Projeto Caixoteca leva literatura a 200 crianças
09/05/2019 18:14 - Atualizado em 15/05/2019 20:23
Em pouco mais de uma semana do seu lançamento, a Caixoteca do Jardim São Benedito já proporcionou momentos de literatura a quase 200 crianças. Este é o saldo inicial do projeto lançado no último dia 26 de abril pela secretaria de Educação, Cultura e Esporte (Smece), através do Programa Municipal de Incentivo à Leitura Ler [email protected] Ser. A Caixoteca consiste em uma pequena biblioteca com cerca de 30 títulos literários disponíveis para serem lidos no local ou para empréstimo.
O Jardim São Benedito foi o primeiro local contemplado, com o apoio da Livraria Leitura. Como foi lançada dentro da programação em homenagem ao livro infantil, inicialmente foram disponibilizados títulos para o público infanto-juvenil. Entretanto, atendendo à demanda, o projeto será brevemente ampliado para o público adulto.
Além de atender diferentes faixas etárias, a Caixoteca também visa contemplar pessoas que frequentam outros espaços públicos da cidade. Há um projeto de instalação de outras três Caixotecas: na rodoviária Roberto Silveira, em um Centro de Referência e Tratamento da Criança e do Adolescente e em um posto de saúde.
Segundo Ana Raquel Pourbaix, coordenadora de Língua Portuguesa da Smece e do Programa Ler [email protected] Ser, no momento novos apoiadores estão sendo estudados para ampliação do projeto. “A Caixoteca é uma nova estratégia de fomento literário. A intenção é oportunizar e incentivar a leitura em nossa cidade”, ressalta.
Luciana Costa levou os filhos para usufruírem do projeto. Gabriel, 13 anos, se interessou por uma obra do escritor Júlio Verne em formato de quadrinhos. “Toda iniciativa que dê mais acesso das crianças à leitura é válida. É uma forma interessante de incentivar”, ressalta a mãe.
Serviço — Os livros da Caixoteca ficam disponíveis para serem lidos durante o horário de funcionamento do Jardim São Benedito. Para o empréstimo, é preciso preencher um termo que fica na Administração do local. Interessados em doar livros para o projeto podem ir à administração do Jardim São Benedito, das 9h às 14h, ou na sede da secretaria de Cultura, Educação e Esporte, na coordenação de Língua Portuguesa, das 9h às 16h. Precisam ser literários e em bom estado. (A.N.)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS