Qualidades de um líder
16/05/2016 | 11h10
Nos dias atuais, já é muito difícil ter estabilidade e manter-se no emprego, imagine então, ser promovido a um cargo de liderança. Mas caso venha a acontecer, por mérito e trabalho, estar preparado é fundamental, sendo que a liderança requer, a cima de tudo, muito mais trabalho e dedicação. Abaixo, listamos algumas valiosas dicas rápidas, porém, que devem ser entendidas e evoluídas, para uma realidade específica. 1 – Respire fundo: ou seja, não tome decisões de uma hora para outra, de cabeça quente, no calor do momento, ou para demonstrar sua posição, quem é que manda. 2 – Valorize seus funcionários: afinal, eles “fazem” a empresa. Para ser líder, necessariamente tem que haver “seguidores”. E estes, se não sentirem-se importantes, parte do projeto, e valorizados, não há motivos para te seguirem. Invista nas pessoas, tenha uma equipe afiada com o que propõe. 3 - Sintonia: raros conseguem ter uma equipe onde funcionários e diretoria trabalham na mesma batida. Entenda onde está o limite. Seus e dos funcionários. 4 – Prepare-se: estude, seja curioso. Conheça realmente onde atua, e saiba de tudo que o cerca. Não fique com dúvidas, ou demonstre incertezas, afinal, você esta lá para evitar isto. 5 – saiba ouvir e cobrar: sabendo ouvir, você saberá o que, e como cobrar. Ouvir talvez seja uma das mais importantes qualidades de um grande líder. A cobrança por sua vez, é papel do líder, mas saber como fazer é o que faz toda a diferença.
Comentar
Compartilhe
Antes de abrir um negócio próprio
04/05/2016 | 14h46

Em tempos de crise, há um aumento significativo na procura por franquias ou informações para abertura do tão sonhado negócio próprio.

Procuramos o local, escolhemos o nome, layout, avisamos os amigos, escolhemos os produtos e, tudo pronto. Mas muitos, ou melhor, a esmagadora maioria, não faz o básico, o principal, que pode ajudar a proteger seu investimento conquistado com trabalho árduo.

Estamos falando de uma ferramenta de marketing chamada pesquisa de mercado. Conhecida também como pesquisa de marketing, ela serve basicamente, para a orientação do rumo que tomará seu negócio, evitando assim, custos desnecessários ou na pior das hipóteses, a perda do capital investido.

Muitos não fazem nenhum tipo de pesquisa antes de abrir seu comercio, pois acham o investimento caro, preferindo tocar o barco assim mesmo. Alguns (raros) conseguem êxito, mas a grande maioria fecham as portas antes de completarem 5 anos, segundo dados do SEBRAE.

Com a pesquisa, pode-se tentar evitar este destino comum, sendo que ela é a ferramenta mais confiável para a obtenção de informações pertinentes e realmente importantes sobre o seu mercado de atuação.

Ele permite uma análise sobre seus possíveis consumidores, quais são e qual a estrutura das empresas concorrentes, enfim, trazem todas as informações necessárias para o planejamento, com calma, estando preparado para as dificuldades, que, com certeza, aparecerão.

Principalmente para quem não é do ramo, ou nunca trabalhou com os produtos que pretendem vender, como é o caso da maioria das pessoas que adquirem uma franquia, esta ferramenta de marketing ajudará a conhecer as vantagens e desvantagens do mercado, e o custo, no fim das contas, valerá a pena.

Comentar
Compartilhe