS), a gestão anterior pegou dois empréstimos em 2016 que totalizaram R$ 962 milhões. Na ocasião, Garotinho era o homem forte do município comandado pela prefeita Rosinha Garotinho. A transação é investigada pelo Ministério Público Federal.
 (Coluna Informe do Dia, jornalista Paulo Cappelli)
* O espaço está aberto para manifestação do candidato Garotinho, se assim desejar.
Comentar
Compartilhe
Avante muda presidência em Campos
21/08/2018 | 12h29
O partido Avante tem nova presidência em Campos: Seleana Bastos assumiu o comando da legenda com a missão de reestruturação local e coordenação regional. 
A mudança foi através do presidente estadual do AVANTE, Vinícius Cordeiro.
A legenda, ex-PT do B, foi governo durante a gestão Rosinha e chegou a ensaiar, ano passado, uma mudança do posicionamento (Lembre AQUI). Mas agora volta com força para o grupo rosáceo: Seleana Bastos é ligada ao ex-vereador Mauro Silva e aliada aos Garotinho.
Embora, em nível estadual, esteja na coligação do candidato ao Governo do Estado, Eduardo Paes.
Ex-presidente do Avante, Nilo Gomes entrou em contato há pouco com o blog e explicou que deixou a legenda por não concordar com o atual posicionamento da estadual, que caminha com Eduardo Paes, e o que se desenha para 2020.
"Com a aproximação destas eleições, o Partido AVANTE DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO se mostrou inverso ao que me foi apresentado em minha posse, como partido a se manter afastado do atual quadro político partidário que maculou nosso estado. FATO PELA QUAL O AVANTE SE MONTROU UM PARTIDO A QUAL NÃO PODERIA PERMANECER RETILÍNEO EM MINHAS CONVICÇÕES POLITICAS.
Permanecerei com minhas convicções de uma política limpa que resgate a dignidade política com boa gestão dos recursos públicos a qual todos necessitamos e com constantes mudanças de gestores seja políticos seja partidários para assim mudarmos que seja gota a gota este sistema que nos envergonha.
Desejo sabedoria a futura estrutura Municipal Partidária", afirmou.
Ele acrescentou, ainda: "O momento agora será de avaliação, fui convidado hoje pela manha a integrar uma nova legenda, pois muito me preocupa a condução a eleição municipal de 2020 mantendo-se os mesmos grupos políticos, em reunião toda a estrutura partidária que estruturei por todo este tempo a frente do AVANTE decidiu por me acompanhar".
Atualização no texto:
Comentar
Compartilhe
Prefeita de Quissamã anuncia equiparação para agentes de Saúde
20/08/2018 | 22h28
O Dia Municipal do Agente Comunitário de Saúde foi comemorado nesta segunda-feira, em Quissamã, pela categoria com um almoço que contou com as presenças da secretária de Saúde Simone Flores e da prefeita Fátima Pacheco. A prefeita anunciou que encaminhará a Câmara Municipal, projeto de Lei equiparando o piso salarial dos agentes comunitários aos de endemia.
 “Encontramos um quadro caótico em diversas áreas, principalmente na Saúde, mas com responsabilidade estamos avançando dia a dia. Hoje podemos comemorar. Nosso Hospital e nossas unidades estão recebendo equipamentos de ponta, adquirimos diversos veículos para atendimento aos pacientes, dentre eles uma UTI móvel, comprada com recursos próprios, aumentamos o número de atendimentos e gradativamente estamos concedendo melhoria salarial aos nossos servidores”, disse a prefeita.
Segundo a secretária de Saúde Simone Flores, a equiparação garantirá um piso superior ao revindicado pela categoria.Vale ressaltar que a Lei que instituiu o Dia do Agente Comunitário de Saúde é de autoria da então vereadora Fátima Pacheco, que sempre se mostrou sensível as causas da categoria.
Comentar
Compartilhe
Ibope: Romário, Paes e Garotinho empatados tecnicamente
20/08/2018 | 20h00
Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira (20) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto para o governo do Rio de Janeiro:
 Romário Faria (Podemos): 14%
Eduardo Paes (DEM): 12%
Anthony Garotinho (PRP): 12%
Tarcísio Motta (PSOL): 5%
Indio da Costa (PSD): 3%
Pedro Fernandes (PDT): 2%
Márcia Tiburi (PT): 2%
André Monteiro (PRTB): 1%
Dayse Oliveira (PSTU): 1%
Marcelo Trindade (Novo): 1%
Wilson Ex Juiz Federal (PSC): 1%
Luiz Eugênio (PCO): 0%
Brancos/nulos: 35%
Não sabe/Não respondeu: 11%
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pela Editora Globo, que edita o jornal O Globo. É o primeiro levantamento do Ibope realizado depois da oficialização das candidaturas na Justiça Eleitoral.
 
 
Sobre a pesquisa
Margem de erro: 3 pontos percentuais para mais ou para menos
Quem foi ouvido: 1.204 eleitores em 39 municípios de todas as regiões do estado, com 16 anos ou mais
Quando a pesquisa foi feita: 17 e 20 de agosto
Registro no TRE: RJ-03249/2018
Registro no TSE: BR00596/2018
O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro
0% significa que o candidato não atingiu 1%. Traço significa que o candidato não foi citado por nenhum entrevistado
Espontânea
Na modalidade espontânea da pesquisa Ibope (em que o pesquisador somente pergunta ao eleitor em quem ele pretende votar, sem apresentar a relação de candidatos), o resultado foi o seguinte:
 
 
Anthony Garotinho (PRP): 6%
Romário Faria (Podemos): 5%
Eduardo Paes (DEM): 4%
Tarcísio Motta (PSOL): 2%
Outros: 2%
Pedro Fernandes (PDT): 1%
Márcia Tiburi (PT): 1%
Marcelo Trindade (Novo): 1%
Wilson Ex Juiz Federa (PSC): 1%
Indio da Costa (PSD): 0%
André Monteiro (PRTB): 0%
Dayse Oliveira (PSTU): 0%
Brancos/nulos: 34%
Não sabe/Não respondeu: 44%
O candidato Luiz Eugênio não foi citado.
 
 
Rejeição
O Ibope também mediu a taxa de rejeição (o eleitor deve dizer em qual dos candidatos não votaria de jeito nenhum). Nesse item, os entrevistados puderam escolher mais de um nome. Veja os índices:
 
 
Anthony Garotinho: 55%
Eduardo Paes: 38%
Romário Faria: 23%
Indio da Costa: 18%
Tarcísio Motta: 12%
Márcia Tiburi: 11%
Pedro Fernandes: 10%
Marcelo Trindade: 10%
Luiz Eugênio: 9%
André Monteiro: 8%
Dayse Oliveira: 8%
Wilson Ex Juiz Federal: 8%
Poderia votar em todos (esp.): 1%
Não sabe/não respondeu: 15%
Comentar
Compartilhe
Campos recebe nesta terça R$ 42,127.038,36 em royalties
20/08/2018 | 19h19
O município de Campos recebe, nesta terça-feira, repasse dos royalties de agosto no valor de R$ 42.127.038,36.
Em relação ao mês passado, registrou queda de 0,6% - o crédito de julho foi de R$ 41.880.510,00.
São João da Barra receberá R$ 10.441.271,27, uma queda de 2,4% em relação a julho.
Quissamã terá repasse de R$ 6.979.646,81 e uma das maiores quedas, se comparado a julho: 5,4%.
Comentar
Compartilhe
Caixa d'Água: TRE nega suspeição dos juízes Glaucenir Oliveira e Ralph Manhães
20/08/2018 | 18h42
Por maioria, o plenário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) rejeitou, na sessão desta segunda-feira, a suspeição dos dois juízes que atuaram na operação Caixa d'Água: o juiz Glaucenir Oliveira, que decretou as prisões, e Ralph Manhães, que conduz as investigações, suspensas atualmente por decisão do ministro Dias Toffoli.
O autor dos pedidos de suspeição é Fabiano Alonso, genro do ex-presidente nacional do PR e que também é réu na Ação Penal da Caixa d'Água.
 A relatora Cristiane Frota foi vencida pela maioria.
De acordo com o TRE, a Corte, por maioria, não conheceu do pedido em relação ao juiz Glaucenir Oliveira, e, por unanimidade, rejeitou em relação ao juiz Ralph Machado Manhães Junior.
Para lembrar...
A operação Caixa d'Água foi desencadeada em 22 de novembro do ano passado e levou à prisão o casal de ex-governadores Anthony e Rosinha Garotinho, o ex-presidente nacional do PR Antônio Carlos Rodrigues, seu genro Fabiano Alonso, o ex-secretário de Controle Suledil Bernardino, o ex-sub-secretário de Governo Thiago Godoy e o policial aposentado Antônio Carlos Ribeiro.
Eles são acusados pelo MP de integrarem uma organização criminosa que arrecadava recursos de forma ilícita com empresários com o objetivo de financiar as próprias campanhas eleitorais e a de aliados, inclusive mediante extorsão e com uso, segundo o MP, inclusive, de arma de fogo.
Comentar
Compartilhe
PRE pede ao TRE impugnação de candidatura de Garotinho
20/08/2018 | 17h11
A Procuradoria Regional Eleitoral (PRE) no Rio de Janeiro impugnou a candidatura a governador de Anthony Garotinho (PRP). De acordo com a PRE, ele está inelegível, pois o Tribunal de Justiça (TJ/RJ) o condenou por ato doloso de improbidade administrativa com lesão ao patrimônio público e enriquecimento ilícito de terceiro. O TJ/RJ julgou em julho o processo sobre desvios de R$ 234,4 milhões da saúde no Estado em 2005 e 2006, quando Garotinho era secretário estadual de Governo. Desde a Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010), ficam inelegíveis por oito anos candidatos condenados em órgãos colegiados, como TJs. A informação foi postada no Blog do Arnaldo Neto.
O registro do político foi impugnado nesta segunda-feira, dia 20, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE/RJ), que o notificará para se defender. Na ação, o procurador regional eleitoral Sidney Madruga pediu ao TRE que seja dada, se necessário, a oportunidade de produzir prova testemunhal e documental.
A PRE fez consulta a tribunais superiores e não há decisão cautelar que suspenda tal inelegibilidade. No último dia 17, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) não deu seguimento ao pedido de Garotinho para suspender o acórdão do TJ que manteve a condenação à suspensão dos direitos políticos por oito anos. (Lembre AQUI).
O TJ tinha rejeitado por unanimidade um recurso do ex-governador contra a sentença da primeira instância que também o condenou a ressarcir o dano aos cofres públicos e a outras sanções.
“O ato de improbidade administrativa pelo qual o candidato foi condenado deu-se na forma dolosa, conforme explicitado no acórdão condenatório”, afirmou o procurador regional eleitoral Sidney Madruga, citando a súmula do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) segundo a qual não cabe à Justiça Eleitoral decidir sobre o acerto ou desacerto das decisões que configurem causas de inelegibilidade.
(Fonte: Ascom PRE)
RESPOSTA DE GAROTINHO:
O candidato Garotinho agradece ao MPF por reconhecer sua honestidade. Sem jamais ter encontrado um indício de enriquecimento ilícito em sua vida política, o MP usou o argumento absurdo de enriquecimento ilícito de terceiros.
 Os advogados de Garotinho esclarecem que, após apresentação de defesa do candidato, o pedido do MP ainda precisa ser julgado pelo TRE, com possibilidade de recursos ao TSE e STF.
 A defesa acrescenta ainda que a decisão anterior do TJ é absurda e teratológica já que Garotinho foi julgado sem advogado de defesa num processo em que não houve comprovação de ato ilícito algum de sua parte.
 A defesa esclarece ainda que Garotinho é, mais do que nunca, candidato e segue firme na missão de reconstruir o Estado do Rio, destruído por Sérgio Cabral e seus companheiros.
Comentar
Compartilhe
Encontrado corpo do pai de Pedro Fernandes, candidato ao Governo do Rio
19/08/2018 | 14h26
Um exame, que realiza a identificação por meio das impressões digitais, realizado na manhã deste domingo (19), pelos peritos do Instituto Médico Legal (IML) de Balneário Camboriú, no Litoral Norte catarinense, confirmou a morte do piloto José Ubirajara Moreira da Silva, de 77 anos. Ele estava desaparecido desde 27 de julho. O corpo foi encontrado por pescadores e resgatado por bombeiros no sábado (18), no mar em Itajaí, no Vale.
 O reconhecimento foi feito com confronto de dados do Rio Grande do Sul. Por volta das 11h30, um dos filhos dele, o deputado e candidato ao governo do Rio de Janeiro Pedro Fernandes (PDT), estava no órgão para realizar a liberação do corpo.
 "Quero agradecer o carinho e a oração das pessoas. Todo o apoio que eu e minha família recebemos neste período todo foi muito importante", disse o deputado.
 Ubirajara está desaparecido desde 27 de julho. Ele conduzia uma aeronave Conquest 180. O avião de pequeno porte teria caído no mar entre Itapema e Navegantes, no Litoral Norte catarinense. A suspeita da queda ocorre porque o piloto não comunicou o pouso. O avião decolou na manhã de 27 de julho em direção a Itanhaém (SP).
 
 
Reprodução TV
Reprodução TV
Comentar
Compartilhe
Fiscalização do TRE lacra gráfica na zona norte do Rio
19/08/2018 | 14h21
Fiscais do TRE-RJ lacraram, na noite deste sábado (18), uma gráfica situada na Rua Goiás, em Piedade, na Zona Norte do Rio de Janeiro, devido à presença de material de campanha sem CNPJ e com irregularidades na tiragem constante das notas fiscais e nas dimensões. A interdição temporária do imóvel foi determinada pelo juiz Daniel Vargas, responsável pela fiscalização da propaganda na Capital. “Pela simples análise do material e dos documentos apresentados, infere-se a irregularidade, seja no que tange às dimensões, seja na tiragem constante das notas fiscais, sendo a medida de interdição necessária até que seja possível o recolhimento integral do material”, redigiu o magistrado em sua decisão. A operação de fiscalização foi determinada pelo coordenador da fiscalização da propaganda eleitoral no estado, juiz Mauro Nicolau Júnior. Após análise do material, relatório da fiscalização será encaminhado à Procuradoria Regional Eleitoral, à qual compete ajuizar eventual ação.
(Da Ascom TRE)
Comentar
Compartilhe
Ministro do STJ nega pedido para suspender inelegibilidade de Garotinho
18/08/2018 | 11h55
O ex-governador Anthony Garotinho tentava, mais uma vez, suspender uma condenação que pode ter reflexos em sua candidatura. A primeira foi a condenação em primeira instância da Chequinho, cujo julgamento pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) foi suspenso pelo ministro do STF Ricardo Lewandowski. Lembre AQUI. A PGR já pediu ao STF que julgue o caso antes da eleição (AQUI). 
Na Chequinho, Garotinho foi condenado e preso em 13 de setembro de 2017 a 9 anos, 11 meses e 10 dias de prisão por, de acordo com entendimento da Justiça, liderar o "escandaloso esquema" do uso político do Cheque Cidadão e que teria causado prejuízo de R$ 11 milhões aos cofres públicos.
Em outra ação, mas na justiça comum, Garotinho foi condenado pelo Tribunal de Justiça (AQUI) por improbidade administrativa. De acordo com o MP e o TJ, ele teve os direitos políticos cassados por oito anos e ainda terá que pagar multa R$ 2 milhões por danos morais e multa de R$ 500 mil.
Nesta ação, que a defesa tentava suspender no STJ, Garotinho é acusado pelo MPRJ de participar de esquema criminoso que desviou R$ 234,4 milhões da Secretaria estadual de Saúde entre 2005 e 2006. Na época, o estado era governado pela mulher do político, Rosinha Matheus e Garotinho era seu secretário de Estado do Governo.  Ele nega que esteja inelegível.
Existe, ainda, outra ação com trâmite suspenso, mas a pedido do ex-presidente nacional do PR, Antônio Carlos Rodrigue, réu com Garotinho e outras pessoas na Ação Penal da Caixa d´Água, onde são investigados por corrupção e até extorsão por arma de fogo. (Lembre AQUI)
Confira a decisão do ministro do STJ no link ou transcrita abaixo:
O ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Benedito Gonçalves negou pedido da defesa do ex-governador Anthony Garotinho para suspender acórdão do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) que lhe impôs a pena de suspensão dos direitos políticos. Na decisão em que não conheceu da medida cautelar, o ministro considerou que o STJ não tem competência para analisá-la, já que o recurso especial contra a condenação ainda não teve juízo de admissibilidade realizado pelo TJRJ.
 Garotinho (que pretende disputar novamente a eleição para o governo do Rio de Janeiro) e outros réus foram condenados por improbidade administrativa pelo TJRJ em virtude de supostas fraudes ocorridas na Secretaria de Saúde do estado entre 2005 e 2006, época em que o ex-governador ocupava o cargo de secretário. Além da suspensão dos direitos políticos por oito anos, o tribunal fluminense também condenou solidariamente Garotinho a ressarcir os cofres públicos em mais de R$ 234 milhões.
Contra o acórdão do TJRJ, foi interposto recurso especial, que ainda não recebeu o juízo de admissibilidade pela terceira vice-presidência do tribunal fluminense. Mesmo assim, a defesa apresentou pedido de tutela provisória ao STJ sob o argumento de que haveria “grandes chances” de a decisão de segundo grau ser reformada pelas instâncias superiores.
 Por isso, a defesa pedia cautelarmente a suspensão específica do dispositivo do acórdão do TJRJ que suspendeu os direitos políticos do ex-governador, até que ocorresse o julgamento de mérito do recurso especial.
 Competência do TJRJ
O ministro Benedito Gonçalves destacou que, de acordo com o artigo 1.029 do Código de Processo Civil de 2015, o pedido de concessão de efeito suspensivo a recurso extraordinário ou a recurso especial deve ser encaminhado ao tribunal superior respectivo no período compreendido entre a publicação da decisão de admissão do recurso e a sua distribuição, o que ainda não ocorreu no caso dos autos.
Por consequência, apontou o ministro, a competência para apreciação de pedidos cautelares é, nesse momento, do TJRJ, tanto que a própria defesa ajuizou perante a terceira vice-presidência do tribunal do Rio pedido de tutela cautelar urgente.
Nota da defesa
O advogado Thiago de Godoy esclarece que Garotinho não pediu ao STJ a suspensão da sua inelegibilidade simplesmente porque o candidato ao governo do estado não está inelegível.
A solicitação foi, sim, para anular um acórdão que é flagrantemente ilegal pois sequer houve advogado de defesa presente no julgamento do TJ.
Como a decisão da Justiça do Rio não inclui Garotinho no Artigo 9 da Lei de lmprobidade, que gera a inelegibilidade, o candidato continua Ficha Limpa.
Godoy esclarece ainda que o STJ simplesmente entendeu que não é o momento de julgar o pedido da defesa porque o TJ não acabou de apreciar o caso.
Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz anuncia retomada das obras do Palácio da Cultura
17/08/2018 | 18h29
O prefeito Rafael Diniz anunciou, há pouco, a retomada das obras do Palácio da Cultura, paralisadas desde meados do segundo mandato da então prefeita Rosinha. A reforma será custeada por uma empresa privada, através de acordo firmado com o Ministério Público Estadual. A empresa havia causado danos a um patrimônio público e a reforma será uma medida compensatória.
Comentar
Compartilhe
Justiça de Campos pode adotar Inteligência Artificial para acelerar execução fiscal
17/08/2018 | 14h52
O trabalho de execução fiscal da Central de Dívidas Ativas de Campos está prestes a ganhar um reforço, através do uso de Inteligência Artificial, modelo inovador, já adotado, com sucesso na 12ª Vara de Fazenda Pública.
De uma só vez e em tempo recorde, a Vara, que concentra todos os processos fiscais da prefeitura do Rio de Janeiro, bloqueou bens de devedores em 6.619 mil execuções, gerando uma eficiência arrecadatória sem precedentes no país. O total arrecadado foi de R$ 32 milhões.
No mês de julho, em apenas três dias, o novo sistema de penhora eletrônica adotado pela Vara fez o que toda a equipe do cartório levaria dois anos e meio para concluir. De acordo com o CNJ e pesquisa realizada pelo IPEA, o tempo médio de tramitação de um processo fiscal é de sete anos e quatro meses, a um custo de R$ 4.368,00 cada, somente em 1ª instância.
Responsável pela Central de Dívida Ativa de Campos, o Juiz Rubens Vianna já solicitou que Campos seja uma das Comarcas a implantar esse novo sistema:
“As cobranças tributárias serão automatizadas. O sistema do TJ estará vinculado aos sistemas dos Correios, Banco Central, Receita Federal, Detran e Cadastro de indisponibilidade de imóveis, de modo que, após o ajuizamento o sistema sem nenhuma intervenção de funcionários fará de forma automática a citação, penhora de bens, contas bancárias, automóveis do devedor e ainda requisitara dados de imposto de renda e imóveis para serem acostados aos autos eletrônicos”.
Para lembrar...
Como mostrei no início de abril (AQUI), mais de 90 mil imóveis de Campos corriam risco de penhora por dívidas tributárias. A execução começou em maio (AQUI).
Saiba mais sobre o assunto no TJRJ.
Comentar
Compartilhe
Presidente do partido de Garotinho traça apoio a Eduardo Paes?
17/08/2018 | 12h05
Candidato ao governo do Rio, Anthony Garotinho (PRP) enfrenta problemas logo no próprio quintal. A informação é do jornalista Paulo Capelli, do jornal O Dia. Segundo nota publicada na coluna Informe do Dia, a presidente do PRP no estado, Eliane Cunha, esteve anteontem na Barra da Tijuca com... Eduardo Paes (DEM). Na conversa, ela garantiu que não haverá punição aos políticos do PRP que decidirem desertar da campanha de Garotinho e pedir votos para Paes. Mais que isso: disse que, caso o ex-prefeito do Rio chegue ao segundo turno e Garotinho fique fora, o PRP vai apoiá-lo mesmo que esse não seja o desejo do ex-governador.
 Dias antes da convenção, surgiram boatos de uma conversa de Eliane e Eduardo Paes, o que foi desmentido pelo partido, que manteve a candidatura de Garotinho (Lembre AQUI
O espaço está aberto ao ex-governador e ao PRP para seus posicionamentos.
Atualização:
Há pouco, a presidente do PRP no Estado, Eliane Cunha, enviou posicionamento, garantindo apoio a Garotinho: "Eles querem DESAGREGAR o nosso grupo.... Eles estão apavorados pq o GOVERNADOR JÁ VOLTOU E VOLTOU PARA GANHAR....Mentirosos".
 
 
Comentar
Compartilhe
Mais duas aprovadas em concursos são convocadas por decisão judicial
17/08/2018 | 11h44
Mais duas aprovadas nos concursos para a Prefeitura de Campos em 2008 e 2012 foram convocadas após decisão judicial. As portarias estão no Diário Oficial desta sexta-feira.
Comentar
Compartilhe
Rafael anuncia pagamento de RPAs na próxima terça-feira
16/08/2018 | 17h58
Depois do pagamento na última sexta-feira, dia 10, o prefeito Rafael Diniz anunciou há pouco mais uma folha integral dos funcionários através de RPA, que será paga na próxima terça.
Confira abaixo:
É com grande alegria que faço este anúncio aos nossos RPAs: na próxima terça-feira estarei pagando mais uma folha integral. Apesar das dificuldades financeiras que enfrentamos, não vou medir esforços para valorizar cada vez mais estes trabalhadores que tanto contribuem com a nossa cidade.
Comentar
Compartilhe
TRE recebe 3.470 pedidos de registro de candidatura
16/08/2018 | 15h52
O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) recebeu, ao todo, 3.470 pedidos de registro de candidatura. Foram apresentados 12 pedidos de registro de candidaturas para governador, além de 15 para senador, 1.095 para deputado federal e 2.306 para deputado estadual.
 O prazo para os partidos políticos darem entrada nos pedidos de candidatura se encerrou nesta quarta-feira (15), às 19h. No entanto, o candidato escolhido em convenção que porventura não teve o registro apresentado por sua agremiação poderá requerê-lo diretamente ao TRE-RJ. O prazo é de dois dias, contados a partir da publicação do edital com a lista de todos os pedidos.
 Os registros de candidatura, após serem submetidos à Justiça Eleitoral, podem ser impugnados (contestados) por candidato, partido político, coligação ou Ministério Público, no prazo de cinco dias a partir da publicação de edital com a lista de todos os pedidos realizados pelas agremiações. O eleitor pode, nesse mesmo prazo, apresentar notícia de inelegibilidade. De acordo com o calendário eleitoral, todos os pedidos de registro de candidatos, inclusive os impugnados, devem ser julgados até 17 de setembro pelo TRE-RJ.
Comentar
Compartilhe
Quissamã: Fátima envia à Câmara projeto de lei para reajuste dos servidores
16/08/2018 | 14h24
Depois de reajustar o ticket alimentação em 30%, a prefeita de Quissamã, Fátima Pacheco, encaminhou à Câmara, na quarta-feira (15), Projeto de Lei que propõe reajuste salarial de 5% para os servidores concursados.
“Ao assumir o governo, em janeiro de 2017, encontramos os funcionários com déficit salarial de 25%. Com responsabilidade e compromisso com a legislação, alcançamos este percentual, que ainda não é o desejável, mas o possível para continuar cumprindo as obrigações trabalhistas e manter a folha de pagamento em dia”, frisou Fátima. O reajuste corresponderá a R$ 746 mil mensais, quase R$ 9 milhões a mais na folha de pagamento por ano. 
 
 
Comentar
Compartilhe
Mais um no jogo ao Governo do Estado
16/08/2018 | 12h13
Apesar de não constar no sistema até a noite de ontem, o candidato do PRTB André Monteiro foi registrado na disputa ao Governo do Estado, que conta com 12 nomes.
Comentar
Compartilhe
Os nomes no jogo: Onze registram candidatura ao Governo do Estado
15/08/2018 | 19h53
Onze políticos registraram suas candidaturas ao Governo do Estado. O registro que estava faltando até a tarde desta quarta-feira, do ex-governador Anthony Garotinho, foi feito. Já André Monteiro, do PRTB, não registrou. O prazo terminou às 19h.
Após o registro, o TRE analisa e defere ou não, cabendo, em qualquer decisão, recurso ao TSE.
 
 
Comentar
Compartilhe
Juiz Ralph Manhães volta a prometer rigor na fiscalização da campanha
15/08/2018 | 17h40
O juiz Ralph Manhães, responsável pela fiscalização eleitoral este ano, reuniu a imprensa na tarde de hoje e passou algumas regras para cobertura da campanha, que tem início hoje.
 Ralph prometeu rigor na fiscalização, a exemplo do que já tinha falado com presidentes de partidos e com a Folha da Manhã, em matéria publicada no último domingo.
Outro ponto destacado pelo juiz é o sistema biométrico. Cerca de 4, 6 milhões de pessoas no Estado do Rio farão o cadastramento biométrico na hora do voto. O magistrado demonstrou um preocupação, mas também explicou que os mesários e fiscais receberão treinamento para que tudo corra bem em 7 de outubro.
Leia a matéria completa amanhã, na Folha da Manhã.
Para saber - De acordo com o TRE, cerca de 4,6 milhões de eleitores fluminenses que constam no banco de dados de identificação civil do Detran-RJ poderão ser identificados pelas digitais ao votar nas Eleições Gerais, em outubro. Um convênio do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) possibilitou a utilização do banco de dados do departamento pela Justiça Eleitoral. Os eleitores que forem identificados por meio das digitais no dia das eleições terão os dados biométricos incorporados ao cadastro eleitoral e não precisarão comparecer posteriormente ao cartório para realizar o procedimento.
 
 
Comentar
Compartilhe
Dez candidaturas ao Governo do Estado já registradas
15/08/2018 | 12h58
Hoje é o último dia para registro de candidatura para aqueles que desejam estar na disputa de outubro. No Estado do Rio, 10 candidatos já estão com registro no site do TSE. Ainda faltam do ex-governador Garotinho (PRP) e de André Monteiro (PRTB). O prazo termina às 19h.
Após o registro, o TRE analisa e defere ou não, cabendo recurso ao TSE.
Comentar
Compartilhe
CPI dos Transportes: Pudim quer fim da Fetranspor e quebra de monopólio de linhas intermunicipais
15/08/2018 | 12h40
O deputado Geraldo Pudim, relator da CPI dos Transportes apresentou na manhã desta quarta-feira (15) seu parecer final e nele, destaca a urgente necessidade da extinção da Fetranspor, além da quebra do monopólio de empresas com a imediata revogação de todos os contratos de concessão ou permissão para exploração de linhas intermunicipais de ônibus feitos sem prévia licitação, impondo uma cláusula resolutiva que obrigue a empresa atualmente contratada a manter o serviço até que sobrevenha a conclusão do respectivo certame, com abertura imediata de processos de licitação para escolha das empresas que irão doravante explorar as linhas intermunicipais de transporte de passageiros.
 Durante o curso das investigações, Pudim encaminhou a comissão farto material de denúncia que recebeu em seu gabinete, exatamente sobre o possível monopólio da empresa, o que resultou em audiência publica realizada pela comissão da Alerj, na Câmara de Campos, em maio.
Leia a matéria completa aqui.
 
 
Comentar
Compartilhe
Rodrigo Bacellar lança candidatura amanhã, quinta-feira
15/08/2018 | 10h20
Convite para lançamento da candidatura de Rodrigo Bacellar a deputado estadual:
"Apesar do momento difícil pelo qual passa o país, estando muita gente desacreditada com parte da classe política, esse é o caminho para mudar a história. Por isso, queria te apresentar meu irmão e amigo Rodrigo Bacellar, e te convidar para o lançamento oficial da candidatura dele para deputado estadual.
 Ele tem 38 anos;é filho do ex-presidente da Câmara Municipal e atual vereador, Marcos Bacellar; atua na área do Direito, nos setores público e privado; é coordenador do Partido Solidariedade do Norte, Noroeste e Lagos Fluminense; foi presidente da Fundação Estadual do Norte Fluminense (FENORTE); assessor da Secretaria Geral de Planejamento do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) e da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj)".
Comentar
Compartilhe
"Esquema" do Rei Arthur vinha desde gestão Rosinha, diz Sérgio Côrtes
15/08/2018 | 10h06
Em depoimento ao juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, o ex-secretário de Saúde da gestão de Sérgio Cabral, Sérgio Côrtes, afirmou eque direcionava licitações da pasta para beneficiar o empresário Arthur Soares, o "Rei Arthur". Côrtes disse que, de acordo com o próprio empresário, ele deu sequência ao esquema existente na gestão de Rosinha Garotinho e que seria intermediado pelo marido dela, o também ex-governador Anthony Garotinho, atual candidato ao governo pelo PRP.
 "O contato dele (Arthur Soares) era com o ex-governador Garotinho. Ele (Arthur) me falou que tinha acordos. (Garotinho) Não era o governador na época, mas as conversas do Arthur eram com o (ex)governador (Garotinho)", relatou.
 A afirmação aconteceu durante rodada de depoimentos sobre a Operação Unfair Play. O depoimento contradisse, o do ex-governador Sérgio Cabral, também nesta segunda, que negou ter recebido propina para direcionamento de licitações, admitindo somente que usou recursos de caixa 2 para fins pessoais.
 De acordo com o G1, ao assumir a secretaria, Côrtes diz que foi apresentado ao Rei Arthur pelo então governador Sérgio Cabral. Titular da pasta, ele teria sido avisado pelo empresário para continuar "organizando" as licitações, conforme o esquema que "tinha dado certo" na gestão anterior.
 Em nota publicada no site, os ex-governadores Rosinha e Anthony Garotinho afirmaram que "a palavra de um bandido como Sérgio Côrtes vale tanto como uma nota de R$ 3".
 
 
Comentar
Compartilhe
CNJ nega recurso de Garotinho contra juiz Glaucenir de Oliveira
14/08/2018 | 17h22
O Plenário do Conselho Nacional de Justiça (CNJ) decidiu nesta terça-feira (14/8) negar provimento a um recurso administrativo em que o ex-governador do Rio de Janeiro, Anthony Garotinho, questionava a atuação de um juiz do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJ-RJ) no episódio da prisão do político, em 2016. O juiz eleitoral da 100ª Zona Eleitoral de Campos dos Goytacazes, Glaucenir Silva de Oliveira, determinou a transferência de Garotinho de um hospital público no Centro do Rio de Janeiro para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) do Complexo Penitenciário de Gericinó, no subúrbio. O blog de Arnaldo Neto também falou sobre o assunto.
Segundo o ex-governador, o juiz teria abusado de suas prerrogativas funcionais ao ignorar laudos e pareceres médicos que indicavam o quadro de saúde de Garotinho, “ameaçando de prisão médicos que se insurgiam contra tal decisão”, de acordo com a decisão do relator do processo, o corregedor Nacional de Justiça, ministro João Otávio de Noronha. O político acusou o juiz eleitoral Glaucenir Silva de Oliveira de violar o dever funcional de imparcialidade, pois teria “amizade íntima com o coordenador de campanha de adversário político” de Garotinho.
Em novembro de 2016, o ministro corregedor negou liminar a Garotinho, que pedia o afastamento do juiz Oliveira do processo. Na mesma decisão, Noronha determinou que o pedido de apuração dos fatos fosse encaminhado à Corregedoria-Geral da Justiça Eleitoral. O órgão ouviu testemunhas e recolheu provas que indicaram não ter havido “indício de desvio de conduta ou efetiva falta funcional cometida pelo juiz”.
Com base na apuração da Justiça Eleitoral do Estado do Rio de Janeiro, o ministro Noronha rejeitou novamente a pretensão do político em 22 de maio de 2017. Garotinho insistiu com o pedido para que o CNJ decidisse pela instauração de processo disciplinar contra o magistrado, quando julgasse o mérito da questão, o que ocorreu nesta terça-feira (14/8).
No julgamento, os conselheiros do CNJ decidiram negar, por unanimidade, o recurso do político fluminense.
 
 
 
 
Nota da assessoria de Garotinho:
A assessoria de imprensa de Anthony Garotinho informa que ainda existe uma queixa-crime contra o juiz Glaucenir prestes a ser julgada no Órgão Especial do Tribunal de Justiça. No processo, foi anexado o laudo do médico Marcelo Jardim mostrando que Garotinho corria risco de morte súbita no caso de uma transferência de hospital. Garotinho lamenta que, mais uma vez, tenha prevalecido o corporativismo.
Comentar
Compartilhe
Ministra Rosa Weber toma posse hoje na presidência do TSE
14/08/2018 | 10h20
A ministra Rosa Weber toma posse hoje (14), às 20h, no cargo de presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), em sessão solene no plenário da Corte.
 Rosa Weber será a segunda mulher a presidir o TSE em mais de 70 anos de criação do tribunal. A primeira foi Cármen Lúcia, em 2012. O primeiro desafio da ministra será a organização das eleições de outubro, que serão realizadas no dia 7.
 Ministra do Supremo Tribunal Federal (STF), Rosa Weber - conhecida por ser da linha "dura" do TSE por defender o cumprimento mais restrito da lei - já ocupa a vice-presidência do tribunal e vai suceder a Luiz Fux, que concluiu período máximo de dois anos no cargo. O mandato irá até agosto de 2020.
 Na mesma sessão, serão empossados os ministros Luís Roberto Barroso, do Supremo Tribunal Federal (STF), e Jorge Mussi, do Superior Tribunal de Justiça. Barroso assume como vice-presidente do TSE e Mussi será corregedor-geral da Justiça Eleitoral.
 O TSE é formado por sete ministros, dos quais três são do STF, sendo um o presidente da Corte. Dois ministros são do STJ, um dos quais é o corregedor-geral da Justiça Eleitoral, e dois juristas que representam os advogados e são nomeados pelo presidente da República.
 Nas eleições de outubro, caberá ao tribunal, além de organizar o pleito, deferir os registros de candidatura de candidatos à Presidência da República e todos os recursos que os envolvem.
 Histórico
 A ministra Rosa Weber nasceu em Porto Alegre e fez carreira como magistrada da Justiça do Trabalho no Rio Grande do Sul. Antes de ser nomeada para o STF em 2011, Rosa ocupava o cargo de ministra do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Graduou-se em Ciências Jurídicas e Sociais pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), foi juíza do Trabalho no período de 1981 a 1991, integrou o Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região (RS) de 1991 a 2006. Rosa Weber assumiu a presidência do TRT da 4ª Região de 2001 a 2003.
 
 
Comentar
Compartilhe
Estado paga salários integrais de servidores ativos, inativos e pensionistas
13/08/2018 | 14h51
O governo do Estado deposita nesta terça-feira (14/8), décimo dia útil - data de pagamento dos vencimentos, de acordo com o calendário do Estado - os salários integrais de julho para os 456.314 servidores ativos, inativos e pensionistas de todas as categorias. Será depositado pela Secretaria de Estado de Fazenda o valor líquido de R$ 1,67 bilhão, com recursos provenientes da arrecadação tributária. Os pagamentos serão efetuados ao longo do dia, mesmo após o término do expediente bancário.
  
 
Comentar
Compartilhe
Estado do Rio quer reduzir em 50% mortalidade no trânsito
13/08/2018 | 11h39
O governador Luiz Fernando Pezão e o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, assinam, nesta segunda-feira (13/08), às 15h, no Palácio Guanabara, em Laranjeiras, o Termo de Cooperação para Segurança Viária – o Programa “Road Safety”.
 A iniciativa tem como objetivo reduzir em 50% a mortalidade no trânsito, num período de dez anos. O documento recomenda aos países-membros a elaboração de um plano diretor para guiar as ações nessa área.
 As ações corroboram a implementação do Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (Pnatrans), instituído em janeiro deste ano, pelo governo federal.
 – Toda iniciativa para evitar acidentes e ajudar a salvar vidas é muito importante. É preciso conscientizar todos os segmentos da sociedade sobre a urgente necessidade de uma mudança de comportamento no trânsito, principalmente nas estradas. O Rio de Janeiro já faz esse trabalho de conscientização através da Operação Lei Seca. Conseguimos reduzir em 28% o número de mortes no trânsito em todo o estado desde que a lei foi criada, em 2009. E vamos continuar empenhando todos os esforços necessários para diminuir cada vez mais esses índices – afirmou o governador Luiz Fernando Pezão.
 
 
Comentar
Compartilhe
Paes na região
13/08/2018 | 11h37
Nome cotado ao Governo do Estado, o ex-prefeito do Rio Eduardo Paes (DEM)passou o sábado em um tour por municípios do Noroeste Fluminense. Esteve em Itaperuna, Bom Jesus do Itabapoana e Santo Antônio de Pádua.
Foi grande o número de políticos, candidatos ou não, que esteve nestes municípios para estar com Paes, que tem relacionamento com diversos partidos. Também por onde passava foi boa a receptividade.
 Pacto
Talvez por isso, um pacto de não agressão é costurado por postulantes ao governo do Rio, como afirmou o jornalista Paulo Cappeli, do Informe O Dia. O objetivo seria centrar os ataques em Eduardo Paes para tentar deixá-lo fora do segundo turno.
 
Os debates começam esta semana. A conferir.
Comentar
Compartilhe
Ralph Manhães: "É direito de réu condenado espernear"
11/08/2018 | 20h47
"Pode-se esperar uma fiscalização forte da Justiça Eleitoral para tentar manter a regra... Vou atuar e tenho atuado com firmeza neste sentido. É o que pretendo até as eleições. Façam tudo que é permitido, mas só o que é permitido. Nada a mais além do que é permitido, esse é o recado que mando para os candidatos e os partidos".
 "Não vou discutir com réu condenado... É direito de espernear do réu condenado e sentenciado a prisão. Eu não tenho que debater com réu. Eu sou juiz e ele é réu condenado. Todos os políticos, quando acontece alguma coisa, vão por esse caminho de espernear e dizer que são perseguidos". 
" Quem anda na linha não tem que ter receio da Justiça".
As afirmações acima são do juiz Ralph Manhães, responsável pela fiscalização eleitoral em Campos. Leia a entrevista completa na edição deste domingo da Folha da Manhã.
Comentar
Compartilhe
Joilza Rangel candidata a deputada estadual
11/08/2018 | 20h24
Nas últimas horas para definição dos nomes que disputarão as 71 vagas da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro, a vereadora Joilza Rangel assinou o seu registro de candidatura na sede do PSD.
A vereadora é professora, e durante sua carreira ocupou importantes cargos de gestão na educação. Ela já esteve Diretora da Escola Municipal Albertina Azeredo Venâncio, Diretora do Liceu de Humanidades de Campos, Coordenadora Estadual de Educação, Secretária de Educação, Cultura e Esportes, além de ter implantado o CIEP 365 – Luiz Carlos de Lacerda. Joilza é servidora do Estado do Rio pela educação há 32 anos e há 43 anos servidora da rede municipal.
 
 
(Da assessoria)
Comentar
Compartilhe
Abu lança sua candidatura no próximo dia 23
11/08/2018 | 00h28
O vereador Abu (PPS) lança sua candidatura no próximo dia 23 de agosto, às 19h, no Clube de Regatas Rio Branco. 
Comentar
Compartilhe
Pastor Eber lança candidatura no próximo dia 20
10/08/2018 | 20h18
O ex-deputado Pastor Eber assinou o Registro de Candidatura na sede sstadual do DEM no Rio de Janeiro. Ele fará o lançamento de sua candidatura a deputado estadual, no próximo dia 20, no Espaço Celebra no Bairro do Caju.
De acordo com a assessoria, são esperadas as presenças do candidato ao Governo do Estado, Eduardo Paes, do candidato ao Senado Cesar Maia e o atual presidente da Câmara Federal Rodrigo Maia, todos do DEM.
Comentar
Compartilhe
Quatro comunidades receberão água encanada
10/08/2018 | 20h11
Localidades de Lagoa das Pedras, Loteamento Palmares, KM 13 e KM 14 passarão a contar com água encanada. A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) obteve liberação de obra na BR 101 para passagem de uma adutora da concessionária Águas do Paraíba, que resultará no benefício às comunidades. A informação foi passada pelo superintendente de Águas do Paraíba, Jucélio Azevedo, ao vereador José Carlos (DC), que interviu junto a ANTT para liberação da obra.
“Conseguimos chegar ao objetivo, que é o de ajudar famílias que precisam. Só quem não tem água, sabe o valor dessa importante conquista. São famílias carentes que precisavam que alguém fosse à Brasília para conseguir essa liberação. Nunca desanimei, estive na ANTT e agora recebo essa grande notícia, ” disse o vereador.
Comentar
Compartilhe
Sarau Joca Muylaert no próximo dia 17
10/08/2018 | 19h20
Um sarau no bar do Miguel, localizado na Pracinha do Sossego, marcará o primeiro mês de falecimento do jornalista Joca Mouylaert. Será no próximo dia 17, a partir das 19h.
A noite promete música, poesia e boa conversa, além de muitas risadas do jeito que Joca gostava. Viva!
Comentar
Compartilhe
MP quer afastamento do secretário de Transportes de Itaperuna
10/08/2018 | 13h36
O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ), por meio da 1ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Itaperuna, ajuizou, nesta quinta-feira (09/08), ação civil pública (ACP) por atos de improbidade administrativa contra Alailton Pontes de Souza, conhecido como ‘Lalá’, requerendo o seu afastamento do cargo de secretário de Transportes do município da região Noroeste fluminense.
 A ação, com base no Inquérito Civil nº 066/18, aponta uma série de irregularidades na gestão da Creche Leão Aderbal Carneiro Terra pela Associação de Moradores do Bairro Niterói (AMONI), nos anos de 2013 a 2016. A AMONI é entidade sem fins lucrativos, mantenedora da unidade, também conhecida na localidade como Creche do ‘Lalá’. São denunciadas fraudes na celebração e execução de convênios com o Conselho Municipal de Direitos das Crianças e Adolescentes (CMDCA) de Itaperuna e com o próprio município.
 Segundo as investigações, ‘Lalá’ é o administrador de fato da AMONI e controla a diretoria executiva da associação por intermédio de parentes. Um deles é o sobrinho Igor Pontes de Souza, estudante do oitavo período de Farmácia e dependente economicamente dos pais. Apesar de não gerir financeiramente nem sua própria vida, Igor preside a AMONI desde 2015. Antes disso, desde os 18 anos, o sobrinho de Alailton recebia remuneração por verba pública como agente administrativo da creche. O vice-presidente da associação é irmão de Igor.
Pelos fatos expostos, o MPRJ requer, além do afastamento de ‘Lalá’ do cargo de secretário de Transportes de Itaperuna, a indisponibilidade de bens dos réus no valor individual de R$ 960 mil e o pagamento de multa. Como pedido principal, postula-se a condenação dos réus às sanções de ressarcimento ao erário, multa, perda da função pública, proibição de contratar ou receber benefício do poder público e suspensão dos direitos políticos. Devido aos indícios de autoria de materialidade da prática de crimes de peculato, prevaricação, condescendência criminosa, emprego irregular de verba pública, falsidade ideológica e associação criminosa serão remetidas cópias dos autos à Promotoria de Investigação Penal de Itaperuna.
(Fonte: MPRJ)
Comentar
Compartilhe
Faetec com inscrições para vagas ociosas
10/08/2018 | 12h47
O período de matrícula para vagas ociosas dos cursos profissionalizantes da Faetec segue aberto. Para se inscrever, os interessados precisam ir a uma das escolas da Fundação até a próxima terça-feira-feira (14/08), visando consultar a lista de oportunidades não preenchidas pelos sorteados.
 As chances são destinadas a qualquer pessoa que deseje cursar na Faetec, independente de ter ou não se registrado no último período de inscrições. Para se cadastrar, é necessário levar original e cópia do RG, CPF, além de um comprovante de residência (conta de água, luz ou telefone) e de escolaridade. A inscrição é realizada na hora.
 As vagas são para pessoas acima de 14 anos. No entanto, menores de 18 devem se inscrever acompanhados dos responsáveis. Para se candidatar aos cursos profissionalizantes, é preciso ter escolaridade mínima que varia, de acordo com a exigência de cada curso. As formações podem ter duração de 10 e 19 semanas.
 Os interessados podem se candidatar às vagas de Moda, Construção Civil, Desenvolvimento Social e Educacional, Gastronomia, Gestão e Negócios, Turismo, Hospitalidade e Lazer, Logística, além de idiomas. Nas unidades da Faetec em Quintino, Niterói e Marechal Hermes, estão sendo oferecidas ainda atividades Artístico-Culturais.
 
 
Comentar
Compartilhe
"Barraco em hospital": Inquérito contra Clarissa deve voltar à primeira instância
09/08/2018 | 12h34
A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, apresentou, nesta segunda-feira (6), manifestação ao ministro do Supremo Tribunal Federal (STF), pedindo a manutenção da decisão monocrática do ministro Edson Fachin, que remeteu para a Justiça do Rio de Janeiro inquérito contra a deputada Clarissa Garotinho (Pros/RJ). Filha do ex-governador do Rio Anthony Garotinho, ela é acusada de resistência e desacato contra policiais federais, em novembro de 2016, quando seu pai foi transferido do Hospital Souza Aguiar para o Hospital Penitenciário de Bangu.
 Acolhendo pedido da PGR, Fachin considerou que a conduta da parlamentar não foi praticada no exercício da função de deputada federal, e por essa razão, o caso deveria ser apurado junto à Seção Judiciária do Rio de Janeiro. A decisão segue recente jurisprudência da Corte que alterou o alcance do foro privilegiado para deputados federais e senadores, restringindo-o somente aos crimes cometidos durante o exercício do mandato e em função da atividade parlamentar.
 Por considerar o recurso apresentado pela defesa como meramente protelatório, com o objetivo de retardar a remessa dos autos à primeira instância, a procuradora-geral da República pede a rejeição do agravo regimental e a manutenção da decisão monocrática.
 Inquérito 4672 – Além da deputada federal Clarissa Garotinho, também são investigados pelos mesmos crimes o ex-governador Anthony Garotinho e sua esposa, Rosinha Garotinho, mãe da parlamentar. Como somente Clarissa possui foro por prerrogativa de função, o caso foi enviado ao STF. Embora alegue ter agido sob a proteção da imunidade parlamentar, Clarissa não conseguiu provar a relação entre os atos pelos quais é investigada e seu mandato. “Ao contrário, [Clarissa] afirma que sua ação foi ‘tomada por violenta emoção e desespero ao ver seu genitor, gravemente enfermo e correndo risco de vida (sic)'”, afirmou a procuradora-geral.
 (Informações da PGR)
 
 
Comentar
Compartilhe
TCE com parecer favorável à continuidade da licitação da merenda
08/08/2018 | 15h16
O Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE-RJ) deu parecer favorável à Prefeitura de Campos, permitindo a continuidade da licitação para contratação de empresa para fornecimento de alimentação escolar, incluindo o pré-preparo e preparo da merenda. Uma suposta empresa entrou com representação junto ao órgão fiscalizador, alegando irregularidades. O TCE apontou indícios de irregularidades da empresa denunciante e encaminhou o caso ao Ministério Público Estadual.
 No relatório, o TCE-RJ alega que não havia documento comprobatório relativo à constituição e regularidade da empresa denunciante. Além disso, um ofício foi enviado ao representante, mas não houve comprovação de que o mesmo tenha recebido. “Em consulta ao Sistema de Controle e Acompanhamento de Processos (SCAP), consta a observação de que o endereço da empresa (informado na representação) é de residência e ninguém atende no local”, diz um trecho do parecer.
 O documento do TCE destaca ainda: “Diante dos indícios de irregularidade concernentes à constituição da pessoa jurídica representante, determinarei em meu voto expedição de ofício ao Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro para as medidas que eventualmente entender cabíveis, sem prejuízo de determinar à Secretaria Geral de Controle Externo desta Corte que proceda às anotações pertinentes em banco de dados de modo a compor matriz de risco a subsidiar eventuais fiscalizações”.
 — Todas as empresas que entram com recursos no Tribunal de Contas devem saber que serão tratadas com toda seriedade possível. Àquelas que entram com o intuito de protelar com finalidade política terão como consequência o que aconteceu com esta, que está sendo encaminhada às autoridades competentes para averiguação dos fatos. Estamos sempre abertos ao diálogo e, para debater o edital, haverá sempre o recurso administrativo e a Corte de Contas – explica o sub-secretário de Compras Governamentais da prefeitura de Campos, Thiago Dias.
 Edital de licitação — A Prefeitura abriu, dia 20 de junho, o credenciamento de empresas para participação da licitação para a gestão da merenda escolar e foi notificada no dia 21 de junho, às 13h30, que a empresa CF de Souza Restaurante e Mercearia – Nome Fantasia BR Refeições, cujo capital social é de R$ 30 mil, entrou com o pedido de tutela provisória no TCE. Pelo que consta no relatório da Prefeitura, a empresa retirou o edital no dia 19 de junho às 9h06 e às 15h45 do mesmo dia impetrou o pedido de tutela. Pela alta complexidade do edital, que tem uma série extensa de questões técnicas, tanto de cunho nutricional quanto do trâmite de licitação, a Prefeitura estranha que essa empresa tenha feito análise em tão pouco tempo para impetrar um pedido de tutela, e tampouco acredita que a mesma queira participar do processo licitatório, já que os fatos listados apresentam fortes indícios de motivação política e da participação nos bastidores de alguma outra empresa para a redação do pedido ao TCE, com intuito provável de protelar e causar tumulto no procedimento licitatório.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura paga RPAs na próxima sexta-feira
08/08/2018 | 14h41
A Prefeitura de Campos realiza na próxima sexta-feira, 10 de agosto, o pagamento dos prestadores de serviço que atuaram no mês de maio pelo regime de Recibo de Pagamento Autônomo (RPA).
O secretário de Gestão Pública, André Oliveira, explica que o pagamento será realizado a todos aqueles que prestaram serviço no período. Ainda segundo André, as dificuldades financeiras são decorrentes de R$ 1 bilhão a menos na arrecadação do município, assim como do pagamento de dívidas contraídas até 2016, que totalizam R$ 2,4 bilhões.
Somente à Caixa Econômica Federal, desde janeiro de 2017, já foram pagos cerca de R$ 90 milhões referentes às parcelas do empréstimo de R$ 1,3 bilhão conhecido como “Venda do Futuro”. Além disso, o governo também paga R$ 4 milhões, mensalmente, relativos a uma dívida de R$ 180 milhões da administração anterior com o PreviCampos.
 “A situação também se agravou com a recente decisão da Justiça que determinou o bloqueio de R$ 22 milhões do repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) a Campos, mas seguimos em frente, rediscutindo as prioridades e ajustando as contas”, comentou André.
Comentar
Compartilhe
Fred Machado é eleito presidente da Câmara
08/08/2018 | 09h34
Mesa Diretora eleita para o biênio 2019/2020
Mesa Diretora eleita para o biênio 2019/2020 / Antônio Leudo
Por unanimidade, a Câmara de Campos elegeu, na sessão da manhã desta quarta-feira (8), o vereador Fred Machado (PPS) como novo presidente da Casa para o biênio 2019/2020. A informação foi adiantada pelo blog Opiniões, do jornalista Aluysio Abreu Barbosa, nessa terça-feira (7), e pelo Ponto Final da edição desta quarta da Folha da Manhã.
Também foram eleitos para o biênio: Abdu Neme (PR), primeiro vice-presidente; Marcelo Perfil (PHS), segundo vice-presidente; José Carlos (DC), primeiro secretário; Igor Pereira (PSB), segundo secretário; Luiz Alberto Neném (PTB), primeiro suplente; e Pastor Vanderli (PRB), segundo suplente. Todos eleitos por unanimidade, exceto José Carlos, que teve duas abstenções - da vereadora Joilza Rangel e Álvaro Oliveira (SD).
Logo após a votação, Fred Machado creditou a unanimidade ao trabalho que vem sendo desenvolvido por ele nos últimos seis anos: "Só tenho a agradecer a todos os vereadores. E esta unanimidade foi construída nos últimos seis anos. Mesmo na oposição, na legislatura passada, sempre mantive uma boa relação com todos os vereadores. Alguns permaneceram, outros novos entraram. E isto fez com que fluísse tranquilamente. Tinha uma boa entrada para conversar com o pessoal de oposição. Queremos uma Casa totalmente imparcial e falei com eles que faria esta imparcialidade. Além da amizade e a confiança que depositaram em mim", afirmou.
Como meta para sua presidência, Fred diz que quer manter a transparência imprimida por Marcão, além de fortalecer os laços com legislativos da região.
Antes da votação desta quarta, o vereador garantiu que, caso fosse eleito presidente, seriam mantidas as boas relações com Rafael, de quem é amigo pessoal, mas ressalvou: “só não vou ser um capacho do executivo, como foi Edson Batista (PTB) no governo Rosinha”.
Presidente até dezembro próximo, o vereador Marcão Gomes (PR) desejou sucesso ao amigo que vai sucedê-lo:
"Fiquei muito feliz. Fred é um amigo-irmão. Iniciamos nossa carreira política juntos no ano de 2013, aqui nesta Casa de Leis. Ao longo do tempo só fui admirando mais o trabalho dele. É um reconhecimento do trabalho legislativo em favor da população, mas também um trabalho interno, no contato pessoal com cada um dos vereadores, na amizade que a gente acaba construindo. Tenho certeza que ele fará uma grande presidência no próximo biênio. Parabenizar, também, a nova Mesa Diretora. Foi um grande feito na manhã de hoje e demonstrou a unidade desta Casa de Leis, no trabalho em benefício da população"
Confira vídeo com agradecimento de Fred Machado:
Confira vídeo com fala de Marcão Gomes:
Atualização nas informações e para inserir vídeos
 
 
Comentar
Compartilhe
Chequinho: Ministro do TSE nega recurso de Vinicius Madureira
07/08/2018 | 10h51
O ministro do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Tarcísio Vieira, negou seguimento ao Recurso Especial do vereador afastado de Campos, Vinicius Madureira (PRP). Com isso, Madureira continua afastado da Câmara.
Madureira foi condenado na esfera cível-eleitoral da Chequinho no início de 2017 e teve a condenação confirmada pelo TRE em 29 de maio do mesmo ano. No início de junho, o Tribunal comunicou à Câmara e determinou a convocação de Josiane Morumbi.
Recentemente, Madureira foi absolvido na esfera criminal da Chequinho, em Ação Penal que condenou os vereadores também afastados Thiago Ferrugem (PR) e Roberto Pinto (PTC).
Atualização:
Em contato com o blog, Madureira informou que vai recorrer: "Vamos agravar para ir para turma (plenário). A decisão foi monocrática".
Comentar
Compartilhe
José Serra diagnosticado com câncer de próstata
06/08/2018 | 22h01
O senador José Serra recebeu diagnostico de câncer de próstata. Na semana passada o senador havia se submetido a exames de check-up, onde constataram que havia um tumor não muito agressivo na glândula. A informações é da revista Veja.
A conduta médica provável para o caso é monitoramento do tumor, já que este é pouco agressivo os médicos preferem não entrar em processo cirúrgico ou passar para radioterapia, como explicou Miguel Srougi, professor titular de urologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e cirurgião do Hospital Sírio Libanês.
 
 
Comentar
Compartilhe
Eduardo Paes confirma Comte como vice e diz que vai priorizar interior
05/08/2018 | 21h22
O candidato ao governo do Estado do Rio, Eduardo Paes (DEM) anunciou o deputado estadual e presidente do PPS/RJ, Comte Bittencourt, como o vice-governador de sua chapa. Acompanhados por suas esposas, Cristine Paes e Magda Bittencourt, os dois celebraram a parceria no Museu de Arte Contemporânea (MAC), de Niterói, ao lado do deputado Federal e presidente da Câmara e presidente do DEM, Rodrigo Maia, do deputado Estadual André Corrêa (DEM), do deputado Federal Sergio Szveiter (DEM) e do antropólogo, e membro da executiva do PPS, Rubem César Fernandes.
 - Um dos importantes simbolismos dessa escolha é que o Comte é um deputado de Niterói, que é a segunda cidade sob o ponto de vista político mais importante do Rio de Janeiro e queremos deixar claro que vamos priorizar a Região Metropolitana e o interior. Ele é um homem com capacidade, experiência, sensibilidade e com conhecimento dos problemas do Estado – afirmou o candidato a governador.
 Paes ainda considerou que ter um vice-governador como o Comte traz tranquilidade e a certeza de que terá um parceiro a altura e pronto para assumir as mais diversas funções no governo do estado.
 - É tanto trabalho que precisa de dois governadores. Os desafios do Rio são tão grandes que vamos precisar de dois governadores. E o Comte é uma escolha do meu coração. Consultei todos os partidos da aliança, conversei com prefeitos, deputados, setores da sociedade e todos foram unânimes em apoiar e me parabenizar pela escolha do nome do Comte – destacou Paes.
 Comte Bittencourt falou de seu desafio ao aceitar o convite de Eduardo Paes.
 - Precisamos arregaçar as mangas em defesa do Rio e isso é um desafio enorme, por causa dos problemas para ser enfrentados. Pelo trabalho realizado na prefeitura, por suas obras, pela gestão e transparência, o PPS sabia que se não optasse pela candidatura própria, o Eduardo seria o melhor nome para o governo do Estado – disse Comte.
Comentar
Compartilhe
MDB confirma Pudim a federal e Edilene Vianna a estadual
05/08/2018 | 21h15
O MDB confirmou, em convenção realizada sábado, Geraldo Pudim, atualmente deputado estadual, como candidato a federal. E Edilene Vianna, esposa do ex-prefeito Arnaldo Vianna, candidata a deputada estadual.
Comentar
Compartilhe
PRP oficializa Garotinho ao Governo do Estado
05/08/2018 | 21h02
Anthony Garotinho é, oficialmente, o candidato ao governo do estado pelo Partido Republicano Progressista (PRP). Ele foi escolhido por aclamação durante a convenção da sigla neste domingo. Em meio a um clima festivo, mais de cinco mil pessoas compareceram ao evento na Escola de Samba São Clemente, no Centro do Rio. A coligação na eleição majoritária (governador e senador) será composta ainda pelas legendas PRB, Pros, Patriota, PMB e PTC.
 Acompanhado pela família, Garotinho chegou à convenção cerca de duas horas após o início. Entrou pelo portão principal da quadra da São Clemente e foi muito festejado pelo povo e por correligionários presentes. Às 12h41m, ele começou a discursar no palco, onde estavam presentes também deputados, vereadores e presidentes de todos os partidos aliados. Um dos mais celebrados foi o senador Eduardo Lopes, candidato à reeleição pelo PRB (e pela coligação). Garotinho falou, entre outras coisas, da esperança de mudar os rumos do estado.
(Da assessoria)
Comentar
Compartilhe
Marcelo Calero em Campos
05/08/2018 | 19h54
Marcelo Calero, o ex-ministro da Cultura que denunciou Geddel Vieira Lima (o homem das malas de R$ 51 milhões) e abriu caminho para sua prisão, estará novamente em Campos. Calero vem participar da festa do Santíssimo Salvador, padroeiro da cidade, na segunda-feira. Aproveitará também a oportunidade para se encontrar com lideranças locais.
Comentar
Compartilhe
PR com Marcão candidato a deputado federal
05/08/2018 | 14h18
O vereador Marcão Gomes foi escolhido em convenção do Partido da República como candidato a deputado federal.
O evento aconteceu na região central do Rio.
O PR anunciou o apoio a candidatura de Romário (Podemos) ao governo do RJ e terá como vice em sua chapa o deputado federal Marcelo Delaroli, do PR.
Marcão
Atualmente como Presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes-RJ, Marcus Welber Gomes da Silva (Marcão Gomes) nasceu em Campos dos Goytacazes (RJ) em 10 de setembro de 1974, filho de José Augusto da Silva (contador) e Arlete Gomes da Silva (professora). É casado com Elisângela Faria e pai de João Paulo e Pedro Henrique. Advogado, contador, servidor público federal do Instituto Federal Fluminense (antigo Cefet), pós-graduado em Finanças e Orçamento Público, mestre em Contabilidade e Controladoria Aplicadas ao Setor Público.
 Exerce seu segundo mandato, tendo como prioridade a defesa da transparência e do controle social dos recursos públicos.
 Foi o vereador mais votado em 2016, com 5.552 votos.
 
 
Comentar
Compartilhe
Comte Bittencourt como vice de Eduardo Paes
05/08/2018 | 11h09
O deputado Comte Bittencourt, presidente do PPS no Estado do Rio, foi escolhido na noite de sábado (04) candidato a vice do ex-prefeito Eduardo Paes (DEM), na chapa que concorre ao governo estadual. O convite foi feito pelo próprio Paes e o anúncio oficial será feito hoje a tarde, de acordo com O Globo.
O Partido Popular Socialista (PPS) havia indicado o antropólogo Rubem César Fernandes para compor como vice na chapa de Paes. O anúncio chegou a ser feito durante a convenção do PPS, na última sexta-feira (3). Paes, porém, sempre preferiu Comte e deixou claro que a escolha do vice seria sua, de modo pessoal.
 Natural de Niteroi, Comte começou a carreira política como vereador em 1992, cumprindo três mandatos até chegar à presidência da Câmara Municipal. Em 1998, foi convidado a assumir a Secretaria Municipal de Educação de Niterói,
 Em 2002 foi eleito para a Assembleia Legislativa, onde há 15 anos exerce sucessivos mandatos de deputado estadual.
 Em 2004 foi eleito vice do prefeito Godofredo Pinto, tendo na votação de 2016 sido também eleito vice-prefeito de Rodrigo Neves, mas não assumiu o mandato para não interromper a carreira no legislativo estadual.
 Sua atuação parlamentar foi sempre voltada para temas ligados ao ensino; há anos exerce a presidência da Comissão de Educação da Alerj.
(Com informações da coluna do Gilson Monteiro e do jornal O Globo)
Atualização para correção do nome da coluna.
 
 
Comentar
Compartilhe
Clodomir Crespo candidato do PRB em Campos e região
04/08/2018 | 19h47
Por falar em PRB, o partido realizou uma grande festa em sua convenção, que confirmou os candidatos do partido.
De Campos, o empresário e produtor rural Clodomir Crespo teve homologada sua candidatura a deputado estadual. Será o nome do partido em toda região Norte e Noroeste Fluminense.
  • Com vereador Pastor Vanderly

    Com vereador Pastor Vanderly

  • Com Pastor Henrique, presidente do partido em Campos

    Com Pastor Henrique, presidente do partido em Campos

Comentar
Compartilhe
PRB define apoio a Garotinho, Romário com vice do PR
04/08/2018 | 19h25
Em convenção, neste sábado em Olaria, Rio de Janeiro, o PRB de Marcelo Crivella definiu apoio à candidatura de Anthony Garotinho ao Governo do Estado.
A aliança não agradou a uma parte do PRB, mas foi defendida por Crivella como uma maneira de enfrentar Eduardo Paes, candidato ao Governo do Estado pelo DEM. O próprio ex-governador, algumas vezes, não parecia muito a vontade.
Já o Podemos oficializou o senador Romário como candidato ao Governo do Estado. A chapa encabeçada pelo ex-jogador de futebol e parlamentar desde 2010 aposta em uma dobradinha com o PR, que indiciou o vice na chapa: o deputado federal e ex-policial militar Marcelo Delaroli. A aliança conta ainda com o apoio do diretório estadual da Rede.
Comentar
Compartilhe
Papinha candidato do PSL na região
04/08/2018 | 18h43
O ex-vereador e ex-deputado estadual Papinha foi escolhido como o ÚNICO candidato a Deputado Federal do PSL, que tem o deputado Bolsonaro como candidato a presidente, na Região Norte e Noroeste e Região dos Lagos.
Comentar
Compartilhe
Conheça os candidatos (até agora) à Presidência da República
04/08/2018 | 15h33
Conheça os nomes definidos em convenção de candidatos à Presidência da República nas eleições de 2018, em ordem alfabética. Até o dia 16, serão julgados os registros de candidatura.
 Alvaro Dias (Podemos)
O Podemos confirmou o senador Alvaro Dias como candidato da legenda à Presidência da República em sua convenção nacional neste sábado (4), em Curitiba. O vice da chapa é o economista Paulo Rabello de Castro, do PSC.
Dias cumpre o quarto mandato de senador (três consecutivos desde 1999 e um de 1983 a 1987). Entre 1987 e 1991, foi governador do Paraná. Começou a carreira política no PMDB. Depois passou por PST e PP, até se filiar ao PSDB, em 1994.
Em 2001, foi expulso por agir contra orientações do partido, mas retornou em 2003 e voltou a sair em janeiro de 2016, para entrar no PV. No ano seguinte foi para o Podemos, antigo PTN, partido pelo qual anunciou a pré-candidatura à Presidência da República em novembro, durante evento no Rio de Janeiro.
Cabo Daciolo (Patriota)
 O Patriota oficializou a escolha de Cabo Daciolo como o candidato da sigla à Presidência da República em sua convenção nacional neste sábado (4). A vice na chapa é a pedagoga Suelene Balduino Nascimento, também filiada ao Patriota.
Benevenuto Daciolo Fonseca dos Santos, de 42 anos, foi eleito deputado federal pelo Rio de Janeiro nas eleições de 2014. Ele disputará a Presidência pela primeira vez.
Ciro Gomes (PDT)
 
 
O PDT definiu o nome de Ciro Gomes como candidato à Presidência em convenção partidária em 20 de julho, em Brasília. O candidato a vice ainda não foi definido.
Atual vice-presidente do partido, Ciro Gomes foi ministro da Fazenda entre setembro de 1994 e janeiro de 1995, período do final do governo de Itamar Franco e início do governo Fernando Henrique Cardoso. Foi também ministro da Integração Nacional, entre janeiro de 2003 e março de 2006, no primeiro mandato de Luiz Inácio Lula da Silva.
Disputou a Presidência duas vezes (1998 e 2002, derrotado em ambas). Foi governador do Ceará, prefeito de Fortaleza e deputado estadual e federal pelo Ceará. Já se filiou a sete partidos (PDS, PMDB, PSDB, PPS, PSB, PROS e PDT).
 
 
Geraldo Alckmin (PSDB)
O PSDB confirmou a condidatura de Geraldo Alckmin à Presidência da República em sua convenção nacional neste sábado (4). A candidata a vice é a senadora Ana Amélia (PP).
Médico de formação, Geraldo Alckmin começou a carreira pública em Pindamonhangaba, onde se elegeu vereador em 1973. Depois, foi prefeito da cidade e deputado estadual e federal por São Paulo. Em 1986, se elegeu deputado constituinte federal. Em 1988, deixou o PMDB, partido que integrava até então, para fundar o PSDB. Em 2001, assumiu o governo de São Paulo após a morte do então governador Mário Covas. Se reelegeu em 2002.
Em 2006, Alckmin disputou a Presidência e perdeu para o então presidente Lula. Em 2010, elegeu-se novamente para o governo de São Paulo, reeleito em 2014. Em dezembro de 2017, foi eleito presidente nacional do PSDB e anunciou a pré-candidatura para o Palácio do Planalto.
Guilherme Boulos (PSOL)
O PSOL confirmou em convenção nacional em 21 de julho, em São Paulo, a escolha de Guilherme Boulos como candidato à Presidência da República. A candidata a vice-presidente é a ativista indígena Sônia Guajajara, também do PSOL.
Boulos tem 36 anos e é coordenador do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST). Ele disputará a Presidência pela primeira vez. Antes de se tornar líder do MTST, Boulos foi militante estudantil na União da Juventude Comunista e se formou em Filosofia pela Universidade de São Paulo (USP).
Filiou-se em março ao PSOL. No mesmo mês, foi lançado como pré-candidato após receber maioria dos votos em disputa com outros três nomes do partido.
Henrique Meirelles (MDB)
O MDB oficializou a candidatura de Henrique Meirelles nesta quinta-feira (2), em convenção em Brasília. O partido ainda não definiu o candidato a vice.
Ex-ministro da Fazenda do governo Michel Temer, Meirelles fez carreira como executivo da área financeira. Ocupou a presidência do Bank of Boston no Brasil entre 1984 e 1996, quando foi escolhido para presidente mundial da companhia.
Em 2002, Meirelles se elegeu deputado federal pelo PSDB de Goiás. Em 2003, assumiu a presidência do Banco Central, escolhido pelo então presidente Lula. Comandou o BC até 2010, quando terminou o governo Lula. Em abril deste ano, trocou o PSD pelo MDB. Voltou a integrar o governo em 2016, como ministro da Fazenda, convidado Temer, que assumiu após o afastamento e posterior impeachment de Dilma Rousseff.
Jair Bolsonaro (PSL)
O PSL confirmou o deputado federal Jair Bolsonaro como candidato da legenda à Presidência da República em 22 de julho, no Rio de Janeiro. O candidato a vice ainda não foi definido.
Militar da reserva, Bolsonaro cumpre o sétimo mandato consecutivo como deputado. Em 5 de janeiro, o parlamentar deixou o Partido Social Cristão (PSC) e anunciou que se filiaria ao PSL. Pouco depois, anunciou que pela sigla seria pré-candidato à Presidência, nona legenda à qual se filiou.
Atualmente o parlamentar é réu em ação penal no Supremo Tribunal Federal (STF) por suposto crime de apologia ao estupro e injúria, por afirmar que não estupraria a deputada Maria do Rosário (PT-RS) porque ela "não merece". A defesa nega que Bolsonaro tenha feito apologia ao estupro.
José Maria Eymael (DC)
O DC confirmou em convenção nacional em 28 de julho, em São Paulo, a escolha de José Maria Eymael como candidato à Presidência da República. O candidato a vice-presidente é o pastor Helvio Costa.
Presidente nacional do DC, Eymael já disputou quatro vezes a Presidência da República (1998, 2006, 2010 e 2014, derrotado em todas). Deputado federal constituinte em 1988, o candidato exerceu dois mandatos na Câmara dos Deputados (entre 1987 e 1995).
Luiz Inácio Lula da Silva (PT)
O PT confirmou em convenção nacional neste sábado (4), em São Paulo, a candidatura de Luiz Inácio Lula da Silva à Presidência da República. O candidato a vice ainda não foi definido.
O metalúrgico e ex-sindicalista é lançado como candidato à Presidência pela sexta vez. Ele ocupou o cargo por dois mandatos consecutivos (2003-2006 e 2007-2010).
Lula está preso desde o começo de abril, condenado em segunda instância no caso do triplex em Guarujá, a doze anos e um mês de prisão, o que, de acordo com a lei da ficha limpa, o torna inelegível. Mas a questão precisa ser decidida pelo TSE e só pode ser julgada depois do registro oficial.
Manuela D'Ávila (PCdoB)
O PCdoB oficializou em convenção, nesta quarta-feira (1º), em Brasília, a candidatura de Manuela D'Ávila à Presidência da República. Será a primeira vez que o partido tem candidatura própria desde 1989. Até então, o PCdoB tinha integrado coligações encabeçadas pelo PT. O candidato a vice ainda não foi definido.
Jornalista, Manuela tem 36 anos e iniciou a carreira política no movimento estudantil. Foi vice-presidente da União Nacional dos Estudantes (UNE) em 2003. Em 2004, se elegeu vereadora em Porto Alegre.
Dois anos depois, em 2006, foi eleita deputada federal, reeleita em 2010. Desde 2015, é deputada estadual no Rio Grande do Sul. A pré-candidatura à Presidência da República foi anunciada em 5 de novembro de 2017 pelo PCdoB. Ela disputou ainda duas vezes a prefeitura de Porto Alegre, em 2012 e 2016, mas não foi eleita.
 
 
Marina Silva (Rede)
A Rede Sustentabilidade oficializou a candidatura de Marina Silva à presidência da República pela sigla em sua convenção nacional neste sábado (4). O partido também confirmou Eduardo Jorge (PV) como candidato a vice.
Marina foi deputada estadual no Acre (1991-1994) e senadora pelo mesmo estado por dois mandatos (1995 a 2010). Ela se licenciou do Senado de 2003 a 2008, quando ocupou o cargo de ministra do Meio Ambiente no governo Luiz Inácio Lula da Silva.
Filiada ao PT desde 1986, deixou a legenda em 2009 para se filiar ao PV, partido pelo qual concorreu à Presidência em 2010, mas não conseguiu chegar ao segundo turno. Em 2014, se candidatou novamente, desta vez pelo PSB.
Vera Lúcia (PSTU)
A candidatura de Vera Lúcia pelo PSTU foi confirmada em 20 de julho em convenção do partido. O professor Hertz Dias, da rede pública do Maranhão, foi anunciado como vice na chapa. Não haverá coligação no PSTU.
Vera Lúcia tem 50 anos e militou no PT, mas foi expulsa do partido em 1992 junto com integrantes do grupo político Convergência Socialista, que anos depois fundou o PSTU. Ela foi candidata a prefeita de Aracaju em 2012 e é graduada em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Sergipe (UFS).
Hertz Dias, de 47 anos, é militante do movimento negro e integrante do grupo Gíria Vermelha, que compõe canções de protesto.
(Com informações do G1)
Comentar
Compartilhe
PMB terá empresário Renê Siqueira como candidato a estadual
04/08/2018 | 14h28
O PMB realizou, na manhã deste sábado, sua convenção para homologação das candidaturas. De Campos, o partido tem o empresário Rene Siqueira como candidato a deputado estadual.
Por falar em Renê...
A Folha da Manhã trouxe neste sábado, matéria do jornalista Aldir Sales, falando sobre a publicação no Diário Oficial da decisão que manteve a condenação pelo TRE do ex-presidente da Câmara de Campos, Marcos Bacellar. Juristas ouvidos pela Folha da Manhã dizem que Bacellar terá de deixar o cargo após julgamento dos embargos de declaração (último recurso em segunda instância), mas que os votos não devem ser anulados para a coligação.
Quem deve assumir a cadeira na Câmara é a suplente Rosilani do Renê (PSC), que recebeu 1.496 votos. Também empresária, Rosilani é esposa de Rene Siqueira e com forte atuação às causas das mulheres em Guarus.
OBS.:
Em contato com o blog, o presidente do PMB em Campos, Luciano Freitas, acrescentou outros dados da convenção realizada hoje:
"Convenção do PMB confirma o Procurador de Justiça Dr Mendelssohn Kieling para o Governo do Estado do Rio de Janeiro. E na cidade de São João da Barra-RJ o Biólogo Gleyson Silva, candidato a deputado estadual.
 
E no município de Campos dos Goytacazes-RJ, a Professora Neuza Freitas candidata a Deputada Estadual, Professora Valnice candidata a Deputada Federal, Coronel Almir Porto para deputado estadual e Renê Siqueira para deputado estadual".
Comentar
Compartilhe
Garotinho fala de ameaças e do xixi de Cabral, mas confirma sua candidatura ao Estado
03/08/2018 | 23h01
Depois de um suspense alimentado desde quinta-feira, o ex-governador Anthony Garotinho (PRP) confirmou que será candidato ao Governo do Estado. Em live há pouco no Facebook, ao lado da esposa Rosinha, Garotinho citou supostas ameaças que estaria sofrendo por parte do também ex-governador Sérgio Cabral, preso desde novembro de 2016. Lembrou, ainda, o episódio em que Cabral teria dito que faria xixi sobre a sepultura do inimigo político.
Garotinho afirmou, de novo, que Rosinha e seus filhos temem por sua vida, mas que irá à convenção do PRP, domingo, e confirmará sua candidatura.
Porém, ele estará com escolta particular, enquanto o Estado não providencia uma para ele.
Quinta-feira, como mostrei AQUI, Garotinho afirmou “Amanhã (hoje) falarei com vocês sobre uma situação que se criou e, infelizmente, não sei se terei condições de realizar este sonho (voltar ao Governo do Estado)”.
No mesmo dia, blogs ligados a ele diziam que o PRP, partido ao qual Garotinho se filiou recentemente, estaria próximo a entrar na aliança em torno de Eduardo Paes, candidato do DEM ao Estado. Além da candidatura de Garotinho, se consolidado, este acordo atingiria em cheio a candidatura de Wladimir Garotinho a deputado federal.
O ex-governador disse esperar que as coisas fossem resolvidas durante a sexta-feira. E foram: logo pela manhã, a página do PRP publicou convite para convenção, trazendo a foto de Garotinho.
Ainda assim, ele postou durante o dia mensagens em grupos de WhatsApp, chamando para o live à noite, onde falaria sobre uma decisão importante. Decisão, aliás, que ele tomou há pelo menos 12 anos: tentar voltar a ser governador do Rio. Enfim, muito barulho por nada.
Comentar
Compartilhe
Campos Blues e Jazz adiado
03/08/2018 | 19h27
O Campos Blues e Jazz, que começaria hoje, foi adiado em função da chuva.
Se o tempo melhorar, acontecerá domingo e segunda(5 e 6 de agosto) e no próximo final de semana, 11 e 12 de agosto.
Comentar
Compartilhe
PR fecha com Romário
03/08/2018 | 14h23
O senador Romário (Podemos) acaba de vencer uma importante batalha na corrida ao Palácio Guanabara. O candidato conseguiu o apoio do PR, partido que lhe garantirá sair de poucos segundos para mais de um minuto de tempo de televisão. As inserções (propaganda no meio da grade comum das emissoras) também saltarão de uma a cada dois dias para três por dia. Para vice na chapa do ex-jogador, foi escolhido o deputado federal Marcelo Delaroli (PR).
 A aliança foi selada no início da tarde desta sexta-feira entre Romário e o presidente do PR-RJ, Altineu Côrtes.
 Antes disso, o DEM de Eduardo Paes dava como certo o apoio do PR, inclusive com Delaroli de vice na chapa. Pesou na mudança de rumo do PR a coligação para eleger deputados federais e estaduais, já que a oferecida por Rodrigo Maia (DEM) não agradou ao partido de Côrtes.
 
 
(Da coluna Informe do Dia)
Comentar
Compartilhe
PRP confirma pré-candidatura de Garotinho ao Governo do Estado
03/08/2018 | 14h16
Parece que o ex-governador Garotinho usou bem a sexta-feira. O PRP divulgou, em sua página no face, a convenção do partido, no próximo domingo. O convite traz a foto de Garotinho, confirmado como candidato ao Governo do Estado.
Comentar
Compartilhe
Ponto Final - Convenções partidárias e articulações intensas
03/08/2018 | 11h03
Correndo contra o tempo
Os últimos dias antes do prazo final das convenções partidárias têm sido de articulações intensas. Ontem, a aliança em torno do ex-prefeito do Rio, Eduardo Paes (DEM), ganhou mais um reforço: o PV anunciou apoio à candidatura de Paes ao Governo do Estado. Enquanto isso, o senador Romário tenta afinar discurso com o PSC e o ex-governador Anthony Garotinho (PRP) passou o dia incomunicável. Na verdade, comunicou e muito. Garotinho aposta as fichas na reaproximação com o PR e, de quebra, com o Pros, que tem sua filha Clarissa como pré-candidata à reeleição.
Diálogo
O presidente do Partido da República (PR) no estado, deputado federal Altineu Côrtes, não nega que existe um diálogo com o antigo mandachuva do partido: “O partido ouviu todo mundo, inclusive o Garotinho. Esse apoio vai ser definido amanhã (hoje, dia 3). A nossa convenção acontece no domingo (5), mas amanhã (hoje) a gente vai ter uma decisão sobre isso”, afirmou. Garotinho deixou o PR em janeiro, após ser destituído da presidência regional. Dois meses antes, ele havia sido preso na operação Caixa d’Água, junto com o então presidente nacional do partido, Antonio Carlos Rodrigues.
Nuvem
Garotinho deixou o PR falando “cobras e lagartos” e chamou o partido de “sucursal do governo Temer”. Também criticou Altineu Côrtes, citando, em seu blog, denúncias sobre suposta ligação com a Lava Jato. Mas, como política é como nuvem, o PR e Garotinho continuarão ligados enquanto durarem os efeitos da operação Caixa d’Água. Como exemplo, foi através do habeas corpus impetrado por Antônio Carlos Rodrigues que o andamento da Ação Penal foi suspenso, beneficiando neste momento pré-eleitoral, principalmente, Garotinho.
Boas novas
O superintendente municipal de Agricultura, Nildo Cardoso, voltou do Rio de Janeiro, ontem, com boas notícias: hoje inicia limpeza do canal de Coqueiros, começando pelo Matadouro, Califórnia, Flamboyant, Jóquei e Penha. Terça-feira inicia a dragagem do Canal Cacomanga e a retirada do “Bota fora” do canal de São Bento para nova intervenção. O trabalho é realizado em parceria entre Governo do Estado, através da secretaria estadual do Ambiente, e Prefeitura de Campos.
Requer análise
Com a popularidade maçante das redes sociais, os já conhecidos boatos, atualmente apelidados de “fake news”, têm circulado com mais frequência e atingido diversas camadas sociais, sendo algumas até tomadas como verdade absoluta. Embora a internet tenha seu papel importante na difusão rápida de informações, toda análise mais apurada é válida em quaisquer circunstâncias.
Evento
A Universidade Estadual do Norte Fluminense (Uenf), em Campos, irá sediar em setembro a 37ª Jornada Fluminense de Botânica, reunião dos botânicos do estado do Rio de Janeiro promovida pela Sociedade Botânica do Brasil. A edição deste ano terá como tema “As plantas e os seus relógios biológicos” e é voltado a alunos, professores e pesquisadores, e aberto a todos os interessados na conservação e na sustentabilidade dos recursos naturais. A data limite para submissão de resumos é até o dia 12 de agosto através do site http://uenf.br/evento/jornadafluminensedebotanica.
Idade certa
O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu manter a validade da norma que definiu a idade mínima em que crianças podem ser matriculadas no ensino fundamental nas escolas públicas e particulares. Com isso, a matrícula no primeiro ano do ensino fundamental só pode feita se a criança tiver completado 6 anos de idade até o dia 31 de março do ano da matrícula. Dessa forma, se ainda tiver 5 anos, a criança deve continuar na educação infantil até completar o critério.
Comentar
Compartilhe
Garotinho fora da corrida ao Governo do Estado?
03/08/2018 | 00h55
A candidatura do ex-governador Anthony Garotinho parece que subiu no telhado. A indicação foi dada por ele próprio, em live realizado na noite desta quinta-feira (2). Embora não citasse especificamente, Garotinho disse que falará sobre o assunto nesta sexta-feira: “Amanhã (hoje) falarei com vocês sobre uma situação que se criou e, infelizmente, não sei se terei condições de realizar este sonho (voltar ao Governo do Estado)”.
Também na noite desta quinta, blogs ligados ao ex-governador que o PRP, partido ao qual Garotinho se filiou recentemente, estaria próximo a entrar na aliança em torno de Eduardo Paes, candidato do DEM ao Estado. Além da candidatura de Garotinho, se consolidado, este acordo atingiria em cheio a candidatura de Wladimir Garotinho a deputado federal.
O ex-governador afirmou que espera solucionar a situação no decorrer do dia de hoje.
Confira o trecho do live do ex-governador, em que fala sobre o assunto:
“Vocês sabem que peguei um Estado falido com Marcelo Alencar. O Estado estava arrasado, no fundo do poço. E eu tenho todo desejo de colocar nosso Rio de novo de pé. Nem discuto se outros candidatos mereçam ou não mereçam. Eu discuto que me encontro preparado pela experiência que adquiri na outra vez que governei nosso Estado. Renegociei a dívida com 77 bancos, renegociei a dívida com o Tesouro Nacional. Renegociei a dívida com o Governo Federal. Enfim, coloquei o Estado de pé. Então, meu desejo de todo coração sempre foi estar nesta eleição não só para esclarecer todos os pontos que ainda faltam ser esclarecidos sobre estes corruptos do PMDB, como também apresentar minhas propostas... Tem candidatos que até podem ser boas pessoas, mas talvez não tenham o preparo necessário para o momento de dificuldade que o Estado está encontrando. Este é meu desejo. Mas, amanhã falarei com vocês sobre uma situação que se criou e, infelizmente, não sei se terei condições de realizar este sonho, embora eu esteja elegível, embora não haja nenhum impedimento legal para que possa me candidatar. Mas foram criadas situações que vou explicar melhor amanhã. Talvez, ainda, durante o dia de amanhã a gente faça um esforço para tentar resolver algumas situações que se colocaram diante de mim. Como sou um homem de coragem... tenho fé em Deus e esperança que vamos fazer com que encontremos solução para este problema”.
Comentar
Compartilhe
Eduardo Paes recebe apoio do PV
02/08/2018 | 20h37
O candidato ao Governo do Estado, Eduardo Paes, recebeu na tarde desta quinta-feira o apoio do Partido Verde. A presidente do PV/RJ e secretária nacional da sigla, Carla Piranda, além de celebrar a aliança, apresentou uma agenda com pontos voltados às questões ambientais, de sustentabilidade e de direitos humanos.
- A vida me levou por outros caminhos, mas o PV é um partido que sempre olhamos com admiração. Ele tem uma identidade muito forte e uma influência muito forte na política brasileira - destacou Paes.
O candidato ainda lembrou de seu compromisso com as causa ambientais e sustentáveis, as duas principais bandeiras do PV. Ele destacou que, em todo o seu segundo mandato à frente da prefeitura e depois de deixá-la, esteve diretamente ligado ao tema.
- Logo que assumi o segundo mandato, virei presidente do C-40, que é uma organização importante na discussão da mudança climática e no papel relevante que as cidades exercem nela. Meu desempenho junto ao C-40 me levou, no último ano e meio, a trabalhar no setor privado, em uma empresa que tem por missão substituir os combustíveis fósseis por energia limpa, com a produção de veículos elétricos - ressaltou Paes.
Sobre a agenda apresentada pelo PV para contribuir com o programa de governo, Paes lembrou que vários pontos já eram por ele defendidos e foram realizados durante as suas duas gestões na Prefeitura do Rio.
- Em muitos lugares, a agenda ambiental tem a ver com a qualidade de vida, com as futuras gerações. No caso do Estado do Rio de janeiro, não é apenas isso. Ela é um ativo econômico muito forte. As pessoas decidem morar no Rio ou sair em razão da qualidade ambiental. As pessoas decidem investir ou não em razão dos ativos ambientais. Tivemos uma experiência na Zona Oeste da cidade, em que fizemos a concessão do tratamento de esgoto, que gerou não só uma receita para a prefeitura como um enorme benefício à população - acrescentou Paes.
A presidente do partido no Rio, Carla Piranda, ressaltou a grave crise que o estado vem enfrentando e elogiou a capacidade de gestão do ex-prefeito.
- O Rio está passando por uma fase que nunca vi acontecer. Entendemos que o Eduardo pode trazer de volta a autoestima do carioca e do fluminense. Ele sempre demonstrou muito amor pelo Rio e tem uma inegável capacidade de gestão - afirmou Carla Piranda, ao lado de lideranças do PV, como o vice-presidente do PV/RJ, Roberto Rocco, o secretário executivo de Niterói e membro da executiva estadual, Axel Grael, e o deputado estadual André Corrêa (PV-RJ).
 
 
Comentar
Compartilhe
Em mensagem, Papa Francisco pede oração de Lula por ele
02/08/2018 | 18h32
O ex-chanceler Celso Amorim esteve, nesta quinta-feira, com o Papa Francisco. O encontro teria sido para falar sobre a situação de Lula, preso desde 7 de abril, e da América do Sul, de modo geral.
Amorim entrou ao Papa o livro "A verdade vencerá" e recebeu uma mensagem manuscrita em espanhol, que diz: "A Luiz Inácio Lula da Silva com a minha bênção, pedindo-lhe para orar por mim, Francisco".
Comentar
Compartilhe
PPS realiza convenção e homologa candidatura de Abu a deputado estadual
02/08/2018 | 18h18
O PPS realizou, na tarde desta quinta-feira, no Rio, sua convenção para homologação das candidaturas a deputado estadual e federal.
De Campos foi homologada a candidatura do vereador Abu à Assembleia Legislativa do Estado (Alerj).
Abu foi candidato pela primeira vez em 2012 e eleito pelo PPS em 2016 com 3,355 votos. No mandato, ele tem se dedicado a causas sociais e luta de movimentos, como o da população negra e, ainda, em defesa das Quilombolas.
Atualização no texto.
Comentar
Compartilhe
Caixa d'Água: Ministro do STF rejeita pedido da PGR e mantém suspensa Ação Penal
02/08/2018 | 18h02
O ministro do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, negou, há pouco, requerimento da Procuradoria Geral da República (PGR), que queria reconsideração da decisão liminar, que suspendeu o andamento da Ação Penal da Caixa d'Água. A liminar foi em HC do réu Antonio Carlos Rodrigues, ex-presidente nacional do PR.
De acordo com o ministro, a reconsideração resultaria em produção de provas, o que não poderia ocorrer neste momento e sim com o julgamento do mérito do Habeas corpus (HC) pelo plenário do STF.
Comentar
Compartilhe
Morumbi apresentará Unidade Móvel de Saúde da Mulher
02/08/2018 | 14h44
A Morumbi Industrial, empresa sediada em Campos dos Goytacazes/RJ, apresentará a Unidade Móvel de Saúde da Mulher com projeto e fabricação da unidade de negócios da MORUMBI para Secretaria de Estado de Saúde de Sergipe.
A apresentação será aberta na quarta-feira (8), de 11h às 17h, no estacionamento do teatro Municipal Trianon. A MORUMBI é fabricante de soluções móveis com tecnologia e inovação embarcada. A Unidade Móvel integrará a operação itinerante do projeto ‘‘SAÚDE JÁ’’ da SES de Sergipe e tem verbas do TCE de Sergipe. O projeto prevê o atendimento e ações de prevenção de saúde da mulher com a utilização de equipamentos de diagnóstico por imagem instalados na Unidade Móvel, que disponibilizará sala de mamografia com mamógrafo digital de última geração, sala de ultrassonografia, sala de impressão e sala de clínica médica e ginecologia.
A Unidade Móvel de Saúde da Mulher faz parte do portfólio MORUMBI de tecnologia e inovação com mobilidade, soluções projetadas e fabricadas pela MORUMBI para os segmentos de saúde, treinamento e entretenimento destinados a organismos e instituições nacionais.
(Da assessoria)
Comentar
Compartilhe
Ponto Final - Expectativa para a eleição da Mesa Diretora da Câmara
02/08/2018 | 10h56
Nova Mesa
Como esta coluna adiantou, ainda no mês de agosto, a Câmara de Campos deverá realizar a eleição para nova Mesa Diretora. Mesmo com o início do mandato em 2019, será esta composição que chegará ao fim da legislatura, em dezembro de 2020. Também sem surpresa é o nome que deverá estar na presidência: o atual líder do governo Fred Machado (PPS), aliado do prefeito Rafael Diniz (PPS) e que tem recebido elogios por sua atuação na liderança até por vereadores de oposição.
Nomes
Junto com Fred na Mesa da Câmara, estará Abdu Neme (PR) na vice-presidência, atual primeiro secretário. Este cargo será ocupado pelo vereador José Carlos (DC), atual vice-presidente. Como novidades, chegam aos cargos mais altos no Legislativo campista os vereadores Igor Pereira (PSB) e Marcelo Perfil (PHS), como segundo vice e segundo secretário, respectivamente.
Mistérios
Ninguém sabe ainda se a deputada federal Clarissa Garotinho terá espaço no Pros para ser candidata neste ano. Desde que começou a dúvida sobre o apoio do partido ao seu pai, o ex-governador Anthony Garotinho (PRP), existem rumores que ela poderia ficar de fora da eleição. Procurados, Clarissa e Felipe Bornier, deputado federal e presidente da legenda no estado, não atendem, não respondem por meio das respectivas assessorias, nada sinalizam. E se o mistério continua, imaginem como não andam as articulações.
Aproximação?
Outro assunto que começou a circular, ontem, foi uma possível reaproximação de Garotinho com o PR, partido que presidiu e saiu de maneira nada amistosa. A assessoria do ex-governador nega. Atual presidente da legenda no Rio, o deputado Altineu Côrtes foi consultado, ouviu sobre o assunto e disse que retornaria a ligação, o que não ocorreu até o fechamento da edição. Por outro lado, na capital, a jornalista Berenice Seara, do jornal Extra, falou sobre uma reaproximação do PR com o candidato Eduardo Paes (DEM). As negociações também devem estar a todo vapor.
Em Brasília
Com o objetivo de articular a votação do projeto de lei complementar federal (PLP) 511/18, que garantirá aproximadamente R$ 2 bilhões por ano ao Estado do Rio, uma comitiva composta por deputados da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) e pelo governador Luiz Fernando Pezão (MDB) se reunirá com o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM). O encontro acontecerá hoje, às 15h, no Congresso Nacional.
Proposta
O objetivo da proposta é compensar os estados e municípios com relação às perdas provocadas pela desoneração do ICMS dos produtos primários e semielaborados, destinados às exportações, como é o caso do petróleo e derivados. Esta isenção é prevista pela Lei Kandir (Lei Complementar 87/96). De acordo com a nova proposta, o Governo Federal terá que repassar R$ 39 bilhões ao ano para os estados a partir de 2019. A previsão é que no ano que vem, caso a proposta seja aprovada, o Rio receba 5% deste valor, o que corresponde a aproximadamente R$ 2 bilhões, dos quais 25% devem ser destinados aos municípios.
Homenagem
O diretor-presidente do Laboratório Plinio Bacelar, Carlos Bacelar, será homenageado, no próximo dia 8, com a Medalha “Construtor do Desenvolvimento Regional”, concedida pela Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan). O grupo, que começou com uma pequena empresa familiar, hoje possui 25 unidades entre Campos e região e emprega 130 funcionários diretos, além de 100 indiretos.
Sem prestígio
Todos sabem que a profissão de professor é uma das menos valorizadas no país, o que não deveria acontecer, e o pior de tudo é que essa atividade pode ficar ainda mais comprometida no futuro, caso o cenário apontado por uma recente análise não mude. Segundo dados da pesquisa Profissão Docente, metade dos professores brasileiros não recomendaria a um jovem se tornar educador. Triste constatação.
José Renato
Comentar
Compartilhe
Caixa d'Água: Raquel Dodge recorre contra suspensão da Ação Penal
02/08/2018 | 09h55
Depois de manifestar-se pelo julgamento antes das eleições da Ação Penal do caso Chequinho, que tem o ex-governador e pré-candidato Anthony Garotinho (PRP) como réu (AQUI), a procuradora geral da República, Raquel Dodge, apresentou recurso contra a liminar que suspendeu outra Ação Penal, em que Garotinho também é réu.
É a Ação Penal decorrente da operação Caixa d'Água, na qual também é réu o ex-presidente nacional do Partido da República (PR) e ex-ministro Antônio Carlos Rodrigues. Denunciado pela prática dos crimes de organização criminosa, corrupção passiva e sonegação de informações eleitorais, Antônio Carlos é acusado de ter participado de esquema em que Anthony Garotinho e sua esposa, Rosinha Garotinho, atuavam, de acordo com as investigações, para arrecadar recursos que custearam irregularmente campanhas eleitorais.
A PGR pede a reconsideração da decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Dias Toffoli, defendendo a cisão do processo de forma que os crimes eleitorais e os crimes comuns estaduais sejam julgados pela 98ª Zona Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE/RJ). Já os crimes comuns federais devem ser julgados pela Justiça Federal, na Seção Judiciária do RJ.
No documento, Raquel Dodge rebate o argumento de que TRE/RJ não tem competência para atuar no caso. O propósito e o modo de funcionamento da organização criminosa eram voltados principalmente para arrecadar recursos destinados a financiar campanhas eleitorais via caixa dois. “A competência da Justiça especializada tem força atrativa frente às imputações de crimes de competência da Justiça Comum Estadual”, destaca a procuradora-geral.
(Informações do PGR)
Brazil's Prosecutor General Raquel Dodge reacts during an opening session of the Year of the Judiciary, at the Supreme Court in Brasilia, Brazil February 1, 2018. REUTERS/Ueslei Marcelino
Brazil's Prosecutor General Raquel Dodge reacts during an opening session of the Year of the Judiciary, at the Supreme Court in Brasilia, Brazil February 1, 2018. REUTERS/Ueslei Marcelino
Comentar
Compartilhe
DC realiza convenção e confirma João Peixoto à reeleição
01/08/2018 | 19h49
O deputado estadual João Peixoto teve seu nome confirmado para reeleição em convenção realizada, ontem, no Rio.
O DC terá evento em Campos para o lançamento oficial da candidatura.
Comentar
Compartilhe
Garotinho e PR ensaiam reaproximação?
01/08/2018 | 14h17
Já dizia Tim Maia que "paixão antiga sempre mexe com a gente". O "síndico" parece que realmente tinha razão. Depois de sair do Partido da República (PR), em janeiro, dizendo "cobras e lagartos", o ex-governador Anthony Garotinho (PRP) ensaia uma reaproximação, segundo blogs garotistas.
Para tentar uma aliança para as eleições de outubro para o Governo do Estado, Garotinho tem conversado por telefone com Altineu Côrtes, que assumiu a regional, depois que o ex-governador foi destituído em janeiro último.
Se a aliança se concretizar, será um exercício de superação.
Já desgastado no PR depois que a Executiva nacional responsabilizou o diretório fluminense pela perda de dois minutos e meio no horário a que o PR tem direito no rádio e na TV, acusação negada pelo ex-governador, Garotinho foi preso em novembro do ano passado, em função da operação Caixa d'Água. Na mesma leva, foram presos o presidente nacional do partido e ex-ministro, Antônio Carlos Rodrigues e seu genro Fabiano Alonso.
Antônio Carlos, aliás, afastou-se da presidência da legenda após o episódio.
Em janeiro, a executiva estadual foi dissolvida. Garotinho anunciou sua desfiliação e, em texto publicado em seu blog pessoal, disse estar “aliviado” com a decisão, porque o partido “hoje é uma sucursal do governo Michel Temer".
No mês seguinte, começaram as especulações sobre a ida do deputado Altineu Côrtes para o PR e o ex-governador disparou:
"Agora pasmem, mas quem quer voltar para o PR e assumir a presidência do diretório estadual é o deputado Altineu Côrtes. Ele foi eleito com os votos da nossa legenda, depois traiu os companheiros porque "negociou" o seu passe com o PMDB. Pulou para lá, virou aliado de Eduardo Cunha, a quem antes atacava e acabou nas garras da Lava Jato. A Procuradoria Geral da República diz que Altineu era um dos parlamentares usados por Cunha para fazer requerimentos convocando empresários às CPIs, que segundo o MPF, era um dos métodos usados pelo ex-presidente da Câmara, hoje preso em Curitiba, para arrecadar propinas".
Mas, ainda citando Tim Maia... "Basta um encontro por acaso e pronto... começa tudo outra vez..." Será?
Comentar
Compartilhe
Câmara aprova audiência pública sobre "rombo" de R$ 402 milhões no Fundecam
01/08/2018 | 13h02
Na volta do recesso Legislativo, a Câmara de Campos aprovou, na manhã desta quarta-feira, requerimento do vereador Jorginho Virgilio (PRP) para a realização da Audiência Pública sobre o Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam).
Jorginho justificou o pedido para audiência pública, lembrando que o dinheiro público foi utilizado no Fundo e muitas empresas não pagaram os empréstimos. A dívida gira em torno de R$ 402 milhões.
“Já estamos providenciando os convites para reunir o máximo de autoridades e tentar reunir mais informações que possam embasar a possível abertura de uma Comissão de Inquérito Parlamentar (CPI). Vamos até o fim contra essa roubalheira que durante anos em governos passados deu um desfalque de mais de R$ 400 milhões nos cofres do nosso município”, destacou Jorginho.
A proposta do vereador é apurar irregularidades cometidas em governos anteriores na disponibilização de empréstimos do Fundo, desde a sua criação em 2001, passando pelos governos de Arnaldo Vianna, Alexandre Mocaiber e Rosinha Garotinho. Os benefícios foram cedidos através dos royalties de petróleo.
Vice-presidente do Legislativo, o vereador José Carlos (DC) parabenizou Jorginho pela iniciativa e disse que o dinheiro foi "roubado" e que os responsáveis devem ser punidos.
Já Silvinho Martins destacou que o dinheiro emprestado a empresas e não restituído é muito grande, "mesmo na época das vacas gordas. Tenho certeza que será um marco diferencial. Dinheiro é da população que precisa de mais educação, mais saúde, mais tudo".
Outra 
O vereador Zá Carlos apresentou requerimento para audiência publica que discutirá os rumos do Carnaval em Campos.
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Suzy Monteiro

suzy@fmanha.com.br