Ronaldo Júnior é aclamado presidente da Academia Campista de Letras
Matheus Berriel 19/12/2023 14:41 - Atualizado em 19/12/2023 14:43
Ronaldo Júnior, ao centro, encabeça a chapa aclamada nessa segunda
Ronaldo Júnior, ao centro, encabeça a chapa aclamada nessa segunda / Foto: Divulgação.
Recém-premiado no 58ª Festival de Música e Poesia de Paranavaí (Femup), no Paraná, o escritor e poeta Ronaldo Júnior será o próximo presidente da Academia Campista de Letras (ACL). Candidato em chapa única, ele foi aclamado na noite dessa segunda-feira (18) para ficar à frente da ACL nos dois próximos anos. Substituirá o advogado e escritor Christiano Fagundes, que presidiu a entidade no biênio 2022-2023.
Carioca radicado em Campos desde 2005, Ronaldo Júnior tem 27 anos e é membro da ACL desde outubro de 2018. Também integra a Academia de Letras do Brasil (ALB) seccional Campos e a Academia Pedralva Letras e Artes, além de já ter sido vice-presidente do Conselho Municipal de Cultura. Em 2019, seu livro “Ideário poético da Independência” recebeu nota máxima no Prêmio de Incentivo à Publicação Literária, do Governo Federal. Já este ano, Ronaldo teve a sua poesia “Dobradura de poema” reconhecida no Femup, ficando entre as nove premiadas na categoria nacional. No portal Folha1, ele é autor do blog “Extravio”, em que divulga a sua produção literária.
Além de Ronaldo Júnior, a chapa aclamada na ACL nessa segunda-feira também conta com os professores e escritores Adriano Moura e Carlos Augusto Souto de Alencar, eleitos primeiro e segundo vice-presidentes, respectivamente, e Sylvia Paes e Sérgio Arruda de Moura, primeira e segundo secretários; a médica e escritora Vanda Terezinha Vasconcelos, diretora de patrimônio; o historiador Genilson Paes Soares e o advogado Christiano Fagundes, primeiro e segundo tesoureiros. A nova assessoria cultural é formada pelo jornalista e poeta Aluysio Abreu Barbosa, diretor da redação da Folha da Manhã, junto às professoras Ana Raquel Pourbaix e Edinalda Maria Almeida da Silva. Já o conselho fiscal tem o economista Alcimar Chagas, o advogado Levi Quaresma e o médico e memorialista Welligton Paes, com a contista Cândida Albernaz de suplente.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS