A batina do Padre Rosário
31/08/2019 | 08h17
De Benedito Marques dos Santos Filho: 
 Na rotina diária profissional, era o jornal “Monitor Campista”, já no abrir da madrugada, o meu último compromisso como contador e auxiliar da Matriz dos Diários Associados, detentora da maioria acionária do nosso saudoso Monitor Campista, na ocasião, o 3º jornal mais antigo do país. Com edição diária, tendo como jornalistas em Campos, na direção, os irmãos Osvaldo de Almeida Lima e Everaldo de Almeida Lima, meus diletos amigos.
Eram noitadas de muitos trabalhos no jornal, mas sem faltar as permanentes visitas dos amigos para o cafezinho regado a papos hilários e folclóricos, de onde saíam muitas matérias jornalísticas de observações responsáveis daqueles amigos, pois não havia celulares e as informações eram presenciais.
Os amigos comuns se reuniam na redação, e entre os fatos hilariantes conto hoje, mês de Agosto, festa do Padroeiro de Campos dos Goytacazes, o Santíssimo Salvador, e mês de aniversário do nosso saudoso e querido Padre Antônio Ribeiro do Rosário, que, se vivo fosse, completaria no próximo dia 29 seus 110 anos, um episódio em especial.
Estávamos na redação do jornal, eu e os amigos Nagib Hauagi e João Sobral, quando chegou o Vereador Padre Rosário vindo de uma reunião da Câmara de Vereadores para o cafezinho amigo. Conversou, relatou fatos da reunião camarística e despediu-se alegando que acordaria muito cedo para suas funções religiosas.
Retirado o Padre, João Sobral, um dos proprietários de Ao Livro Verde, livraria mais antiga do Brasil, sugeriu a todos nós, Osvaldo, Everaldo e Nagib, que, cotizando, levantássemos recursos financeiros para confeccionar uma batina nova para o nosso amigo Padre Rosário. Unanimemente, concordamos e de pronto já combinamos que o alfaiate seria Mário Jobel, também amigo do Padre.
Levantado o dinheiro, indicado para o mister de gerenciar a confecção da batina, o autor destas linhas e Osvaldo Lima, fomos a seguir à “Casa Huddersfield”, compramos a fazenda e os aviamentos e partimos para a alfaiataria de Mário Jobel, que se disse honrado na confecção da batina, e que para tanto necessitava de que o Padre enviasse uma de suas batinas para que servisse de modelo e medida.
Começou, então, a via-crúcis. Tivemos de buscar na igreja (casa paroquial), pois o Padre teimava em não tirar a medida e nem oferecer a batina velha para tanto. Chegamos à conclusão de que todas as batinas do Padre eram velhas, algumas rotas, espelhando a sua simplicidade, desprendimento e o voto de pobreza, voto por nós sobejamente conhecido. Conseguimos, por fim, uma rota batina para medida.
A batina nova, pronta no dia 03 de agosto, foi entregue na casa paroquial para ser usada pelo Padre na Procissão do S. Salvador no dia 06 de agosto e, posteriormente, no dia 29, em seu aniversário.
E chegou o dia 06, às 16h saiu a Procissão do Santíssimo, nosso padroeiro. O sino da Catedral Diocesana repicava com a saída do andor com a imagem do Santíssimo Salvador; o Pálio com o Bispo D. Antônio de Castro Mayer, circundado pelos padres das paróquias.
E lá estava o nosso amigo Padre Rosário, contrito, e quando viu os seu amigos, abriu um manso e fraternal sorriso, com a batina velha, impecavelmente limpa em sua velhice.
E aí lembramos do grande escritor católico Gustavo Corção, que qualificava tal procedimento como “lições de vida”.
Benedito Marques dos Santos Filho - 19/08/2019
Comentar
Compartilhe
Desleixo com o Calçadão
30/08/2019 | 17h25
A área do Calçadão, pouco antes das 11h da manhã desta sexta-feira, estava assim. Um péssimo cartão de visita para quem vai às compras no centro da cidade. Sabe-se que a Vital Engenharia é a empresa que faz a coleta de lixo. A confirmar-se, toma-lhe uma nota zero pelo cenário de hoje.
Comentar
Compartilhe
Desleixo com o Calçadão
30/08/2019 | 17h22
A área do Calçadão, pouco antes das 11h da manhã desta sexta-feira, estava assim. Um péssimo cartão de visita para quem vai às compras no centro da cidade. Sabe-se que a Vital Engenharia é a empresa que faz a coleta de lixo. A confirmar-se, toma-lhe uma nota zero pelo cenário de hoje.
Comentar
Compartilhe
De olho em 2022
30/08/2019 | 07h34
O governador Wilson Witzel (PSC) nem bem esquentou a sua cadeira no Palácio Guanabara e já fala abertamente em uma candidatura à Presidência da República, nas eleições de 2022. Tal projeto é ruim para o seu governo. Pior. É péssimo para o Estado do Rio de Janeiro porque desagrada ao presidente Jair Bolsonaro.
Os planos de Witzel já estão sendo questionados pelo grupo político de Bolsonaro. Presidente do PSL no Estado do Rio, o senador Flávio Bolsonaro não está gostando nada das declarações do governador. Soam como afronta ao possível projeto de reeleição do pai dele.
E Witzel está tão empolgado com a ideia que compartilhou com os seus contatos no WhatsApp montagem que a revista Época trouxe em que ele aparece com a faixa presidencial. O gesto do governador repercutiu mal entre os bolsonaristas.
O fato é que o ensaio de Witzel só traz prejuízo para a população fluminense. Sim, porque Bolsonaro não vai querer colocar azeitona na empada de um virtual adversário. E quem perde é o RJ, como um todo.
 
 
Comentar
Compartilhe
Um espasmo galináceo
29/08/2019 | 17h58
De Ruy Castro, na Folha de S.Paulo:
Até há pouco, no Brasil, a representação gráfica do ato de rir era “Ah, ha, ha!” — uma risada máscula, grave, sonora. Ultimamente, passou-se a usar “kkkkkkkkkk”, cujo som lembra mais um cacarejo, um espasmo galináceo, indigno de um povo que já produziu Machado de Assis, Nelson Rodrigues, Guimarães Rosa.
Mas perfeitamente aplicável a um presidente que quer transformar seu país num galinheiro.
Comentar
Compartilhe
Campista em novela da Globo
29/08/2019 | 08h15
A campista Fernanda Motta fará uma participação na novela “Bom Sucesso”. A informação foi dada por Ancelmo Gois, em sua coluna em O Globo, acompanhada de uma linda foto da modelo e apresentadora de TV.
Fernanda vai interpretar mais uma vez a modelo Daniele Lieb Dich, que fez sucesso como par romântico de Fábio Assunção em “Totalmente Demais”, novela exibida em 2006.
Antes de sua estreia em novelas, Fernanda participou de quadros como o "Dança dos famosos", foi repórter do "Domingão do Faustão" e apresentou o "Brazil's next top model", da Sony.
Residindo em Nova York desde 2003, Fernanda Motta foi considerada pelo site norte-americano "Models.com" como uma das 25 modelos mais sexy do mundo. Ela ilustrou as páginas da revista Sports Illustrated Swimsuit Issue em 2004, 2005, 2006 e 2007.
 
 
Comentar
Compartilhe
Geraldo Venâncio: "o PSDB era outro..."
28/08/2019 | 15h57
 
 
O médico Geraldo Venâncio participou anteontem do programa “Folha no Ar”, na Folha FM. O assunto principal envolveu a greve de sua categoria, ele que foi secretário de Saúde no governo Rosinha Garotinho.
Geraldo Venâncio falou também sobre política. Questionado pelo jornalista Aluysio Abreu Barbosa sobre o PSDB, partido pelo qual conquistou o seu primeiro mandato de vereador, nos anos 90, não poupou a sigla no cenário político atual.
Palavras de Geraldo: “Entrei no PSDB de Montoro, de Covas, Fernando Henrique. Hoje, o PSDB é de Dória, de Frota, Aécio. Preciso dizer mais alguma coisa?”.
Comentar
Compartilhe
Aluno de Donana se projeta internacionalmente
28/08/2019 | 07h16
Sabe o Ralph Crespo, 21 anos, aluno do Senai que foi para Kazan, na Rússia, representar o Brasil na maior olimpíada de profissões do mundo, a WorldSkills? Ele ficou em terceiro lugar.
Ralph Crespo conquistou a medalha de bronze na categoria Soldagem na maior competição de educação profissional do mundo. A premiação foi realizada ontem, e transmitida ao vivo no site da WorldSkills Competition 2019.
Ralph é morador em Donana. E foi da Baixada Campista que saiu o melhor competidor do Brasil e o terceiro melhor do mundo na modalidade. Este ano, Ralph venceu ainda a WorldSkills Americas, que reuniu alunos das Américas do Sul, Central e do Norte.
Comentar
Compartilhe
Mão de obra de Campos ignorada
27/08/2019 | 17h57
Várias farmácias, conhecidas filiais de redes nacionais, foram abertas em Campos nos últimos meses. Nada contra. A concorrência entre as de fora, e as locais, beneficia diretamente o consumidor.
Mas um amigo, que prefiro não cintar o nome, chama a atenção sobre a utilização de mão de obra que não é daqui, de empresa que também não é, na construção (e/ou aparelhamento) de prédios para farmácias com logomarca de outros centros.
Contratar construtora local, revela o amigo, seria uma demonstração de apreço pela cidade. “Ou pelo menos que utilizassem mão de obra daqui para oferecer trabalho, mesmo que temporário”.
Comentar
Compartilhe
Se quiser, mando matar...
27/08/2019 | 08h05
Sabe-se que, certa vez, um empresário carioca pediu a João Havelange que intermediasse um encontro seu com Castor de Andrade. O cartola era amigo do bicheiro ainda dos tempos em que o primeiro presidia a antiga CBD, e o segundo era patrono do time do Bangu. O encontro foi feito e o empresário, visivelmente nervoso, começou a desembuchar:
— Sabe o que é, Dr. Castor? Meu sócio está me roubando e eu queria que o senhor desse um susto nele.
O bicheiro não pensou duas vezes:
— Desculpe, susto eu não sei dar. Mas se o senhor quiser, mando matar ele.
(Ancelmo Gois)
Comentar
Compartilhe
Fechou as portas
26/08/2019 | 07h09
Não é comum o fechamento de casas lotéricas. Mas ocorreu com a que existia na Rua dos Goitacazes, em frente ao supermercado Superbom.
Comentar
Compartilhe
E o pedágio, não paga a conta?
25/08/2019 | 12h20
A Agência Nacional de Transportes Terrestre (ANTT) tem uma posição definida quanto à construção do contorno da BR-101, para tirar da área urbana de Campos o tráfego pesado de veículos que cortam o município pela rodovia: fazer pista única, por ser uma hipótese mais viável, sobretudo financeiramente.
Pista única? O ideal é um projeto com faixas duplas, que seria definitivo. O tráfego na BR-101 é cada vez mais intenso e só uma motivação financeira faz com que se pense em única pista.
O detalhe é que a versão é oficial. Alega-se demanda de custo, inclusive com desapropriações, para a opção por pista única. E o pedágio, não paga a conta?
 
 
Comentar
Compartilhe
Centro histórico de Campos agoniza
24/08/2019 | 07h01
Lojas fechadas no centro comercial de Campos vê-se, hoje, por todos os lados. As que aparecem na foto ficam na Rua João Pessoa, entre Rosário e Barão de Cotegipe. No mesmo trecho, no sentido da Rua dos Andradas, há vários outros estabelecimentos com atividades encerradas. Efeito da crise? Pode ser... O fato é que o centro da cidade agoniza.
Comentar
Compartilhe
Ex-prefeito Sérgio Mendes alfineta os Garotinho
23/08/2019 | 07h13
Do ex-prefeito de Campos, Sérgio Mendes, na sua página no Faceboox:
"Os Garotinho gastaram R$ 100 milhões com o Cepop, R$ 20 milhões com a Beira Valão, saquearam a poupança dos aposentados e pensionistas, endividaram a prefeitura e respondem a inúmeros processos por conta dessa e de outras irresponsabilidades. Mesmo assim, hoje seus seguidores vão para as redes sociais a fim de dar ´receitas´de como proceder com a coisa pública. Cá pra nós, é muita cara de pau: fiquem rosa caras sem vergonha”.
Comentar
Compartilhe
Só perde se quiser
22/08/2019 | 10h18
Em uma entrevista ao jornal espanhol El País, o repórter começa enumerando suas qualidades: bom músico, escritor já de prestígio, ativista de passado impecável...
— E isso porque você nunca me viu jogar futebol — disse Chico Buarque. — Eu jogo numa equipe que não perde há 32 anos.
— Mas há um prazer na derrota — sugere o repórter. — Você não gostaria de experimentar?
— Há derrotas — retruca Chico —, mas só em partidas não oficiais. Quando terminamos, decidimos se é um jogo oficial ou não, o que depende do resultado.
(Márcio Bueno)
Comentar
Compartilhe
Garotinho é sempre lembrado
21/08/2019 | 18h53
No episódio de ontem, na ponte Rio-Niterói, em que um sniper do Bope matou o sequestrador do ônibus 2520, que faz o trajeto entre São Gonçalo e o Estácio, o comentarista da Globo News, Octávio Guedes, elogiou a ação policial.
Guedes citou que a Polícia trabalhou sem a interferência do governador. Aí, lembrou ingerências de Garotinho, que já ocupou o Palácio Guanabara, em operações assim, citando que ele gostava de ser chamado de “Xerife Bolinha”.
Comentar
Compartilhe
É quem?
21/08/2019 | 10h00
Em janeiro, o recém empossado governador do Rio, Wilson Witzel, foi homenageado com um jantar oferecido por empresários em São Paulo. Um dos anfitriões apresentou ao governador as pessoas que chegavam para o beija-mão.
A certa altura, foi-lhe apresentado Benjamin Steinbruch. Witzel virou-se para o interlocutor e perguntou: “Benjamin o quê?”. O outro respondeu. Ainda assim o governador não conseguiu ligar o nome a coisa alguma. O anfitrião disse então: “É o Steinbruch da CSN, governador”.
Witzel permaneceu com a cara de quem estava boiando. “Da Companhia Siderúrgica Nacional!”, insistiu o outro. Só aí caiu a ficha: “Ah, sim. Tá, tá. Muito prazer”.
(Ascânio Seleme)
Comentar
Compartilhe
Demissão voluntária em tempos de desemprego?
20/08/2019 | 15h29
O fechamento da agência da Caixa, na Rua Saldanha Marinho, perto do Hospital Dr. Beda II, previsto para setembro, bate com a disposição da instituição em reduzir o seu quadro funcional. A reestruturação ocorre via o Plano de Demissão Voluntária (PDV).
A meta da Caixa é o PDV para 3.500 empregados em todo o país. O Banco do Brasil também se reestrutura, motivado especialmente pela digitalização de processos — hoje, 80% das transações são via online.
Comentar
Compartilhe
Colunista social bebe urina pensando ser uísque
19/08/2019 | 17h15
Ruy Castro, no livro “A noite do meu bem”, conta que, em 1948, ainda pobre e longe de se tornar uma potência do colunismo social, Ibrahim Sued adentrou o Vogue, a mais badalada casa noturna do Rio, e, como era comum, fazia uma escala em algumas mesas para filar o uísque.
O playboy Mariozinho Oliveira, grande gozador, viu quando Ibrahim entrou no boate. Então correu para o toalete com seu copo de uísque pela metade e urinou dentro para completá-lo.
De volta à mesa, acrescentou uma pedra de gelo, pôs o copo à sua frente e esperou. Ibrahim chegou, sentou-se sem ser convidado e, inevitavelmente, bebeu do uísque de Mariozinho.
Não se sabe se estranhou o sabor. Não passou recibo e não estrilou. Apenas levantou-se e foi em frente.
Comentar
Compartilhe
Da Baixada Campista para a Rússia
19/08/2019 | 08h00
Aluno do Senai e morador em Donana, na Baixada Campista, Ralph Crespo embarca esta semana para Kazan, na Rússia. Vai representar o Brasil na maior olimpíada de profissões do mundo, a WorldSkills.
Ralph já conquistou medalhas de ouro na ocupação Soldagem tanto na etapa brasileira quanto na WorldSkills Américas, que reúne alunos das Américas do Sul, Central e do Norte.
Comentar
Compartilhe
Juiz revela que direitos humanos no Brasil só para criminosos
18/08/2019 | 11h25
Do juiz Glaucenir Oliveira, da Comarca de Campos, ao “Folha no Ar”, da Folha FM:
— Direitos humanos no Brasil se resumem à defesa de direitos de criminosos porque vítimas, e seus familiares, não têm direitos, não tem proteção dos direitos humanos. Infelizmente, ou por coincidência, no governo do PT para cá a legislação penal brasileira foi afrouxada. Foram garantidos muitos direitos privativos.Há uma série de mudanças legislativas que favoreceram a criminalidade, inclusive no que diz respeito ao cumprimento de pena.
Comentar
Compartilhe
Ideia abençoada
18/08/2019 | 07h32
Uma árvore foi plantada na Rua 13 de Maio, coisa rara em Campos nos últimos tempos. O detalhe é que, ainda pequenininha, ela já chama a atenção dos transeuntes. Pelas folhas, parece ser fruteira. Quem teve a abençoada ideia, cuidou de cercá-la. Fez bem.
Comentar
Compartilhe
PT pode ter José Maria Rangel como candidato a prefeito
17/08/2019 | 08h12
Entre os nomes possíveis na corrida sucessória de 2020 em Campos inclui-se José Maria Rangel, que representaria o PT. O sindicalista foi candidato a deputado federal no ano passado. Não se elegeu, mas, no partido, é quem tem mais visibilidade para entrar no páreo eleitoral.
Hoje, José Maria é uma alternativa petista. Mas, mais na frente, pode não ser. A questão, que ainda pode render discussões internas, é a definição de candidatura própria. Se tal hipótese for levada adiante, aí sim José Maria seria o nome do PT.
Vale lembrar que o PT há muito tempo não apresenta candidatura própria na disputa da Prefeitura de Campos. O partido tem priorizado a eleição proporcional buscando eleger vereadores. E não tem alcançado êxito.
O saudoso Renato Barbosa foi o último nome do PT eleito para a Câmara Municipal. Isto em 2008. Com o falecimento de Renato, o mandato foi ocupado pela suplente Odisséia Carvalho, que não conseguiu mantê-lo na eleição seguinte.
 
 
 
 
 
 
Comentar
Compartilhe
Vai fechar
16/08/2019 | 07h24
A Caixa Econômica vai fechar a agência da Rua Saldanha Marinho, perto do Hospital Dr. Beda II. As atividades ali vão só até o dia 20 de setembro. Um aviso está afixado na porta para orientação dos clientes.
Comentar
Compartilhe
Um livro com possíveis citações de presos políticos em Campos
15/08/2019 | 07h32
É possível que na leitura do livro seja conferida a citação de conterrâneos, já que, no período da vigência do golpe militar, presos políticos em Campos eram levados para a capital do antigo Estado do Rio de Janeiro.
Daí que vale conferir “Niterói na época da ditadura”, publicação do jornalista Anderson Madeira. O lançamento ocorre hoje, no salão nobre da Câmara Municipal niteroiense.
No período do golpe, Niterói foi sede do Departamento de Ordem Política e Social (Dops) e o Ginásio Caio Martins, em Icaraí, foi o primeiro estádio nas Américas usado como presídio político.
Para escrever o livro, Anderson Madeira fez muita pesquisa e muitas entrevistas. Niterói, vale citar, recebeu um leque grande de campistas que foram morar lá antes da fusão RJ-GB, ocorrida no ano de 1975.
Comentar
Compartilhe
Uma aliança que chocou o eleitor
14/08/2019 | 17h26
Anteontem, no “Roda Viva”, da TV Cultura, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, foi questionado sobre as eleições para prefeito do Rio em 2012, em que as famílias Maia e Garotinho se uniram em uma inesperada aliança para derrotar o então prefeito Eduardo Paes, que concorria a reeleição.
Rodrigo, com Clarissa Garotinho como vice, perdeu a eleição, com Paes sendo reeleito no 1º turno. No “Roda Viva”, o presidente da Câmara disse que Clarissa trabalhou muito. “Ela foi correta. Tudo que combinamos foi feito”, frisou.
O que pesou negativamente, revelou Rodrigo, foi que a aliança dos Maia com os Garotinho chocou o seu eleitor. “Na hora que fiz a aliança eu caí e o Freixo (Marcelo) capturou os votos que eu tinha naquele momento”.
Marcelo Freixo ficou em segundo lugar na disputa. Rodrigo Maia, em terceiro.
Comentar
Compartilhe
Mania do campista
14/08/2019 | 07h12
Da série “Mania do Campista”: dizer que fulano está zureta, ou seja, doidão, quando faz coisas que não deve.
Comentar
Compartilhe
Obra de arte
13/08/2019 | 18h20
Quem cuida da jardinagem no Colégio Batista Fluminense, tradicional estabelecimento de ensino em Campos, merece elogios. Vejam a beleza (pela exatidão) do corte dessas árvores.
Comentar
Compartilhe
É preciso mais blitz
13/08/2019 | 07h03
A Polícia Militar tem realizado uma fiscalização na condução de motos. Ótimo. Mas é preciso que seja mais frequente e em áreas diferentes da cidade. A Av. 28 de Março, por exemplo é um corredor desses veículos.
A intensificação de blitzen é necessária porque a quantidade de motos cresceu muito em Campos. E boa parte dos que a pilotam cometem muitas infrações. Uma delas é andar com a descarga aberta.
Comentar
Compartilhe
Centro histórico ganha
12/08/2019 | 15h52
ão é obra de igreja, normalmente demorada. Mas falta pouco. A agência da Caixa Econômica, na área do Calçadão, está ganhando um novo e belo visual. Toda a fachada foi refeita. A melhoria soma ponto para o centro histórico da cidade.
Comentar
Compartilhe
De quem?
12/08/2019 | 07h00
Gerardo Maria Ferraiuolli, o Patesko, figura popular e querida na cidade, foi ao programa que Rosinha Garotinho comandava na extinta Litoral FM no final dos anos 90.
Rosinha sabatinava os convidados, dando chance ao ouvinte de conhecer um pouco a personalidade de cada um.
Daí que, diante de Patesko, que sempre resistiu à ideia de casar, ela quis saber:
— Família?
— De quem? — devolveu Patesko.
Rosinha foi em frente, fazendo outras perguntas.
Comentar
Compartilhe
Gente de esquerda na redação de jornal
11/08/2019 | 08h06
Durante a ditadura militar, os jornalistas de boa parte dos grandes jornais se dividiam entre os que eram de esquerda e os que eram mais de esquerda ainda. O Globo não fugia à regra.
O ex-governador da antiga Guanabara, Negrão de Lima, certa vez contou um diálogo que teria havido entre Júlio Mesquita, dono de O Estado de S. Paulo, e o Roberto Marinho, de O Globo.
 Mesquita queria saber se não era perigoso ter tanta gente de esquerda na redação. Resposta de Marinho:
 — No Brasil, é impossível fazer jornal sem comunista, assim como é impossível fazer teatro sem veado.
(Márcio Bueno)
 
 
Comentar
Compartilhe
Péssimo cenário
10/08/2019 | 18h25
O cenário é péssimo. Cada vez se cheira e se fuma mais no Brasil. As apreensões de maconha e cocaína estão envolvendo, muitas vezes, toneladas.
Comentar
Compartilhe
Segue os passos
10/08/2019 | 07h32
Na gestão do ex-governador Sérgio Cabral as suas muitas viagens internacionais eram justificadas como “missões internacionais”. O objetivo, sustentado por ele, era atrair eventos e turistas para o Rio de Janeiro. Cabral apontava que a sua administração inaugurara uma agenda internacional.
Cabral fez escola. Os mesmos argumentos são usados por Wilson Witzel para justificar a sua quantidade de viagens. Em nota, Witzel informa que as viagens visam atrair investimentos e aumentar o turismo, no que chama de “novo petróleo”.
Dados do portal Transparência Fiscal e levantamento do deputado Luiz Paulo (PSDB) mostram que as viagens internacionais não se resumem a Witzel e comitiva. O estado já gastou neste ano R$ 573,1 mil em diárias para servidores irem ao exterior
Vale dizer que o valor gasto pelo governo Witzel supera os primeiros sete meses de Sérgio Cabral. A Folha de S.Paulo revela, em matéria sobre o assunto, que, à época de Sérgio Cabral foram gastos R$ 368,5 mil, em valores já corrigidos.
Comentar
Compartilhe
Quanto pior, melhor...
09/08/2019 | 07h59
Reza a lenda que basta que a exposição agropecuária e industrial seja aberta para a temperatura cair em Campos. Este ano não foi diferente. A Expoagro já acabou e o frio foi um algo a mais nos últimos dias.
Por falar em frio, muitos campistas não se contentaram com a baixa temperatura verificada aqui. E foram viver dias mais frios ainda em Campos do Jordão e na linda Serra Gaúcha.
Comentar
Compartilhe
Decisões lentas
08/08/2019 | 07h04
As decisões da Justiça muitas vezes são lentas, o que é muito ruim. Na área eleitoral é comum sentenças serem dadas depois de o réu já ter desfrutado um bom tempo do cumprimento de um mandato no qual não deveria nem ter sido empossado.
Vejam que eleições suplementares, em diferentes cidades, foram realizadas domingo passado — a quase um ano dos eleitores irem mais uma vez às urnas para escolher novos prefeitos.
Comentar
Compartilhe
Niterói com projeto que Rosinha não concluiu
07/08/2019 | 15h05
A Prefeitura de Niterói vai executar um projeto que em Campos, na gestão de Rosinha Garotinho, foi iniciado e não concluído: tornar subterrânea toda a fiação de energia e telefonia no centro da cidade.
No governo Rosinha, torrou-se uma fortuna em tal projeto. O objetivo era reduzir a poluição visual causada pelos postes e fios aéreos no centro histórico. Mas o projeto não vingou.
Daí que o centro da cidade continua exibindo um emaranhado de fios. Estão lá, expostos, em um cenário feio, em que pese milhões de reais gastos em obras que esburacaram ruas inutilmente.
Comentar
Compartilhe
Fechou as portas
07/08/2019 | 09h26
Efeito da crise? O restaurante do empresário Abinho Neme, atrás do Centro de Compras na Pelinca, fechou as portas. O imóvel ostenta agora uma placa de aluguel.
Atualização às 9h43 — Abinho Neme esclarece que nunca foi dono do restaurante. 
Atualização às 13h44 - No local que está fechado, ao lado, funciona o restaurante Abdu Neme Gastronomia, que nunca teve alguma ligação com Abdu Neme, pessoa. As proprietárias são Jacqueline Aiex Abdu Neme e sua irmã Faride.
Comentar
Compartilhe
Pelo Solar da Baronesa
06/08/2019 | 17h07
 
 
Representantes da Academia Brasileira de Letras (ABL) e das instituições empenhadas na captação de recursos para o projeto que prevê a restauração e utilização educacional e cultural do Solar da Baronesa vão ter um novo encontro no dia 10 de setembro.
O objetivo é definir a responsabilidade de cada parceiro e suas linhas de ocupação para incluir no projeto a ser reapresentado ao Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES).
Na reunião entre a ABL e instituições parceiras será analisada a questão jurídica que envolveria um consórcio entre as partes e feita uma planilha de custo. O projeto inicial é da ordem de R$ 11 milhões.
Comentar
Compartilhe
O sem graça e o divertido
06/08/2019 | 08h35
A Globo se desfaz em homenagens a Léo Batista, 86 anos. Nada contra. São justas para quem soma 72 anos de carreira. Mas que o tributo não seja pelo lado do humor. Afinal, Léo Batista não é nada engraçado.
Divertido, entre os apresentadores na Globo, é o alagoano Márcio Canuto. Pena que esteja deixando a emissora, após 21 anos de casa.
Comentar
Compartilhe
Sem mea-culpa
05/08/2019 | 17h35
No Redação SportTV, foi dito hoje que o técnico do Flamengo, Jorge Jesus, reclamou das arbitragens e do calendário do futebol brasileiro.
O português entrou na mesmice dos nossos treinadores. Após uma derrota, e foi um acachapante 3 a 0, ontem, para o Bahia, no Fonte Nova, há que se dar versões - sem mea-culpa.
Comentar
Compartilhe
Garotinho nos livros de Sérgio Cabral e Eduardo Cunha?
05/08/2019 | 07h28
Sérgio Cabral e Eduardo Cunha são inimigos notórios de Anthony Garotinho. E não é que os dois, hoje presos no presídio de Bangu 8, vão lançar livros? O detalhe é que o mote das publicações é o mesmo: prometem contar os bastidores do que viveram na política.
A ligação pessoal e política entre os três e a virada na relação deles daria um capítulo.Talvez não ocorra. Mas é improvável que Garotinho seja ignorado nas memórias de Cabral e de Cunha. Afinal, já foram unha e carne.
Comentar
Compartilhe
Mania do campista
04/08/2019 | 07h45
Da série “Mania do Campista”: dizer que meteu o bedelho, ou seja: intrometeu-se onde não foi chamado.
Comentar
Compartilhe
Hoje, no Globo - condenações de Garotinho
03/08/2019 | 11h44
Comentar
Compartilhe
Confidência...
03/08/2019 | 08h54
Ao programa “Folha no Ar”, da Folha FM, a escritora Arlete Sendra fez uma confidência: não gosta de literatura de humor. Acha o humor perverso.
Arlete explicou que o humor provoca o riso. “E quando você faz a reflexão do seu riso, você vê que há uma perversidade”.
Comentar
Compartilhe
Dr.Chicão descarta 2020
02/08/2019 | 18h28
O professor Orávio de Campos Soares incluiu o nome do médico Chicão Oliveira na lista (que é grande) de pré-candidatos à Prefeitura de Campos, em 2020. A inserção de Chicão no páreo foi feita no programa “Folha no Ar”, da Folha FM. O que não se sabe é se este é um desejo isolado de Orávio.
Vice-prefeito nos dois governos de Rosinha Garotinho, Chicão perdeu para Rafael Diniz no 1º turno na eleição de 2016, mesmo contando com o apoio da máquina municipal. Dois anos depois, cogitou ter o seu nome na disputa para a Câmara dos Deputados. Mas desistiu.
O que rolou na época, nos bastidores, é que Chicão abriu mão da candidatura acolhendo um pedido de Anthony Garotinho, cujo filho, Wladimir, também buscava um mandato de deputado federal, e se elegeu.
Chicão cogitava fazer uma dobrada com o irmão, Álvaro Oliveira, então candidato a deputado estadual. Das eleições até hoje, não se falou mais em Chicão no cenário político. Agora, o seu nome ressurge, quando Orávio o coloca no páreo para 2020.
Orávio Soares é pessoa de estreita relação com a família Garotinho. Nos dois governos de Rosinha, cuidou da área cultural. Daí que, ao falar em Chicão como candidato a prefeito, Orávio pode não tê-lo incluído por acaso ou por uma vontade isolada.
Vale citar que o casal Garotinho, por diferentes motivos, não poderá se colocar no processo sucessório. Os dois estão inelegíveis. O nome que está no ar é o de Wladimir. Mas o próprio Wladimir mostra-se reticente quanto a ser candidato ou não.
O detalhe é que ouvido pelo “Ponto Final”, coluna da Folha da Manhã, Chicão Oliveira descartou a possibilidade de se colocar no páreo sucessório. Disse estar “completamente mergulhado na medicina”.
Comentar
Compartilhe
Bateu o martelo
02/08/2019 | 06h58
O empresário Joilson Barcelos bateu o martelo: não disputará a Prefeitura de Campos, pelo menos em 2020. Dono da rede de supermercados Superbom, Joilson revelou ontem, ao “Folha no Ar”, da Folha FM, que prefere concentrar todo o seu tempo na atividade empresarial.
Joilson Barcelos vinha sendo cotado como um nome que poderia representar uma terceira via à disputa hoje polarizada entre Rafael Diniz e Wladimir Garotinho. “Eu não posso pensar em política quando tenho tanta coisa para fazer nos negócios, nas minhas empresas”, justificou Joilson.
A posição de Joilson, de certa forma, não surpreende. Embora com filiação partidária, o seu nome não chegou a estar entre os que estão, de fato, no páreo. Na entrevista que deu à Folha, no domingo, ele mostrou-se indeciso quanto a uma candidatura. Ontem, foi claro. Está fora.
Comentar
Compartilhe
Espetáculo grátis no Trianon
01/08/2019 | 16h30
Com patrocínio da Petrobras, a Focus Cia. de Dança se apresenta hoje na comemoração pelos 21 anos do Teatro Trianon.
Comandada pelo diretor e coreógrafo Alex Neoral, a companhia tem amplo reconhecimento de público e crítica. Seu primeiro sucesso é o espetáculo "As Canções que Você Dançou para Mim" com músicas de Roberto Carlos, que comemorou recentemente a marca de 300 apresentações no Rio de Janeiro.
O novo espetáculo tem o nome de Still Reich, vem lotando teatros e conquistando diversos prêmios. A apresentação única no Trianon acontece nesta quinta-feira, às 20h, com entrada gratuita.
Comentar
Compartilhe
Intolerância religiosa
01/08/2019 | 07h10
Os atos de vandalismo praticados contra templos católicos na região reforçam a ideia de intolerância religiosa. São cinco atentados em menos de um mês. No último, na capela Nossa Senhora do Carmo, na Baixada Campista, nada foi levado. E havia o que roubar. Foram deixados caixas de som, microfones, crucifixos.
O bispo da Diocese de Campos, Dom Roberto Ferrería Paz, pede que os fiéis colaborem com a Polícia nas investigações. “Não podemos permitir que a intolerância religiosa nos ameacem e nos intimidem”, diz.
Dom Roberto assinala que sem templo, sem comunidades litúrgicas, não é possível oferecer a Deus um culto nobre e santo. “Pensemos nisso. Vamos nos empenhar para darmos uma solução”.
 
 
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Saulo Pessanha

[email protected]