2017 melhor - STF decide por nova fórmula de cálculo dos royalties
15/12/2016 | 06h12

petroleo-cifrao

 Rafael Diniz tem estrela. Além da neutralização do golpe dos Gafanhotos Rosas, uma decisão do STF para o Estado, abre um precedente que pode ajudar Campos a sair desse sufoco.

O Ministro Luiz Fux, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou que Agência Nacional do Petróleo (ANP) utilize uma nova fórmula para o cálculo do preço mínimo do petróleo, o que cria um novo cálculo para os royalties, podendo render mais R$ 1 bilhão ao Estado do Rio. A ANP tem até o dia 1º de março de 2017 atuar com a nova fórmula.

Comentar
Compartilhe
Os Órfãos de Rosinha
28/06/2016 | 12h12
a--relento-3

a--relento-2

A beleza de cartão postal da madrugada refletindo as luzes no frio do granito da Praça São Salvador não é suficiente para esconder a face mais cruel do abandono pelo poder público.

Nas calçadas laterais, tentando fugir da luz dos postes e do inverno implacável, pessoas dormem no chão, ao relento, tiritando de frio. Separando a pele humana das ásperas e geladas pedras portuguesas, apenas finas folhas de papelão recolhidas do lixo do comércio e alguns velhos e minguados cobertores.

Só quando, completamente vencidos pelo cansaço, se abrigam em suas minúsculas tendas nômades dos sonhos, o mais íntimo dos territórios, conseguem uma fugaz trégua do desamparo e do trauma da sua condição social, um pequeno repouso para o corpo e o espírito.

São os órfãos de Rosinha, para quem não importam shows caros ou retumbantes trios elétricos. Para eles, apenas um teto noturno, quatro paredes, e a dignidade de um banheiro e um prato de sopa fariam toda a diferença...

Comentar
Compartilhe
Aniversário de SJB com Manifestação Geral em clima de funeral
17/06/2016 | 01h00
526-sjb-manifesta-1-x Hoje, São João da Barra completa 166 anos, mas a “comemoração” foi às avessas, com uma enorme Manifestação Geral, em clima de funeral pelas ruas da cidade, reunindo estudantes protestando contra o corte de passes e bolsas, artistas e músicos protestando por falta de pagamento, funcionários das terceirizadas protestando contra o desemprego, e donas de casa protestando contra a vexatória situação de penúria da cidade. 526-sjb-manifesta-6-x 526-sjb-manifesta-7-X Sexta-feira negra para o prefeito Neco, que, apesar de contar com uma receita de cerca de 350 milhões por ano. Mais ou menos de 26 a 29 milhões mês, perto de 1 milhão por dia, decretou emergência econômico financeira no município, quase uma falência. As celebrações pelo dia da Cidade, e até a entrega da medalha Barão de São João da Barra, a maior honraria do município, foram suspensas. [caption id="attachment_6034" align="aligncenter" width="630"]Fotos Portal OZK Fotos Portal OZK[/caption] 526-sjb-manifesta-4-x
Comentar
Compartilhe
De olho no Açu
09/04/2016 | 11h57
porto_acu A chegada da Petrobras ao Porto do Açu está funcionando como um papel pega-moscas para empresas. Até os capixabas, que têm seu próprio porto, estão de olho no empreendimento. Esta semana, 12 empresários do Programa de Desenvolvimento de Fornecedores do Espírito Santo (PDF/ES) estiveram no Porto do Açu com o foco voltado às demandas de fornecedores para o Complexo Industrial.
Comentar
Compartilhe
Amarga surpresa
14/03/2016 | 11h50
Construção-de-Veneza   Uma amarga surpresa nas obras de um grande empreendimento no final da Pelinca. Devido a uma imprevisão na composição do terreno, as estacas projetadas não foram suficientes para suportar o peso da obra. O projeto terá que ser todo refeito, gerando prejuízos e mais atraso. Mas, se serve de consolo, é melhor descobrir agora do que depois...
Comentar
Compartilhe
Livro do JB com histórias de jornalistas campistas
22/02/2016 | 12h48
livro-1 A jornalista Belisa Ribeiro recebe o carinho dos filhos Gabriel Pensador e Tiago Mocotó no lançamento do seu livro "Jornal do Brasil - História e Memória", onde narra as grandes reportagens do jornal, entre elas duas do saudoso jornalista Aluysio Barbosa e desse blogueiro. Segundo ela: “Tudo valeu! Porque era feito com garra, mas também com amor. Meu livro é sobre imprensa. Sobre criatividade, ousadia e coragem. Ouvindo meus filhos cantarem para mim, no lançamento, descobri que também é sobre isso. Sobre o amor incondicional que nós, jornalistas do Jornal do Brasil, tínhamos e temos por nossa profissão”.belisa-filhos-2-X livro-2livro-3 livro-4
Comentar
Compartilhe
Disney ralo
04/02/2016 | 03h58
As prioridades desse governo Rosinha são totalmente equivocadas. Em tempo de zica, chikungunya, dengue e prefeitura quebrada, hoje tem matinê de carnaval na prosaica “Cidade das Crianças”, um dos ralos por onde escoou, e escoa, nosso rico dinheirinho. Ou é microcefalia, ou macroeleitoralia...
Comentar
Compartilhe
Foice nos funcionários, fim de festa dos camelôs, e culpa...
01/02/2016 | 12h08
ovos Foice Os funcionários da Prefeitura de Campos estão pisando em ovos. O medo da demissão já tomou conta de todas as secretarias. Quem não é da panelinha ou concursado está com o ..., usando de eufemismo, pires rosa na mão... Fim de festa Os camelôs podem tirar seus cavalinhos da chuva que desse mato da prefeitura não sai mais cachorro, muito menos novo camelódromo... Acabou o milho, acabou a pipoca... De quem é a culpa? Com a prefeitura de Campos no fundo do poço fazendo desmoronar o castelo de cartas rosa, deve estar voando prato na Lapa...
Comentar
Compartilhe
Nós Campistas, vaquinhas de presépio?
05/01/2016 | 01h40
manifesto-impostos E nós aqui, campistas, quietinhos e balançando a cabeça como vaquinhas de presépio? Vamos reagir gente!
Comentar
Compartilhe
O berro do Mercado
31/12/2015 | 12h03
mercado municipal-2-x O Novo Código Tributário Municipal acabou com o longo namoro entre a turma da Lapa e os permissionários do Mercado Municipal de Campos. O berro nas redes sociais é enorme, e muito justo. Veja abaixo: “Pacote da desgraça III O que o governo municipal de Campos preparou para nós: Permissionários do Mercado Municipal, terão que pagar a Codemca: Os feirantes pagarão por banca, 0.5 Ufica por metro quadrado, ou seja, R$ 53,00 por m2 ao mês. Os permissionários das lojas pagarão em cada metro quadrado, 0.80 Ufica, ou seja, R$ 84,80 por metro quadrado. Para uma loja com 25 m2, o permissionário pagará R$ 2.120,00 por mês em um período de crise e com movimento fraquíssimo. Fizeram a festa com o dinheiro do povo e quem paga somos nós.”
Comentar
Compartilhe
Próximo >