Mentira: uma verdade
26/03/2015 | 00h26
<div><tinymce class="clickTinyMCE" title="{'nm_midia_inter_thumb1':'http://www.folha1.com.br/_midias/jpg/2017/12/20/170x96/1_img_2357_300x297-930755.jpg', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5a3ad1b124ea4', 'cd_midia':930755, 'ds_midia_link': 'http://www.folha1.com.br/_midias/jpg/2017/12/20/img_2357_300x297-930755.jpg', 'ds_midia': '', 'ds_midia_credi': '', 'ds_midia_titlo': '', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '300', 'cd_midia_h': '297', 'align': 'Left'}"><figure class="Left" style="width:300px;height:297px;"> <img src="http://www.folha1.com.br/_midias/jpg/2017/12/20/img_2357_300x297-930755.jpg" alt="" width="300" height="297"> <figcaption> </figcaption> </figure></tinymce>Um juiz dirige um Porshe Cayenne e ostenta em casa um piano de calda. Ilus&atilde;o: os bens n&atilde;o s&atilde;o dele.</div> <div>Um rapaz exibe &oacute;culos e roupas de grife compradas na m&atilde;o da vizinha muambeira que ganha a vida vendendo grandes logomarcas estampadas em bolsas e camisetas.: Eleg&acirc;ncia.</div> <div>Uma senhora paulistana organiza protestos pelo Facebook contra a constru&ccedil;&atilde;o de uma esta&ccedil;&atilde;o de metr&ocirc; em Higien&oacute;polis. Surpresa: Em Paris, usa o transporte p&uacute;blico para circular pela cidade. E acha incr&iacute;vel se perder no <em>m&eacute;tro</em>.</div> <div>Uma cabeleireira, dona de sal&atilde;o de luxo da cidade, reclama da corrup&ccedil;&atilde;o do governo, do absurdo do petrol&atilde;o, do mensal&atilde;o e das supostas fazendas do Lula. Indigna&ccedil;&atilde;o: Ao clamar pela honestidade dos pol&iacute;ticos, desabafa com uma cliente que depois da cria&ccedil;&atilde;o da nota fiscal eletr&ocirc;nica n&atilde;o se consegue mais sonegar nada.</div> <div>Em sua p&aacute;gina no Facebook, uma mo&ccedil;a curte livros que nunca leu, m&uacute;sicos que nem sequer escutou. P&aacute;ginas de artistas pl&aacute;sticos que ela desconhece. Sedu&ccedil;&atilde;o: Tudo isso para impressionar o colega de turma.</div> <div>Uma senhora chora na TV ao ver a entrevista de uma mo&ccedil;a loira e bonita que se livrou do craque gra&ccedil;as a caridade de um apresentador de televis&atilde;o. Solidariedade: Esta mesma senhora admira o jovem carioca de boa fam&iacute;lia que fez justi&ccedil;a com as pr&oacute;prias m&atilde;os acorrentando um homem negro, pelo pesco&ccedil;o, num poste da cidade.</div> <div>Outra&nbsp;senhora, muito religiosa, se diz contra o aborto, bate palma para Eduardo Cunha e sonha no dia em que a prefeitura do Rio eliminar&aacute; todas as crian&ccedil;as de rua molambentas e esmoleiras que tanto enfeiam a cidade maravilhosa: Senso cr&iacute;tico.</div> <div>Toler&acirc;ncia: Condena o beijo gay de duas senhoras na novela, mas tem sonhos er&oacute;ticos com travestis.</div> <div>Juiz afastado por suspeita de receber propina de traficante. Zelo: O pr&oacute;prio mandou prender o Planet Hemp por apologia a maconha anos atr&aacute;s.</div> <div>Como diria Jean-Paul Sartre: &ldquo;O inferno s&atilde;o os outros&rdquo;.</div>
Comentar
Compartilhe
Sobre o autor

Mariana Luiza

[email protected]