Rosinha tirou o dela da reta...
16/12/2016 | 04h28
Diante da revolta popular e temerosa das decisões judiciais, Rosinha manda seu preposto Edson Batista retirar da pauta a indecente proposta de venda de patrimônio público para tapar seu rombo no Previ Campos. Dr. Eron Simas, o juiz que estava sendo desrespeitado, é o mesmo que vai dar as sentenças do "Chequinho"... Como sempre digo: quem tem, tem medo... e, como diz Garotinho, tirou o seu da reta... 603-rosinha-tira
Comentar
Compartilhe
Repercussão negativa faz Garotinho recuar no fechamento da UHP da Saldanha Marinho
05/08/2016 | 07h48
UBS-3-fachada Recuo estratégico Diante da forte repercussão negativa, estrategicamente e novamente, o marido da prefeita desdisse o que havia dito, e ontem afirmou, em um programa de televisão (AQUI), que não vai fechar a UHP da Saldanha Marinho, e que o prédio será reformado por partes, em funcionamento. Antes assim. Bem, pelo menos até ele mudar de ideia, de novo... Visita A polêmica intenção do Governo Municipal de fechar a UHP da Saldanha Marinho e transferir seu corpo de médicos e funcionários para ativar a nova UBS da Penha que, apesar de contar com espaço físico para Emergência 24h, atualmente funciona apenas com atendimento ambulatorial, desmentida, confirmada e, novamente, desmentida pelo marido da prefeita, levou o blog visitou a UBS da Penha. Estrutura física elogiável UBS-nelma A primeira impressão foi ótima. Encontramos um belo e moderno prédio, com amplas instalações, apesar de sub-utilizadas. Fomos atendidos por um solícito recepcionista que nos encaminhou para a encarregada da unidade Sra. Nelma Guimarães, bastante cortês e profissional, que explicou o funcionamento da unidade, que conta hoje com 2 pediatras, 2 ginecologistas, 1 clínico geral, 2 fisioterapeutas, 2 odontólogos, um corpo clínico suficiente para o atendimento ambulatorial da área que abrange, além de ambulância, e salas de curativos, uma pequena farmácia, aferição de pressão e glicemia. UBS-2 Cobrindo um santo, descobrindo o outro A maior deficiência da nova UBS está em um ponto bastante nevrálgico da Saúde Pública em Campos, a Emergência 24hs. As instalações existem, mas carecem totalmente de equipamentos e corpo de funcionários e médicos para que funcionem, conforme a promessa da prefeita Rosinha no dia da sua inauguração. Para mantê-la, na impossibilidade de contratações em período pré-eleitoral, surgiu a idéia, agora abortada, de fazer o remanejamento dos funcionários da UHP da Saldanha Marinho, com o fechamento daquela unidade para uma “reforma”, o que gerou uma forte comoção na população dos bairros atendidos por ela, e a divulgação de uma “Moção de Repúdio” e a criação de um Abaixo Assinado dirigido ao Ministério Público Estadual, que obrigou o Secretário de Governo e marido da prefeita Sr. Anthony Garotinho a recuar naquela decisão, vista pela população e funcionários como notadamente eleitoreira. Dessa vez não deu para cobrir um santo descobrindo o outro.
Comentar
Compartilhe
Repúdio e Abaixo Assinado contra fechamento do UPH da Saldanha Marinho
04/08/2016 | 10h46
PU-Saldanha Após o Governo Municipal de Campos anunciar um “fechamento para reforma”, denunciado por esse blog (AQUI), e retroceder, o novo anúncio do fechamento da Unidade Pré - Hospitalar da Saldanha Marinho (Antigo Sandu), para colocar em funcionamento com os seus funcionários a UBS Penha, desta vez feita de Secretario de Governo e marido da prefeita em seu programa de rádio, deixou revoltados os médicos, funcionários, e milhares de moradores de dezenas de bairros e comunidades atendidas pelo UPH. Os médicos e funcionários divulgaram uma “Moção de Repúdio à pretensão do Governo Municipal de Campos dos Goytacazes de encerramento das atividades da UPHSM e transferência dos funcionários”, e um abaixo assinado está disponível naquela unidade e também percorrendo as comunidades e bairros atingidos. PU-abaixo-assinado Nas redes sociais viraliza a revolta contra a decisão, vista apenas como oportunista e eleitoreira. Algumas postagens citam a LEI 7.783: “São necessidades inadiáveis, da comunidade aquelas que, não atendidas, coloquem em perigo iminente a sobrevivência, a saúde ou a segurança da população.". (AQUI) PU-Lei-Alexis O movimento cresce e deve gerar fortes protestos naquela unidade e na porta da Prefeitura de Campos. Leia abaixo a Moção de Repúdio na íntegra: Moção de Repúdio à pretensão do Governo Municipal de Campos dos Goytacazes de encerramento das atividades da UPHSM e transferência dos funcionários Campos 03 de Agosto de 2016 Surpreendidos com a declaração do Secretário Municipal de Governo de Campos dos Goytacazes Sr. Anthony Garotinho, em seu programa de rádio, de que a UNIDADE PRÉ-HOSPITALAR DA SALDANHA MARINHO será fechada, os funcionários da UPHSM, pertencente à FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE SAÚDE DE CAMPOS, vem a público explicitar o seu posicionamento e manifestar o seu repúdio quanto ao encerramento do atendimento de urgência aos munícipes da área central e outros bairros: Tira Gosto, Matadouro, Portelinha, IPS, Parque Aurora, Parque São Benedito, Jóquei Clube, Novo Jóquei, Turfe Clube, Carvão, Ponta da Lama, Parque Santo Amaro, Parque São Caetano, Pecuária, Nova Brasília, Julião Nogueira, Guarus, Baixada Campista, entre outros, e em defesa da permanência do funcionamento da UNIDADE PRÉ-HOSPITALAR, com histórico de serviços prestados à comunidade desde 1966; tornando  notório, ainda, o nosso repúdio pela transferência dos  funcionários concursados  da UPH Saldanha Marinho para a UBS da Penha,  sem estudo prévio ou qualquer consulta à comunidade e/ou justificativa, agindo de forma  desrespeitosa  com os segmentos profissionais e com a população. Repudiamos a ação de desmonte da SAÚDE PÚBLICA no MUNICÍPIO DE CAMPOS, que desconsidera essa UNIDADE DE SAÚDE e a sua importância no contexto populacional, REDUZINDO ESSA VALIOSA E HISTÓRICA INSTITUIÇÃO A AÇÕES POLÍTICAS e minimizando a sua importância na vida da população que necessita desse atendimento. Repudiamos, ainda, o desaparelhamento a que esta unidade de saúde vem sendo submetida ao longo dos últimos anos, causando um impacto considerável na qualidade do atendimento prestado a esses usuários de direito. Hoje, a referida unidade pertence a FUNDAÇÃO MUNICIPAL DE SAÚDE, constituindo a REDE DE URGÊNCIA DO MUNICÍPIO. Contamos com equipe multidisciplinar composta de: médicos; enfermeiros; técnicos de enfermagem; assistente social; farmacêutico, odontólogos, além da equipe técnico administrativa. POSSUÍMOS SALA DE MAL SÚBITO; TRÊS ENFERMARIAS, SALA DE HIPODERMIA, POSTO DE ENFERMAGEM; SALA DE SUTURA; SALA DE SERVIÇO SOCIAL; FARMÁCIA; SALA DE CURATIVOS E DOIS CONSULTÓRIOS MÉDICOS. SOMOS A ÚNICA UNIDADE PRÉ-HOSPITALAR DA MARGEM DIREITA DO RIO PARAÍBA E ABSORVEMOS OS ENCAMINHAMENTOS REALIZADOS PELO CORPO DE BOMBEIROS MILITAR E EMERGÊNCIA EM CASA, ASSIM COMO ATESTAMOS ÓBITOS EM DOMICÍLIO. Por isso, nós funcionários da Unidade de Atendimento Pré-Hospitalar Saldanha Marinho (UPHSM) apresentamos a seguinte moção.
Comentar
Compartilhe
Ideia de fechamento do PU da Saldanha Marinho morre no berço vítima de apoplexia rosácea
28/07/2016 | 08h24

caixaõzinho-X-1

As últimas notícias dão conta que a reunião, adiada de ontem para hoje, para decidir o destino do PU da Saldanha Marinho, acabou sendo apenas para comunicar que morreu no berço vítima de apoplexia rosácea a decisão de fechar aquele PU para ativar com o seu corpo de funcionários o da Penha, sem funcionários por impedimento legal de novas contratações em véspera de eleições.

Pesou forte na decisão a péssima repercussão da medida, inclusive, segundo fontes seguras, a forte reação negativa nas comunidades circunvizinhas foi um sinal de alerta avalizado por mais de quatro mil votos em cada uma delas.

A saída para os idealizadores da tão cruel quanto ingênua, e agora natimorta, estratégia eleitoral foi abortá-la antes que ela fizesse nas fraldas, e principalmente nas urnas, o que alguns políticos vêm costumeiramente fazendo na vida pública...

Comentar
Compartilhe
Aniversário de SJB com Manifestação Geral em clima de funeral
17/06/2016 | 01h00
526-sjb-manifesta-1-x Hoje, São João da Barra completa 166 anos, mas a “comemoração” foi às avessas, com uma enorme Manifestação Geral, em clima de funeral pelas ruas da cidade, reunindo estudantes protestando contra o corte de passes e bolsas, artistas e músicos protestando por falta de pagamento, funcionários das terceirizadas protestando contra o desemprego, e donas de casa protestando contra a vexatória situação de penúria da cidade. 526-sjb-manifesta-6-x 526-sjb-manifesta-7-X Sexta-feira negra para o prefeito Neco, que, apesar de contar com uma receita de cerca de 350 milhões por ano. Mais ou menos de 26 a 29 milhões mês, perto de 1 milhão por dia, decretou emergência econômico financeira no município, quase uma falência. As celebrações pelo dia da Cidade, e até a entrega da medalha Barão de São João da Barra, a maior honraria do município, foram suspensas. [caption id="attachment_6034" align="aligncenter" width="630"]Fotos Portal OZK Fotos Portal OZK[/caption] 526-sjb-manifesta-4-x
Comentar
Compartilhe
Sugando a Arte
17/05/2016 | 02h32
513-dracula-X   O Teatro de Bolso está servindo de palco para mais uma encenação de Garotinho. Os artistas, que heroicamente mantêm a ocupação, já estão com a pauta solicitada pronta para entregar hoje, mas não sabem a hora que ele chega, já que só aparece tarde da noite, como aquele famoso e sombrio personagem de Bram Stoker. Pelo sim, pelo não, é melhor a turma usar uns colares de alho...
Comentar
Compartilhe
Jogando sujo
05/03/2016 | 04h21
482-Face-falso Tem situação se aproveitando da situação para jogar sujo no Facebook, divulgando postagens falsas de um ficitício apoio dos vereadores Rafael Diniz, Marcão, José Carlos e do ex-prefeito Arnaldo Viana a Lula. É fácil deduzir de onde vem o embuste. Casas caindo Se a casa de Lula caiu por conta de um sítio em Atibaia, aqui, uma das maiores fazendas da região e uma enorme área de terra perto de Donana, entre muitas outras coisas, têm potencial para fazer desabar uma famosa casinha... Verdade Lá, como cá, a redenção da economia depende da derrocada de um pernicioso grupo político. O Brasil já está acordando, e o campista precisa seguir o exemplo... Odor Tem muita gente sentindo cheiro de eleições presidenciais junto com as municipais... Verdade Se a coisa já está cheirando mal, quando abrirem os tais containeres no sítio, pode feder... Há quem diga que a catinga pode ser mais forte do que a de álcool...
Comentar
Compartilhe
Foice nos funcionários, fim de festa dos camelôs, e culpa...
01/02/2016 | 12h08
ovos Foice Os funcionários da Prefeitura de Campos estão pisando em ovos. O medo da demissão já tomou conta de todas as secretarias. Quem não é da panelinha ou concursado está com o ..., usando de eufemismo, pires rosa na mão... Fim de festa Os camelôs podem tirar seus cavalinhos da chuva que desse mato da prefeitura não sai mais cachorro, muito menos novo camelódromo... Acabou o milho, acabou a pipoca... De quem é a culpa? Com a prefeitura de Campos no fundo do poço fazendo desmoronar o castelo de cartas rosa, deve estar voando prato na Lapa...
Comentar
Compartilhe
O berro do Mercado
31/12/2015 | 12h03
mercado municipal-2-x O Novo Código Tributário Municipal acabou com o longo namoro entre a turma da Lapa e os permissionários do Mercado Municipal de Campos. O berro nas redes sociais é enorme, e muito justo. Veja abaixo: “Pacote da desgraça III O que o governo municipal de Campos preparou para nós: Permissionários do Mercado Municipal, terão que pagar a Codemca: Os feirantes pagarão por banca, 0.5 Ufica por metro quadrado, ou seja, R$ 53,00 por m2 ao mês. Os permissionários das lojas pagarão em cada metro quadrado, 0.80 Ufica, ou seja, R$ 84,80 por metro quadrado. Para uma loja com 25 m2, o permissionário pagará R$ 2.120,00 por mês em um período de crise e com movimento fraquíssimo. Fizeram a festa com o dinheiro do povo e quem paga somos nós.”
Comentar
Compartilhe
Blog alerta e comerciantes reagem no Mercado
19/11/2015 | 02h01
[caption id="attachment_5795" align="aligncenter" width="960"]Levados ao desespero pelo descaso oficial, comerciantes reagem e derrubam tapumes deixando a vista mais problemas (Foto do Face de Ralph Braz) Levados ao desespero pelo descaso oficial, comerciantes reagem e derrubam tapumes deixando a vista mais problemas (Foto do Face de Ralph Braz)[/caption] [caption id="attachment_5784" align="aligncenter" width="960"]A deddrubada dos tapumes revelou mais problemas (Foto do Face de Ralph Braz) A derrubada dos tapumes revelou mais problemas (Foto do Face de Ralph Braz)[/caption] O alerta desse blog sobre os grandes prejuízos e o alto risco causado pela paralisação das obras da absurda tentativa de empachamento o Mercado Municipal de Campos com um paquidérmico Camelódromo de dois andares, sem que a prefeitura tomasse as providências adequadas para evitar os prejuízos dos comerciantes e o forte risco de incêndio no lixão em que o canteiro de obras havia se transformado, fez com que os comerciantes reagissem e tombassem os tapumes (AQUI), revelando que, além dos riscos já citados e do prejuízo para o patrimônio histórico e arquitetônico de todos os campistas, existe um grave risco de saúde para a população, com os grandes buracos cheios de água parada, criadouros férteis para as lavras do Aedes Aegypti, transmissor da Dengue e da Zica, que levando o país a um epidemia de microcefalia. [caption id="attachment_5790" align="aligncenter" width="960"]Criadouro Municipal de Aedes (Foto do Face de Ralph Braz) Criadouro Municipal de Aedes (Foto do Face de Ralph Braz)[/caption] [caption id="attachment_5792" align="aligncenter" width="960"]O espaço público livre poderia ser aproveitado para uma praça que serviria a toda a população ((Foto do Face de Ralph Braz) O espaço público livre poderia ser aproveitado para uma praça que serviria a toda a população ((Foto do Face de Ralph Braz)[/caption] Que sirva de exemplo para todos os campistas que, de uma forma ou outra, são prejudicados por decisões oficiais equivocadas. A passividade é cúmplice dos desmandos.
Comentar
Compartilhe
Próximo >