Sessão da Câmara Hoje Vai Ter Labaredas
30/05/2018 | 17h28
REPRODUZIDO DO BLOG DO ADILSON RIBEIRO
Um vereador revelou ao Blog do Adilson Ribeiro que a sessão de daqui a pouco, a partir das 18:30 na Câmara dos Vereadores poderá ficar tensa, ele foi informado de que a Casa poderá ser notificada durante a Sessão, de um Mandado de Segurança impetrado a pedido do Governo Marcus Vinicius pedindo a anulação da assinatura do vereador Cazalito Bandoli no pedido de CPI, o que impossibilitaria a tramitação do processo, impedindo assim que o prefeito possa ser investigado pelos vereadores. A alegação para obter tal mandado seria o fato de o vereador Cazalito, um dos 5 proponentes da CPI, ser irmão do vice prefeito Rogerinho Bandoli, que assumirá imediatamente o cargo de prefeito, caso o Marcus Vinícius venha a ser cassado no final das investigações

Da Redação do Blog do Adilson Ribeiro
Comentar
Compartilhe
Milagre Itaperunense: Planta no Asfalto
30/05/2018 | 17h19
EXCLUSIVA
Ela é popularmente chamada de Açucena, também conhecida como Amarilis-Silvestre, e cientificamente, Hippeastrum Reginae,  da família das Amaryllidaceae.
Pode florescer em qualquer época do ano, mas em geral na primavera. A planta deve ser mantida a uma temperatura de aproximadamente 13°C por seis a dez semanas, com pouca água.
 
São plantas perenes e podem florescer por muito anos quando bem cuidadas. Em vasos devem ser replantadas a cada dois ou três anos.
O solo ideal para o seu plantio bem drenado, fértil, rico em matéria orgânica, com pH entre 6 e 6,5.
MAS NÃO EM ITAPERUNA-RJ
Na terra da Pedra Preta, uma açucena foi plantada no asfalto. Esta na Rua Silva Jardim, no Bairro Boa Fortuna, em frente ao Lions Clube.
 Quem sabe ela não sobreviva e floresça na primavera de uma cidade mais amada onde não seja preciso usar de criatividade para sinalizar uma dos milhares de buracos nas vias públicas...?
Foto Naílton Tx
Foto Naílton Tx
 
 
Comentar
Compartilhe
PMs São Libertados
30/05/2018 | 13h37
EM 1ª MÃO
ITAPERUNA-RJ
Policiais  miltares presos recentemente pela Corregedoria da PM por estarem em local considerado inapropriado em horário de serviço, foram postos em liberdade hoje. A peça de defesa foi executada pelo advogado criminalista Reinaldo Afonso Azevedo
A juiza da Auditoria de Justiça Militar do Estado do Rio de Janeiro, Ana Paula Monte Figueiredo Pena Barros, lavrou agora a pouco a decisão.
Comentar
Compartilhe
Táxi Voltam ao Normal
30/05/2018 | 09h08
EM 1ª MÃO
NOTA OFICIAL
Itaperuna-RJ
Conforme o previsto, com a normalização gradativa do abastecimento de combustível em nossa cidade,o serviço de táxi encontra-se em pleno funcionamento, com 100% de sua frota pronta para atender a população itaperunense.
Desde já agradecemos a compreensão de nossos clientes que entenderam a seriedade da situação e aguardaram o transcurso destes dias críticos.
A todos o  nosso muito obrigado

 Isaac Monteiro

AMTITA - Associação dos Motoristasde Taxi de Itaperuna
Comentar
Compartilhe
Novo CEO no Porto do Açu
29/05/2018 | 19h50
Tadeu Fraga assume como CEO da Porto do Açu Operações
Executivo, que possui grande experiência no setor de óleo e gás, ocupa o cargo a partir de agosto


Rio de Janeiro, 29 de maio de 2018 – O engenheiro Carlos Tadeu Fraga assume, a partir de agosto, como CEO da Porto do Açu Operações. A empresa, que é subsidiária da Prumo Logística, opera e administra o Complexo Portuário do Açu, em São João da Barra (RJ).

Com vasta experiência no setor de óleo e gás, nos últimos anos o executivo esteve na liderança executiva da DOME (joint venture da Prumo e da GranIHC), que oferece soluções integradas de serviços para a indústria de óleo e gás por meio de uma unidade instalada no Porto do Açu. Na DOME, Tadeu Fraga participou da criação da companhia em 2016, do desenvolvimento do seu plano de negócios e liderou o início da operação da empresa desde meados de 2017. A partir de junho, ele deixa a liderança executiva, mas permanece no Conselho de Administração da companhia.

Tadeu Fraga contribuirá para o desenvolvimento do Complexo Portuário do Açu e para a sua consolidação como Hub de O&G. “Estou muito motivado com este novo desafio, de explorar ainda com maior abrangência as diversas possibilidades de negócios que o complexo do Açu oferece à indústria de óleo e gás, e aos demais setores a quem já servimos”, afirmou.

Para José Magela, presidente da Prumo Logística, a entrada de Tadeu no comando da equipe da Porto do Açu é uma etapa importante no processo de crescimento da empresa. “A definição de um CEO para a Porto do Açu Operações é mais um passo para a independência e fortalecimento das nossas subsidiárias. Tadeu é um profissional renomado, com ampla experiência em gestão e irá liderar os times da Porto do Açu com maestria. Estaremos sempre próximos, trabalhando em sinergia para o desenvolvimento do Complexo Portuário”, ressaltou.



Assessoria de Comunicação do Porto do Açu
Comentar
Compartilhe
Denúncia de Gasolina Adulterada
29/05/2018 | 17h14
EM 1ª MÃO
Video viralizou nas redes e assustou itaperunenses
Imagens de um consumidor retirando gasolina do tanque de uma moto, mostram um líquido de coloração estranha. No áudio, com a voz indignada, o rapaz fala de forma genérica sobre os postos da cidade. Não acusa formalmente nenhum estabelecimento, mas fica o alerta e a dúvida. 
Portanto, ao abastecer preste bem atenção, ponha em um recipiente de vidro limpo se for o caso ou olhe bem para o filtro da bomba, exposto sempre. Em caso de desconfiança do material coletado, peça a nota fiscal, leve o líquido para um químico que irá analisar e dizer o que é. Há muitos profissionais de Química em Itaperuna. O tempo de armazenamento da gasolina também pode alterar sua cor e densidade. Em caso de laudo concreto, denuncie às autoridades competentes. 
Lembrando que os postos de Itaperuna são todos donos de históricos confiáveis, dirigidos por profissionais corretos.
O REABASTECIMENTO DE HOJE
Contou com a presença da Policia Militar e monitoramento do Ministério Público Estadual.
O QUE DIZ O BLOG HIPER VAREJO  SOBRE COMBUSTÍVEL ADULTERADO
O que é a gasolina adulterada?
A gasolina adulterada – também chamada de “batizada” ou “falsa” -, é a gasolina que é misturada com outros produtos para “render mais” ao posto. A gasolina normal é misturada com água ou etanol e pode causar danos a diversas peças no veículo mesmo no primeiro uso. Perda de potência, aumento de consumo, maior desgaste das peças, excesso de corrosão e entupimento de bomba são apenas algumas dos estragos que a gasolina adulterada pode causar.
Como proceder caso eu abasteça com gasolina adulterada?
Adulterar gasolina é crime, e se o motorista se sentir lesado, pode (e deve) fazer a denúncia. É preciso guardar a nota fiscal do abastecimento e levar o carro até um mecânico de confiança, que fará o laudo dos danos causados pela gasolina. Então, a denúncia deve ser feita formalmente pela ANP e pelo Procon. O posto pode até mesmo ser obrigado a pagar pelos consertos do carro
ATUALIZADO ÀS7:51h
Comentar
Compartilhe
Prefeitura Corta Expediente e Despesas
29/05/2018 | 13h17
EM 1ª MÃO
Comentar
Compartilhe
Nota Oficial de Provedora de Internet itaperunense
29/05/2018 | 13h07
Comunicado Importante da RMS Connect


Considerando a falta de abastecimento dos postos de gasolina de nossa cidade, informamos que estamos atendendo somente casos emergenciais.
Informamos também estarmos preparados para contínuo atendimento de nossos clientes.
Assim, todos os funcionários estão trabalhando para que o provimento de internet não falhe.
Pedimos a compressão de todos.

Atenciosamente
Paulo Jr.
Diretor Presidente
Comentar
Compartilhe
Nota do MP sobre Reabastecimento em Itaperuna
29/05/2018 | 12h50
Prezados
O Ministério Público de Itaperuna vem comunicar à população do município que na data de hoje, reuniram-se pela manhã na sede do órgão com os donos de posto da cidade, representantes da Prefeitura e Comando do 29º. BPM.
Na reunião foi combinado escolta aos caminhões de combustível destinados aos postos de Itaperuna e já existe previsão de chegada de gasolina e álcool nos seguintes locais: Timbozão, Disco, Cidade Nova, Itaposto, Aeroporto e Nova Itaperuna.
Foi travado acordo com os proprietários para manutenção do preço praticado antes da crise de abastecimento, para limitar em 30 litros o abastecimento de veículos particulares e para dar prioridade aos veículos oficiais.
NOTA DO BLOG
O protagonismo do MPRJ na resolução do reabastecimento de combustíveis na cidade é digno de registro. Não se omitiu e convocou as entidades e pessoas certas para o caso, um trabalho mais uma vez bem executado pelos promotores Bruno Santarém e Raquel Rosmaninho.
Comentar
Compartilhe
Artigo Defende os Caminhoneiros
29/05/2018 | 09h18
Você realmente se preocupa com os caminhoneiros?
Texto de  Jorge Luiz Souto Maior
 
Perguntaram-me se a mobilização dos caminhoneiros seria greve ou locaute.
 
Do ponto de vista jurídico, não se trata de locaute, pois este, nos termos da lei, é “a paralisação das atividades, por iniciativa do empregador, com o objetivo de frustrar negociação ou dificultar o atendimento de reivindicações dos respectivos empregados”, sendo proibido (artigo 17 da Lei 7.783/89).
 
No caso concreto, ainda que se tenha elementos para afirmar que muitas empresas de transporte apoiaram e até impulsionaram a paralisação dos caminhoneiros, não se pode dizer que o fizeram para frustrar uma negociação com os respectivos empregados ou dificultar-lhes o atendimento de suas reivindicações. Muito pelo contrário, embora rara, haveria uma comunhão de interesses com relação ao objeto da paralisação, a redução dos custos de produção, razão pela qual, visto como ação de natureza política, parece-me legítimo o movimento, pois a política não está interditada para nenhum segmento social.
 
Seria, então, greve?
 
A resposta não é tão simples.
 
Nos termos do artigo 9º da CF, a greve é um direito dos trabalhadores aos quais compete “decidir sobre a oportunidade de exercê-lo e sobre os interesses que devam por meio dele defender”.
 
A Constituição Federal apenas remete à lei a possibilidade de definir “os serviços ou atividades essenciais”, cumprindo-lhe, também, dispor “sobre o atendimento das necessidades inadiáveis da comunidade”, de modo a, sem impedir o direito de greve, buscar os meios necessários para que a greve não implique danos irreparáveis (parágrafo único do artigo 9º).
 
Além disso, a Constituição prevê que “os abusos cometidos sujeitam os responsáveis às penas da lei”.
 
Então, ainda que se possa falar em uma coincidência de interesses com o das transportadoras, pelas normas constitucionais, a mobilização deflagrada pelos caminhoneiros, de conteúdo político, pode ser considerada uma greve.
 
Do ponto de vista jurídico formal, no entanto, a já citada Lei 7.783/89, votada logo depois da promulgação da Constituição, teve a nítida intenção de reduzir o alcance da norma constitucional.
 
Assim, segundo a lei, a greve só poderia ser deflagrada por entidade sindical, após deliberação em assembleia, atendendo, também, o requisito de uma comunicação prévia ao empregador, o que remete, ainda, à ideia de que só pode haver greve de reivindicação de direitos perante o empregador (artigo 1º a 4º).
 
Nos moldes da compreensão positivista, e atendendo-se à visualização quase sempre restritiva como as mobilizações de trabalhadores sempre foram juridicamente tratadas no Brasil, se levada a questão em juízo, o resultado seria a declaração da ilegalidade da greve dos caminhoneiros.
 
Ocorre que esses limitadores da Lei 7.783/89 são, nitidamente, inconstitucionais, pois o pacto firmado na Constituição de 1988 foi no inegável sentido de integrar os trabalhadores à vivência política do país, garantindo-lhes a greve como um direito fundamental, inclusive. Aliás, não se chegaria ao pacto constituinte sem a ocorrência das greves do ABC, que se alastraram Brasil afora, sinalizando a abertura de um processo de ascensão popular que congregou não só trabalhadoras e trabalhadores de outros setores profissionais, como o movimento antimanicomial e as lutas pela saúde pública, pelo direito das mulheres, das negras e dos negros, das populações indígenas, de LGBTs, e que por isso mesmo, da mesma forma como pode ocorrer com a greve dos caminhoneiros, teve uma enorme adesão popular.
 
A mobilização dos caminhoneiros, portanto, formalmente, tem tudo para ser considerada uma greve, e a adesão social que se tem dado ao movimento representa, no mínimo, a oportunidade para que se supere, de uma vez, a aversão generalizada que as greves de trabalhadores enfrentam no Brasil.
 
A greve, cumpre acrescentar, é um direito fundamental dos trabalhadores e para ser exercido não exige formalidade essencial, limitando-se, unicamente, pela inserção, no caso concreto, de outros direitos fundamentais, não bastando, pois, para o mero incômodo ou prejuízo econômico, pois a greve, na essência, causa transtornos, já que quebra a normalidade e pode levar a danos econômicos.
 
A greve, além disso, faz parte da essência da democracia em uma sociedade capitalista, pois, sem ela, os trabalhadores não teriam vez e voz.
 
É, também, uma oportunidade para o desenvolvimento de um processo de conhecimento, vez que a engrenagem da vida transforma as pessoas em máquinas. Nesse sentido, aliás, é bastante oportuno questionar se a “normalidade” que foi quebrada era, de fato, normal, ou seja, fruto de uma situação natural, inexorável, ou o resultado de uma construção histórica e que, por diversas determinantes, criou a aparência de “natural” para relações sociais carregadas de opressões históricas e extremamente assimétricas.
 
O dano econômico gerado pela greve seria, efetivamente, um prejuízo, ou a mera obstrução temporária da extração de mais-valor do trabalho exercido pelos trabalhadores?
 
Nesse aspecto, a greve permite perceber que é o trabalho que produz e faz circular a riqueza produzida.
 
Ocorre que, na concebida vida “normal”, as pessoas vivem em função das mercadorias que adquirem (produzidas para atenderem aos interesses do estômago ou do imaginário) e do trabalho que precisam realizar para ganhar o dinheiro que lhes permite ter acesso às mercadorias. Mas, no geral, no estágio da “normalidade” não paramos para pensar que, como já se disse, “as mercadorias não chegam sozinhas ao mercado”. Elas são produzidas por alguém em algum lugar e precisam ser transportadas até o local de consumo.
 
Assim, por trás de uma bela marca há trabalho, muito trabalho, prestado em condições bem distintas daquelas que foram fetichizadas nas vitrines iluminadas de shoppings perfumados.
 
Pensadas as relações sociais pela sua essência, o que se tem por normalidade é apenas um mascaramento da realidade. O real, então, é desvelado pela greve.
 
Vejamos o caso dos caminhoneiros.
 
Na dinâmica da vida “normal” não se consegue perceber que os caminhoneiros estão nas estradas dirigindo durante 14 horas ou mais, sendo que não é rara a situação de que fiquem dias seguidos à disposição do trabalho, longe de casa, dormindo na boleia do caminhão, entre um carregamento e outro, em pátios ao redor de grandes fábricas ou entrepostos. Pior, inclusive, é a vida dos denominados motoristas “autônomos”, ou “Transportador Autônomo de Cargas” (Lei 11.442/07), também identificados como “agregados”[1] ou “independentes”[2], vez que trabalham em condições típicas de empregados e lhe são negados os direitos trabalhistas, com agressão a diversos preceitos constitucionais. Esses “autônomos”, aos quais se transferem os custos da produção, recebendo por quilômetro rodado, muitas vezes acabam se vendo obrigados a consumir substâncias prejudiciais a própria saúde para trabalhar dias e noites quase sem parar.
 
Inúmeras são as situações em que os “agregados” são induzidos a adquirem os caminhões, com financiamento impulsionado pelas próprias empresas, e depois precisam trabalhar de forma incessante para, com o dinheiro do “frete”, conseguir pagar o financiamento, o combustível, a manutenção do veículo, os pedágios, os impostos, sobrando-lhes um “ganho” que é pouco superior a um baixo salário, isto quando não experimentam prejuízos, sobretudo quando, para o exercício da atividade, precisam contratar ajudantes, cuja condição de trabalho é ainda pior. Esses ajudantes, aos quais a Lei 11.442/07, de forma grotescamente inconstitucional, também nega a relação de emprego e, consequentemente, os direitos trabalhistas, aparecem como empregados dos motoristas “autônomos” e, assim, os “autônomos” muitas vezes ainda precisam assumir os custos de reclamações trabalhistas, na condição falseada de empregadores.
 
Aliás, a todos que se dizem comovidos com a situação dos caminhoneiros, cumpre informar que as diversas reclamações trabalhistas movidas por motoristas e ajudantes em todo o Brasil, pelas quais pleiteiam o reconhecimento da relação de emprego e a efetivação dos direitos trabalhistas, questionando os termos da Lei 11.442/07, estão com sua tramitação suspensa desde 28 de dezembro de 2017, por determinação do ministro Luís Roberto Barroso, em decisão proferida na Ação Direta de Constitucionalidade 48, movida pela Confederação Nacional do Transporte (CNT).
 
O fato é que, seja na condição formalizada de empregados, seja na situação juridicamente desvirtuada de “autônomos”, tem sido trágica a condição de trabalho e de vida dos caminhoneiros no Brasil e essa é uma questão central na produção e na distribuição da riqueza nacional, tanto que até mesmo a recente “reforma” trabalhista pode ser apontada, em parte, como uma reação do poder econômico, encabeçado pela CNT, à alteração, na última década, do posicionamento da Justiça do Trabalho frente às condições de trabalho dos motoristas, tanto no que tange à superação do disfarce da autonomia quanto no que diz respeito à limitação da jornada de trabalho.
 
Essa postura da Justiça do Trabalho, inclusive, refletiu-se na edição da Lei 12.619, de 30 de abril de 2012, que avançou na proteção jurídica desses trabalhadores, notadamente no aspecto da limitação da jornada de trabalho, por se tratar, inclusive, de uma questão de saúde pública, dado o enorme índice de acidentes nas estradas envolvendo motoristas de caminhão. No entanto, a reação do setor econômico logo veio e, em 2 de março de 2015, foi publicada a Lei 13.103, que revogou vários dispositivos da Lei 12.619/12, retomando a lógica de uma exploração quase sem limites do trabalho desses profissionais.
 
A quantidade de horas de trabalho, a baixa remuneração, a ausência de proteção social, o elevado número de acidentes de trabalho, a assunção pelos trabalhadores do custo da produção que seria próprio do capital e não deles próprios constituem a essência das dificuldades cotidianamente enfrentadas pelos caminhoneiros e nada disso está em pauta, seja na própria reivindicação dos caminhoneiros, seja daqueles que tentam se aproveitar do movimento para construir uma narrativa que favoreça a interesses não revelados.
 
Um movimento de trabalhadores que não tenha bem nítido o seu interesse de classe, quando tenha grande força mobilizadora, pode ser apropriado como um movimento de massa para abarcar uma insatisfação generalizada, despolitizada, contra o aumento de preços, a majoração de impostos, uma rejeição ao governo e aos políticos. No lastro dessa disputa de narrativa é que, em um país historicamente refratário às lutas dos trabalhadores, contrário à ascensão da classe trabalhadora, à declaração e à efetivação dos direitos dos trabalhadores, resistente às políticas de redução da pobreza, a greve dos caminhoneiros está recebendo um enorme apoio da classe média e até mesmo de parte da classe dominante, que veem no movimento a chance para emplacarem seus projetos específicos, apresentados como interesse da nação, aproveitando-se da perda completa de legitimidade do governo.
 
É por isso que se tem tentado apropriar do movimento dos caminhoneiros para torná-lo legitimador de pautas genéricas que, concretamente, não explicam nada e nada propõem, a não ser a quebra total da institucionalidade para a instauração do caos e, com isso, se chegar a negativação plena do Estado Democrático de Direito.
 
Como revelador das contradições, é possível ver inúmeras pessoas e movimentos se manifestando em favor da greve dos caminhoneiros, mas que, concretamente, são arredios aos direitos dos trabalhadores.
 
A questão é que, quando trabalhadores se mobilizam para formular pretensões restritas à redução dos custos de produção, sem interferir nas condições de trabalho, atendendo, por conseguinte, a interesses que seriam próprios dos empregadores e, com isso, abrindo espaço à formação de um movimento de massa que destrói a política e que põe em risco as instituições democráticas, não se teria, propriamente, uma greve. Não seria mais que um movimento de massa, que ganha apoio generalizado, em novo movimento de massificação da racionalidade, para servir a interesses que pouco, ou quase nada, dizem respeito àqueles dos protagonistas iniciais do movimento.
 
De todo modo, não me arriscaria a dizer que a mobilização em questão seja somente isso que se tem projetado sobre ela, que, mesmo com reivindicação restrita, ligada ao custo da produção, não tenha importância concreta para os caminhoneiros ou que seja completamente deslocada de uma autêntica greve de trabalhadores, até porque os movimentos sociais são, como o próprio nome diz, uma história em movimento e, portanto, pode até ganhar um direcionamento muito além daquele que fora o inicialmente projetado ou simplesmente imaginado.
 
Daí porque se equivocam todos aqueles que pretendem explicar o que é e para qual objetivo se destina a greve dos caminhoneiros. As certezas a respeito são, de fato, apostas e são muito mais uma projeção da vontade do analista do que, propriamente, a essência do movimento.
 
Trata-se, isto sim, de um movimento muito importante e que, por isso mesmo, está em disputa. Diante da grandiosidade atingida, inclusive, abriu as portas do futuro, que não está escrito.
 
A grandiosidade dessa mobilização, que parte de uma insatisfação tão grande que, inclusive, conseguiu se alastrar pelo mero uso do WhatsApp, pode fazer com que os caminhoneiros, vivenciando um processo de autoconhecimento, se percebam como trabalhadores e tenham a compreensão de que sua vida efetivamente sofrerá mudança significativa, e ainda assim bastante restrita, com a efetivação de direitos como a limitação das horas de trabalho, férias, descanso semanal remunerado, 13º salário, estabilidade no emprego e demais direitos trabalhistas, aumento real de remuneração, inserção na rede de proteção social, assunção pelas empresas dos riscos da atividade, sobretudo no que tange aos acidentes de trabalho, e não com a mera redução de impostos e diminuição do preço de pedágio, que são, concretamente, custos da produção que lhes foram transferidos indevidamente.
 
O processo de formação da consciência cabe a todos que se propõem a formular seus registros narrativos e cabe, claro, de modo prioritário, no caso concreto, aos próprios caminhoneiros, ao menos no sentido de reconhecerem quais são os interlocutores que estejam efetivamente dispostos a levar adiante as causas que digam respeito aos seus reais interesses.
 
A quem se propuser a formular impressões valorativas sobre a situação, uma pergunta está pressuposta: você realmente se preocupa com os caminhoneiros?
 
[1] Art. 4º - “§ 1º Denomina-se TAC-agregado aquele que coloca veículo de sua propriedade ou de sua posse, a ser dirigido por ele próprio ou por preposto seu, a serviço do contratante, com exclusividade, mediante remuneração certa”.
[2] Art. 4º - “§ 2º Denomina-se TAC-independente aquele que presta os serviços de transporte de carga de que trata esta Lei em caráter eventual e sem exclusividade, mediante frete ajustado a cada viagem”.
Reproduzido do site https:www.conjur.com.br-
Comentar
Compartilhe
Tribunal Retorna ao Normal
29/05/2018 | 09h13
TRE-RJ terá expediente normal nesta terça-feira (29)

As 165 zonas eleitorais fluminenses, bem como a sede e demais unidades administrativas do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, terão expediente normal nesta terça-feira (29). A retomada do funcionamento se deve à evolução nas tratativas entre caminhoneiros grevistas e o governo federal, assim como ao anúncio, feito pela Prefeitura do Rio de Janeiro, de que o serviço público de ônibus e BRT deve circular com a totalidade da frota a partir de amanhã.

Nesta segunda-feira (28), devido aos efeitos da greve geral dos caminhoneiros, apenas as zonas eleitorais nos municípios de Teresópolis, Cabo Frio e Rio das Ostras, onde haverá eleições suplementares, funcionaram normalmente. Na sede do TRE-RJ, houve regime de plantão para suporte aos cartórios que permaneceram abertos.

As zonas eleitorais e Centrais de Atendimento ao Eleitor funcionam de segunda a sexta-feira, das 11h às 19h.
Comentar
Compartilhe
UniRedentor Suspende Aulas Temporariamente
28/05/2018 | 23h35
Comentar
Compartilhe
Greve dos Caminhões causou prejuízo de 77 milhões
28/05/2018 | 19h55
Paralisação de caminhoneiros já causa
prejuízo de R$ 77 milhões para indústrias do Rio
 
 
A paralisação dos caminhoneiros já causou uma perda de 77 milhões no PIB da indústria no estado do Rio, segundo levantamento do Sistema FIRJAN. O cálculo estima o prejuízo para a indústria de transformação em cinco dias de greve, até a última sexta-feira (25/05). A FIRJAN ouviu ainda 318 indústrias, que empregam mais de 38 mil trabalhadores, para medir o impacto da paralisação no setor produtivo no estado. Nove em cada dez empresas foram afetadas pela greve, com a produção reduzida ou interrompida em quase 60% das indústrias. Os dados foram divulgados nesta segunda-feira (28/05), em coletiva de imprensa, na FIRJAN.
Reoneração da folha de pagamentos só vai agravar o problema ao impactar 46 setores da indústria, ameaçando 400 mil empregos diretos.
Assessoria de Comunicação da Firjan
 
Comentar
Compartilhe
Taxistas Publicam Nota Oficial
28/05/2018 | 19h48
Itaperuna-RJ
DEVIDO A FALTA DE COMBUSTÍVEL EM NOSSA CIDADE,O SERVIÇO DE TAXI ENCONTRA-SE PREJUDICADO.
ALGUNS POUCOS VEÍCULOS QUE CONSEGUIRAM ABASTECER ANTES DOS ESTOQUES ZERAREM ASSIM COMO OS VEÍCULOS MOVIDOS A GNV(ESTES POR SUA VEZ NÃO CORRESPONDEM NEM A 10% DO TOTAL DA FROTA) PERMANECEM RODANDO MAS ESTAMOS PREOCUPADOS POIS SE O DESABASTECIMENTO PERDURAR VAMOS CHEGAR A UM PONTO CRÍTICO AONDE O SERVIÇO SERÁ TOTALMENTE PARALISADO.
DIANTE DISSO, VIMOS PEDIR À POPULAÇÃO QUE COMPREENDA A DIFICULDADE INSTAURADA NOS SERVIÇOS DE TRANSPORTE DE NOSSA CIDADE POR CONTA DESTA PARALISAÇÃO NACIONAL QUE É JUSTA,DIGNA E QUE CONTA COM NOSSO APOIO!
Att.:Isaac Monteiro
AMTITA - Associação de Motoristas de Taxi de Itaperuna
Comentar
Compartilhe
Reunião do MP com Polícia Militar e Donos de Postos
28/05/2018 | 19h20
EXCLUSIVA
Itaperuna-RJ
Amanhã pela manhã, na sede do Ministério Público, promotores, policia militar e representantes dos postos de gasolina se reunirão para encontrarem uma forma de liberação e transporte imediato dos combustíveis para Itaperuna.
Comentar
Compartilhe
Diabetes: Um Assassino Silencioso
28/05/2018 | 17h27
Diabetes, um risco para o coração

AMÉRICO TÂNGARI JR

Os diabéticos devem ter muito cuidado, não apenas com o controle da glicemia, mas também com o seu coração. A enfermidade é um dos principais fatores de risco para doenças cardíacas como enfarte, acidente vascular cerebral (AVC) e entupimento das artérias, especialmente pernas e pés, além da formação de aneurismas, a dilatação do vaso sanguíneo.

Com o aumento da concentração de açúcar no sangue, o diabetes altera as estruturas do coração, o que pode provocar um infarto sem dor ou com sintomas atípicos. Em geral o enfarte se manifesta com dores no peito, no braço esquerdo, na mandíbula, na região do estômago e sudorese.

O diabético costuma não ter nenhum desses sintomas e daí o perigo maior, pois o paciente acaba não procurando o atendimento médico especializado com a urgência necessária.

Hoje há medicamentos que combinam o controle da glicemia com a redução dos riscos para o coração. Mas deve ficar claro que o remédio mais importante é a prevenção, tanto para o coração quanto para a diabetes.

São muitas as opções terapêuticas e com drogas mais modernas. Uma delas é um antidiabético oral com benefícios para o coração. Em testes com mais de sete mil diabéticos de tipo 2 com alta probabilidade de enfarte, o medicamento demonstrou redução de até 38% no risco de morte cardiovascular, além de uma queda de 35% no índice de hospitalização por falhas cardíacas. Mas o paciente deve evitar sempre a automedicação.

Tratamentos como esse, somados a hábitos saudáveis, como exercícios e alimentação equilibrada, são importantes para o controle do diabetes e podem garantir uma boa qualidade de vida ao paciente.

Cerca de 10% da população adulta brasileira são diabéticos. Segundo dados da SBD (Sociedade Brasileira de Diabetes), 41% tomam medicamentos, 29% fazem apenas dieta, 23% não seguem nenhum tratamento e 7% são dependentes de insulina.

O risco de sofrer um enfarte aumenta 40% nos diabéticos homens e 50% nas mulheres. Uma vez instalada a doença, outras condições de risco aumentam, como a pressão alta e o colesterol elevado. O diabetes é uma doença perversa, difícil de ser removida e causadora de muitos outros problemas. Cuidados dietéticos protegem o pâncreas, evitando seu esgotamento precoce na capacidade de produção de insulina.

Dados da Organização Mundial de Saúde (OMS) mostram que 16 milhões de brasileiros sofrem de diabetes; a taxa de incidência cresceu 61,8% nos últimos dez anos. É uma epidemia global e o Brasil ocupa o quarto lugar no ranking dos países com o maior número de casos, atrás de China, Índia e Estados Unidos.

E a Organização Mundial da Saúde (OMS) informa que, em todo o mundo, cerca de 17,5 milhões de pessoas morrem vítimas de doenças cardiovasculares a cada ano. No Brasil, a situação não é diferente: a média anual chega a 350 mil, o que corresponde a uma vida perdida a cada 40 segundos; duas vezes mais que todas as mortes decorrentes de câncer e seis vezes mais que as provocadas por todas as infecções no país.

A preocupação maior é que muitas pessoas não fazem a associação entre diabetes e coração. Uma pesquisa do Ibope apontou que menos da metade dos entrevistados (42%) citou as doenças cardíacas como consequência mais relevante do diabetes. E, mesmo entre os diabéticos, elas só foram mencionadas por 56%.

Portanto, nos dois casos os cuidados devem ser redobrados. Caracterizado pela deficiência na absorção de glicose e consequente acúmulo na corrente sanguínea, o risco de ocorrência de enfarte em diabéticos é de duas a quatro vezes maior se comparado com uma pessoa sem a doença.

O acidente cardiovascular é mais frequente em diabéticos, daí a importância de avaliações periódicas preventivas da saúde do coração, mesmo sem sentir dores ou desconfortos.

O fato é que todas as doenças do miocárdio – AVC’s, hipertensão, ataque cardíaco, aterosclerose e outras - resultam de um estilo de vida inapropriado. Entre os principais fatores que ocasionam estas doenças estão excesso de gordura abdominal, hipertensão, sedentarismo, dieta pobre em fibras, história de diabetes na família, tabagismo, álcool, sedentarismo, obesidade, além do estresse do dia-a-dia.

Mesmo que a pessoa não fume, não beba e caminhe regularmente, ainda assim deve ficar atenta, pois viver sem estresse nas grandes cidades brasileiras é quase um milagre. Sem a companhia da violência ou da poluição, impossível. Qualquer pessoa pode sofrer de pressão alta, uma doença silenciosa. Estima-se que um quarto da população seja hipertensa.

E nada na medicina substitui aquele verbo que todos conjugam, mas poucos praticam: prevenir. Não contém contra-indicação. Mesmo que não haja na família um parente com histórico de doença coronariana, ou mesmo nenhum sintoma, ainda que se sinta forte como um touro ou esportista, não deixe de estar sempre atento ao seu coração.

Também é importante manter a visita ao cardiologista e ao endocrinologista em dia, realizar os exames, monitorar os medicamentos de que faz uso, além de praticar exercícios indicados e seguir uma alimentação adequada.

E procure imediatamente o médico em caso de descontrole da glicemia, falta de ar (seja no repouso ou no esforço), dor no peito (em virtude de má circulação sanguínea no local), cansaço fácil, desmaio após atividade física intensa, dor de cabeça, inchaço nos tornozelos.

Portanto, aos diabéticos, uma recomendação: ao controlar seus níveis glicêmicos, mantenha ao mesmo tempo seu coração em bom estado de funcionamento.

Não há motivo para alarme se tudo estiver sob controle. Pelo contrário, com prevenção se garante uma existência longa e mais saudável.



* O médico Américo Tângari Junior é especialista em cardiologia pela Sociedade Brasileira de Cardiologia e Associação Médica Brasileira.

Comentar
Compartilhe
Não há mais botijões de Gás na Cidade
28/05/2018 | 16h57
Itaperuna-RJ
Os últimos foram vendidos com ágio elevado. Se o abastecimento não retornar em tempo hábil, restaurantes e padarias fecharão até normalizar.
Comentar
Compartilhe
Reunião do MP e Prefeito é adiada
28/05/2018 | 08h49
EM 1ª MÃO
Reunião que aconteceria hoje com a Promotoria Pública e o Prefeito de Itaperuna, foi cancelada devido ao Tribunal de Justiça do Estado do Rio ter suspendido as atividades, (em decisão com o Ministério Público), só retornando quando a greve dos caminhoneiros terminar. A reunião em Itaperuna será marcada para outra data e devidamente comunicada ao público.
REVEJA NOTA DA PROMOTORA PÚBLICA AQUI
REVEJA A SUSPENSÃO DAS ATIVIDADES DO TJ AQUI
Comentar
Compartilhe
Vice-Prefeito de Itaperuna na Folha da Manhã
27/05/2018 | 19h36
REPRODUZIDO DA FOLHA DA MANHÃ
Vice-prefeito denuncia prefeito
POR ALDIR SALES - 
Eleito com 66,99% dos votos em 2016, o médico Marcus Vinícius de Oliveira Pinto, de 45 anos, conhecido como Dr. Marcus Vinícius (PR), chegou à Prefeitura de Itaperuna como uma esperança da população de mudança política na maior cidade do Noroeste Fluminense, reduto tradicional do grupo do deputado estadual Jair Bittencourt (PP). Porém, com quase um ano e meio de governo, o prefeito acumula polêmicas, denúncias de irregularidades, ações na Justiça e desafetos políticos. Com apenas quatro meses no poder, o vice-prefeito Rogério Bandole Boechat, o Rogerinho (Patriotas), rompeu relações com Dr. Marcus Vinícius e denuncia que o chefe do Executivo fechou um contrato de emergência para serviço de Limpeza Pública com pelo menos R$ 1,1 milhão a mais de custo por mês do que o anterior. O caso está nas mãos do Ministério Público Estadual (MPRJ).
De acordo com os documentos entregues pelo vice-prefeito, antes de Dr. Marcus Vinícius tomar posse, a Prefeitura mantinha um contrato com a Vieira Stones Empreendimentos no valor de R$ 790.030, 60 para os serviços de coleta seletiva de resíduos sólidos, limpeza e capina de áreas públicas e urbanas na cidade e nos distritos, além da manutenção da rede de água e esgoto. No dia 15 de dezembro de 2016, o Ministério Público chegou a emitir uma recomendação para que o município renovasse o vínculo com a empresa.
No entanto, segundo os documentos apresentados, no dia 22 de fevereiro de 2017, com menos de três meses de gestão, Dr. Marcus Vinícius rescindiu o contrato com a Vieira Stones e, uma semana depois, no dia 1º de março, firmou um contrato de emergência com a JL&M Construtora e Incorporadora no valor de R$ 747.621,42 apenas para os serviços de coleta de lixo e limpeza urbana, sem atender aos distritos. Além disso, outra empresa, a Renovo Empreendimentos também foi contratada pela administração para realizar os serviços de manutenção de água e esgoto na zona rural, além de capina e roçada, ao preço de R$ 314.800,00. Somando tudo, a Prefeitura desembolsa R$ 1.062.421,42, um valor de R$ 272.390,82 a mais por mês. Em um ano, o contribuinte itaperunense teria que pagar a mais R$ 3.268.689,84.
Folha da Manhã
A promotora responsável pelo caso, Raquel Rosmaninho, disse que as investigações continuam, mas que não pode afirmar nada por enquanto. “A denúncia é de que a Prefeitura teria contratado várias empresas para fazer o mesmo serviço da primeira, mas com um preço maior, se for somado. A Prefeitura apresentou uma resposta na quinta-feira e ainda não tive tempo de ler tudo, mas o prefeito afirma que nas últimas gestões o serviço era mais caro. Está sendo investigado”, afirmou.
A equipe de reportagem tentou contato com a Prefeitura de Itaperuna, mas não obteve resposta até o fechamento desta edição.
“Troca de chave para não entrar no gabinete”
Pré-candidato a deputado estadual, Rogerinho diz que tinha acertado anteriormente com Dr. Marcus Vinícius o apoio do prefeito a uma possível candidatura dele neste ano, porém, o vice-prefeito diz que não foi a falta deste apoio e nem a ascensão da primeira-dama Camila Andrade, que chegou a ser nomeada secretaria de Assistência Social e poderia ser uma possível concorrente à Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), que o fez romper politicamente com o governo.
— Nosso grupo era uma esperança para Itaperuna. Fizemos campanha juntos, pensamos igual, mas hoje não dá mais. Meu rompimento com o prefeito se deu logo nos primeiros meses por causa da falta de transparência. Para se ter uma ideia, no dia 10 de maio de 2016, aniversário da cidade, eu iria conversar com um grupo de barraqueiros que estavam se preparando para trabalhar na festa e quando cheguei na Prefeitura, tinham mudado a chave do meu gabinete, que é o mesmo do prefeito, para eu não poder entrar mais — contou.
Além da investigação sobre os contratos da limpeza pública, o prefeito de Itaperuna também responde na Justiça a denúncias do Ministério Público sobre suposta fraude na contratação de empresa para kits escolares e também por irregularidades em uma polêmica reforma administrativa, onde o chefe do Executivo teria publicado no Diário Oficial um texto diferente do que foi aprovado na Câmara de Vereadores.
Comentar
Compartilhe
Tribunal Suspende Atividades e Processos
27/05/2018 | 18h52
EM 1ª MÃO
Ato Executivo nº. 146/2018
 
O PRESIDENTE DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO, DESEMBARGADOR MILTON FERNANDES DE SOUZA, no uso de suas atribuições legais,
 
CONSIDERANDO a greve geral dos caminhoneiros, de proporção nacional, amplamente divulgada pela mídia;
 
CONSIDERANDO que os transtornos causados no transporte público e particular, em razão da escassez de combustíveis, estão dificultando o deslocamento de advogados e jurisdicionados aos Fóruns deste Estado;
 
CONSIDERANDO as notícias publicadas na mídia nacional no dia de hoje;
 
CONSIDERANDO que notícias publicadas na mídia em geral informado que apenas 15% da frota de transporte público estão circulando;
 
CONSIDERANDO a dificuldade de locomoção para os magistrados, servidores e demais atores processuais;
 
CONSIDERANDO o permissivo constante no art. 67 da Lei Estadual nº. 6.956/15 (LOJ);
 
 
R E S O L V E:
 
Art. 1º. Suspender as atividades e os prazos processuais, dos processos físicos e eletrônicos em todo o Estado no dia 28 de maio de 2018.
 
Art. 2º. As medidas de caráter urgente serão atendidas pelo juízo de plantão.
 
Art. 3º. A escala de plantão será aquela divulgada para o dia 09 de junho de 2018.
 
Art. 4º. Este Ato entra em vigor na data de sua publicação, com efeitos retroativos a 28 de maio de 2018.
 
Rio de Janeiro, 27 de maio de 2018
 
Desembargador MILTON FERNANDES DE SOUZA
Presidente do Tribunal de Justiça
Comentar
Compartilhe
Promotora Pública Emite Nota Sobre os Camelôs.
27/05/2018 | 11h56
EM 1ª MÃO
No ano de 2017, ou seja, antes que, eu assumisse a 2ª Promotoria de Justiça de Tutela Coletiva de Itaperuna, o município assinou um TAC- Termo de Ajuste de Conduta- para retirada das ocupações irregulares de praças e calçadas.
Decorrido prazo concedido no TAC, o município iria retirar amanhã, segunda feira, os camelôs da praça onde estão e alocá-los em outro local.
Ao ter conhecimento da notícia fiz contato com a administração pública para uma reunião que será realizada nesta segunda feira,28/05/2018,  a fim de discutirmos melhor o assunto e compatibilizar o interesse público na regularização da ocupação com a continuidade do trabalho daqueles que há muito estão no local exercendo a atividade comercial.
Nesse sentido, após a reunião enviarei a imprensa o que for decidido, destacando que é decisão da administração o local para onde serão remanejados, no entanto estamos agindo para que, dentro da legalidade, a população, mormente os comerciantes, não seja prejudicada.
Raquel Rosmaninho-Promotora Pública
Comentar
Compartilhe
Mais drogas apreendidas pelos Falcões Azuis
26/05/2018 | 20h43
EXCLUSIVA
ITAPERUNA-RJ
Agora há pouco, em patrulha noturna, o Pelotão de Motocicletas e a Equipe Bravo 2, respectivamente comandados pelo sargento Botileiro e sargento Couto apreenderam no Morro da Honda, no Bairro Aeroporto, 111 embalagens contendo cocaína, desta vez com rótulo em branco. Cada um custaria 5 reais para o consumidor final. As com marcas obedecem à lógica de mercado, podendo ser mais caras ao mostrarem a origem e proporções de pureza. É o marketing dominando também as regras do tráfico.
Hoje pela manhã, os vintenovistas apreenderam outra quantidade, com pacotinhos personalizados. Reveja o caso AQUI
Com marketing ou sem, os policiais do 29º BPM cumprem a parte deles. 
Fotos CW
Fotos CW
Comentar
Compartilhe
29º BPM apreende droga com marketing
26/05/2018 | 11h17
EM 1ª MÃO
Em operação rotineira hoje pela manhã, no Morro da Pedra Branca, os Falcões Azuis do batalhão de Itaperuna, liderados pelos sargentos Couto e Silvino, encontraram um ambulante com sua mercadoria proibida, 132 papelotes de cocaína e uma quantia em dinheiro.
Detido e material foram entregues à 143ª DP-Itaperuna.
MARKETING
Os invólucros plásticos são meticulosamente produzidos como aqueles de canela em pó encontrado em qualquer mercado. No papel, a marca de uma famosa indústria japonesa de automotivos, alusiva neste caso a uma comunidade itaperunense, cujo nome é o mesmo da multinacional.
 
Comentar
Compartilhe
Metade da Câmara é Presa
26/05/2018 | 10h32
Vai dar quórum na próxima sessão?  Seis dos doze vereadores de Teresópolis foram o centro das atenções do Ministério Público do Rio de Janeiro e Polícia Civil ontem pela manhã. Os donos dos mandatos, receberam mandados de prisão. Tensão total na cena política serrana.
A LISTA VIP DOS PRESOS
 1-Claudia Lauand,  “Dra. Claudia” Partido -Progessista
 2-Eudilbelto José Reis,  “Dedê da Barra” -PMDB
 3-Leonardo Vasconcellos de Andrade PMDB
 4-Rocsilvan Rezende da Rocha “Rock” -PSDB
 5-Ronny Santos Carreiro -PHS
  6-Luciano dos Santos Cândido-“Pastor Luciano” PRB (Esse ainda não foi localizado sendo considerado foragido.)
A quadrilha organizou-se para pressionar o ex-prefeito Mario de Oliveira Tricano na indicação de empresas que seriam contratadas sem licitação em serviços de saneamento básico, iluminação pública, estacionamento rotativo e funerários.
DESCASCANDO O ABACAXI
A operação recebeu o nome de Ananás, planejada e executada pelo  Gaocrim-Grupo de Atribuição Originária Criminal da Procuradoria-Geral de Justiça do MP, pela Delegacia Fazendária da polícia, com apoio da CSI/MPRJ-Coordenadoria de Segurança e Inteligência e do Gaeco/MPRJ- Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado.
Comentar
Compartilhe
A Procissão dos Carros de Boi de Raposo
25/05/2018 | 09h22
Raposo não pertence ao Estado de Minas Gerais, nem é um município fluminense. É distrito de Itaperuna, e muitos conterrâneos não sabem disso.
Tem jeito de cidade pequena, mesmo não sendo. Tem os melhores hotéis do Estado do Rio, perdendo só para a capital, tendo mais unidades do que Niterói.
Descrever Raposo, com suas águas minerais, seu estilo único e outros detalhes é tarefa para um livro. 
Como diz o empresário Angelo Lorenzini, um dos maiores frequentadores e divulgadores da única Estância Hidromineral do Rio de Janeiro: " Raposo é uma mina de ouro, prata e diamante, com um monte de gente sentada em cima sem saber o quanto tem de imensas riquezas!"
ENQUANTO NÃO SAI O LIVRO
Fique conhecendo a história da Procissão de Carros de Boi de Raposo, em texto preparado pelo Decom-Departamento de Comunicação da Prefeitura de Itaperuna:
A origem das festividades remonta ao ano de 1962, quando dois jovens turistas - Wilson Fagundes e Antônio Andrade, perceberam que a igreja local estava em estado precário e decidiram empenhar-se nas melhorias do templo.
A partir daí pediram auxílio aos pecuaristas e agricultores da localidade, solicitando doações que, chegavam em carros de boi, para a reforma da igreja.
Surgia a tradicional procissão , desde o início no mês de Maio, consagrado à Maria, Mãe de Deus, venerada pelos Católicos. Com o passar do tempo, elas ganharam temas que retratam aspectos da vida de Nossa Senhora.
A Festa está no Calendário Cultural do Estado do Rio de Janeiro, conhecida nacionalmente e tem como efeitos a valorização da cultura local, o aumento do fluxo de turistas e a geração de renda para o distrito.
Para mais informações sobre Raposo e as festividades, acesse:
1. Youtube-AQUI (Imagens feitas por Welington Carvalho.)
2. Youtube- AQUI (Imagens feitas por Natureza, Ecoturismo, Viagem & Cia.)
Comentar
Compartilhe
Quanto Custa um Show: as curiosidades de um Diário Oficial
24/05/2018 | 15h59
EXCLUSIVA
Diário Oficial do Município de Itaperuna.
Edição desta quarta-feira, 23 de maio 2018.
VALOR GLOBAL DE UM SHOW FEITO POR UM GRUPO DE PAGODE
45 mil Reais
 
 
 
Comentar
Compartilhe
Nota à Imprensa Sobre as Recentes Ações do MP contra a Prefeitura
24/05/2018 | 15h27
EM 1ª MÃO
ONDE ESTÁ A DECISÃO?
Apenas nesse ano, o Ministério Público ingressou com várias medidas contra o Poder Executivo Municipal com base em ilegalidades cometidas pela atual administração da cidade.Nos autos da ação nº 000277-3.2018.8.9.0026, em trâmite na 2ª Vara, foi requerida liminar de afastamento do Prefeito de Itaperuna pela ausência de estudo de impacto financeiro e pela alteração de texto de projeto de lei aprovado na Câmara de Vereadores sobre a reforma administrativa sem que o texto voltasse à casa legislativa. Também foi questionado o pagamento de servidores pelo sistema de RPAs. Em outra ação civil pública, imputou-se a prática de atos de improbidade administrativa ao Prefeito e a dois Secretário Municipais por fraude à licitação e execução de contrato administrativo referente à compra dos kits escolares. Na ocasião processos administrativos fraudados e não concluídos foram apreendidos pelo parquet ao mesmo tempo em que foi constatado a entrega desse mesmo material ainda não adjudicado. Nos processos licitatórios mencionados foram constatadas fraudes como direcionamento da licitação, simulação de publicidade ao processo licitatório, concessão de vantagem ilegal ao licitante vencedor. Como liminar foi pedido o afastamento de dois secretários municipais. A ação tramita sob o número 0002466-54.2018.8.19.0026 também na 2ª Vara da Comarca.Em março do corrente ano, em período de cheia do rio Muriaé, o Prefeito de Itaperuna publicou o Decreto nº 5845/2018 declarando “situação de emergência” nas áreas do Município vulneráveis à enxurrada. Com base no decreto compras poderiam ser feitas e contratos poderiam ser celebrados sem licitação pública. Entretanto, nos autos da ACP nº 0002219-73.2018.8.19.0026, ajuizada um dia após a publicação do ato, o MP Estadual rechaça a motivação indicada no decreto aduzindo que, segundo monitoramento oficial, não houve transbordamento do rio e, consequentemente, não haveria razão para contratação emergencial. Nesta ação foi requerida liminar de suspensão dos efeitos do decreto manifestamente ilegal, com intuito de se evitar o malbaratamento do dinheiro oriundo dos impostos pagos pelo cidadão itaperunense.Infelizmente, apesar da atuação incessante do MP Estadual na defesa do patrimônio, nenhuma medida em nenhuma das ações mencionadas foi sequer apreciada pelo Poder Judiciário.
MPRJ-MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO
Comentar
Compartilhe
GNV em Itaperuna vai faltar
24/05/2018 | 15h10
EM 1ª MÃO
A distribuição de GNV de Itaperuna, feita exclusivamente pelo Posto Timbozão, Br Mania, deve ser interrompida ainda hoje. O estoque está chegando ao fim e a previsão de reabastecimento depende do cenário atual da greve.
 E SOBRE ISSO
Os líderes do protesto disseram agora pouco, que só vão terminar a greve assim que as mudanças pretendidas e prometidas pelo Governo, forem publicadas no Diário Oficial da União,
Comentar
Compartilhe
Camelôs Não Sairão da Praça Nesta Segunda.
24/05/2018 | 09h36
EM 1ª MÃO
Fôlego. É o que os vendedores informais da Praça Nilo Peçanha, no Centro de Itaperuna, em fente à Matriz São Jose do Avahy ganharão para esperar um local melhor.
A mudança causou mal-estar e revolta na classe e na população.
Por enquanto permanecem no local e não vão para a  Avenida Sá Tinoco, Beira-Rio, como estava determinado.
A saída do atual espaço é uma determinação do MP, mas como não havia uma alternativa melhor para os camelôs, os promotores mais uma vez interferiram sensatamente e suspenderam a mudança.
Enquanto isso, o prefeito e a Procuradoria do Município vão buscar uma solução para os camelôs o mais breve possível.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura Responde ao Blog Sobre Fumacê
23/05/2018 | 19h25
BNB EXCLUSIVA
VEJA A DÚVIDA LEVANTADA AQUI
NOTA OFICIAL DA SECRETÁRIA DE SAÚDE
A população Itaperunense pode voltar a dividir tranquilamente as ruas da cidade com os equipamentos de UBV (ultra baixo volume), conhecidos popularmente como “fumacê”, veículos que borrifam um inseticida no ar capaz de eliminar mosquitos, como o Aedes aegypti, transmissor da dengue, zika e chikungunya, isso é claro, se os dados estatísticos da Secretaria Municipal de Saúde assim indicarem infestação local.
Porém, é importante frisar que o uso desses equipamentos têm objetivos específicos quando há necessidade de bloqueio. A necessidade de bloqueio através de fumacê, ocorre quando dados oriundos das notificações das UBSs, da UPA e do PU indicam a necessidade de se exterminar o mosquito alado (fase adulta).
O trabalho de combate é realizado com êxito na larva e nos criadouros do mosquito principalmente por nós e pelos Agentes de Controle de Endemias.
As ações feitas em Itaperuna nos últimos dias permite cobrir toda a área do município que houver a indicação técnica para uso do carro. O “fumacê” tem como objetivo principal conter a transmissão de diversas doenças causadas por esses vetores alados, já que elimina o mosquito na fase adulta.
O grande trabalho de combate às larvas e criadouros é feito por Agentes de Endemia, que fazem visitas de inspeção nos imóveis da cidade, porém estes profissionais que estão nas ruas para auxiliar a população ainda se deparam com inúmeros desafios, tais como: dificuldade no acesso a alguns imóveis que estão sempre fechados, acúmulo indevido de lixos e depósitos de água e principalmente falta de conscientização da população de que parte desse trabalho é responsabilidade de cada munícipe, separando 10 minutos por semana para fazer uma vistoria simples em sua própria casa.
De acordo com informações da Secretaria Municipal de Saúde, a maior parte dos criadouros do mosquito está dentro do imóvel, além disso, a maioria das pessoas que registra a doença descobre a existência de focos em suas próprias residências.
Dados solicitados:
•Nome do produto e formulação: Malathion EA 44% Produto não tem odor forte e é usado em UBV ultra baixo volume para cada 6,7 de EA 44 3,3 litros de água
•Horário que passa: Sempre de 5:30 às 8 da manhã e a tarde das 17 às 20 horas
•Onde tem Passado: Hoje e amanhã o foco está nos bairros Niterói, Carulas e Matinada
•Ações ainda esta semana: Quinta-feira 24/05 haverá fumacê no Distrito de Raposo devido a Festa de carros de boi e a grande concentração de pessoas.
Sexta-feira 25/05 haverá ação do fumacê na Beira Valão da Cehab e Boa Fortuna, sendo que o produto na ação de sexta tem odor forte e maior densidade de fumaça.
•As atuais formulações utilizadas são à base de água, não havendo risco de ser inflamável. Os inseticidas utilizados pelo Ministério da Saúde são autorizados pela Organização Mundial da Saúde e pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária e são doados pela SES - Secretaria Estadual de Saúde aos municípios. Cerca de 60 litros são destinados ao município de Itaperuna em condições normais e esta quantidade pode ser aumentada se as notificações das unidades de saúde do município assim indicarem em seus relatórios.
Comentar
Compartilhe
Água no Fumacê Itaperunense
23/05/2018 | 19h13
Morador de um bairro nobre de Itaperuna está preocupado com o inseticida usado nos fumacês da Prefeitura. Segundo ele, não tem cheiro, parece ser apenas água pura.
As novas formulações são realmente à base de água: O Ministério da Saúde usa o malathion GT 96% para controle de Aedes aegypti em áreas onde o vetor é resistente a piretróides,( composto químico sintético) e o  emprego tem sido feito com a diluição em óleo vegetal o que acarreta maior custo.
POR ISSO O USO DA ÁGUA
Recentemente foi aprovada pela área de praguicidas da OMS-Organização Mundial de Saúde uma formulação de malathion com diluição em água. O produto não tem odor forte, não tem risco de incêndio, além de teor extremamente baixo de impurezas tóxicas. O produto é isento de solventes orgânicos e não contêm compostos orgânicos voláteis. Não é forte, mas tem odor, cheiro, catinga como se fala no interior. Se não cheira, a dúvida do morador (que pede para não ser identificado) procede.
A distribuição do inseticida é feita somente pelo Governo Federal, comprador e distribuidor para os Estados e Municípios, que cuidam da manipulação do produto e aplicação
Estaria em Itaperuna havendo um excesso de água na formulação do malathion? Isso faria perder a eficácia do produto?
Com a palavra as autoridades sanitárias do município.
RESPOSTA DA SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE AO BLOG 
LEIA AQUI
Comentar
Compartilhe
Corrida aos Postos de Combustíveis
23/05/2018 | 18h48
Preocupados com o desabastecimento de combustíveis prestes a acontecer em Itaperuna, motoristas estão formando filas nos principais postos. 
O presidente da Confederação dos Transportadores Autônomos, Diumar Bueno, não cedeu ao apelo do presidente Temer por uma trégua de 3 dias. Segundo Bueno, o Governo não conseguiu fazer nenhuma proposta concreta para solucionar o impasse.
Remédios e gás de botijão começam a faltar também., enquanto preços de alimentos disparam.
Tudo contribuindo para piorar ainda mais os índices de sucesso do presidente do Brasil mais impopular da História. 
 
Comentar
Compartilhe
Protesto de Caminhoneiros é Tímido por Enquanto
23/05/2018 | 09h28
EXCLUSIVA
Itaperuna, Saída Norte,BR-356, Sentido Muriaé-MG
Marcado para começar hoje às 08h, o protesto dos caminhoneiros ainda não deu o resultado esperado. O ponto alto começaria às 10h. Como a área está bem coberta pelos policiais do 29º BPM, é provável que os líderes do movimento tenham recuado. A luta é para mostrar ao mundo e ao Governo Brasileiro como a alta constante do preço dos combustíveis está prejudicando a classe.
Comentar
Compartilhe
Protesto de Caminhoneiros Hoje na BR-356
22/05/2018 | 21h11
EXCLUSIVA
Caminhoneiros de Itaperuna também vão protestar pela alta constante dos combustíveis em todo o Brasil.
A partir das 08h desta quarta-feira estarão na Saída Norte da cidade, no sentido Muriaé-MG.
O objetivo é uma maior concentração a partir das 10h.
Boa parte dos veículos sairá do Bairro Aeroporto.
Comentar
Compartilhe
Jiu-Jitsu de Graça
22/05/2018 | 20h57
No Centro Poliesportivo Edgar Pinheiro Dias , aulas grátis de Jiu-Jitsu às terças, quintas e sextas-feiras, às 18h, no ginásio com o pioneiro professor do esporte na Região Noroeste, Wanderley Cordeiro e o instrutor João Almeida.
Liberado para alunos e alunas a partir dos 6 anos de idade. Inscrições na Secretaria de Esporte e Lazer, no próprio Poliesportivo, Bairro Cidade Nova, das 8h às 18h.
Saiba mais sobre a história do Jiu-Jitsu AQUI        
BNB com informações do Decom-Prefeitura de Itaperuna
Comentar
Compartilhe
MP Determina e Prefeitura Obedece: Camelôs Sairão da Praça
22/05/2018 | 19h55
Em reunião na manhã de hoje, realizada pela  secretária municipal da receita, com a titular da pasta, Martha Valéria Cerqueira de Souza, comunicou-se aos camelôs a necessária obediência ao determinado pelo MPRJ em agosto do ano passado, para liberação da Praça Nilo Peçanha, ( muito mais conhecida pelo uso até então, por Praça dos Camelôs).
Os vendedores passarão a atuar na Beira-Rio, Avenida Sá Tinoco, a partir da próxima segunda-feira, 28 de maio, até ser encontrado um outro local para com um bem elaborado projeto urbanístico, se estabelecerem.
O ORDENADO PELO MP EM TERMO DE AJUSTAMENTO DE CONDUTA
Que a prefeitura desocupe as praças e calçadas da cidade, atendendo aos interesses coletivos, além de proteger o patrimônio público.
BNB com informações do site da radioitaperunafm.com
Comentar
Compartilhe
Instituição Financeira de 115 anos Chega à Itaperuna
22/05/2018 | 19h00
EM 1ª MÃO
O Sincredi foi criado em 28 de dezembro de 1902, (sendo a primeira cooperativa de crédito do Brasil), em  Linha Imperial,  localidade do município de Nova Petrópolis - RS.
Durante estes 115 anos atravessou diversas intempéries da economia nacional sem sucumbir e sem deixar de se espalhar pelo país, uma prova inconteste de solidez.
Depois de acreditar em Campos dos Goytacazes, onde abriu agência, agora se estabelece em Itaperuna, onde começa a atender no dia 4 de junho próximo, depois de pesquisas e prospecções sobre o potencial da cidade, polo de uma região que abraça 3 estados em conhecidos pontos geográficos: Noroeste Fluminense, Zona da Mata Mineira e Sul Capixaba, no que bem denominou Luis Adriano Silva, CEO da UniRedentor, gigante da Educação Superior, de Vértice Sudeste. Mais de um milhão de habitantes, uma centena de cidades e todas convergindo para Itaperuna em busca de Ensino Superior e Saúde, principalmente.
A EQUIPE LOCAL SINCREDIANA 
Rachel Pinheiro
Wilson Sales
Natalia Cunha
Bruno Rigueti
Vinicius Paulista
Diego da Silva
Lidiane Pontarolo

Gerente da Agência- Renato Amaral.
Todos foram treinados intensamente durante  dois meses na cidade de Prudentópolis-PA, sede da superintendência, mesmo sendo experientes na área financeira.
Rachel Pinheiro e Renato Amaral conversando com o BNB
Rachel Pinheiro e Renato Amaral conversando com o BNB
NOTA DO BNB-BLOGNINOBELLIENY
A escolha de Renato Amaral, depois de uma entrevista de longa duração e checagem social, mostra que o Sincredi é uma instituição séria. Renato tem um histórico positivo, com cargos de destaque em instituições como o extinto Unibanco e Firjan-RJ, além de ser querido e respeitado pela comunidade itaperunense.
Longa vida ao Sincredi. Sejam todos bem-vindos.
CONVITE
Fotos-NB
Fotos-NB
 
 
 
Comentar
Compartilhe
Foto de Vice com Prefeito é Antiga
22/05/2018 | 14h33
EM 1ª MÃO
O vice-prefeito de Itaperuna, Rogério Bandoli Boechat, explicou hoje em suas redes sociais que, a foto em que aparece ao lado do prefeito Marcus Vinícius de Oliveira Pinto, e veiculada também nas redes dando a entender uma reaproximação, foi tirada quando ambos tinham o mesmo ideal político. Desde o ano passado, pouco mais de um mês depois da posse, eles se desentenderam.
E agora cada um trilha seu próprio caminho.
A FOTO
A POSTAGEM DO VP
Comentar
Compartilhe
Caso dos Kits Escolares de Itaperuna Vai ser Analisado por Juíza
22/05/2018 | 09h06
EXCLUSIVA
A juiza da Vara de Fazenda Pública de Itaperuna vai apreciar nos próximos dias a ação do MPRJ-Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro sobre o Caso dos Kits Escolares da prefeitura local.
Comentar
Compartilhe
A vida fake de uma pessoa real
21/05/2018 | 15h51
Reproduzido do site osegredo.com.br
A linda falsa vida que muitos sentem a necessidade de mostrar
Artigo de Cleonio Dourado
Tem gente que anda tão preocupado em se mostrar bem e agradar, que acaba se perdendo de si mesmo. Quando a pessoa se deixa seduzir pelas tentações do ego e da vaidade, acaba entregando a vida para uma viagem só de ida. Só na tela.
São tantos que vivem iludidos por espelhos de pequenas ilusões e escondidos atrás de cortinas de grandes mentiras, que com o passar do tempo perdem a noção da realidade. Já não conseguem viver sendo verdadeiros. É há uma cobrança coletiva por baixo disso.
Somos cobrados pelo sucesso alheio e incentivados a sermos iguais. Mal sabemos que, em algumas situações, por detrás de uma foto postada, quase sempre há máscaras, quase sempre há pessoas com a alma ferida, tentando se mostrar fortalecidas.
Quando a pessoa se deixa seduzir pelas tentações do ego e da vaidade, acaba entregando a vida para uma viagem só de ida. Só na tela. Tentar competir com o mundo é a melhor e mais rápida maneira de ser derrotado.
Existe um enquadramento relacionado entre as redes sociais e sua fábrica de ilusões. Parece absurdo, mas, na maioria das vezes, só postamos aquilo que queremos que os outros vejam. Postamos aquilo que queremos ser (e muitas vezes não somos). A verdade nem sempre é mostrada. Poses e mais poses, filtros e mais filtros para se chegar na foto perfeita.
Quantas são as vezes que em busca de aprovação de outras pessoas, pintamos um quadro totalmente disforme da realidade. Nem sempre é o que parece, por vezes as pessoas estão prestes a cair num precipício, mas querem que todos pensem o contrário. A busca doentia por “likes” transforma fulanos e fulanas em reféns de suas próprias mentiras.
A postagem dos outros se torna uma provocação e é preciso se mostrar melhor. Mudar a aparência não é mais suficiente, é preciso fingir outra vida.
Na verdade, há casos em que a diferença de imagem entre a pessoa real e a pessoa mostrada na tela do computador é tão grande, que, na grande parte das vezes, é algo inacreditável.
São figuras distintas, quase que irreconhecíveis quando colocadas lado a lado. A sociedade se reconfigura quando se projeta uma imagem vitoriosa. Há uma aceitação maior.
Há uma glorificação da figura do ser bonito, rico e perfeito e não se enquadrar nisso é dolorido para pessoas (em sua maioria) com a autoestima abalada demais ou elevada demais. Umas de um lado, outras de outro. Paradoxos difíceis de compreender.
Um sonho de consumo que faz muitos se sentir inseguros e tristes. Um sonho de consumo que faz muitos se mostrar alegres e bem-sucedidos. Um sonho de ser além do que as outras pessoas comuns aparentemente são.
Os perfis são tão perfeitos, as pessoas tão alegres, as fotos tão bonitas, as comidas tão gostosas, as selfies mais incríveis, as festas mais chiques, os amigos tão sorridentes, as famílias tão impecáveis, empregos poderosos, romances maravilhosos, viagens inesquecíveis, as roupas mais caras: A melhor vida possível! Depois desse prazer dos diversos likes, essas ações viciam e tendem a se repetir.
Quando tudo isso é verdadeiro e realmente vivemos e temos essa vida, é bom demais expor as conquistas.
Ostentar sucesso e trabalhar o marketing pessoal, pode fazer parte, saudavelmente, do dia a dia do vaidoso. Quando é sem muitos exageros, melhor ainda. O perigo é quando muita parte do que é exibido não é real, é montado, disfarçado, é fake.
Existe o risco de ser descoberto e o castelo cair, o prazer pode virar dor, a luxúria pode virar amargura, aplausos viram vaias, beleza vira vergonha e sorrisos viram choro.
É complicado pensar que atualmente os níveis de felicidade, realização e sucesso das pessoas são calculados pelo número de likes e coraçõezinhos em seu perfil. Cliques esses, muitas vezes feitos por pessoas que nem se conhecem.
Fica mais difícil saber que isso também nos atinge. Essa falsa prosperidade que muitas vezes encontramos na vida dos outros, nós tentamos concretizar na vida da gente também e nem sempre conseguimos.
A vida não nos cobra perfeição, mas a sociedade sim, os amigos sim, a família sim e com isso projetamos uma imagem de vencedor para agradar. Esse limite entre o real e o virtual, nos traz para uma reflexão sobre o que fazemos e o quanto ficamos invejosos sobre o que os outros fazem melhor do que nós.
É como se a felicidade interior só tivesse alguma serventia se as outras pessoas vissem e curtissem. Como se a felicidade alheia fosse algo para incitar inveja.
Muitas vezes a gente se sente assim, insuficiente. Sentimos inveja. Sentimos que não chegamos lá. Mas não queremos assumir e não pretendemos nos esconder. Mas se você precisa mudar seu jeito e esconder suas verdades para caber no mundo, saiba que jamais nada disso o deixará mais feliz, nem mais aceito, nem mais bonito ou bem-sucedido.
Quando você se mostra grande em cima de algo que você não construiu, a queda é certa e sua pequenez será exposta algum dia. Não existe quem não precise de melhorias, sempre deve haver uma inspiração que nos guie aos acertos, mas é preciso repelir os erros, é preciso aceitar quem somos.
Se a gente tiver um coração do bem, ele se abre e cria espaço para receber energia positiva e somente um coração cheio de alegria e verdades pode fazer uma alma repleta de felicidade.
A alma é que deve se mostrar feliz e não aquela foto maquiada da rede social. Só por isso já vale a pena a gente lutar para se mostrar como é. Não deixe que as vaidades o impeçam de andar somente pelos caminhos da verdade.
Somente a verdade deve ser mostrada, mesmo que ela não o enobreça, mesmo que ela não o cresça, mesmo que ela não o coloque em palanques e palcos, não lhe traga prêmios e palmas. Mas entenda que só ela importa. Só ela é nobre. Só ela interessa.
A imagem verdadeira é a única coisa que a gente deve ter de melhor e mais belo a se mostrar.
Comentar
Compartilhe
WS-William Souza, apronta e conta.
19/05/2018 | 12h08
 By WILLIAM SOUZA
Inauguração Restaurante e Choperia Bagdá Café
No dia, 4 de maio foi inaugurado o Restaurante e Choperia Bagdá Café na Rua Coronel Luis Salles, N°86, fundos da Beira Rio, no espaço de festas Evaldo Salles, ao lado da casa do Joir na Cidade de Italva-RJ. Um ambiente aconchegante, agradável,com requinte e bom gosto. O Bagdá Sandrinho trás os melhores pratos deliciosos feitos pelo Master Chef Welligton (Tom). Sob direção dos irmãos Alex Sandro Martins e Welligton. Foto: Michelli Carpe Photo's.
15 ANOS LIS GUIMARÃES
Foi com uma magnífica festa que a Decoradora de Festas Gabriela Guimarães e o esposo Marcelo de Freitas, apresentaram sua filha Lis Guimarães para a sociedade Cardosense, reunindo familiares e amigos no dia, 5 de maio. O local escolhido para o debut foi o Espaço Família Benfeita, que foi divinamente decorado pela mãe da debutante, que deu mais um glamour ao local com muitas flores, iluminações e a imagem de Nossa Senhora das Graças. O menu estava dos deuses e agradou a todos os paladares, um verdadeiro luxo. Para animar a festa, o DJ fez uma excelente seleção musical que fez os presentes dançarem até altas horas.
5 ANOS DE ANNA LUÍZA
A Bailarina, esse foi o tema escolhido pela linda e simpática princesa Anna Luíza, filha do casal Jéssica Nascimento e Thiago Freire Dos Santos, para comemorar seus 05 aninhos no dia, 10 de maio. A mamãe da aniversariante organizou a festa com todo o carinho, pensando em todos os detalhes para alegar a filha e os convidados. O menu agradou os baixinhos e os adultos e entre brincadeiras a criançada curtiu a festa.
CAFÉ DA MANHÃ RADIANTE
No sábado, 12 de maio, a Loja Radiante Cardoso, realizou um café da manhã em comemoração ao Dia das Mães. Na foto, os proprietários Ighor e Júnior Ferreira juntamente com as funcionárias Welkylany Palmeira, AlineMedeiros e Geilma Ribeiro.
MÊSVERSÁRIO DA LYS
O Casal Riba Motta e Henrique, comemorou os 10 meses de vida da filha Lys, no sábado, 12 de maio na residência do casal entre familiares e amigos seletos.
3° JOGO BENEFICENTE
Os amigos do Futebol Clube Jhonnathann Benites e Henrique Codeço em mais um jogo beneficente realizado no último sábado, 12 de maio no Estádio Antônio Ferreira de Medeiros.
UFC 224
Os Cardosenses Marcelo Marreiros, Rodrigo Dias e Felippe Rosalino, marcaram presença na noite eletrizante de UFC no último sábado, na Jeunesse Arena no Rio de Janeiro.
REABERTURA SANTA FÉ COUNTRY PARK
No dia, 12 de maio, foi realizada a Reabertura do Santa Fé Country Park. com as participações dos cantores: Sabrina Rocha, Diego Carvalho, Aléx do Forró e o DJ Branco que agitou nos intervalos com os melhores hits do momento. Realização Júnior Monteiro e NS Produções. Confiram alguns registros realizados por este colunista.
FELICIDADES
Quem aniversariou na terça-feira, 15 de maio, foi a superbelíssima Aricia Marques, Top of the Tops de Cardoso Moreira. Da coluna e do BNB, os parabéns.
LAÇO BENEFICENTE
No dia, 31 de maio, será realizado o Laço Beneficente para a amiga Walkíria Viana, a partir das 10h da manhã na Pista de Laço Ferreira (Licione) em Cardoso Moreira-RJ. O evento vai contar com várias atrações.
#Participe #Prestigie #JuntosSomosMais..
Um forte abraço e até a próxima Coluna WS!
Comentar
Compartilhe
Preso Executivo do Prazer Sexual em Itaperuna
19/05/2018 | 11h15
EM 1ª MÃO
O diretor-presidente de uma casa noturna especializada em supostos prazeres sexuais proibidos financiados,  foi preso durante a madrugada de hoje. 
A operação vinha sendo entabulada há meses e chegou ao ápice hoje, coordenada pela Corregedoria da Polícia Militar.
O auto está sendo lavrado na 148º DP em Italva.
Comentar
Compartilhe
Semana da Pessoa com Esquizofrenia
19/05/2018 | 10h45

Dia da Pessoa com Esquizofrenia - 24 de Maio/ Semana da Pessoa com Esquizofrenia - 21 a 25 de Maio
(SAIBA MAIS  DEPOIS SOBRE ESQUIZOFRENIA AQUI)


Pela primeira vez no Brasil marcaremos com eventos o Dia da Pessoa com Esquizofrenia, celebrada no dia 24 de maio, data em que vários países celebram o Schizophrenia Awareness Day.

Por iniciativa do PROESQ - Programa de Esquizofrenia da UNIFESP, em parceria com a Associação Brasileira de Familiares, Amigos e Portadores de Esquizofrenia (ABRE Brasil) e o Grupo Mãos de Mães, o dia contará com debates com a participação de familiares, pessoas com esquizofrenia e profissionais.

O tema proposto para 2018 é “O que eu posso fazer?”. Espera-se a sensibilização da sociedade sobre a importância do envolvimento e conhecimento sobre o transtorno, combatendo o estigma e apoiando a superação e autonomia das pessoas com esquizofrenia.

As apresentações serão feitas em 4 Mesas Temáticas: I - O que querem as pessoas com esquizofrenia? ; II - Mídia e Esquizofrenia; III - É possível superar a doença? ; IV – Luta por direitos.

O evento será gratuito, das 08hs às 17hs, no Auditório Leitão da Cunha, na Unifesp (Rua Botucatu, 720). O evento tem poucas vagas disponíveis. Solicitamos aos membros do Departamento de Psiquiatria da UNIFESP interessados em participar, que enviem um email para proesq@terra.com.br.

Além do evento no dia 24 de maio, serão realizadas diversas atividades organizadas pela ABRE na casa do PROESQ.

Para atender aos demais interessados, que não possam comparecer presencialmente, o Proesq vai transmitir ao vivo, por meio de página no Facebook : Proesq-Programa de Esquizofrenia.

Seguem abaixo a programação do evento no dia 24 e dos eventos durante todas a semana:

Programação “ 24 de Maio : Dia da pessoa com esquizofrenia”


Data: 24/05/18.
Horário: Das 08 às 17hs
Local: Auditório Leitão da Cunha - Unifesp
Rua Botucatu, 720 Vila Mariana

Tema 2018: “O que eu posso fazer?”

8:00-8:30 hrs – Recepção e Credenciamento

8:30-9:30 hrs – ABERTURA - Porque um dia para a pessoa com Esquizofrenia?
Ary Gadelha, Quirino Cordeiro , Jorge Cândido de Assis, Cecília Villares, Rodrigo Bressan
Sarah Nicolleli

9:30 – 11:00 hrs - Mesa Redonda I – O que querem as pessoas com esquizofrenia e suas famílias?
Coordenador: Rosana Azevedo Miguel
9:30 – 10:00 - Jorge Cândido de Assis: Empoderamento e Superação: Mais que palavras
10:00 -10:30– Sarah Nicolleli – Filhos amados com Esquizofrenia, uma experiência
10:30 -11:00 – Discussão


11:00-11:15 hrs – Coffee-Break

11:15-12:00 hrs – Mesa Redonda II – Mídia e Esquizofrenia
Coordenador: Ary Gadelha
11:15-11:30 - Thaís Itaqui – Como melhorar a comunicação com a mídia?
11:30-11:45 – Nicolla Raggio – A mídia para o familiar

12h-13:00 hrs – Almoço

13:00 -14:30 hrs – Mesa Redonda III – É possível superar a doença? Esperança é a chave de toda a transformação.
Coordenação: Vera Gomes
13h-13:20 – Rodrigo Bressan - Esperança como uma ferramenta terapêutica
13:20h-13:40 – Ary Gadelha – Modelos de Reabilitação – Como implantar?
13:40-14:00 – José Orsi – Vivendo o empoderamento e a superação
14:00-14h:30 – Discussão

14:30-14:45 hrs – Coffee-Break

14:45– 16:00 hrs – Mesa Redonda IV - Luta por Direitos
Coordenação: Rubens Ferreira
14:45 – 15:05 – Dr. Mauro Aranha – Diretor jurídico – Conselho Regional de Medicina (CREMESP).
15:05–15:25 - Luciene Redondo – Inclusão da pessoa com Esquizofrenia na Cota Psicossocial.
15:25 – 15:45 – Bárbara Roberta – Trabalhando a superação: O meu relato
15:45 – 16:00 – Discussão

16:00 – 16:50 hrs - Debate: Como podemos fazer mais?
Sarah Nicolleli, Cecília Villares, Jorge Cândido de Assis, Ary Gadelha, Rodrigo Bressan, Luciene Redondo, Luciana Noronha

16:50-17:00 hrs - Encerramento
Comentar
Compartilhe
Terrorismo Islâmico em Cidade do Noroeste
19/05/2018 | 01h32
Uma música do grupo Blitz, fenômeno do Rock Brasil, Anos 1980, A Dois Passos do Paraíso, tem em sua parte falada por Evandro Mesquita a citação de uma "pequena e pacata cidade chamada Miracema do Norte".
Assim também é Miracema, a Princesinha do Noroeste, região fluminense.
No entanto, a velha tranquilidade tem passado por apertos. Não bastassem as disputas territoriais de grupos de traficantes, o inesperado fez o lugar entrar no mapa mundial do terrorismo.
Um jovem de 23 anos, Jhonathan Sentinelli Ramos, insuspeitável figura, foi preso há poucos dias pela Polícia Federal, na Operação Átila, em parceria com a policia espanhola. Ele é acusado de pertencer à uma célula do EI-Estado Islâmico no Brasil.
Como os outros integrantes da alcatéia, espalhados pelo país, nunca viajou para ser treinado na Síria ou em outra base, mas aprendendo técnicas e táticas de terror pela Internet, orientado por monitores a milhares de quilômetros de distância.
Jhonathan é de Miracema, um lobo solitário, como são chamados os recrutas do EI. Preparado para agir quando o comando é acionado. Os lobos, geralmente, não possuem antecedentes criminais, podem atuar com desenvoltura em qualquer canto do mundo, levando o terror por meio de bombas, tiros, atropelamentos em massa ou quaisquer outras formas de eliminar muitas pessoas e espalhar o medo.
Quem conhece o rapaz miracemense não consegue acreditar, ele é de boa família, de bom comportamento, sem vícios. Mas agora é um fichado internacional.
E aquelas teorias conspiratórias tão comuns nas redes sociais não são apenas uma fantasia importada da América do Norte, o perigo é real e imediato. Está a dois passos do paraíso.
Comentar
Compartilhe
Como Está a Biodiversidade na Alimentação do Brasileiro
18/05/2018 | 22h21
22 de maio, Dia Internacional da Biodiversidade
*Por Lilia Kawazoe
 
Em 22 de maio é celebrado o Dia Internacional da Biodiversidade, data proclamada pela Organização das Nações Unidas (ONU) com a finalidade de conscientizar a sociedade a respeito do valor e a representatividade que o tema tem para o mundo. No Brasil, o período é uma oportunidade para debater as formas de utilização dos nossos recursos naturais, reduzir os danos ambientais e sociais, uma vez que, em diversas regiões temos comunidades que dependem dos ingredientes oriundos da biodiversidade para garantir uma fonte de renda extra.
 
Ao traçarmos um paralelo entre o tema e a indústria alimentícia, encontramos bons exemplos, como as manteigas e óleos obtidos a partir de frutos e sementes da biodiversidade brasileira, entre eles o cupuaçu e a castanha-do-Brasil. A proposta é que esses ingredientes sejam acrescentados a receitas tradicionais do dia a dia, como pães, bolos, cookies, molhos e maioneses, para fortificar nutricionalmente o alimento, além de proporcionar sabores exclusivos.
 
Ou seja, além desses produtos serem obtidos de forma sustentável, eles são benéficos para a saúde por serem naturais. Aliás, podemos observar que cada vez mais cresce o número de consumidores conscientes, preocupados não apenas com o paladar, mas, também, com a saudabilidade e a procedência dos alimentos.
 
Uma prova disso está no crescimento do mercado de produtos saudáveis. De acordo com a Euromonitor, em 2017, o mercado brasileiro de produtos saudáveis movimentou R$ 92,5 bilhões, com expansão média anual de 9,5%, desde 2012.
 
Esse cenário nos mostra que a indústria alimentícia deve estar atenta às novas preocupações de consumo. Com o mercado cada vez mais exigente, é necessário desenvolver trabalhos inovadores, realizar pesquisas constantemente para proporcionar alimentos 100% naturais e com um paladar atraente. Afinal, o futuro da sobrevivência humana depende de práticas mais sustentáveis em todos os setores da economia.
 
*Lilia Kawazoe é Gerente Comercial da Unidade de Negócio Concepta Ingredients, pertencente ao Grupo Sabará, especializada no desenvolvimento de soluções naturais e tecnológicas, com foco nas indústrias de alimentos, bebidas, nutrição animal e farmacêutica veterinária.
Comentar
Compartilhe
Reunião de Prefeito e Secretários para Corte de Cabeças
18/05/2018 | 18h41
EXCLUSIVA
Itaperuna-RJ
Ontem à noite, secretários municipais, assessores de 1º escalão e o prefeito Marcus Vinicius se reuniram para exposição de uma nova diretriz a ser imposta a partir da próxima segunda-feira.
Todos vão analisar nomes por nomes dos contratados, se estão comparecendo, atuando ou não. Em caso de desconhecimento serão demitidos. Relatórios deverão ser apresentados com as identificações e soluções.
Há casos em que os secretários nem conhecem os nomeados. Há nomeações recentes e de governos passados.
A caneta vai cantar e o corte deve ser de 30 a 35%.
Com disse um colaborador municipal: "Orçamento esgotou, dinheiro secou, gelo acabou, picolé derreteu."
Agora é acompanhar a grita pelas redes sociais. Gente que elogia muito quando perde costuma ser explosiva.
Comentar
Compartilhe
Secretário Municipal desmente o Caso da Fechadura
18/05/2018 | 17h20
EXCLUSIVA
O secretário municipal de Planejamento de Itaperuna, Leandro Levone desmentiu a versão, circulando nas redes sociais,  de que ele teria estourado a fechadura de sua antiga sala onde atuava como secretário de Administração, para apanhar objetos pessoais, incluindo uma mesa e uma lâmpada. Como passava do horário do expediente, o recurso teria sido invadir a sala.
O BNB-Blog Nino Bellieny obteve a resposta do secretário pelo Whatsapp. Já o atual secretário de Administração, Alexandre Seródio, visualizou a pergunta, mas não respondeu.
Recentemente o vereador Jaime Ferreira, um dos mais experientes da atual câmara, contou na tribuna que o prefeito Marcus Vinicius, também fora de expediente e necessitando de documentos, usou de mesmo recurso. 
Um sistema de portaria 24 horas na sede da Prefeitura e também de câmeras de segurança, evitaria problemas, reais ou não, como estes.
Comentar
Compartilhe
Lei Garante Espaço ao Nutricionistas nas Escolas
18/05/2018 | 16h35
LDB passa a garantir proposta de educação nutricional e alimentar
Uma importante mudança na Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional ocorreu no recente dia 16 de maio de 2018, garantindo a cargo de nutricionistas, educação nutricional e alimentar para os alunos das redes públicas e privadas, nos currículos dos ensinos fundamental e médio.
É a Lei 13.666/2018, publicada ontem no Diário Oficial da União.
Estes profissionais terão de se especializar e se dedicar cada vez mais ao novo posicionamento educacional. Quem sai ganhando também são os estudantes, no momento, na linha de risco à saúde, pela expansão da obesidade infantil e doenças associadas, como as cardiovasculares, neurodegenerativas e o câncer.
Para os cursos de graduação em Nutrição a alteração na lei é positiva, pois poderão cooperar com as escolas e darem mais eficácia ao novo processo.
Além disso, os nutricionistas serão os responsáveis pelas políticas de incentivo à alimentação saudável nas escolas, a capacitação dos profissionais da merenda e o desenvolvimento de estratégias de comunicação com as famílias, afinal o novo estilo de alimentação implantado e o aprendizado deverão ser continuados em casa e pela vida à fora.
Na região desde 202, o Centro Universitário UniRedentor já esta preparado para a mudança na LDB, aplicando as novas diretrizes em seu Curso de Nutrição em Itaperuna e em Campos dos Goytacazes.
Comentar
Compartilhe
Patrulheiros da Política
18/05/2018 | 09h28
A nada silenciosa guerra itaperunense inclui Fogo Amigo.
Tanto Situação quanto Oposição ( dividida hoje em 2 grupos) possuem em suas tropas, patrulheiros responsáveis por vigiar colegas de farda, inimigos e neutros. Qualquer movimentação tem de ser detectada pelas patrulhas, que na ausência ( nem todo dia acontece algo) de informações, as fabricam para deixarem seus oficiais superiores ilusoriamente satisfeitos. 
 
Comentar
Compartilhe
A Revolução dos Josés
17/05/2018 | 13h54
Artigo de Robson de Almeida Jr.*

Senhor José acorda no sábado de manhã com o cantar do galo. São 5 horas, é dia de feira. Sr. José é produtor rural, planta tomates em Aré, distrito de Itaperuna, interior do Rio de Janeiro. É casado, tem três filhos, o mais velho está terminando a faculdade de engenharia. Vai ser o primeiro da família a se formar. Que orgulho! Sr. José é um homem honesto, sempre nos conformes, como ele gosta de dizer.
É moderno, tem celular com Facebook e wWhatsapp.
Naquela agradável manhã ele recebeu um vídeo do grupo da família, mostrando o ato heroico da Cabo PM Kátia em frente à uma escola em Suzano-SP
. Que alegria pensou Sr. José, parabéns para ela! Mulheres e crianças foram salvas, todos estão bem, o bandido está morto.

A atitude foi vista como heroísmo pela maior parte da população brasileira, não só pelo Sr. José.
Entretanto, outros não ficaram felizes com o desfecho do episódio. Com tantas homenagens e citações positivas àquela que ficou conhecida como a Mãe PM, fica difícil acreditar em críticas negativas, pensa Sr. José, mas aconteceram.

Uma matéria da versão brasileira do jornal El País buscou elencar os supostos erros da policial. Mas será que houve algum? Já uma matéria da Folha de São Paulo lança uma crítica à homenagem feita pelo Governador de São Paulo, dizendo que iria contra o comando da PM paulista – mas não é o governador o comandante da Policia Militar?

Leonardo Sakamoto, blogueiro da UOL, diz que homenagear é um desserviço à Policia Militar e por fim, uma matéria da Globo News questionava se policiais de folga deveriam ou não agir em casos assim – a lei não diz que eles têm que agir?

Todas essas negativas sobre o ato heroico da policial fizeram com que Sr. José, revoltado, fosse às redes mostrar indignação.
Não só Sr. José se revoltou, mas dezenas de outros brasileiros foram às redes postar a revolta com as críticas à policial. Afinal o que queriam que ela fizesse?

Pessoas comuns como Sr. José, têm usado as redes para comentarem notícias, interesses, contar histórias, discordar e protestar. Surpreendentemente isso tem dado resultado. O povo se posiciona e se organiza fortemente sobre diversos temas nas redes sociais e a partir daí, muda a realidade do país – e do mundo.
Foi desta forma quando o Reino Unido deixou a União Europeia; na eleição de Donald Trump nos Estados Unidos; durante os protestos brasileiros de 2013 / 2015 e no apoio à Operação Lava Jato.

Contra todos esses movimentos e à uma nova postura popular, continuava a sucessão de manchetes críticas dos grandes veículos de comunicação.

Nesse cenário tem ficado cada vez mais escancarado o abismo que separa a Grande Mídia e seus "intelectuais especialistas", do povo.
Não é surpresa que de forma incessante vem sendo ventilado os supostos perigos das Fake News (notícias falsas) – que acabam por ser nada mais que um apelo para que só se acredite no que é dito em certos jornais televisivos, embora realmente a rede de fakes seja perigosa, também a "oficial" faz muitos estragos.
O jornalista Ricardo Boechat, de quem costumo discordar, afirmou com muita propriedade: "Com as redes sociais, acabou o monopólio da mentira".
Antes os grandes veículos falavam sozinhos, mentiam sozinhos, agora todos podem e isso assusta. Pela primeira vez na história qualquer pessoa poder ter na palma da mão a chance de mudar o curso do debate público – e isso tem sido feito.

Neste mesmo final de semana, no programa Canal Livre, o ex-presidente Fernando Henrique Cardoso afirmou que se forem feitas consultas populares o resultado será diverso daquilo que se quer – ou seja, será diferente do que ele e os presentes no programa (essa casta governante e falante) querem.
Pena de Morte? O povo é a favor – ele diz.
Desarmamento? O povo é contra – segue. Segundo o ex-presidente seria necessário que o povo brasileiro tivesse mais informação e educação para ter autonomia para decidir sobre esses assuntos importantes – ou seja, ele não só acredita ser o povo brasileiro ignorante, como também crê que ser educado significa concordar com ele, o todo poderoso pensante.

Jean Wyllys em uma entrevista à Rede Globo fez a mesma afirmação; de que o povo votando sobre casamento gay seria uma tragédia, seria preciso que antes todos tivessem informações adequadas.
Os efeitos deste pensamento já vimos; o povo escolheu poder ter armas em 2005 e foi retumbantemente ignorado por estes que se dizem democratas.

Quem não se lembra dos atores da Globo fazendo campanha pelo desarmamento? Na contramão, 59 milhões de brasileiros, ou seja, 63% dos eleitores, votaram contra. Em um lado a Grande Mídia, do outro o Povo.

Desde que começaram os barulhos das redes sociais – no Brasil em 2013 – já se lançaram dezenas de tentativas de dissuadir a população de se organizar por ali. Argumenta-se que que vivemos outra vez os anos 30, com uma nova ascensão do nazismo.
Fazem um retrato ruim da situação e reputam essa revolução tecnológica como culpada por este estado de coisas – como se antes estivesse tudo bem. Tentam a todo custo regressar a tal hegemonia onde pessoas como FHC falavam e os outros, os subalternos sem educação (segundo ele), ficavam calados. Tentam nos devolver aos falsos consensos criados por especialistas partidariamente comprometidos.

Não estamos voltando aos Anos 1930, estamos vivendo a reinvenção da prensa! Sei que pessoas como Jean Wyllys tem medo de ouvir a população, pois esta não é formada por intelectuais que frequentam os centros de ciências sociais das universidades federais.

O povo brasileiro é formado por pessoas como Sr. José. São pessoas como ele, que há anos vem sendo silenciadas nas suas opiniões, ignoradas por especialistas, chamadas de ignorantes por esnobes.
São os Josés que agora podem falar e são as opiniões dessas pessoas que agora contam e por isso assustam.

Esta em curso uma revolução, realmente inegável, porém é a Revolução dos Josés.

*Robson é bacharel em Direito e professor de História.
Comentar
Compartilhe
A memória falhou na hora da oração
17/05/2018 | 09h30
EM 1ª MÃO
Itaperuna-RJ
Em recente missa campal, foi lembrado o nome do prefeito Marcus Vinícius de Oliveira Pinto, evangélico, ausente no evento e não foi citado o do vice-prefeito Rogério Bandole Boechat, presente na celebração.
O primeiro é evangélico e o segundo , católico. Ambos fervorosos praticantes.
O lapso chamou a atenção.
Comentar
Compartilhe
UPA deve retornar para os braços da Prefeitura
16/05/2018 | 09h41
EM 1ª MÃO
Contrato com a OS-Organização Social que gerencia a UPA-Unidade de Pronto Atendimento de Itaperuna poderá ser quebrado nos próximos dias e a casa voltar para a Prefeitura de Itaperuna por quem será administrada.
Comentar
Compartilhe
Hospital Renova Certificado de Filantropia
15/05/2018 | 17h00
EM 1ª MÃO
Hospital de referência e conhecido em todo o país, o São Jose do Avai volta a ser filantrópico. Recuperação foi encabeçada pelo deputado federal Simão Sessim-PP.
Comentar
Compartilhe
16 toneladas de alimentos arrecadadas em jogos universitários
14/05/2018 | 23h00
Ratos do Asfalto vencem o Redentor Games. Confira os outros resultados e a fantástica soma de 16 toneladas de alimentos para serem distribuídos. 

A 4ª Edição do Redentor Games vai deixar saudades. Foram 26 provas em diversas modalidades, como futsal, vôlei de areia, escalada, jogo de bisca, xadrez, jogo de mímica, quiz (torta na cara), competição de carrinhos de ratoeira, competição de pontes de palito de picolé, festival de música e outras, pondo em destaque as habilidades físicas, mentais e emocionais dos competidores.
No campo da solidariedade, um sucesso ainda maior: 16 toneladas de alimentos, a serem distribuídos para entidades benemerentes em toda a região, incluindo a Zona da Mata e Minas Gerais e o Sul do Espírito Santo.

A entrega total dos colaboradores, alunos e professores à organização, mostrou que o Redentor Games vem trilhando o caminho certo, ganhando à cada ano mais respaldo e se consolidando como um dos maiores eventos esportivos universitários do país.
E a professora Fernanda Rangel, coordenadora do Curso de Engenharia Civil e mentora dos jogos, resume: "Vivi e vi cenas maravilhosas, como equipes se juntando para dançarem e se divertirem, equipes oferecendo ajuda a outras equipes, alunos dispostos a tornar o Redentor Games um momento de aprendizado de vida. E isto é o que nos motiva. Nos mantém no propósito de continuar trabalhando para a cada ano o Redentor Games poder se superar cada vez mais."

Agora é esperar pela Edição Nº 5, enquanto se comemoram os resultados.

OS CAMPEÕES

1º lugar - Ratos do Asfalto (vencedora em 2015, 2017 e 2018)

2º lugar - Kamikaze (em 2017 ficou em 3º lugar)

3º lugar - La Máfia

A PREMIAÇÃO

1º lugar - R$6.577, 95

2º lugar - R$ 2.740,81

3º lugar - R$ 1.644,49
Comentar
Compartilhe
Você se lembra da cadela Catita, a heroína?
10/05/2018 | 14h25
Em sua edição online, O Globo traz em seu acervo a história de animais salvadores. Lá está a história de Catita, a cadelinha campista.
Vira-lata Catita salvou menino de 6 anos

Em fevereiro de 1999, na cidade de Campos, a cadela Catita roubou a cena ao salvar a vida do menino Lucas Tavares, que tinha apenas 6 anos de idade na época. Lucas brincava na rua quando foi atacado por dois cães da raça pitbull, que escaparam do controle do dono, Rodrigo Vasconcelos, então estudante de direito. Ao perceber o ataque, Catita interveio e conseguiu afugentar os cachorros após uma briga de dois minutos, evitando o pior: a criança quase tivera o rosto desfigurado, e seu irmão, de 13 anos, havia sido mordido na mão ao tentar ajudá-lo. Um ano após o ocorrido, O GLOBO noticiou que “Catita virou heroína”, explicando ainda que “veterinários atribuíram a reação de Catita ao instinto materno: ela tivera uma ninhada de sete filhotes 20 dias antes da luta”. A cachorra ainda seria condecorada com uma medalha de honra ao mérito pela Sociedade Internacional Protetora dos Animais, além de um patrocínio de um ano oferecido por uma empresa fabricante de rações caninas. A cadelinha heroína, que ainda apareceria no Domingão do Faustão, dando início a uma discussão sobre a raça pitbull, morreria em janeiro de 2001, aos 10 anos de idade, de causas naturais.

Reproduzido do acervo.oglobo.globo.com/em-destaque/de-caes-elefantes-animais-viram-herois-em-incendios-tsunami-nas-ruas-22663616#ixzz5F7WORJjS stest
Comentar
Compartilhe
As Ovelhas Elegem o Lobo
10/05/2018 | 02h52
IGNOREMOS OS OPORTUNISTAS
Artigo de Nathália Schwartz
Todos, sem exceção, reclamam que os políticos somente visitam suas regiões na época das eleições. E isso é verdade. Todo candidato, por mais antipático, passa óleo de peroba na cara e procura os aglomerados populacionais, onde possa estar concentrado o maior número possível de ovelhas, digo, de eleitores.
Longe de serem pastores, são lobos.
Esse comportamento, de causar nojo até em chá de boldo, repete-se em todas as eleições. E sabem quais os maiores culpados? Os próprios eleitores. Ou seja, nós!
Se perdermos nosso tempo com o oportunismo eleitoreiro, estaremos não somente eternizando o comportamento, mas principalmente perdendo precioso tempo.
A pessoa que aparece por interesse não merece nosso respeito nem o voto. Agem exatamente como aqueles parentes toscos e interesseiros, a nos procurar quando necessitam.
Ninguém gosta de ser usado, correto? Então comece a se respeitar.
Ignore essa gente que nada tem a lhe oferecer, mas que muito tem a sugar.
Não caia no papo de supostamente debater plataformas políticas ou propostas para melhorar as comunidades.
Assim que forem eleitos, a grande maioria dos políticos nos ignorará e nossas sugestões irão diretamente para o triturador de papel.
 
Fazem isso porque aceitamos, porque são tratados como celebridades. Nós, os eleitores, somos as celebridades. Não aceitem serem bajulados em troca de votos. Temos de ser respeitados. Essas pessoas, que agora se apresentam podem mudar os rumos das vidas de milhões de pessoas pelo Brasil afora.
E a grande maioria muda... para pior.
Porque deixamos.
Não os tratem como se fossem melhor do que são, como se fossem artistas de cinema ou de tv.
Quem somente aparece quando precisa, pode ser definido por vários nomes.
E os nomes que me vêm à cabeça, nenhum é bom!
Nós temos todo o poder para mudar os destinos de nossas cidades.
Nós somos o show!
Nós somos as celebridades!
Desconfie daqueles que estão vendo pela primeira vez, mesmo sendo da região. Daqueles que nunca deram as caras quando as comunidades são assaltadas, ou quando falta algum serviço público essencial como saúde e segurança.
Não estique as mãos para cumprimentar candidatos que, depois de eleitos, lavarão as deles por terem tocado em nós e se esconderão em tocas chamadas de gabinetes.
Confiem em pessoas que já fizeram algo diferente pela comunidade onde residem. Alguém que, mesmo nada ganhando, fez algo diferente em prol de um mundo melhor, em prol de uma comunidade melhor. Alguém que se doou para outra pessoa, sem ser por interesse.
Vamos fazer diferente nestas eleições.
Se vocês virem pela primeira vez um rosto conhecido da tv – tomando café ou comendo porcarias que eles nunca devem ter comido antes – perto de vocês, abraçando-os como se fossem pessoas queridas de vocês, podem esquecer: trata-se de um demagogo.
Usem o tempo de vocês para coisas úteis. Nunca se esqueçam quanto custará votar mal e colocar no poder pessoas que somente querem promover-se, parte de um egoístico projeto pessoal.
Comentar
Compartilhe
Festa de Itaperuna vai até o dia 13 de Maio
09/05/2018 | 22h56
Município foi elevado de vila à cidade em 6 de dezembro de 1889, mas comemora a data de 10 de maio como a mais importante, quando 04 vereadores de um total de 07, eram republicanos e em pleno Brasil Imperial, ganhavam dos monarquistas.
A nova câmara foi constituída em 4 de julho de 1889, mesmo assim tornou-se o 10 de maio a data considerada o ponto alto do município.
Itaperuna, antes Villa São José do Avaí, emancipava-se de Campos e começava seu próprio destino.
O fato de os republicanos vencerem politicamente dentro do Império, revestiu-se de enorme significado, justificando as comemorações de emancipação político-administrativa, mas historicamente, mesmo desagradando a alguns, não é a data correta. É a data da eleição dos vereadores.
Duas datas igualmente importantes passam despercebidas em Itaperuna, o 4 de julho de 1889 e o 6 de dezembro de 1889.
De qualquer modo o importante é festejar pacificamente.
Comentar
Compartilhe
Mandato e Mandado: a diferença do poder e da prisão
09/05/2018 | 21h50
O FANTASMA ESTÁ NO AR
Transgrediu as leis? Cedo ou tarde, documento dos mais temidos bate à porta, quase sempre acompanhado de força policial necessária para a boa condução do recebedor do papel timbrado, assinado, juramentado, assustador, geralmente surpreendente e potente como um raio de tempestade elétrica
O QUE É UM MANDADO DE PRISÃO
É uma ação escrita, advinda de autoridade pública competente, judicial ou administrativa, determinando a prática de ato ou diligência. É uma ordem emitida por juiz e deve ser cumprida. Ao determinar a prisão de alguém que tenha infringido a lei,  a autoridade judicial expede um Mandado de Prisão.
É MUITO CONFUNDIDO COM MANDATO
Se alguém tem autorização para praticar determinadas ações em função de outros, é detentor de um mandato, poder que alguém conferiu a outro, a fim de agir em seu nome. Significa procuração, delegação. No geral, é usado em termos políticos para designar os poderes que são conferidos a um homem que representará os cidadãos durante um determinado período.
DE TÃO CONFUNDIDO
Tem sido nos últimos anos o grande sonho dos que desejam a política limpa e o pesadelo dos praticantes da política suja. Ganham o mandato e o perdem para um mandado.
E tem se aproximado cada vez mais de onde menos se esperava.
Comentar
Compartilhe
Novas Eleições para Prefeito
09/05/2018 | 20h12
 

O município de Cabo Frio terá novas eleições para prefeito e vice - prefeito, isso se deve ao indeferimento, pelo TSE-Tribunal Superior Eleitoral , do registro de candidatura do prefeito Marcos da Rocha Mendes -PMDB) nas Eleições 2016.

"Diante da dupla vacância dos cargos em questão, impõe-se a realização de eleições suplementares, nos moldes do art. 224, caput e §3º, do Código Eleitoral", redigiu o presidente do TRE-RJ, desembargador Carlos Eduardo da Fonseca Passos, no ofício enviado à 96ª Zona Eleitoral (Cabo Frio). A decisão será comunicada à Câmara Municipal, que, até a realização das novas eleições, deverá adotar as "providências necessárias à administração do Município de Cabo Frio, segundo as prescrições da Lei Orgânica respectiva (art. 52, p.único)".

Na sessão plenária de hoje, quarta-feira (9), o TRE-RJ aprovou a resolução com o calendário das eleições suplementares para os cargos de prefeito e vice em Cabo Frio, marcadas para 24 de junho.

A Resolução 1.029/18, que será publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE), fixa as datas e regras do processo eleitoral, tratando de assuntos como convenções partidárias, registro de candidaturas, propaganda eleitoral, impugnações, julgamento de reclamações e direito de resposta, recursos, prestações de contas e diplomação.

A partir de 19 de maio de 2018 até a diplomação dos eleitos, o cartório da 96ª Zona Eleitoral, de Cabo Frio, funcionará diariamente, inclusive aos sábados, domingos e feriados .

Rio das Ostras

Na mesma sessão, o TRE-RJ aprovou resolução com o calendário das eleições para os cargos de prefeito e vice em Rio das Ostras, também marcada para 24 de junho. A realização se deve ao indeferimento, pelo Tribunal Superior Eleitoral, do registro de candidatura do prefeito Carlos Augusto Balthazar 0MDB nas eleições de 2016.

A Resolução 1.028/18, das eleições suplementares no município, será publicada no Diário da Justiça Eletrônico (DJE). A partir de 19 de maio de 2018 até a diplomação dos eleitos, o cartório da 184ª Zona Eleitoral, de Rio das Ostras, funcionará diariamente, inclusive aos sábados, domingos e feriados .



Comentar
Compartilhe
Prefeitura antecipa parte de 13º Salário de 2018
08/05/2018 | 13h45
Sai a primeira parcela do 13º salário de 2018

Na última semana, a Prefeitura de Itaperuna pagou antecipadamente  40% do 13º salário de 2018, destinados aos 2.854 servidores, dentre ativos, inativos, aposentados e pensionistas.
A folha de pagamento de abril, registrou R$ 12.771.709,91, dos quais, R$ 3.360.635,59 referem-se aos 40% do 13º. 
Comentar
Compartilhe
Outro Prefeito Cassado
08/05/2018 | 09h17
Desta vez é o de Aperibé, Flávio Diniz Berriel. O julgamento ocorreu ontem no TRE-Tribunal Regional Eleitoral.
Ainda cabe recurso em Brasília.
Comentar
Compartilhe
Câmara Bloqueia Críticos
08/05/2018 | 08h24
As transmissões Ao Vivo das sessões da CM de Itaperuna alcançam alto índice de audiência. Ontem, os comentários dos críticos online mais conhecidos, segundo eles mesmos, foram bloqueados, gerando gritaria nas redes sociais.
Para se conferir se realmente o bloqueio é temporário ou definitivo, assistir ao replay da sessão de ontem e aguardar pela próxima poderá ajudar:
Clique AQUI
Sessão de ontem AQUI
Comentar
Compartilhe
Acordão Vai se Firmando
08/05/2018 | 08h10
Nomeações recentes de nomes ligados à administrações passadas corroboram a ideia de que o Grande Acordo firmado na semana passada está em marcha.
Comentar
Compartilhe
O Grande Acordo No Quintal da Política
06/05/2018 | 11h38
Em 1ª MÃO
Um mega-hiper-super acordo envolvendo pesos pesados e outros nem tanto, foi a grande tônica da semana que acaba.
Presas e predadores voltarão momentaneamente a circular no mesmo espaço.
Mais detalhes nos próximos capítulos.
Comentar
Compartilhe
Coluna WS mostra Festa de Ex-Prefeito de Cardoso Moreira
05/05/2018 | 22h42
BY WILLIAM SOUZA
O empresário, pecuarista e ex-prefeito da Cidade Carinho, Genivaldo Gegê da Silva Cantarino, comemorou idade nova no 26 de abril, festejando na tarde do sábado seguinte no Santa Fé Country Park.
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
Fotos: Ademir Lemos
A festa contou com dezenas de amigos e familiares, com alegria, música, churrasco e muito chopp. 
Fotos: Ademir Lemos
Comentar
Compartilhe
Centro Universitário lança Campanha pelas crianças da Síria
05/05/2018 | 08h52
Com um belo vídeo UniRedentor-Itaperuna lança site e campanha para ajudar as crianças da Síria
NinoBellieny
Meninos e meninas do mundo inteiro estão passando por sérias necessidades, mas é na Síria, no Oriente Médio, em que elas estão mais sofrendo. Meio milhão de pessoas foram mortas pela guerra civil que assola o país desde 2011.
Milhares de refugiados espalhados por diversos países e junto deles, os mais frágeis: as crianças, mutiladas mental, espiritual e fisicamente.
"Não é porque você não vê que não existe"
Com essa frase-tema, a equipe de comunicação da UniRedentor produziu um vídeo de poucos segundos, nenhuma fala e muito impacto, emocionante e direto, a ser conferido AQUI e convoca a todos com muito amor para reflexões e ações:
"A UniRedentor é uma instituição que acredita na mudança do mundo através das pessoas. A educação é nossa marca registrada, assim como a nossa vocação em ajudar e, neste momento, acreditamos que podemos fazer a diferença. Através da agência Nacional da ONU para refugiados – ACNUR, que está auxiliando e protegendo os refugiados do mundo inteiro, queremos convidar a todos que possam ajudar a fazermos a diferença juntos! Todo valor recolhido será doado a ACNUR com a finalidade de resgatar pelo menos uma vida. Milhares de crianças estão em risco!"
Com a sua participação, vai ficar mais fácil. Juntos pode ser feito mais por elas.
Comentar
Compartilhe
Minha Lembrança de Paulo Albernaz
04/05/2018 | 01h20
NinoBellieny
Vinte de abril passado...  o ex-deputado estadual e ex-presidente da Câmara Municipal de Campos parte em jornada pelas estrelas. E mesmo longe da planície eu sinto. E sei porque sinto.
Embora tenha conversado muitas vezes com o sempre atencioso Paulo, inclusive em uma de suas visitas à Itaperuna quando vereador, e ter somente impressões expressivas a respeito daquela postura de lorde inglês com jeito brasileiro, a melhor lembrança dele não foi exatamente vivida por mim, mas por isso mesmo é a melhor.
Meu irmão Alberto Rodolfo viajava à noite para Macaé com a filha Sabrina no colo da avó Carminha, (nossa mãe), e num repente o tempo fechou-se para abrir-se em chuvas intensas. No início dos Anos 80, a BR-101 continuava sendo o terror dos motoristas, e num trecho em obras perto do Posto do Russo, imediatamente alagado, ocorreu um súbito defeito no motor e o automóvel estagnou em plena pista.
Carros passavam lentamente sem a  indispensável disposição da solidariedade. O desespero aumentava, a criança chorava, a angústia crescia. O espectro de um solitário do lado de fora do veículo pedindo socorro, tiritando de frio, não impressionava aos indiferentes faróis cortando as rajadas d'água.
Até que um Opala preto parou. Um homem alto desceu, não se importando com a ventania, a chuva implacável e os perigos da estrada. Imediatamente, ele, o motorista e meu irmão, empurraram o carro para o acostamento. Em seguida rebocaram até o posto de gasolina e só se foram ao terem a certeza de que estava tudo bem.
O homem alto era Paulo Albernaz.
Foto: ArquivoHistóricoPolítico
Foto: ArquivoHistóricoPolítico
Como nos filmes da Sessão da Tarde, o então deputado estadual ajudou à minha família sem pestanejar, mesmo atrasando a viagem para o Rio. Aquele sujeito importante politicamente, tornaria-se muito mais, pelo enorme e corajoso feito. Estava molhado, mas sorridente, feliz por ter ajudado na hora incerta, raciocinando com o coração e não com o medo e a preguiça dos omissos.
Anos depois pude agradecer pessoalmente, inclusive ao microfone de um comício do também saudoso ex-vereador Zé Dentista, em Morro do Côco, 12º Distrito de Campos dos Goytacazes, lugar em que Paulo era muito querido.
Eu não poderia ter lembrança maior ou melhor de alguém.
E não ficou apenas uma recordação resgatada do meio de uma chuva à beira de uma estrada. 
Ficou a gratidão.
NB
Itaperuna, 4/05/2018
Comentar
Compartilhe
Minhas Lembranças de D. Terezinha Pereira
04/05/2018 | 00h42
NinoBellieny
Eu sei que vou lembrar do seu sorriso, eu sei. Ele vinha na frente e à frente dele era impossível não sorrir também. Em cima, os olhos doces acompanhavam o gesto e tudo era um abraço afetuoso. Não houve pessoa que a conhecesse, não atingida por tanto carinho. As palavras embaladas em frases de incentivo completavam a atmosfera. Durante os anos em que trabalhei como locutor-operador da Rádio 97, ( A Rádio!), quando ela aparecia ocasionalmente nos estúdios era uma alegria e uma profunda reverência.
Nas festas de final de ano, a presença querida a movimentar o sorteio, a sorrir, sorrir muito.
Depois, encontrava-a uma vez por ano nas feijoadas da Folha da Manhã. Era a mesma festa do abraço respeitoso.
Veio a morte buscá-la um dia desses-sem-fim na memória de um abril estranho. Tomei ciência nas redes sociais e fui até a janela na esperança dos perdidos, tentar vê-la em alguma nuvem, mas ela foi direto sem escalas. Com aquele sorriso, D. Terezinha não precisava de passaporte e na bagagem espiritual levou só o melhor do vivido.
Eu sei que vou lembrar daquele sorriso, eu sei. Ainda não chorei, isso vai acontecer quando eu terminar esta crônica, acompanhado talvez das lágrimas de alguns leitores que sequer a conheceram, mas também e principalmente dos que tiveram a bênção de ter passado horas e anos ao lado dela.
Não olhei agora para o céu, nem preciso. A música a tocar na minha sala é o sorriso de D. Tereza. O brilho é forte como sempre foi e mesmo com as luzes apagadas, a casa se ilumina com a energia de mil hidrelétricas.
Itaperuna, Zero Hora e 30 minutos de sexta-feira, dia 4 de maio de 2018
Foto:ArquivoFamiliar
Foto:ArquivoFamiliar
Comentar
Compartilhe
Sete Bilhões de Reais serão investidos no Porto do Açu
03/05/2018 | 23h05
O Porto do Açu acaba de assinar um megacontrato com a GNA-Gas Natural Açu, que tem como parceiras, Siemens, BP e Prumo Logística, em um aluguel de área para a construção de termelétricas e de um terminal de regaseificação de GNL.
A 1ª fase prevê o aluguel de 805 mil m², pelo período de 23 anos, renováveis por mais 25 anos, para a instalação das duas termelétricas que terão capacidade total de 3GW. De acordo com o contrato, a primeira térmica terá área de 378 mil m², com uma opção de expansão em 426 mil m² para implantar a segunda unidade.
O acordo também inclui o uso da Molhe Norte do Terminal 2 do Porto do Açu para o desenvolvimento de um terminal de regaseificação de GNL, com capacidade inicial suficiente para atender às demandas de fornecimento de gás natural das usinas termelétricas.
A 2ª fase prevê até 3 termelétricas adicionais, alinhadas com a capacidade de geração de energia licenciada pela GNA, de 6,4GW, e que permite o desenvolvimento de projetos termelétricos adicionais no futuro
A GNA investirá mais de R$ 7 bilhões no desenvolvimento das duas termelétricas e do terminal de regaseificação (GNL). A 1ª térmica está prevista para iniciar a operação em 2021, e a 2ª em 2023. A negociação entre o Porto do Açu e a GNA começou em 2017, quando a GNA garantiu contratos de fornecimento de energia para a rede energética brasileira.Digite um texto ou endereço de um site ou traduza um documento.
Comentar
Compartilhe
Plantão da Justiça Eleitoral neste final de semana
03/05/2018 | 22h35

Itaperuna e mais 15 zonas eleitorais também irão atender neste final de semana

O Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro decidiu suspender, a partir da próxima segunda -feira (7), a exigência de agendar o comparecimento nas zonas eleitorais do Estado e nas Centrais de Atendimento ao Eleitor ( CAEs ).

Em dezesseis zonas eleitorais, inclusive, o eleitor será atendido também durante o final de semana, por ordem de chegada, sem agendamento prévio, das 11h às 18h. Confira AQUI a relação das zonas eleitorais que vão atender em regime de plantão no sábado (5) e no domingo (6).

Até o fechamento do Cadastro Nacional de Eleitores, no dia 9 de maio, o eleitor que está com o título cancelado pode regularizar sua situação eleitoral e garantir o direito de votar no pleito de outubro.
O prazo também vale para quem precisa tirar a primeira via do documento, transferir o domicílio ou solicitar mudança para uma seção de fácil acesso.
Comentar
Compartilhe
Ministério Público Visita UPA de Surpresa
03/05/2018 | 13h18
EM 1ª MÃO
Os promotores públicos do Estado do Rio de Janeiro, Bruno Santarém e Raquel Rosmaninho, acompanhados pelo GAP- Grupo de Apoio à Promotoria , assessores e um médico do GATE-Grupo de Apoio Técnico, fizeram uma visita surpresa hoje de manhã à UPA-Unidade de Pronto Atendimento de Itaperuna.
Documentos foram recolhidos e uma ambulância com defeito encontrada. Diante de evasivas de um dos gestores do local sobre haver ou não folha de ponto, o promotor advertiu que qualquer declaração que não batesse com a verdade configuraria crime.
O resultado da inesperada visita será divulgado em breve
Comentar
Compartilhe
Preconceito e Indiferença em Shopping
03/05/2018 | 01h48
Artigo de Aline Mendonça*
Empatia... o que significa essa palavra? Se colocar no lugar do outro! A história que vou contar é sobre falta de empatia, de compaixão e de educação! Fui a cidade mineira de Juiz de Fora, visitar a minha irmã e tinha tudo pra ser um fim de semana maravilhoso com amigos e família, se não fosse por um fato que marcou a todos nós.
Fomos ao Shopping Jardim Norte, queríamos levar as crianças para brincar, procuramos o Zig Zag Play, dentro do mesmo shopping, meu filho Daniel, autista de 8 anos de idade, estava super feliz, foi no carrinho de batida com as crianças e depois quis ir a outro brinquedo, onde naquele momento só havia uma criança, um pouco menor que ele e espaço de sobra, mas foi impedido, pois tinha 1cm além da altura máxima permitida.
A moça responsável pelo brinquedo disse que não poderia deixar ele entrar, mas era para a gente conversar com a supervisora, ela poderia resolver; minha irmã foi até ela, que respondeu: "Querida não posso deixar!".
Foi aí que começou o sufoco, pois quem conhece o autismo sabe, as crianças não entendem "o porque não pode", e ele começou a gritar, chorar e a se jogar no chão, todos olhando, ele cada vez mais nervoso, chorando muito.
Minha irmã pede de novo, suplica para a supervisora deixar ele entrar, explica que ele é autista, ela responde indiferente: "Não é porque ele tá fazendo birra que vou deixar ele entrar no brinquedo!".
Comecei a ficar nervosa, a chorar, a tremer de raiva, tristeza e constrangimento, pois aquela "supervisora" estava sendo intransigente por causa de 1cm de diferença na altura!
Não estou escrevendo isso pra dizer quem está certo ou errado, só tenho certeza que uma pessoa dessa não está preparada e muito menos qualificada pra trabalhar em um ambiente infantil com qualquer tipo de criança, não teve compaixão, não teve educação e muito menos empatia.
Por isso faço questão de falar do autismo para todos, quero que conheçam, se informem, falei para a atendente ( ela entrou pra uma sala e não voltou) que aquilo não era birra e sim autismo!
Saímos todos arrasados do shopping... só queríamos mais empatia e faltou tudo!
*Aline é itaperunense, dona de casa, manicure e bacharel em Direito.
Comentar
Compartilhe