Acabou o Carnaval e está fechando 2020
06/03/2019 | 11h24
Acabou o Carnaval e o ano, enfim, começa para muita gente. Na política, 2019 será a prévia para 2020, quando ocorrem as eleições municipais.
Campos tem, atualmente, 10 nomes como possíveis candidatos a prefeito: Rafael Diniz, que deverá tentar a reeleição, os deputados estaduais Rodrigo Bacellar e Gil Vianna, o federal Wladimir Garotinho, a ex-prefeita Rosinha, Coronel Paulo Rodrigues, Caio Vianna, o empresário Joilson Barcelos e o reitor do IFF, Jefferson Manhães de Azevedo. Sem contar com a prefeita de São João da Barra, Carla Machado, com quem muito campista continua sonhando, mas que deverá disputar a reeleição no município vizinho.
Claro que alguns ficarão pelo caminho, enquanto outros surgirão, já que alguns vereadores já se colocam como pré-candidatos. Mas, por enquanto, o cenário é este.
Comentar
Compartilhe
Confira o resultado final das eleições gerais 2018 no Rio e Brasil
29/10/2018 | 11h32
Segundo turno 
PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA
Jair Bolsonaro (PSL) - ELEITO
55,13% - 57.797.847 votos
 Fernando Haddad (PT)
44,87% - 47.040.906 votos
TOTAL - 115.933.451
VÁLIDOS - 104.838.753 (90,43%)
BRANCOS - 2.486.593 (2,14%)
NULOS - 8.608.105 (7,43%)
ABSTENÇÕES - 31.371.704 (21,30%)
GOVERNADORES
 Rio de Janeiro
Wilson Witzel (PSC) ELEITO
59,87% - 4.675.355 votos
Eduardo Paes (DEM)
40,13% - 3.134.400 votos
TOTAL - 9.416.708
VÁLIDOS - 7.809.755 (82,94%)
BRANCOS - 346.970 (3,68%)
NULOS - 1.259.983 (13,38%)
ABSTENÇÕES - 2.984.852 (24,07%)
São Paulo
João Doria (PSDB) ELEITO
51,75% - 10.990.350 votos
Marcio França (PSB)
48,25% - 10.248.740 votos
TOTAL
25.837.462
VÁLIDOS - 21.239.090 (82,20%)
BRANCOS - 1.054.978 (4,08%)
NULOS - 3.543.394 (13,71%)
ABSTENÇÕES - 7.195.323 (21,78%)
Minas Gerais
Romeu Zema (NOVO) ELEITO
71,80%
Antonio Anastasia (PSDB)
28,20%
Rio Grande do Sul
 Eduardo Leite (PSDB) ELEITO
53,62%
José Ivo Sartori (MDB)
46,38%
Distrito Federal
Ibaneis (MDB) ELEITO
69,79%
Rodrigo Rollemberg (PSB)
30,21%
Acre
Gladson Cameli (PP) ELEITO
53,71%
Marcus Alexandre (PT)
34,54%
Alagoas
Renan Filho (MDB) ELEITO
77,30%
Josan Leite (PSL)
11,06%
Amapá
Waldez (PDT) ELEITO
52,35%
Capi 40 (PSB)
47,65%
Amazonas
Wilson Lima (PSC) ELEITO
58,50%
Amazonino Mendes (PDT)
41,50%
Bahia
Rui Costa (PT) ELEITO
75,50%
Zé Ronaldo (DEM)
22,26%
Ceará
Camilo (PT) ELEITO
79,96%
General Theophilo (PSDB)
11,30%
Espírito Santo
Renato Casagrande (PSB) ELEITO
55,49%
Manato (PSL)
27,22%
Goiás
Ronaldo Caiado (DEM) ELEITO
59,73%
Daniel Vilela (MDB)
16,14%
Maranhão
Flávio Dino (PC do B) ELEITO
59,29%
Roseana Sarney (MDB)
30,07%
Mato Grosso
Mauro Mendes (DEM) ELEITO
58,69%
Wellington Fagundes (PR)
19,56%
Mato Grosso do Sul
Reinaldo Azambuja (PSDB) ELEITO
52,35%
Juiz Odilon (PDT)
47,65%
Pará
Helder (MDB) ELEITO
55,43%
Marcio Miranda (DEM)
44,57%
Paraíba
João (PSB) ELEITO
58,18%
Lucélio Cartaxo (PV)
23,41%
Paraná
Ratinho Junior (PSD) ELEITO
59,99%
Cida Borghetti (PP)
15,53%
Pernambuco
Paulo Câmara (PSB) ELEITO
50,70%
Armando Monteiro (PTB)
35,99%
Piauí
Wellington Dias (PT) ELEITO
55,65%
Dr. Pessoa (dr. Zezim) SOLIDARIEDADE
20,48%
Rio Grande do Norte
Fatima Bezerra (PT) ELEITO
57,60%
Carlos Eduardo (PDT)
42,40%
Rondônia
Coronel Marcos Rocha (PSL) ELEITO
66,34%
Expedito Junior (PSDB)
33,66%
Roraima
Antonio Denarium (PSL) ELEITO
53,34%
Anchieta (PSDB)
46,66%
Santa Catarina
Comandante Moisés (PSL) ELEITO
71,09%
Gelson Merísio (PSD)
28,91%
Sergipe
Belivaldo (PSD) ELEITO
64,72%
Valadares Filho (PSB)
35,28%
Tocantins
Mauro Carlesse (PHS) ELEITO
57,39%
Carlos Amastha (PSB)
31,19%
SENADORES RIO
 Com 100% dos votos apurados, o deputado Flávio Bolsonaro recebeu 4.380.418 votos, o equivalente a 31,36% dos votos válidos. O deputado federal Arolde de Oliveira obteve 2.382.265 votos, o equivalente a 17,06% dos votos válidos.
 DEPUTADOS FEDERAIS
Helio Fernando Barbosa Lopes (PSL) - 4,47% 345.234
Marcelo Freixo (PSOL) - 4,44% 342.491
Alessandro Molon (PSB) - 2,95% 227.914
Carlos Jordy (PSL) - 2,64% 204.048
Flordelis (PSD) - 2,55%196.959
Daniela do Waguinho (MDB)- 1,77%136.286
Otoni de Paula (PSC)- 1,56% 120.498
Luiz Lima (PSL)- 1,49%115.119
Talíria Petrone (PSOL) - 1,39% 107.317
Delegado Antônio Furtado (PSL) - 1,35% 104.211
Dr. Luizinho (PP) - 1,34% 103.745
Sóstenes (DEM) - 1,22% 94.203
Rodrigo Maia (DEM) - 0,96% 74.232
Jandira Feghali (PC do B) - 0,93% 71.646
Aureo (SOLIDARIEDADE) - 0,89% 68.414
Wagner Montes (PRB) - 0,85% 65.868
Rosangela Gomes (PRB) - 0,83% 63.952
Hugo Leal (PSD) - 0,82% 63.561
Sargento Gurgel (PSL) - 0,80%62.089
Vinícius Farah (MDB) - 0,75% 57.707
Major Fabiana (PSL) - 0,75%57.611
Pedro Paulo (DEM) - 0,73% 56.646
Altineu Cortes (PR) - 0,72% 55.367
Gutemberg Reis (MDB) - 0,71% 54.573
Paulo Ganime (NOVO) - 0,69% 52.983
Marcelo Calero (PPS) - 0,65% 50.533
Luiz Antônio (DC) - 0,65% 50.284
Soraya Santos (PR) - 0,63% 48.328
Christino Aureo (PP) - 0,61% 47.101
Felício Laterça (PSL) - 0,61% 47.065
Márcio Labre (PSL) - 0,61% 46.934
Juninho do Pneu (DEM) - 0,58% 45.087
Benedita da Silva (PT) - 0,58% 44.804
Lourival Gomes (PSL) - 0,54% 41.307
Glauber Braga (PSOL) - 0,52% 40.199
Wladimir Garotinho (PRP) - 0,51% 39.398
Chris Tonietto (PSL) - 0,50% 38.525
Alexandre Serfiotis (PSD) - 0,49% 37.526
Clarissa Garotinho (PROS) - 0,46% 35.131
Professor Joziel (PSL) - 0,44% 34.274
Daniel Silveira (PSL) - 0,41% 31.789
Gelson Azevedo (PHS) - 0,37% 28.216
Chico D'angelo (PDT) - 0,34% 26.417
Chiquinho Brazão (AVANTE) - 0,33% 25.817
Paulo Ramos (PDT) - 0,33% 25.557
Jean Wyllys (PSOL) - 0,31% 24.295
DEPUTADOS ESTADUAIS
Confira abaixo a lista completa
Rodrigo Amorim (PSL): 140.666 votos
Marcio Canella (MDB): 110.167
Alana Passos (PSL): 106.253
Alexandre Knopoloch (PSL): 103.639
Coronel Salema (PSL): 99.459
Samuel Malafaia (DEM): 83.784
André Corrêa (DEM): 66.881
Lucinha (PSDB): 65.735
Renata Souza (PSOL): 63.937
Danniel Librelon (PRB): 63.767
Rosenverg Reis (MDB): 63.450
Flavio Serafini (PSOL): 61.754
Max (MDB): 59.672
Delegado Carlos Augusto (PSD): 56.969
Tia Ju (PRB): 56.766
Rosane Felix (PSD): 53.644
Carlos Macedo (PRB): 53.397
Gustavo Tutuca (MDB): 49.952
Luiz Paulo (PSDB): 49.012
Delegada Martha Rocha (PDT): 48.949
Zeidan (PT): 48.807
Marcio Pacheco (PSC): 48.317
André Ceciliano (PT): 46.893
Thiago Pampolha (PDT): 46.137
Franciane Motta (MDB): 45.123
Jorge Felippe Neto (PSD): 43.099
Dionisio Lins (PP): 40.910
Mônica Francisco (PSOL): 40.631
Anderson Moraes (PSL): 40.540
Filipe Soares (DEM): 40.308
Luiz Martins (PDT): 38.449
Carlos Minc (PSB): 38.416
Fabio Silva (DEM): 36.820
Dr Deodalto (DEM): 35.991
Gustavo Schmidt (PSL): 34.869
Eliomar Coelho (PSOL): 34.836
Renato Cozzolino (PRP): 33.597
Vandro Familia (Solidariedade): 33.315
Enfermeira Rejane (PC do B): 33.003
Jair Bittencourt (PP): 32.656
Carlo Caiado (DEM): 32.435
Welberth Rezende (PPS): 31.725
Renato Zaca (PSL): 31.627
Marcos Muller (PHS): 31.512
Waldeck Carneiro (PT): 31.358
Marcus Vinícius - Neskau (PTB): 30.454
Gil Vianna (PSL): 28.636
Dani Monteiro (PSOL): 27.982
Filippe Poubel (PSL): 27.832
Doutor Serginho (PSL): 26.906
Pedro Brazão (PR): 26.846
Chicão Bulhões (Novo): 26.335
Rodrigo Bacellar (Solidariedade): 26.135
Bebeto Tetra (Pode): 25.917
Marcelo do Seu Dino (PSL): 25.497
Anderson Alexandre (Solidariedade): 25.384
Val Ceasa (Patriota): 25.259
Bruno Dauaire (PRP): 24.800
Marcos Abrahão (Avante): 24.261
João Peixoto (DC): 23.951
Valdecy da Saúde (PHS): 23.307
Márcio Gualberto (PSL): 23.169
Chiquinho da Mangueira (PSC): 22.141
Pedro Ricardo (PSL): 22.006
Léo Vieira (PRTB): 20.751
Alexandre Freitas (Novo): 20.234
Marcelo Cabeleireiro (DC): 18.003
Sub Tenente Bernardo (PROS): 16.855
Giovani Ratinho (PTC): 13.234
Marina (PMB): 12.294
Comentar
Compartilhe
Grupo dispara morteiros na porta de Eduardo Paes
25/10/2018 | 11h37
Por volta das 2 horas dessa madrugada, soltaram uma bateria de morteiros muito forte em frente ao prédio onde mora Eduardo Paes, assustando e acordando os vizinhos. Foi obra de um grupo que disparou os rojões e saiu correndo.
 (Fonte Ancelmo Gois, O Globo)
Comentar
Compartilhe
Eleições: WhatsApp notifica agências e bane milhares de contas
19/10/2018 | 04h28
O WhatsApp notificou extrajudicialmente as agências Quickmobile, Yacows, Croc services e SMS Market, determinando que parem de fazer envio de mensagens em massa e de utilizar números de celulares obtidos pela internet, que as empresas usavam para aumentar o alcance dos grupos na rede social. A empresa também baniu as contas do WhatsApp associadas a essas agências. Reportagem publicada pelo jornal Folha de S. Paulo, quinta-feira (18), mostrou que empresas bancaram uma campanha de mensagens anti-PT com pacotes de disparos em massa. A prática é ilegal, pois se trata de doação de campanha por empresas, vedada pela legislação eleitoral, e não declarada. O valor gasto chegaria a R$ 12 milhões.
O senador eleito pelo Rio, Flávio Bolsonaro (PSL), filho do presidenciável Jair Bolsonaro, disse que sua conta no WhatsApp foi reativada nesta quinta-feira, 19, depois de ter sido bloqueada. O WhatsApp informou em nota que a conta tinha sido suspensa há alguns dias por comportamento de spam.
O TSE convocou uma coletiva esta tarde para falar sobre o assunto, mas remarcou para domingo a tarde.
Comentar
Compartilhe
Garotinho fala de ameaças e do xixi de Cabral, mas confirma sua candidatura ao Estado
03/08/2018 | 11h01
Depois de um suspense alimentado desde quinta-feira, o ex-governador Anthony Garotinho (PRP) confirmou que será candidato ao Governo do Estado. Em live há pouco no Facebook, ao lado da esposa Rosinha, Garotinho citou supostas ameaças que estaria sofrendo por parte do também ex-governador Sérgio Cabral, preso desde novembro de 2016. Lembrou, ainda, o episódio em que Cabral teria dito que faria xixi sobre a sepultura do inimigo político.
Garotinho afirmou, de novo, que Rosinha e seus filhos temem por sua vida, mas que irá à convenção do PRP, domingo, e confirmará sua candidatura.
Porém, ele estará com escolta particular, enquanto o Estado não providencia uma para ele.
Quinta-feira, como mostrei AQUI, Garotinho afirmou “Amanhã (hoje) falarei com vocês sobre uma situação que se criou e, infelizmente, não sei se terei condições de realizar este sonho (voltar ao Governo do Estado)”.
No mesmo dia, blogs ligados a ele diziam que o PRP, partido ao qual Garotinho se filiou recentemente, estaria próximo a entrar na aliança em torno de Eduardo Paes, candidato do DEM ao Estado. Além da candidatura de Garotinho, se consolidado, este acordo atingiria em cheio a candidatura de Wladimir Garotinho a deputado federal.
O ex-governador disse esperar que as coisas fossem resolvidas durante a sexta-feira. E foram: logo pela manhã, a página do PRP publicou convite para convenção, trazendo a foto de Garotinho.
Ainda assim, ele postou durante o dia mensagens em grupos de WhatsApp, chamando para o live à noite, onde falaria sobre uma decisão importante. Decisão, aliás, que ele tomou há pelo menos 12 anos: tentar voltar a ser governador do Rio. Enfim, muito barulho por nada.
Comentar
Compartilhe
PTB com Edson Batista a estadual e Eduardo Paes ao Governo do Estado
30/07/2018 | 11h53
O PTB realizou, nessa segunda-feira, sua convenção. O nome de Dr. Edson Batista foi homologado como candidato a deputado estadual. Na ocasião, uma cerimônia administrativa, foi confirmada uma coligação na proporcional para deputado estadual com o partido Solidariedade.
Até aí tudo bem. Mas..
Acontece que, na convenção foi decidido, também, apoio do partido a Eduardo Paes, candidato ao Governo do Estado pelo DEM. Paes é adversário do ex-governador e pré-candidato ao Governo, Anthony Garotinho, de quem Batista é fiel aliado e que chega a chamá-lo de "comandante".
Leia mais no G1.
Comentar
Compartilhe
Prefeitos cassados entre os candidatos na eleição suplementar de Rio das Ostras e Cabo Frio
21/05/2018 | 04h38
As eleições suplementares para prefeito e vice nos municípios de Cabo Frio e Rio das Ostras, marcadas para 24 de junho, já têm seus candidatos registrados. Até 8 de junho, todos os pedidos de candidaturas deverão estar julgados pelos respectivos Juízos Eleitorais. O andamento dos processos pode ser consultado no sistema DivulgaCandContas, em http://divulgacandcontas.tse.jus.br.
Desde domingo (20), a propaganda eleitoral é permitida.
A curiosidade é que, entre os candidatos dos dois municípios, estão os prefeitos cassados e que deram margem à realização das eleições suplementares. Leia mais sobre a cassação de Marquinhos AQUI e de Carlos Augusto AQUI
Confira os candidatos em
CABO FRIO
•PHS - Carlos Augusto Felipe, o Carlão, para prefeito, e Zulmael, para vice.
•Coligação "Mudança Verdadeira" (Rede/PCdoB) - Adriano Guilherme de Teves Moreno, o Dr. Adriano, com Felipe Monteiro como vice.
•PSOL - Leandro Cunha para prefeito, com Professor Betinho como vice.
•PSDB, as candidatas Cristiane dos Santos Batista Fernandes, para o cargo de prefeito, e Carmem Maria Almeida Pereira, para vice.
Coligação "Cabo Frio não pode parar" (PMDB / PTdoB / DEM / PR / PPS / PRB / Pros / PRP / PRTB / PSDC / PT / PTB / PV / SD / PMB / PP / PSC) é encabeçada por Marcos da Rocha Mendes, o Marquinho Mendes, com Ruth Schuindt como vice.
•Coligação "Coragem para mudar" (PDT / PSB) os candidatos Rafael Peçanha de Moura, a prefeito, e Radamés, a vice.
RIO DAS OSTRAS
•PV, Marcelino Carlos Dias Borba, o Marcelino da Farmácia, é candidato a prefeito, e Leandro Ribeiro de Almeida, a vice.
•PDT, Gelson Apicelo, a prefeito, e Marcelo David Pereira, a vice.
•Coligação "Rio das Ostras Não Pode Parar" (PRB / PP / PMDB / PTN / PR / PPS / DEM / PSB / SD) é encabeçada por Carlos Augusto Carvalho Balthazar, com José Guimarães Salvador, o Zezinho Salvador, como vice.
•Psol é formada pelos candidatos Winnie dos Santos Freitas, a prefeito, e Valdeni Nascimento de Oliveira, a Tia Vânia, a vice.
•Coligação "Coragem para Mudar" (PRP / PCdoB) é encabeçada por Deucimar Talon Toledo, com Claudia Justino Soares como vice.
•Coligação "Competência para Mudar" (PSD / PMN) os candidatos Flavio da Silva Poggian, a prefeito, e José Marcondes Araújo Genro, o Marcondes, a vice.
(Com informações do TRE)
Comentar
Compartilhe
Câmara de Campos já tem oito pré-candidatos para 2018
29/12/2017 | 11h15
O ano de 2017 termina e a Câmara de Campos entra em 2018 com pelo menos oito dos 25 vereadores pré-candidatos na eleição de 7 de outubro.
É certo que outros nomes podem surgir e, mais certo ainda, que outros devem abrir mão da disputa. Mas, pelo grupo governista há, até agora, seis pré-candidatos, entre eles, o presidente do Legislativo. Já na oposição o número é mais reduzido e tem dois Thiagos - o Ferrugem e o Virgilio.
Nomes cotados à Alerj:
Marcão Gomes (Rede), presidente da Câmara
Cláudio Andrade, vereador pelo PSDC (que também pode ser a federal)
Thiago Ferrugem, vereador pelo PR
Thiago Virgílio, vereador pelo PTC
Nomes cotados à Câmara Federal:
Enok Amaral, vereador pelo PHS
Igor Pereira, vereador pelo PSB
Jorginho Virgílio, vereador pelo PRP
José Carlos (PSDC), vereador pelo PSDC
Tinha ainda...
Marcelo Perfil, vereador pelo PHS, que retirou a pré-candidatura e vai apoiar Pastor Éber a estadual.
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Suzy Monteiro

[email protected]