A fórmula mágica! Existe?
29/02/2012 | 05h26

Muitos novatos na profissão e outros nem tanto me perguntam como estruturar um treino na maior parte das vezes relacionado a corrida ou treinamento funcional. Digo que é simples e não tem segredo pois é somente encaixar o treino certo para o aluno dentro do seu momento físico, focando no seu objetivo.

E digo mais: basta respeitar os Princípios do Treinamento Desportivo - matéria mais que obrigatória no período de estudos na faculdade. Percebo que todos querem a receita mágica, que não existe - inclusive em congressos aos quais participo como ouvinte ou congressista - os profissionais querem este "pulo do gato" em busca da evolução do ser que se move.

O segredo, prossigo, é estar sempre atualizado por mais difícil e árduo que seja. A leitura é um ponto fundamental. Também saber que cada caso é um caso - olha a Individualidade Biológica aí - que para qualquer modalidade, não importando qual, sempre tem que ser do mais fácil para o mais difícil - Princípio da Sobrecarga - post anterior aqui!

Bem, digo que até bem pouco tempo, o bom professor era aquele em que o aluno ao acabar um treino - corrida, musculação, outros - ia para casa e ficava uns três dias com dores absurdas pelo corpo, onde ainda dizia: "o professor é muito bom, forçou bastante, me deixou com muita dores".

Hoje, sabemos, que este profissional passou do ponto causando inúmeros estragos no seu aluno - derrames capilares, destruição de fibras acima do limite... - e ainda para piorar com a péssima experiência proporcionada, o levou a ter emoções ruins, fato este que afasta muita gente da rotina do exercício físico, abrindo mão dos seus benefícios.

Aquela frase clássica, "no pain, no gain", vale para os atletas de performance, de alto nível, para os profissionais de elite que vivem para isto e mesmo assim, em algumas fases do treinamento, onde não cabe no dia-a-dia das pessoas ditas normais - trabalho, filhos, família, comes/bebes - passar por isto.

O mais importante nisto tudo é ter e mostrar para o seu aluno, segurança no que se está propondo, subsídios e o porquê de estar fazendo aquilo. Mostrar que a Continuidade é fundamental para se alcançar bons resultados. Que ninguém consegue adquirir os efeitos do treinamento de um dia para o outro.

Então, vamos com calma, muita calma. Leiam, releiam e não se deixem levar pelo aluno/atleta, que muitas vezes quer impor a sua vontade que é apenas a sua vontade e que difere do que foi planejado, do que é certo para aquele momento pensando num âmbito macro do seu treinamento.

"Eu sou eu e minha circunstância" é a conhecida sentença de Ortega y Gasset (conheci através do amigo Ms. Nilo Arêas), daí, este é o meu pensamento.

Bons treinos, leituras e emoções!

Comentar
Compartilhe
O nosso treino longo de cada semana
28/02/2012 | 05h15

 

[caption id="attachment_1865" align="aligncenter" width="2048" caption="Alê, Bruno, Marcelo, eu, Christiano e Leonardo"][/caption]

Maravilha, mais um longão em ótimas companhias. Pela foto, percebe-se a satisfação de ter cumprido, com louvor, a meta do sábado. Registrando a presença no grupo do paulista - gente boa - Alê, que diga-se de passagem, está voando. É treinado pela assessoria do Marcos Paulo Reis e Fábio Rosa. Também registrando a presença do grande triatleta Bruno do Val - corre fácil.

Um salve especial para a bela camisa do Marcelo, exclusiva para o momento e aproveitando para parabenizar todos os tricolores - mereceram o título - corredores ou não.

No mais, bons treinos e ótimas emoções!!

Comentar
Compartilhe
Maratona de Tóquio
27/02/2012 | 05h17

O atleta queniano Michael Kipyego foi o vencedor da sexta edição do Maratona de Tóquio - dia 25/02, sábado no Brasil, domingo em Tóquio - com o tempo de 2h07min37.

O ex-recordista mundial e grande figura, Haile Gebrselassie, sempre favorito por onde corre, ficou com a 4a colocação e ainda não conseguiu vaga formal para representar o seu País em Londres 2012. Como só três atletas por país podem participar da prova, ele terá de obter, segundo sua estimativa, um tempo entre 2h04 e 2h05 para conseguir a vaga, já que a Etiópia só tem fera. Pedreira!

Esta prova teve a importante marca da brasileira Adriana Aparecida da Silva que será a representante brasileira na maratona Olímpica em Londres. O seu tempo foi de 2h29min17, onde o índice exigido pela Confederação Brasileira de Atletismo era de 2h30min07, realizando assim a tarefa com louvor.

Acompanhei a prova pelo Twitter e aproveitei para salvar algumas fotos do público presente via esta rede social - tem também do Instagram - mostrando um pouco como foi esta divertida corrida cheia de super heróis. Dá para mostrar um pouco o grande encanto que esta distância desperta nas pessoas.

Bons treinos, fantasias e ótimas emoções!

Comentar
Compartilhe
"Fisioterapia Preventiva", por Diogo Lyra
25/02/2012 | 05h53

Vários fatores podem levar as lesões em atletas. Há lesões que não podemos precaver que são os traumas diretos durante as competições. Por outro lado, temos aquelas que podemos prevenir. Neste caso, a fisioterapia é primordial para manutenção da qualidade dos movimentos funcionais que irão interferir no melhor desempenho durante a preparação física e durante os treinos específicos. Cito como exemplo as desordens do sistema músculo-esquelético que vêm sendo muito comum nos atletas.

Durante anos de experiência trabalhando com Reabilitação Esportiva, pude observar que a grande maioria das lesões articulares inicia pelos desequilíbrios extra-articulares, ou seja, nos tecidos ao redor ou próximo das articulações, como as regiões das inserções musculares, os tendões. A médio e em longo prazo, estes desequilíbrios extra-articulares irão interferir no alinhamento biomecânico articular podendo resultar em lesões intra-articulares, gerando dor, diminuindo a performance dos atletas e conseqüentemente, a sua atuação no esporte, levando-os precocemente à uma intervenção cirúrgica.

Neste caso descrito acima, o Fisioterapeuta deverá atuar observando a postura e os gestos esportivos de cada atleta, analisando os movimentos e direcionando para um trabalho de base, com objetivo preventivo que irá manter o melhor desempenho do atleta durante a preparação física e os treinos específicos. Durante as sessões de Fisioterapia buscar-se-á manter o músculo em um comprimento ideal, que favoreça a fluidez dos movimentos articulares e conseqüentemente, mantendo uma melhor dinâmica nos gestos esportivos.

A Fisioterapia, portanto, não pode ser vista somente para tratar lesões, ela tem que estar inserida no esporte no trabalho de prevenção e integrada aos profissionais que fazem parte da equipe. Temos que mudar a mentalidade, para termos atletas com uma vida profissional mais longa.

Diogo Lyra Mestre em Saúde da Família Pós-Graduado em Fisioterapia Desportiva, Biomecânica, Traumatologia e Ortopedia Prof. Universidade Estácio de Sá Fisioterapeuta do Futebol Profissional do Esporte Clube São João da Barra-RJ Proprietário e Coordenador Técnico do Centro Integrado de Reabilitação Acelerada (CIRA)

 

Comentar
Compartilhe
Trilhas, corridas, família e muita Motricidade
24/02/2012 | 05h17

Alguns dias de descanso e muita Motricidade na veia para toda a família. Tudo devidamente registrado, dos calçados - médios, mínimo e descalço - até os belos locais de treinos. Fica o exemplo tentando angariar cada dia mais adeptos para o clube da Motricidade Humana.

Bons treinos e ótimas motricidades!

 

 

Comentar
Compartilhe
Recomeçar Corrida Rústica - Nova Friburgo
23/02/2012 | 07h05

Com o intuito principal de ajudar três famílias que perderam suas residências na tragédia de 12 de janeiro de 2011, acontecerá no dia 4 de março, em Nova Friburgo, a 1ª edição da Recomeçar Corrida Rústica.

Com um percurso de 5 km e saída 9:30 da manhã, terá os kits entregues momentos antes da largada. A organização - o maratonista Reginaldo de Azevedo que é corredor assíduo aqui na cidade - distribuirá R$ 3.000,00 em premiações aos cinco primeiros colocados na classificação geral e aos três melhores de cada categoria.

As inscrições já estão abertas e devem ser feitas até o dia 29/02, aqui!

Boas provas e emoções!

Comentar
Compartilhe
"Arte em Movimento", por Vanessa Cabral
22/02/2012 | 06h23

?O esporte sempre esteve presente na minha vida. ?Comecei ainda criança na natação. Em seguida, minha mãe me matriculou no jazz. Daí pra frente, não parei mais! Hidroginástica, ginástica localizada, capoeira, musculação, jiu-jitsu... Até que quando eu me dei conta, estava na faculdade de Educação Física. Era isso que eu queria, ser professora! Atuei em diversas modalidades esportivas, mas quando conheci a dança oriental (dança do ventre) e o yoga, não resisiti... Lá estava eu, cursos e mais cursos de especialização, além da Pós em Musculação e Personal.

A Dança é arte em movimento. Uma atividade física que promove a saúde do corpo e da mente. Não só a Dança do Ventre, mas a Dança Cigana também traz benefícios para mulheres de todas as idades, desenvolvendo o equilíbrio psicofísico feminino. Auxilia no emagrecimento, reeduca a postura, além de desenvolver a capacidade de superar as adversidades da vida. Trabalha a auto-estima através de uma envolvente diversidade cultural que desperta todos os sentidos da mulher.

A música, a respiração e as emoções vão delineando os movimentos e a mulher vai se harmonizando consigo mesma.  Ao contrário do que muitos pensam, Dança do Ventre não “dá barriga”! Na verdade, ela tonifica e modela o abdômen, favorece o aparelho reprodutor, o digestivo, entre outros. A natureza do ventre da mulher é encantadora e esta arte primorosa que é a Dança do Ventre foi criada há muito tempo para que esta natureza não se perdesse ao longo da vida.

A vulgaridade não tem nada a ver com o feminino, muito menos com a Dança do Ventre, já que a beleza da mulher está na sua essência e a sensualidade é uma das forças da criação.

Dance e descubra-se!

Vanessa Cabral

 
Comentar
Compartilhe
Lançamento mundial da Nike
21/02/2012 | 17h56

Hoje, terça-feira - 21/02/12 - em Nova York, a Nike apresentou suas principais novidades em roupas e calçados para 2012. Este vídeo bacana - abaixo - mostra o novo tênis. Parece um médio com perfil mais baixo, mostrando uma boa evolução - lembram daqueles famosos 4 molas? O lançamento remete ao correr descalço e parece muito interessante.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=JUdNeFh2SDo&sns=em[/youtube]

Mais informações, aqui! Bons treinos com ótimas novidades pós carnaval!
Comentar
Compartilhe
Fotos do Fast Triathlon Búzios
18/02/2012 | 06h56

No domingo, 12 de fevereiro, aconteceu o Fast Triathlon Búzios. Fiz uma breve cobertura com fotos bacanas tentando passar toda a emoção desta competição que foi muito legal. O Fast Triathlon reuniu os três melhores atletas de cada país participante: África do Sul, Brasil, Chile, Colômbia e Grã-Bretanha. Com a duração média de 15 minutos a pontuação por equipe foi pela somatória dos pontos individuais, onde o Brasil se sagrou Campeão.

Os atletas nadaram 250 metros na praia da Armação e em seguida pedalaram quatro quilômetros na Estrada da Usina, finalizando com uma corrida de 1,2 quilômetros na bonita paisagem da Orla Bardot. Belíssima organização - sexta-feira, dia 10, o circo do evento já estava sendo armado.

Reconheço que as fotos não são muito boas (todas via Ipad), mas emoção foi o que não faltou nestes registros. Imaginem vocês que os caras se esbaldaram ao som do M. Teló, valendo tudo para comemorar a grande vitória. E ainda tive o privilégio de estar com um dos meus ídolos no esporte - Armando Barcelos - grande Triathleta Olímpico do Brasil. Maravilha! No mais, divirtam-se!

Em tempo: breve, post com as bikes e tênis usados por estes feras!

[caption id="attachment_1695" align="aligncenter" width="1200" caption="1o à esquerda o Cavanha e último à direita o grande Armando Barcelos "][/caption]
Comentar
Compartilhe
Campos Rugby Clube
17/02/2012 | 06h34
Os "cabruncos" de Campos dos Goytacazes, como são conhecidos, começaram com muita determinação e persistência dos primeiros adeptos, que alavancaram a idéia da formação do clube qui na cidade. A breve história do Campos Rugby é marcada por muitas dificuldades e superação.

Em diversas oportunidades a equipe treinava em canteiros, praças, locais sem quaisquer iluminação, enfim...depois de ser obrigado a sair destes diversos locais de treinamentos improvisados, o clube conseguiu o apoio da Fundação Municipal de Esportes e a mesma cedeu um campo para os treinamentos.

Os "cabruncos" disputam competições oficiais desde 2010 e logo em seu primeiro ano, sagrou-se Campeão da 2ª divisão do Campeonato Fluminense de Rugby. Após o titulo fluminense, a equipe campista se aventurou no beach rugby e mesmo sem qualquer experiência chegou a final, mas acabou derrotado.

Já no ano de 2011, o Campos Rugby chegou a mais um título: foi Campeão da Série B com uma vitória épica contra o Volta Redonda, na cidade do Aço. Entretanto, desta vez, obteve o acesso e em 2012 disputará pela primeira vez a elite do rugby fluminense.

Após conseguir o acesso a Série A, no segundo semestre de 2011, o clube sagrou-se Vencedor da Taça de Prata da Copa Rio de 2011. Agora no ano de 2012, a equipe campista irá ingressar na elite do Rugby e vai buscar sua afirmação na Série A do Campeonato Fluminense.

Além do Estadual, a equipe feminina pela primeira vez irá disputar o Circuito Fluminense, os Juvenis participarão ativamente da Equipe "B" do clube, que por sua vez, disputará também a Série B do estadual. No segundo semestre o clube ainda participará da Copa Rio e do Circuito de Sevens (modalidade olímpica) que dá vaga ao nacional da modalidade.

Para se informar mais aqui!

Comentar
Compartilhe
Leitura dinâmica
16/02/2012 | 07h07

Estes são dois livros que acabei de ler bem recentemente e falam sobre o universo da corrida, apesar de passar em lugares distintos. O primeiro - Operação Portuga - dei de presente a um grande amigo. Valeu a pena, pois além do amigo corredor gostar muito, me emprestou e após, passou de mão em mão fazendo um tremendo sucesso.

Poderia dizer que não é um livro somente sobre corridas, apesar de se passar entre treinos e competições. Na verdade, é sobre gente, um tipo muito especial desta raça. O esporte é o pano de fundo, mas o que está em jogo é muito mais do que isso. São histórias de competição, superação e camaradagem.

O segundo - Nascido para correr - mostra como pano de fundo uma tribo de corredores descalços, os Tarahumaras. O livro conta a história destes índios que habitam a região de encostas e cânions inacessíveis na fronteira mexicana com os Estados Unidos.

Os índios Tarahumaras são considerados os melhores ultramaratonistas do mundo, correndo nos piores terrenos e condições. O autor defende o barefootrun - correr descalço - pois, após tentar de todas as formas se livrar de uma lesão, experimentando todo tipo de tênis, somente conseguiu sucesso correndo descalço.

Bons treinos, leituras e reflexões!

Comentar
Compartilhe
"Treinar pra que se eu já sei o que fazer", por Ralph Lannes
15/02/2012 | 07h03

Essa célebre frase foi usada pelo craque Romário para justificar que não precisava treinar para fazer gols, diferentemente do que penso sobre as atividades esportivas. Sou Médico Otorrinolaringologista e Médico do Trabalho, casado com Biancha Monteiro e Pai de João Gabriel e Giovanna, as melhores coisas que Deus me deu. Acho que só aprendi a ser filho, depois que fui Pai.

Discordo do craque, temos que treinar diariamente para ser Pai, Marido, Médico e Atleta, ou pelo menos um projeto de atleta. Tenho várias paixões na vida: a Medicina, a Família, a Música e o Esporte. Em 2011 comecei a praticar triathlon indoor com o professor Felipe Azevedo, uma pessoa genial, com um comportamento exemplar e um conhecimento esportivo e técnico que me fez iniciar as atividades com mais foco.

No inicio sofri um pouco, para não dizer muito! Conciliar Família, trabalho, estudos, lazer, atividades físicas e etc. É preciso ter muita disciplina e força de vontade. Hoje acho que consigo. Comecei as corridas de rua nas etapas da Snug/FME – 6 Km e passei para o Circuito Adidas e o Fila Night Run – 10 Km. Penso em corrida todos os dias, de forma gradual, sempre respeitando meu limite.

Este ano programo fazer em abril as 10 milhas – 16 Km da Puma, no Rio de Janeiro, a meia-maratona da Asics em julho e Buenos Aires em setembro. Associei a estes esportes a pratica de musculação e squash, duas vezes por semana. Hoje sei o que fazer. Ser Motriz é a meta. Metas viáveis para não me frustar, elas me servem de estímulo e quando alcançá-las, vou traçar outras.

Seja motriz e bons treinos em 2012!!!

 

Ralph Lannes
Comentar
Compartilhe
Maratona de Chicago 2012 - (2)
14/02/2012 | 07h32

Em 6 dias, 45.000 corredores se inscreveram para a Maratona de Chicago 2012, atingindo o limite de vagas disponíveis, acabando 25 dias a menos que em 2011 - comparando com 2003, estas inscrições levaram 35 semanas para serem encerradas. A 25ª edição da Maratona de Chicago acontece no dia 07 de outubro, a partir das 7h30 e como disse anteriormente aqui!, tem campista em busca do seu personal best.

Bons treinos e competições!

Comentar
Compartilhe
Treinamento Funcional. Conhece?
13/02/2012 | 07h30

O Treino Funcional já vem de longa data sendo um grande instrumento quando se fala em treinamento físico. Este tipo de rotina se baseia na Especificidade, um dos itens que fazem parte dos Princípios do Treinamento Desportivo.

A Especificidade, explicando de forma bem simples, significa que se eu quero melhorar por exemplo a minha técnica e condicionamento da natação, de nada ou pouco adianta realizar treinos específicos de corrida, ou seja, para aperfeiçoar a natação, somente com os treinos específicos desta modalidade, pois os treinos paralelos vão dar suporte mas o principal é o esporte em questão.

“O treinamento deve ser montado sobre os requisitos específicos da performance desportiva, em termos de qualidade física, sistema energético preponderante, segmento corporal e coordenações psicomotoras utilizados” (Dantas, 1995), este é conceito maior da Especificidade.

No Treinamento Funcional o Sistema Nervoso controla, o Sistema Muscular executa e o Sistema Esquelético sustenta. Neste tipo de treino não se trabalha músculos isolados como os realizados na musculação e sim treina-se o movimento que se quer evoluir.

Recomendo sua utilização tanto nos esportes em busca de performance como para públicos especiais - idosos por exemplo - buscando melhora na sua rotina de vida, pois várias qualidades físicas podem ser trabalhadas - equilíbrio e coordenação motora - além das tradicionais força e resistência.

Imagina o levantar de uma cadeira ou colocar objetos numa superfície mais alta. O Treino Funcional pode ajudar de sobremaneira nestas atividades. Para os treinos direcionados a corrida, busco equilibrar o seu princípio com aparelhos de musculação melhorando o aspécto de força como também nos mecanismos da proteção de lesão - outro ponto positivo para o Funcional .

Não esquecendo que neste treino o cérebro é substancialmente exigido principalmente por toda a integração sensorial proporcionada pelas várias qualidades físicas trabalhadas, sendo também conhecido como Treinamento Inteligente.

Recomendo!

Para se aprofundar mais, aqui!

Bons treinos e ótimas emoções!
Comentar
Compartilhe
"Brasileiro de Bodyboard", por Leonardo Gomes
11/02/2012 | 07h15

Simplesmente fantástico! Assim defino a 1ª Etapa do Brasileiro de BodyBoard de 2012. Tudo que estava ao alcance das mãos ficou perfeito: área de atletas, todas as salas - juízes, imprensa, stúdio - sonorização e gerador. Já a natureza, essa ninguém pode controlar. Escolha acertada da UBCS e da CBRASB que escolheram o único lugar propício para a prática do bodyboard neste final de semana.

Parabenizo a todos da Fundação Municipal de Esportes (em especial ao Presidente Magno Prisco) pela escolha acertada de colocar esta etapa no verão, época esta que a praia está lotada e todos vêem como o Bodyboard campista está crescendo. Mais de 150 atletas foram inscritos movimentando ainda mais a praia campista, contribuindo assim para o desenvolvimento, além do esporte, como também da economia local.

Os grandes vencedores da etapa foram os capixabas Léo Costa (profissional masculino), sendo este tri campeão Brasileiro e a Penta Campeã Mundial Neymara Carvalho (profissional feminino). Quanto aos bodyboarders campistas, todos estão de parabéns. Todas as baterias estavam parelhas e as condições do mar não ajudaram aos atletas locais.

Campos tem um grande nome e com um enorme potencial, o bodyboarder Ailton Neto (bi campeão brasileiro sub-16), que não decepcionou e garantiu o título da categoria open na praia campista.

Parabéns e obrigado a todos os envolvidos.

Leonardo Gomes

Comentar
Compartilhe
Desvendando o treino secreto
10/02/2012 | 05h22

Estas foram as imagens do treino de terça - 07-02, por volta das 7:00 da manhã - bem mais nítidas, revelando a verdadeira idêntidade destes loucos por corrida - post anterior aqui! - ao qual também me incluo. Espero que os seus neurônios espelhos sejam contagiados em busca de saúde, auto-estima, funcionalidade e melhores cognições cerebrais.

Bons treinos e grandes emoções!

Comentar
Compartilhe
Sensório Motor Funcional
09/02/2012 | 05h37

O Fisioterapeuta Sileno Júnior - Mestre em Ciência da Motricidade Humana - desenvolve um trabalho de muita relevância no Americano Futebol Clube. Denominado Trabalho Sensório Motor Funcional - ao qual tive o prazer de iniciar este programa em 2008 no próprio Americano com este fera da Fisioterapia - vem colhendo bons frutos com foco na prevenção de lesões.

O trabalho é pensado de forma macro, tendo os jogadores menos lesões advindo daí um melhor aproveitamento, levando com isto a uma maior continuidade no trabalho do técnico assim como ter a possibilidade de proporcionar aos atletas uma vida útil mais longa. Parabéns ao Mestre Sileno Júnior pelo belo trabalho realizado.

Comentar
Compartilhe
Trabalho científico em andamento
08/02/2012 | 05h12

Estou orientando o Professor Fellipe Azevedo nesta pesquisa que envolve música em conjunto com exercício físico para a sua conclusão de curso de especialização na Universidade Federal de Juiz de Fora. O estudo se baseia na premissa de que com o uso da música durante a bicicleta ergométrica a freqüência cardíaca e/ou a pressão arterial como também a percepção de esforço pode ou podem ser amenizado(s), assim como pode aumentar o tempo total de atividade devido a esta audição musical. Será?

INTRODUÇÃO- Atualmente a atividade física tem estado muito em voga, seus efeitos benéficos e maléficos, indicações, aplicações, entre outros. Sabe-se que, se prescrita de modo adequado, pode trazer vários benefícios que facilitam a obtenção de saúde e qualidade de vida (ACSM, 2003).

Para se prescrever exercícios de forma fidedigna, bem como facilitar sua evolução, utiliza-se testes padronizados, dentre eles os testes ergométricos, amplamente utilizados dada a facilidade de aplicação e satisfatória credibilidade de resultados, quando bem realizados (GUYTON, 1989).

Fatores como a freqüência cardíaca se destaca quando se quer obter o nível de esforço exigido por uma atividade bem como o consumo máximo de oxigênio, por haver uma relação linear entre a freqüência cardíaca e o volume de oxigênio absorvido (POWERS e HOWLEY, 2000).

Um fato novo no meio esportivo e que parece trazer aprendizagens e facilidades a nível Neural e com uma grande motivação no esporte praticado é a música e seus ritmos. Ouvir música não é apenas algo auditivo e emocional, é também motor. A música é parte do homem e não existe cultura humana na qual ela não seja altamente desenvolvida e valorizada, relata Almeida (2009).

"Ouvimos música com nossos músculos" escreveu Nietzsche. Este instrumento pode ser um grande auxiliar no desempenho, seja durante o aquecimento e/ou o exercício principal. Atletas utilizando fones de ouvido, torcida entoando hinos e cantigos, cada vez mais se observa estes recursos sendo utilizados em esportes individuais ou coletivos.

A sua influência é tão grande que atua constantemente sobre nós, acelerando ou retardando, regulando ou desregulando as batidas do coração, relaxando, motivando, influindo na pressão sangüínea e no ritmo da respiração, sendo assim comprovado o seu efeito sobre as reações fisiológicas cuja amplitude parece depender do conteúdo emocional (VIELLARD, 2005 ).

Desta forma, este estudo propôs identificar o comportamento da freqüência cardíaca durante teste sub máximo em bicicleta ergométrica, objetivando correlacionar esta freqüência com a percepção de esforço de Borg concomitante ao uso da música, buscando apontar vantagens da audição musical nos testes realizados.

Esta pesquisa tenta entender a audição musical como um agente facilitador ao movimento. Breve, respostas.
Comentar
Compartilhe
"Qual o melhor tênis? Em equipe ou sozinha?..." Por Fátima Melo
07/02/2012 | 05h13

"Pois bem, estou afastada dos meios esportivos. Pratiquei aeroboxe ha dois anos atrás, pique bem legal e depois caminhadas pelo Jardim São Benedito, o que é meio complicado porque sempre tem alguém para conversar e me atrapalha um pouco (nada contra as pessoas que querem conversar), fora os barulhos de telefones celulares.

Necessito fazer algo urgente, os check ups estão excelentes para uma jovem senhora de 50 anos. Dúvidas: tênis adequado… Qual? Horário, manhã ou tarde? Em equipe ou sozinha? Abraço de uma pessoa que precisa sair desse sedentarismo, ok?

Novamente parabenizo pelas preciosas matérias!!!"

Respostas

Fátima,

Em primeiro lugar, obrigado pelos elogios, saiba que fico muito feliz, porém ainda podemos melhorar, sempre.

Em segundo lugar, saiba que está estreando um espaço para tirar dúvidas acerca da Motricidade Humana onde os assuntos, estando ao meu alcance, será sempre um prazer poder responder.

1- Tênis adequado. Qual? Vai depender basicamente do esporte praticado por você. O mais importante é ser um tênis esportivo e com uma boa flexibilidade - faça o teste dobrando a parte da frente do tênis e após, compare com outro (s) escolhendo o mais macio. Para a caminhada, que não demanda tanto impacto, o tênis tem que ser confortável. Lembrando que nem sempre os mais caros são necessariamente os melhores.

2- Horário, manhã ou tarde? A questão do horário é muito pessoal, pois, por sermos muito diferentes um do outro - Princípio da individualidade Biológica - cada um rende melhor em determinado período. Aconselho, independente do turno, que faça em períodos mais frescos, pois o calor compromete a atividade física, fazendo com que perca o rendimento entre outros.

3- Em equipe ou sozinha? Todos os dois momentos são possíveis. Se a pessoa ou grupo é homogêneo, tendo o condicionamento parecido, não vai atrapalhar. Porém se é heterogêneo, o acompanhamento não seria recomendado em todos os treinos. Acontece que o melhor condicionado pode forçar em demasia o menos condicionado e/ou o de menor aptidão física atrapalhar o de melhor aptidão, onde acredito, pensando no aproveitamento do tempo e em treinos de qualidade, a companhia pode não ser boa se o parceiro de treino tiver o condicionamento muito diferente do seu.

No mais, estimule a sua Motricidade, o seu organismo e as pessoas ao seu redor vão lhe agradecer. Bons treinos e ótimas emoções!

Comentar
Compartilhe
Bodyboard, frescobol e futebol no fim de semana
06/02/2012 | 05h21

Estas foram as atividades realizadas este fim de semana - 4/5 de fevereiro - na praia de Farol de São Tomé. Mais exemplos de Motricidade nesta semana que se inicia.

Bons treinos!
Comentar
Compartilhe
"A minha vida no atletismo", por Luiz Cláudio
04/02/2012 | 05h04

A minha vida no atletismo começou em 1997, na corrida rústica de São Salvador. Acostumado as baladas, onde bebia e fumava, recebi um convite para participar desta corrida, conseguindo completar a volta das pontes em sétimo lugar no geral.

Daí então, nunca mais parei de correr, me libertando da bebida e do cigarro. Hoje tento passar para as pessoas a grande oportunidade que tive, mostrando que valeu a pena. Um forte abraço!

Luiz maratonista

Comentar
Compartilhe
Dicas de locais de treinos
03/02/2012 | 05h14
1- Uenf - um luxo - 2- Av. Alberto Lamego Bons treinos e emoções!
Comentar
Compartilhe
Calendário de corridas
02/02/2012 | 14h54
Este site - Correr pelo mundo - disponibiliza um ótimo calendário de provas no Brasil e exterior neste ano de 2012. Provas de 5 km até a maratona - 42 km. Recomendo a consulta para os apaixonados por corrida - aqui! Bons treinos e competições!
Comentar
Compartilhe
Dubai Marathon 2012
02/02/2012 | 06h04

O etíope Ayele Abshero venceu a Maratona de Dubai na sexta-feira, dia 27/01, com a mais rápida performance para um estreante nos 42 km. Com 21 anos, o atleta completou a distância em 2h04’23”, o quarto melhor tempo da história. Ayele Abshero foi campeão mundial Junior de Cross Country em 2009.

A cada dia que passa tem mais atletas cada vez mais jovens baixando marcas com tempos incríveis, tornando a suposta quebra das 2 horas, uma questão, possivelmente, de poucos anos pela frente. Veremos.

Comentar
Compartilhe
Treino secreto?
01/02/2012 | 12h00

Estas foram imagens colhidas de corredores se preparando para mais um treino - por volta de  7 horas da manhã de terça, 31/01 - que parece secreto de tantos detalhes pré e pós treino: relógios, paces, isotônicos, música, aquecimento e táticas mil. Quem são estas feras?

Bons treinos, secretos ou não!
Comentar
Compartilhe
Maratona de Chicago
01/02/2012 | 05h28

As inscrições para a famosa Maratona de Chicago, abrem hoje, dia 01 de fevereiro de 2012 e terminam ao alcançar 45.000 inscritos. As vagas acabam num "piscar de olhos" pois faz parte das 5 World Marathon Majors - Boston, Londres, Berlin, Chicago e New York - as 5 maratonas mais concorridas do mundo. As inscrições começam às 16h, horário de Brasília.

O valor da inscrição é de $150 para americanos e $175 para estrangeiros. Em 2012 a prova acontece no dia 07 de outubro e tem campista de olho nela em busca do personal best, pois é uma das provas que tem o percurso mais rápido, proporcionando melhora de tempo. As inscrições acontecem pelo site oficial da prova aqui!

Bons treinos, muito foco e ótimas emoções!

Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Marcos Almeida

[email protected]