Memória política
07/12/2017 | 16h06
Rockfeller de Lima, Erasmo Martins Pedro, Pereira Júnior, Francisco Paes Filho, Amadeu Chácar, Zezé Barbosa. - ano 1982.
Compartilhe
Lula diz em Campos que quer atrair os que bateram panela
07/12/2017 | 07h29
Ao discursar ontem em Campos para alunos do Instituto Federal Fluminense (IFF), o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse que estenderá as mãos àqueles que se manifestaram pelo afastamento da ex-presidente Dilma Rousseff. Segundo Lula, os apoiadores do impeachment devem estar arrependidos.
"Aqueles que foram bater panela, aqueles que foram para as ruas apoiar o golpe, não têm mais panela para bater. Estão batendo a cabeça na parede de arrependimento. Não vamos tratá-los com indiferença. Vamos estender a mão e dizer 'vem para cá, companheiro'", afirmou Lula, acrescentando que "é sempre tempo para a gente aprender".
No seu discurso, Lula afirmou que os defensores do ajuste fiscal "estão falando um monte de merda". Ele fez a afirmação ao pregar investimentos na saúde em detrimento de cortes do governo Temer.
Fonte: Folha de S.Paulo
Compartilhe
Selfie? Ninguém resiste...
06/12/2017 | 18h29
Ninguém resiste a uma selfie. Nem as policiais que participaram da operação que prendeu hoje Rogério 157, o bandido mais caçado no Rio. O traficante virou uma celebridade instantânea. Ao ser preso, Rogério 157, revela o Globo, vestia camiseta da marca Diesel, usava jeans novo, cinto e relógio Rolex.
Rogério 157 estava com as unhas feitas e o cabelo cortado no estilo asa-delta, aquele batido na nuca e mais cheio no cocuruto. O visual nada selvagem chamou a atenção das policiais, que destacaram a "metrossexualidade'' do bandido e, eufóricas com a prisão, fizeram selfies sorrindo ao lado dele.
Compartilhe
Lula enfrenta protestos em Campos
06/12/2017 | 07h54
A matéria que a Folha de S.Paulo trouxe sobre a visita de Lula a Campos, na noite de ontem, revela que o ex-presidente enfrentou a maior manifestação desde o início de sua caravana, em agosto.
Com uma faixa com a inscrição "Lula, ladrão, seu lugar é na prisão", cerca de 200 apoiadores do deputado Jair Bolsonaro (PSC) fizeram uma manifestação nas escadarias da Câmara de Vereadores.
Após o encerramento do ato, que consumiu menos de uma hora, apoiadores e opositores de Lula trocaram insultos na rua, contidos por um cordão da PM.
Esse não foi o único incidente na agenda do ex-presidente. Na chegada ao hotel em Campos, um hóspede o chamou de ladrão no hall. Aos gritos, foi sendo conduzido ao elevador por seguranças até o elevador.
Do palanque, de onde se podia ouvir a vaia de manifestantes, Lula chamou a população do Rio de cordata, mas disse que o fluminense se sente traído pela classe política.
Na sua fala, Lula afirmou que não se entra no jogo apenas quando se está em vantagem.
"Se o povo está desacreditado, a gente tem que conversar seriamente com o povo", discursou.
Compartilhe
Vereadores de SJB cobram melhoria na distribuição de energia elétrica
05/12/2017 | 15h41
Os vereadores de São João da Barra se reuniram nesta terça-feira (5) com representantes da Enel Distribuição Rio para expor as demandas recebidas da população sobre o fornecimento de energia elétrica no município. Segundo o presidente da Casa, Aluizio Siqueira, a reunião foi solicitada pela Câmara, por meio do ofício nº 427/2017, expedido na última semana, com o objetivo de saber os motivos que têm ocasionado a baixa tensão de energia elétrica no município e as providências que serão tomadas.
– Essa reunião foi muito produtiva, pois pudemos passar situações pontuais que a população tem cobrado, como por exemplo: postes que estão no meio de ruas e que precisam ser deslocados, postes de madeira que precisam ser trocados, picos de energia e variação de tensão que têm ocorrido principalmente nas praias de Grussaí e Açu. Além disso, ouvimos os esclarecimentos da empresa em relação aos investimentos realizados – destacou Aluizio.
 
 
Compartilhe
Lula a caminho de Campos: "Eles vão ter que me engolir"
05/12/2017 | 07h45
Dois dias após a divulgação de pesquisa Datafolha que o aponta na liderança da corrida presidencial em 2018, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva chamou de bobagem a suposição de que pode não ser candidato na disputa.
"Como disse Zagallo, eles vão ter que me engolir", disse, em referência a uma frase que ficou famosa na boca do ex-técnico da seleção Mário Jorge Lobo Zagallo.
Durante ato no centro de Vitória (ES), na noite desta segunda-feira (4), o petista afirmou: "Não fiquem com essa bobagem de que o Lula não será candidato, não. Vou ser candidato e vou ganhar as eleições".
O discurso de Lula marcou a abertura de sua caravana pelos Estados do Espírito Santo e do Rio de Janeiro. De Vitória, Lula seguirá até Campos, Maricá, Nova Iguaçu e Rio, passando por Cariacica.
Fonte: Folha de S.Paulo
Compartilhe
Depende de quem usa
04/12/2017 | 18h12
"QUERIDO, A DIFERENÇA FUNDAMENTAL ESTÁ EM QUEM A USA" . Frase de Carmem Mayrink Veiga, socialite conhecida mundialmente, que faleceu hoje, aos 88 anos, respondendo a um amigo qual a diferença entre uma bolsa Louis Vuitton legítima e uma pirateada.
Compartilhe
Lula inicia viagem que inclui Campos
04/12/2017 | 15h33
O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva inicia nesta segunda (4) a mais difícil etapa de suas viagens pelo Brasil neste ano.
Em sua terceira caravana em 2017, Lula irá ao Espírito Santo e Rio de Janeiro, Estados do Sudeste onde o PT está mais debilitado. A comitiva está preparada para enfrentar manifestações, especialmente dos eleitores de Jair Bolsonaro (PSC).
Segundo o último Datafolha, no Sudeste a vantagem de Lula sobre Bolsonaro é de apenas seis pontos percentuais, de 27% a 21%. Nacionalmente, a diferença chega a 18 pontos.
O Rio é o domicílio eleitoral de Bolsonaro. Desgastado no Estado, o PT deve lançar o ex-ministro Celso Amorim ao Palácio Guanabara. Em frangalhos no Espírito Santo, a sigla nem sequer terá candidato a governador.
Fonte: Folha de S.Paulo
Compartilhe
Mudanças abusivas
01/12/2017 | 15h43
Após críticas, o relator do projeto que prevê um novo marco legal para os planos de saúde, deputado Rogério Marinho (PSDB-RN), decidiu recuar da proposta de permitir um reajuste na mensalidade para idosos. O deputado Chico D´Ângelo (PT-RJ), em discurso que fez na Câmara, posicionou-se contra as mudanças na Lei dos Planos de Saúde, que considera abusivas.
Chico assinalou que as modificações prejudicam os brasileiros e os idosos de maneira especial. O deputado acha que aprovar tal lei é impedir que idosos acessem os serviços “quando mais necessitam”.
Compartilhe
Garotinho apanhou calado?
01/12/2017 | 11h10
No episódio em que Anthony Garotinho teria sido agredido dentro de sua cela, no silêncio da madrugada, na cadeia de Benfica, uma pergunta não quer calar: nenhum veículo de comunicação registrou que o ex-governador foi atacado, sem esboçar qualquer reação. No caso, ele teria apanhado calado, o que não é o seu feitio.
Pelo que se leu, viu e ouviu, Garotinho (espetaculoso como é) sequer gritou quando foi agredido. Sim, porque se tivesse gritado — o que seria uma reação natural — teria sido socorrido por agentes penitenciários. Os mesmos agentes que estiveram em sua cela tão logo ele bateu palminhas, com as mãos entre as grades (foto), para chamar a guarda e relatar a (suposta) agressão.
Compartilhe
Sobre o autor

Saulo Pessanha

[email protected]