Sucessão de Pezão pode ter um nome com descendência campista
30/04/2017 | 18h48
A sucessão de Luiz Fernando Pezão pode ter um nome com descendência campista. Trata-se do prefeito de Niterói, Rodrigo Neves. Ele está de olho na disputa de 2018 e o mandato que exerce é o cartão de apresentação ao projeto eleitoral de âmbito estadual.
Na Folha de S.Paulo, Rodrigo foi tema de matéria recente, citando que Niterói tem sobrevivido à crise que assola o Estado do Rio de Janeiro. Com a receita em alta, a prefeitura mantém um ritmo acelerado de inaugurações e vem assumindo atribuições do estado.
Niterói é beneficiada com 43% dos royalties do petróleo e participações especiais pagas pelo campo de Lula (o maior do país), que opera desde 2010 e hoje produz 690 mil barris/dia. O município é o quarto do RJ que mais recebe royalties, ficando atrás apenas de Macaé, Campos e Maricá. 
Comentar
Compartilhe
O legado do 'Fora Temer'
30/04/2017 | 13h24
O visual da cidade sofreu um prejuízo grande com a manifestação realizada na sexta-feira contra as reformas trabalhista e previdenciária. O “Fora Temer” foi muito pichado, inclusive em muros e paredes residenciais.
A remoção da pichação não é tarefa fácil. Mas, em algumas residências, foi feita a tentativa de apagar o legado ruim deixado pelos segmentos contrários às reformas.
Comentar
Compartilhe
Mania de mão na buzina
30/04/2017 | 11h09
Da série “Mania do Campista”: sentar a mão na buzina quando enfrenta algum engarrafamento, por maior que seja. Acha que, buzinando, os carros da frente vão andar.
Comentar
Compartilhe
Locutor interrompe fala de Zezé Barbosa e anuncia 'sensacional enterro'
30/04/2017 | 07h32
Anos 1970.
 Edgard Lopes Crespo, o Gazinho, locutor oficial do Departamento de Imprensa e Divulgação da Prefeitura de Campos, acompanhava a caravana do prefeito Zezé Barbosa que foi ao distrito de Cardoso Moreira inaugurar o calçamento de uma rua.
 Em meio à solenidade, quando Zezé fazia uso da palavra, Gazinho, diante da aproximação de um cortejo fúnebre, interrompeu a fala do prefeito.
E com a voz empostada, disparou:
— Senhoras e senhores! Vamos registrar a passagem por este local de um sensacional enterro... À família enlutada, as nossas congratulações...
FONTE: "A IMPRENSA DE CAMPOS PELO AVESSO — 400 GAFES E PÈROLAS" (À venda na Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Quem paga a conta?
29/04/2017 | 11h38
O advogado Fernando Augusto Fernandes é considerado um dos melhores criminalistas do país. Para contratá-lo é preciso ter muito dinheiro. Daí que há um questionamento em Campos sobre quem estaria pagando os seus honorários para que atue na defesa de Garotinho e de correligionários seus citados na "Operação Chequnho".
Fernando Fernandes atua na defesa de Linda Mara, que está em prisão domiciliar, e de outros vereadores eleitos, mas afastados por decisão do juiz da 100ª Zona Eleitoral, Ralph Manhães, pelo uso eleitoral do Cheque Cidadão ao longo da campanha de 2016.
Comentar
Compartilhe
Ministério Público denuncia Christino Áureo
29/04/2017 | 08h10
O Ministério Público denunciou ontem o secretário de Casa Civil do estado, Christino Áureo da Silva, sua ex-mulher, Cláudia Cataldi Padroni Áureo, e Carla da Silva Santos. Na ação, o secretário é acusado de ter contratado três funcionários fantasmas.
A estimativa é que as contratações causaram prejuízo de R$ 192 mil ao erário estadual. Titular da Casa Civil de Luiz Fernando Pezão, Christino Áureo também responde à ação civil pública por improbidade administrativa. Segundo o MP, ele está sujeito a penas que, somadas, podem chegar a mais de dez anos de reclusão.
Sérgio Castro, advogado de Christino Áureo, disse que as denúncias são implausíveis. “A absurda denúncia baseia-se em acusação anônima de 2010, sendo certo que, após mais de seis anos de investigação, nada foi comprovado”.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
O que Joilza Rangel não disse ao votar contra extinção da Arsep
28/04/2017 | 19h19
Por ocasião da votação do projeto de extinção da Agência Reguladora de Serviços Públicos (Arsep), na sessão da Câmara Municipal da última quarta-feira, um dos votos contra a proposta do presidente da Mesa-Diretora, Marcão Gomes (Rede), partiu de Joilza Rangel (PSD).
Era previsível. Até porque Joilza seria presidente da Arsep, nomeada no governo Rosinha Garotinho para um mandato de três anos, com DAS-1, mas exercendo o cargo a partir do governo seguinte — o de Rafael Diniz. Mas Joilza desistiu. É que surgiu a oportunidade de ela assumir um mandato de vereadora. 
Daí que, agora, ao votar contra a extinção da Arsep, Joilza fez a defesa da continuidade do órgão, sem convencer os colegas de plenário. Disse que a Arsep é um orgão independente e que pode cobrar das concessionárias que os serviços públicos “sejam prestados com qualidade e eficiência”.
Joilza disse mesmo que extinguir a Arsep “é um retrocesso”. O detalhe, não explicitado por ela, em plenário, é que Rosinha só criou a agência no final dos oito anos em que esteve à frente da prefeitura. Se a agência fosse tão importante assim não teria surgido antes, fiscalizando os órgãos municipais então controlados pelos garotinhos?
Comentar
Compartilhe
Como Clarissa Garotinho exibe seu poder junto a Crivella
28/04/2017 | 16h46
Secretária de Ciência e Tecnologia do Rio, Clarissa Garotinho gosta de mostrar que tem forte influência na prefeitura carioca. Numa reunião recente entre o secretariado e o prefeito Marcelo Crivella, Clarissa disse que por pouco não foi escolhida para ser vice-prefeita. A única razão para impedi-la seria o fato de, assim como Crivella, também ser evangélica. Isso afastaria o eleitorado da Zona Sul.
Fonte: Veja (Radar On-line)
Comentar
Compartilhe
Caixa cortará ponto de funcionários grevistas
27/04/2017 | 19h40
A Caixa Econômica Federal decidiu cortar o ponto dos funcionários que aderirem à greve amanhã. A informação é do jornalista Lauro Jardim, dada no seu blog, hospedado no Globo.
Comentar
Compartilhe
Advogado de Linda Mara diz que há abuso de autoridade
27/04/2017 | 16h27
O advogado Fernando Augusto Fernandes se pronunciou agora há pouco sobre a decisão do juiz da 100ª Zona Eleitoral, Ralph Manhães, que decretou novas medidas cautelares contra os vereadores eleitos e afastados do cargo Kellinho, Thiago Virgílio, Linda Mara e Jorge Rangel. No caso de Linda Mara, além das medidas cautelares, foi decretada prisão domiciliar.
Segundo o advogado, o que está ocorrendo é um "abuso de autoridade sequencial" encoberto pelo o que se chamou de divergência de interpretação de lei, "quando na verdade houve evidente descumprimento dos pré-requisitos da prisão preventivas e suas substituições por penas alternativas".
Fernando Fernandes diz que a decisão de Ralph Manhães será combatida no Tribunal Superior Eleitoral e as medidas abusivas de sua decisão “serão revogadas”.
Comentar
Compartilhe
O glamour de Adriana e Sérgio Cabral na viagem para Curitiba
27/04/2017 | 10h46
Testemunhas do embarque hoje, do Rio para Curitiba, de Adriana Ancelmo e Sérgio Cabral se impressionaram com a elegância do casal nas vestimentas.
Quem viu garante que subiram a escada do avião da Polícia Federal com trajes impecáveis, tal qual faziam nos tempos de bonança.
Fonte: Veja (Radar On-line)
Comentar
Compartilhe
Perda de mandato por um motivo ou por outro
26/04/2017 | 21h13
Cecília Ribeiro Gomes perdeu o mandato na Câmara Municipal porque Marcos Bacellar validou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) os votos que recebeu nas urnas nas eleições de 2016.
De qualquer forma, se não tivesse perdido a cadeira para Bacellar, Cecília teria sido punida pela Operação Chequinho.
Comentar
Compartilhe
Escolas particulares de Campos confirmam adesão a greve geral
26/04/2017 | 18h51
Pelo menos 15 escolas da rede de ensino particular de Campos já confirmaram a paralisação das suas atividades em apoio à Greve Geral, nesta sexta-feira (28), em todo o Brasil. A informação é do Sindicato dos Professores de Campos e São João da Barra (Sinpro), que solicitou, por meio de ofício, a adesão ao movimento nacional em defesa dos Direitos Trabalhistas.
 A presidente do Sinpro, Vera Félix, destacou a sua satisfação com relação ao comprometimento dos professores nesta causa. “Toda a equipe agradece aos profissionais da educação por não se intimidar diante das pressões patronais e políticas. Isso mostra que existem instituições de ensino que vão além dos conteúdos programáticos, uma vez que estão preocupados em formar cidadãos críticos, reflexivos e, logo, agentes de mudança social”.
Comentar
Compartilhe
Comércio em Campos funcionará nesta sexta-feira
26/04/2017 | 15h52
O presidente da Clube dos Diretores Lojistas (CDL), Joilson Barcelos, anuncia que o comércio de Campos funcionará normalmente nesta sexta-feira, dia 28/04 "quando se apregoa uma greve geral".
Segundo Joilson,todo o comércio em todos os seus níveis, das lojas do centro, shoppings, supermercados irão funcionar normalmente. Diz que mesmo que as agências bancárias fechem não afetará a atividade comercial, e que a melhor forma de enfrentar a crise é trabalhando.
Comentar
Compartilhe
Que tal o Bradesco adotar vasos de plantas no Boulevard?
26/04/2017 | 11h28
A revitalização do Centro Histórico de Campos mereceu um investimento financeiro pesado. Ainda falta a conversão subterrânea da rede elétrica, herança que o governo Rosinha Garotinho deixou. O urbanismo, bom para os olhos, foi feito. Mas os vasos estão abandonados, sem plantas.
O blog já sugeriu que comerciantes adotem cada vaso situado diante de sua loja, desatrelando o plantio e a sobrevivência das plantas à eficácia do poder público. No Boulevard Francisco de Paula Carneiro, o Bradesco bem que poderia cuidar dos vasos ali colocados. O trabalho é simples. É plantar e molhar.
Autor do maior dano ao patrimônio histórico de Campos — a demolição do Teatro Trianon, nos anos 1970 — o Bradesco não pode permitir que os vasos, assentados diante de suas portas, valham de cinzeiro para transeuntes. Sim, porque pelo cenário atual, esta é a única serventia para tais recipientes.
Comentar
Compartilhe
Três hipóteses para o avanço do mar em Atafona
26/04/2017 | 07h00
O Globo aborda hoje o avanço no mar em Atafona, dizendo que, a cada ano, a praia perde cerca de três metros de faixa de areia e que o processo é mais intenso de novembro a março, quando a maré está alta. A matéria revela que especialistas observam o fenômeno há anos e que um estudo do Departamento de Geografia da Universidade de São Paulo levanta três hipóteses.
A primeira é que o acúmulo de sedimentos na foz enfraqueceu a força da correnteza do Paraíba do Sul, fazendo o mar avançar sobre o rio. Outra hipótese é a mudança das correntes marinhas, que contribuem para a erosão. Por fim, a praia pode estar sofrendo desmoronamentos regressivos na subsuperfície, o que faz o nível do mar subir.
O geógrafo Alex Ramos, do Espaço da Ciência, ouvido pelo Globo, diz que o processo erosivo sempre existiu, mas não era tão acentuado. “Muitos dizem que a solução pode ser um quebra-mar, e isto realmente pode ser feito. Mas, toda vez que mudamos uma corrente marinha, ela vai para outro lugar. Pode até resolver o problema aqui, mas vai prejudicar outro local”.
A prefeitura de São João da Barra alega não ter recursos para um projeto de contenção do mar que, segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias, custaria de R$ 130 a R$ 190 milhões. O município tenta junto à União uma forma de viabilizar o Anteprojeto de Proteção e Restauração da Praia de Atafona.
Comentar
Compartilhe
Tenente do 8º BPM surta por excesso de serviço
25/04/2017 | 20h35
A situação não está fácil para o policial militar. Hoje, na sala do comando do 8º BPM, com sede em Campos, um tenente da corporação surtou por excesso de serviço. A informação foi dada pelo cabo Alonsimar, que é vereador, quando ocupou a tribuna na sessão desta noite na Câmara Municipal.
Comentar
Compartilhe
O perigo ronda o Shopping Estrada
25/04/2017 | 19h19
O perigo ronda o Shopping Estrada, que abriga o terminal rodoviário de Campos para as linhas intermunicipais e interestaduais. Um leitor do blog informou, por e-mail, que, ontem pela manhã, por volta das 10h, foi atacado ali por vários cachorros.
Sem ter sofrido ferimentos, em que pese a carreira que levou, o leitor disse que outras pessoas já foram atacadas e que, por telefone, manteve contato com o Centro de Controle de Zoonose (CCZ). A resposta do órgão é que não tem condições de fazer o recolhimento dos animais.
Comentar
Compartilhe
Bispo da Diocese de Campos apóia paralisação geral do dia 28
25/04/2017 | 17h04
A Diocese de Campos apóia a paralisação geral no país nesta sexta-feira, contra as reformas da Previdência e trabalhista e a Lei da Terceirização. O bispo Dom Roberto Francisco Ferrería Paz acompanhará as manifestações diretamente de Aparecida do Norte, no interior de São Paulo, de onde participa da 55ª Assembleia da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB).
“A diocese de Campos seguindo a caminhada da CNBB, junto a outras Igrejas Cristãs e Religiões apoia a paralisação geral do dia 28 em defesa dos direitos sociais e da Constituição. Que Nossa Senhora Aparecida interceda pelo povo brasileiro” afirmou Dom Roberto.
Comentar
Compartilhe
Pirataria entre FMs em Campos
25/04/2017 | 12h36
É fácil apurar quantas FMs piratas há em Campos. É só ligar o rádio. O detalhe é que muitas delas são, digamos, evangélicas.
Comentar
Compartilhe
Acabaram as bolachas...
25/04/2017 | 11h18
Um sujeito do interior procurou o dentista Clóvis Medina, no Sesi, dizendo que todas as vezes que comia bolacha doía-lhe um dente.
A solução, para o problema, foi obturar o dente.
Dois dias depois, Clóvis encontrou o tal paciente.
— Como é? O dentre não dói mais?
— Ah, nem sei, seu dentista! Acabaram as bolachas...
Comentar
Compartilhe
Demissão no TCE e a República do Chuvisco
24/04/2017 | 21h12
O chefe de gabinete da presidência do Tribunal de Contas do Estado (TCE) era Giorgio Oliboni. Ele foi exonerado. Na delação de executivos da Odebrecht, foi apontado como responsável por intermediar pagamentos de propina da construtora ao ex-presidente Joninhas Lopes.
Giorgio é filho de Antônio Oliboni, que foi secretário de Justiça de Anthony Garotinho, quando esse foi governador. Junto com Joninhas, então secretário de governo, formou a “República do Chuvisco” no Palácio Guanabara.
Fonte: Radar On-line
Comentar
Compartilhe
Chico Buarque se incomoda com pergunta de jornalista de Campos
24/04/2017 | 16h45
Junto de colegas de A Notícia, o jornalista Osório Peixoto da Silva foi recepcionar Chico Buarque de Holanda quando o cantor e compositor esteve em Campos, nos anos 1970, para um show na Semana Universitária de Arte e Cultura (Suac), um evento da Faculdade de Filosofia. 
Antes do show no Automóvel Clube Fluminense, foi programada uma entrevista com Chico no Cabana`s Bar, no Hotel Planície. Na conversa, coube a Osório tocar em um assunto sobre o qual, parece, Chico detesta falar: a influência do poeta Noel Rosa na sua obra musical.
— Chico, e Noel? — indagou Osório.
— Noel? Morreu, não? — devolveu Chico.
Osório deu um risinho sem graça e sobre o assunto não se falou mais.
FONTE: A IMPRENSA DE CAMPOS PELO AVESSO — 400 GAFES E PÉROLAS (à venda na Livraria Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Casal Garotinho buscará foro privilegiado
24/04/2017 | 11h49
Entre os aliados dos Garotinho em Campos o assunto está rendendo: a hipótese do casal entrar junto na disputa das eleições de 2018. No Rio, já se fala nisso. Tanto que a coluna “Expresso”, do jornalista Murilo Ramos, publicada na Época, faz menção às pretensões de Garotinho e de Rosinha.
Os planos para as eleições de 2018 passam por uma candidatura de Rosinha ao Senado, enquanto Garotinho buscaria uma vaga na Câmara dos Deputados, tendo a companhia de Clarissa, filha do casal e que tentará a reeleição.
Murilo Ramos revela que Garotinho e Rosinha vão em busca de foro privilegiado. “Ambos foram citados nas delações da Odebrecht como beneficiários de R$ 9,5 milhões de recursos da empreiteira nas três últimas eleições”.
Comentar
Compartilhe
Um fato decisivo nas eleições de 2008
24/04/2017 | 07h40
Um fato foi decisivo para a vitória dos Garotinho nas eleições de 2008, quando retomaram a prefeitura de Campos: a prisão, pela Polícia Federal, no mês de março daquele ano, de membros do governo Alexandre Mocaiber por fraudarem licitações públicas.
A eleição ocorreu sete meses depois. Rosinha foi eleita. O detalhe é que o governo Mocaiber, tão enxovalhado naquela campanha, pelos Garotinho, teve vários dos seus quadros aproveitados pela prefeita ao longo dos seus dois mandatos.
Dois deles, Ana Alice Alvarenga e Beth Megafone, foram presos em 2016 pelo uso eleitoral do Cheque Cidadão. Beth, uma aliada de primeira hora dos Garotinho, rompeu mais uma vez com a família e tornou-se uma testemunha chave na Operação Chequinho.
Comentar
Compartilhe
O abandono de vasos de plantas no centro de Campos
23/04/2017 | 19h11
Vasos grandes de plantas colocados por Rosinha Garotinho no centro histórico de Campos, na área da Rua Barão de Cotegipe, da João Pessoa e do Boulevard de Paula Carneiro, estão entregues ao Deus dará. E não é de agora. Já no governo da ex-prefeita o abandono existiu. É pena. As plantas foram arrancadas por vândalos ou morreram por falta d`água.
Mas os vasos estão, na maioria, inteiros. Bem que os comerciantes da área poderiam adotá-los. Basta, no caso, colocar uma planta naquele vaso que estiver em frente à loja e regar com frequência.
A adoção tem, digamos, custo zero: o Horto Municipal dá a planta. E basta um canecão d´água/dia para dar vida ao que for plantado. O lojista que assim agir estará fazendo um bem a si próprio. Afinal, mexer com plantas alivia as tensões e ajuda a aumentar a autoestima.
Comentar
Compartilhe
Jerry Adriani morre aos 70 anos no Rio
23/04/2017 | 16h18
O cantor Jerry Adriani, ídolo da Jovem Guarda, morreu às 15h30 deste domingo (23), aos 70 anos, no Rio. Ele enfrentava um câncer e estava internado no Hospital Vitória, na Barra da Tijuca, Zona Oeste.
A família confirmou a morte do artista ao G1, mas ainda não deu informações sobre horário e local do velório e do enterro. Recentemente, Jerry Adraini havia sofrido uma trombose em uma das pernas.
Fonte: G1
Comentar
Compartilhe
Água e comida frescas
23/04/2017 | 11h48
O advogado Luiz Antônio dos Santos Pereira estava abrindo o seu escritório quando um rapaz se aproximou e lhe ofereceu um passarinho, preso em uma gaiola. Como o bichinho carecia de tratos, ele fez a compra. 
Já em casa, Luiz Antônio abriu a portinhola da gaiola. O passarinho (papa-capim) bateu asas. Ele limpou a gaiola, botou comida e água (para os pardais que sobrevoam o local) e a deixou com a porta aberta, como peça de decoração.
Para a surpresa de Luiz Antônio, o papa-capim voltou. E lá permanece, mesmo com a portinhola aberta. “Ele vai e volta. O malandro gostou de água e comida frescas”, avalia o advogado.
Comentar
Compartilhe
E não é para gringo ver...
23/04/2017 | 08h46
Da série “Mania do Campista”: usar estrangeirismo (off, sale) na vitrine de suas lojas para dizer que há liquidação quando a cidade não costuma receber gringos.
Comentar
Compartilhe
Carlos Lupi, presidente do PDT, recebeu R$ 400 mil da Odebrecht
22/04/2017 | 16h58
E o Carlos Lupi, hein? Levou R$ 400 mil da Odebrecht para a sua campanha ao Senado, em 2014.A delação é do ex-presidente da construtora na área ambiental, Fernando Reis, divulgada pelo G1. O pedido inicial de Lupi, feito pelo intermediário Marcelo Panella, tesoureiro do PDT, foi de R$ 1 milhão.
Mas Lupi se contentou com menos da metade. O presidente nacional do PDT, muito conhecido dos campistas, por suas ligações políticas com lideranças locais, levou a grana com o objetivo (caso se elegesse) de fazer a defesa da privatização do setor de água e esgoto.
Comentar
Compartilhe
Feira de Agricultura Familiar na Pelinca
22/04/2017 | 11h32
Agora todo dia é dia de feira em um espaço preparado para agricultura familiar no Baixo Pelinca, esquina com a Rua Formosa. No local, vão ser comercializados produtos agroecológicos de segunda a sexta, das 7 às 12h.
A feira é um projeto ligado a Rede de Economia Solidária da ITEP/UENF. Os produtos comercializados são cultivados por agricultores de vários assentamentos de todo município de Campos e pelo Coletivo de Mulheres da Pastoral da Terra na cidade.
E vale lembrar que o espaço é aberto. Quem quiser participar pode entrar em contato com o Fórum de Economia Solidária da UENF, que organiza a feira. Os telefones são 2748 6067 e 99879 7085. Basta ligar e fazer o cadastro.
Comentar
Compartilhe
AABB ressurge em Donana depois de perder sede na rua dos Goytacazes
21/04/2017 | 17h51
A Associação Atlética Banco do Brasil (AABB) foi um dos clubes melhor estruturado em Campos, pelo tamanho e beleza de sua sede. Mas o que era bom entrou em declínio a partir dos anos 1990. Tudo por conta de má gestão da diretoria de então.
Mergulhada em dívidas, a AABB acabou fechando a sua sede, localizada na rua dos Goitacazes. Tempos depois, todas as dependências passaram às mãos da prefeitura. Ali foi colocada a Secretaria Municipal de Esportes.
Nos bons tempos da AABB, só funcionários do Banco do Brasil podiam ser sócios. Hoje, a associação virou um clube campestre no Parque Varandas do Visconde, entre Imperial e Donana. E abriu o leque. Mesmo quem não trabalha no BB pode participar do projeto de expansão.
Comentar
Compartilhe
Uma divertida história sobre a Festa da Penha, em Atafona
21/04/2017 | 12h22
Ao ensejo da realização da Festa da Penha, em Atafona, vale dar uma conferida nesta divertida historinha, que me foi passada por um amigo, mas já não lembro qual foi.
É tradição em dia de festa de Nossa Senhora da Penha cada familiar enfeitar um andor, de forma que um fique mais bonito do que o outro.
Certa feita, entre tantos andores, eis que surge o de São Jorge, causando grande empolgação aos frequentadores do bar do falecido Laerte Gambá (Meireles), ao lado da peixaria.
Movidos à cachaça e caju, os bebuns rodearam o andor em saudação. O padre, para evitar constrangimento, decidiu dar início à procissão. Entretanto, ao ser posicionado, o andor ficou ao contrário.
Do alto da escadaria do Santuário, o padre gritava, usando todo ar que tinha nos pulmões:
— Vira, vira São Jorge.
No que o povo respondia:
—Viva! Viva!
Comentar
Compartilhe
Varejão das Fábricas fecha uma de suas lojas em Campos
20/04/2017 | 18h15
O Varejão das Fábricas, que trabalha com tecidos, possuía duas lojas em Campos. Uma delas fechou. É a que fica na Praça do Santíssimo Salvador. As atividades do Varejão estão concentradas agora na loja da Rua 7 de Setembro, perto do antigo Chá-Chá-Chá.
Comentar
Compartilhe
Em feijoada em Atafona, o bucho e mulher feia
20/04/2017 | 12h48
Era aniversário do advogado Andral Tavares Filho, celebrado na casa do diretor da Folha da Manhã, Aluysio Abreu Barbosa, na praia de Atafona. Na área de lazer coberta, entre a piscina e a churrasqueira, a mesa de jantar estava cheia de amigos, degustando uma feijoada. 
Servindo-se pela segunda vez, enquanto levava ao seu prato a concha cheia, na qual destacava-se um pedaço de bucho bovino tingido de negro pelo feijão, o saudoso Irezê Mesquita, colunista de economia, disse na maior naturalidade:
— Não sei porque chamam mulher feia de bucho. Bucho é um negócio tão bonzinho...
Houve quem engasgasse com a feijoada de tanto rir.
Fonte: "A IMPRENSA DE CAMPOS PELO AVESSO — 400 GAFES E PÉROLAS" (à venda na Livraria Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Casas ligadas a Garotinho não têm porta, telhado e janela
20/04/2017 | 07h44
O Globo, edição de hoje, publica uma matéria sobre as casas populares que foram construídas pela Odebrecht nos dois governos de Rosinha Garotinho. Há casas sem porta, janela, telhado e ligação de telhado. Mas valeram, cada uma, R$ 114 mil aos cofres do município
A Odebrecht foi contratada para erguer 9.198 residências populares em Campos nas duas fases do Morar Feliz. A construtora entregou 6.132 e deixou 3.066 pelo caminho, em diferentes estágios.
Algumas casas, mesmo precárias, tinham um grau mais avançado de acabamento e foram invadidas. Mesmo com menos casas entregues, a empreiteira vai receber mais do que o previsto no momento da assinatura dos contratos — um de 2009 e outro de 2013.
O Globo mostra que após uma série de aditivos, a soma chegou a R$ 1,05 bilhão, dos quais cerca de R$ 688 milhões já foram quitados, segundo a prefeitura. Cada casa popular vai sair por 32% a mais do que sairia caso os contratos não tivessem sido alterados.
Comentar
Compartilhe
Brizola é incluído no livro de Heróis do Estado do Rio de Janeiro
19/04/2017 | 20h50
Agora é oficial: o nome do ex-governador Leonel de Moura Brizola foi incluído no Livro de Heróis do Estado do Rio de Janeiro. O projeto de autoria do deputado Paulo Ramos (PSOL) foi publicado no Diário Oficial nesta quarta-feira (19).
Quando foi levado ao plenário da Alerj, o projeto causou polêmica na casa.Flávio Bolsonaro (PSC) acusou o fundador do PDT de ter sido "catastrófico na Segurança Pública" durante os períodos em que ocupou o Palácio Guanabara (1983-1987 e 1991-1994).
Já Eliomar Coelho (PSOL), companheiro de partido do neto do ex-governador, o vereador Leonel Brizola, defendeu o político morto em 2004. Para o deputado, a "construção dos Ciep, por si só, justifica o projeto".
Fonte: Blog Extra, Extra (Berenice Seara)
Comentar
Compartilhe
Moção de repúdio ao fechamento do Villa Maria
19/04/2017 | 18h42
Na sessão que se realiza nesta noite, na Câmara Municipal, o vereador Jorginho Virgílio apresentou (e o plenário aprovou) moção de repúdio ao fechamento da Casa de Cultura Villa Maria, tema de registro hoje na coluna Ponto Final, publicada na Folha da Manhã.
Jorginho, no seu pronunciamento, disse que o fechamento do Villa Maria é mais uma prova de descaso do governo do estado para com a mais importante instituição de ensino superior da região, referindo-se a Universidade Estado do Norte Fluminense (Uenf).
Comentar
Compartilhe
Garotinho já não fala mais de sua casinha na Lapa
19/04/2017 | 16h36
Por muitos anos, mesmo depois de ter sido governador, e de sua mulher, Rosinha, também ter sido governadora, e de ter somado outros mandatos, incluindo dois de prefeito de Campos, Garotinho não abria mão de uma cantilena: ao falar de seu patrimônio, bradava apenas um: a casinha na Lapa.
Hoje, quando a delação de executivos da Odebrecht o envolve, colocando-o como recebedor de R$ 20 milhões da construtora, Garotinho, faz a sua defesa. Mas não fala mais da sua casinha na Rua do Braga — bairro da Lapa.
Aliás, Garotinho fala na casinha. Mas não mais abertamente. No seu blog, ao se defender das acusações, enfatiza que o seu patrimônio é o mesmo de décadas atrás.
Comentar
Compartilhe
Sapateiro no centro de Campos fechará oficina após quatro arrombamentos
19/04/2017 | 13h02
Vadinho mostrando o boletim de ocorrência
A violência no centro de Campos não dá trégua. Oswaldo Firmino, mais conhecido por Vadinho, é sapateiro antigo. A sua oficina fica na Rua dos Andradas, quase esquina com 7 de Setembro. Vadinho está ali há 64 anos. Mas vai sair. O local já sofreu quatro arrombamentos.
Após o terceiro arrombamento, Vadinho fez o orçamento para colocar uma porta de aço. Mas foi impedido pela Irmandade N.S. do Rosário, que é a dona do imóvel.O problema é que o entorno da Igreja do Rosário é tombado. Daí que a porta (de madeira) da oficina não pode ser trocada, sob pena da Irmandade levar multa alta da prefeitura.
No arrombamento recente, Vadinho precisou recorrer ao pai de um delegado para fazer um boletim de ocorrência (BO) na 134 DP. A informação inicial que obteve na Delegacia é que recorresse à internet. Vadinho estabeleceu um prazo de 90 dias para os clientes pegarem os seus sapatos. Fechando a oficina, vai doar os que restarem a uma instituição de caridade.
Comentar
Compartilhe
Fechou em Atafona
19/04/2017 | 09h07
O Hortifruti São José, na rua do Meireles, em Atafona, fechou. Já o Juca do Frango se aposentou. Efeito da crise e do cansaço. O registro foi feito na sua página no Face pela professora aposentada da Uenf, Maria Amélia Pinto Boynard. Ela é uma frequentadora assídua da praia.
Comentar
Compartilhe
Uma dupla indigesta
18/04/2017 | 23h28
É duro assistir jogos pela TV aberta. Na Globo, Galvão Bueno fica contando histórias, que não tem a nada a ver com o espetáculo. Na Band, o ex-jogador Neto é patético,coitado. No jogo de hoje, entre Bayern e Real Madrid, por diversas vezes ele cravou a sua opinião sobre uma situação ou outra envolvendo a arbitragem. Mas depois da repetição do lance é fácil, fácil...
Comentar
Compartilhe
Cantor Evaldo Braga, campista que fez sucesso, ganha biografia
18/04/2017 | 19h05
O jornalista Gonçalo Junior vai lançar, pela Editora Noir, o livro “Eu não sou lixo — A trágica vida do cantor Evaldo Braga”. Dono de muitos sucessos, como “Sorria, sorria”, Evaldo Braga era campista. Faleceu em 1973, aos 27 anos, num acidente automobilístico na BR-3, atual BR-040.
Evaldo Braga foi cedo para o Rio e passou a infância e adolescência na Funabem. Trabalhou como cozinheiro e engraxate. Surgiu no cenário musical em fins dos anos 1960. Lançou dois LPs e seis compactos.
Evaldo gravou 38 músicas, das quais nada menos que 15 seriam sucessos nacionais, como “A cruz que carrego” e “Tudo fizeram para me derrotar”.
Comentar
Compartilhe
Lojista protesta contra a Enel (antiga Ampla)
18/04/2017 | 15h26
A Ampla virou Enel. Em Campos, trocou de endereço. Mas a morosidade na execução dos seus serviços gera protesto. Na Rua Lacerda Sobrinho (antiga Sacramento) a bronca está exposta em outdoor.
O dono de uma obra registrou que a Ampla recebeu R$ 34.526,58 e não executou o afastamento da rede. O número do processo foi exposto.
Comentar
Compartilhe
Trocou de bandeira
18/04/2017 | 11h48
Um dos postos de gasolina mais antigos em Campos (surgiu em 1952) trocou de bandeira. É o que fica na Rua Saldanha Marinho, esquina da 13 de Maio. O posto, conhecido como de Zezinho Terra, agora é Shell. Antes era Esso.
Comentar
Compartilhe
Marcão Gomes diz que Garotinho envergonha a população de Campos
18/04/2017 | 08h15
Presidente da Câmara Municipal, o vereador Marcão Gomes (Rede), em um artigo publicado hoje na Folha da Manhã, revelou que o ex-governador Anthony Garotinho envergonha a população de Campos ao figurar no top 10 de corrupção da Odebrecht com o recebimento de cerca de R$ 20 milhões, “sendo o sexto na lista dos mais corruptos”.
Marcão frisou, no seu artigo na Folha, que, além dos repasses do caixa dois, chama a atenção na delação de executivos da Odebrecht a construção em Campos de casas populares do programa “Morar Feliz” que ele, por diversas vezes, denunciou durante o seu primeiro mandato, citando que havia "claros indícios de superfaturamento e irregularidades".
Comentar
Compartilhe
Delação da Odebrecht: Geraldo Pudim contesta citação do seu nome
17/04/2017 | 21h58
O deputado Geraldo Pudim (PMDB) contestou a citação feita neste blog de que os milhões de reais que a Odebrecht liberou para Anthony Garotinho, via caixa dois, o beneficiou na campanha de 2014 para a Assembléia Legislativa.
O registro no blog foi feito (com o devido crédito) com base em matéria do G1, em cima da delação do ex-presidente da Odebrecht, Benedicto Júnior, que disse que o dinheiro do caixa 2 valeu para Garotinho fazer a campanha dele, de Rosinha, da filha Clarissa e de Geraldo Pudim.
O nome de Pudim, na matéria do G-1, apareceu no seguinte trecho:
Pergunta: O senhor Anthony Garotinho ele fazia campanha só da Rosinha ou de outros candidatos também?
Benedicto: "Eu entendo que ele fazia dele, dela, da filha e que eu me lembro de um deputado chamado Geraldo Pudim que ele coordenava".
Pergunta: Coordenava?
Benedicto: "Ele era presidente do PR, então ele devia ter uma base maior de apoio, mas o que eu me lembro de cabeça são só estes".
Pudim, ao contestar a nota publicada no blog, disse: “fazer ilação do que não foi dito nem sequer especulado, não é justo, não me misture nessa lama pois sou um homem de mãos limpas”.
Comentar
Compartilhe
Governo Pezão anuncia plano para levantar até R$ 6 bilhões
17/04/2017 | 19h10
O governo Luiz Fernando Pezão elaborou um plano com cinco medidas para enfrentar a crise e tentar regularizar o pagamento de salários. Segundo Christino Áureo, chefe da Casa Civil, a expectativa é levantar R$ 1,5 bilhão no curto prazo e até R$ 6 bilhões no médio prazo.
— Não podemos ficar olhando e deixar o tempo passar. Nossa luta é para fechar o mês de maio com tudo isso em pé — disse Christino à Folha de S.Paulo.
Entre as medidas, há duas que já haviam sido anunciadas pelo secretário na semana passada: um projeto de lei que permite a antecipação do pagamento de ICMS com desconto e a securitização da dívida ativa do Estado, que consiste em vender o direito à cobrança de parte dos débitos.
Comentar
Compartilhe
Fechou na Pelinca
17/04/2017 | 17h42
Efeito da crise. Em meio a tantas farmácias que abriram na Pelinca, uma acaba de fechar: a filial da Silveira Drogaria.
Comentar
Compartilhe
Arnaldo Vianna diz que Caio só terá seu apoio político se concluir estudo
17/04/2017 | 12h44
O ex-prefeito de Campos, Arnaldo Vianna, voltou a falar da necessidade do seu filho Caio concluir os estudos. Em entrevista dada aos jornalistas Aluysio Abreu Barbosa e Paula Vigneron (publicada ontem pela Folha da Manhã), Arnaldo assinalou que o dia que Caio terminar os estudos, o que ainda não ocorreu, e optar pela vida pública, terá o seu apoio. “Hoje, eu sou médico. E se eu não tivesse uma profissão? Ia estar atrás dos políticos eleitos, pedindo um cargo?”.
Caio, que foi candidato a prefeito de Campos na eleição do ano passado, e pretende buscar um mandato em 2018, pode ter o apoio do grupo garotista, que projeta um cenário nas próximas eleições — em que Arnaldo acredita que estará livre de pendências jurídicas — colocando Caio na mesma disputa do pai, seja na eleição para a Assembléia Legislativa ou para a Câmara dos Deputados.
Comentar
Compartilhe
Odebrecht apostou em Rosinha Garotinho e se deu bem
17/04/2017 | 10h55
A Odebrecht liberou R$ 5 milhões na campanha eleitoral de Rosinha para a prefeitura de Campos, em 2008, apostando nas chances da então ex-governadora. Ela venceu a eleição e durante os seus dois mandatos de prefeita (em 2012, a Odebrecht liberou mais R$ 5 milhões) a construtora venceu duas licitações, totalizando R$ 833 milhões.
Na primeira licitação, para a construção de 5,1 mil casas populares do programa "Morar Feliz" a Odebrecht faturou contrato de R$ 357 milhões. O executivo Leandro Azevedo revelou que, ao contrário do que ocorre normalmente, o modelo da licitação foi lote único, o que impediu que construtoras pequenas, sem condições financeiras, entrassem na disputa.
Leandro Azevedo contou também que, para que a Odebrecht não aparecesse como única interessada na licitação, representantes da empreiteira negociaram com a Queiroz Galvão e Carioca Engenharia - construtoras com concessões em Campos - que apresentassem propostas com valores acima à da Odebrecht.
Em 2012, com Rosinha reeleita prefeita, a Odebrecht venceu licitação para a segunda etapa do "Morar Feliz" em Campos, no valor de R$ 476 milhões. A licitação foi em lote único, e a Odebrecht foi a única a participar.
Em nota, Anthony Garotinho e Rosinha negaram que tenham recebido propina da Odebrecht.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
Garotinho recebeu R$ 20 milhões da Odebrecht
17/04/2017 | 05h46
O total repassado, via caixa dois, pela Odebrecht às campanhas de Anthony Garotinho e Rosinha foi de R$ 20 milhões, segundo Leandro Azevedo, ex-executivo da empreiteira. O valor é bem superior aos R$ 12 milhões que o ex-presidente da construtora Benedicto Júnior havia admitido, em delação premiada, ter doado ilegalmente às campanhas do casal entre 2008 e 2014.
De acordo com Leandro Azevedo, os primeiros R$ 5 milhões foram doados durante a campanha de Rosinha à prefeitura de Campos, em 2008. O valor foi acertado no escritório do ex-governador, na Glória. Nesse encontro, Garotinho fez ajustes no calendário de pagamento e determinou que o dinheiro fosse entregue ali.
Para a campanha de Rosinha à reeleição foram mais R$ 5 milhões. O dinheiro foi dividido em remessas semanais ao escritório de Garotinho,"durante seis ou sete meses". A maior doação foi em 2014. Para a campanha de Garotinho ao governo do Estado do Rio, foram R$ 10 milhões, afirmou Leandro Azevedo.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
Vantagem na fila
16/04/2017 | 18h19
Da série “Mania do Campista”: no supermercado cheio, pedir a alguém que está na fila para marcar o lugar, enquanto vai às compras.
Comentar
Compartilhe
Regulamento esdrúxulo
16/04/2017 | 17h11
No futebol do Rio, a partir da mudança da regra do Campeonato Estadual, há clássicos que não valem nada. O Vasco e Botafogo, ora em disputa no Engenhão, é um deles. O saudoso Eduardo Viana, o Caixa D´Água, um campista tão criticado pela mídia carioca, quando comandou a Federação Estadual de Futebol (Ferj), não faria um regulamento esdrúxulo assim.
Comentar
Compartilhe
Vexame em sessão solene na Santa Casa de Misericórdia de Campos
16/04/2017 | 11h34
Anos 1980. Presidente da Academia Brasileira de Letras (ABL), Austregésilo de Athayde foi recebido na Santa Casa de Misericórdia de Campos em sessão solene muito prestigiada, inclusive por políticos.
O vereador Aldemir Gonçalves, o Ruço Peixeiro, quis saudar o escritor e já no começo de sua fala disparou:
— (...) Estamos aqui, nesta noite de festa, recebendo a visita do doutor Astrogildo Ataúde (...).
Austregésilo, sentado ao lado do provedor da Santa Casa, José César Caldas, vira e pergunta:
— Quem é o rapaz?
— É um vereador daqui, mas o senhor não repara não que ele é meio despreparado...
— Pois você diga a ele que Astrogildo, tudo bem, eu engulo. Mas Ataúde é a puta que o pariu!
Fonte: A IMPRENSA DE CAMPOS PELO AVESSO — 400 GAFES E PÉROLAS (à venda na Livraria Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Bolinha, Rolinho e Pescador, os apelidos de Garotinho na grana da Odebrecht
16/04/2017 | 06h53
Os R$ 12 milhões que Anthony Garotinho recebeu da Odebrecht teriam sido pagos em 2014, quando tentou voltar ao governo do estado, em 2008 e 2012, quando Rosinha foi eleita e reeleita prefeita, e em 2010, quando se elegeu deputado federal.
O ex-presidente da Odebrecht Benedicto Júnior, sem dar nomes, afirmou que Garotinho indicou algumas pessoas para receber os repasses. O dinheiro era entregue em espécie. Os apelidos de Garotinho no sistema Drousys, da Odebrecht, usado para organizar os pagamentos, eram “Bolinha”, “Rolinho” e “Pescador”.
Como Garotinho e Rosinha não têm foro privilegiado, o ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava-Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), enviou os documentos e vídeos para a Justiça Federal do Rio. O Ministério Público Federal (MPF) decidirá se abre ou não inquérito para investigar as acusações.
A informações estão no Globo, edição de hoje. O casal Garotinho afirma que nunca recebeu doações ilegais nas campanhas.
Comentar
Compartilhe
Dinheiro da Odebrecht irrigou campanha de Garotinho, Rosinha, Clarissa e Pudim
15/04/2017 | 11h41
Na delação de Benedicto Júnior, em que afirmou que o casal Rosinha e Anthony Garotinho recebeu dinheiro não contabilizado – o chamado caixa dois – em três campanhas eleitorais, totalizando R$ 12 milhões, o ex-presidente da Odebrecht Infraestrutura foi questionado se Garotinho fazia campanha só da Rosinha ou de outros candidatos. Benedicto respondeu que Garotinho fazia a campanha dele, de Rosinha, da filha Clarissa e de Geraldo Pudim.
Quando perguntado o que a Odebrecht esperava de Garotinho, Benedicto respondeu: "No âmbito da prefeitura onde a esposa dele geria era efetivamente que ele garantisse que a gente ia ser bem tratado, iam ter os nossos assuntos tratados, encaminhados de forma correta e esse acesso qualificado com ele”.
Fonte: G1
Comentar
Compartilhe
Ex-presidente da Acic defende criação de novo Estado
14/04/2017 | 18h05
Quando o assunto é a fusão do Estado do Rio de Janeiro-Guanabara, até hoje contestada, o ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic), Paulo Viana, prega a criação de um novo Estado, que iria de Rio das Ostras até a divisa com o Espirito Santo.
Segundo Viana, o novo Estado seria menor territorialmente, mas pujante com a economia, liderada pelo petróleo e a agricultura renovada. “O Estado do Rio só se recupera (?) em 2030. Os governantes vão cuidar da Baixada e Grande Rio”.
Comentar
Compartilhe
Garotinho quer prova da delação de R$ 13 milhões que recebeu da Odebrecht
14/04/2017 | 11h31
O valor é muito alto — nada menos que R$ 13 milhões, segundo registro feito hoje pela Folha de S.Paulo. E quem recebeu? Anthony Garotinho. O repasse está nas delações de Benedicto Júnior, ex-presidente de Infraestrutura da Odebrecht. 
Garotinho refuta, claro, o recebimento dessa fortuna. No seu blog, faz a sua defesa e a de sua mulher Rosinha, da citação que envolveu o casal nas delações “do fim do mundo” feitas por executivos da Odebrecht. 
Como é de costume, Garotinho procurou embaralhar a coisa, criticando a imprensa, como se ela quisesse colocar todo mundo no mesmo balaio. E, tal como Lula (acusado de receber uma poupança milionária de Odebrecht), alega inocência e quer provas. "Eu e Rosinha não praticamos corrupção. Condenamos a corrupção", brada o ex-governador.
No seu blog, Suzy Monteiro traz matéria sobre o assunto. 
Comentar
Compartilhe
Uma fusão que não deu certo
14/04/2017 | 09h50
O Globo, na seção “Há 50 anos”, veiculada ontem, traz um registro sobre a fusão do Estado do Rio de Janeiro com a Guanabara, que viria se concretizar alguns anos depois, com a consolidação ocorrendo no dia 15 de março de 1975 por uma imposição do governo militar.
Na nota, ficou claro que a fusão tornara-se um sonho do comércio carioca. Tanto que o Clube de Diretores Lojistas levantou a bandeira do movimento, sobretudo porque o ministro Mário Andreazza (Transportes) se dispôs a construir, em tempo recorde, a ponte Rio-Niterói.
A fusão RJ-GB se efetivou e, com o decorrer dos anos, o movimento acabou não agradando aos dois lados. Inclusive, tempos mais tarde, o deputado campista Aluizio de Castro (falecido) levantou na Assembléia Legislativa um movimento pró-desfusão. A ideia não evoluiu.
Comentar
Compartilhe
Já não vale o que está escrito...
13/04/2017 | 17h32
A crise é moral, ética. Até o Carnaval do Rio, comandado por banqueiros do jogo do bicho, já não vale o que está escrito. O título da Portela acabou dividido com a Mocidade Independente de Padre Miguel.
Comentar
Compartilhe
Festival Gastronômico em Atafona é a atração do feriadão
13/04/2017 | 15h16
A qualidade e a diversidade da produção da agroindústria familiar no estado estão entre as atrações do Festival Gastronômico Sabores da Barra, que será aberto hoje, às 17h, e vai até domingo, em Atafona. É o grande programa para o feriadão na região.
Doces, geleias, mel, queijos, cachaças, defumados, café e cervejas artesanais são alguns dos produtos que podem ser degustados no festival.
A prefeita de São João da Barra, Carla Machado, que vai abrir o festival, está entusiasmada com a repercussão do evento. “Essa experiência será muito boa e estamos aguardando sanjoanenses e turistas para se deliciarem com nossa culinária".
Comentar
Compartilhe
Pezão admite risco de não pagar ao servidor o mês de maio
13/04/2017 | 12h22
No último giro por Brasília, Luiz Fernando Pezão pôs à mesa da equipe econômica de Michel Temer o seu nível de agonia para que a Câmara aprove o projeto de socorro aos estados
Pezão foi claro: se a proposta não passar, ele enfrentará enormes dificuldades para pagar os salários do funcionalismo público fluminense no mês que vem.
Fonte: Veja (Radar On-line)
Comentar
Compartilhe
Presente de pai pra filho no TCE aconteceu literalmente
13/04/2017 | 08h09
Marco Aurélio Alencar
O cargo de conselheiro no Tribunal de Contas do Estado (TCE) é tão bom, com tantas vantagens ($), que foi dito aqui que Garotinho deu um presentão a Joninhas Lopes de Carvalho quando o colocou ali — coisa de pai pra filho.
A propósito, amigo do blog lembrou que “coisa de pai pra filho” se cumpriu no TCE literalmente. Foi quando Marcelo Alencar colocou o filho Marco Antônio no conselho do órgão.
Comentar
Compartilhe
Praça São Salvador virou apenas ponto de passagem
12/04/2017 | 21h44
As redes sociais foram invadidas por fotos antigas de Campos. São grupos que compartilham o acervo. A ideia é ótima. Nos comentários, vê-se o quanto o campista lamenta a perda do lindo visual que o centro da cidade tinha no passado. 
Mesmo a Praça São Salvador já não vale como cartão postal, após a remodelação que sofreu no inícios dos anos 2000, quando Arnaldo Vianna ocupava a prefeitura. A nova linha arquitetônica é fria como o piso de granito que substituiu ali as pedras portuguesas.
Sem a arborização do passado, com os seus bancos incômodos, a praça virou só ponto de passagem. O lugar dos frequentadores foi tomado por pombos. Sãos eles que batem ponto no entorno, dando sinal de vida ao espaço público.
Comentar
Compartilhe
Mortadela com vinho
12/04/2017 | 19h47
Dia desses, um locutor, que faz o chamamento dos clientes em um supermercado em Campos para as ofertas da csa, falava das qualidades de uma mortadela. 
Em um ponto da fala, o locutor disse que, na véspera, havia aberto um “bom vinho” e o saboreou com mortadela. Uma freguesa torceu o nariz e falou baixo “cruzes!”.
A recriminação não vale, assim. A mortadela surgiu na Itália, AC. Dizem que os césares adoravam comer o embutido enquanto tomavam vinho. Além do mais, gosto não se discute... 
Comentar
Compartilhe
Crise fecha livraria evangélica no centro de Campos
12/04/2017 | 15h48
Efeito da crise. Fechou a livraria evangélica que funcionava junto à Igreja Internacional da Graça de Deus (do missionário R.R. Soares), localizada na Rua 13 de Maio, centro de Campos.
Comentar
Compartilhe
Campos no roteiro de negócios envolvendo a Petrobras
12/04/2017 | 10h47
Negócios envolvendo a Petrobras, no âmbito da Bacia de Campos, podem não estar sendo tão concentrados no município de Macaé, como ocorria antes da séria crise que envolveu a estatal brasileira. 
Tanto é que uma empresa, que presta serviços à Petrobras, acaba de adquirir um andar inteiro, composto de 12 salas, no edifício Lumina Office Tower, que fica na Rua Voluntários da Pátria, na  Pelinca.
Comentar
Compartilhe
Viação 1001 promove nos seus ônibus game de mata-mosquito
12/04/2017 | 06h44
Efeito do monopólio. O jornalista Álvaro Marcos Teles relata que a Viação 1001, sempre preocupada com o bem-estar e lazer de seus usuários, tem promovido um divertido jogo na linha Campos-Cabo Frio: o mata-mosquito.
Na segunda-feira, no horário das 11h55, o envolvente game teve a adesão de quase todos os passageiros. Vence, sempre, o que derrotar mais insetos. Álvaro encerrou a viagem sem saber o placar geral. Mas deixou 15 em óbito.
Comentar
Compartilhe
Cecília Ribeiro Gomes não vai à sessão na Câmara Municipal
11/04/2017 | 18h54
A Câmara Municipal está realizando a sua sessão plenária desta terça-feira sem a presença da vereadora Cecília Ribeiro Gomes (PT do B). Ela encaminhou um atestado médico à Mesa-Diretora para justificar a sua ausência.
Cecília está em vias de perder o mandato para Marcos Barcelar (PDT), tão logo o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) faça a retotalização dos votos das eleições de 2016. Pelo menos é esta a expectativa que existe nos bastidores do Legislativo.
Comentar
Compartilhe
Foto de mulher nua, no Calçadão, centro de Campos, faz sucesso na internet
11/04/2017 | 15h32
Uma foto de uma mulher nua, com o bumbum à mostra, caminhando em pleno Calçadão, no centro de Campos, está fazendo sucesso nas redes sociais. A mulher, loira, de trança, caminha em direção à rua Lacerda Sobrinho (antiga sacramento).
Como a área está deserta, deduz-se que seja madrugada. O relógio da Catedral Diocesana até aparece. Mas não dá para identificar a hora, mesmo porque há meses o aparelho não funciona. O fato é que, sem curiosos para interpelá-la, a peladona caminha tranquila, descalça, leve, solta...
Comentar
Compartilhe
Comércio de Campos economiza luz, arriscando perder consumidor
11/04/2017 | 12h13
Efeito da crise. No comércio de Campos tem estabelecimento reduzindo a luminosidade ambiente. A economia junto à Enel (a concessionária que substituiu a Ampla) é certa. Mas loja com pouca luz dá ideia de decadência. E afasta o consumidor.
Comentar
Compartilhe
Cecília Ribeiro Gomes sai e entra Marcos Bacellar na Câmara Municipal
11/04/2017 | 06h42
O ex-vereador Marcos Bacellar (PDT) voltará à Câmara Municipal de Campos, por força de liminar deferida pela ministra do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Luciana Lóssio, A posse pode ocorrer hoje, desde que o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) faça o comunicado oficial da decisão ao Legislativo local, após a retotalizar os votos das eleições de 2016.
Detentor de 2.685 votos nas eleições do ano passado, pela coligação “Vamos Governar Juntos”, formada pelo PDT-PSC, Bacellar assumirá a vaga de Cecília Ribeiro Gomes, que disputou a eleição pelo PT do B. A informação da saída de Cecília não é oficial. A Câmara Municipal aguarda um comunicado do TRE.
Barcelar não assumiu antes porque teve o registro de sua candidatura negado pelo TRE, em ação movida pelo ex-subsecretário municipal de Governo, Thiago Godoy.
Comentar
Compartilhe
Depois da Globo, o acerto com a Fox Sports
10/04/2017 | 21h22
Filho da jornalista campista Olívia Gonçalves, Bruno Laurence, que trabalhou 13 anos na TV Globo, acertou com a Fox Sports. O pai de Bruno, o saudoso Michel Laurence, foi um laureado jornalista, ganhador de Prêmios Esso de Jornalismo. 
Comentar
Compartilhe
O que Garotinho fez com Joninhas é coisa de pai pra filho
10/04/2017 | 19h18
Joninhas Lopes de Carvalho está se aposentando do Tribunal de Contas do Estado (TCE). Ele foi parar ali por indicação do amigo Anthony Garotinho, quando era governador. O cargo no TCE é tão bom que teria de ser presente de pai pra filho.O salário é de R$ 30.471,11, mesmo na aposentadoria.
E cada conselheiro pode nomear três auxiliares com a mesma remuneração. São dois assessores especiais e um chefe de gabinete.Joninhas indicou, de livre escolha, mais 17 pessoas, com salário de R$ 7.235,23 a R$ 17.256,94. Mesmo morando no Rio de Janeiro, ele recebe auxílio-moradia de R$ 4.377,00.
No TCE, um conselheiro tem dois carros à disposição — um Ford Fusion e um Ford Focus — com direito a motorista. E pode gastar até 500 litros de gasolina/mês.
Comentar
Compartilhe
Na crise, vale até caçar pombos na Praça do Santíssimo Salvador
10/04/2017 | 16h31
Na crise, vale tudo para ganhar algum dinheiro. Na Praça do Santíssimo Salvador, o desempregado Welber Júnior se vira caçando pombos. E no local há muitos, desde que um motorista de taxis passou a jogar milho para alimentá-los.
Apelidado de “Zé do Pombo”, Welber usa uma cesta de supermercado na caça. Ele coloca milho sob o balaio, que fica sustentado com a alça aberta. Quando o pombo entra, “Zé” joga um chinelo, derrubando a cesta com a ave dentro.
Bom de Mira, Welber procura pombos-correio. Os que caça, ele vende no Mercado, a R$ 15,00. As aves são revendidas ali. As que não são da variedade correio são libertadas.
Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz considera cedo para falar em nomes para 2018
10/04/2017 | 12h22
O prefeito de Campos, Rafael Diniz (PPS), em entrevista dada ao jornalista Aluysio Abreu Barbosa, que a Folha da Manhã publicou ontem, não quis se aprofundar na resposta, quando questionado sobre o seu apoio a possíveis nomes nas eleições proporcionais de 2018. Rafael preferiu enfatizar que o foco, hoje, é o trabalho de reconstrução da cidade.
A posição de Rafael é correta. É muito cedo para declinar a sua preferência pelo nome do político A ou B, seja para a eleição na Assembléia Legislativa ou na Câmara dos Deputados. Falar agora em pré-candidatos de sua predileção é antecipar as discussões eleitorais. Para o governo, não é bom.
Rafael deixou claro, no entanto, que, no momento certo, reunirá os aliados para debater sobre estratégias com vistas à eleição de 2018. “Um ponto importante neste diálogo é que não haverá imposição, já que somos aliados, não donos das pessoas”, frisou.
Comentar
Compartilhe
Carla Machado assegura que o seu filho Pedro não disputará a eleição de 2018
10/04/2017 | 06h43
Quando o assunto é a eleição de 2018 para a Assembléia Legislativa e à Câmara dos Deputados, Carla Machado revela que estará retribuindo nas urnas o apoio político que recebeu na sua caminhada para retomar a prefeitura de São João da Barra. 
Sem falar nos nomes que terá o seu apoio, Carla Machado revela que também ajudará eleitoralmente os políticos que estão colocando os seus mandatos em favor de São João da Barra, “no árduo trabalho de reconstrução do município”.
A propósito, Carla nega que Pedro, seu filho, esteja propenso a buscar um mandato de deputado estadual, hipótese que circulou em São João da Barra. “Isto nunca foi ventilado, da minha parte, e da parte de Pedro”, assegura a prefeita.
Comentar
Compartilhe
O Globo ignora pretensões de Garotinho na eleição para governador
09/04/2017 | 19h48
O Globo, na edição deste domingo, trouxe uma ampla matéria sobre os prováveis candidatos ao governo do Rio, em 2018. Anthony Garotinho sequer foi citado. Idem para uma hipotética candidatura de Rosinha, cujo nome é mencionado em Campos (por garotistas) para entrar no páreo da sucessão de Luiz Fernando Pezão. 
Na Folha de São Paulo, em matéria sobre a volta de Garotinho à Rádio Tupi, também publicada hoje, é dito que o nome dele é especulado para tentar uma vaga no Senado. O programa de Garotinho na emissora do Rio é no estilo do que apresentava em Campos, com farta distribuição de prêmios para incrementar a audiência.
Comentar
Compartilhe
Paróquia faz Via-Sacra contra o aumento da violência na Baixada Campista
09/04/2017 | 16h29
A Paróquia São Gonçalo, pertencente a Diocese de Campos, está divulgando o início das comemorações da Semana Santa, que tem início com o Domingo de Ramos. O território paroquial abrange a maior quantidade de moradores da Baixada Campista, atingindo fiéis dos distritos de Goitacazes e Tocos.
Na próxima terça-feira, a Paróquia vai promover uma Via-Sacra pela paz devido ao aumento da criminalidade na área, principalmente em Goitacazes e na localidade de Ponta Grossa dos Fidalgos.
Comentar
Compartilhe
Mania do campista: frear bicicleta no pé
09/04/2017 | 12h47
Da série “Mania do Campista”: frear bicicleta no pé, pressionando a roda da frente. De preferência com a lambreta — a sandália de dedo, tipo havaiana.
Comentar
Compartilhe
Jornalista se confunde e anuncia o pastor Ebenézer Soares para apresentar a Ave-Maria
09/04/2017 | 07h41
Anos 1970.
O jornalista Nicolau Louzada estava se despedindo dos ouvintes do programa que comandava na Rádio Continental. O relógio marcava 17h55 e logo depois viria Antônio Cláudio Vianna, com a “Ave Maria”.
No momento que estava dando o “boa tarde”, Louzada viu passando pelo corredor o pastor Ebenézer Soares Ferreira, então diretor do Colégio Batista Fluminense, que apresentava, aos domingos, um programa na emissora.
Traído pelo subconsciente, Louzada anunciou:
— Boa tarde, ouvintes! E ouçam, dentro de instantes, a oração da Ave-Maria com o pastor Ebenézer Soares...
Fonte: A Imprensa de Campos pelo avesso — 400 gafes e pérolas (à venda na Livraria Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Estado do Rio deve ter menos três vagas para deputado federal em 2018
08/04/2017 | 18h02
A propósito do cenário que já se projeta em Campos da intenção de políticos sem voto em buscar um mandato na Câmara dos Deputados, é importante que se registre que, para as eleições de 2018, o Estado do Rio pode perder três vagas de deputado federal. A mudança certamente dificultará a eleição de parlamentares com base eleitoral no interior.
A redução de vagas faz parte do relatório do senador Antônio Anastasia (PSDB-MG), aprovado pela Comissão de Constituição e Justiça do Senado, que altera o tamanho das bancadas na Câmara dos Deputados em função da atualização da população de cada estado feita pelo IBGE em 2015.
O projeto é do senador Flexa Ribeiro (PSDB-PA), e seu estado, o Pará, é o que mais aumentará sua representação passando de 17 para 21. O total de deputados (513) continua inalterado.
Comentar
Compartilhe
Praças em São João da Barra estão sendo adotadas
08/04/2017 | 10h57
As praças de São João da Barra estão sendo adotadas por segmentos religiosos e por empresas privadas. A prefeita Carla Machado recebeu ontem a visita de dirigentes da SEPLAN Service & Business, quando foi inteirada da intenção da empresa. 
A SEPLAN ficou de escolher uma das praças, levando, a partir daí, um projeto de remodelação para a aprovação da prefeita. Pela rede social, Carla Machado registrou o seu contentamento: "A reconstrução da cidade é uma luta de toda a sociedade. E o engajamento está havendo".
Comentar
Compartilhe
Pré-candidaturas em Campos para as eleições de 2018 já despontam
07/04/2017 | 16h53
As eleições de 2018 estão longe de acontecer — a um ano e sete meses. Mas um rol de nomes de políticos (muitos sem voto) já começa a aparecer com possíveis candidatos à Câmara dos Deputados e à Assembléia Legislativa. É certo que, mais na frente, alguns postulantes vão desistir.
Mas outros nomes (não poucos) vão levar a pretensão de se tornar deputado (federal ou estadual) adiante, mesmo porque legenda partidária é que não falta para abrigar candidaturas — mesmo as que, sabidamente, não têm chances nas urnas.
Comentar
Compartilhe
Caso Chequinho: advogado contesta decisão do juiz Ralph Manhães
07/04/2017 | 12h41
Sobre as prisões preventivas temporárias decretadas hoje pelo Juiz Ralph Machado Manhães Junior, para Alcimar Ferreira Avelino, Ozéias, Miguel Ribeiro e Ana Alice, todos envolvidos no Caso Chequinho, o advogado Fernando Augusto Fernandes, que faz a defesa dos quatro, afirmou, por e-mail, o seguinte:
"A decisão do juiz, que tornou sem efeito decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que mantinha os denunciados livres, é um grande erro jurídico burocrático totalmente desvinculado da realidade. Ao restabelecer as prisões temporárias e substituí-las por medidas alternativas o juiz comete um grande equívoco que esperamos que seja corrigido”.
O blog de Suzy Monteiro traz matéria sobre o assunto.
Comentar
Compartilhe
Impeachment de Pezão começa a ser articulado na Alerj
07/04/2017 | 11h04
Na Assembleia Legislativa, ontem, havia uma certeza até entre o mais fanático dos governistas: acabou o amorzinho com Luiz Fernando Pezão (PMDB).
Entre as velhas paredes do Palácio Tiradentes já começa a ser gestado o processo do impeachment do governador.
O presidente do Poder Legislativo, Jorge Picciani (PMDB), teve um encontro recente com o presidente do Tribunal de Justiça (TJ), Milton Fernandes de Souza.
Foi buscar conselhos sobre a condução do processo de afastamento do governador. Saiu convencido de que o correto será tirar apenas Pezão do governo — e entregar o comando do estado ao vice, Francisco Dornelles (PP).
Fonte: Blog Extra, Extra (Berenice Seara)
Comentar
Compartilhe
Viagem do jeito que gosta
07/04/2017 | 09h39
A ex-presidente Dilma Rousseff embarcou ontem à noite para os Estados Unidos. Ela foi convidada para o seminário Brazil Conference, promovido pelas universidades Harvard e MIT. Dilma vai falar sobre crise econômica brasileira, fruto de sua desastrada administração, e o suposto “golpe” que sofreu. Conhecida por gostar de bons hotéis e conforto, ela embarcou como gosta: na classe executiva premium do voo SP-Newark da United Airlines.
Fonte: Veja (Radar On-line. de Maurício Lima)
Comentar
Compartilhe
Incapaz de se eleger vereador, político em Campos quer a Câmara dos Deputados
07/04/2017 | 07h29
A cada eleição, o cenário se repete. Político em Campos incapaz de obter votos para se eleger vereador acha que se elege para a Câmara dos Deputados. À primeira vista, a pretensão é inexplicável: se o sujeito não consegue somar 3 mil, 4 mil votos para vereador, vai alcançar, digamos, 30 mil para deputado?
Na eleição de 2014, Clarissa Garotinho, com todo o peso da máquina da prefeitura, somou 45.597 votos em Campos. Mas os demais candidatos com visibilidade política ficaram entre 17 mil e 12 mil votos, caso de Nelson Nahin, Paulo Feijó e Makhoul Moussallém.
Dos três, apenas Feijó se elegeu. É que somou votos em outras cidades da região. Mas Nahim e Makhoul poderiam ter se elegido se o voto do campista não fosse tão pulverizado entre nomes sem chances eleitorais — os chamados candidatos sem voto.
Comentar
Compartilhe
Crise: Salão Rex, o mais antigo de Campos, deixa a Rua 21 de abril
06/04/2017 | 15h17
Efeito da crise. O mais antigo salão de barbeiro de Campos trocou de endereço. O Rex saiu da subida da Rua 21 de Abril (ao lado do Bar Gato Preto) e foi para a Barão do Amazonas. Motivo: conviver com um aluguel mais em conta. 
No tradicional endereço, o Rex funcionou por 43 anos. Mas o valor do aluguel pesou. A solução foi buscar novo espaço para as seis cadeiras do salão.
Comentar
Compartilhe
Sopa de letrinhas perde força nos nomes de partidos
06/04/2017 | 11h42
A sopa de letrinhas que envolve nome de siglas partidárias perde força. O PTN vai chamar-se Podemos. Já o PSL atenderá por Livres. Não esquecer que há, no Brasil, o Solidariedade e o Rede
Comentar
Compartilhe
Neném diz que se não assumir presidência do PTB, deixa o partido
06/04/2017 | 07h47
O vereador Luiz Alberto Menezes, o Neném, quer assumir a presidência do PTB, partido pelo qual foi reeleito ano passado para a Câmara Municipal. O PTB tem no comando do diretório municipal o ex-presidente da Mesa-Diretora, Edson Batista.
A posição do Neném, quanto a assumir o comando do PTB, é radical: não sendo o presidente, vai sair. Ele admite a possibilidade de retornar ao PPS, partido do prefeito Rafael Diniz.
Comentar
Compartilhe
Álvaro Oliveira diz que saiu de mansinho do governo Rosinha
05/04/2017 | 19h33
O vereador Álvaro Oliveira (Solidariedade) declarou agora há pouco, no plenário da Câmara Municipal, ao receber críticas pelo trabalho que fez na presidência Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT), que deixou o cargo antes do fim do governo Rosinha Garotinho por não conseguir realizar o que tinha de ser realizado.
Segundo Álvaro, quando não se está satisfeito dentro de um governo, “pega-se o banquinho e sai de mansinho”. As colocações dele ocorreram em um debate que travou com José Carlos (PSDC), em meio à discussão de um requerimento de pedido de obras para a localidade de Fazendinha, apresentado por Cecília Ribeiro Gomes (PT do B).
Comentar
Compartilhe
CNJ investiga decisão que transferiu Garotinho do Souza Aguiar
05/04/2017 | 16h10
O Conselho Nacional de Justiça instaurou procedimento para investigar decisão do juiz Glaucenir de Oliveira que determinou, em novembro, a transferência do ex-governador Anthony Garotinho, do Hospital Souza Aguiar, para a prisão. Testemunhas serão ouvidas amanhã e dia 11.
Fonte: Informe do Dia (Paulo Capelli)
Comentar
Compartilhe
Vôo de Temer e Maia só em avião separado, tal como os Prytman faziam
05/04/2017 | 12h47
Michel Temer e Rodrigo Maia não viajam no mesmo avião. Sempre que vão para o mesmo destino, Maia vai no avião reserva da Presidência.
Esta estratégia de segurança era vista em Campos no apogeu do ciclo do açúcar. A família Prytman, de origem inglesa, dona da Usina Santa Cruz, não fazia uma viagem junta em um mesmo avião.
O motivo era o medo de que um possível acidente se tornasse tragédia ainda maior para a família. Mesmo nas idas de carro para o Rio cada um dos herdeiros ia em um veículo.
Comentar
Compartilhe
Bar do Augusto não fechou, apesar da crise
05/04/2017 | 10h40
O blog registrou que, por conta da crise, o Bar do Augusto, localizado na rua 7 de Setembro, entre Ouvidor e Andradas, centro de Campos, havia fechado. Felizmente foi uma barrigada. A causa: uma informação equivocada de um leitor desatento. 
Conhecido por ser um leitor voraz de livro de bolso, Augusto César cita que o seu bar — que serviu de ponto de encontro de jornalistas nos anos 1960/1970, por ficar perto de A Notícia — está chegando aos 60 anos. “Não fechei e nem vou fechar”, avisa.
Mas Augusto admite que está encerrando as atividades do bar mais cedo. Já não atende a clientela após às 17h. “Não tenho mais pique (físico) para tocar dia e noite”, justifica.
Comentar
Compartilhe
Joninhas Lopes de Carvalho, por gratidão, não delata Garotinho
05/04/2017 | 07h16
Sem surpresa. Em sua delação, Joninhas Lopes de Carvalho trouxe pouco ou quase nada sobre Anthony Garotinho. A informação dada pelo jornalista Lauro Jardim, em seu blog, no Globo, não surpreende o círculo de amizades dos dois em Campos.
Joninhas é muito grato ao Garotinho. Afinal, o que ele possui hoje, pelo lado patrimonial (e não é pouca coisa) resultou na sua ida para o Tribunal de Contas do Estado (TCE), por obra de Garotinho quando era governador.
Vale dizer que Garotinho não só contemplou Joninhas com um cargo vitalício de conselheiro no TCE como beneficiou familiares seus na vida pública, no âmbito na prefeitura de Campos e na máquina do governo do estado.
Comentar
Compartilhe
Uma vitória do Americano gerou alfinetada de Zózimo no ídolo Zico
04/04/2017 | 18h58
O Americano, ao impor uma derrota ao Flamengo, nos anos 1980, com o rubro-negro recém campeão do mundo, gerou, à época, uma alfinetada do colunista do Jornal do Brasil, Zózimo Barroso do Amaral, ao seu ídolo Zico, então no auge da carreira.
Zózimo, flamenguista roxo, que brigava no Maracanã com torcedores de outros clubes, culpou as cervejas (oito) tomadas por Zico no Hippopotamus como responsáveis pela derrota do Flamengo para o Americano, considerado um fiasco daqueles.
A crítica a Zico é mencionada no livro “Enquanto houver champanhe, há esperança”, de Joaquim Ferreira dos Santos, biografia do consagrado colunista.
Comentar
Compartilhe
Lula quer Lindberg fora da disputa no PT
04/04/2017 | 15h38
Lula convocou Lindbergh Farias para uma reunião em São Paulo hoje. Na conversa, tentará convencer o senador a desistir de disputar a presidência do PT em nome da suposta unidade do partido. Lula quer ver Gleisi no comando da legenda.
Fonte: Veja (Radar On-line)
Comentar
Compartilhe
Festa gastronômica em São João da Barra no feriado da Páscoa
04/04/2017 | 11h51
São João da Barra realizará, no feriado da Páscoa, o Festival Gastronômico. A prefeita Carla Machado está entusiasmada com a promoção e cita que antes mesmo de sua posse já se articulara com a Federação do Comércio do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio) para realizar o evento a custo zero.
Carla revela que além de proporcionar alegria e lazer para a população sanjoanense e para os turistas o festival vai difundir a qualidade da gastronomia do município.
Comentar
Compartilhe
Rola na internet
04/04/2017 | 09h33
Comentar
Compartilhe
O lado chato do 'Jornal Nacional'
04/04/2017 | 08h17
O “Jornal Nacional” tem, claro, bons momentos. Mas os piores (porque demandam muito tempo, cansando a paciência do telespectador) ficam na chata leitura da defesa dos políticos corruptos. É muita gente fazendo a autodefesa. A maioria o faz via comunicado de famosos, e, por isso mesmo, caríssimos, escritórios de advocacia. 
O fato é que os políticos estão se comportando como os ladrões de galinha de antigamente. Todos negam qualquer crime. O resumo da ópera é que, pelo que o “JN” ecoa, ninguém está metendo a mão em dinheiro público. Parece que os nossos políticos são todos honestos, honestíssimos...
Comentar
Compartilhe
Delação de Joninhas Lopes isenta Garotinho
03/04/2017 | 18h46
A delação de Jonas Lopes, o ex-presidente do Tribunal de Contas do Rio de Janeiro, traz pouco ou quase nada sobre Anthony Garotinho, de quem Lopes foi chefe da Casa Civil.
A colaboração também isenta Rosinha Garotinho, ex-governadora e prefeita de Campos por dois mandatos.
Existem menções aqui e acolá a eles, mas nada juridicamente relevante e que possa comprometê-los.
Fonte - O Globo (Lauro Jardim)
Comentar
Compartilhe
Jonas Lopes Neto diz que Pezão levou R$ 900 mil de propina
03/04/2017 | 18h08
O advogado Jonas Lopes Neto afirmou em delação premiada que o subsecretário de Comunicação do governo do Rio, Marcelo Santos Amorim, o Marcelinho, contou a ele ter pago R$ 900 mil em despesas pessoais do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) com recursos oriundos de corrupção. Os valores viriam de empresas da área de alimentação que mantinham contratos com o estado.
Marcelinho, como é conhecido, é casado com uma sobrinha de Pezão e foi levado coercitivamente para depor durante a deflagração da Operação O Quinto do Ouro, na qual foram presos cinco conselheiros do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ). Jonas Lopes Neto é filho de Joninhas Lopes de Carvalho, que também firmou acordo de delação.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
Mania do campista: querer aumentar velocidade do elevador
03/04/2017 | 15h18
Da série “Mania do Campista”: apertar seguidas vezes o botão que chama o elevador como se fosse possível, com tal atitude, aumentar-lhe a velocidade.
Comentar
Compartilhe
Apoio ao governo Rafael Diniz cresce na Câmara
03/04/2017 | 12h02
Presidente da Câmara Municipal, Marcão Gomes (Rede) disse, há dias, que o governo de Rafael Diniz (PPS) conta, no âmbito do Legislativo, com o apoio de pelo menos dois terços dos vereadores. Mas o bloco governista está ganhando novas adesões. O detalhe é que procedem de aliados dos Garotinho.
A adesão mais emblemática foi a de Abdu Neme, que foi eleito pelo PR, cujo comando estadual está entregue a Anthony Garotinho. Abdu fez a adesão em pronunciamento aberto no plenário, dizendo que Rafael assumiu uma prefeitura “praticamente destroçada” financeiramente.
Na opinião de Marcão Gomes, os vereadores, eleitos no palanque de Rafael, ou não, entendem que têm de estar de mãos dadas, “não apenas com o Executivo, mas com toda a sociedade, para retomar o desenvolvimento do município de Campos”.
Comentar
Compartilhe
Beth Megafone sabe tudo (ou quase) sobre o esquemão do Chequinho
03/04/2017 | 07h41
Beth Megafone, testemunha-chave no caso Chequinho, foi uma aliada de primeira hora dos Garotinho. Quando eles assumiram a prefeitura de Campos, em 1988, Beth era secretária particular da então primeira-dama Rosinha Matheus.
Rosinha e Beth romperam relações. Beth foi fazer outras coisas. Retornou à vida pública no governo de Alexandre Mocaiber. E voltou às boas com os Garotinho no segundo governo Rosinha.
Quem fez a ponte para a reconciliação foi Linda Mara. Ano passado, Beth atuou na linha de frente da campanha de Linda. O esquemão do Cheque Cidadão passou por ela.
Comentar
Compartilhe
Profecia de Garotinho sobre nova eleição em Campos passa longe
02/04/2017 | 18h10
O ex-governador Garotinho, a partir da divulgação dos resultados das eleições que consagraram o nome de Rafael Diniz como prefeito de Campos, passou a apregoar a realização de nova ida dos eleitores às urnas. Mais na frente, após a virada do ano, com a posse de Rafael, ele começou a focar para o mês de maio a nova eleição.
O tempo foi passando, já estamos em abril, novas eleições foram realizadas neste domingo em 12 municípios de diferentes estados (porque os candidatos mais votados em outubro do ano passado tiveram os registros cassados pela Justiça Eleitoral) e a profecia de Garotinho está longe de concretizar.
Comentar
Compartilhe
Salário na Uenf, cadê você?
02/04/2017 | 12h39
A jornalista Fúlvia D´Alessandri atua no setor de Comunicação da Universidade Estadual do Norte do Fluminense (Uenf). E ela quer saber: “salário de fevereiro, cadê você?”.
Comentar
Compartilhe
Entusiasmado por uma mulata, jurado se confunde nas notas
02/04/2017 | 07h39
O jornalista Vilmar Rangel, representante em Campos de O Fluminense, de Niterói, nos anos 1960, organizou um concurso de mulatas. A comissão julgadora tinha que dar um máximo de 10 pontos a cada candidata.
Eram 10 jurados. Daí que a soma máxima de pontos para cada uma das moças seria 100. Mas teve uma candidata que somou 430 pontos. O fato provocou grande confusão. Foi-se apurar o exagero.
Aconteceu porque o advogado Fernando Silveira, que integrava o júri, ficara de tal forma impressionado com uma das candidatas que somou na ficha de sua preferência os pontos de todas as outras moças.
Fonte: A imprensa de Campos pelo avesso — 400 gafes e pérolas (à venda na Livraria Noblesse)
Comentar
Compartilhe
Efeito negativo da política
01/04/2017 | 19h15
Ex-presidente da Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic), o  empresário Paulo Viana arrisca dizer que política está dando câncer. "Que o diga Lula, Dilma, Pezão, Padilha, Dornelles, Crivella".
Comentar
Compartilhe
Jonas Lopes convenceu o filho a entrar na esquema da propina
01/04/2017 | 12h01
Jonas Neto
/ Jonas Neto
O advogado Jonas Lopes Neto, filho de Jonas Lopes Júnior, delator das maracutaias no Tribunal de Contas do Estado (TCE), foi convencido pelo pai a também se tornar um operador no esquema, com a promessa de ficar com 5% sobre os valores da propina. É o que revela matéria publicada na “Época” que circula neste final de semana. 
Jonas Neto exercia a função de coleta e entrega de valores entre 2011 e 2016, quase sempre transportava dinheiro em uma pasta estilo “007” e dirigia-se ao TCE em seu próprio carro. Subia pelo elevador privativo do prédio para entregar o dinheiro ao seu pai, que distribuía aos demais conselheiros.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
Delação de Jonas Lopes envolve o governador Pezão
01/04/2017 | 11h30
Jonas Lopes de Carvalho Júnior, ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE) e delator premiado, revelou, em depoimento obtido pelo Globo, que o governador Pezão tinha conhecimento de pelo menos um dos três esquemas de propina envolvendo conselheiros do TCE.
No depoimento, Jonas conta que a participação de um subsecretário do governo Pezão no desvio de 15% dos valores liberados pelo fundo de modernização do TCE-RJ para pagamento de despesas de alimentação de presos no Rio teve a “aquiescência do governador”.
De acordo com Jonas, o assessor envolvido era Marcelo Santos Amorim, o Marcelinho, atual subsecretário de Comunicação do governo fluminense e casado com uma sobrinha do governador.
Fonte: O Globo
Comentar
Compartilhe
Chico D`Ângelo preocupado com combate da febre amarela
01/04/2017 | 07h50
O deputado campista Chico D´Ângelo (PT-RJ), que é médico, participou do Câmara Debate, da TV Câmara. Na oportunidade, falou sobre o diagnóstico, tratamento, prevenção e vacinação contra a febre amarela. No programa, Chico fez uma crítica ao Ministério da Saúde sobre a forma como vem conduzindo a questão.
Citou que alguns equívocos estão ocorrendo na vigilância epidemiológica. “Infelizmente, o ministro da Saúde (Ricardo Barros) tem uma visão anti Sus. A lógica dele é a de que quem resolve o problema da saúde é o setor privado".
Chico lembrou a importância de instituições como a Fiocruz em crises como essas e disse que é fundamental que o Ministério da Saúde resguarde as prefeituras.
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Saulo Pessanha

[email protected]