Deputado apresentará projeto para prorrogar eleições para 2022
20/03/2020 | 00h35
O deputado federal Fábio Ramalho (PMDB-MG) apresentará hoje (20) um projeto na Câmara dos Deputados para adiar as eleições municipais para 2022. Com o coronavírus, segundo o deputado, não haverá tempo para a realização das eleições, além de colocar em risco candidatos e eleitores. 
A proposta vai ao encontro de um tema que já circulava pelo congresso antes mesmo da pandemia, que trata da unificação das eleições em 2022. Sendo assim, prefeitos e vereadores ganhariam mais dois anos de mandato. 
Compartilhe
Queda livre: barril de petróleo chega a US$ 28 e impactará royalties de Campos
17/03/2020 | 19h29
O preço do barril de petróleo (BRENT) continua em queda. O valor que há 10 dias girava em torno de 60 dólares, hoje (17) fechou abaixo da marca dos 30 dólares. Com a forte baixa no preço, o município de Campos sofrerá um novo impacto econômico em suas receitas oriundas dos royalties.
 De acordo com o consultor Adriano Pires, que fez uma projeção de arrecadação dos royalties a uma taxa de câmbio de R$ 4,20, crescimento de 6% e o preço médio do barril a US$ 40, a arrecadação anual do estado e dos municípios irá cair de R$ 21,7 bilhões para R$ 14,2 bilhões. Com a atual cotação do barril, a queda deverá ser ainda maior.
 Todo esse impacto deverá refletir na próxima participação especial, que foi pífia em fevereiro - R$ 5 milhões -, prevista para maio. Se tratando da arrecadação mensal, a queda da arrecadação deverá chegar no mês de junho. 
 
 
 
Compartilhe
Na contramão das orientações, vereador Eduardo Crespo quer audiência pública para tratar do coronavírus
16/03/2020 | 17h21
O vereador Eduardo Crespo (PL) parece não acompanhar os noticiários do Brasil e do mundo. Na contramão das sérias medidas que estão sendo impostas, em alguns casos até com isolamento, o nobre edil quer propor uma audiência pública, na Câmara de Campos, para tratar das ações que o município de Campos dos Goytacazes irá adotar contra o coronavírus.
 A recomendação das autoridades, por ora, é para que as pessoas façam a higienização correta das mãos, lavem bem os alimentos (carnes e ovos), além de ficarem em casa, se possível. Assim sendo, evitando as aglomerações, que podem proporcionar um contágio elevado.
 No município, o prefeito Rafael Diniz (Cidadania), na última sexta-feira (13), anunciou várias medidas para o enfrentamento do Covid-19. Entre elas estão as suspensões das aulas, eventos, entre outras atividades que concentrem um alto número de pessoas.
 
 
 
 
Compartilhe
Governo Witzel utiliza helicóptero do estado para percurso de até 12 km
15/03/2020 | 20h22
Reprodução
Reprodução
A alta utilização da aeronave do estado pelo Governador Wilson Witzel (PSC) parece se alastrar por sua cúpula. O atual secretário de governo e ex-coordenador da campanha Garotinho, Cleiton Rodrigues, utilizou o helicóptero para se deslocar do heliponto da Lagoa até o aeroporto Santos Dumont, em outubro de 2019. Ao todo, o trajeto tem 12,6 quilômetros. 
 Alguns dos trajetos chegam a ter, segundo dados do próprio governo, 5 minutos de duração. Em sua maioria o próprio governador é um dos ocupantes do percurso, entretanto, a primeira dama Helena Witzel, o vice-governador Cláudio Castro (PSC), e o secretário de governo Cleiton Rodrigues também constam no relatório com várias utilizações da aeronave. 
 Não é a primeira vez que Witzel chama a atenção com o uso do helicóptero do estado. Anteriormente, já foram noticiadas pela imprensa um volume de voos por parte do governador maior do que Pezão, seu antecessor, e um voo para o aeroporto Galeão, onde partiu para a final de Libertadores de 2019. Este último, teve um deslocamento de apenas 19 quilômetros. 
Compartilhe
Gastança vem de berço II: Wladimir Garotinho utilizou R$ 70 mil em aluguéis de carro
12/03/2020 | 22h08
Reprodução
Reprodução
A gastança da verba pública continua a todo vapor no gabinete do deputado Wladimir Garotinho (PSD). Após o gasto de R$ 200 mil em voos - divulgado aqui -, o filho de Garotinho também utilizou R$ 70 mil para aluguéis de carros.
 Com alguns quilômetros rodados na política, participando assiduamente do governo Rosinha (2009-2016), Wladimir acompanhou atentamente o período bilionário da cidade. Assim como, os altos investimentos no Cepop, arcos da beira valão, cidade da criança, entre outros. Ao que parece, o deputado levou o hábito da gastança para a capital.
 O valor gasto pelo deputado, que faz parte da cota parlamentar, corresponde ao período entre fevereiro de 2019 e fevereiro de 2020. Entretanto, o uso em sua totalidade não é obrigatório. 
Compartilhe
Rio: líder nas pesquisas, Paes lança pré-candidatura
10/03/2020 | 22h19
Reprodução
Reprodução
 O cenário eleitoral na disputa pela prefeitura do Rio de Janeiro vai ganhando contornos. Neste mês, o ex-prefeito Eduardo Paes (DEM), que governou a cidade de 2009 a 2016, irá lançar sua pré-candidatura. Com mudanças em sua estratégia, o ex-prefeito decidiu adiantar o lançamento. 
 Paes lidera, segundo as pesquisas, a corrida eleitoral pela prefeitura. Logo atrás estão Marcelo Freixo (PSOL), Marcelo Crivella (PRB), Marta Rocha (PDT), entre outros. 
 Em 2018, na disputa pelo governo do estado, Paes teve uma votação superior ao atual governador Wilson Witzel (PSC), na capital. Tais números evidenciaram a força do ex-prefeito por onde governou 8 anos. 
Compartilhe
Caio homenageia mulheres e 'esquece' de Ilsan Vianna
09/03/2020 | 22h20
A vida de Caio Vianna (PDT) anda bastante agitada. Com a agenda cheia e várias horas de sono, o pré-candidato fez uma reunião ontem (08) para homenagear as mulheres, porém acabou se "esquecendo" da principal: a sua mãe Ilsan Vianna.
 Ilsan, ex-primeira dama e ex-vereadora, carrega praticamente toda rejeição política do ex-prefeito Arnaldo Vianna. Hoje, apesar de articular toda a campanha de seu filho, a moça não aparece publicamente, deixando essa função a Arnaldo.
 Mesmo assim, não há dúvida. Caso Caio Vianna tenha êxito na disputa eleitoral pela prefeitura de Campos, Ilsan Vianna voltará a dar as cartas na planície.
Compartilhe
Aerowitzel: Para ir à Libertadores, Witzel utilizou helicóptero do Estado até o aeroporto Galeão
06/03/2020 | 13h31
Reprodução
Reprodução
A grande utilização da aeronave do Estado por Witzel (PSC) não é novidade para ninguém. O alcaide já ultrapassou, em seu primeiro ano, o ex-governador Pezão em número de voos (2015) em 49%.
 Dessa vez, a novidade foi o uso do helicóptero do Palácio Guanabara até o aeroporto Galeão, um dia antes da final da Libertadores da América. Do Galeão, o governador pegou um voo fretado da CBF até Lima, no Peru.  
 Em outubro de 2019, o helicóptero do governo fez 28 voos. Uma média de quase um voo por dia. 
Fonte: Coluna Ancelmo Gois, Jornal O Globo.
Compartilhe
Espalha bolinho: com fama de escorpião, Igor chega ao PDT e desagrada pré-candidatos
04/03/2020 | 21h13
Reprodução
Reprodução
Na fábula do escorpião e o jacaré, o réptil decidiu atravessar o aracnídeo pelo rio, mas acabou se arrependendo. No meio da travessia, o instinto falou mais alto, e o escorpião envenenou o jacaré.
 Carregando esse instinto por onde passa, o vereador Igor Pereira (PSB) está de malas prontas para o PDT, partido do pré-candidato a prefeito Caio Vianna. Entretanto, sua chegada não está sendo vista com bons olhos pelos correligionários da legenda. Muitos deles acusam o filho de Ilsan Vianna de descumprir o acordo inicial.
 Antes de querer reinar no PDT, Igor sondou o SD com Rodrigo Bacellar, deputado estadual pelo partido. Todavia, temendo não ter tanto espaço com Rodrigo, o vereador se viu obrigado a optar por uma legenda que teria mais espaço. Logo, a bola da vez foi o PDT.
Com todo esse enredo, integrantes do PDT começam uma corrida contra o tempo e procuram se abrigar em outros partidos, nos quais não corram riscos de afundar no rio como o jacaré. 
Compartilhe
Paulo Arantes: sem voto e sem vergonha
03/03/2020 | 18h50
Reprodução
Reprodução
O vereador suplente Paulo Arantes (PSDB), que recebeu apenas 548 votos em 2016, ocupa uma cadeira na Câmara graças aos muitos barrados da Chequinho. Inicialmente governista, Arantes agora ataca o governo e os vereadores da base.
 A mudança da postura se deu após aproximação com o G8, tentativa de chantagear o governo e pressão de aliados, que gostam de estar diante os holofotes. 
 Hoje (03), na Câmara, Paulo Arantes tentou atacar vereadores e o governo. Foi repreendido por todos: oposição, situação e independentes.
 Passou vergonha e demonstrou que não tem o mínimo preparo para ocupar uma cadeira na Câmara.
Compartilhe
Sobre o autor

Frederico Monteiro

[email protected]