Preso em Miami Rei Arthur, que levou 40 milhões do Previcampos
25/10/2019 16:10 - Atualizado em 25/10/2019 16:18
Foragido desde 2017 e constando na lista de procurados da Interpol, o empresário Arthur Soares, conhecido como Rei Arthur, foi preso nesta sexta-feira (25) em Miami, nos Estados Unidos, onde levava uma vida de alto luxo.
Ainda não foi divulgado o motivo da prisão e nem se ele será extraditado para o Brasil, mas o empresário que é acusado, entre outras coisas, de envolvimento na compra de votos para a eleição do Rio de Janeiro como sede das Olimpíadas de 2016, também tem ligações com Campos dos Goytacazes.
 Ligações com Campos
Rei Arthur levou 40 milhões do Previcampos de Rosinha para hotel na Barra
Cerca de R$ 40 milhões do Previcampos foram investidos em um hotel seis estrelas LSH na Barra da Tijuca, do qual um dos principais sócios era o “Rei Arthur”, o amigo oculto de Garotinho. O empreendimento foi abandonado por Donald Trump por denúncias de corrupção em Fundos de Pensão.
Na delação premiada que estava negociando com o Ministério Público, segundo o colunista de O Globo jornalista Lauro Jardim, Rei Arthur diz ter guardado para Garotinho 10 milhões de reais em três malas de dinheiro vivo.
O amigo oculto de Garotinho
Delação de Rei Arthur fala em caixa 2 de Rosinha e Clarissa e malas de dinheiro para Garotinho
Ainda segundo o conceituado jornalista Lauro Jardim, na delação que empresário Arthur Soares, o “Rei Arthur”, negocia com o Ministério Público, além das três malas com 10 milhões que Garotinho pediu para ele guardar, pois não tinha onde colocar tanto dinheiro vivo, também figuram a esposa Rosinha e a filha Clarissa, que teriam recebido doações para caixa 2 para as suas campanhas eleitorais.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Sobre o autor

    Esdras

    [email protected]