Conferência aborda educação na família
20/10/2018 14:01 - Atualizado em 24/10/2018 18:31
Academia Campista de Letras
Academia Campista de Letras / Divulgação
A educação dos filhos será tema da conferência da psicóloga Elis de Freitas Moura Rangel, no próximo dia 29, às 19h, na Academia Campista de Letras, com entrada franca. Os interessados em receber certificados podem fazer as inscrições pelo e-mail [email protected]
A conferência está sendo promovida pela Pastoral da Comunicação da Diocese de Campos, no Projeto Comunicação & Sociedade, em parceria com a Academia Campista de Letras. O projeto visa manter diálogo com a sociedade através de temas que são de interesse social.
O coordenador da Pastoral da Comunicação, Pe. Maxiliano Barreto avalia o projeto da igreja católica e lembra que “vivemos numa sociedade que não valoriza a educação dos filhos. Muito cômodo deixar essa missão para a escola ou a igreja. Mas os primeiros a educar os filhos são os pais, com exemplo e com a preservação dos valores éticos e morais para que possam formar jovens e adultos que assumam seu papel na sociedade. Afinal estamos num tempo de violência e de ataques à família.
Segundo a psicóloga Elis Moura, o processo educativo é compreendido pelo desenvolvimento intelectual, físico e moral do sujeito. Os pais e/ou responsáveis têm grande importância na educação dos filhos, pois geralmente são a referência da criança na educação e valores. Não existem regras quando se fala em educação infantil. Cada criança responderá da sua maneira às questões diárias. As dificuldades e incertezas são naturais, pois é um processo de aprendizagem constante tanto para a criança, quanto para os pais.
— Não cabe ao psicólogo ensinar aos pais a maneira como devem educar seus filhos, como também os pais não devem transferir a responsabilidade da educação e afeto ao profissional. O papel do psicólogo é criar junto aos pais e a criança estratégias para melhor conduzir os conflitos existentes e não criticar a maneira como estão conduzindo e o motivo pelo qual chegaram ao profissional. O psicólogo vem para somar, é uma parceria com os pais para auxiliar no desenvolvimento dos filhos — explicou.
Já a professora Ana Lucia Rocha destaca que a família é a base, o alicerce no desenvolvimento humano e tem o dever de educar seus filhos, não só prover seu sustento. É uma lei natural.
— O pai e a mãe são exemplos para seus filhos. Portanto, quando os pais abrem mão dessa missão ou vocação, entregam seus filhos à própria sorte e estes ficam à mercê de tudo que o mundo oferece. Eu como mãe não me arrependo em momento nenhum de ter privado da minha vida para cuidar e educar meus filhos — acrescentou. (A.N.)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS