Ministério da Pesca do Brasil alertou contra o Panga por bactérias e parasitas
18/02/2013 | 01h46
Carne infectada por bactérias e parasitas [caption id="attachment_4149" align="aligncenter" width="756" caption="Ministério da Pesca do Brasil aponta bactérias e parasitas no Panga"][/caption]   Desde 2011 o Ministério da Pesca e Aquicultura Brasileiro vem alertando contra a importação de Panga do Vietnã (veja acima) por contaminação por bactérias e parasitas, apesar disso muitas pessoas, como se pode ver nos comentários do post de alerta desse blog (AQUI) tentam defender a importação desse bagre criado com crescimento estimulado por hormônios no rio Mekong, no Vietnã, um dos mais poluídos do planeta. Além de esgoto in natura, indústrias de produtos químicos ao longo do rio despejam seus resíduos industriais diretamente nele. [caption id="attachment_2699" align="aligncenter" width="756" caption="Receita de Panga: Água poluída e muito hormônio"][/caption] Esse pescado, de péssima qualidade gastronômica, está sendo comercializado por grandes redes de supermercados atrás do lucro fácil, inclusive por redes internacionais que atuam no Brasil. Em países de primeiro mundo, como a França, estabelecimentos comerciais afixam cartazes de alerta em suas portas mostrando o risco do consumo (AQUI) (AQUI) desse peixe, ao contrário do que apregoam seus defensores, certamente a soldo da indústria de exportações desse pescado. Quem ainda duvidava do risco oferecido por esse peixe, deveria olhar com atenção o alerta das autoridades brasileiras, antes de resolver correr o risco de ingeri-lo ou defendê-lo.
Comentar
Compartilhe