Segredos sobre o "escandaloso esquema": quem vai contar?
30/09/2016 | 17h48
[caption id="attachment_44352" align="aligncenter" width="458"]segredo Imagem meramente ilustrativa[/caption]

Como mostra o blog "Opiniões", do jornalista Aluysio Abreu Barbosa (aqui), a secretária de Desenvolvimento Humano e a coordenadora do Cheque Cidadão, conseguiram a liberdade.

Um fato curioso é que, mesmo presas no último dia 23, a secretária e a coordenadora continuaram fazendo campanha nas redes sociais. Na última segunda-feira (26) as duas retransmitiram vídeos da campanha do Dr. Chicão (PR). Como o blog já revelou, os rosáceos usam um sistema que pega as senhas e faz as postagens automaticamente nas páginas dos aliados. Ou seja, em qualquer situação, a pessoa não pode parar de pedir votos.

Mas uma coisa é a postagem automática e a outra é o sentimento dos aliados nessa reta final.

Algumas pessoas que sofreram na pele podem resolver contar alguns segredos sobre o "escandaloso esquema" apontado pelo MInistério Público Eleitoral (MPE).

Comentar
Compartilhe
Muita calma nessa hora
30/09/2016 | 13h26

coronel

Até as pessoas mais próximas do líder rosáceo estão assustadas com a estratégia agressiva que ele escolheu nessa reta final.

Hoje (30), com uma música sombria de fundo, ele disse em sua emissora de rádio que não tem medo de ninguém. "Não tem juiz, não tem delegado que vai me intimidar". "O único temor que eu tenho é a Deus. Não temo homem nenhum. Não sou mais homem do que ninguém, mas não sou covarde. Quero deixar isso bem claro: não vão me intimidar".

A ideia é transformar a eleição em uma guerra e levar o combate para o seu terreno.

Mas nessa luta insana para tentar manter o poder, ele deixou de lado um importante ensinamento de Sun Tzu, que em seu livro “A Arte da Guerra”, ensina: “Triunfam aqueles que sabem quando lutar e quando esperar”.

Comentar
Compartilhe
Vídeo: veja o debate entre os candidatos à Prefeitura de Campos
30/09/2016 | 04h06
debate-foto Clique na imagem para ver o último debate entre os seis candidatos à Prefeitura de Campos, que aconteceu na noite de ontem (29), na Inter TV Planície, afiliada da TV Globo. Fonte: Facebook/Amanda Barreto 
Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: secretária continua presa
29/09/2016 | 10h35
[caption id="attachment_44339" align="aligncenter" width="408"]Secretária foi presa na última sexta-feira Secretária foi presa na última sexta-feira[/caption]

O advogado Jonas Lopes de Carvalho Neto concedeu entrevista ao programa "Fala Garotinho", da rádio Diário FM, e informou que o ministro do Superior Tribunal Eleitoral, Luiz Fux, concedeu um habeas corpus e a secretária de Desenvolvimento Humano e Social, Ana Alice Ribeiro, seria solta nas próximas horas.

Porém, ao contrário do que ele informou e o blog publicou, a secretária continua presa. Segundo Garotinho, houve um ruído de comunicação. Confundiram com um caso semelhante.

Ela foi presa na última sexta-feira durante a operação "Vale Voto", da Polícia Federal. Além de Ana Alice, também foi presa Gisele Koch, coordenadora do programa Cheque Cidadão.

Após as prisões, o  delegado Paulo Cassiano Júnior comentou sobre o caso. “A investigação diz respeito ao descumprimento do fim público do Cheque Cidadão, que está sendo utilizado para a compra de votos em benefício de candidatos a vereador e candidato a prefeito apoiado pelo atual governo”, afirmou.

 Após prisões, Garotinho pediu uma “cadeia de orações” (aqui).

Atualização às 18h - Alteração no título e no texto. 

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: Imbeg (R$ 3 milhões) e Inovaluz (R$ 1 milhão)
29/09/2016 | 09h16

Na última terça-feira (27) a Prefeitura abriu o cofre a pagou R$ 3 milhões a empresa Imbeg por manutenção e pavimentação em diversos bairros.

Já a Inovaluz Gestora de Iluminação Urbana Ltda recebeu duas notas que somadas chegam a R$ 1 milhão. O serviço prestado foi "planejamento e gestão".

A Inovaluz, que atua no governo Rosinha desde 2009, é de Nova Iguaçu, terra de Walney Rocha, que vem a ser presidente estadual do PEN, partido que deixou o ex-prefeito Arnaldo Vianna e agora caminha com Caio Vianna (PDT). Quem conhece os bastidores sabe que Walney possui uma ligação bem estreita com a Inovaluz, empresa que já fez até doação ao parlamentar (aqui).

Após perder o partido, Arnaldo disse que se tratava de um "golpe articulado pelo coronel Bolinha".

Comentar
Compartilhe
Todos por Sawanna
28/09/2016 | 23h57
doacao
Comentar
Compartilhe
Dr. Chicão parte para o ataque
28/09/2016 | 23h27

chicao

O vice-prefeito Dr. Chicão (PR) resolveu atacar o vereador Rafael Diniz (PPS). Na ânsia de disparar contra o adversário, usou até a religião. "Se diz católico ferrenho e incita a violência (...) Deus é mais, Deus é maior do que tudo isso. Ele vai abrir o nosso caminho", disse Chicão, que completou: "A verdade vai vencer a mentira, o bem vai vencer o mal".

Comentar
Compartilhe
Grupo de pagode aponta "Ditadura da FCJOL" e lança #votolimpo
28/09/2016 | 10h08
[video width="400" height="224" mp4="http://www.folha1.com.br/_midias/wp/blogs3/bastos/wp-content/uploads/sites/2/2016/09/zona-sul.mp4"][/video]

Integrantes do grupo de pagode Zona Sul, formado por artistas de Campos, publicaram um vídeo em sua página oficial no Facebook alegando que vêm sofrendo represálias por parte da Prefeitura. Segundo os músicos, está havendo um “boicote” ao grupo desde que um membro publicou em seu Instagram apoio a um candidato à Prefeitura que não é rosáceo. Neste momento o vídeo tem 36 mil visualizações. Eles também lançaram a campanha #VotoLimpo

Os músicos afirmaram que o desabafo foi em nome da democracia. “Resolvemos nos manifestar em nome da democracia, pelo respeito com a nossa classe (músicos) e todos os cidadãos campistas. Se você também já sofreu algum tipo de pressão por ter uma opinião política diferente e/ou apoia a nossa liberdade de expressão, compartilhe nosso vídeo e mande o seu depoimento. Essa ditadura precisa acabar e só vamos conseguir ter voz juntos, independente de quem seja o seu candidato. A política serve para representar as pessoas, não para aprisioná-las”.

Reação - Presidente da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), Patrícia Cordeiro  usou o Facebook para afirmar que a banda foi contemplada com diversos shows dentro da programação do calendário de eventos da cidade. Segundo ela, é sabido que existe um rodízio de bandas dentro da proposta da FCJOL de fomentar a produção local. Patrícia salientou que, nas eleições de 2012, o líder da banda também manifestou sua posição política e, mesmo assim, nunca sofreu qualquer tipo de represália. Sempre vou defender o samba, o pagode, o  funk, a música popular e pra pular brasileira, contando que seja bem feita e por bons músicos. Agora, música apelativa é tão lamentável quanto vídeos apelativos”, finalizou a presidente.

Horas depois, Patrícia publicou um vídeo com um integrante do grupo Zona Sul afirmando que vota em Dr. Chicão (PR). O problema é que o título de eleitor dele é de São João da Barra.

Comentar
Compartilhe
Garotinho ataca delegado da Polícia Federal
28/09/2016 | 01h02

garotinho2-1

Em sua história, sempre quando a situação está apertada, Anthony Garotinho (PR) dispara para todos os lados. Em 2005, quando a juíza Denise Apolinário deu sentença contrária ao seu grupo, ele disparou forte e alegou motivação política. Depois, ao ser condenado como chefe de quadrilha armada, atacou o juiz. Em 2010, durante a cassação de Rosinha e Chicão, criticou a juíza Grácia Cristina do Rosário. Na época ele disse que os manifestantes poderiam até quebrar o Fórum todo.

Dessa vez, ele resolveu usar o seu blog para dizer que há um "escândalo na eleição de Campos".

Segundo o líder rosáceo, "um delegado federal que ostensivamente tem feito campanha".

Ele também disse que "o terror tomou conta da cidade com prisões arbitrárias, como da secretária da Família, acusada de oferecer o Cheque-Cidadão a famílias pobres, que na verdade já existe há 8 anos".

O mesmo Garotinho que, em 2008 comemorou a operação"Telhado de Vidro", agora quer jogar pedra no trabalho da Federal.

Atualização às 17h40 - Em seu blog Garotinho diz que o delegado Paulo Cassiano Junior teria pedido voto para Rafael Diniz. "Ao ser informado por uma pessoa que recebeu a mensagem que se tratava do telefone do delegado Paulo Cassiano não acreditei. Liguei para um amigo que tem uma loja de telefones celulares, que tem acesso ao sistema, para saber se era possível descobrir o proprietário da linha" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Debate
27/09/2016 | 16h41

debate

Daqui a pouco acontece o debate promovido pelo Fórum Interinstitucional de Dirigentes do Ensino Superior de Campos (Fidesc), órgão que reúne gestores das instituições públicas e privadas do município, e terá como tema “Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia, Planejamento Urbano e Propostas e Compromissos”.

O debate está marcado para às 18h, no Centro de Convenções da Universidade Estadual do Norte-Fluminense (Uenf) e contará com transmissão ao vivo da PlenaTV, Rádio Continental e na Folha Online.

Já na quinta-feira (29), após o penúltimo capítulo da novela “Velho Chico”, acontece o último debate, na Inter TV Planície.

Sem voz - O candidato Dr. Chicão (PR), que está quase sem voz, vai fazer um esforço para tentar participar do debate.

Atualização às 22h30 - O debate não contou com os candidatos Dr. Chicão (sem voz) e Caio Vianna (rotina intensa de gravações).

Comentar
Compartilhe
Pudim sobre "Vale Voto": "Mandante deveria estar preso"
27/09/2016 | 14h34

pudim-alerj

Em entrevista à Folha (aqui), o deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB) comentou sobre a operação da Polícia Federal (PF) que gerou as prisões da secretária de Desenvolvimento Social e da coordenadora do programa Cheque Cidadão.

Na visão de Pudim, outra pessoa deveria estar na cadeia. "O mandante deveria estar preso. Ninguém ali tem autonomia para fazer o que foi feito, não. Receberam ordem. E a corda sempre arrebenta do lado mais fraco".

Comentar
Compartilhe
Rádio Diário FM fora do ar
27/09/2016 | 09h35
diario O juiz avisou, mas ao que tudo indica o abuso continuou. A rádio Diário FM está novamente fora do ar. Dessa vez, tendo em vista o alerta que havia sido feito  (aqui), a tendência é que fique assim até o fim da eleição.
Comentar
Compartilhe
Vale Voto: PF cumpre mandados de busca e apreensão em órgãos da Prefeitura
27/09/2016 | 09h19

cras-2

A operação "Vela Voto", da Polícia Federal (PF), contou com uma nova fase nesta terça-feira (27). A PF cumpre, na manhã desta terça-feira (27), mandados de busca e apreensão em 13 unidades da Prefeitura de Campos. A ação faz parte de inquérito que investiga fraude no uso do programa social Cheque Cidadão para compra de votos.

Entre os locais está o Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Parque Esplanada.

A delegada Carla Dolinski vai comentar sobre o desdobramento da operação em entrevista coletiva.

O blog "Na Curva do Rio" postou nota sobre o assunto (aqui).

"Cheque Cidadão, que está sendo utilizado para a compra de votos" - Segundo o delegado que está à frente das investigações, Paulo Cassiano Júnior, o programa está sendo utilizado para fins eleitorais. O programa concede benefício de R$ 200 para famílias de baixa renda.

A secretária municipal de Desenvolvimento Humano e Social e a coordenadora do Programa Cheque Cidadão que foram presas na última sexta-feira (23) foram encaminhadas para o presídio Feminino de Campos. A prisão preventiva, que tinha prazo de cinco dias, foi prorrogada. “A investigação diz respeito ao descumprimento do fim público do Cheque Cidadão, que está sendo utilizado para a compra de votos em benefício de candidatos a vereador e candidato a prefeito apoiado pelo atual governo”, afirmou o delegado Paulo Cassiano Junior.

Comentar
Compartilhe
Garotinho dispara
27/09/2016 | 02h15
[caption id="attachment_44268" align="aligncenter" width="410"]Montagem/Blog do Esdras Montagem/Blog do Esdras[/caption]

O secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) resolveu partir para o ataque contra os candidatos da oposição. Ontem (26), em reunião com militantes de Guarus, ele comentou sobre os adversários do Dr. Chicão (PR).  O blog recebeu diversas gravações da reunião. Confira alguns trechos:

Rafael Diniz (PPS) e Nildo Cardoso (DEM) - "Dois candidatos representam a oligarquia: o primeiro é Nildo Cardoso, um fazendeiro da Baixada. O outro se chama Rafael Diniz, que é neto de Zezé Barbosa".

Rogério Matoso (PPL) - "Esse é um playboy. Tem um bar ali na Pelinca. Gosta de tomar chopp e não tem nada na cabeça".

Caio Vianna (PDT) - "Bom rapaz, só que é muito novinho e despreparado".

Antes, ele já havia disparado forte contra o deputado Geraldo Pudim (PMDB). "Eu tenho gravações com coisas até impublicáveis deste cidadão, que cansou de me elogiar, de dizer que eu era o melhor homem do mundo, mas que agora diz um monte de coisas que contraria o que ele pensava antes" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Pesquisa da TV Record: Rafael Diniz lidera
26/09/2016 | 13h02
pesquisa

Pesquisa do Instituto Paraná divulgada pelo TV Record, que ouviu 720 pessoas entre os dias 21 e 25 deste mês, mostra o candidato Rafael Diniz (PPS) na liderança com 37,8%, seguido por Dr. Chicão (PR) com 34,8%. Em terceiro lugar está Caio Vianna (PDT), com 10,7%.

Geraldo Pudim (PMDB) aparece com 2,2%, Nildo Cardoso (DEM), tem 1,9% e Rogério Matoso (PPL), 1,3%.

Não sabe: 5%. Brancos e nulos: 6,4%

Segundo turno:

Rafael Diniz: 47,1%

Dr. Chicão: 41%

A pesquisa, contratada pela TV Record, foi registrada no TSE: RJ-05480/2016. A margem de erro é de quatro pontos percentuais para mais ou para menos.

Líder em três pesquisas - Além da pesquisa da Record, Rafael Diniz também lidera as pesquisas do instituto Pro4 (aqui) e Citta (aqui).

Precisão aponta Chicão - Já a pesquisa do instituto Precisão, realizada entre os dias 14 e 17 e divulgada pelo Diário, mostrou Chicão com 34% e Rafael Diniz com 24% (aqui).

Comentar
Compartilhe
Lava Jato: Delegado fala em interferência da Odebrecht em Campos
26/09/2016 | 12h21

delegado

Em coletiva de imprensa sobre a 35ª fase da operação Lava-Jato, deflagrada na manhã de hoje (26), o delegado da Polícia Federal (PF) Filipe Hille Pace disse que as investigações da força policial apontam para a atuação e interferência da empresa Odebrecht em municípios.

O delegado comentou sobre "obra para construção de hospital em Campos dos Goytacazes". Segundo matéria publicada pelo Estadão, houve "pagamentos de vantagem indevida ao codinome CASSINO, cuja autorização foi expressamente dada por Marcelo Bahia Odebrecht e vinculados a obras no Hospital Geral de Guarus no Município de Campos dos Goytacazes/RJ".

Segundo o delegado, Marcelo Odebrecht coordenava e autorizava "pagamento de propina para obras em diversos locais".

E-mails apreendidos pela Operação Lava Jato indicam propina paga pela empreiteira Odebrecht em obras e codinomes vinculadas a cada uma. Relatório da Polícia Federal listou 32 conjuntos de mensagens que tratavam de ‘pagamentos de vantagens indevidas’.

Matéria com a informação sobre a inclusão de Campos foi publicada no Terceira Via.

Atualização às 14h50 - Inclusão da informação sobre o local da obra e o codinome (Cassino).

Atualização às 19h - Indagada sobre o assunto, a Prefeitura de Campos enviou a seguinte resposta: "O Município de Campos dos Goytacazes, em razão das notícias veiculadas na imprensa nesta segunda-feira (26), esclarece que os fatos investigados não dizem respeito a atos praticados na gestão da prefeita Rosinha Garotinho. As obras de construção do Hospital Geral de Guarus foram concluídas no ano de 2001 na gestão do então o prefeito Arnaldo Vianna".

Atualização às 19h30 - Após ter o seu nome citado pela Prefeitura, o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PMDB) disse que foi um "gestor correto". Segundo Arnaldo: "fizemos a obra e nunca recebemos qualquer vantagem ou propina".

Sobre o codinome Cassino, ele afirmou desconhecer.

Comentar
Compartilhe
Recado do juiz
25/09/2016 | 16h56

Como o blog "Na Curva do Rio" mostrou ontem (aqui), a Justiça Eleitoral tirou do ar a rádio Diário FM, ligada ao grupo rosáceo.

O grupo governista estava perdendo a mão ao se defender da investigação do Ministério Público Eleitoral (MPE) que aponta uso eleitoreiro do Cheque Cidadão. Além disso,

Vai continuar? - Como a decisão tirou a rádio do ar por 24h, daqui a pouco a programação volta ao normal. Porém, o juiz dfa 75ª Zona Eleitoral já avisou que se a propaganda irregular continuar, a rádio vai sair do ar até o término da eleição.

Comentar
Compartilhe
Calma, Linda
24/09/2016 | 18h14

linda-mara00

Linda Mara Silva (PTC), ex-secretária Particular da prefeita Rosinha Garotinho (PR), convocou a sua turma para fazer um "panelaço" contra o candidato Rafael Diniz (PPS). A ideia era confrontar os aliados de Diniz durante a caminhada do candidato em Guarus.

Porém, os fiscais do TRE, ao lado da PM, entraram em ação e frustraram o plano da candidata rosácea que faz parte da lista de investigados por suposto uso eleitoreiro do Cheque Cidadão.

Neste momento da campanha é preciso ter muita serenidade.

Calma, Linda.

Veja mais na Folha Online: aqui 

Comentar
Compartilhe
Muita calma nessa hora
24/09/2016 | 13h49

adesivo-1

Qual é o limite para conquistar votos? Vale tudo?

Na terra goitacá, a polarização entre Dr. Chicão (PR) e Rafael Diniz (PPS) tem gerado todos os tipos de reações.

Em um grupo no WhatsApp, ~WG publicou a imagem de um adesivo de Rafael sendo retirado e deixou a seguinte mensagem: "Pra cima deles".

Muita calma nessa hora...

Comentar
Compartilhe
Rosinha: "Tem gente com um pé no céu e outro no inferno"
24/09/2016 | 02h39
rosinha-e-chicao

Durante comício em Ururaí, na noite de ontem (23), a prefeita Rosinha Garotinho (PR) protestou contra candidatos a vereador do grupo rosáceo que não estão pedindo votos para Dr. Chicão (PR). "Tem gente com um pé no céu e outro no inferno. Esses já estão traindo. O voto tem que ser casado", disse Rosinha.

Em tom ameaçador, ela completou: "Quem fica em cima do muro é o primeiro alvo. Fica exposto e vai morrer primeiro. Eleição não é brinquedo, é coisa séria".

v-de-vinganca

V de Vingança? - Um candidato que foi pressionado já falou nos bastidores: "Não esqueci o que passei. Estou engolindo muitos sapos, mas na hora certa eles vão ter uma grande surpresa".

Comentar
Compartilhe
Coisas do destino
23/09/2016 | 20h41

coisas-do-destino1

A reação do grupo rosáceo após a operação "Vale Voto", da Polícia Federal (PF) (aqui), foi previsível.

Ataques aos opositores, críticas ao juiz, uso do nome de Deus, e estratégia da vitimização.

O grupo que voltou ao poder em 2008 prometendo "deixar o passado para trás", com duras críticas ao governo Mocaiber, encerra a segunda gestão com uma operação da PF e prisão de secretária.

E agora, para tentar manter o poder, os rosáceos contam em seu time com peças estratégicas que faziam parte da gestão de Mocaiber e eram duramente criticadas por Garotinho. Inclusive, o marido da secretária que foi presa é um desses nomes.

Coisas do destino.

Comentar
Compartilhe
Garotinho pede "cadeia de orações"
23/09/2016 | 11h24
25/01/2012 - Entrevista com o ex-governador do Rio de Janeiro, o Deputado Federal Antony Garotinho. Foto de Fernando Souza / Ag. O Dia POLÍTICA, ENTREVISTAS, GOVERNO, GOVERNADORES

Após as prisões da secretaria de Desenvolvimento Social e da coordenadora do Cheque Cidadão, na manhã desta sexta-feira (23) (aqui), o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) e a prefeita Rosinha Garotinho (PR) usaram a rádio Diário FM para comentar sobre o tema. "Peço uma cadeia de orações. Vamos orar pela Ana Alice e pela Gisele. Tudo isso foi uma grande covardia. Peço aos padres, pastores que orem. Encaminhem um louvor a Deus contra essa injustiça".

O casal Garotinho também disparou contra o juiz. "Um juiz que nem é deste caso. Ele diz que o cheque cidadão não pode continuar durante a eleição. Mas calma aí. É cheque cidadão ou cheque eleição?".

Neste momento, na estratégia da vitimização, Garotinho coloca ouvintes no ar. Todos defendem o governo Rosinha e protestam contra a decisão.  Uma ouvinte chegou a dizer que "o candidato da prefeita vai ganhar e manter tudo".

Para tentar se defender de uma acusação, Garotinho pode acabar gerando novas ações. Em 2010 a prefeita foi afastada durante seis meses por conta do uso indevido dos meios de comunicação na eleição de 2008.

Comentar
Compartilhe
Delegado: "compra de votos em benefício de candidatos a vereador e candidato a prefeito"
23/09/2016 | 10h22

federal

Após as prisões da secretaria de Desenvolvimento Social e da coordenadora do Cheque Cidadão, na manhã desta sexta-feira (23) (aqui), o delegado que está à frente das investigações, Paulo Cassiano Júnior, disse que o programa está sendo utilizado para fins eleitorais.

Ao todo, a operação tem o objetivo de cumprir 10 mandados de prisão e 14 de busca e apreensão. Oito eleitores também foram presos suspeitos de venderem o voto. O programa concede benefício de R$ 200 para famílias de baixa renda. “A investigação diz respeito ao descumprimento do fim público do Cheque Cidadão, que está sendo utilizado para a compra de votos em benefício de candidatos a vereador e candidato a prefeito apoiado pelo atual governo”, afirmou o delegado.

Paulo Cassiano deixou a chefia da delegacia da PF em Campos no ano de 2013. Na época, ele foi para Florianópolis e assumiu a função de delegado executivo.

Na época, Paulo Cassiano disse que havia fechado um ciclo da vida à frente da Delegacia da Polícia Federal em Campos (aqui).

Fonte: G1

Comentar
Compartilhe
Cerco fechado: Polícia Federal prende secretária de Rosinha
23/09/2016 | 09h38
secretaria-policia-federal

A Polícia Federal (PF) prendeu, na manhã desta sexta-feira (23), a secretária de Desenvolvimento Humano e Social de Campos, Ana Alice Ribeiro, a coordenadora do Cheque Cidadão, Gisele Koch Soares.  Segundo informações, são 10 prisões, além de mandados de busca e apreensão e condução coercitiva.

Os presos estão sendo ouvidos neste momento na sede da PF em Campos pelos delegados responsáveis. Procuradores do município também estão no local.

Ana Alice assumiu a secretaria após a saída de Thiago Ferrugem (PR), que disputa uma cadeira na Câmara de Campos.

[caption id="attachment_44205" align="aligncenter" width="428"]Foto: Ururau Foto: Ururau[/caption] Delegado fala em “compra de votos em benefício de candidatos a vereador e candidato a prefeito” (aqui). Após prisões, Garotinho pede "cadeia de orações" (aqui).

A notícia foi publicada em primeira mão no blog "Na Curva do Rio" (aqui).

A cobertura completa estará na edição de amanhã (24) da Folha.

Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: Rosinha fala em "complô"
23/09/2016 | 02h40

rosinha-e-chicao

Ao participar de programa de rádio, na emissora do seu marido, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) apontou um "complô". “Que complô é esse, com parte da imprensa, que provoca o cancelamento de um programa que existe desde 2009, matando a fome de pessoas simples e humildes, que não conseguem emprego? Quem está contra o povo não sou eu. Estão tirando um dos benefícios que considero mais importantes”, afirmou.

Na última sexta-feira (16), ao ser indagada sobre a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) para apurar possível abuso de poder político e econômico decorrente de uma suposta utilização de Cheque Cidadão para para a obtenção de votos, Rosinha disse que não fez troca por voto. “Se houver alguma coisa que não esteja dentro dos critérios, eu sou a primeira a mandar rever, como já fiz outras vezes. Se tem alguém que não precisa, vamos corrigir (…) Nós não fizemos nenhuma troca de voto” (aqui).

Comentar
Compartilhe
Lista dos 34 vai aumentar?
22/09/2016 | 19h08

lista

A tendência é que a lista dos 34 candidatos investigados por suposta utilização eleitoral do Cheque Cidadão (aqui) aumente.

Após uma apuração detalhada, tem mais gente na mira.

Haja Rivotril.

Comentar
Compartilhe
Quem foi o primeiro a denunciar a farra no Cheque Cidadão?
22/09/2016 | 11h45

cheque

Em junho deste ano, ao detectar o aumento do número de beneficiados pelo programa Cheque Cidadão, o vereador Marcão (Rede) disparou: “Já estão distribuindo Cheque Cidadão para comprar votos. Estou falando com todas as letras, pode me processar”, disparou o vereador (aqui).

Porém, o primeiro a detectar uma "farra" não foi Marcão.

Em 2015 o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) denunciou abusos no programa em Campos. Ele disse que “tinha gente com 10, 20 cartões na mão” (aqui). "Isso é um escândalo, é uma vergonha". Na época, o programa chegou a ser suspenso.

O problema é que meses após Garotinho anunciar que havia esse abuso, o Cheque Cidadão foi turbinado e, segundo a investigação do MPE, o número de inscritos saltou de 11 mil para quase 30 mil. Será que dessa vez ele não conseguiu notar?

Suspenso - Hoje (22), como mostra o blog "Na Curva do Rio" (aqui), o juiz Eron Simas suspendeu o benefício das pessoas que entraram a partir de junho, época em se falava na "lista do cheque cidadão" (aqui).

Recordar é viver - Para quem não se lembra, a eleição de 2004 foi marcada pelo uso das máquinas (Estado e Prefeitura). Naquele ano, como mostra uma matéria do jornal “O Globo” (aqui), “na reta final da disputa, o governo do estado distribuiu Cheque Cidadão, cestas básicas, kits escolares e até casa a R$ 1”.

Comentar
Compartilhe
Após flertar com Garotinho e apoiar Matoso, Henriques fica com Caio
21/09/2016 | 20h43

henriques

O ex-deputado Roberto Henriques (PPL) é realmente uma metamorfose ambulante.

Neste ano eleitoral ele já flertou com o secretário de Governo Anthony Garotinho (aqui), anunciou o seu apoio ao candidato Rogério Matoso (PPL) (aqui) e, agora, faltando 11 dias para a eleição,  resolveu pregar o "voto útil" em Caio Vianna (PDT).

Fantasma de 2004 - Na visão de Henriques, "a robusta denúncia do Ministério Público Eleitoral contra a candidatura do Dr. Chicão, torna-se um prenúncio do acontecido com Carlos Alberto Campista, que não se livrou do tão famoso artigo 41-A, vindo a ser sentenciado e uma vez recorrente, sem o beneficio do efeito suspensivo, pois In caso, só se beneficiaria do efeito devolutivo".

Segundo o ex-deputado, "lutas judiciais, afastamento de prefeito e novas eleições já nos causaram prejuízos irreparáveis. Peço licença pública ao Rogério Matoso, a quem declarei voto, para me enganjar na luta pelo voto voto útil à candidatura do Caio Vianna", publicou no Facebook.

 
Comentar
Compartilhe
Romário com Crivella
21/09/2016 | 19h51
  romario Faltando 11 dias para as eleições, o senador Romário (PSB) entrou no time do senador Marcelo Crivella (PRB), candidato à Prefeitura do Rio. A definição foi feita no início da noite desta quarta-feira. Desta forma, Romário se posiciona contra as direções nacional e estadual de seu partido, que optaram pela aliança com Indio da Costa (PSD), que tem Hugo Leal (PSB) como vice na chapa.
Comentar
Compartilhe
De olho em 2020, Wladimir articula nos bastidores
21/09/2016 | 17h24
ptb-diretorio-wladimir

O empresário Wladimir Garotinho, que parece estar afastado do processo, tem feito movimentos estratégicos na eleição deste ano.

Como este blog já comentou (aqui), nos últimos anos ocupou espaços deixados pelo pai e tem boa relação até com correntes da oposição.

Como o seu sonho é ser prefeito de Campos (aqui), Wladimir não quer nem pensar na possibilidade de um outro jovem ocupar espaços em sua cidade.

Comentar
Compartilhe
Pesquisas no forno
21/09/2016 | 12h54

pesquisa

Nos próximos dias o eleitor campista deve conhecer os resultados de diversas pesquisas eleitorais. Já estão registradas no TSE pesquisas dos institutos P.R. Barbosa, Citta Projetos, Pro4, Precisão e Paraná. Caso os contratantes se interessem, elas serão divulgadas entre sexta-feira (23) e segunda-feira (26). Ciente de que existe grande chance de segundo turno, todos os institutos vão simular os possíveis confrontos.

Chicão e Rafael empatados - Foi divulgada hoje (21), mais uma pesquisa que aponta empate técnico entre Dr. Chicão (PR) e Rafael Diniz (PPS) (aqui). Segundo o levantamento do instituto Gerp, com 500 eleitores, entre os dias 16 e 18 deste mês, Dr. Chicão aparece com 28% e Rafael Diniz tem 27%. Ou seja, estão empatados tecnicamente na estimulada. Na simulação de segundo turno entre Rafael Diniz e Chicão, o vereador tem 36% contra 32% do vice-prefeito de Campos. Nenhum deles: 10%. Não sabe/não respondeu: 22%. A margem de erro é de 4,47 pontos percentuais para mais ou para menos. A pesquisa foi registrada (RJ-08015/2016). Veja a pesquisa no blog "Opiniões" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Madureira: "Nunca utilizei Cheque Cidadão para comprar votos"
21/09/2016 | 11h22

vinicius

Candidato a vereador pelo PRP, Vinicius Madureira publicou um vídeo no Facebook e comentou sobre a inclusão do seu nome na lista dos investigados (aqui) por suposto uso do Cheque Cidadão para obtenção de votos.  "Sou candidato devidamente registrado, nunca utilizei Cheque Cidadão, ou qualquer outro tipo de benefício, para comprar ou captar votos e nunca fui secretário municipal, como também afirmam erroneamente. A cada luta vencida os que nos perseguem se multiplicam, porém venceremos novamente com as bênçãos de Deus", disse Madureira.

No vídeo, ele aponta também "fogo amigo" no grupo rosáceo. "Já não bastasse a perseguição do chamado fogo amigo. Inventam inverdades ao meu respeito, dizendo que, com o vereador, irei acabar com programas sociais, como o próprio Cheque Cidadão, passagem a R$ 1, acabar com as Vans, fechar Postos de Saúde, e que moro no Flamboyant".

Comentar
Compartilhe
"Eu não sou cachorro"
21/09/2016 | 00h21

cachorro

Aos poucos os áudios dos grupos de WhatsApp começam a vazar. Agora o barraco envolve candidatos a vereador do grupo rosáceo que estão se sentindo humilhados. Um deles, do PSDB, desabafou: "Tirei tudo de Garotinho e Chicão do meu Facebook. To revoltado, porque eu não sou cachorro, não (...) gente só serve pra ficar catando votinho. Tem que receber ligação de secretária achando que tá falando com cachorro, dizendo que tem que distribuir papel de Chicão. Olha, eu não vou distribuir papel de Chicão. Vou buscar voto pra mim, tô na campanha de vereador. Tem gente que tá fazendo um grande favor para o adversário. Não é só no PSDB que tem insatisfação, nos outros partidos está muito pior".

Pressão total - Ontem (21), ciente desses conflitos internos que jogam muitos aliados no colo dos adversários, o líder rosáceo reuniu os candidatos a vereador e deu uma espécie de ultimato. Cobrou fidelidade e avisou que os rebeldes serão punidos.

Comentar
Compartilhe
Ferrugem vê "onda de denuncismo irresponsável"
20/09/2016 | 23h36

cheque

Na lista dos candidatos investigados (aqui), o ex-secretário Thiago Ferrugem (PR) divulgou nota sobre o assunto. Segundo Ferrugem, neste período eleitoral "sempre surge uma onda de denuncismo irresponsável".

ferrugem

O blog "Na Curva do Rio" divulgou a nota (aqui).

Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: saiu a lista dos 34
20/09/2016 | 15h49

Confira os nomes dos 34 candidatos a vereador investigados na denúncia do Ministério Público envolvendo o programa Cheque Cidadão:

1.    Ailton Tavares 2.    Albertinho 3.    Aldo de Tocos 4.    Binho de Conselheiro 5.    Carlos Alberto Canaã 6.    Cecília Ribeiro Gomes 7.    cmt Levino 8.    Duda ‘a renovação’ 9.    Edilson Peixoto 10.    Geraldinho Santa Cruz 11.    Gilson Gomes 12.    Heloísa Rocha 13.    Jorge Rangel 14.    Kátia Venina 15.    Kellinho 16.    Kelynho Povão 17.    Leo de Morro do Coco 18.    Leonardo do Turf 19.    Linda Mara 20.    Magal 21.    Miguelito 22.    Ozéias 23.    Paulinho Camelô 24.    Paulo Henrique PH 25.    Pepeu Baixa Grande 26.    Roberta Moura 27.    Roberto Pinto 28.    Rodolfo Pescador 29.    Serginho Bigode 30.    Thiago Ferrugem 31.    Thiago Virgílio 32.    Tia Penha 33.    Vera Bensi 34.    Vinícius Madureira O blog "Na Curva do Rio" divulgou os nomes (aqui).
Comentar
Compartilhe
Lista dos 34 será divulgada
20/09/2016 | 13h16

34-004

A Justiça se prepara para divulgar a lista dos 34 candidatos a vereador que fazem parte, de acordo com o Ministério Público Eleitoral (MPE), de um "escandaloso esquema" com uso do Cheque Cidadão.

A lista conta com poderosos ex-secretários e vereadores do grupo rosáceo.

Nas 34 ações, o MPE requer a cassação de registro ou de eventual diplomação e a decretação de inelegibilidade dos candidatos processados por oito anos. A acusação é de abuso de poder econômico e político. As ações são resultado do trabalho investigativo decorrente da análise de documentos buscados e apreendidos em operação realizada no último dia 2, e que já havia resultado na propositura de ação em face da prefeita Rosinha Garotinho (PR); de seus candidatos a sucessão, Dr. Chicão (PR)e Mauro Silva (PSDB); da secretária de Desenvolvimento Humano e Social, Ana Alice, e da coordenadora do Programa Cheque Cidadão.

Comentar
Compartilhe
Após ação de Rafael Diniz, juíza determina abertura da "caixa preta"
20/09/2016 | 11h56

Após ação cautelar ajuizada pelo vereador Rafael Diniz (PPS) em 2014, com o objetivo de abrir a "caixa preta" da Prefeitura de Campos e obter informações sobre cargos de confiança, contratados e servidores, a juíza Juliana Leal de Melo julgou procedente e determinou a liberação das informações sobre função, lotação e qualificação.  Em sua sentença, proferida ontem (19), a juíza afirma que "o princípio da transparência não foi observado, sendo que a administração pode ser uma 'caixa preta', aonde apenas os gestores têm conhecimento do quadro funcional e do custo para os cofres municipais". Confira:

sentenca

Três anos -  A batalha pelas informações começou em 2013 na Câmara, com pedido de informação negado pelos governistas, passou pela Prefeitura (aqui) e foi parar no Judiciário. Ao todo, a espera de Rafael Diniz pelas informações durou três anos. "Veja quantos anos esse governo lutou para esconder informações que deveriam estar ao alcance de qualquer cidadão. Transparência não é favor, é obrigação. A própria juíza diz em sua sentença que a administração pode ser uma 'caixa preta'. O desgoverno será obrigado a prestar as informações que tanto tentou esconder", comentou Rafael Diniz.

Comentar
Compartilhe
TV Câmara: R$ 800 mil com equipamentos e treinamento
20/09/2016 | 10h38

camara-campos

Na reta final da atual legislatura, a Câmara de Campos firmou contrato com a empresa HITACHI KOKUSAI LINEAR EQUIPAMENTOS ELETRÔNICOS para "aquisição, instalação e treinamento técnico operacional de equipamentos para transmissão do sinal digital da TV Câmara".

Valor dos contratos: R$ 622,8 mile R$ 187,1 mil.

Comentar
Compartilhe
Secretário faz alerta: "arriscar é perigoso"
19/09/2016 | 21h28

fred

O secretário de Educação, Cultura e Esporte,  Frederico Tavares Rangel, que teve um áudio com a sua cobrança pelo voto em Dr. Chicão (PR) divulgado (aqui), discursou hoje (19) para educadores ao lado do secretário de Governo Anthony Garotinho (PR). "Nós não estamos na hora de arriscar. Arriscar neste momento é perigoso. Precisamos continuar com nosso salário em dia, nosso décimo terceiro pago antecipadamente. A gente precisa dar continuidade a isso tudo", disse o secretário.

 Ação - O Partido Verde (PV), através do seu presidente Gustavo Matheus, protocolou na última quinta-feira (15), na sede da Justiça Eleitoral, uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije). O que gerou a ação foi o áudio enviado pelo secretário de Educação através do WhatsApp. “É a velha política em ação, o terrorismo. O áudio gera entendimento de coação", diz Gustavo.

Comentar
Compartilhe
Hora do "dinheiro graúdo"
19/09/2016 | 12h01

coronel

Na novela “Velho Chico” o coronel Saruê avisou (aqui): “Eu quero comício, inauguração, obra. Nós amos inaugurar começo de obra, meio de obra e ideia de obra (…) Tem que botar mais dinheiro nessa campanha. Dinheiro graúdo”.

Ainda bem que é só ficção. 

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: Imbeg (R$ 2,8 milhões) e Working (R$ 1,6 milhão)
19/09/2016 | 09h52
prefeitura Na última sexta-feira (16) a prefeita Rosinha Garotinho (PR) abriu o cofre da Prefeitura e pagou poderosas empreiteiras. A Imbeg recebeu R$ 2,8 milhões por pavimentação em diversos bairros. Já a Working recebeu quatro notas de R$ 404 mil que estavam atrasadas. Ou seja, o valor supera R$ 1,6 milhão. Outras empreiteiras também receberam na sexta-feira, como a A S Moraes Construções (R$ 242 mil) e a Visão (R$ 347 mil). Só no mês de setembro as empreiteiras receberam R$ 17 milhões. Se for somada uma nota que foi paga em agosto (aqui), o valor supera R$ 21 milhões em 30 dias.
Comentar
Compartilhe
Rosáceos usam a mesma arma de Dilma
19/09/2016 | 02h00
[caption id="attachment_44079" align="aligncenter" width="526"]garotinho_dilma Observador por Paulo Maluf, Garotinho e Rosinha cumprimentam Dilma[/caption]

Há exatamente dois anos, em setembro de 2014, a ex-presidente Dilma Rousseff dizia que o programa Bolsa Família iria acabar se os seus adversários forem eleitos. "O programa que nós consideramos o mais forte para reduzir pobreza e desigualdade, junto com emprego e aumento de salário, vai acabar. Vai acabar se eles forem eleitos", afirmou a então presidente.

"Terrorismo" - Em maio de 2014, o ex-governador Eduardo Campos (PSB), que faleceu em agosto daquele ano, afirmou que a presidente Dilma estava usando o programa Bolsa Família para fazer "terrorismo" contra a população. "Espalham notícias, principalmente no Nordeste, de que se ela [Dilma] não for reeleita o programa acaba. Ninguém vai acabar com o Bolsa Família", disse.

Na planície - Em Campos, os rosáceos dizem na propaganda eleitoral, nos palanques e nas redes sociais, que os adversários irão acabar com o Cheque Cidadão e outros programas. Ou seja, a tática orquestrada pelo marqueteiro João Santana para manter o PT no poder é a mesma usada em Campos para garantir mais quatro anos. Segundo os rosáceos, só eles são capazes de manter o Cheque Cidadão, a passagem social e o restaurante popular.

Comentar
Compartilhe
CPIs foram esquecidas?
19/09/2016 | 01h37

duvidas

No início de junho o presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB), anunciou a abertura de duas CPIs na Câmara de Campos. As CPIs estão (?) investigando Trabalho Infantil e Violência no entorno das escolas. A primeira foi protocolada pela vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) e a segunda pelo vereador Abdu Neme (PR).

Na época, a oposição afirmou que as duas comissões só foram criadas para evitar a abertura da CPI da Lava Jato. A CPI da Lava Jato foi protocolada com as assinaturas necessárias, mas por conta de um resolução aprovada pelos aliados do governo, só duas CPIs podem funcionar de cada vez. Sendo assim a investigação sobre o contrato da Odebrecht em Campos, que gira em torno de R$ 1 bilhão, continua pendente.

No entanto, três meses após a abertura, ninguém fala nada sobre o andamento das CPIs.

Manobra - Em junho do ano passado a coluna “Ponto Final” adiantou que os articuladores do governo já manobravam para impedir que opositores e independentes abrissem CPIs. “A ideia é se adiantar e propor CPIs antes da oposição, enchendo a pauta e deixando a CPI dos opositores no fim da fila” (aqui).

CPI do Cheque Cidadão - Por falar em CPI, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) informou que não tem medo de investigação sobre algo errado com  o Cheque Cidadão. "Quando houve falatório sobre irregularidade, eu mesma mandei apurar". Sendo assim, será que os aliados da prefeita na Câmara topariam a abertura de uma CPI do Cheque Cidadão?  
Comentar
Compartilhe
PMDB solicita celeridade no julgamento de denúncias
18/09/2016 | 17h53

pmdb

O PMDB Campos peticionou na tarde deste domingo (18) um pedido de atenção e celeridade ao juiz eleitoral Heitor Campinho no julgamento da denúncia encaminhada pelo Ministério Público Estadual (MPE) na última semana acerca das suspeitas de uso eleitoreiro da máquina municipal.

O diretório do partido acredita que o não pronunciamento da justiça eleitoral no tempo em que transcorre a eleição pode acarretar em  desequilíbrio do processo eleitoral, posto que a prática denunciada pelo MPE implica em uso da máquina em favor do candidato da situação e abuso de poder econômico. De acordo com o PMDB, a citação de 34 pessoas, incluindo vereadores de mandato e ex-secretários municipais, "reveste a denúncia de aguda gravidade, segundo o documento".

Para o presidente do diretório do PMDB e candidato pela coligação Ponte Para o Futuro, Geraldo Pudim, o não julgamento da ação até o final do processo eleitoral confunde a cabeça do eleitor e prejudica as demais candidaturas. “O uso da máquina da Prefeitura para captar ilicitamente votos das pessoas mais necessitadas é por si só uma acusação gravíssima, além da afronta moral que reside na coação de eleitores em troca de votos. Isso causa desequilíbrio nas eleições e tira do eleitor o direito da livre escolha, consagrado na Constituição. Temos que libertar Campos e os cidadãos desse tipo de prática abusiva”, disse Pudim.

Ação - Na próxima terça-feira (20) o diretório do PMDB também dará entrada em uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) com pedidos de impugnação da chapa encabeçada pelo vice-prefeito Dr. Chicão (PR).

Mais informações na edição de amanhã (19) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: MPE aponta "escandaloso esquema"
17/09/2016 | 21h10
mpe

Segundo o MPE, o "escandaloso esquema gerou pedido ao Juízo da 76ª Zona Eleitoral, em caráter de urgência, da suspensão dos pagamentos aos beneficiários do Cheque Cidadão que tenham sido incluídos ilicitamente no período pré-eleitoral até o final das eleições, bem como a exclusão de todos os beneficiários que estejam inseridos ilegalmente. Mas, até o momento, ainda não há decisão".

Veja a matéria completa no site do MPE (aqui) e no blog "Na Curva do Rio" (aqui).
Comentar
Compartilhe
Cunha dispara contra Garotinho: "vagabundo"
17/09/2016 | 20h23

eduardo-cunha2

Ex-aliado do secretário de Governo Anthony Garotinho, Eduardo Cunha (PMDB), que teve o seu mandato cassado, concedeu entrevista ao Estadão e disparou para todos os lados (aqui).

Em um trecho, ao ser indagado sobre a acusação que o aponta o ex-presidente Lula como “comandante máximo” da corrupção na Petrobrás e o cita como chefe de um esquema de propina, ele afirmou: "Eu não sei se ele é ou não o comandante máximo, mas o que sempre me deixou estarrecido foi quererem me carimbar como se eu fosse o chefe do esquema. Isso é ridículo. Naquele período de 2006, até 2007, eu estava no grupo do vagabundo daquele (Anthony) Garotinho, numa linha contra o Lula".

Segundo Cunha, sua "guerra está só começando".

Comentar
Compartilhe
Conta rosácea
17/09/2016 | 14h49
conta-rosa

Muita gente se assustou ao abrir a caixa de correio e encontrar uma conta de luz rosácea. Mas a cor não tem nada a ver com política. A concessionária está apoiando um outro tipo de campanha: o movimento Outubro Rosa, que tem a missão de conscientizar mulheres sobre o câncer de mama.

A data é celebrada anualmente com o objetivo de compartilhar informações sobre a importância da detecção precoce da doença.

Os eixos da campanha são:
  • Divulgar informações gerais sobre câncer de mama.
  • Promover o conhecimento e estimular a postura de atenção das mulheres em relação às suas mamas e à necessidade de investigação oportuna das alterações suspeitas.
  • Informar sobre as recomendações nacionais para o rastreamento e os benefícios e os riscos da mamografia de rotina, possibilitando que a mulher tenha mais segurança para decidir sobre a realização do exame.
Comentar
Compartilhe
Garotinho: "Rosinha nunca saiu da linha"
17/09/2016 | 02h16

casal

Revoltado com a decisão do Ministério Público Eleitoral (MPE), que ajuizou Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE), após encontrar indícios do uso de Cheque Cidadão para obtenção de votos, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) afirmou que a "prefeita Rosinha nunca saiu da linha". "Não é porque eu sou casado com ela há tanto tempo, não. Mas ela é uma pessoa direita, honesta, que sempre agiu em favor do povo e dentro da Lei (...) Quem sempre combateu a compra de votos nessa cidade fomos nós. Na eleição passada eu cheguei a entregar as autoridades responsáveis pela eleição uma relação com nome e endereço dos compradores de votos famosos em Campos. E eu pergunto: que providência foi tomada? Querer dizer que um programa social que beneficia crianças, idosos, pessoas humildes é compra de voto. Não!".

Segundo o líder rosáceo, tudo isso é "desespero da oposição".

Comentar
Compartilhe
Na Record, Rosinha diz que não trocou Cheque Cidadão por voto
16/09/2016 | 12h29

rosinha

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) participou na tarde desta sexta-feira (16) do programa 'Balanço Geral", da TV Record.

Indagada sobre a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) para apurar possível abuso de poder político e econômico decorrente de uma suposta utilização de Cheque Cidadão para para a obtenção de votos (aqui, Rosinha disse que isso não existe. "É uma investigação, não é uma condenação (...) E eu fui a primeira, quando começamos a ouvir falatório sobre irregularidades, de mandar apurar. O que eu acho estranho é que sempre em época de eleição acontece esse tipo de coisa. A Justiça não será usada para tentar acabar com um programa que existe há oito anos em meu governo. Eu não fiz Cheque Cidadão agora em época eleição. Há oito anos, desde que assumi, nos temos o Cheque Cidadão. E se houver alguma coisa que não esteja dentro dos critérios, eu sou a primeira a mandar rever, como já fiz outras vezes. Se tem alguém que não precisa, vamos corrigir (...) Nós não fizemos nenhuma troca de voto".

RPA - A prefeita também comentou sobre as contratações por RPA. "O próprio Ministério Público manda ofício solicitando a colocação de porteiros em escolas, porque as crianças fogem. Como que eu vou fazer: Vou fechar escolas? Essas pessoas eram contratadas pelas firmas, mas quando veio a crise essa foi a opção para não desempregar as pessoas. Mas é um número muito inferior ao que tínhamos antes (...) Estamos em um processo de acabar, mas não acaba de uma hora para a outra. A Prefeitura chegou a ter 24 mil, antes do meu governo. RPA e pessoas contratadas de forma irregular. Hoje nós não temos quase nada".

Comentar
Compartilhe
Corredor vazio
16/09/2016 | 11h22
corredor-hfm corredor-2

Na noite de ontem (15), após uma força tarefa dos gestores da Saúde, os corredores do Hospital Ferreira Machado (HFM) estavam vazios, sem pacientes amontoados e improviso.

Vamos torcer para que continue assim.

Comentar
Compartilhe
Construtora Avenida: contratos milionários desde 2009
16/09/2016 | 11h14
[caption id="attachment_44028" align="aligncenter" width="402"]carreata Empresário participou até de carreata em 2008[/caption]

Em 2008, logo após o grupo rosáceo recuperar o poder em Campos, o empresário Ari Pessanha chegou a participar de carreata da vitória ao lado do casal Garotinho.

E logo no primeiro ano do governo a Construtora Avenida foi anunciada como a responsável pelas obras, no valor de R$ 28 milhões, para a recuperação (ou reconstrução) do distrito de Donana (aqui).

[caption id="attachment_44029" align="aligncenter" width="364"]ari-1 Família sempre participa de eventos organizados pelo empresário[/caption]

De lá pra cá, foram vários contratos. No ano eleitoral de 2012 foi homologado um contrato de R$ 66 milhões para "obras de Urbanização, Pavimentação, Construção de Rede Coletora de Esgoto e Drenagem de Águas Pluviais da Bacia 01 do Bairro Goytacazes e da Rodovia Raul Souto Mayor, Trecho Praça de São Gonçalo ao Ponto da Cruz" (aqui).

Agora, faltando menos de 20 dias para a eleição, o cofre foi aberto para diversos pagamentos. Só no mês de setembro foram R$ 9 milhões, como mostra o blog "Na Curva do Rio" (aqui).

Se for somada uma nota que foi paga em agosto (aqui), o valor chega a R$ 13,4 milhões em menos de 30 dias.

Comentar
Compartilhe
Suledil convoca e avisa: "quem faltar vai ficar no prejuízo, na estrada da amargura"
16/09/2016 | 10h24

suledil

O professor Suledil Bernardino, secretário de Controle e Orçamento, continua convocando a tropa para as reuniões.

Em um áudio no WhatsApp, ele diz: "Meu caro companheiro da caminhada, candidato a vereador. Você que não esteve ontem no encontro do galpão, precisa saber que sexta-feira tem uma tarefa para ser cumprida com comprovação de foto, e vai ser fiscalizada. Quem não cumprir essa tarefa de sexta, esquece sábado. Vai ficar na estrada da amargura. Um abraço do professor Suledil".

Além dessa convocação (intimação), ele também se dirigiu aos presidentes de partidos. "Olá meu amigo, presidente de partido. Logo mais, teremos uma reunião às 17h no galpão e a sua presença é fundamental, conforme foi anunciado pelo Garotinho. Quem faltar vai ficar no prejuízo".

Comentar
Compartilhe
Casal avisa: "Nossas obras não são eleitoreiras"
15/09/2016 | 18h11

casal

O casal Garotinho fez mais uma transmissão ao vivo no Facebook.

Sem citar a ação do Ministério Público que aponta a prefeita Rosinha como possível organizadora de esquema para compra de votos (aqui), o casal preferiu falar sobre obras. "As obras não são eleitoreiras. Cortamos na hora certa e agora temos recursos para finalizar as obras. Não é por conta da eleição que eu vou parar de trabalhar", disse a prefeita Rosinha Garotinho (PR).

Rosinha também prometeu manter as inaugurações até o final do ano. "Temos uma programação de inaugurações até o final do meu mandato".

Além disso, mais uma vez, Garotinho criticou a falta de experiência dos adversários. "Você gostaria de entrar em um avião com um piloto estreante? Dizem que é muito bom, mas até agora não pilotou nada. Isso é arriscado", disse Garotinho, que se elegeu prefeito com 28 anos.

Comentar
Compartilhe
Após secretário cobrar voto em Chicão, PV protocola Ação
15/09/2016 | 15h10
pv O Partido Verde (PV), através do seu presidente Gustavo Matheus, protocolou na tarde desta quinta-feira (15), na sede da Justiça Eleitoral, uma Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE).

De acordo com o advogado Ademir Martins Neto, o que gerou a ação foi o áudio enviado pelo secretário de Educação, Cultura e Esportes, através do WhatsApp (aqui). Na gravação, o secretário convoca profissionais da rede municipal de Educação para reunião que acontece amanhã (16), em um galpão do PR. Segundo o advogado, a ação aponta "abuso de poder político". "Esse abuso de caracteriza pelo fato do secretário difundir um áudio que gera o entendimento de coação dos funcionários da pasta comandada por ele. Há um pedido claro de apoio ao candidato do PR. Tal conduta gera risco de dano irreparável, na violação  do principio democrático, na igualdade entre os candidatos e na liberdade de escolha do eleitor. Caso sejam condenados os réus (Dr. Chicão e Mauro Silva) podem ficar inelegíveis, bem como serem cassados os registros", explica o advogado.

Segundo Gustavo Matheus, não há mais espaço para "terrorismo". "É a velha política em ação, o terrorismo. Porém, eles se esquecem que nada pode ser mais forte do que a vontade de ser livre", afirmou.

fred

Após a divulgação do áudio, o secretário concedeu entrevista e explicou que sua posição era como professor, não secretário. "Foi a opinião do professor. Quem me conhece sabe da minha índole e da forma como eu conduzo os trabalhos (...) Quem leva para um julgamento equivocado não me conhece. Tenho minha consciência tranquila. Posso me expressar como cidadão, sim. Posso dizer o que eu penso, sim. Posso dizer o que eu vivi", disse Frederico.

Comentar
Compartilhe
Cerco fechado: busca e apreensão em secretarias
15/09/2016 | 13h17
[caption id="attachment_43999" align="aligncenter" width="447"]fiscalizacao Enquanto o secretário Anthony Garotinho apresentava programa na rádio Diário, fiscais passaram pela secretaria de Governo, comandada por ele - Foto: Michelle Richa[/caption]

A equipe de fiscalização do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) realizou mais uma operação em órgãos da Prefeitura de Campos na manhã desta quinta-feira (15). Ao lado do Ministério Público (MP), os fiscais estariam em busca  de informações sobre os contratados por Recibo de Pagamento Autônomo (RPA). Sistemas de computadores foram levados.

"Ninguém está vendo essa farra do RPA?" - Em agosto, o vereador Fred Machado (PPS) apontou uma "farra do RPA". "Recebo queixas diariamente sobre problemas graves. Será que ninguém está vendo essa distribuição de Cheque Cidadão e RPA? Precisamos saber se houve um aumento da cota e quais critérios estão sendo utilizados”, disse Fred. A operação foi ocorreu por decisão do juiz Ricardo Coimbra da Silva Starling Barcelos, da 75ª Zona Eleitoral. O pedido de busca e apreensão foi feito pelo Ministério Público Eleitoral. O MPE alegou que houve denúncia de que o  vereador Magal (PR) estaria “oferecendo serviços em setores públicos como hospitais, postos de saúde, escolas CREAS, clubes da terceira idade e na clinica de reabilitação de dependentes químicos do Morro do Coco, em troca de votos dos eleitores". Mais sobre a operação na Folha Online aqui  e no blog "Na Curva do Rio" (aqui). O blog "Na Curva do Rio" publicou trechos da decisão: decisao
Comentar
Compartilhe
Operação Chicão
15/09/2016 | 01h33

saudacao-rosinha

Quem conhece o líder do grupo rosáceo sabe que ele trabalha o tempo todo com pesquisas. Sendo assim, tendo em vista o grande sentimento de mudança constatado nos levantamentos, é hora de entrar em ação com a "Operação Chicão".

Os 300 candidatos a vereador e seus cabos eleitorais foram convocados. A meta é ocupar espaços nos quatro cantos da cidade. Com uma boa estrutura para viabilizar o plano, a ideia é ocupar espaços e evitar o crescimento dos adversários.

Além disso, a ordem é acompanhar de perto todos os movimentos dos cabos eleitorais. O líder não quer saber de "jogo duplo".

Para o plano funcionar, haverá uma reunião estratégica por semana.
Comentar
Compartilhe
MPF denuncia Lula, Marisa e mais seis na Operação Lava Jato
14/09/2016 | 14h25

lava

O Ministério Público Federal (MPF) denunciou nesta quarta-feira (14) o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a mulher dele Marisa Letícia e mais seis pessoas no âmbito da Operação Lava Jato. Os procuradores farão uma coletiva nesta tarde para detalhar a denúncia. Veja quem foi denunciado Lula Marisa Letícia Léo Pinheiro Paulo Gordilho Paulo Okamotto Agenor Franklin Magalhães Medeiros Fábio Hori Yonamine Roberto Moreira Ferreira Indiciamento Em agosto deste ano, a Polícia Federal (PF) indiciou ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, a mulher dele, Marisa Letícia, e mais três pessoas por crimes como corrupção ativa, passiva e lavagem de dinheiro. s cinco foram investigados por supostas irregularidades na aquisição e na reforma de um apartamento tríplex do Edifício Solaris, no Guarujá, no litoral de São Paulo, e no depósito de bens do ex-presidente. De acordo com o indiciamento, a OAS pagou por cinco anos (entre 2011 e 2016) R$ 21,5 mil mensais para que bens do ex-presidente ficassem guardados em depósito da empresa Granero.

Os pagamentos totalizam, conforme citado pelo delegado, R$ 1,3 milhão. De acordo com a Polícia Federal, o montante corresponde a vantagens indevidas pagas pela Construtora OAS em benefício de Lula. Na ocasião, o advogado do ex-presidente da ex-primeira-dama, Cristiano Zanin Martins, afirmou que as conclusões do relatório da Polícia Federal  "tem caráter e conotação políticos e é, de fato, peça de ficção".

Fonte: G1/Paraná

Comentar
Compartilhe
Campos em 6ª lugar no Mapa da Violência
14/09/2016 | 09h04
violencia O Mapa da Violência de 2016 mostra que o município de Campos ocupa a 6ª posição no ranking da violência entre 84 municípios em todo estado do Rio de Janeiro. O mapa analisa a evolução dos homicídios por arma de fogo, focando as cidades com mais de 10 mil habitantes. Em 2012, foram 188 homicídios por arma de fogo. Em 2013 foram registrados 176 casos e em 2014, foram 184. Para uma população de cerca de 500 mil habitantes, a taxa média é de 38,3 mortes a cada 100 mil habitantes. A cidade de São João da Barra está em 16ª lugar no ranking estadual, com 9 homicídios por arma de fogo em 2012, 7 casos em 2013 e 15 registros em 2014. O município tem população de cerca de 34 mil habitantes, e a taxa média de homicídios é de 30,5 pra cada 100 mil pessoas. São João aparece em segundo lugar entre as duas regiões. Os municípios que não registraram esse tipo de crime, foram Porciúncula e Natividade, no Noroeste Fluminense. Não há nenhum homicídio por arma de fogo entre 2012 e 2014. Porciúncula tem cerca de 18 mil habitantes e Natividade 15 mil. Observatório de Homicídios - Levantamento inédito feito na plataforma Observatório de Homicídios do Instituto Igarapé aponta as 10 cidades do estado que mais registraram assassinatos entre 2008 e 2012, proporcionalmente. Na média, por habitantes, Campos está em terceiro lugar, perdendo apenas para Caxias e Nova Iguaçu. Campos é a única cidade do Norte Fluminense na lista, que também não conta com cidades do Noroeste, nem da Região dos Lagos (aqui). Fonte: G1
Comentar
Compartilhe
Pudim: “No 2º turno vocês vão conhecer o verdadeiro Cavalo de Troia”
14/09/2016 | 01h05

pudim

Durante sabatina no auditório da Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic), o deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB) garantiu que vai estar ao lado da oposição em caso de segundo turno. "Eu estarei com a oposição no segundo turno para derrotar este modelo ultrapassado. Vocês vão ver que eu não sou Cavalo de Troia. No segundo turno vocês vão conhecer o verdadeiro Cavalo de Troia, que vai ficar com eles".

Ainda durante o evento, Pudim comentou sobre o ex-prefeito Carlos Alberto Campista, afastado da Prefeitura e da política desde 2005. "Campista caiu porque enfrentou o sistema".

Segundo Pudim, a situação deve eleger entre 17 e 18 vereadores e "não vai ser moleza para um prefeito de oposição", encarar esse "rolo compressor". "Se não for macho, não tiver peito, não vai durar no poder. Eu tenho disposição".

Comentar
Compartilhe
Garotinho: "Quase desmaiei"
13/09/2016 | 23h01
live

O secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) quase desmaiou nesta terça-feira (13).

Segundo o político, que fez mais uma transmissão ao vivo no Facebook, sua "pressão tá doida". "Hoje nós teríamos uma reunião de organização com os candidatos a vereador. Só que essa pressão minha tá doida. No domingo ela subiu e hoje ela caiu e eu quase desmaiei. Rosinha teve que, de pressa, me botar deitadinho. E aí, graças a Deus, chegou aqui o Dr. Abdu Neme, médico do coração, Dr. Paulo Hirano, meu grande amigo e Dr. Geraldo Venâncio. Disseram que é excesso de trabalho. É verdade, a gente tem trabalhado muito".

Ele também aproveitou o embalo para contar sobre a sua malhação. "Estou mais magro. É que estou malhando muito. Malhando muito, dormindo pouco, comendo pouco e excesso de trabalho. A pressão descontrolou".

E por falar em malhar, ele também cutucou candidatos da oposição: "Vamos derrotar os playboys. Playboy, não! Chicão, sim!".

Em 2014, "repouso absoluto" - Há exatamente dois anos, quando as pesquisas mostravam o crescimento dos adversários (Pezão e Crivella) e sua liderança estava ameaçada, Garotinho também  fez um esforço além da conta e o corpo não aguentou. Na época, o médico recomendou "repouso absoluto" e ele cancelou vários compromissos (aqui).

Comentar
Compartilhe
Recado do Suledil
13/09/2016 | 16h57

suledil-al-10-640x425

O professor Suledil, secretário de Controle, Orçamento e Auditoria da Prefeitura de Campos, também usou o WhatsApp para mandar um recadinho aos rosáceos. Em sua mensagem, antes de convocar a tropa para as reuniões e comícios, ele diz: "Quero deixar o pensamento de um autor chinês que diz o seguinte: 'quem não dá duro no trabalho hoje, vai dar duro procurando emprego amanhã".

Comentar
Compartilhe
Em Cabo Frio, coveiros fazem protesto com caixões de corpos exumados
13/09/2016 | 14h19

Deu no Ancelmo Gois (aqui):

Coveiros fizeram protestos, ontem (12), na Ponte Feliciano Sodré, em Cabo Frio,  usando caixões de corpos exumados. Vejam a foto. A cidade enfrenta uma grande crise por causa da queda da receita dos royalties.

Coveiros em protesto em Cabo Frio
Comentar
Compartilhe
Para manter obras, Rosinha anula R$ 1,8 milhão da Saúde
13/09/2016 | 11h40

rosinha

No último dia 06 o blog mostrou que, para manter o "pacote de obras", a prefeita Rosinha Garotinho (PR) suplementou verba para a secretaria de Infraestrutura e anulou recursos que estavam previstos para a Saúde (aqui).

Hoje (13), não foi diferente. O Diário Oficial traz uma suplementação de R$ 2,3 milhões para a secretaria de Infraestrutura E Mobilidade Urbana. De acordo com o decreto, o valor será utilizado para "implantar Bairros Legais/obras e instalações".

Como o cobertor é curto, recursos previstos para outras pastas foram anulados. E neste caso, a maior parte saiu da Saúde. Uma verba de R$ 800 mil foi anulada do Fundo Municipal de Saúde (convênio com instituições filantrópicas, atendimento odontológico, CCZ). Já a Fundação Municipal de Saúde teve uma verba de R$ 1 milhão anulada (atendimento de urgência e emergência).

Improviso - Enquanto isso, no Ferreira Machado, paciente em estado grave, no respirador, é levada pela escada (aqui).

Comentar
Compartilhe
"Grande irmão" domina Facebook dos rosáceos
13/09/2016 | 03h03
[caption id="attachment_43941" align="aligncenter" width="508"]Cena do filme 1984 - Cidadãos reverenciam o Big Brother Cena do filme 1984 - Cidadãos reverenciam o Grande Irmão[/caption]

Em seu livro "1984", George Orwell apresenta uma sociedade sob constante vigilância das autoridades. O Big Brother (Grande Irmão) controla tudo por "teletelas" e as pessoas são constantemente bombardeadas pelas propagandas do Estado, que dizem: "o Grande Irmão zela por ti", "o Grande Irmão te observa".

Desde a publicação da obra, as expressões "Big Brother" ou "Grande Irmão" são usadas geralmente para descrever qualquer excesso de controle que culmina em violação e invasão de privacidade.

Em Campos, ciente de pesquisas que mostram a força das redes sociais na eleição e diante da falta de engajamento do seu grupo, o líder rosáceo passou a recomendar a utilização de uma ferramenta chamada "Muito Voto". A estratégia é a seguinte: os rosáceos assinam uma declaração de concordância e liberam login e senha para transmissões ao vivo no Facebook. Uma empresa se encarrega de usar as páginas para fazer propaganda.

Ontem, logo após entregar logins e senhas ao "Grande Irmão", diversas páginas retransmitiram ao vivo os eventos do candidato governista.

muito-voto

Comentar
Compartilhe
A pressão subiu
12/09/2016 | 18h57
que-pressao-e-essa

Como o blog já mostrou (aqui), o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) está suando a camisa para tentar manter o poder em Campos. Ele caminha, canta o samba do Dr. Chicão nos palanques, puxa caravana, faz reuniões, transmissões ao vivo no Facebook, ataca os adversários, organiza lideranças e até simula malhação em Academias da Terceira Idade.

Porém, não é fácil manter esse ritmo frenético. Hoje (12), Garotinho gravou um vídeo pedindo desculpas ao povo de Poço Gordo pela ausência em um evento. O problema foi a pressão. "A pressão subiu, tomei o remédio e não diminuiu. Aí o doutor falou: 'calma, Garotinho, fique em casa'. E eu fui obrigado a ficar".

Comentar
Compartilhe
TV Record divulga pesquisa
12/09/2016 | 13h03

A TV Record divulgou hoje (12) pesquisa do instituto Paraná realizada em Campos entre os dias 04 e 08 deste mês, com 680 pessoas.

Na estimulada Dr. Chicão (PR) aparece com 31,9%, seguido por Rafael Diniz (PPS), com 25,9%, Caio Vianna (PDT), 15,7%, Pudim (PMDB), 4,6%, Nildo Cardoso (DEM), 2,9% e Rogério Matoso (PPL), 2,4%. Como a margem de erro é de 4 pontos percentuais, há um empate técnico entre Chicão e Rafael Diniz.

9,4% dos entrevistados disseram que não votariam em nenhum dos seis candidatos e 7,2% não sabe.

Segundo turno - O instituto também simulou três possibilidades de segundo turno:

Chicão 51,8% X Pudim 22,2%  (17,1% - nenhum e 9% não sabe).

Chicão 45% X Caio 35,3% (13,2% - nenhum e 6,5% não sabe).

Chicão 45,1% X Rafael Diniz 40% (9,6% nenhum e 5,3% não sabe).

A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o nº RJ-05941/2016.

Pesquisa do Pro4 - Os números demonstram a mesma polarização Chicão X Rafael, apontada pela pesquisa do Pro4 (aqui).

Comentar
Compartilhe
Secretário cobra voto em Chicão e avisa que derrota “é cruel, triste, terrível”
12/09/2016 | 10h49
juntos

O Secretário de Educação, Cultura e Esportes da Prefeitura de Campos, Frederico Rangel, enviou um áudio no WhatsApp para os diretores e professores das escolas municipais pedindo que ninguém fique “em cima do muro”. Ele convoca a tropa para uma reunião, no próximo dia 16, que ocorrerá em um galpão do PR. “É uma reunião só para prefeito, não vamos envolver vereador. Respeito muito a posição de vocês, de cada servidor. Mas não podemos ficar em cima do muro. Nosso prefeito é Dr. Chicão. Quem já é antigo na rede sabe o que eu vou falar. Muitos não viveram a troca de prefeito. Muitos viveram a troca de Rosinha parta Rosinha. Se acontecer a troca de Rosinha para alguém de outro grupo político… Ah, gente, eu vivi. Eu vivi e muitos aqui desse grupo viveram e sabem o que eu estou falando. É cruel, é triste, é terrível. Acabam com a gente. Levem o maior número de pessoas, vamos nos fortalecer”.

Muita calma nessa hora – É lógico que os cargos de confiança precisam lutar pela vitória da máquina. Porém, é preciso cautela. Vai que alguém avalie alguns movimentos como abuso de poder. Além disso, se o áudio vazou, fica nítido que nem todos do grupo estão dispostos a entrar no jogo.

Vale lembrar que o Americano fazia uma excelente campanha na série B e ficou fora da competição por conta de um áudio no WhatsApp.

Avançou - No comando da secretaria desde o final de 2014, Frederico comemorou, na última semana, o avanço de Campos no ranking do Ideb. O município alcançou a nota 5 e superou a meta do primeiro segmento (aqui).

O programa “Panorama Continental”, apresentado pelo Cláudio Nogueira, também abordou este assunto na manhã de hoje (12).

Comentar
Compartilhe
Jonas Lopes: "Ele (Garotinho) é um gestor muito criativo"
12/09/2016 | 00h21

jonas-lopes

Amigo de longa data do casal Garotinho, o presidente do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ), Jonas Lopes de Carvalho, concedeu entrevista ao jornal "O Diário" e comentou sobre a antecipação dos royalties, a chamada "venda do futuro". "Campos conseguiu escapar da crise devido a essa operação de antecipação de royalties obtida pelo ex-governador e atual secretário de Governo do município, Anthony Garotinho.  Ele é um gestor muito criativo, que juntamente com a prefeita Rosinha Garotinho soube fazer os cortes na hora certa, se antecipando às dificuldades que viriam logo depois".

Jonas Lopes foi empossado conselheiro do TCE no ano 2000, durante o governo Garotinho. Antes, respondia pela chefia do Gabinete Civil do governo.

Comentar
Compartilhe
Suledil avisou: "Ou acorda agora, ou vai para o buraco"
12/09/2016 | 00h04

suledil

Muito antes da prefeita Rosinha Garotinho (PR) falar em "buraco", quem tocou no assunto foi um homem de confiança do governo.

Em junho de 2014, durante as reuniões com a tropa rosácea, Suledil Bernardino, que comandava a secretaria de Governo, cobrou mais empenho dos soldados. Na visão do professor Suledil, os “alunos” estavam muito acomodados. “Tem muita gente vendo a banda passar. Essa acomodação está levando para o buraco. Ou acorda agora, ou vai para o buraco”, disse Suledil, ressaltando que uma eleição estava ligada a outra (aqui).

Quatro meses após o alerta, o resultado não foi nada agradável. Anthony Garotinho (PR) ficou fora do segundo turno na disputa pelo governo do estado. Em Campos, a votação do líder rosáceo ficou muito abaixo do esperado.

E agora? - Apesar do líder gastar todas as energias possíveis, será possível fugir do buraco?

Comentar
Compartilhe
Chicão: "O mal está do outro lado"
11/09/2016 | 23h31

chicao

Durante comício em Travessão, ao notar o clima tenso entre candidatos a vereador do grupo rosáceo, o vice-prefeito Dr. Chicão (PR) tentou acalmar a situação. "Aqui é tudo companheiro. O inimigo está do outro lado. A nossa música é paz e união. O mal está do outro lado. O mal não está desse lado aqui, não. Quem não gosta de um, basta escolher outro. Temos que nos unir para rebater os que estão do outro lado, mentido a todo momento. Tentam denegrir o maior governo da história de Campos", disse.

Comentar
Compartilhe
O homem que viu o 11/09 do 11º andar
11/09/2016 | 14h36

alcir-1

O fotógrafo Alcir Navarro da Silva, 56 anos, que nasceu em Padre Miguel, subúrbio do Rio de Janeiro, e vive há 35 anos em NY, acordou no dia 11 de setembro de 2001, olhou pela janela do 11º andar, e viu uma fumaça que até hoje deixa o mundo meio sombrio. Em entrevista ao seu sobrinho, o jornalista Rafael Vargas, ele fala sobre o dia em que a terra parou para ver a maior potência do mundo ser atacada. “Vi um filme de terror pela janela da minha casa”, diz o fotógrafo, deixando evidente as marcas do atentado. “No dia seguinte, cada vez que escutava algum barulho de sirene, um certo pânico batia em mim e pensava ser outro ataque terrorista. Esta sensação durou meses e, até hoje, sinto um pouco disso”, contou Alcir.

Blog - O que você estava fazendo no momento em que os aviões bateram nas torres?

Alcir - Eu estava acordando naquela terça-feira, era dia de Eleição. Eu já estava me encaminhando para votar no meu candidato pra prefeito de NY, e depois, ia fazer fotos das pessoas votando. Parecia ser um dia legal, mas tudo mudou quando o telefone tocou de manhã. Era a minha namorada falando que o prédio World Trade Center estava pegando fogo. Assustado, me levantei e fui olhar na janela da minha casa, vi uma das torres pegando fogo. De pronto, peguei a minha câmera e comecei a fotografar. De fato, ninguém sabia ao certo o que tinha acontecido, muito menos a imprensa. Eu achava que talvez fosse um acidente avião, que o avião tinha batido no prédio. Mas, quando o segundo avião atingiu a segunda torre, me liguei que era um atentado.

Blog - Como foi vivenciar cenas de um dos maiores horrores já visto neste século?

Alcir - Parece que eu estava vendo um filme de terror, só que o estava assistindo da janela da minha casa. Quando descobriram que era ataque terrorista e que havia mais aviões no ar na rota do Pentágono e de outros alvos, o meu sentimento foi de tristeza pelas pessoas que perderam a vida naquele instante. No dia seguinte, cada vez que escutava algum barulho de sirene, um certo pânico batia em mim e pensava ser outro ataque terrorista. Esta sensação durou meses e, até hoje, sinto um pouco disso.

Blog - O que você sentiu ao fazer as imagens?

Alcir - A câmera fotográfica me protegeu dos sentimentos e funcionou com um escudo. Eu sabia que estava presenciando um momento importante na história. Nunca imaginei na minha vida que iria ver, algum dia, as duas torres caírem. Foi um choque pra todo mundo.

Blog - Após 10 anos, qual o seu sentimento ao rever as fotos que você fez? O que você pensa sobre as coisas que aconteceram após o atentado, como guerra do Iraque, Afeganistão, sentimento de ódio?

Alcir - Quando vejo minhas fotos ainda fico chocado com que vi. Não apenas pelos prédios caindo em chamas, mas pelos milhares de cidadãos iam trabalhar lá todos os dias. Depois, veio a guerra para pegar os terroristas. Seres humanos continuam a morrer, sejam militares ou civis, e esta guerra ao terror continua como se o horror do dia 11 de setembro nunca tivesse um fim.

Blog - Qual é a reflexão que fica em sua mente dez anos depois deste episódio? Fale como um brasileiro radicado em NY e responda o que representa esta data pra você.

Alcir - O numero 11 está sempre presente pra mim. Moro no décimo primeiro andar e o 11 de Setembro 2001, na minha opinião, foi o dia em que a inocência acabou. Depois deste dia, tudo é possível de acontecer. Eu tenho mais tempo morando no Estados Unidos do que eu tenho morando no Brasil. Estou aqui desde 1981, tenho cidadania americana e sou correspondente da Veja em NY. Quando vou no Ground Zero ou vejo na TV os americanos relembrando esta tragédia, é triste. Esse ataque destruiu muitas vidas e sonhos de homens e mulheres de inúmeras nacionalidade… Gente de New York.

Confira as fotos do Alcir Navarro no dia do atentado:

attack no wtc attack no wtc   attack on wtc   dia the terror - world trade center A entrevista foi publicada pelo blog em 2011, 10 anos após o ataque. Mas como o arquivo foi perdido, republico hoje, 15 anos depois do atentado. 
Comentar
Compartilhe
Socorro
11/09/2016 | 11h32

sos

Matéria publicada pela Folha (aqui) mostra que integrantes da ONG Orquestrando a Vida estiveram na rua Voluntários da Pátria, na Pelinca, na manhã de ontem (10), pedindo doações e vendendo DVDs, para ajudar a manter o projeto. "Agradecemos as centenas de pessoas que hoje nos apoiaram com contribuições e palavras de gratidão pela existência do projeto em nossa cidade”, disse o maestro Jony Wiiliam, diretor da ONG.

A nossa rica Prefeitura, que pagou um cachê de R$ 70 mil ao Milton Cunha (aqui), não pode ajudar?

Comentar
Compartilhe
Recados do Coronel
10/09/2016 | 00h00
coronel

Quem não gravar apoio ao candidato da máquina e não postar os vídeos no Facebook vai deixar de receber material e ajuda de campanha já na próxima semana. O prazo limite para todos postarem suas mensagens e manterem no Facebook é quinta-feira.

Outro recado: amanhã será realizada uma Caravana. Todos os candidatos poderão participar com seus militantes, mas sem carro de som. A única música permitida é a do candidato da máquina.

Comentar
Compartilhe
Pesquisa da Record: só na segunda?
09/09/2016 | 20h44
parana-400x136

Como o blog informou no último sábado (aqui), a TV Record contratou o Instituto Paraná de Pesquisas para realizar um levantamento sobre a disputa pela Prefeitura de Campos.  As entrevistas com os 680 eleitores começam amanhã e serão finalizadas na próxima quinta-feira. A divulgação, de acordo com registro no site do TSE, poderia ocorrer nesta sexta-feira (09).

Porém, até agora ninguém da emissora do bispo Macedo divulgou a pesquisa.

Há quem diga que o levantamento poderá ocorrer só na próxima segunda-feira (12), no mesmo dia em que uma pesquisa do instituto Precisão será divulgada.

Comentar
Compartilhe
Wladimir: "Eles não aguentam cinco minutos de debate"
09/09/2016 | 17h23

wlad

O empresário Wladimir Garotinho entrou de cabeça na campanha de Dr. Chicão (PR). Em caminhada na Pelinca, na tarde desta sexta-feira (09), ele comentou: "Enfrentamos um discurso da crítica, vazio. Não aguentam cinco minutos de debate. São apenas 24 dias. Vocês precisam nos ajudar a debater e esclarecer as pessoas. Vamos continuar avançando ou entregar a cidade nas mãos de aventureiros? Os outros cinco estão do lado de lá", afirmou.

Comentar
Compartilhe
Tá suando a camisa
09/09/2016 | 01h26
suando-a-camisa Garotinho tá tendo muito trabalho com a garotada.

Aos 56 anos, o secretário de Governo está suando a camisa para não ser derrotado em sua trincheira. Ontem (08), ele participou de reuniões, inaugurações, simulou uma malhação na academia da terceira idade e fez várias transmissões ao vivo no Facebook. Em uma delas, voltou a atacar o vereador Rafael Diniz (PPS), candidato à Prefeitura.  Mas a audiência, apesar de ter um exército de DAS e RPA, não anda muito boa. Mesmo com 759 mil pessoas curtindo a sua página no Facebook, as transmissões ao vivo de Garotinho têm menos visualizações do que as de Rafael Diniz, que tem 19 mil pessoas curtindo a página.

A maré mudou? - Se em 1988, aos 28 anos, virou onda no rádio e ganhou a Prefeitura, agora ele já notou que se bobear pode ser engolido por um tsunami.

Quem poderá defender? - Tirando o próprio Garotinho, que é raçudo e vai suar a camisa e gastar todas as energias, pouca gente no grupo tem disposição e motivação para enfrentar a onda. Inclusive, já tem rosáceo pegando a prancha para surfar ao lado da oposição.

Comentar
Compartilhe
Secretário comemora 48º lugar no ranking do Ideb
08/09/2016 | 15h15
[video width="400" height="400" mp4="http://www.folha1.com.br/_midias/wp/blogs3/bastos/wp-content/uploads/sites/2/2016/09/secretário.mp4"][/video]

Como o blog do Arnaldo Neto mostrou (aqui), o ministério da Educação apresentou nesta quinta-feira (8) o Índice de Desenvolvimento da Educação Básica (Ideb) 2015. Campos, que em 2013 havia ficado em antepenúltimo lugar, com nota 3.9, tirou nota 5 em 2015. Com isso, o município deixou a 88ª posição de 2013 e chegou a 48º em 2015. A meta do MEC para o município foi superada (era de 4.3). No entanto, entre os alunos do 2º segmento do Ensino Fundamental, do 6º ao 9º ano, a meta não foi alcançada. O município chegou a 3.6, enquanto o planejado era 4.2.

No Facebook, o secretário Frederico tavares fez uma transmissão ao vivo e agradeceu diretamente aos servidores que se sacrificam diariamente, mesmo diante das dificuldades.

Em 2007, durante a gestão de Alexandre Mocaiber, Campos também superou a meta. Naquele ano a meta era de 2.9 e o município alcançou 4.3.

Comentar
Compartilhe
Amigo é pra essas coisas
08/09/2016 | 13h35

working

A empresa Working, que nos últimos três meses recebeu mais de R$ 3 milhões da Prefeitura de Campos (aqui), fez questão de disponibilizar banheiros químicos para auxiliar um comício dos rosáceos na Avenida Princesa Isabel.

Comentar
Compartilhe
Pediu e ganhou
08/09/2016 | 13h29
parque-maciel Moradores do Parque Maciel fizeram uma faixa que dizia: "Aos vereadores do bairro: sem asfalto, sem voto". Uma semana depois, o asfalto chegou. asfalto-1 asfalto-2
Comentar
Compartilhe
Candidato do grupo rosáceo ataca "turma do cheque"
08/09/2016 | 11h20

Candidatos a vereador do grupo rosáceo já não escondem a indignação por conta de alguns nomes que estão com mais "estrutura". No Facebook, Luiz Paulo Gama, candidato a vereador pelo PSDB, comentou sobre a visita que o vereador Albertinho (PMB) recebeu (aqui). "O título da matéria deveria estar assim 'um dos muitos candidatos a vereador é investigado por compra de voto com programas sociais'. Só eu sei quantos eleitores perdi por causa disto", postou Luiz, que assim como o vereador rosáceo, caminha com Dr. Chicão (PR).

Em uma outra postagem ele diz que "o 'VALE OU CHEQUE' que muitos candidatos estão distribuindo não é FAVOR e sim obrigação, mas usam isso para se beneficiar e a população fica feliz e VOTA achando que eles fizeram um favor. Muito curioso eles (candidatos) não dizerem que esses benefícios só vão até DEZEMBRO e nada mais".

Comentar
Compartilhe
Instituto Precisão entra em campo
07/09/2016 | 13h13

precisão

Foi registrada ontem (06) uma pesquisa do instituto Precisão, realizada entre os dias 01 e 05 deste mês. Como o registro só ocorreu ontem, a pesquisa precisa cumprir um prazo legal para ser divulgada. A divulgação está prevista para a próxima segunda-feira (12).

Foram entrevistadas 600 pessoas e, além da pergunta sobre a disputa pela Prefeitura, o Precisão quis saber sobre o impacto da internet no município de Campos. Como as pessoas acessam (celular ou computador) e qual é a rede social mais usada pelos campistas. Também foi perguntado se o eleitor costuma ouvir rádio (AM ou FM) e ler jornais.

Contrato - Em 2011 o Precisão firmou contrato de R$ 3,7 milhões com o governo Rosinha para prestar serviços de "consultoria/e ou assessoria"

Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: vai sobrar pra quem?
07/09/2016 | 11h41

duvida

Por diversas vezes vereadores da oposição apontaram uma suposta "farra do Cheque Cidadão". O vereador Marcão (Rede) chegou a dizer que estavam "usando Cheque Cidadão para comprar votos" (aqui).

Agora, no período eleitoral, a equipe de fiscalização do TRE levou cadastros e "indícios de abusos" estão sendo apurados (aqui).

De olho nisso tudo a prefeita Rosinha Garotinho (PR) publicou um decreto no Diário Oficial para apurar " eventuais desvios de finalidade do Cheque Cidadão" (aqui).

Ou seja, se tem alguma coisa errada, os culpados terão que aparecer e "medidas cabíveis" serão tomadas.

Quem vai pagar o pato?

Comentar
Compartilhe
Primeiro "confronto" entre os candidatos
06/09/2016 | 17h35

Nesta terça-feira (6), às 14 horas, no auditório da Associação de Proteção e Orientação aos Excepcionais (Apoe), o Fórum de Defesa dos Direitos de Crianças e dos Adolescentes realizou uma “roda de conversa” com a presença dos seis candidatos à Prefeitura de Campos. O Fórum é composto por entidades da sociedade civil que atendem e discutem a política municipal da infância e adolescência.

A conversa começou calma, mas aos poucos foi esquentando. Mesmo sem um confronto direto entre os candidatos, foram muitas as "alfinetadas".

[caption id="attachment_43799" align="aligncenter" width="558"]chicão Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Principal "alvo" de quatro oposicionistas (Pudim, Nildo, Rafael e Matoso), Dr. Chicão (PR) também rebateu. "Quem defende o governo do estado não pode falar em valorizar servidor", disse Chicão, que se colocou como o único capaz de manter "os avanços".

[caption id="attachment_43800" align="aligncenter" width="500"]Foto de Marcos Gonçalves Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Um "garotinho" esquentou o debate - Após o menino Maicon de Oliveira Rosa, 12 anos, criticar a falta de estrutura na Tapera, e Chicão afirmar que ele estava equivocado sobre as críticas, o clima esquentou.

Sem perder tempo, Rogério Matoso (PPL) disparou: "O senhor precisa ouvir mais esse menino da Tapera e menos a família Garotinho. É preciso um choque de realidade". Em suas intervenções, Matoso deixou claro que não vai aliviar nem um pouco os rosáceos.

[caption id="attachment_43801" align="aligncenter" width="500"]Foto de Marcos Gonçalves Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Já Rafael Diniz (PPS) criticou a falta de humildade do governo em reconhecer erros e afirmou: "Meninos como o Maicon estão em todas as partes da nossa cidade e são ignorados por esse desgoverno que torrou bilhões e vendeu o nosso futuro três vezes. Como dizia Gonzaguinha: 'eu fico com a pureza da resposta das crianças'". Neste momento, o menino foi as lágrimas e abraçou Diniz.

[caption id="attachment_43802" align="aligncenter" width="501"]Foto de Marcos Gonçalves Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Geraldo Pudim (PMDB) demonstrou conhecimento sobre os diversos temas abordados e também bateu forte. "Quem está aqui precisa aprender a ouvir críticas. Este governo não soube se planejar e, por diversas vezes atrasou as parcelas de instituições que prestam serviços importantes em nossa cidade. Essas pessoas lutam diariamente e merecem respeito".

[caption id="attachment_43803" align="aligncenter" width="500"]Foto de Marcos Gonçalves Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Nildo Cardoso (DEM) fez uma comparação entre orçamentos passados com as duas gestões de Rosinha e também comentou sobre o menino Maicon. "Talvez o vice-prefeito não saiba que existe Tapera I, Tapera II e Tapera III. Quem sabe da realidade é você (olhando para o menino), não ele (Chicão)".

[caption id="attachment_43804" align="aligncenter" width="500"]Foto de Marcos Gonçalves Foto de Marcos Gonçalves[/caption]

Caio Vianna (PDT), que participava de uma caminhada, chegou e saiu rápido. "Não vou entrar em ataques pessoais. Governos têm, erros e acertos, mas sabemos que a população quer ouvir propostas. Temos planos para fortalecer essas instituições que prestam serviços tão importantes".

Mais informações na edição de amanhã (07) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Para manter "pacote de obras", Rosinha corta até da Saúde
06/09/2016 | 10h21

Rosinha-lagoa-6-768x631

O Diário Oficial desta terça-feira (06) mostra que, para manter o seu "pacotão de obras" faltando menos de 30 dias para a eleição, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) teve que anular verbas até da Saúde.

O decreto nº288/2016 tem a missão de suplementar R$ 5 milhões. A maior parte (R$ 4,1 milhões) vai para a secretaria de Infraestrutura implantar "bairros Legais/obras e instalações" . Outra fatia (R$ 833 mil) é para a secretaria de Gestão, que cuida da contratação de pessoal.

Como o cobertor é curto, o dinheiro precisa sair de um lugar e ir para o outro. Rosinha anulou verbas que  estavam previstas para a Fundação Municipal Saúde (R$ 400 mil), Fundação de Esporte (R$ 650 mil), Fundo Municipal de Cultura (R$ 250 mil) e Comunicação (R$ 1 milhão). A prefeita também anulou R$ 2,7 milhões da secretaria de Controle e Orçamento.

Comentar
Compartilhe
CBN: De olho no governo estadual, Garotinho luta para vencer em Campos
06/09/2016 | 09h48
cbn

Matéria publicada no site da rádio CBN na manhã desta terça-feira (06) (aqui) aborda a disputa pela Prefeitura de Campos com foco em um personagem: Anthony Garotinho (PR). Um trecho diz que "Garotinho é o principal ator de uma disputa para se tentar se cacifar e voltar a ser candidato ao governo do estado em 2018." A matéria também destaca a grave crise após anos de fartura. Confira:

O próximo prefeito de Campos dos Goytacazes irá encontrar uma cidade com expectativa de crescimento menor do que a de anos atrás, orçamento reduzido e partida politicamente: o núcleo político da família Garotinho se fragmentou, e cinco dos seis candidatos estão na oposição. Na tentativa de garantir seu legado, Anthony Garotinho é o principal ator de uma disputa para se tentar se cacifar e voltar a ser candidato ao governo do estado em 2018.

Mas a tarefa não é fácil: Campos atravessa uma grave crise financeira desde 2014, quando os repasses dos royalties do petróleo, responsáveis por mais da metade da receita do município, começaram a diminuir. No começo deste ano, a prefeita Rosinha Garotinho decretou emergência econômica, cortou despesas, estimulou a aposentadoria de servidores e demitiu terceirizados. Em 2015, quase cinco mil empregos foram perdidos.

Neste ano, segundo o Ministério do Trabalho, quase 1.700 postos de trabalho já foram extintos. Para o economista Alcimar Ribeiro, da Universidade Estadual do Norte Fluminense, o desemprego é o principal efeito da crise. Segundo ele, Campos não se preparou para a baixa no preço do petróleo, porque há uma forma atrasada de fazer política na cidade.

Depois de 30 anos de amizade, o candidato Geraldo Pudim trocou o PR de Garotinho pelo PMDB. Eles estão rompidos e não se falam desde 2015. De acordo com Pudim, o próximo prefeito irá assumir uma herança maldita, por causa da antecipação de royalties do petróleo. Ele acredita que o clã Garotinho instituiu uma "parentocracia" em Campos, ou seja, passou a controlar a cidade só com políticos da família.

Família, aliás, é um aspecto digno de novela nas eleições de Campos. Só uma trama explicaria o fato de Caio Vianna, do PDT, ser candidato à sucessão de Rosinha, e seu pai, o ex-prefeito Arnaldo Vianna, apoiar Geraldo Pudim. Já o candidato Rafael Diniz, do PPS, é neto de Zezé Barbosa, ex-prefeito e tradicional político da cidade.

No clã Garotinho, outra polêmica: Gustavo Matheus (PV), sobrinho do ex-governador, não fala com o político e é candidato independente da família ao cargo de vereador. O nome apoiado por Garotinho no pleito para prefeito é Doutor Chicão, do PR, que atualmente é vice-prefeito. Segundo ele, a antecipação dos royalties não quebrou a prefeitura. Ele avalia que a oposição traiu Garotinho, e que o ex-governador tem cacife para concorrer ao governo do estado.

Procurado, Garotinho não se manifestou. A reportagem da CBN apurou que ele estuda se candidatar em 2018. Garotinho tem aparecido constantemente em inaugurações de obras da administração da mulher. Ao todo, Campos tem seis candidatos a prefeito. Além de Pudim, Doutor Chicão, Caio Vianna e Rafael Diniz, Nildo Cardoso, do DEM, e Rogério Matoso, do PPL, estão na disputa.

Comentar
Compartilhe
Romário vai entrar em campo
06/09/2016 | 01h03

romario

O senador Romário (PSB), que em 2014 recebeu 106 mil votos em Campos, vai entrar em campo para reforçar a campanha de Caio Vianna (PDT).

Ele vai estar na planície no próximo dia 17 e promete gastar sola de sapato ao lado de Caio e Gil Vianna (PSB). Ele também vai arrumar tempo para uma partida de futevôlei.

No período pré-eleitoral o Baixinho deixou claro que trabalharia firme para derrotar os rosáceos em Campos.

Comentar
Compartilhe
Pesquisa mostra polarização: Dr. Chicão (29,8%) e Rafael Diniz (24,2%)
06/09/2016 | 00h18

Pro-4-3

O blog "Ponto de Vista" informa (aqui) que a nova pesquisa do instituto Pro4, feita entre os dias 02 e 03 de setembro, com 620 entrevistados, aponta um empate técnico entre o candidato do grupo rosáceo, Dr. Chicão (PR) e oposicionista Rafael Diniz (PPS). Faltando menos de 30 dias para a eleição, os dois cresceram em relação ao levantamento anterior, o que gerou uma polarização.

Na estimulada, Chicão tem 29,8%, seguido por Rafael, com 24,2%, ambos em empate técnico dentro da margem de erro. Caio Vianna vem na sequência, seguido por Geraldo Pudim (PMDB), Nildo Cardoso (DEM) e Rogério Matoso (PPL). A pesquisa foi registrada no no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com o número 09231/2016.

A matéria completa poderá ser vista na edição de hoje (06) da Folha, daqui a pouco nas bancas, na casa do assinante do jornal impresso ou na tela do assinante do Folha Digital.

Comentar
Compartilhe
Quanto cada candidato já gastou na campanha?
05/09/2016 | 15h27

TSE

O sistema de divulgação de candidaturas do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) permite que o eleitor acompanhe os gastos dos candidatos de forma detalhada durante o pleito (aqui).

Em Campos, até o momento, quem mais gastou foi Dr. Chicão (PR).

Dr. Chicão - A conta já passou de meio milhão (R$ 597,7 mil). A maior parte foi para "publicidade por materiais impressos" (R$ 585 mil). Teve também: locação/cessão de bens imóveis (R$ 17 mil), publicidade por carros de som (R$ 5,6 mil), combustíveis e lubrificantes (R$ 5 mil), serviços prestados por terceiros (R$2,1 mil).

Rafael Diniz (PPS) - A campanha de Diniz desembolsou R$126,3 mil. Os gastos foram para: produção de programas de rádio, televisão ou vídeo (R$ 50 mil), cessão ou locação de veículos (R$26 mil), atividades de militância e mobilização de rua (R$22,8 mil), publicidade por materiais impressos (R$20 mil) e publicidade por adesivos (R$ 15 mil).

Rogério Matoso - Até o momento os gastos estão em R$ 26,8 mil. Publicidade por materiais impressos (R$15,5 mil), publicidade por adesivos (R$ 6,4 mil), despesas com transporte ou deslocamento (R$ 2,5 mil), cessão ou locação de veículos (R$ 2,4 mil), atividades de militância e mobilização de rua (R$ 2,3 mil).

Caio Vianna (PDT) - Diversas a especificar (R$29,8 mil) e atividades de militância e mobilização de rua (R$ 2,1 mil).

Geraldo Pudim (PMDB) -  Nenhum gasto lançado até o momento.

 Nildo Cardoso (DEM) - Nenhum gasto lançado até o momento.

Comentar
Compartilhe
Conselheiros sem estrutura
05/09/2016 | 14h58
Conselheiros tutelares que atuam em uma área do município estão há 10 dias sem carro para realizar visitas e diligências. "Isso é uma falta de respeito com as crianças e adolescentes. Por favor, nos ajude divulgando, pois assim eles tomam providências", disse a fonte que enviou mensagem ao blog.  
Comentar
Compartilhe
Chicão: "Aprendi a administrar com o casal Garotinho"
05/09/2016 | 10h32
[caption id="attachment_43749" align="aligncenter" width="456"]Facebook/Chicão Facebook/Chicão[/caption]

Durante o primeiro comício de sua campanha, ontem (04), na Lapa, o candidato Dr. Chicão (PR) disse que até 2008 ele sabia cuidar das pessoas, mas após se eleger vice-prefeito aprendeu a cuidar da população como administrador. "Deus me deu a oportunidade de estar junto de dois ex-governadores aprendendo administração pública. Não por um mandato. Ele foio tão bom comigo que ele me deu dois mandatos para aprender junto da nossa prefeita Rosinha e do Garotinho".

Chicão também explicou que ninguém faz nada sozinho. "Jesus Cristo precisou dos apóstolos para ajudá-lo".

Mais sobre o comício: aqui e na edição de hoje (05) da Folha.

Comentar
Compartilhe
TV Record: pesquisa encomendada
03/09/2016 | 23h22

Paraná

A TV Record contratou o Instituto Paraná de Pesquisas para realizar um levantamento sobre a disputa pela Prefeitura de Campos.

As entrevistas com os 680 eleitores começam amanhã e serão finalizadas na próxima quinta-feira. A divulgação, de acordo com registro no site do TSE, pode ocorrer na sexta-feira (09).

Pelo questionário, disponível no site do TSE, é possível descobrir que o instituto de Curitiba vai ouvir os eleitores sobre a preferência entre os seus candidatos à Prefeitura e já irá fazer três simulações de segundo turno, todas com o vice-prefeito Chicão Oliveira (PR), candidato da máquina. Ou seja, antes mesmo de entrar em campo o instituto já prevê a força do candidato rosáceo. Serão feita as seguintes simulações: Chicão X Rafael Diniz (PPS), Chicão X Geraldo Pudim (PMDB) e Chicão X Caio Vianna (PDT).

O instituto também irá perguntar aos campistas o que eles acham dos governos Michel Temer (PMDB), Francisco Dornelles (PP) e Rosinha Garotinho (PR).

Boa relação - A TV Record em Campos tem mantido uma bom relacionamento com o governo rosáceo. A emissora abriu um espaço semanal para o secretário de Governo Anthony GAROTINHO (aqui) e patrocinou o Carnaval fora de época (aqui).

Comentar
Compartilhe
Vereadores lembram de denúncias sobre "farra do cheque cidadão"
03/09/2016 | 10h14
Marcão fred

Um dia após o mandado de busca e apreensão que levou os cadastros do Cheque Cidadão (aqui), os vereadores Marcão (Rede) e Fred Machado (PPS) usaram o seu Facebook para lembrar que denunciaram a "farra dos cheques" na tribuna da Câmara.

Marcão publicou um vídeo com a denúncia feita por ele na tribuna da Casa. “O que está estampado hoje nas páginas dos jornais e sites diversos, no mês de junho eu já denunciava na Câmara: distribuição ilegal do cheque cidadão”. Marcão disse que para bastava “seguir o dinheiro”. “Sigam o dinheiro, porque o dinheiro da venda do futuro, o terceiro empréstimo, entrou na conta da Prefeitura. Vejam para que contas estão pagando os RPAs. Vejam o cheques cidadãos distribuídos após a entrada do dinheiro.

Fred Machado também lembrou que, na sessão do dia 17 de agosto, fez um alerta sobre "distribuição de Cheque Cidadão e RPA" (aqui).  "Solicitei em minhas palavras que o TRE e o MPE olhassem de perto este desague de cheque cidadão em época eleitoral. Parabéns TRE e MPE. Vejam as datas de entrega e tudo de escuso que possa haver. A população campista agradece".

Comentar
Compartilhe
Cheque Cidadão: TRE e MP levam cadastros e apuram "indícios de abuso"
02/09/2016 | 20h07
[caption id="attachment_43728" align="aligncenter" width="408"]cheque Foto: Rodrigo Silveira[/caption]

A equipe de fiscalização da Justiça Eleitoral, em parceria com o Ministério Público (MP), apreendeu documentos na secretaria de Desenvolvimento Social.

De acordo com a 76ª Promotoria Eleitoral "foi expedido um mandado de busca e apreensão na Secretaria de Desenvolvimento Social para apurar possíveis indícios de abuso de poder político e econômico envolvendo recursos do programa Cheque Cidadão em Campos".

Ao todo, quatro carros foram usados para levar a documentação.

Atualização às 21h12 - A secretaria de Desenvolvimento Humano e Social nega qualquer tipo de uso indevido do Cheque Cidadão Municipal e ressalta que "o programa é uma política pública de proteção social e de segurança alimentar instituída pela prefeitura desde 2009, e que segue os mesmos critérios adotados pelo governo federal com o Cad Único como o Bolsa Família".

Mais informações na edição de amanhã (03) da Folha.

Comentar
Compartilhe
Trivale recebe R$ 5 milhões: cheque cidadão ou combustível?
02/09/2016 | 11h08

O blog "Na Curva do Rio" informa que a empresa Trivale Administração recebeu R$ 5 milhões em dois dias (aqui). Porém, o ineficiente Portal da Transparência não detalha o pagamento.

Em uma rápida pesquisa na internet é possível descobrir que a empresa Trivale, com sede em Uberlândia (MG), tem contratos em Campos para prestar dois tipos de serviço: cheque cidadão (aqui) e combustível (aqui).

Será que alguém da empresa ou da Prefeitura poderia explicar?

Comentar
Compartilhe
Começou o "pula, pula"
02/09/2016 | 00h06
pula pula

Faltando 30 dias para a eleição, já começou o "pula, pula" nos bastidores.

Aliados do governo que não simpatizam com o grupo de Dr. Chicão (PR) já estão flertando com a oposição. Pedem voto para o candidato a vereador do grupo, mas na hora do prefeito recomendam um nome da oposição. "Estamos cansados de tanta humilhação", dizem algumas lideranças.

Para quem não se lembra, na eleição de 2014 teve muita gente da máquina que ignorou a recomendação do líder e deixou a coisa correr solta. O resultado no segundo turno foi a vitória de Pezão em cinco das sete Zonas Eleitorais de Campos.

Nos grupos do WhatsApp tem até um hit para embalar a troca de lado. Se chama "Pula, Pula", da cantora gospel Aline Barros (aqui). A letra diz: "Pula, pula, pula. Vem pra nossa turma".

Comentar
Compartilhe
Quissamã: Armando Carneiro terá que recorrer para reverter impugnação
01/09/2016 | 16h04
armando

Em Quissamã a judicialização já toma conta do pleito municipal.

Na disputa para voltar ao poder, o ex-prefeito Armando Carneiro (PSB) trava uma batalha jurídica. A juíza Márcia Regina Sales Souza deu uma semana ao candidato para contestar a impgnação ao pedido de registro de candidatura.

Candidato a vice-prefeito na chapa de Fátima Pacheco, o vereador Marcelo Batista também vai ter que se explicar para garantir o registro. Veja no blog "Na Curva do Rio" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Pescaria na pista
01/09/2016 | 15h32
[caption id="attachment_43710" align="aligncenter" width="318"]Facebook/Levi Viana de Souza Facebook/Levi Viana de Souza[/caption] Após a forte chuva na manhã desta quinta-feira (01), diversos pontos da cidade ficaram alagados. Na Princesa Isabel, um gaiato pegou a tarrafa e resolveu pescar. "Sairú na promoção. Chega pra perto, gente!". O vídeo foi parar na internet: [video width="220" height="400" mp4="http://www.folha1.com.br/_midias/wp/blogs3/bastos/wp-content/uploads/sites/2/2016/09/sairu.mp4"][/video]
Comentar
Compartilhe
Quem tem coragem?
01/09/2016 | 15h29
banheiro banheiro 2

Uma internauta enviou imagens que mostram a situação do banheiro que fica sob a Ponte Rosinha. É importante destacar que os permissionários pagam uma taxa mensal para manutenção.

Apenas um funciona, já que o outro foi interditado.

Poucos corajosos se arriscam.

Comentar
Compartilhe
Rosáceos escolhem alvos: Rafael Diniz e Caio Vianna
01/09/2016 | 09h51

O grupo rosáceo pode até não mostrar suas pesquisas, mas pela reação do líder é possível identificar quem são os principais alvos.

A ordem é começar uma campanha na rede para desconstruir Rafael Diniz (PPS) e Caio Vianna (PDT). Inclusive, em uma transmissão ao vivo na noite de ontem, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) citou nominalmente os dois. Segundo o líder, Rafael e Caio não têm experiência para governar a cidade.

Os rosáceos também já notaram que apesar de toda a "força-tarefa", a máquina não terá condições de resolver a fatura no primeiro turno.

Recordar é viver - O mais interessante dessa história é que na eleição de 1988 o jovem era Anthony Garotinho. Na época, aos 28 anos, ele dizia que só as novas cabeças poderiam resolver os velhos problemas. O jovem se elegeu e, naquele primeiro mandato, fez um bom governo. Ou seja, o seu exemplo joga contra a sua própria estratégia.

Comentar
Compartilhe
Garotinho sobre relação com Magal: "É tipo namorado sem vergonha"
01/09/2016 | 01h12

GAROTINHO E MAGAL

Ao comentar sobre a sua relação com o vereador Jorge Magal (PSD), que no ano passado votou contra a "venda do futuro" e chegou a deixar a bancada governista, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) soltou uma pérola: "Essa relação é tipo namorado sem vergonha. Andamos meio atravessados, ele para um lado, eu para o outro. Mas depois eu fui lá na casa dele no Parque Guarus. Sentamos lá e eu disse: olha aqui, rapaz, você tem origem no povo. Como que você vai se juntar com esse povo da elite? Seu lado é o meu lado. Estamos juntos".

Comentar
Compartilhe