Marquinho com candidatura deferida
18/10/2016 09:42
Divulgação
Marquinho Mendes, prefeito eleito de Cabo Frio/Divulgação
O Tribunal Regional Eleitoral (TRE) decidiu, nessa segunda-feira (17), a situação de mais um prefeito da região que estava com candidatura sub judice. Desta vez foi Marquinho Mendes (PMDB), de Cabo Frio. O plenário deu provimento, por maioria, a recurso interposto contra sentença do Juízo da 96ª Zona Eleitoral. Com isso, o candidato, que concorreu pela coligação “De Mãos Dadas por Cabo Frio” (PMDB / PTB / PTN / SD / PTdoB / Pros / PPS / PSC / PRB / PEN / DEM / PRTB) se torna o primeiro colocado no pleito.
A decisão da Corte eleitoral tornou válidos os 44.161 votos que ele recebeu no dia 2 de outubro, superando o candidato Adriano Moreno, o Dr. Adriano (Rede), da coligação “Mudança Verdadeira” (Rede / PRP / PPL / PTC), que obteve 23.287 votos. Cabe recurso ao Tribunal Superior Eleitoral.
Semana passada, o TRE indeferiu a candidatura de Cláudio Linhares (PMDB) à Prefeitura de Conceição de Macabu. Com isso, o mais votado é Dr José (PSDB).
O TRE também deferiu candidatura de Carlos Augusto (PMDB) à Prefeitura de Rio das Ostras, de Renatinho Vianna (PRB) à Prefeitura de Arraial do Cabo. Ainda falta definir Casimiro de Abreu, onde Paulo Dames (PSB) totalizou 11.472 votos, mas está com pendência. (S.M.) (A.N.)

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    BLOGS - MAIS LIDAS