Usuário aprova voo Macaé x São Paulo
31/10/2019 | 20h16
O amigo e leitor Reinaldo Ottero utilizou ontem o voo da VoePass (Passaredo) de Macaé para o Aeroporto de Congonhas, em São Paulo. Acabou sendo a estreia do voo, prevista para domingo passado, mas adiada porque o Aeroporto de Macaé não tinha ainda a sua certificação regularizada pela Infraero até então.
A experiência dele foi positiva, como mostra o seu relato abaixo, revelando que o voo é uma excelente opção para quem quer se deslocar de Campos para São Paulo rapidamente, sem conexões e sem passar na temível "Terra de Ninguém" na BR-101. Confira:
Christiano,
Segue o relato de minha experiência no novo voo Macaé-Congonhas.
Quarta-feira, dia 30/10, embarquei no primeiro voo da Passaredo-MAP, decolando do aeroporto novo de Macaé que tem excelente estrutura, digna dos melhores aeroportos do país.
Fica a menos de 01h30 de Campos, pelo trecho duplicado da estrada, evitando passar pelo trecho mais perigoso para assaltos na Manilha-São Gonçalo.
O voo foi bem pontual, o avião é um ATR 500 com 62 lugares, a viagem foi bem tranquila e com serviço de bordo padrão das companhias aéreas nacionais, ou seja, nada demais.
O ponto negativo foi o estacionamento, que apesar de relativamente grande não me pareceu seguro, sendo pago mas com apenas uma cancela precária e funcionários não uniformizados, além de não ser coberto.
Esse problema deve ser resolvido pois já entrou no último leilão de concessão junto com o aeroporto de Vitória passando a ser administrado por uma empresa suíça que fará maiores investimentos.
Lamento apenas que nossa cidade continue sem infraestrutura aeroportuária à altura, apesar de sermos o maior município da região.
Att,
Reinaldo Ottero
Comentar
Compartilhe
Demora na duplicação da BR-101: o lado ambiental
31/10/2019 | 14h09
O biólogo Leandro Monteiro enviou, nos comentários da nota publicada aqui anteontem, "Demora na duplicação da BR-101 gera perda de vidas", uma posição de quem é da área de meio ambiente e acompanha de perto a questão ambiental no caso da duplicação da BR-101. Confira abaixo o texto do biólogo, que serve de contraponto à nota:
Prezado Christiano,
É importante verificar as informações postadas com todos os lados da história, para não cometer injustiças. Há anos venho desenvolvendo pesquisas na Reserva Biológica União e acompanho de perto o processo que envolve o licenciamento para a duplicação da BR-101.
Em primeiro lugar, a Reserva União abrange o trecho entre os km 182 e 190 da BR-101. Deste modo, não é correto afirmar que o atraso na duplicação do trecho entre o 144 e o 182 tenha a ver com a Reserva. Na maior parte, existem disputas da Autopista com comunidades locais por diferentes motivos que nada tem a ver com o que você noticiou.
Em segundo lugar, é comum políticos e órgãos de imprensa fazerem referência a uma suposta “demora” nos processos de licenciamento para gerar pressão e mobilização de opinião pública para acelerar empreendimentos.
Garanto que nenhum órgão ambiental é contra a duplicação da rodovia, mas também não é possível aceitar que etapas sejam ignoradas ou a legislação seja deixada de lado. A “demora” neste caso decorre de termos servidores públicos responsáveis no processo, que não aceitaram estudos de impacto que não atendiam requisitos.
Temos muitos exemplos recentes no Brasil nos últimos anos, onde tragédias ambientais têm acontecido repetidamente por conta de negligência e “pressa”. Inclusive com custo de vidas humanas.
Em último lugar, é errado atribuir as mortes por acidentes na rodovia à falta de duplicação, quando os verdadeiros culpados são os motoristas imprudentes. É importante não perder de vista o que realmente importa.
Agradeço a oportunidade de esclarecimento, pois a propagação de ideias simplistas e equivocadas pode formar opiniões erradas e não ajuda na proteção do nosso futuro.
Comentar
Compartilhe
Briga com a Argentina é inútil!
31/10/2019 | 12h44
BRIGA COM A ARGENTINA É INÚTIL!
* Elio Gaspari - O Globo
Brasil e Argentina, além de vizinhos, são grandes parceiros comerciais. Ambos estão com taxas de desemprego de dois dígitos. Um torce para que o crescimento de 2019 chegue a 1%, e o outro rala uma contração da economia. Nesse cenário de ruína, Jair Bolsonaro e o presidente eleito da Argentina resolveram se estranhar. Por quê? Por nada.
Donald Trump briga com Xi Jinping, mas ambos defendem seus negócios. Já houve época em que o Brasil e a Argentina crisparam suas relações por motivos palpáveis, como aconteceu em negociações comerciais e em torno da construção da Hidrelétrica de Itaipu. Mesmo nessas ocasiões, os governos comportavam-se com elegância. Durante uma dessas controvérsias, o presidente Fernando Henrique Cardoso escreveu: “Não gosto dessa coisa truculenta que não leva a nada. Já temos tantas arestas que é melhor nos pouparmos de acrescentar novas.” Agora, em torno do nada, Jair Bolsonaro e Alberto Fernández romperam a barreira da cordialidade.
Utilizando-se uma medida útil para quem observa briga de rua, foi Bolsonaro quem começou. Em junho ele disse que “Argentina e Brasil não podem retornar à corrupção do passado, a corrupção desenfreada pela busca do poder. Contamos com o povo argentino para escolher bem seu presidente em outubro.” Um mês depois, o candidato Alberto Fernández visitou Lula na carceragem de Curitiba. Domingo, no seu discurso de vitória, ele repetiu o “Lula Livre”, e Bolsonaro classificou o gesto como “uma afronta à democracia brasileira”, recusando-se a cumprimentá-lo pela vitória.
Se diferenças ideológicas justificassem tanta agressividade, os Estados Unidos e a falecida União Soviética teriam começado a Terceira Guerra Mundial no final da década dos 40 do século passado.
Não se pode saber qual é a real agenda de Fernández, mas é certo que por trás da agressividade de Bolsonaro há o nada. Pela primeira vez, desde a nomeação de José Bonifácio para a Secretaria de Negócios Estrangeiros por D. Pedro I, o Brasil não tem chanceler.
Diante do que aconteceu na Argentina e no Chile, o evangelismo bolsonarista tem razões para ficar inquieto. Estaria surgindo uma maré popular na América Latina. Uma coisa é decifrar a alma das ruas, bem outra é acreditar que o monstro da opinião pública deve ser desprezado. O PT, que menosprezou as manifestações de 2013, que o diga.
Çábios da ekipekonômica do doutor Paulo Guedes produziram um documento ensinando que “atribuir os recentes protestos sociais ocorridos no país (o Chile) a um mau desempenho econômico e social, comparativamente aos países latino-americanos, não é uma posição corroborada pelos dados”. Falta avisar aos chilenos, que moram lá.
O governo de Dilma Rousseff isolou-se quando fechou-se, alimentando teorias conspirativas. Bolsonaro faz do seu excêntrico isolamento uma plataforma realimentadora de ilusões. Veja-se uma de suas últimas tuitadas: “Chile, Argentina, Bolívia, Peru, Equador... Mais que a vida, a nossa LIBERDADE. Brasil acima de tudo! Deus acima de todos!”
Bolsonaro, um mestre na arte de perder amigos e fazer inimigos, sente-se cercado por hienas e tuitou uma pequena paródia do filme “Rei Leão”, como se ele fosse o Simba. Faltou lembrar que as hienas só comeram o tio (e rei) Scar, que se aliou a elas.
Comentar
Compartilhe
Azul terá 2 voos diários em Campos
30/10/2019 | 21h02
A partir do dia 03 de fevereiro de 2020, Campos passará a ter 2 voos diários, de segunda-feira à sexta-feira, da Azul para o Aeroporto do Galeão, que recentemente virou o aeroporto de destino para o Rio, em substituição ao Aeroporto Santos Dumont.
Um dos voos será às 11h55, direto. O outro às 20h10, com escala em Macaé. No sentido Rio-Campos também haverá 2 voos diários da Azul. Um às 09h30, com escala em Macaé. O outro às 18h35, direto. Isso a partir de 03 de fevereiro. Já de 09 de dezembro de 2019 até 03 de fevereiro de 2020 o voo que faz a rota Rio-Campos passará a ter escala em Macaé.
Enquanto isto, o Aeroporto Bartolomeu Lisandro passa por obras para finalização do segundo terminal de passageiros, que será exclusivo para os voos offshore, com previsão de inauguração para dezembro próximo.
O terminal atual passará por reformas para atender somente a aviação comercial. O aeroporto Bartolomeu Lisandro movimenta, em média, 13 mil passageiros por mês, tendo hoje capacidade operacional para atender uma demanda maior de tráfego aéreo.
Está prevista para 2020 a construção de um novo pátio de aeronaves, de 38 mil m², o qual, somado ao pátio existente, permitirá quadruplicar a quantidade de aeronaves estacionadas.
Comentar
Compartilhe
Caiu o muro
30/10/2019 | 18h42
A obra da nona loja da Drogarias Pacheco em Campos, na esquina das Ruas Formosa e Câmara Júnior, em frente ao Hortifruti, avança rapidamente e os muros que cercavam o terreno já foram tombados. Ela foi anunciada aqui, em agosto.
As obras das redes de drogarias nacionais na cidade têm se notabilizado pela rapidez. Com empresas de de fora, especializadas neste tipo de construção, turnos flexíveis e dinheiro farto, as obras sobem com impressionante facilidade.
Comentar
Compartilhe
Pra baixo
30/10/2019 | 15h58
Se você acha que seu imóvel foi desvalorizado com a crise econômica nos últimos 4 anos, imagina o dos proprietários de casas no condomínio Vivendas da Barra?
Comentar
Compartilhe
Demora na duplicação da BR-101 gera perda de vidas
29/10/2019 | 12h31
A tragédia que causou mais uma vítima fatal, um médico campista (confira aqui), na BR-101, poderia ter sido evitada. A duplicação da BR-101 no trecho entre Campos e Rio Bonito, cujo contrato de concessão para a Autopista Fluminense foi assinado há mais de 11 anos, estava prevista para ocorrer até o final de 2016, sendo a maior obra da concessão.
Passados praticamente 3 anos do prazo máximo do contrato inicial, essa duplicação da BR-101 está longe de ser concluída. Foram entregues aos usuários 126 quilômetros de rodovias duplicadas, sendo 60 entre Campos e Macaé (entre o km 84 e o km 144 da rodovia) e 66 entre Casimiro de Abreu e Rio Bonito (entre o km 190 e o km 216 da rodovia).
Cerca de 46 quilômetros entre Macaé e Casimiro de Abreu, no trecho entre o km 144 e o km 190 da BR-101, aguardam licenciamento ambiental, por atravessarem a Reserva Biológica União. O médico campista Matheus Rangel morreu no km 186 da rodovia, próximo ao Trevo de Rio Dourado, em trecho não duplicado, a 4 quilômetros do trecho duplicado.
Há ainda um trecho entre Casimiro de Abreu e Rio Bonito aguardando obras, que necessitou de viadutos vegetados para passagem de animais silvestres sobre a rodovia, em função de atravessar a Reserva Biológica Poço das Antas, um dos principais habitats do Mico-Leão-Dourado, espécie ameaçada de extinção.
A demora na liberação por parte dos órgãos ambientais é cômoda para a Autopista Fluminense, que adia investimentos usando a lei a seu favor. Enquanto a duplicação não é concluída, a rodovia segue, infelizmente, contando os seus mortos, entre eles vários campistas.
Comentar
Compartilhe
Começou mal (2)
28/10/2019 | 16h07
Segue abaixo o relato do leitor Marcelo, postado ontem nos comentários da nota publicada aqui na quinta-feira passada, que anunciava o voo inaugural da VoePass (Passaredo) de Macaé para São Paulo, que acabou não acontecendo (entenda aqui)
A filha do leitor seria passageira do voo e acabou perdendo compromissos profissionais pelo erro de marcaram um voo inaugural em um aeroporto que carecia de certificação, conforme explicado pela própria empresa em nota (confira aqui). Leia abaixo o relato:
#ATENÇÃO:
PASSAREDO. Voo Macaé x São Paulo de hoje as 18h25.
Após me deslocar esta tarde até o aeroporto de Macaé, encontrei as 16h30 um terminal com portas de embarque fechadas.
Ok, nos dirigimos ao portão de desembarque. Estava aberto.
Nos dirigimos ao balcão da Passaredo.
Fechado.
Por sorte, do banheiro do terminal surge um funcionário da Passaredo e, pasmem, informa que o voo tinha sido cancelado porque a Infraero não autorizou pouso da Passaredo em Macaé.
Eu levava minha filha que voltava para sua casa em São Paulo após passar menos de 20hs em Campos onde veio participar da formatura de medicina de algumas amigas.
Minha filha é médica e mora a 15 min de distância do aeroporto de Congonhas.
Daria plantão hoje às 21hs.
Segundo o funcionário da Passaredo a empresa teria avisado a todos os clientes o cancelamento e a disponibilidade de um ônibus para o Santos Dumont que teria saído as 15h do aeroporto de de Macaé para realocar os passageiros em outros voos.
Isso não é verdade (explico porque abaixo).
Após verificar que a empresa não iria disponibilizar um táxi para levar minha filha até o aeroporto Santos Dumont, deixei o aeroporto enquanto minha filha constatava pelo smartphone que não havia disponibilidade no ônibus Campos x São Paulo da 1001 para esta noite.
Partimos então para péssima rodoviária de Macaé.
De lá, um ônibus double deck sairia às 22hs para São Paulo, sem vaga no leito.
Minha filha, chateada - quem a conhece sabe do extremo senso de responsabilidade dela - optou em pegar um ônibus convencional ( a primeira disponibilidade existente ) para o Rio já levando uma passagem do Rio para São Paulo ( também não tinha leito ) as 22hs.
Enquanto voltava para Campos liguei para o SAC da Passaredo.
Após 14 minutos ouvindo aquelas músicas ridículas o atendente que se identificou como Pedro me informou que hoje seria o voo inaugural da rota São Paulo x Macaé x São Paulo, todavia pouco antes da decolagem de São Paulo a Passaredo foi avisada que a INFRAERO não homologou a pista de Macaé para operação dessa rota.
Questionado que providências a Passaredo teria tomado o mesmo me informou que a empresa optou por manter o voo partindo de São Paulo, deslocando o pouso para Cabo Frio e disponibilizou um ônibus para levar os passageiros de Cabo Frio para Macaé.
Perguntei então sobre o ônibus de Macaé para o Santos Dumont que o funcionário da empresa no aeroporto de Macaé me informou.
Pedro foi taxativo. Disse que todos os passageiros foram avisados por telefone do cancelamento e que poderiam optar por reembolso integral ou trocar por um bilhete em aberto, não tendo, em função disto, sido disponibilizado ônibus algum para os passageiros do trecho Macaé x São Paulo, cancelado.
Pedro ratifica, então que seu colega do aeroporto de Macaé faltou com a verdade.
Ocorre que a reserva da passagem da minha filha tinha seu número de celular e email disponíveis. Ela não recebeu nenhuma ligação informando sobre o cancelamento, tampouco SMS ou e mail.
Empresa que vende passagens sem, aparentemente, autorização das autoridades (in)competentes.
Não aceitei um bilhete em aberto e requeri reembolso.
Quanto ao prejuízo financeiro da minha filha que terá falta lançada no seu ponto ( é residente na UNIFESP ) com desconto nos seus vencimentos, minha despesa de deslocamento e aborrecimentos, estarei já amanhã tomando as medidas judiciais cabíveis.
Fica o alerta para os conhecidos que assim como eu tem filhos morando em São Paulo e sofrem com a falta de disponibilidade de deslocamento rápido além do preço extorsivo da passagem da 1001.
Abram seus olhos com a Passaredo!
Comentar
Compartilhe
Começou mal
28/10/2019 | 12h23
Estava marcado para ontem o voo inaugural da VoePass (Passaredo) de Macaé para São Paulo, conforme anunciado aqui na quinta-feira passada. Estava, porque um e-mail enviado ontem pela empresa comunicou o cancelamento do voo de Macaé para o Aeroporto de Congonhas, devido a um atraso na certificação do Aeroporto de Macaé por parte da Infraero.
O cancelamento causou transtorno para os passageiros (confira aqui um relato) e é lamentável que a "descoberta" da falta de certificação tenha ocorrido apenas no dia do voo. Para os passageiros do voo São Paulo-Macaé, como solução alternativa, foi alterado o aeroporto de desembarque, aterrizando em Cabo Frio.
Confira abaixo o comunicado oficial da VoePass, enviado ontem por e-mail às 13h45:
Comunicado VoePass
A VOEPASS Linhas Aéreas informa que, devido ao atraso na certificação do Aeroporto de Macaé, o voo de Macaé com destino a Congonhas neste domingo, dia 27 de outubro, foi cancelado.
O voo de Congonhas para Macaé, neste domingo, está mantido e irá operar no aeroporto de Cabo Frio como alternativa, sendo os passageiros trasladados via rodoviária até Macaé.
Para os passageiros cujo voo foi cancelado serão ofertadas as alternativas previstas na Resolução 400 da Anac.
Os voos de Congonhas para Macaé previstos para segunda-feira, dia 28 de outubro, estão mantidos até que haja uma manifestação formal e definitiva sobre a certificação do aeroporto, a cargo da Infraero.
Comentar
Compartilhe
Voo inaugural
24/10/2019 | 21h53
No próximo domingo, 27 de outubro, ocorrerá o voo inaugural da VoePass (Passaredo) de Macaé para São Paulo. O avião decolará do solo macaense às 18h25 e pousará no Aeroporto de Congonhas às 20h05. O retorno e estreia da linha em sentido contrário será no dia seguinte, com decolagem de Congonhas às 14h25 e pouso às 15h40 em Macaé.
A partir de segunda-feira, 28 de outubro, o vôo será diário, em ambos os sentidos, com exceção dos sábados, quando não haverá voos. Os horário serão os definidos acima, com saídas de Congonhas às 14h25 e saídas de Macaé às 18h25.
Os preços iniciais custam a partir de R$ 299,00 mais taxas aeroportuárias. No caso de decolagem de Macaé, a passagem passa a R$ 324,89, com os R$ 25,89 da taxa de embarque do aeroporto macaense. Partindo de Congonhas, a passagem vai a R$ 331,95, com os R$ 32,95 da taxa de embarque do aeroporto paulista.
O voo se torna mais uma opção de deslocamento de campistas para São Paulo, apesar do trajeto de Campos a Macaé pela BR-101. Atualmente para ir via aérea, o campista tinha como opção mais competitiva o vôo da Azul saindo de Campos e fazendo conexão no Galeão, rumo a Viracopos, aeroporto da cidade de Campinas, que também impunha um deslocamento rodoviário dali até São Paulo.
Comentar
Compartilhe
Estreia da semana
23/10/2019 | 09h54
A estreia da semana em Campos, a única, é "Zumbilândia: Atire Duas Vezes". O filme está programado para estrear amanhã, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versões legendada e dublada, e no Cine Araújo, somente dublado.
"Zumbilândia: Atire Duas Vezes" é a continuação de "Zumbilândia" de 2009, quando a temática zumbi estava em alta. O elenco se mantém, com Woody Harrelson, Emma Stone, Jesse Eisenberg e Abigail Breslin, sendo que agora os quatro têm em seu currículo pelo menos uma indicação ao Oscar, tendo Emma Stone como vencedora, como melhor atriz, por "La La Land", em 2017.
Confira abaixo o trailer do filme de comédia/terror:
Fontes: Adoro Cinema e Canal Tech
Comentar
Compartilhe
A arte respira
22/10/2019 | 20h46
Felizmente, nem só de blockbusters de super-heróis vive o cinema. Há espaço também para cinema de qualidade, mesmo de um drama mais profundo. "Coringa", há três semanas em cartaz em Campos e no país, alcançou no fim de semana o público acumulado de 6,55 milhões de espectadores. Já é o quinto filme mais assistido no país em 2019.
Embora remeta a um arquirival de um super-herói, o filme narra basicamente a vida do Coringa, sem nenhuma aparição do Batman, em uma drama profundo e atuação espetacular de Joaquin Phoenix. "Coringa" teve 990 mil espectadores no país no fim de semana, sendo o segundo filme mais assistido.
Outro filme, esse nacional, "Bacurau", segue tendo bom desempenho, alcançando 659 mil espectadores em oito semanas de exibição no país. Uma ótima marca para um drama nacional.
Comentar
Compartilhe
Jorge Aragão e Fágner em Campos
21/10/2019 | 20h31
Será realizado no dia 30 de novembro, um sábado, no Rancho da Ilha, o Forte Music Festival. O evento, privado e para convidados, terá como atrações principais Jorge Aragão e Raimundo Fágner, duas estrelas da música brasileira.
O festival, com início marcado para 10h00, foi concebido para ser uma plataforma de confraternização, comemoração e também de negócios. A proposta da Forte Telecom, realizadora do evento, é um dia inteiro de descontração e networking, regado a música de alta qualidade e gastronomia variada, reunindo clientes, parceiros e amigos.
A Forte Telecom é uma operadora de telecomunicações original de Cambuci, sediada hoje em Campos. É uma das maiores do Brasil, com operações nos estados do Rio de Janeiro, Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Ceará.
Comentar
Compartilhe
Heptacampeão
21/10/2019 | 16h30
Foto: Alexandre Vidal - Flamengo
Foto: Alexandre Vidal - Flamengo
A campanha espetacular do Flamengo de Jorge Jesus, que enfim fez o clube valer o poderio financeiro dos últimos anos em conquistas e bom desempenho dentro do campo, praticamente garantiu ao rubro-negro, jogando o melhor futebol do país na atualidade, o heptacampeonato brasileiro.
Só um desastre de proporções bíblicas tira o título do Brasileiro do Flamengo, não só pela gigante vantagem de 10 pontos na tabela em apenas 27 rodadas, mas pela supremacia em campo e pela falta de adversários que tenham desempenho e futebol à altura.
Será a sétima conquista do Brasileiro pelo Flamengo. As outras foram em 80, 82, 83, 87, 92 e 2009. Na contagem oficial o clube terá 6 conquistas, pela decisão bizarra, esportivamente, da justiça em obrigar a CBF a não considerar 1987 como conquista.
Na antiga contagem de 1971 para cá, o Flamengo passaria a ser, ao lado do Corinthians, o maior vencedor de Brasileiros, com 7 conquistas. Palmeiras e São Paulo viriam logo atrás, com 6. Vasco teria 4. Inter, Fluminense e Cruzeiro 3.
A atual contagem computa, com justiça, os campeonatos Roberto Gomes Pedrosa de 1967 a 1970, o "Robertão", que de fato eram os Brasileiros da época, pois reuniam equipes de todo o país, divididas em dois grupos nos quais todos jogavam contra todos.
A CBF também incluiu na contagem atual os campeões da Taça Brasil, de 1959 a 1968, um equívoco, no meu ponto de vista. A competição era similar ao início da Copa do Brasil, com a participação somente de campeões estaduais e os times mais fortes apenas entrando na fase decisiva, muitas vezes, diretamente na semifinal. Se fosse para unificar, seria mais plausível Taça Brasil com Copa do Brasil.
Com a inclusão do Robertão e da Taça Brasil na contagem oficial do Brasileirão, o Palmeiras passou a ser o maior campeão brasileiro, com 10 conquistas, seguido pelo Santos, com 8. Corinthians e, agora, o Flamengo, vem depois com 7, deixando para trás o São Paulo com 6. Vasco, Fluminense e Cruzeiro têm 4 e o Inter 3. Bahia, Botafogo e Grêmio possuem 2.
Comentar
Compartilhe
Segundo plano
20/10/2019 | 08h05
Em 27 rodadas do Campeonato Brasileiro, o Grêmio jogou 12 com seu time reserva, como fez ontem. Os titulares foram poupados em função de bons desempenhos na Libertadores, onde disputa a semifinal contra o Flamengo, e também da Copa do Brasil, onde caiu na semifinal para o futuro campeão Athlético/PR/.
Nos últimos anos o Grêmio tem se notabilizado por ir sempre bem nestas competições. É a terceira semifinal seguida de Libertadores, tendo sido campeão em 2017 e caído nas semifinais em 2018 para o River Plate.
Os tricolores gaúchos têm imensa tradição na competição sul-americana, tendo sido finalista 5 vezes, sendo tricampeão (1983, 1995 e 2017), e semifinalista 8 vezes. Na Copa do Brasil, o Grêmio esteve em 6 semifinais nos últimos 9 anos, tendo sido campeão em 2016.
Pelo bom desempenho nestas competições, os gaúchos acabam relegando o Brasileiro, que não conquistam desde 1996, a segundo plano. Faz o básico apenas para ficar no G4, onde terminou em 3 dos últimos 4 Brasileiros. Em 2019, não poupasse seus titulares, muito provavelmente o Grêmio estaria disputando o título brasileiro com o Flamengo e o Palmeiras, donos dos melhores elencos do país na atualidade.
Comentar
Compartilhe
Saiu da Globo
18/10/2019 | 21h53
Depois de 23 anos, Glenda Kozlowsky está deixando a Globo, de comum acordo entre as partes. Ela entrou na emissora em 1996, para apresentar o "Esporte Espetacular." Glenda irá atuar em outros ramos de negócio e desenvolverá um projeto de inteligência artificial com a IBM.
Fonte: UOL
Comentar
Compartilhe
Casas Pedro em Campos?
18/10/2019 | 13h27
A Casas Pedro foi tema ontem de uma nota aqui na coluna de Ancelmo Gois, em O Globo. O jornalista saudou o rejuvenescimento da marca de 87 anos e sua expansão, passando, segundo ele, de 40 para 46 lojas, com as novas unidades sendo instaladas nos shoppings cariocas Norte Shopping, Grande Rio e Nova América e também nas cidades de Cabo Frio, Itaboraí e Campos.
Seu ramo de atividade é definido pela própria Casas Pedro como mercearia gourmet e loja de alimentos naturais. Em seu site, a marca confirma apenas a inauguração em breve de lojas no Norte Shopping e Shopping Grande Rio. Em seu Facebook, a Casas Pedro publicou ontem, após a nota de Alcelmo Gois, a inauguração em breve no Shopping Nova América.
Não há anúncio oficial sobre as cidades da Cabo Frio, Itaboraí e de Campos, nem no site, nem no Facebook. Perguntada sobre local e previsão de inauguração aqui na cidade, a Casas Pedro respondeu oficialmente "ainda não temos previsão, mas estamos de olho na região".
Comentar
Compartilhe
A difícil arte de empreender no país
17/10/2019 | 22h31
Empreender no Brasil não é fácil. Com carga tributária alta, encargos sociais elevados, exigências cada dia maiores e legislação que muda constantemente, manter uma empresa viva é quase um ato de heroísmo. Os números comprovam.
Segundo dados do IBGE divulgados hoje, referentes ao ano de 2017, cerca de 15,2% das empresas abertas no país fecham com menos de 1 ano. Sobrevivem ao primeiro ano 84,8%.
Quando se avalia o período de 5 anos, apenas 39,8% sobreviveram ao quinto ano no mercado. Entre aberturas e fechamentos, o Brasil perdeu 22,9 mil empresas no ano de 2017.
Fonte: Exame
Comentar
Compartilhe
Capa do dia
16/10/2019 | 13h42
Capa do jornal Estado de São Paulo de hoje - Foto: Gabriela Biló
Comentar
Compartilhe
Ampliou
16/10/2019 | 12h23
A Folha FM concluiu na semana passada a ampliação de sua torre em 4 metros e de seu sistema irradiante, o que aumentará ainda mais a abrangência do seu sinal.
Comentar
Compartilhe
Denúncia do leitor - Problema resolvido
16/10/2019 | 10h27
Uma denúncia feita pelo leitor Fernando Júnior e publicada aqui no blog há 15 dias, sobre a má conservação da Ponte da Água Preta, foi resolvida. A ponte fica situada em uma rodovia estadual, que liga Campos a Quissamã, na altura de Dores de Macabu.
O leitor informou que o Departamento de Estradas e Rodagem do Estado do Rio de Janeiro (DER-RJ), consertou a ponte na segunda-feira. Confira abaixo o e-mail enviado, ontem à noite, por Fernando Júnior:
Boa noite!
O DER-RJ consertou ontem (14/10/2019) a ponte de madeira em Dores de Macabu. Obrigado pela atenção e pelo apoio!
Agora a luta é pelo asfaltamento da RJ 180 entre Dores de Macabu e Quissamã (7 Km). No sol é poeira e solavanco, e na chuva é lama na estrada de chão, que fica intransitável.
Quando chega o Verão, as fortes chuvas provocam alagamentos entre Quilombo e Guriri e entre Quissamã e Dores de Macabu, cuja comunidade fica isolada.
Até a próxima! Boa Noite!
Fernando Correia Júnior
No e-mail, Fernando agradece e clama pelo asfaltamento dos 7 quilômetros da estrada que ainda são de terra, uma demanda antiga da região e fruto de promessa de vários políticos, anos a fio, e nunca resolvida, nem nos tempos das vacas gordas.
Comentar
Compartilhe
Estreia da semana
15/10/2019 | 19h37
O destaque entre as estreias da semana em Campos é "Malévola - Dona do Mal". O filme está programado para estrear amanhã, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versões legendada e dublada, sendo atração da sala vip, e no Cine Araújo, somente dublado.
"Malévola - Dona do Mal" é a sequência de "Malévola", sucesso de 2014 baseado no conto de "A Bela Adormecida". O filme traz novamente Angelina Jolie como Malévola e Elle Fanning como a Princesa Aurora. Como novidades no elenco traz Michelle Pfeiffer como Rainha Ingrith e Chiwetel Ejiofor como Conall.
A sequência se passa 5 anos após Aurora despertar do sono profundo. A agora rainha dos Moors é pedida em casamento pelo príncipe Phillip (Harris Dickinson). Ela aceita o pedido e, com isso, parte rumo ao reino de Ulstead ao lado de Malévola, no intuito de conhecer seus futuros sogros, John (Robert Lindsay) e Ingrith.
O jantar entre eles deveria ser de celebração entre os reinos, mas os interesses de Ingrith vêm à tona quando é criado um atrito com Malévola e os demais seres mágicos. Confira:
Fontes: Adoro Cinema e O Globo
Comentar
Compartilhe
Parabéns pra você
15/10/2019 | 18h59
O Superbom está comemorando 22 anos e para celebrar a data fará uma recepção, para convidados, no Espaço Versailles, no dia 31 de outubro. Na ocasião a rede lançará sua campanha de aniversário.
Comentar
Compartilhe
Capa do dia
15/10/2019 | 13h52
O jornal inglês Daily Mail fez hoje uma bela capa sobre o jogo de ontem, pelas Eliminatórias da Eurocopa, no qual a Inglaterra goleou, fora de casa, a Bulgária por 6x0. Durante a partida, torcedores búlgaros fizeram cânticos racistas contra jogadores negros ingleses, além de saudações nazistas. Confira a capa:
Comentar
Compartilhe
Estreia da semana
09/10/2019 | 17h24
O destaque entre as estreias da semana em Campos é "Projeto Gemini". O filme está programado para estrear amanhã, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versões legendada e dublada, e no Cine Araújo, somente dublado.
"Projeto Gemini" é dirigido por Ang Lee e estrelado por Will Smith. O ator interpreta Henry Brogan, um assassino de elite. Seus chefes decidem eliminá-lo criando um clone mais novo e mais forte com a tarefa de exterminá-lo. Confira abaixo o trailer:
Fonte: Adoro Cinema
Comentar
Compartilhe
Efeito Coringa
09/10/2019 | 13h18
O ótimo desempenho de "Coringa" nas bilheterias levou os cinemas a uma mudança de programação na segunda-feira, colocando o filme em mais salas e horários do que no final de semana. Em Campos várias sessões ficaram lotadas.
"Coringa" é um excelente filme e tem atuação espetacular de Joaquin Phoenix, creditando-se, desde já, como um dos favoritos ao Oscar de melhor ator.
Comentar
Compartilhe
Inaugurou
08/10/2019 | 14h07
Foi inaugurada na semana passada a primeira loja em Campos da Lugano, conhecida marca de chocolates de Gramado. A unidade fica localizada no Pelinca Prime Office Center, na Rua Barão da Lagoa Dourada. Ela foi montada em formato de franquia e quem empreende o negócio são os sócios Greciany Neves Machado e Eduardo de Albuquerque.
Eles conheceram a marca ao viajar para Gramado, se encantando com a qualidade dos produtos. Como já pretendiam abrir uma franquia, o caminho de abertura do negócio se tornou mais fácil. A Lugano possui 40 anos de história e tradição. O nome da marca vem do belo Lago di Lugano, localizado na fronteira da Suíça com a Itália.
A Lugano tem hoje 25 lojas em operação, sendo 8 no Rio Grande do Sul, 6 delas em Gramado, sua cidade sede. No estado do Rio a loja de Campos é a primeira a ser inaugurada. Há um ambicioso projeto de expansão pelo país através de franquias.
Comentar
Compartilhe
Número 1
07/10/2019 | 22h12
O Brasil ultrapassou os EUA e se tornou o país que mais consome Heineken no mundo. A boa cerveja holandesa caiu nas graças do consumidor brasileiro mais exigente, por se tratar de uma cerveja comercial, premium, de puro malte, produzida com ingredientes 100% naturais e sem conservantes.
A cerveja de puro malte é produzida somente com cereais maltados, como cevada e trigo, sem nenhum adjunto de cereais não maltados, como milho e arroz. A Lei de Pureza Alemã estabelece que a cerveja deve ser produzida com água, lúpulo, malte e fermento. É o caso das puro malte.
No Brasil é permitido o uso de cereais não maltados em até 45% do total dos ingredientes da cerveja. É um recurso utilizado para baratear a receita e também para deixar a cerveja com características de sabor mais atenuadas, com a coloração mais clara.
Diferenciando-se de suas concorrentes, além de ser puro malte e de não ter, por consequência,  conservantes, a Heineken leva 30 dias de maturação e não 15 como suas competidoras. Não é à toa o seu sucesso e fidelização com os consumidores.
Fontes: Ancelmo Gois - O Globo, Brejas, Homini Lúpulo e Chef com Cerveja
Comentar
Compartilhe
Catarse
07/10/2019 | 13h54
Viralizaram nas redes sociais vídeos de uma briga entre mulheres em frente à boate Excess, que teria ocorrido no fim de semana. Há pouco tempo o vídeo de uma luta entre mulheres no mercado municipal circulou nas redes.
Além do infeliz, aparentemente, aumento de casos de mulheres se estapeando nas ruas, os vídeos também mostram a falta de ação das pessoas à volta para separar a briga. Elas estão mais preocupadas em assistir, filmar e ver o circo pegar fogo do que em impedir as agressões de parte a parte.
Comentar
Compartilhe
20 em leilão
07/10/2019 | 12h39
Cerca de 20 unidades no Ramada Hotel & Suites Campos, de proprietários distintos, irão a leilão no dia 16 de outubro, em primeira praça. Quem está leiloando os imóveis é o Banco Máxima S/A, que financiou a aquisição das unidades hoteleiras para investidores.
O motivo seria a falta de pagamento das parcelas mensais por parte destes 20 investidores. A Zukerman Leilões é a responsável pelo leilão, cuja segunda praça já está marcada, para 23 de outubro, com deságios previstos de 41% a 68%.
Comentar
Compartilhe
Pitanga carioca
06/10/2019 | 15h41
A loja multimarcas Pitanga, que construiu uma história de sucesso em Itaperuna, vestindo mulheres de classes sociais de alto poder aquisitivo há 13 anos, irá inaugurar na próxima quarta-feira uma unidade no badalado shopping carioca Rio Design Leblon. Quem comanda a Pitanga é a empresária Fernanda Picanço.
O projeto da nova loja é dos arquitetos campistas Paula Martins e Albite Coutinho.
Fonte: Revista Ela - O Globo
Atualização às 12h43 de 07/10/2019: Complementação com os autores do projeto de arquitetura, em informação passada pelo leitor empreendedor Tarcísio Viana.
Comentar
Compartilhe
1,5 milhão a menos
02/10/2019 | 22h40
O serviços de TVs por assinatura fecharam agosto deste ano com 16,35 milhões de assinantes no Brasil, uma queda de mais de 1,5 milhão em relação ao mesmo mês do ano passado, equivalendo a 8,4% e menos. É uma tendência que vem ocorrendo há quase cinco anos.
O auge do mercado de TVs por assinatura ocorreu no final de 2014, quando atingiu aproximadamente 20 milhões de assinantes. De lá para cá, junto com a crise, o crescimento do streaming, a difusão das Smart TVs e o tempo excessivo conectado aos smartphones, o número de assinantes das operadoras de TVs pagas vem caindo ano a ano.
Com o bolso mais curto e boas opções no streaming, como Netflix, GloboPlay e YouTube, entre outros, telespectadores vem trocando a TV por assinatura por uma opção mais em conta. E o ritmo segue acelerado. Em 2018 a perda foi de 549 mil assinantes. Essa queda se acentuou agora para 1,5 milhão em 12 meses, segundo os dados divulgados pela Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações).
O fenômeno não é só no Brasil. Nos EUA o ano de 2019 tem sido marcado como o pior da história das TVs por assinatura, com queda de cerca de 10% do número de assinantes em relação a 2018.
Fontes: Anatel, IG, Valor Investe, Notícias da TV e Estado de Minas
Comentar
Compartilhe
Estreia da semana
01/10/2019 | 23h12
O destaque entre as estreias da semana em Campos é "Coringa". O filme está programado para estrear quinta-feira, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versões legendada e dublada, sendo a atração única da sala vip, e no Cine Araújo, também nas duas versões. Ambos os cinemas exibem pré-estreia dele amanhã.
"Coringa" é estrelado por Joaquim Phoenix, cuja atuação no filme vem sendo altamente elogiada pela crítica, despontando como um dos favoritos ao Oscar de melhor ator, prêmio para o qual já foi indicado duas vezes, uma em 2005, por "Johnny & June", e outra em 2013, por "O Mestre".
O filme, dirigido por Todd Phillips, narra a vida do comediante Arthur Fleck. Ele trabalha como palhaço para uma agência de talentos e, toda semana, precisa comparecer a uma agente social, devido aos seus conhecidos problemas mentais.
Após ser demitido, Fleck reage mal à gozação de três homens em pleno metrô e os mata. Os assassinatos iniciam um movimento popular contra a elite de Gotham City, da qual Thomas Wayne (Brett Cullen) é seu maior representante.
Fleck se transforma no criminoso chamado de Coringa, um dos futuros arqui-inimigos do Batman. Robert de Niro também atua no filme. Confira abaixo o trailer:
Fonte: Adoro Cinema
 
Comentar
Compartilhe
Denúncia do leitor
01/10/2019 | 20h09

O leitor Fernando Junior enviou, através de e-mail, uma denúncia sobre a má conservação da Ponte da Água Preta, situada em uma rodovia estadual, na altura de Dores de Macabu, que liga Campos a Quissamã. O problema estaria impedindo a circulação de ônibus da linha Campos x Quissamã, prejudicando o direito de ir e vir da população. Confira:

Prezado Christiano,

Quero pedir a ajuda de vcs para denunciar a situação da Ponte da Água Preta na Rodovia RJ-180, na altura de Dores de Macabu.

As tábuas dessa ponte de madeira encontram-se soltas e desgastadas, impedindo a passagem da linha ônibus que liga Campos dos Goytacazes a Quissamã, prejudicando o direito de ir e vir da população e colocando em risco os motoristas que ainda ousam passar por lá.

 
 

Atenciosamente,

Fernando Junior

A Ponte da Água Preta foi reconstruída em outubro de 2014 pelo DER-RJ, após um incêndio ter destruído a anterior, conforme noticiou aqui à época Murilo Dieguez, em seu blog. Em apenas 5 anos ela volta a ter problemas, aparentando falta de manutenção do estado.
Atualização às 10h30 de 16/10/2019: Após a publicação aqui no blog o problema foi resolvido pelo DER-RJ (confira aqui).
Comentar
Compartilhe
Recorde
01/10/2019 | 17h19
 O Kinoplex Avenida, fechados os números de agosto, tem em 2019 a sua melhor média de público de sua história em Campos, com aproximadamente 21.500 espectadores por mês. É um crescimento de impressionantes 27% em relação a 2018.
O ano de 2019, até agosto, cresceu ainda 8% em público em relação a 2017 e 2% em relação a 2016, até então o seu melhor ano. O faturamento também acompanha o crescimento de público, aumentando 26% neste ano.
Contribuiu para os excelentes números a safra de filmes deste ano, com destaque para "Vingadores: Ultimato", que fez 19,7 milhões de espectadores no país; "Rei Leão", com 14,1 milhões; e "Capitã Marvel", com 9 milhões.
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Christiano Abreu Barbosa

[email protected]