Pesquisa do Instituto Paraná: Wladimir lidera e faria 2º turno com Caio, onde disputa estaria aberta
29/10/2020 | 11h44
O Instituto Paraná, de âmbito nacional, fez uma pesquisa, registrada no TRE sob o número RJ-01718/2020, sobre a corrida eleitoral à Prefeitura de Campos. Pelos números levantados, na pesquisa estimulada Wladimir Garotinho (PSD) lidera com 28,1% das intenções de voto, com Caio Viana (PDT) logo atrás, com 23,5%.
Pela pesquisa, hoje Wladimir e Caio fariam o 2º turno, com pouca possibilidade da eleição ser decidida em turno único. Em terceiro lugar viria Bruno Calil (Solidariedade), com 7,2%. Apesar de desconhecido do grande público, Bruno vem crescendo bastante com o apoio fundamental do deputado estadual Rodrigo Bacellar.
O atual prefeito Rafael Diniz (Cidadania) está em quarto lugar, com 6,6%, em empate técnico com Bruno. Em quinto lugar vem Professora Natália (PSOL), que, ao lado de Bruno, promete ser a revelação desta eleição. Ela tem 3,4%, um pouco à frente de Odisséia Carvalho (PT), que tem 3,0%.
Tadeu Tô Contigo (Republicanos) tem 2,9%; Roberto Henriques (PCdoB) 1,1%; Cláudio Rangel Boa Viagem (PMN) 0,8%; Beethoven (PSDB) 0,4%; e Jonathan Paes (PMB) 0,1%. Beethoven já não é mais candidato e foi substituído por sua vice, Dra. Carla Waleska.
O levantamento foi feito entre os dias 26 e 28 de outubro, com uma amostra de 800 eleitores. A pesquisa atinge um grau de confiança de 95,0% para uma margem estimada de erro de aproximadamente 3,5% para os resultados gerais. Confira abaixo os números da pesquisa estimulada:
Na pesquisa espontânea, Wladimir lidera com uma folga um pouco maior sobre Caio, com 18,0% a 12,5%. Em terceiro viria o prefeito Rafael Diniz, com 3,6%, seguindo de Bruno Calil com 3,3%. Odisseia tem 1,4%; Tadeu Tô Contigo com 0,9%; Professora Natália 0,6%; Roberto Henriques com 0,5%. Impressiona o número de indecisos ainda, de 45,6%. Confira:
Nas projeções de 2º turno foram feitos 3 cenários, envolvendo 3 dos principais candidatos: Wladimir Garotinho, Caio Vianna e Rafael Diniz. Não foi feita simulação com Bruno Calil. Wladimir (47,5% a 15,9%) e Caio (59,3% a 10,5%) bateriam Rafael com facilidade pelos números.
Porém, o embate entre Wladimir e Caio no 2º turno seria duro pela pesquisa: 37,6% para o filho de Arnaldo Vianna e 32,9% para o filho de Anthony Garotinho. Apesar da vantagem nominal de Caio, pela margem de erro ambos estariam em empate técnico. Confira:
Os números do 2º turno em qualquer disputa são diretamente influenciados pela rejeição do candidato. Os eleitores de outros candidatos migram seu voto, normalmente, para o que menos rejeita, na escolha do "menos pior" para ele após o seu candidato ter sido eliminado da disputa em 1º turno.
Na rejeição, o prefeito Rafael Diniz lidera, de forma disparada, enfrentando o ônus de ser governo no pior momento financeiro da Prefeitura de Campos nas últimas 3 décadas, além de não ter conseguido cumprir suas promessas de campanha direcionadas às classes menos favorecidas. Ele tem 59,5% de rejeição.
A seguir vem Wladimir Garotinho, com 29,3%. Apesar de ser o mais "leve" dos Garotinhos, com bom trânsito em várias classes sociais, além de um ótimo mandato como deputado federal, Wladimir recebe a carga de rejeição do pai, o ex-governador Anthony Garotinho, historicamente alta.
Em seguida vem Tadeu Tô Contigo, com 15,3%; e Caio Vianna e Odisseia Carvalho, ambos com 12,1%. Bruno Calil tem baixa rejeição, com 9,9%. Confira abaixo os números da rejeição:
O Instituto Paraná avaliou também a administração municipal, com o prefeito Rafael Diniz tendo avaliação de 6,5% de ótimo e bom, contra 74,1% de ruim e péssimo, além de 17,1% de regular. Essa avaliação explica a sua alta rejeição e a ausência no 2º turno por esta pesquisa.
Foi avaliado também quem seria o melhor prefeito na história recente de Campos. Pelos números do Paraná, Arnaldo Vianna foi o melhor, liderando de forma disparada, com 46,3%. Rosinha Garotinho vem em segundo, com 19,9%. Anthony Garotinho vem a seguir, com 10,4%; Rafael Diniz tem 5,8%; e Alexandre Mocaiber 1,9%.
Os números também explicam a competitividade dos dois principais candidatos pela pesquisa, Caio Vianna e Wladimir, herdando o histórico de aprovação da administração dos pais. A sensação que Arnaldo foi o melhor prefeito da era dos royalties é notória, em várias áreas.
É bem verdade que Arnaldo nem de longe tinha o custeio da máquina pública atual. De lá pra cá a máquina inchou demais, com vários concursos públicos para servidores e a inauguração de diversos equipamentos em inúmeras áreas. Processo esse de inchaço iniciado no governo Arnaldo e perpetuado, prefeito após prefeito, até o governo Rosinha.
Confira o "ranking" dos prefeitos pela pesquisa:
A conferir agora, a pouco mais de 15 dias para as eleições, as próximas pesquisas registradas. O levantamento do Instituto Paraná está disponível e foi divulgado desde o início da manhã, aqui, em seu site, na íntegra. O contratante da pesquisa, registrada no dia 23 de outubro, é o próprio instituto.
Sobre os bairros pesquisados, consta a seguinte observação no registro da pesquisa no site do TSE:
"Dados relativos aos municípios e bairros abrangidos pela pesquisa. Na ausência de delimitação do bairro, será identificada a área em que foi realizada a pesquisa(conforme §7º. do art. 2º. da Resolução-TSE nº. 23.600/2019, A partir do dia em que a pesquisa puder ser divulgada e até o dia seguinte, o registro deverá ser complementado, sob pena de ser a pesquisa considerada não registrada; na ausência de delimitação do bairro, será identificada a área em que foi realizada):
A pesquisa será realizada no município de Campos dos Goytacazes-RJ e, conforme previsto no §7º, do art. 2º, da Resolução 23.600, de 12 de dezembro de 2019, o registro da pesquisa será complementado no prazo legal com os dados relativos aos bairros abrangidos pela pesquisa ou a área em que a mesma foi realizada."
Compartilhe
Crítica construtiva do leitor ao Green Market
29/10/2020 | 10h01
O leitor Rafael em enviou, via WhatsApp, uma crítica construtiva ao Grupo Barcelos para o Green Market, unidade de alto padrão do grupo, inaugurada neste ano. Ele aponta a falta das máquinas de cartão por aproximação, que permitem aos clientes pagar a conta sem a necessidade de levar a sua carteira, apenas com o seu celular. Confira abaixo:
O Green Market, loja de alimentos do Grupo Barcelos, localizada na avenida 28 de março e direcionada ao público de classe A e B da cidade por oferecer boa estrutura instalada e produtos antes mais difíceis de encontrar em mercados convencionais, é uma excelente opção para quem quer mais conforto na hora das compras, além de oferecer um farto estacionamento próprio, inclusive coberto.
Porém, esse mesmo público alvo da loja também se depara com o desconforto de não poder pagar suas compras com o seu celular, relógio e outros gadgets tecnológicos que hoje em dia são meios de pagamentos muito difundidos, principalmente entre o público alvo do Green Market.
Não é difícil adicionar essa funcionalidade nos caixas da loja. Basta apenas que a direção do Grupo direcione suas atenções para essa questão e solicite que o fornecedor do sistema da loja implante essa funcionalidade em todos os caixas. Afinal de contas, tem que oferecer conforto na hora de comprar e na hora de pagar também. Fica a dica aí para o Grupo Barcelos.
Compartilhe
Prefeitura emite nota oficial sobre tomógrafos e ultrassons
28/10/2020 | 21h18
A Prefeitura de Campos emitiu uma nota oficial, através da Fundação Municipal de Saúde, sobre a falta de funcionamento da imensa maioria dos equipamentos de diagnóstico por imagem da rede pública municipal, denunciada aqui hoje e que prejudica não só o diagnóstico, mas também o atendimento à população.
Confira abaixo:
"A Fundação Municipal de Saúde informa que nenhum paciente deixou de ser atendido para tomografia ou ultrassonografia na rede pública.
O tomógrafo do HGG parou nesta quarta (29) e o técnico já foi acionado para regularizar a situação. Durante o período em que os equipamentos do HGG encontrarem-se em manutenção, os exames continuam sendo realizados em outras unidades de Saúde até que retorne o funcionamento dos mesmos.
Importante esclarecer que o tomógrafo do HFM apresentou problema também nesta semana (segunda-feira, 26) e está funcionando alguns tipos de exames de emergência. No entanto, o técnico também já foi acionado para a manutenção corretiva.
Cabe destacar que está em curso uma licitação para aquisição de tomógrafo com previsão de sessão para os próximos dias.
Sobre o ultrassom, os dois estão em processo de orçamento para conserto. Também nestes casos os pacientes são encaminhados a outras unidades para realização de exames."
Que os reparos sejam o mais célere possível, porque vidas estão em risco sem estes equipamentos.
Compartilhe
Quase parando
28/10/2020 | 17h08
O diagnóstico por imagem da rede pública municipal está praticamente sem funcionar, quase parando por completo. No Hospital Geral de Guarus (HGG), o aparelho de tomografia computadorizada está parado, com defeito, assim como os dois aparelhos de ultrassom.
No recém inaugurado Hospital São José, o ultrassom está parado há meses. No Hospital Ferreira Machado (HFM), referência para emergências para Campos e região, o tomógrafo está com problemas, funcionando apenas para casos de grande emergência. Ali, ao menos, o ultrassom funciona.
Atualização às 20h44 de 28/10/2020: A Prefeitura de Campos emitiu nota oficial sobre o caso, confira aqui.
Compartilhe
Balaio de gatos
27/10/2020 | 13h10
O PSDB em Campos, nesta eleição, já teve de tudo. Começou com Lesley Beethoven como candidato a prefeito do município. Depois passou a apoiar Caio Vianna, após uma intervenção do Diretório Estadual do partido. Poucos dias depois, passou a apoiar Bruno Calil, por orientação do mesmo diretório estadual.
Mais alguns poucos dias depois Beethoven conseguir retomar na justiça o controle do partido e a sua candidatura a prefeito de Campos. Hoje pela manhã, Beethoven, que teve a sua candidatura indeferida pela justiça eleitoral, desistiu da empreitada e abriu caminho para sua vice, Dra. Carla Waleska, ser a candidata à prefeita.
O fato foi noticiado aqui no Folha 1, pelo jornalista Aldir Sales, em seu blog De Fato. As bolsas de apostas indicam que o PSDB em Campos fará ainda um novo movimento, o sexto nesta eleição, apoiando Wladimir Garotinho no provável segundo turno. A conferir.
Compartilhe
Smart Fit perde 191 mil alunos
26/10/2020 | 18h07

Smart Fit

A Smart Fit perdeu 191 mil alunos em sua rede nos últimos três meses, caindo de 2,64 milhões de alunos em julho para 2,45 milhões em outubro, uma queda de 7%. Efeitos da pandemia e suas consequências para os clientes, sejam financeiras, de mudanças de hábito ou de precaução ainda pela covid-19.
Muitos praticantes de exercícios físicos redescobriram as academias de seus condomínios, equiparam suas residências com acessórios para treinos caseiros e/ou passaram a fazer exercícios ao ar livre.
Muitos profissionais de educação física que atuam como personal trainers redefiniram sua vida, de forma menos dependente da academia, seja dando aulas virtuais, aulas presenciais nas residências dos alunos ou abrindo seu próprio estúdio.
Tudo isso contribui para a evasão das academias. Ainda é cedo para dizer se será definitivo ou não. Praticamente todas as academias sofreram queda, mas na Smart Fit ela foi notadamente maior.
Em contrapartida, mesmo na pandemia, a rede não parou de crescer. Foram inauguradas 15 academias Smart Fit nos últimos três meses, além de nenhuma unidade ter fechado as portas em definitivo durante a pandemia. Agora são 830 academias, sendo 332 no Brasil.
Fonte: Exame
Compartilhe
Centro de Campos ganhará nova loja de departamento
23/10/2020 | 14h05
O Centro de Campos ganhará uma nova loja de departamento. A Leader ampliará a sua presença na cidade, instalando a sua terceira unidade aqui. Ela ficará localizada na Rua 13 de Maio, entre as ruas Oliveira Botelho e João Pessoa.
No local funcionou durante anos uma agência do Bradesco, que foi fechada no mês passado. O novo contrato foi alinhavado antes mesmo do banco deixar o imóvel, que tem 760 m², sendo 590 m² no andar térreo e 170 m² na sobreloja.
A Leader pretende abrir a nova loja em 30 dias, para já pegar o Natal, melhor data do ano no comércio. A loja sofrerá uma expansão para o terreno ao lado, de aproximadamente 1200 m², de estacionamento, com frente para a Rua Governador Teotônio Ferreira de Araújo.
Serão ocupados 370 m² do estacionamento para a expansão da loja, permitindo também uma entrada pela Rua Governador Teotônio Ferreira de Araújo. A área remanescente do imóvel continuará tendo uso comercial como estacionamento.
Além da nova loja no Centro, a Leader tem unidades em Campos na Rua Alvarenga Filho, ao lado da Avenida Pelinca, sendo esta a sua primeira na cidade, e no Boulevard Shopping. O contrato de locação foi intermediado por Fernando Abreu, da Ideal Negócios Imobiliários, e por Sauer Carvalho.
A vinda da Leader fortalece aquela região do Centro, pois bem próximo, na própria Rua 13 de Maio, já há uma unidade da Lojas Americanas e uma da Marisa.
Compartilhe
Área de Proteção ao Ciclista de Competição funcionou em 2017
22/10/2020 | 15h47
APCC funcionado em 2017
O projeto de lei do do vereador Luiz Alberto Neném, aprovado em 2016, criando as Áreas de Proteção ao Ciclista de Competição (APCCs), não foi implementado pelo então governo vigente na Prefeitura de Campos, o da ex-prefeita e ex-governadora Rosinha Garotinho.
Porém, complementando a nota postada aqui ontem, uma APCC chegou a ser criada em Campos, em 2017, sob a gestão do prefeito Rafael Diniz e com iniciativa do então presidente da Fundação Municipal de Esportes, Raphael Thuin, que, aliás, fez belíssima gestão à frente dos Esportes, apesar dos parcos recursos, sendo considerado por muitos o melhor secretário da Prefeitura.
Em abril daquele ano, Raphael Thuin, o comandante geral da Guarda Municipal, Wyllian Carvalho Bolckaul, o presidente do Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), Renato Siqueira, e o presidente da Federação de Ciclismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecierj), Rodrigo Rocha, se reuniram para discutir o cumprimento da Lei Municipal 8.719, de 17 de agosto de 2016, originada no projeto de lei de Neném e que criava as APCCs.
Foi criada então a primeira Área de Proteção ao Ciclista de Competição (APPC), localizada na Avenida Arthur Bernardes, no trecho entre a rua Raul Escobar (prolongamento da Rua Formosa) e a Avenida Alberto Lamego, próximo a Uenf. A pista era fechada para treinos todas as terças-feiras e quintas-feiras, das 19h às 21h.
Esse trecho entrou em vigor em 04 de maio de 2017 pela Prefeitura de Campos, para que os atletas pudessem treinar com segurança, com garantia e acompanhamento da Guarda Municipal. Ciclistas chegaram a usar a área para treinos no ano de 2017.
Porém de 2018 em diante a APCC acabou caindo em desuso. Seu trecho, de 1 km, limitava os treinos. Além disto após aproximadamente 3 meses aberta houve problemas com roubo da fiação da iluminação e o trecho ficou sem luz. Foi consertado e roubaram novamente. Na terceira vez ficou muito tempo sem luz e os ciclistas pararam de treinar por que estava perigoso por causa da má iluminação.
Outras áreas acabaram ganhando as graças dos ciclistas, como a "Estrada da Tapera", que liga Tapera à Lagoa de Cima, um trecho de aproximadamente 10km, e mais recentemente a pista do Dahma, um trecho circular de 4 km. O Dahma, inclusive, foi sugerido como APCC por Rodrigo Rocha, presidente da Fecierj, sem obter êxito.
Cabe agora à Prefeitura, aproveitando os projetos de lei do vereador Neném e a experiência feita com a APCC na gestão de Rafael Thuin à frente da Fundação dos Esportes, junto com os representantes do ciclismo em Campos, definirem novas APCCs, para garantir o que mais importa, a segurança dos ciclistas e a prática saudável do esporte.
Atualização às 21h21 de 22/10/2020: Complemento de informações.
Compartilhe
Parabéns pra você
22/10/2020 | 14h49
O tradicional Clube de Regatas Saldanha da Gama completou 114 anos de uma bela história.
Compartilhe
Mudou de bandeira
22/10/2020 | 14h06
Vista do hotel da Praia de Copacabana
O antigo Hotel Debret, que havia se transformado em Hotel 55/Rio, ganhou nova bandeira. Ele agora será o Hotel Selina Copacabana Rio, da rede internacional Selina, que tem hotéis espalhados em 18 países e 5 continentes. No Brasil a rede tem unidades no Rio, além de Paraty, São Paulo e Florianópolis.
O Hotel Debret foi construído em 1972 e fica localizado na Avenida Atlântica, na esquina com a Rua Almirante Gonçalves, no Posto 5, em Copacabana. Ele sofreu uma ampla reforma em 2009, antes de virar Hotel 55/Rio.
O empreendimento passa por reforma de adaptação para a bandeira Selina e será reaberto em 10 de dezembro de 2020. As reservas para o Hotel Selina Copacabana Rio já podem ser feitas no site da rede ou nas agências de turismo, seja virtuais ou físicas, com preços promocionais a partir de R$ 98,00 a diária para casal.
Compartilhe
Sobre o autor

Christiano Abreu Barbosa

[email protected]

Arquivos