Vencedores da primeira Maratona Major do ano
25/02/2018 | 16h49
Na primeira Maratona Major do ano, e que foi disputado no Japão, o vencedor masculino foi o queniano Dixon Chumba, com 2:05:30.
No feminino, Birhane Dibaba (Etiópia) foi a vencedora com o tempo de 2:19:50.
Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
O que houve (4)?
19/02/2018 | 21h16
Importante criticar, em particular esta situação da corrida em Campos, onde parece que está andando para trás, mas também importante deixar sugestões para que se possa criar uma cultura diferente em relação ao esporte.
Antes da crise,  já se reclamava por aqui que se pagava por um produto e ao receber, tinha-se menos do que o esperado. Ou pela distância que nunca batia, ou pelo número de staffs que deixava a desejar, qualidade da medalha, estas coi
Na época do Campos Run - circuito de corrida de rua de Campos - que foi de 2009 até 2012, onde esta cultura de corrida foi massificada, apesar das reclamações recorrentes, tinha-se uma prova que entregava o que propunha, e “sem custo” formal para os corredores, apesar de serem todos contribuintes. 
A sugestão que deixo, frente a muitas possibilidades, é tentar replicar a interessante Park Run, circuito de corridas não Europa sem nenhum custo para o corredor.
Seu slogan principal fala “Bem-vindo ao parkrun
 
Organizamos corridas semanais gratuitas sem horário em todo o mundo. Realizados em agradáveis parques nas manhãs de fim de semana, nossas corridas estão abertas a todos - desde juniores e primeiros temporários até Olimpianos e octogenários ...”
Pelo que entendi, eles trabalham com patrocínios que cobrem as despesa. As corridas, como o nome diz, são disputadas em parques e abertas a todos. 
Bem, uma primeira dica foi dada, apesar de saber que não é fácil.
Bons treinos. 
Comentar
Compartilhe
O que houve (3)?
17/02/2018 | 10h21
Sobre possíveis motivos que me foram apresentados para tentar explicar o insucesso do prosseguimento das nossas corridas:
1- Falta de união entre às assessorias, onde um leitor relatou que algumas boicotam provas do “concorrente”
2- Falta de qualidade nas provas (distância totalmente diferente da anunciada; impontualidade; kit ruim)
3- Organização de corridas por não corredores 
4- Após o início por aqui busca-se novos horizontes e não corre mais provas na cidade 
5- Locais sem atrativos para provas 
Vc concorda? Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
O que houve (2)?
15/02/2018 | 18h54
Ainda sobre as corridas de rua que rarearam pela cidade, me foram apresentados alguns motivos bem coerentes via redes sociais, onde mais para a frente compartilho com todos.
Gostaria de deixar claro, diante da grande politização sobre todos os assuntos aqui na terrinha, ao meu ver, o poder público não tem que ser o principal fomentador destas ações.
Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
O que houve?
14/02/2018 | 09h04
A corrida de rua aqui na cidade deu uma parada, enquanto o restante do país parece que vai de vento em popa.
Entre 2012 e 2016 apareceram por volta de 10 organizadores de eventos desta natureza.
Agora, pelo que tenho visto, quase nada aparece de novo, e os antigos desanimaram. 
O que houve, foi à crise?
Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
Tome!
06/02/2018 | 20h58
Tome regularmente para uma melhor saúde, felicidade e vida mais longa. Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
Perfil do corredor médio brasileiro
04/02/2018 | 17h55
O Perfil do corredor médio brasileiro, feito pela Revista Runner World Brasil, sinaliza algumas caraterísticas que nos é bem familiar. Selecionei algumas interessantes, apesar de achar estranho o último item. Bons treinos!
1- 83% corre na rua (40% na esteira)
2- corre 3 vezes por semana 
3- GPS é utilizado por 56% dos corredores 
4-  o volume médio é de 21 à 30km por semana 
4- a parte da manhã é a preferida
5- provas dos sonhos: 1º NY Marathon; 2º Berlin; 3ª São Silvestre 
6- prefere correr sem amigo 
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Marcos Almeida

[email protected]

Marcos Almeida é assessor esportivo, especialista em Ciência da Musculação e mestre em Ciência da Motricidade Humana.