Romário em Campos para lançar pré-candidatura de Gil Vianna
19/06/2016 | 02h03

romário e gil

O anúncio oficial da pré-candidatura do senador Romário (PSB) à prefeitura do Rio será acontece amanhã (20), às 15h, na sede do PSB-RJ.

Depois, no sábado (25), Romário vai estar em Campos para lançar a pré-candidatura à Prefeitura do vereador Gil Vianna (PSB). Campos é apontada pelo PSB como uma cidade estratégica e o partido pretende adotar uma postura independente, sem "tabelinha" com o casal Garotinho.

Um dos principais articuladores da pré-candidatura de Gil em Campos é o secretário geral do PSB no estado, Sergio Barcelos.

Votos em 2014 – Romário recebeu 106.953 votos (49,0%) em Campos, 10 mil votos a mais do que Anthony Garotinho fez na sua terra natal para governador, com 96.584 votos (39,8%). Veja no “Ponto de Vista”: aqui.

Pode ser vice? - A meta do PSB é ter Gil na cabeça e chapa, mas aliados do vereador em Campos não descartam a possibilidade de uma candidatura a vice-prefeito. Bem votado na disputa por uma cadeira na Alerj em 2014, com 22.334 votos, Gil Vianna poderá se candidatar novamente em 2018.

Comentar
Compartilhe
Bruno Dauaire: "É hora de equilibrar as contas e assegurar o pagamento dos servidores"
23/06/2016 | 04h08

Após a Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) afirmar que o estado pode perder 98 mil postos de trabalho caso os incentivos sejam cancelados (aqui), o deputado estadual Bruno Dauaire (PR) usou a sua página no Facebook para comentar sobre o seu projeto que suspende novos incentivos para que haja reorganização e maior transparência.

bruno

Comentar
Compartilhe
Após suplementação de R$ 1 milhão, propagandas no ar
13/06/2016 | 07h00
[caption id="attachment_41952" align="aligncenter" width="514"]propaganda Belíssima escola modelo é mostrada durante comercial - Reprodução/YouTube[/caption]

O Diário Oficial do dia 01 de junho trouxe o Decreto nº 138/2016, que dispõe sobre crédito adicional suplementar no orçamento fiscal do município. Com recursos obtidos por conta da “venda do futuro”, que vai deixar parcelas até 2026, a Prefeitura de Campos resolveu gastar R$ 1 milhão com campanhas publicitárias.

E as campanhas saíram rapidinho do forno. Logo no dia 02 de junho foram publicados na página da Prefeitura no YouTube novos vídeos com propagandas sobre escolas e creches, passagem social, paisagismo, casas populares, vilas olímpicas e novas estradas (aqui). Nas propagandas rosáceos não existe um único defeito em nosso município. Obras lindas e cidadãos satisfeitos.

Como disse uma senhora no corredor do HGG: "Eu quero morar na propaganda e ser tratada como essas flores".

Comentar
Compartilhe
"Mocaiber ainda é o pior prefeito de Campos?"
03/06/2016 | 11h44

O presidente do PV em Campos, Gustavo Matheus, fez uma comparação entre o governo Mocaiber e a gestão rosácea. Confira:

face
Comentar
Compartilhe
Fora do páreo
01/06/2016 | 03h45

Suledil-AL-10-640x425

O secretário de Controle Orçamentário e Auditoria, Suledil Bernardino (PR), que nos bastidores era apontado como uma carta na manga do secretário de Governo Anthony Garotinho (PR), continua no governo Rosinha e não será mais um prefeitável. Para entrar no páreo da disputa majoritária, Suledil teria que ser exonerado hoje, como ocorreu com Fábio Ribeiro (PR) (aqui).

Comentar
Compartilhe
Prefeitura aluga trio elétrico por R$ 48 mil
27/06/2016 | 03h11

rosinha trio

Foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (27) o resultado do pregão presencial nº 005/2016 para locação de trio elétrico de médio porte, para atender aos eventos culturais, artísticos, esportivos e comemorativos da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL).

CONTRATADA: AFONSON MEGA STAR CONSTRUÇÃO E SERVIÇOS LTDA

Valor global: R$ 48.000,00 (quarenta e oito mil reais)

Prazo de Execução: 03 (três) meses

Mesmo com estado de emergência decretado e dificuldade para fornecer itens básicos nos hospitais e postos de saúde, a FCJOL realizou licitações para futura e eventual contratação de empresa especializada em prestação de serviços de locação de trios elétricos de pequeno, médio e grande portes. Os gastos pdoem chegar a R$ 800 mil (aqui).
Comentar
Compartilhe
PR tenta cassar mandato de Gil Vianna
23/06/2016 | 06h02
gil

Em setembro do ano passado, logo após o vereador Gil Vianna trocar o PR pelo PSB, o presidente estadual do PR, Anthony Garotinho, avisou que o partido buscaria a cadeira na Justiça, alegando infidelidade partidária. Hoje (23), ocorreu em Campos uma audiência para que testemunhas fossem ouvidas na ação que pede a decretação de perda do mandato. Testemunharam a favor de Gil o deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB), que também é alvo do PR em ação que pede a perda de mandato, e o vereador Genásio (PSC). Pudim relatou a forma como o vereador era tratado e Genásio revelou os bastidores de uma reunião em 2014, quando o líder rosáceo chegou a dizer: “Magal, Gil e Albertinho podem ir” (aqui).

A defesa do vereador Gil Vianna aposta que a Justiça entenderá que houve justa causa. De acordo com a linha da defesa, Gil foi isolado após discordar do secretário de Governo Anthony Garotinho.

A ação solicita a cassação do mandado de Gil e pedido de posse do suplente.

Na visão de Pudim, que se defende em ação semelhante, “discordância de ideia nunca foi motivo para ações de cassação de mandatos”.

Comentar
Compartilhe
Rosinha vai inaugurar pacote de obras de R$ 100,7 milhões
17/06/2016 | 07h11

rosinhaA prefeita Rosinha Garotinho (PR) inaugura a partir da próxima terça-feira (21), até o início de julho, um pacote de obras que representa investimentos da ordem de R$ 100.792.922 milhões em infraestrutura, em mais 11 bairros na cidade, além do interior do município. São obras de saneamento, urbanização e novos prédios para expansão da rede de saúde pública.

A prefeita explica que a agenda de inaugurações consta mais 11 obras que representam benefícios para moradores de bairros da cidade e localidades do interior. Ela afirma, ainda, que são obras importantes que representam pesados investimentos em favor da população e que implicam diretamente na melhoria do nível de qualidade de vida, como as obras de drenagem que acabam com os alagamentos e com a poeira. "Estou seguindo com obras importantes de infraestrutura, apesar da crise nacional, pagando salários em dia, mantendo serviços em Educação, Saúde, inclusão social, em todas as áreas. Fizemos o dever de casa, reduzindo contratos, salários e cargos comissionados, equilibrando as contas e adotando as medidas necessárias que asseguram a continuidade dos serviços prestados pela prefeitura à população", destaca Rosinha.

As obras do Programa Bairro Legal do Jóquei II, por exemplo, nesta primeira etapa, recebem investimentos da ordem de R$ 27,6 milhões.

Fonte: Prefeitura de Campos

Comentar
Compartilhe
Enquanto isso, no Cemitério do Caju
28/06/2016 | 12h11

Veja a situação encontrada pelo Maer Lobianco no Cemitério do Caju:

cemitério 1

cemitério 2

cemitério 4

cemitério 5

cemitério 6

Comentar
Compartilhe
Após denúncia de manipulação, partida do Americano é suspensa
15/06/2016 | 05h43
FERJ

Escândalo na segunda divisão do Campeonato Estadual. O presidente da Associação Desportiva Itaboraí, Junior Cardozo, diz ter em mãos um áudio em que o mandatário do Americano de Campos, Luciano Viana, combina de manipular o resultado de uma partida para prejudicar o time de Itaboraí. Uma reunião acontece, inclusive, neste momento na sede da Ferj para discutir o caso.

Em contato com a ESPN, Cardozo afirmou que Viana enviou o áudio em um grupo de Whatsapp, e este acabou indo parar em suas mãos posteriormente. O presidente do Itaboraí ainda expressou ter confirmado com várias pessoas que a voz é realmente do mandatário do Americano. "Estou indignado com esse absurdo. A gente faz um trabalho sério à frente do clube, temos a melhor média de público do campeonato e descobrir que existe manipulação para prejudicar outros clubes, isso não pode ficar assim. Vou até o fim com essa história. Acabamos de ver a corrupção dentro da FIFA. E vemos que está perto de nós", denunciou o dirigente à reportagem.

Cardozo declarou ter entrado em contato com o presidente da Ferj, Rubens Lopes, que convocou reunião de emergência para falar sobre o assunto. "O presidente já me disse que vai haver punição", apontou o cartola de Itaboraí, que entrou no futebol há apenas dois anos. "Espero que a Ferj se coloque do nosso lado, não o lado do Itaboraí, mas do futebol carioca, dos torcedores. Espero, sinceramente, que tenham punição", continuou Cardozo.

No arquivo, que possui três minutos, a suposta voz de Viana diz que "precisamos manipular esse resultado", em combinação para entregar um jogo do Americano visando ajudar o Audax, rival direto do Itaboraí na classificação.

No mesmo áudio, a justificativa do presidente do Americano para prejudicar a equipe de Itaboraí é que o clube tem recursos e ajuda da prefeitura local. "O futebol fica desacreditado. Tenho um filho de seis anos que diz que ele quer jogar no Barcelona. Isso tá errado. Quando eu era pequeno sonhava jogar no Flamengo, no Vasco, Botafogo. Estão acabando com o futebol carioca", desabafou Junior Cardozo.

Segundo o Código Brasileiro de Justiça Desportiva, em seu Capítulo II, que fala de corrupção, o artigo 243 prevê punição severa para a manipulação de resultados. "Atuar, deliberadamente, de modo prejudicial à equipe que defende. Pena: suspensão de 180 (cento e oitenta) a 360 (trezentos e sessenta) dias. O parágrafo segundo ainda prevê que "O autor da promessa ou da vantagem será punido com pena de eliminação".

O Itaboraí vem disputando ponto a ponto a liderança da classificação geral do Carioca, junto a Americano e Audax - o confronto direto entre esses dois terminou 1 a 0 para o time de Campos, pela oitava rodada.

No fim da Taça Corcovado, a equipe do Audax terminou com os mesmos 19 pontos do Itaboraí, mas classificou-se às semifinais por possuir um gol a mais de saldo. Já o Americano liderou, com 22.

Enquanto acontecia a reunião na Ferj, o Americano empatava uma partida contra o Olaria por 1 a 1, fora de casa, pela semifinal, enquanto o Campos derrotou o Audax, também como visitante, por 3 a 2.

Fonte: ESPN

Atualização às 19h40 - Partida suspensa -  A Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro informa que a partida de volta entre Americano e Olaria, válida pelas semifinais da Taça Corcovado, está SUSPENSA.

Abaixo, você confere a Resolução do Diretor de Competições da FERJ, Marcelo Vianna:

RDI
Comentar
Compartilhe
Rosinha volta a usar “venda do futuro” para bancar eventos
07/06/2016 | 12h36
Rosinha-Verão-2014-1-640x426

Mesmo em tempos de crise, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) não deixa de investir na Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), comandada pela amiga Patrícia Cordeiro. O Diário Oficial desta terça-feira (07) traz novas suplementações, com recursos da "venda do futuro", para a FCJOL.

Ao todo, com o decreto de hoje, a prefeita Rosinha destinou cerca de R$ 450 mil para eventos. Como o empréstimo vai ser parcelo até 2026, as próximas três gestões vão pagar pela festa.

Show do Milhão - Em três meses a FCJOL contou com suplementações que, somadas, chegam a quase R$ 1 milhão (aquiaqui, aqui).

Comentar
Compartilhe
Rosáceos de olho em Caio
19/06/2016 | 03h03

O presidente do PDT em Campos, Caio Vianna, que apareceu na liderança da pesquisa realizada pelo instituto Pro4 (aqui), está sendo acompanhado de perto pelos rosáceos.

Em um grupo da secretaria de Governo no WhatsApp, escudeiros do casal Garotinho comentam sobre os passos do pré-candidato e pedem que fiscais do TRE sejam acionados para coibir uma possível campanha antecipada.

A denúncia do dia foi por conta de um churrasco no campo do Grêmio, em Custodópolis.

Para Caio, a atitude demonstra desespero. "Quer dizer que agora não posso sair de casa? Não tenho direito de ir e vir? Não estou pedindo voto, nem fazendo campanha. Nem candidato eu sou ainda, só saberei após as convenções. Fica nítido que estão desesperados", comentou.

Comentar
Compartilhe
Auxiliadora desiste das prévias: "A causa é maior do que os nomes"
30/06/2016 | 06h56
WB

Após o presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB) desistir das prévias (aqui), hoje (30) foi a vez da vereadora Auxiliadora Freitas (PHS). Veja o comunicado divulgado pela parlamentar:

"Neste momento severo de crise moral e de credibilidade que os nossos sistemas político e econômico atravessam, circundados de adversidades, entendo que as causas coletivas devem prevalecer face as vontades pessoais. Como todo cidadão que ama a cidade que nasceu e vive, cultivo o sonho e o desejo de governá-la, de um modo pessoal e particular, com a minha essência de vida pública fundada nas causas da educação e da cultura, que perpassam todas as demais políticas públicas de governo. Foi com este propósito que o PHS colocou meu nome à disposição do meu grupo político e do povo de Campos como opção para a prefeitura nas eleições que se avizinham.

Pertenço a um grupo político há mais de 30 anos. Juntos, idealizamos e sonhamos com uma cidade melhor, diferente. Juntos, trabalhamos para fazer isto possível, através do compartilhamento de ideias, da elaboração de planos para o futuro, do estabelecimento de propostas que valorizassem as pessoas. Convergimos nossos saberes e conhecimentos para mudar Campos. E nas divergências, estabelecemos uma relação de aprendizado e de ensino. Entendo que este momento é de convergência. De união. Nosso grupo político é liderado pelo ex-governador Garotinho, que é presidente regional do Partido da República. A nossa prefeita, ex-governadora Rosinha, também pertence ao Partido da República.  

É com muito orgulho que pertenço aos quadros do Partido Humanista da Solidariedade, o PHS, que faz parte da base do governo Rosinha e da aliança de partidos que integram a Frente Popular Progressista. Estou no partido porque acredito em seus princípios humanistas relacionadas ao desenvolvimento das potencialidades da condição humana.  Refleti muito e conclui que é de fundamental importância para a continuidade das políticas exitosas do governo Rosinha Garotinho e para que Campos continue seu processo de mudança iniciado em 2009, que a chapa de nosso grupo político estivesse partidariamente vinculada à legenda presidida por nossa liderança, notadamente o PR. E isto tem como consequência a minha desistência de disputar as prévias para a prefeitura. A causa é maior que nomes.

Esta minha decisão tem o respeito e a ratificação de meu partido. Ressalto, contudo, que essa minha desistência se refere à participação das prévias para a escolha do candidato a prefeito, pois a chapa ainda precisa ser formada por um candidato a vice-prefeito, posição esta da qual o diretório regional do PHS continua pleiteando. 

Àqueles que alimentaram durante este tempo a esperança de que eu estaria neste processo prévio, peço que não a percam. Pois acima de mim está a minha causa pública. E onde quer que eu esteja exercendo funções públicas a levarei comigo. Causa que não é só minha, mas de muitos. De mais educação e cultura de verdade. É por isso que trabalho e pretendo continuar trabalhando.

Vereadora Professora Auxiliadora"

Comentar
Compartilhe
Henriques: "O coice do diabo joga a gente no céu"
17/06/2016 | 06h24
[caption id="attachment_42057" align="aligncenter" width="438"]matoso-e-henriques1 Henriques aposta na pré-candidatura de Rogério Matoso[/caption]

O ex-deputado Roberto Henriques (PPL) comentou nesta sexta-feira (17) sobre as suas metas para este ano eleitoral. "Tem muita gente que gosta de reclamar pelos cantos e se abala com qualquer resultado ruim. Mas é bom lembrar que o coice do diabo joga a gente no céu", disse o político, que aposta no ex-vereador Rogério Matoso (PPL).

No próximo dia 23, às 18h40, no Clube de Regatas Campista, a pré-candidatura de Rogério Matoso à Prefeitura de Campos será lançada. "Vamos reunir novos e antigos nomes da política. Será o pontapé inicial", comenta Henriques, que este ano flertou com o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR), mas o namoro não vingou.

Sobre a pesquisado instituto Pro4, que mostra Caio Vianna na liderança e Matoso em penúltimo lugar (aqui), Henriques comentou: "A pesquisa é um retrato do momento, mas o jogo ainda vai começar pra valer. Acredito no crescimento de Matoso, que tem a menor rejeição entre todos os nomes pesquisados", completou Henriques, que é cotado como possível vice na chapa de Matoso.

Comentar
Compartilhe
Arnaldo Vianna na lista dos inelegíveis
10/06/2016 | 08h56

arnaldo

O ex-prefeito Arnaldo Vianna (PEN), que se coloca como pré-candidato à Prefeitura de Campos, foi incluído na lista encaminhada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

A lista contém nomes de políticos com contas julgadas irregulares.

Plano B - No último domingo (05), ao ser indagado sobre a sua situação jurídica, o ex-prefeito Arnaldo Vianna afirmou que advogados estão trabalhando para garantir a sua elegibilidade. Porém, ressaltou que já tem um plano B. "Estou otimista e existe um grupo de advogados trabalhando para reverter algumas pendências. Já disse e repito que não entrarei nesta eleição com qualquer barreira jurídica. Mas tenho a sorte de ter o meu filho Caio como opção, um jovem que sempre me acompanhou e representa a renovação que os campistas tanto querem", disse.

O blog do Ralfe Reis publicou nota sobre a lista do TCU (aqui).

Para ver a lista completa clique aqui.

Comentar
Compartilhe
"Venda do futuro": Rosinha suplementa mais R$ 10 milhões para "pacote de obras"
17/06/2016 | 10h05

rosinha obra

Na última terça-feira (14), em matéria publicada pela Folha, pesquisadores de áreas econômica e sociais revelaram preocupação sobre o tamanho do abacaxi que será deixado para a próxima gestão. Mesmo em tempos de crise e com três empréstimos que deixarão dívidas até 2026, a Prefeitura não poupa recursos e libera um "pacote de bondades" que inclui a retomada de obras que estavam paradas. Empreiteiras que estavam sem receber, contam com uma "injeção financeira" neste ano eleitoral.

No Diário Oficia desta sexta-feira (17), consta uma suplementação de R$ 10 milhões, com dinheiro da "venda do futuro", para a secretaria de Obras. De acordo com a publicação, os recursos serão utilizados para construção, reforma, manutenção e recuperação de áreas públicas.

Se agora a torneira está aberta, em janeiro de 2017 a próxima gestão irá encontrar um cenário assustador. “Estimo em R$ 1,5 bilhão, o orçamento real para 2017, sem contar com novos empréstimos. Na verdade, os sucessivos endividamentos permitiram ao grupo no poder mascarar a real situação fiscal da cidade”, diz o economista Ranulfo Vidigal, acrescentando que um dos grandes problemas para o próximo gestor será a folha de pagamento, hoje em mais de R$ 900 milhões.

Em artigo publicado pela Folha na última segunda-feira (13), Vidigal diz que os pacotes de “bondade” deste ano eleitoral terão altos custos para o próximo gestor.

Comentar
Compartilhe
Rosinha passeia de ônibus
08/06/2016 | 04h37

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) continua em ritmo acelerado. Após visitar obras, passar pelo Porto do Açu e comer bolo na cidade da criança, ela visitou a garagem da empresa São Salvador, que faz parte do Consórcio União. A prefeita viu de perto os novos ônibus que vão ser colocados em circulação nos próximos dias.

Recentemente, o marido da prefeita ameaçou as empresas de ônibus. "Quem não se enquadrar, vamos botar outra no lugar".

rosinha rosinha 2

Internauta comenta - Logo após a postagem da prefeita em sua página no Facebook, um internauta comentou: "Esses ônibus estão há mais de 1 ano parados aí por falta de dinheiro para a empresa fazer o emplacamento".

Comentar
Compartilhe
"Meninas de Guarus": mandados de prisão cumpridos
09/06/2016 | 10h27

globo news

Estão sendo cumpridos na manhã desta quinta-feira (9) 14 mandados de prisão no caso “Meninas de Guarus”, em que crianças e adolescentes foram exploradas sexualmente em Campos. O caso é investigado desde 2009. As ações começaram por volta das 6h e, segundo o Ministério Público, 12 mandados foram cumpridos, entre eles o do ex-vereador e ex-deputado Nelson Nahim (PMDB), que recebeu pena de 12 anos de prisão. O ex-vereador Marcus Alexandre dos Santos Ferreira, o ex-presidiário Leilson Rocha da Silva, mais conhecido como "Alex", o policial militar Ronaldo de Souza Santos e o empresário Renato Pinheiro Duarte também estão entre os presos. Segundo o MP, dois condenados estão foragidos:Gustavo Peçanha e Dovany Salvador.

De acordo com a denúncia, os réus mantinham e exploravam crianças e adolescentes, entre 8 e 17 anos de idade, em uma casa situada em Guarus, distrito de Campos, para fins de prostituição e exploração sexual. O lugar era mantido com as portas e janelas trancadas, com correntes e cadeados, sempre sob vigília armada. As vítimas eram obrigadas a consumir drogas, como cocaína, haxixe, crack, ecstasy e maconha, sem que pudessem oferecer resistência.

Os acusados foram condenados pelos crimes de quadrilha armada, estupro de vulnerável, exploração sexual de crianças e adolescentes, entre outros. A maior pena aplicada foi de 31 anos para os condenados Leilson Rocha e Ronaldo Santos, sendo aplicada pena de 12 anos ao condenado Nelson Nahim.

Os mandados são cumpridos pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO) e pela Coordenadoria de Segurança e Inteligência do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ).

Envolvimento de Nelson Nahim  - Nelson Nahim, ex-deputado federal e ex-vereador da cidade, chegou a ser preso  com outros cinco suspeitos do caso em outubro de 2014. Em novembro do mesmo ano, o Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ) concedeu ao político um habeas corpus e ele passou a responder ao processo em liberdade. A prisão de Nahim foi por possibilidade de constrangimento de vítimas e testemunhas do caso durante a investigação policial.

Durante a Audiência de Instrução e Julgamento em agosto de 2015, o ex-vereador Nelson Nahim,alegou inocência e disse haver um "sósia" dele na cidade. Nahim é irmão do ex-governador do estado do Rio de Janeiro Anthony Garotinho, que por sua vez, é marido da prefeita de Campos dos Goytacazes, Rosinha Garotinho. Ele assumiu como suplente o mandato de Deputado Federal em 15 de dezembro de 2015 e deixou o cargo no dia seguinte.

Fonte: G1

No início da manhã desta quinta-feira (09) o blog "Na Curva Do Rio", da jornalista Suzy Monteiro, publicou nota sobre a operação (aqui).

Comentar
Compartilhe
Na madrugada fria, campistas dormem nas filas dos hospitais
14/06/2016 | 12h03

fila

Enquanto a Prefeitura de Campos capricha na maquiagem e suplementa R$ 1 milhão para campanhas publicitárias que mostram uma cidade perfeita, velhos feridas continuam expostas.

Em nossa gestão plena da Saúde, cidadãos ainda precisam dormir nas filas dos hospitais conveniados para conseguir marcar consultas. Na noite fria de ontem (13), Edson Rosa Gomes publicou um vídeo (aqui) no Facebook que mostra pessoas dormindo ao lado da Santa Casa de Misericórdia de Campos. Há também um outro vídeo com pacientes dormindo na fila do Hospital Plantadores de Cana (HPC). Para driblar o frio, as pessoas se protegem com papelão.

Será que ninguém é capaz de resolver isso? Em muitos casos o que falta é informação, já que nem haveria a necessidade de dormir na fila. Um senhor, por exemplo, esperava no frio por um simples curativo.

O vereador Fred Machado (PPS) iria usar a tribuna da Câmara nesta terça-feira (14) para falar sobre o assunto, mas a sessão foi encerrada pelo presidente Edson Batista (PTB) sem a palavra livre. "Essa situação das filas é revoltante. Enquanto os governistas passeiam de avião e gastam uma fortuna com eventos e propaganda, cidadãos estão sofrendo diariamente", disparou.

fila 2

Quem também mostrou pacientes dormindo na fila foi o deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB). A equipe do parlamentar chegou a entrevistar pacientes nas filas (aqui). "É uma grande humilhação o que estamos passando. O dinheiro só pode estar no bolso dos sabidos", disse um senhor.

Prefeitura — Em 2013 (aqui), quando o blog mostrou o drama dos pacientes que dormem nas filas, a Prefeitura explicou que o acolhimento é de responsabilidade dos hospitais contratualizados e isso inclui oferecer assentos, bebedouros, organizar filas, entre outros.

Chicão apontou "cultura das filas" - Também no ano de 2013, o vice-prefeito Doutor Chicão, que respondia pela secretaria de Saúde, informou que a questão que ainda leva uma parcela da população para as filas de unidades saúde é cultural (aqui). "Ainda existe a cultura das filas", disse.

Comentar
Compartilhe
Chicão em ritmo de campanha
16/06/2016 | 12h47

Ao contrário dos outros prefeitáveis do grupo rosáceo, que por conta da legislação eleitoral já não podem pegar uma carona nas ações da Prefeitura, o Dr. Chicão (PR) tem aproveitado o fato de ser vice-prefeito para rodar os quatro cantos do município.

Em uma rápida pesquisa no site oficial é possível notar que, em apenas uma semana, o pré-candidato entregou cadeiras de roda, ambulâncias, visitou instituições e atuou em mutirão contra a Dengue.

[caption id="" align="aligncenter" width="494"]chicão 1 Entregou ambulância no Lagamar[/caption]  
[caption id="" align="aligncenter" width="494"]chicão 2 Entregou cadeira de rodas[/caption]  
[caption id="" align="aligncenter" width="494"]chicão na apape Visitou a Apape[/caption]  
[caption id="attachment_42005" align="aligncenter" width="494"]Participou de mutirão contra a Dengue Participou de mutirão contra a Dengue[/caption] [caption id="attachment_42006" align="aligncenter" width="494"]chicão no santa rosa Entregou cadeiras de rodas no Santa Rosa[/caption] [caption id="attachment_42007" align="aligncenter" width="496"]chicão entrega ambulância Mais uma entrega de ambulância[/caption]
Comentar
Compartilhe
Rosinha participa de festa na "Disney Goiyacá"
07/06/2016 | 07h25

rosinha na disney

A prefeita Rosinha Garotinho (PR), que ficou alguns dias longe de eventos oficiais, voltou com força total. Já visitou obras, passou pelo Açu e participou de festa na "Cidade da Criança", a "Disney Goitacá".

Ao lado dos prefeitáveis Chicão Oliveira (PR) e Paulo Hirano (PR), a prefeita cortou um bolo em comemoração pelos 100 mil visitantes do parque temático inaugurado em outubro do ano passado.

Na mira do MP - A "Disney", que custou R$ 17 milhões, está na mira do Ministério Público, que questiona "gasto excessivo em época de prenúncio de queda de arrecadação" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: trios elétricos (R$ 73 mil), troféus e medalhas (R$ 12 mil) e hospedagem (R$ 32 mil)
03/06/2016 | 01h04
[caption id="attachment_41705" align="aligncenter" width="482"]almoço-farol-1 No verão, rosáceos comemoraram 25 anos de trio elétrico no Farol[/caption]

Crise? Que crise?

O Diário Oficial desta sexta-feira (03) traz diversos contratos firmados pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL).

Tem locação de dois trios elétricos por R$ 73 mil, confecção de placas e troféus e medalhas por R$ 12 mil e serviços de hospedagem com alimentação (meia pensão) visando atender aos eventos culturais, artísticos, esportivos e comemorativos por R$ 32 mil.

O pacote ficou por R$ 117 mil.

Comentar
Compartilhe
21 prefeitáveis e apenas uma mulher
02/06/2016 | 04h24
Recentemente o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) foi duramente criticado pela ausência de mulheres em seu primeiro escalão. Se no planalto o fato gerou polêmica, na planície ninguém notou que o quadro de prefeitáveis conta com apenas uma mulher. Entre os 21 nomes que se colocam no páreo, a única mulher é a vereadora Auxiliadora Freitas (PHS). Confira a matéria sobre todos os pré-candidatos no blog "Na Curva do Rio" : aqui     
Comentar
Compartilhe
Nahim: "Não tive relacionamento com ninguém e não há vítima"
09/06/2016 | 03h54

nelson

O ex-vereador e ex-deputado Nelson Nahim (PMDB) comentou, em entrevista a Globo News, sobre a sua prisão na manhã desta quinta-feira (08). "Acho um absurdo porque nos autos da ação ficou comprovado que eu não tive nenhum relacionamento com ninguém. Não vejo porque qualquer tipo de condenação. Não há vítima no processo ", disse.

Segundo a promotoria do caso, a condenação é em primeira instância, e os condenados podem recorrer. Quatro dos 20 réus do processo foram absolvidos.

Condenados no processo: - Leilson Rocha da Silva, o "Alex": 31 anos e 1 mês de prisão; - Ronaldo de Souza Santos: 31 anos e 1 mês; - Thiago Machado Calil, ex-subsecretário da Prefeitura de Campos: 25 anos e 8 meses; - Fabricio Trindade Calil: 25 anos e 8 meses; - Renato Pinheiro Duarte: 14 anos; - Nelson Nahim Matheus de Oliveira, ex-presidente da Câmara e ex-deputado federal: 12 anos; - Fabio Lopes da Cruz: 8 anos; - Dovany Salvador Lopes da Silva: 8 anos; - Gustavo Ribeiro Poubaix Monteiro: 8 anos; - Robson Silva de Barros Costa: 8 anos; - Marcos Alexandre dos Santos Ferreira; ex-vereador: 7 anos; - Cleber Rocha da Silva: 6 anos e 6 meses; - Jayme Cesar de Siqueira: 6 anos; - Sergio Crespo Gimenes Junior: 1 ano e 6 meses As condenações foram proferidas após 17 juízes passarem pelo caso e se declararem suspeitos para julgar.

Fonte: G1 (aqui).

Comentar
Compartilhe
Emec: contrato de R$ 11,4 milhões para cuidar dos jardins
16/06/2016 | 01h07

emec

H O M O L O G A Ç Ã O – PREGÃO 017/2016 Aprovo os atos praticados no procedimento licitatório na modalidade Pregão Presencial nº 017/2016 processo nº 2016.105.000031-0-PR, cujo objeto é a contratação de empresa para serviços de implantação e manutenção civil e paisagística, de forma contínua, com fornecimento de materiais, mão-de-obra e equipamentos em todas as áreas urbanas do município de Campos dos Goytacazes, tais como canteiros, parques, praças, jardins e afins, em consequência, HOMOLOGO a presente licitação com adjudicação do seu objeto à licitante EMEC OBRAS E SERVIÇOS LTDA, inscrita no CNPJ (MF) sob nº 36.020.014/0001-14, vencedora do pregão epigrafado com o valor global  de R$ 11.450.000,00 (onze milhões quatrocentos e cinquenta mil reais). PUBLIQUE-SE. Em 14 de junho de 2016. Jorge William Pereira Cabral Secretário Municipal de Infraestrutura e Mobilidade Urbana= Matrícula nº 12.687 Id: 1963938

MPE propôs ação contra Emec e Prefeitura -  Após 15 meses de investigação o Ministério Público Estadual (MPE) decidiu propor ao Judiciário uma Ação Civil Pública por danos ambientais e por atos de improbidade administrativa contra o Município de Campos, o ex-secretário de Desenvolvimento Ambiental Jorge Ribeiro Rangel (PTB), a Emec e seus sócios administrativos, Francisco e Fábio Junger (aqui).

R$ 85 milhões - Desde 2011 a empresa que cuida dos jardins é a Emec Obras e Serviços, do Espírito Santo. O contrato anual girava em torno de R$ 15 milhões. Entre 2011 e 2016 o governo gastou cerca de R$ 85 milhões para manter os jardins.

Doação – Mas não foram apenas as plantas que a Emec regou. Em 2014 a empresa fez uma doação de R$ 350 mil ao diretório estadual do PR, presidido pelo então deputado Anthony Garotinho, candidato ao governo do estado naquele ano.

Comentar
Compartilhe
Garotinho volta ao "Balanço Geral", mas Tô Contigo não aparece
17/06/2016 | 04h03

Na última semana o vereador Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo, comentou nas redes sociais sobre a presença semanal do secretário de Governo, Anthony Garotinho (PR), no programa Balanço Geral, da TV Record (aqui), apresentado por ele.

O vereador, que é pré-candidato à Prefeitura e se coloca como "independente", deixou claro que não é ele que define quem serão os entrevistados.

Nesta sexta-feira (17), em mais um dia de "Balanço Geral Rosáceo", Alexandre Tadeu nem apareceu. Quem apresentou o programa e bateu bola com Garotinho foi o jornalista Marcelo Vidal.

Tô Contigo participava de evento da TV em, Macaé.

Comentar
Compartilhe
Tucano garante: "Vamos buscar nosso próprio caminho"
01/06/2016 | 12h44

Robson-Colla-7

No último dia 13 o grupo rosáceo realizou uma reunião no auditório da CDL/Campos e anunciou uma Frente Popular Progressista com a participação de 12 legendas (PR, PTB, PTC, PHS, PT do B, PSDB, PSD, PMB, Solidariedade, PRTB, PSL e PRP) (aqui).

Porém, em comentário enviado ao blog, na postagem com os questionamentos de Lesley Beethoven sobre os rumos do PSDB em Campos, o presidente do partido no município, Robson Colla, aproveitou para informar que o PSDB não assinou o documento da Frente Popular. "Sequer participei da reunião na CDL. E mais: disse ao próprio Governador Garotinho as razões pelas quais não assinaria o Documento", disse Colla.

Em seu comentário, Robson  Colla garante que o partido não será comandado por Garotinho na eleição deste ano.  "ALIANÇA POLÍTICA não quer dizer GRUPO POLÍTICO. Basta ver o que acontece entre o PT e o PMDB atualmente. O que o PSDB fez foi uma aliança política no segundo turno de 2008 e no outra aliança política no primeiro turno de 2012. Em 2016 vamos buscar nosso próprio caminho. Essa é não só a minha vontade, mas a de toda a atual executiva".

O presidente do PSDB também explicou que a escolha do nome de Mauro Silva foi exclusivamente dele, feita em novembro de 2014. "Com a concordância do então Presidente, Geraldo Coutinho, levamos essa ideia à executiva estadual. Foram meses de negociação. Este é o fato real!"

Além de Mauro, líder do governo na Câmara, Robson Colla revelou que as portas do partido foram abertas para o vereador Rafael Diniz (PPS), da bancada de oposição. "Assim como convidei Mauro Silva para o PSDB, estendi o convite a Rafael Diniz, meu amigo pessoal. Agendei reuniões com a Executiva Estadual para que cada um fosse lá expor suas idéias. Mauro foi e foi sabatinado por mais de duas horas pelos deputados Luiz Paulo e Otávio Leite. Rafael declinou de ir, no que entendo sua posição, uma vez que eu ainda fazia parte do governo (se ele aceitasse, eu sairia, evidentemente)".

   
Comentar
Compartilhe
Tucanos articulam com o Solidariedade
17/06/2016 | 12h01
[caption id="attachment_42045" align="aligncenter" width="406"]aureo e mauro Solidariedade do deputado Aureo caminha para aliança com PSDB do vereador Mauro Silva, que é pré-candidato à Prefeitura [/caption]

O Solidariedade (SD) e o PSDB seguem conversando sobre as eleições municipais no Estado do Rio.

Os presidentes estaduais do SD, deputado federal Aureo, e do PSDB, deputado federal Otávio Leite, estão tratando da aliança em cidades como Campos e Duque de Caxias. Otávio Leite disse que a prioridade em Caxias é a ex-deputada Andréa Zito, que se não for candidata poderá caminhar com Aureo.

Esta semana, o pré-candidato a prefeito pelo PSDB, vereador Mauro Silva, esteve com Aureo no Rio e teve a garantia que, se concretizada a aliança, receberá o apoio do SD em Campos. "Estamos aumentando o nosso arco de alianças. O presidente do PT do B, Vinícius Cordeiro, já garantiu o apoio ao nosso candidato Mauro Silva. Acredito que vamos caminhar com o SD e estamos conversando com outros partidos", disse o presidente do PSDB em Campos, Robson Colla.

Em Campos, o SD é presidido por Orlando Portugal e faz parte do grupo governista.

Comentar
Compartilhe
UBS da Penha: inauguração ou espetáculo teatral?
24/06/2016 | 12h08
[caption id="attachment_42218" align="aligncenter" width="470"]Foto/Prefeitura Foto/Prefeitura[/caption]

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) inaugurou ontem (23), ao lado de sua tropa, a UBS da Penha. Em seu site oficial, a Prefeitura informa que a "unidade é a a primeira do município dotada do sistema mais avançado do Ministério da Saúde" (aqui).

Porém, na manhã desta sexta-feira (24), horas após a grande festa de inauguração, uma mãe esteve no local constatou que a UBS não é tão eficiente assim...

mãe

O blog "Na Curva do Rio", da jornalista Suzy Monteiro, também publicou o desabafo da mãe (aqui).

Comentar
Compartilhe
Virou sócio?
10/06/2016 | 03h05

balanço

Como o blog informou (aqui), o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) ganhou uma espécie de quadro semanal no programa "Balanço Geral", da TV Record. Nesta sexta-feira (10) ele falou sobre as obras do Hospital São José, que duram mais de quatro anos. Segundo o porta voz da prefeita, "até o final do ano a unidade hospitalar estará funcionando em sua plenitude".

Indagado pelo apresentador Alexandre Tadeu (PRB) sobre a escuridão em uma localidade do município, Garotinho já estava preparado para a pergunta e sacou do bolso um telefone da empresa que presta serviços ao município.

De olho na eleição, o líder rosáceo quer ocupar todos os espaços possíveis: rádio, jornais, sites, blogs e o plenário da Câmara de Campos.

Há quem diga que isso pode configurar abuso de poder econômico, mas é sempre bom lembrar que o grupo rosáceo paga muito caro por um exército jurídico imbatível (aqui).

Comentar
Compartilhe
UBS da Penha: Rosinha diz que desabafo da mãe é “sensacionalismo”
25/06/2016 | 11h21
rosinha radio

Horas após a inauguração da UBS da Penha, com fogos, discursos e sorrisos, uma mãe esteve na unidade e não encontrou pediatra para a sua filha, nem remédio (aqui).

Neste sábado (25), ao participar de programa de rádio na emissora do marido, a prefeita afirmou que as críticas não procedem. “O Garotinho esteve lá e não havia falta de médico. Se falta algum remédio, é de responsabilidade do estado. Tudo isso não passa de sensacionalismo”, disse Rosinha.

Sobre a"venda do futuro", Rosinha comentou: "Fizemos a antecipação porque a Prefeitura tem crédito, tem o nome limpo. O governo do estado está com o nome sujo e nem pode mais fazer. Não estamos comprometendo o futuro. Tudo foi feito em cima do preço do barril. Se o barril subir, a Prefeitura ganha. Se cair, quem perde é o banco. Fizemos tudo para que a próxima gestão não ficasse amarrada", garantiu.

Atualização às 12h25 - Mãe rebate - No Facebook, a mãe que esteve na UBS da Penha rebateu as declarações da prefeita Rosinha Garotinho sobre o "sensacionalismo". Confira a postagem:

mãe rebate

Comentar
Compartilhe
PEN ainda aposta na pré-candidatura de Arnaldo
22/06/2016 | 05h01
[caption id="attachment_42183" align="aligncenter" width="420"]arnaldo Arnaldo e Barbosa Lemos estão no PEN e na lista do TCU[/caption]

A divulgação da lista encaminhada pelo Tribunal de Contas da União (TCU) ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que mostra o ex-prefeito Arnaldo Vianna entre os políticos inelegíveis (aqui), não desanimou a turma do Partido Ecológico Nacional (PEN).

Na próxima sexta-feira (24) o PEN vai realizar evento em Campos, no Sindicato dos Comerciários, e anuncia como a grande estrela "o pré-candidato a prefeito Arnaldo Vianna".

Ao que tudo indica, a liderança de Caio Vianna (PDT) na pesquisa do instituto Pro4 não mudou os planos do grupo que defende a pré-candidatura de Arnaldo. Nas redes sociais, eles garantem que "não existe plano B".

Comentar
Compartilhe
Rosinha paga mais R$ 65 mil por trios elétricos
22/06/2016 | 09h35

rosinha-no-trio

A Prefeitura e Campos vive a maior crise das últimas décadas e já precisou de três empréstimos, que vão deixar juros milionários e prestações até 2026.  Porém, nada disso impede que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) continue abrindo o cofre para os mais variados pagamentos.

Na última segunda-feira (20) a empresa AFONSON MEGA STAR CONSTRUCAO E SERV LTDA recebeu R$ 65 mil pelo aluguel de trios elétricos.

Licitações - Mesmo com estado de emergência decretado e dificuldade para fornecer itens básicos nos hospitais e postos de saúde, a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) realizou licitações em abril deste ano para futura e eventual contratação de empresa especializada em prestação de serviços de locação de trios elétricos de pequeno, médio e grande portes.

As vencedoras foram: DG ENTRETENIMENTOS PRODUÇÕES & SONORIZAÇÃO LTDA (pequeno porte) e AFONSON MEGA STAR CONSTRUÇÃO E SERVIÇOS (médio e grande portes).

Previsão de gastos (de acordo com a necessidade, durante 12 meses):

R$ 54 mil – trio de pequeno porte

R$ 312 mil – trio de médio porte

R$ 440 mil – trio de grande porte

Mais de meio milhão – Entre outubro de 2014 (quando a crise já começava a bater na porta) e novembro de 2015, o governo Rosinha pagou mais de meio milhão por aluguel de trios elétricos (aqui,aqui, aquiaqui).

Comentar
Compartilhe
Coisas da política
15/06/2016 | 03h29

melo

Em 2012 o então deputado federal Anthony Garotinho (PR) foi proibido de citar o nome do então presidente da Alerj, Paulo Melo (PMDB) em seu blog. Por decisão da Justiça, o ex-governador teve ainda que retirar todo material que fizesse menção ao deputado estadual (aqui).

Paulo Melo entrou com uma ação por danos morais contra Garotinho, depois que o ex-governador publicou informações que, segundo ele, eram inverídicas. Em seu blog, Garotinho classificou a decisão do juiz Jaime Dias Pinheiro Filho, da 43ª Vara Cível da Capital, como "censura".

Até hoje, quatro anos depois, o blog não pode citar o nome de Paulo Melo. Para driblar a decisão, Garotinho já usou apelidos como "Maria Mole" e "Odorico Paraguaçu de Saquarema". Ele aponta Melo como dono de um "laranjal", cita "enriquecimento ilícito", funcionários fantasmas e esquema para forjar provas.

Sorrisos na Prefeitura - Mas em política é preciso ser artista. Com experiência nos palcos, Garotinho recebeu Paulo Melo cheio de sorrisos na manhã desta quarta-feira (15), na Prefeitura.Dessa vez, ao contrário do que ocorre no blog, chamou o político pelo nome.

A prefeita Rosinha Garotinho e o secretário estadual de Assistência Social e Direitos Humanos, Paulo Melo, assinaram um convênio de administração compartilhada que garante o funcionamento do Restaurante Popular Romilton Bárbara, em Campos (aqui).

Comentar
Compartilhe
Telegiz do Irajá: após oito anos, críticas continuam atuais
21/06/2016 | 02h03

Muito antes das redes sociais se tornarem uma febre, havia em Campos uma "timeline" com postagens diárias. Era o Telegiz do Irajá, que chegou ao fim em 2008 após o falecimento do seu autor. Naquele ano, Rosinha se apresentou como “a candidata da mudança” e venceu o duelo contra Arnaldo Vianna.

Entre 2008 e 2016 o município de Campos contou com orçamentos que, somados, chegam a R$ 15 bilhões.

Porém, apesar dessa fartura, parece que pouca coisa mudou em nossa planície goitacá. Confira algumas "postagens" do Irajá:

telegiz1 My beautiful picture telegiz3 Fotos: Ricardo André Vasconcelos / Blog Eu Penso que… 
Comentar
Compartilhe
Pai desabafa: "meu filho foi deixado para trás"
24/06/2016 | 08h05
Indignado com as prioridades do governo rosáceo, que se prepara para adquirir uma tocha olímpica, um pai compartilhou a postagem do blog no Facebook e fez um desabafo. Confira: face
Comentar
Compartilhe
Juntos e misturados
25/06/2016 | 10h24

juntos e misturados

No mundo político, muitas pessoas acham que adversários são inimigos e transformam debates em combates. Mas engana-se quem pensa que tudo é guerra na disputa entre oposição e situação na terra goitacá.

Neste sábado (25), em um quiosque embaixo da ponte Rosinha, em Guarus, os vereadores da oposição Rafael Diniz (PPS) e Fred Machado (PPS), participaram de confraternização ao lado do vereador Albertinho (PMB), do bloco governista.

No local, que é chamado por muitos de “Suvaco da Rosinha”, em homenagem ao bloco carioca “Suvaco de Cristo”, os três comemoraram o aniversário de Dona Orly.

Comentar
Compartilhe
Prefeitura gasta R$ 79 mil com bolas
01/06/2016 | 10h27
bola Em ano de Olimpíadas, a Prefeitura de Campos resolveu investir na aquisição de bolas. De acordo com publicação no Diário Oficial desta quarta-feira (01), a Fundação de Esportes contratou a empresa Sero EM Empreendimentos e Serviços para adquirir bolas. A meta é atender projetos e escolinhas existentes nas Vilas Olímpicas e Fundação de Esportes. Não é possível saber quantas bolas foram adquiridas, mas com R$ 79 mil é possível comprar mais de mil bolas.

Em 2013, com R$ 36 mil, a prefeitura de São Bento do Sul, em Santa Catarina, disponibilizou (aqui): "kimonos de judô, kimonoskata e kumite, kimonos de karatê, pares de luvas de karatê, nadadeiras, bola de vôlei, bola de futsal, relógios digitais, bolasde handebol, bolas futebol campo iniciação e juvenil, rede futebol campo e suíço, bola basquetebol masculino e feminino,bola medicine ball, bolsa para materiais esportivos (bolas e uniformes), borrachas tênis de mesa, bolinhas de tênis de mesa,raquetes de tênis de mesa para iniciação, redes de tênis de mesa e bolas de borracha nogan". 

 
Comentar
Compartilhe
Mais R$ 1 milhão para a Construtora Avenida
15/06/2016 | 09h32

A poderosa Construtora, do empresário Ari Pessanha, recebeu mais R$ 1 milhão na última segunda-feira (13). O pagamento foi pelo serviço de urbanização e drenagem em Goitacazes.

A obra estava parada, mas após a "venda do futuro", foi retomada. Inclusive, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) disse que Ari prometeu que a empresa estava trabalhando até aos sábados e domingos.

Presentão - A atuação da Construtora Avenida no governo rosáceo é bem antiga. No final de 2009, no dia de seu aniversário, o empresário Ari Pessanha ganhou um presentão. Sua empresa, a foi anunciada como a responsável pelas obras, no valor de R$ 28 milhões, para a recuperação (ou reconstrução) do distrito de Donana (aqui).

Amigo do peito - Em 2008, Ari Pessanha chegou a participar de carreata ao lado do casal Garotinho.

na carreata

Mais sobre a relação: aqui 

Comentar
Compartilhe
Rosinha paga mais R$ 380 mil pela "Disney Goitacá"
09/06/2016 | 01h09

rosinha

Engana-se quem pensa que a obra da "Cidade da Criança", a "Disney Goitacá", já está quitada. Na última semana, mesmo em tempos de emergência econômica, a Prefeitura de Campos gastou mais R$ 380 mil com obras no parque temático.

Com o dinheiro do cidadão campista, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) pagou as empresas Projecons (R$ 172 mil), Ribeiro e Azevedo (R$ 124 mil) e Maguima Construções (R$ 87 mil).

60% mais cara – Em 2014 o jornalista Ricardo André Vasconcelos informou (aqui) que as empresas Projecons Projetos e Construções, Maguima Construções e Ribeiro Azevedo foram contratadas em 2013 para realizar a obra da “Cidade da Criança” em 180 dias (terminaria em outubro de 2013). O valor da obra era de R$ 10,5 milhões. Porém, além de atrasada, a obra ficou cerca de 60% mais cara. Foi publicado no Diário Oficial do dia 21 de maio de 2014 um aviso de licitação informando sobre a necessidade de uma “complementação da obra” orçada em R$ 6,2 milhões, deixando o valor total do parque temático por R$ 16,7 milhões. 

Comentar
Compartilhe
Rosáceos: prévias no dia 23 de julho e convenção no dia 30
18/06/2016 | 02h13
frente

O mistério sobre o nome rosáceo na disputa pela Prefeitura de Campos chegará ao fim no dia 23 de julho. Neste dia serão realizadas as prévias que decidirão quem receberá o apoio da máquina na eleição de outubro.

Uma semana depois, no dia 30 de julho, será realizada a grande convenção com o lançamento da chapa.

O prazo para inscrição no Núcleo de Organização Social (NOS), que garante direito ao voto nas prévias, se encerra na próxima sexta-feira (24).

O grupo rosáceo conta com 10 pré-candidatos à Prefeitura de Campos. São eles: Chicão Oliveira (PR), Mauro Silva (PSDB), Edson Batista (PTB), Auxiliadora Freitas (PHS), Eduardo Crespo (PR), Thiago Ferrugem (PR), Fábio Ribeiro (PR), Edílson Peixoto (PR), Paulo Hirano (PR) e Charles Guerreiro (PR).

Líder promete coibir abusos - Neste sábado, em sua emissora de rádio, o líder rosáceo avisou que não irá permitir qualquer tipo de abuso. "Quem burlar as regras será desclassificado. Não pode encher uma Van e levar para votar", alertou.

Comentar
Compartilhe
Dona Penha: “Fico triste quando chamam Garotinho de mentiroso”
08/06/2016 | 01h04
Vereadora Dona Penha dia 13

A vereadora Dona Penha (PT do B) disse durante a sessão desta quarta-feira (08) que fica muito triste quando as pessoas chamam o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) de mentiroso. “Não aceito esse tipo de coisa. Fico triste quando chamam Garotinho de mentiroso. Um homem tão bom, que já foi prefeito, deputado e teve 16 milhões de votos para presidente, não é mentiroso”, comentou.

Comentar
Compartilhe
Coisas de Sucupira
07/06/2016 | 10h14

BemAmado

Na fictícia Sucupira, o prefeito Odorico Paraguaçu não suportava críticas. Se dizia perseguido e colocava todas as acusações na conta da “imprensa marronzista e badernenta”.

Dirceu Borboleta e as Irmãs Cajazeiras garantiam pelas ruas que tudo não passava de inveja da oposição, que pregava “o quanto pior, melhor”.

Nas Sucupiras espalhadas pelo Brasil, os Odoricos sempre encontram um jeitinho para desafiar os que ousam criticar suas gestões. Fazem seus próprios jornais, compram emissoras de rádio e espaço semanal em programas de grande audiência na TV.

Tudo com dinheiro público.

Comentar
Compartilhe
Após calamidade, deputados falam em impeachment de Pezão e Dornelles
18/06/2016 | 07h12
[caption id="attachment_42086" align="aligncenter" width="516"]luiz-paulo Para Luiz Paulo, o decreto pode ensejar um pedido de impeachment[/caption]

Um dia após o decreto de calamidade pública feito pelo governo do Estado do Rio, deputados líderes de partidos na Assembleia Legislativa (Alerj) já falam em impeachment ou renúncia do governador licenciado Luiz Fernando Pezão (PMDB) e do governador em exercício Francisco Dornelles (PP).

O deputado Luiz Paulo (PSDB) diz que a decisão do Governo terá que ser analisada pela Assembleia na próxima semana, mas adiantou que o decreto “excepcionaliza esses limites legais”. "Tradicionalmente, calamidade pública é ato para grandes catástrofes, naturais ou não. É, ao mesmo tempo, uma confissão do governo da sua incapacidade de gestão financeira do governo do Estado. Por outro lado, é uma porta aberta para que o governo federal possa emitir medidas provisórias, visando a repassar recursos, por exemplo, de empréstimos para o Rio, coisa que o Rio não poderia fazer porque está sem capacidade de endividamento, de pagamento", afirmou.

Para o deputado, o decreto pode ensejar um pedido de impeachment do governador: "A primeira questão é se votar as contas de 2015. Motivos para discutir impedimento não faltam. O próprio decreto é um motivo. Mas, em geral, as questões de impedimento dizem respeito a ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal.

[caption id="attachment_42087" align="aligncenter" width="396"]freixo Freixo defende que o governo renuncie[/caption]

O deputado Marcelo Freixo, líder da bancada do PSOL, defende que o governo renuncie. "Pezão e Dornelles deveriam deixar o governo. Eles endividaram o Estado desde a época do (Sérgio) Cabral. Deram benefícios fiscais aos montes e hoje está tudo quebrado. A história que o Estado conta nos últimos anos é a história que eles fizeram. O Rio está em estado de calamidade humana", disse.

Sobre um possível pedido de impedimento, a bancada do partido vai se reunir na segunda-feira para encontrar os crimes constitucionais que podem ter sido cometidos pelo decreto. "Sabemos que é difícil um processo de impedimento, mas vamos analisar com seriedade e cautela. Não vamos fazer no Rio o que o PMDB fez com o governo federal. Para pedir impedimento tem que ter base legal", afirmou.

Do mesmo partido que o governador licenciado Luiz Fernando Pezão, o líder do PMDB na Alerj, André Lazoroni, pediu cautela quanto ao decreto. "Sem ele o Estado não conseguiria pagar suas contas. Se esse foi o mecanismo encontrado de forma legal para receber recursos, foi algo acertado. Mas a bancada do PMDB ainda fará uma reunião para saber qual posição sustentar diante do decreto", adiantou.

Fonte: Extra 

Comentar
Compartilhe
Feijó critica baixa produtividade da Câmara Federal
29/06/2016 | 02h39

Paulo-Feijó-2

Em sua página no Facebook, o deputado federal Paulo Feijó (PR) afirmou que a Câmara Federal vive um momento de baixa produtividade. "Estamos tendo uma semana fria de trabalho na Câmara, de baixa produtividade, e isso é extremamente lamentável. Acho que não é o momento de paralisar a Câmara e cancelar sessões deliberativas, como fez o presidente da Casa".

Para Feijó, o presidente em exercício Waldir Maranhão (PP) "perdeu a condição de presidir a Casa".

Segundo o parlamentar, é importante que a situação de Eduardo Cunha (PMDB), que foi afastado da presidência, seja definida. "Se a decisão for por um novo presidente, que este novo nome consiga fazer a Câmara voltar a produzir".

Comentar
Compartilhe
Rosinha paga mais R$ 166 mil por publicidade
29/06/2016 | 09h49

rosinha-1

Propaganda é a alma do negócio.

Para fechar o governo em grande estilo, com uma "agenda positiva" bancada com recursos da "venda do futuro", a prefeita Rosinha Garotinho (PR) pagou mais R$ 166 mil por "serviços de publicidade".

A Agência Mind Comunicação e Pesquisa recebeu três notas na última segunda-feira (27).

R$ 1,8 milhão - No início deste mês o blog mostrou que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) usou R$ 1 milhão da “venda do futuro” para “campanhas publicitárias” (aqui). Posteriormente, no dia 19, a prefeita voltou a suplementar recursos para campanhas publicitárias (aqui). Ao todo, a previsão de gastos com propaganda ficou em R$ 1,8 milhão.

Quanto Rosinha gastou com propaganda? - Só com a Comunicação Social, responsável pela propaganda oficial, o governo rosáceo gastou, entre 2009 e 2015, mais de R$ 70 milhões. Com este valor seria possível reformar e ampliar o Hospital da Baixada pelo menos 10 vezes.

Com R$ 70 milhões também seria possível construir 25 escolas de dois pavimentos, com consultório médico e auditório, nos moldes da que foi erguida pela Prefeitura em Ponta da Lama.

Comentar
Compartilhe
Thiago Godoy assume subsecretaria de Gestão
01/06/2016 | 04h45

Thiago1

O advogado Thiago Godoy, braço direito do secretário de Governo Anthony Garotinho (PR), assumiu a subsecretaria de Gestão de Pessoas e Contratos. Ele também responde pela subsecretaria de Governo.

Godoy entra no lugar de Fábio Domingues, que foi exonerado.

As portarias foram publicadas em uma edição suplementantar do Diário Oficial desta quarta-feira (01).

Por enquanto, ainda não foi escolhido o nome que irá entrar no lugar de Fábio Ribeiro, que comandava a pasta e deixou o governo hoje (aqui).

Comentar
Compartilhe
HGG: Após hemodiálise, idoso repousa no cimento
21/06/2016 | 06h27

Enquanto a prefeita Rosinha libera R$ 1,8 milhão para propagandas que irão apresentar uma cidade perfeita, a filha de um paciente mostra que a vida real é bem diferente do mundo cor de rosa.

idoso

Em seu perfil no Facebook, o jornalista Fernando Leite comentou sobre o drama do paciente e cobrou uma posição da prefeita Rosinha Garotinho (PR). "Senhora prefeita de Campos, a quem são subordinados os gestores da Saúde Pública Municipal, este senhor, de 84 anos, João Pessanha da Silva, morador do interior, está deitado num banco de cimento do Hospital Geral de Guarus, após sessão de hemodiálise, embora sua filha tenha apelado para que ele fosse colocado, pelo menos, numa maca. Senhora prefeita, a permanência desse homem, nessas condições, afronta a condição humana. Se a senhora não sabia disso, está sabendo agora. Tome uma providência imediata! Apelo aos amigos do facebook que compartilhem a postagem da filha de seu José Pessanha, para que a notícia chegue mais rápido aos olhos e ouvidos da prefeita. De preferência que chegue ao seu coração!".

Atualização às 19h20 - Em mensagem enviada ao blog, Robson Araújo, funcionário do HGG, disse que o paciente não foi mal tratado e que a filha está fazendo "politicagem".  "A que ponto que as pessoas chegam para fazer jogo político! Sou funcionário do HGG com muito orgulho e nunca nenhum paciente foi mal tratado aqui. Esse senhor está sendo muito bem atendido no hospital, porém, para fazer politicagem, a filha pediu para ele deitar e retirar essa foto para denegrir a imagem do hospital, a mesma estava querendo passar a frente de paciente mais graves, segundo classificação médica. É lamentável ver as pessoas se rebaixando a tal ponto!" Robson Araújo. 

Atualização às 10h - Em nota enviada ao blog, a direção administrativa do HGG explica que em momento algum o paciente deixou de ser atendido com dignidade. Confira:

"O paciente João Pessanha da Silva, 84 anos, portador de doença renal crônica, após ter sido submetido a hemodiálise em clinica especializada em nossa cidade, foi deixado pela ambulância da referida clínica no HGG para atendimento, pois apresentou intercorrências depois do procedimento. Recebeu atendimento médico adequado após classificação de risco, realizou exames radiológicos e laboratoriais, tendo sido internado no próprio hospital para o seu devido tratamento. Nos últimos dias, a demanda de atendimento no HGG tem superado a capacidade instalada, mas em nenhum momento deixamos de atender os pacientes com dignidade. Não se tem medido esforços para que todos os pacientes sejam adequadamente atendidos. Att. Direção Administrativa HGG"

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: empreiteiras recebem R$ 1,8 milhão
03/06/2016 | 10h34

obra

A Prefeitura de Campos abriu o cofre e pagou, na última quarta-feira (01), R$ 1,8 milhão para manter três obras em andamento.

A Cofranza Construtora recebeu R$ 1,1 milhão por obra de pavimentação e drenagem no Jockey. Já a Projecons recebeu R$ 405 mil por pavimentação, urbanização e drenagem em Guarus e R$ 148 mil pela obra na Vila Olímpica do Jockey. E a Jottese e Mendes Construções recebeu R$ 212 mil por conta da Vila Olímpica de Travessão.

Vale lembrar que, no dia 18 de maio, empreiteiros receberam um “pacotão” de R$ 18 milhões (aqui).

Mais de meio milhão com publicidade - Após publicar uma suplementação de R$ 1 milhão para propaganda, a Prefeitura já abriu o cofre e pagou agências. Valor: R$ 600 mil. Veja no blog "Na Curva do Rio" (aqui).

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: Working recebe mais R$ 1,1 milhão
09/06/2016 | 12h58
A empresa Working Empreendimentos e Serviços, responsável pela manutenção em escolas, recebeu mais R$ 1,1 milhão na última segunda-feira (06). Em março a Prefeitura reconheceu dívida de R$ 2,5 milhões com a empresa Working. O valor é referente a prestação de serviços entre 10 de julho de 2014 e 09 de janeiro de 2015 (aqui). Em três meses a empresa recebeu R$ 3 milhões da Prefeitura.  
Comentar
Compartilhe
Rosinha libera mais R$ 294 mil para eventos da FCJOL
23/06/2016 | 09h56

Chicão-Rosinha-e-Patrícia

A "venda do futuro", que vai deixar parcelas até 2026, continua sendo utilizada para bancar os mais variados gastos do governo Rosinha Garotinho (PR).

Nesta quinta-feira (23) o Diário Oficial traz mais um decreto que dispõe sobre crédito adicional suplementar com recursos do empréstimo. A Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), comandada por Patrícia Cordeiro, amiga da prefeita Rosinha, ficou com R$ 294 mil para "eventos culturais".

Este ano, mesmo com estado de emergência econômica decretado, a FCJOL já levou mais de R$ 1 milhão só com suplementações. Além dos R$ 294 mil desta sexta-feira, a prefeita suplementou outras verbas. Veja: aqui, aquiaquiaqui e aqui.

Só para lembrar, os gastos com os eventos não serão pagos pelo atual governo. A conta vai ficar para as três próximas gestões.

Comentar
Compartilhe
Operação "duzentinhos"
13/06/2016 | 10h22

Se em 2009 a Polícia Federal (PF) deflagrou em Campos a "Operação Cinquentinha" (aqui), agora, pelo jeito, a inflação mudou as coisas.

Em postagem no Facebook, o presidente do PPS em Campos, ex-prefeito Sergio Mendes, faz um alerta sobre pessoas que estariam sendo recrutadas por "duzentinhos". "Aviso e comunico aos 'profissionais da política' que já estão recrutando pessoas nas comunidades, oferecendo R$ 200,00 até as eleições. Estamos de olho e a justiça eleitoral também. A jiripoca vai piar dessa vez. Quem viver, verá!".

Comentar
Compartilhe
Garoto esperto
20/06/2016 | 01h34
garoto esperto Foi publicada no Diário Oficial desta segunda-feira (20) a Portaria N°. 232 /2016, assinada pelo ex-secretário de Gestão de Pessoas e Contratos, que "delega competência para atos de ordenação de despesas dos Subsecretários ou equivalentes, e dá outras providencias". Como a pasta está sem dono, a responsabilidade caiu no colo do advogado Thiago Godoy, braço direito do secretário de Governo Anthony Garotinho (aqui). Mas por que o próprio Garotinho não assumiu essa missão? Uma fonte do governo explica: "Ele é esperto, não assina nada importante nessa gestão. Ainda mais esse abacaxi que é a secretaria de Gestão, com várias bombas que podem explodir". É bom lembrar que muitos secretários das gestões de Arnaldo e Mocaiber estão enrolados até hoje. Mas o ex-governador é esperto. Consegue mandar sem se arriscar.
Comentar
Compartilhe
HFM: Vaquinha para comprar elevador
14/06/2016 | 12h20

Em comentário enviado ao blog, o internauta Plinio Xavier, cansado de constatar problemas com o elevador do Hospital Ferreira Machado (HFM), que se arrastam há mais de cinco anos (aqui), sugeriu uma vaquinha. "Antes de escrever esse comentário, pesquisei em alguns sites o custo de um elevador novo para o Ferreira Machado. Constatei que fica em torno de R$ 100 mil, para um prédio de 5 andares, como por exemplo o Ferreira Machado. E com isso não consigo entender o motivo da Rosinha e seu marido não resolverem essa pendência do hospital. Queria te propor uma vaquinha para comprar um elevador para o HFM". 

[caption id="attachment_41957" align="aligncenter" width="386"]elevadorhospitalbeneficenciaportuguesa069-6322372 Em Campinas, empresário doou elevador de R$ 230 mil[/caption]

Em busca de informações, também, fiz uma pesquisa e encontrei um elevador mais caro. No final do ano passado, o jornal Correio Popular, de Campinas, informou o Hospital Beneficência Portuguesa inaugurou um elevador com capacidade para 12 pessoas. O equipamento custou cerca de R$ 230 mil e foi viabilizado graças à doação do empresário Armindo Dias (aqui).

Pena que a nossa pobre Prefeitura, que nos últimos anos gastou mais de R$ 100 milhões com eventos, não tem condições de resolver o problema do elevador.

Comentar
Compartilhe
Rua do Calote
23/06/2016 | 03h37
[caption id="attachment_42203" align="aligncenter" width="502"]Foto: UerjResiste / Facebook Foto: UerjResiste / Facebook[/caption]

Endereço da residência do governador em exercício do Rio, Francisco Dornelles, a Rua Itaipava, no Jardim Botânico, Zona Sul da cidade, foi renomeada, nesta quinta-feira. Em ato encabeçado por cerca de 40 professores da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), a via recebeu a seguinte denominação: "Rua do Calote". O termo faz referência aos atrasos no pagamento de salários e também de repasses para a instituição. Devido à greve dos docentes, alunos da Uerj ainda não tiveram uma sequer aula neste ano.

Durante o protesto, até uma placa com o rosto do governador foi afixada em um poste que fica em frente ao prédio de número 18, com o objetivo de alertar aos moradores da região sobre a "mudança" no nome da via. O ato desta quinta-feira foi organizado pela Associação de Docentes da Uerj (Asduerj), com a intenção de surpreender o governador.

Fonte: O Dia 

Comentar
Compartilhe
Prefeitura gasta mais R$ 28 mil com passagens aéreas
10/06/2016 | 10h29

avião

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) abriu o cofre e gastou mais R$ 28 mil com passagens aéreas. O valor foi recebido pela empresa L.M Viagens e Turismo na última terça-feira (07), de acordo com o Portal da Transparência.

Porém, não é possível saber quem utilizou as passagens, nem o destino.

No último dia 31 a Prefeitura fez um pagamento de R$ 26 mil.

Nos últimos quatro meses o governo Rosinha gastou quase R$ 200 mil com passagens aéreas.

Entre 2013 e 2016 os gastos com passagens aéreas giram em torno de R$ 1,5 milhão.

Comentar
Compartilhe
Só pode entrar a turma do RPA?
18/06/2016 | 01h09

Ciente das pesquisas que apontam um desgaste do governo, o grupo rosáceo iniciou uma espécie de força-tarefa para recuperar o tempo perdido, principalmente porque faltam três meses e meio para a eleição.

Além do pacote de obras, reajuste, dinheiro para campanhas publicitárias e eventos, tudo com a grana da "venda do futuro", que vai deixar parcelas até 2026, a prefeita resolveu cair na rede e tem gravado vídeos sobre a sua "agenda positiva".

Em um dos vídeos, publicado em sua página no Facebook ontem (17), a prefeita Rosinha diz que ofereceu um reajuste aos servidores municipais e lista benefícios aos funcionários da Prefeitura.

Mas como a rede é um espaço democrático, não demorou muito para uma internauta questionar a prefeita sobre os aprovados em concursos públicos que foram convocados e não tomaram posse. Logo após a pergunta, a prefeita respondeu: "A crise me impediu aumentar o quadro de funcionários neste momento".

E a turma do RPA, que entrou o governo como uma "avalanche", a crise não impediu? E o reajuste salarial dos comissionados, a crise não impediu?

facebook
Comentar
Compartilhe
Articulação de Wladimir irrita tucanos
06/06/2016 | 03h20
fechado O empresário Dudu Azevedo, amigo do ex-presidente do PR em Campos, Wladimir Garotinho, se filiou ao PSDB no ano passado e era uma das apostas da nominata tucana na disputa por cadeiras na Câmara. Porém, após uma articulação que contou com a participação de Wladimir e do deputado Bruno Dauaire (PR), Dudu desistiu da disputa e resolveu apoiar o vereador Neném, do PTB. Por sinal, o PTB foi o partido que abrigou o vereador Jorge Rangel, que estava com um pé no PSDB. Nos bastidores os tucanos não escondem que a articulação, sem diálogo com o diretório municipal, não vai ser facilmente digerida.

Atualização às 16h - Em contato com o blog, Wladimir Garotinho comentou sobre a decisão de Dudu Azevedo. Confira:

"A decisão de não ser candidato foi pessoal de Dudu, ele apenas me comunicou. Algumas outras pessoas já desistiram e outros desistirão até a eleição, isso é normal.  Alguns dias depois disso, ele e Neném foram a minha casa, disseram já estar conversando há algum tempo e decidiram por selar a parceria. Eu, como amigo dos dois, apenas avalizei. Os tucanos (psdb) não tem motivo algum pra estar chateados comigo. Ajudei pessoalmente a montar a nominata do partido, outros amigos e pessoas próximas de mim estão lá a meu pedido. Na política existe muito disse me disse, mas existem também fatos concretos. Se estão 'irritados' que me liguem, até agora só soube de qualquer coisa pela imprensa". 

Comentar
Compartilhe
Quem é o pior padrinho?
30/06/2016 | 01h48

Levantamentos internos, realizados pelos grupos políticos de Campos, demonstram que os prefeitáveis terão que caminhar com as próprias pernas.

Pelos números, é uma furada colar o nome com políticos como o ex-presidente Lula (PT), a presidente afastada Dilma Rousseff (PT), o senador Aécio Neves (PSDB), o presidente em exercício Michel Temer (PMDB), governador licenciado Luiz Fernando Pezão (PMDB), governador em exercício Dornelles (PP), presidente da Alerj, Jorge Picciani (PMDB), e o casal Garotinho (PR).

Voz das ruas - De acordo com uma recente pesquisa realizada pelo Ibope, 54% dos brasileiros estão dispostos a votar em um candidato sem experiência política. 40% dos brasileiros pretendem votar em um candidato de oposição em outubro, enquanto 16% avaliam votar em branco ou nulo e outros 15% estão indecisos. Apenas 22% dos eleitores pretendem votar no atual mandatário.

Comentar
Compartilhe
Garoto propaganda
03/06/2016 | 06h19
garoto propaganda

Após a Prefeitura de Campos destinar R$ 1 milhão para publicidade, com recursos da "venda do futuro", o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) resolveu aparecer para divulgar ações do governo.

O primeiro local escolhido pelo garoto propaganda foi o programa "Balanço Geral", comandado pelo vereador Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo.

Se na Câmara o vereador se posiciona com firmeza contra o governo, diante das câmeras a situação foi diferente, já que ele deve seguir a linha editorial. Garotinho usou o espaço para comentar sobre o "pacote de bondades" liberado após a "venda do futuro", que vai deixar parcelas até 2026.

Sem ser indagado sobre os juros do empréstimo e questões polêmicas em áreas como a Saúde, Garotinho disse que 103 obras foram retomadas e pediu para ser chamado sempre que houver reclamação. "Vejo o programa e existem questionamentos por parte da população. Mas a prefeita determinou que as reclamações não vão ficar sem resposta. É só me chamar".

Veja o vídeo com a entrevista porstado pelo Ralfe Reis: aqui

Comentar
Compartilhe
Não vai dar uma ajudinha?
02/06/2016 | 01h54
[caption id="attachment_41659" align="aligncenter" width="436"]Edson posse Rosinha Aliado da prefeita Rosinha, Edson Batista não sinalizou que qualquer tipo de ajuda - Foto: Blog do Avelino[/caption]

Em São João da Barra, como mostra o blog do jornalista Arnaldo Neto (aqui), o vereador Kaká (PT do B) defende que a Câmara ajude o governo municipal em tempos de crise. Segundo o parlamentar, aliado do prefeito Neco (PMDB), a Casa arrecadou mais de R$ 35,4 milhões na atual legislatura. "É hora da Câmara de SJB ajudar, assim como outras Câmaras e a Alerj estão fazendo", disse Kaká.

E no município de Campos, que também sofre com a crise, a Câmara não vai ajudar o governo Rosinha? Não seria possível ajudar instituições como Apoe, Apae, Hospital João Viana e Educandário São José do Operário?

Na atual legislatura, a soma das receitas da Câmara de Campos gira em torno de R$ 120 milhões.

O valor supera a arrecadação de muitas cidades brasileiras.

Comentar
Compartilhe
Mauro Silva com Alckmin em evento tucano
11/06/2016 | 10h46
[caption id="attachment_41936" align="aligncenter" width="482"]mauro Otávio Leite, Mauro Silva e Geraldo Alckmin[/caption]

O vereador Mauro Silva, pré-candidato à Prefeitura de Campos pelo PSDB, participa na manhã deste sábado (11), no Rio, de evento preparatório dos tucanos.

A convite do deputado federal Otavio Leite, presidente do PSDB-RJ, o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, desembarcou no Rio para conversar com os pré-candidatos a prefeito no estado (já são 55) e a vereador do partido.

Alckmin comenta sobre sua experiência no Curso de Formação de Pré-candidatos, promovido pelo diretório estadual do PSDB em parceria com a secção Rio do Instituto Teotônio Vilela (ITV-RJ). O objetivo é preparar os tucanos para a disputa eleitoral de 2016. O encontro acontece no Windsor Guanabara Hotel.

Comentar
Compartilhe
PF investiga "máfia dos shows públicos"; desvios podem passar de R$ 100 milhões
23/06/2016 | 05h25

golpe

A Polícia Federal, a Receita e o Ministério Público Federal estão investigando uma "máfia" dedicada a fraudar a compra e venda de shows públicos de grandes artistas.

Segundo levantamento obtido pela reportagem, o volume de dinheiro obtido por meio de fraude na contratação, superfaturamento de cachês ou infraestrutura pode passar de R$ 100 milhões apenas nos últimos três anos. Somente no interior de São Paulo há R$ 15 milhões já bloqueados pela Justiça a pedido do Ministério Público Federal.

Por enquanto há investigações em curso em São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Amazonas, Bahia, Pará, Ceará, Piauí e Rio Grande do Norte. A investigação começou em 2010, no interior de São Paulo, e depois se espalhou pelo país.

Máfia regionalizada - Segundo dados obtidos pela reportagem, a "máfia dos shows" está hoje instalada em ao menos oito estados. Em cada um deles, a máfia designou um "atravessador", ou comprador de shows. Sempre que uma cidade do interior desses estados quer comprar o show de algum grande artista, acaba sendo "obrigada" a tratar da contratação por meio do atravessador desse estado. Mesmo em alguns casos, contratações de artistas por empresas e locais privados também foram prejudicadas.

Outra modalidade de fraude que está sendo investigada envolve a contratação dirigida de empresas ligadas a funcionários públicos (de áreas como Cultura e Eventos) que vem mantendo monopólio no fornecimento de equipamentos e infraestrutura para grandes shows, como som, iluminação, segurança e até banheiros químicos.

Leia a matéria completa no UOL: aqui 

Comentar
Compartilhe
Arnaldo: "A possibilidade de vitória é real"
13/06/2016 | 11h22

arnaldo

O ex-prefeito Arnaldo Vianna (PEN), que ainda se coloca como pré-candidato à Prefeitura de Campos, viu com bons olhos a pesquisa do instituto Pro4, divulgada ontem (12) pela Folha (aqui), que mostra o seu filho Caio Vianna (PDT) na liderança. "A pesquisa foi muito boa. Os números mostram que, com Arnaldo ou Caio, a possibilidade de vitória é real".

Mais sobre a repercussão da pesquisa na edição de amanhã (14) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Pedaladas do bem
16/06/2016 | 12h16

Se por um lado tem uma turma que pratica as famosas "pedaladas fiscais" com dinheiro público, por outro tem um grupo que pedala para cuidar do corpo, da mente e ainda pratica a solidariedade.

Veja o belo exemplo do grupo #PoucoGiroMuitoRiso:

[caption id="attachment_41994" align="aligncenter" width="562"]foto 1 Fotos: Leonardo Berenger[/caption]

"Mais uma vez nosso grupo teve o prazer de ajudar mais uma instituição. Desta vez foi o Educandário São José Operário que atende aos portadores de deficiência visual. Nossa proposta era pedalar durante o mês de 05/2016 e com R$ 0,10 por km pedalados e mais os padrinhos, conseguíssemos montar/reformar a sala de informática da instituição. Através de doação e de muito suor, pedalando, conseguimos colocar 7 computadores e 1 impressora multifuncional na sala de informática, mais 2 computadores na sala da diretoria e mais 1 notebook na administração, além de descartarmos as mesas individuais, com a colocação de uma bancada em L de 6,00m por 3,00m gerando mais conforto e espaço para os alunos. Temos muito que agradecer aos que ajudaram pedalando, aos padrinhos e a Zapt Informática que acreditou no projeto e nos deu todo apoio técnico para instalação e manutenção das máquinas que foram doadas e as que já tinham na instituição. Na pessoa de Alex Menezes, proprietário da Zapt Informática, quero agradecer pela parceria e por acreditar no grupo PGMR.

E volto a repetir que a intenção do nosso grupo #PoucoGiroMuitoRiso com nossas ações é sensibilizar e mostrar aos outros grupos que basta um pouco de boa vontade e de organização para podermos fazer diferença na vida das pessoas, que muitas da vezes só querem atenção e carinho. O objetivo não é fazer nosso grupo crescer, mas a ideia do grupo em ajudar, isso sim, se multiplicar e fazermos mais pessoas felizes, apesar de eu achar que ganhamos muito mais do que eles.

Por último, gostaria de agradecer ao nosso pequeno grupo (14 ciclistas) mas guerreiro, pois é a nossa soma de vontade de colocar sentido no pedalar que nos leva a conseguirmos fazer tanto com tão pouco. E vamos em busca da nossa próxima pedalada beneficente". 

foto 2

foto 3

Comentar
Compartilhe
Em ano de eleição, começa a "lista do Cheque Cidadão"
21/06/2016 | 11h25
[caption id="attachment_42149" align="aligncenter" width="428"]Em 2015, Prefeitura realizou recadastramento e entregou 11 mil cheques Em 2015, Prefeitura realizou recadastramento e entregou 11 mil cheques[/caption]

Em 2014, ao enfrentar Luiz Fernando Pezão (PMDB) na disputa pelo governo do estado, o candidato Anthony Garotinho (PR) protestou contra o peso da máquina. Ele chegou a apontar a "injeção" em programas sociais como estratégia eleitoral. Mas afinal de contas, com quem a turma do PMDB-RJ aprendeu isso?

Em Campos, faltando menos de quatro meses para a eleição, pessoas andam pelos corredores da Câmara perguntando: "Como coloco o nome na lista do Cheque Cidadão?". Alguns alegam que rosáceos passaram pelas comunidades prometendo "encaixar".

Atualmente o programa conta com 11 mil famílias, mas a ideia é aumentar.

Em 2015 o próprio Garotinho denunciou abusos no programa em Campos. Ele disse que "tinha gente com 10, 20 cartões na mão" (aqui).

Para quem não se lembra, a eleição de 2004 foi marcada pelo uso das máquinas (Estado e Prefeitura). Naquele ano, como mostra uma matéria do jornal "O Globo" (aqui), "na reta final da disputa, o governo do estado distribuiu Cheque Cidadão, cestas básicas, kits escolares e até casa a R$ 1".

Comentar
Compartilhe
Uma tropa jurídica imbatível
07/06/2016 | 11h31

profissionais-krynski-advogados-porto-alegre-direito-empresarial2

Nos últimos anos o grupo rosáceo enfrentou dezenas de batalhas jurídicas. A prefeita foi cassada três vezes, multas durante campanhas eleitorais, pedidos de informação foram parar no Judiciário, pedidos de cassação, ações contra o Reda e a "venda do futuro", Centro Cultural lacrado e prévias suspensas.

Porém, em todos esses casos, a tropa jurídica entrou em cena e venceu as batalhas. Mesmo após derrotas momentâneas, sempre surgia uma liminar que resolvia o problema. Quem se lembra da eleição de 2012, quando o ministro Marco Aurélio Mello, do TSE, em decisão monocrática, concedeu o registro faltando uma semana para o primeiro turno da eleição? Ele reverteu a decisão do TRE, que havia negado o registro da prefeita com base na Lei da Ficha Limpa.

Hoje (07), como o blog "Na Curva do Rio" mostrou, os rosáceos liberaram as prévias e o Centro Cultural Garotinho (aqui). Tudo tranquilo e favorável.

Ou seja, se a oposição continuar contando com reviravoltas jurídicas, é melhor tirar o cavalinho da chuva. Nem Kevin Lomax, personagem de Keanu Reeves no filme "O Advogado do Diabo", tinha um currículo tão vencedor.

O líder rosáceo sempre tratou o jurídico como prioridade e, apesar de algumas pendências com seus "soldados", os laços são antigos e fraternos.

Comentar
Compartilhe
Prefeitura gasta mais R$ 26 mil com passagens aéreas
02/06/2016 | 10h03
avião A prefeita Rosinha Garotinho (PR) abriu o cofre e gastou mais R$ 26 mil com passagens aéreas. O valor foi recebido pela empresa L.M Viagens e Turismo na última terça-feira (31), de acordo com o Portal da Transparência. Porém, não é possível saber quem utilizou as passagens, nem o destino. Nos últimos quatro meses o governo Rosinha gastou R$ 165 mil com passagens aéreas.
Entre 2013 e 2016 os gastos com passagens aéreas giram em torno de R$ 1,5 milhão.
Comentar
Compartilhe
Rosinha volta a liberar dinheiro do empréstimo para propaganda e eventos
20/06/2016 | 10h50
rosinha

No início desde mês o blog mostrou que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) usou R$ 1 milhão da "venda do futuro" para "campanhas publicitárias" (aqui). Agora, 19 dias depois, a prefeita voltou a suplementar recursos para campanhas publicitárias. Dessa vez foram R$ 800 mil , de acordo com o Decreto nº 171/2016, publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (20).

Ou seja, em 20 dias já foram quase R$ 2 milhões em propaganda. A meta é mostrar uma "agenda positiva" e melhorar a imagem do governo.

Além do dinheiro para a propaganda, a prefeita não se esqueceu de destinar mais alguns recursos para a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL), comandada pela sua amiga Patrícia Cordeiro. De acordo com o decreto, foram suplementados R$ 33,5 mil para "eventos culturais".

Show do Milhão – Em três meses a FCJOL contou com suplementações que, somadas, chegam a quase R$ 1 milhão (aquiaqui, aqui).

O recurso necessário para o Crédito Adicional Suplementar é proveniente de “Excesso de Arrecadação disponível no Banco Caixa Econômica Federal, Agência 0180, na conta corrente nº 600000107-3”. Ou seja, a prefeita gasta hoje e as próximas três gestões terão que pagar a conta, já que as parcelas do empréstimo serão quitadas até 2026.

Comentar
Compartilhe
Rosinha paga R$ 73 mil por "serviços de publicidade"
21/06/2016 | 10h49

rosa

Na última semana, após destinar recursos da "venda do futuro" para propaganda, a Prefeitura de Campos pagou R$ 73 mil por "serviços de publicidade". As informações estão no Portal da Transparência.

TINOCO MACHADO COMERCIO REPRESENTACOES LTDA SERV. DE PUBLICIDADE. NF.296. P.13. - R$ 51.157,15 AGENCIA MIND COMUN.E PESQUISA S/S LTDA.EPP SERVICO DE PUBLICIDADE NF 1875 PARC. R$ 22.259,37

Comentar
Compartilhe
Chicão cutuca oposição
14/06/2016 | 06h13

chicão

Ao comentar sobre a pesquisa do instituto Pro4, onde aparece como melhor colocado entre os rosáceos (aqui), o vice-prefeito Dr. Chicão (PR) cutucou a oposição. “Na hora certa a população irá avaliar quem tem serviços prestados e capacidade para administrar a nossa cidade. Não haverá espaço para aventureiros, sobretudo neste momento delicado do nosso país”, frisou Chicão (aqui).

Para o médico, o discurso da oposição "não se sustenta". "Falam que a cidade está quebrada e fazem de tudo para disputar a Prefeitura. Esses discursos vazios não se sustentam. Ele não apresentam alternativas viáveis", disse.

Repercutiu - A declaração de Chicão não foi bem recebida pelos aliados dos oposicionistas. No Facebook, o ex-vereador Carlos Faria Café, que caminha ao lado de Caio Vianna (PDT), compartilhou a postagem das mães fazendo limpeza na enfermaria do HGG (aqui), e disparou: "Já que Dr. Chicão, que também é pré-candidato a prefeito, chamou os pré-candidatos da oposição de 'aventureiros', eu gostaria de perguntar de qual adjetivo podemos então chamar o médico, ex-secretário de Saúde de Campos e vice-prefeito da cidade e responsável por essa bagunça na Saúde oferecida a população?", indagou.

Comentar
Compartilhe
Rosinha usa R$ 1 milhão do empréstimo para "campanhas publicitárias"
01/06/2016 | 09h50

Rosinha-24-03-2015-GG-6-640x427

Propaganda é a alma do negócio.

O Diário Oficial desta quarta-feira (01) traz o Decreto nº 138/2016, que dispõe sobre crédito adicional suplementar no orçamento fiscal do município. Com recursos obtidos por conta da "venda do futuro", que vai deixar parcelas até 2026, a Prefeitura de Campos irá destinar R$ 1 milhão para a Superintendência de Comunicação. De acordo com a publicação, a verba será utilizada em campanhas publicitárias.

Em ano eleitoral, mesmo com problemas graves na Saúde, o governo Rosinha não vai deixar de caprichar na maquiagem.

No ano de 2014, quando o marido da prefeita disputou o governo do estado, a previsão de gastos com publicidade foi destaque no jornal "Extra" (aqui).

Entre 2009 e 2015 o governo Rosinha gastou R$ 72 milhões com propaganda. Já a Agricultura, vocação histórica do município, ficou com R$ 22 milhões (aqui).

Ontem (31), o blog mostrou o governo Rosinha também usou o dinheiro do empréstimo para "promoção de eventos" (aqui).

O recurso necessário para o Crédito Adicional Suplementar é proveniente de “Excesso de Arrecadação disponível no Banco Caixa Econômica Federal, Agência 0180, na conta corrente nº 600000107-3”.

Nova regra:  As despesas com publicidade não podem exceder a média dos gastos no primeiro semestre dos três últimos anos que antecedem o pleito. Esta redação foi alterada pela Reforma Eleitoral de 2015.

Comentar
Compartilhe
Após calamidade, governo faz lista de compras com carnes nobres e frutas vermelhas
20/06/2016 | 11h21

Mesmo após decretar estado de calamidade, governo do estado mantém licitação de R$ 361 mil para a compra de alimentos para o Palácio Guanabara. Entre os itens selecionados, chama a atenção o pedido de 60 quilos de framboesa e mirtilo. Somente as duas frutas custariam aos cofres públicos R$ 9.263. Além dessas iguarias, destaca-se a quantidade de carnes e pescados.

Entre os peixes, cherne, robalo e salmão têm valores estimados pela licitação em 82, 63 e 41 reais o quilo. Somente de cherne, portanto, seriam mais de R$ 13 mil. O lote total de pescados, que inclui seis tipos de peixe, sai por quase R$ 33 mil.

Entre as carnes vermelhas, as maiores quantidades são de carnes nobres, como filé mignon e picanha, que somam 360 quilos, quase metade da quantidade total, que inclui também alcatra e carne seca. Os produtos, segundo o próprio governo, são para "atender às necessidades" dos gabinetes do governador em exercício Francisco Dornelles e dos secretários que trabalham no Palácio Guanabara, além de autoridades recebidas por eles.

No edital publicado no dia oito deste mês, o governo pedia ainda seis mil cápsulas de café compatíveis com máquinas de café expresso, que somavam quase R$ 51 mil. No entanto, no dia 16, a Casa Civil desistiu de adquirir, além do café, dez quilos de damasco e 65 de uva passa. Apenas esses três produtos elevariam o gasto total da licitação para R$ 416 mil.

Veja na CBN: aqui 
Comentar
Compartilhe
Na "farra dos RPAs", concursados perdem espaço
09/06/2016 | 12h57

A Prefeitura de Campos realizou concurso público para preencher vagas de auxiliares de creche. Porém, de acordo com uma fonte do blog, a turma do Recibo de Pagamento Autônomo (RPA) tem realizado a função que devia ficar por conta dos concursados. Auxiliares de serviços gerais (ASG) estariam atuando como auxiliares de creche.

Lista grande - Nos tempos de vacas gordas a Prefeitura firmou contratos milionários com empresas que disponibilizavam trabalhadores terceirizados em áreas como vigilância, portaria e auxílio administrativo. Porém, com menos dinheiro, alguns contratos foram encerrados. No entanto, o governo recorreu ao RPA para manter muitos trabalhadores. A lista já estaria com mais de 2.500 funcionários.

Debate ignorado - Ontem (09), na Câmara, o vereador Nildo Cardoso (DEM) apresentou um requerimentoerbal cobrando informações da Prefeitura sobre a "farra dos RPAs". Porém, aliados do governo esvaziaram o plenário e não houve quórum para a votação.

Comentar
Compartilhe
"Vaquinha" para viagens de Dilma bateu recorde
30/06/2016 | 05h07

dilma na rede

As restrições impostas pelo presidente interino Michel Temer ao uso sem custo dos aviões da FAB (Força Aérea Brasileira) por Dilma Rousseff limitaram os deslocamentos da petista pelo país. Mas abriram uma nova possibilidade para a presidente afastada: ela passou a usar intensamente as redes digitais.

Para viajar de FAB, cuja hora/voo pode custar R$ 20 mil, ou de jatinhos particulares Dilma está recorrendo a um financiamento coletivo via internet. Em 24 horas, o crowdfunding arrecadou R$ 280 mil. É o valor mais alto já registrado nesse intervalo de tempo pelo Catarse, plataforma em que a campanha de financiamento está hospedada.

Até então, o recorde de arrecadação em 24 horas era de R$ 83 mil, para um livro sobre Kabbalah Hermética.  A “vaquinha virtual” (ou crowdfunding) entrou no ar no começo da tarde de ontem (29). Até as 15 horas de quinta-feira (30), 4.346 pessoas haviam feito doações. E o valor chegava a  R$ 313 mil. O montante pode ser ainda maior, já que a plataforma exibe o valor pago on-line e só depois soma os pamentos feitos por boletos.

O resultado superou as expectativas até da própria equipe de Dilma. A partir dos números iniciais, o Catarse acredita que o projeto supere todos resultados já alcançados desde 2011, quando o site começou.

Se continuar nesse ritmo, a campanha vai atingir os R$ 500 mil solicitados em menos de 48 horas. Ainda que a meta seja alcançada agora, a arrecadação seguirá a duração prevista, de um mês, de acordo com a assessoria de imprensa da petista.

Fonte: Nexo

Comentar
Compartilhe
Odebrecht vai entregar software da propina
06/06/2016 | 03h33
propina

Uma das principais provas que a Odebrecht vai entregar à Procuradoria-Geral da República com a delação de seus executivos será o software usado pela empreiteira para administrar o Setor de Operações Estruturadas, o departamento que fazia a gestão da propina Com o software, os dados de centenas de políticos que receberam dinheiro em campanha pelo caixa dois.

A ex-secretária da Odebrecht, Conceição Andrade, revelou em entrevista ao Fantástico que não tinha nada legal nas listas apreendidas. “Tudo isso era propina. Tudo que tem dentro, toda essa relação que existe nessa lista foi pagamento de propina, de caixa dois”, disse.

Fonte: Lauro Jardim/O Globo

Campos – O clã Garotinho aparece nas planilhas da Odebrecht apreendidas na 23ª fase da operação Lava Jato, batizada de “Acarajé” (aqui). Logo após a divulgação das planilhas, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) afirmou que as doações foram legais.

Comentar
Compartilhe
Marcão: "Prefeita criou mais 10 boquinhas para pedir votos"
28/06/2016 | 04h24

Marcão

A sessão extraordinária da Câmara de Campos, que ocorre neste momento, já conta com a primeira polêmica na pauta.

O projeto que cria a Agência Reguladora, com a missão de fiscalizar concessionárias, prevê a criação de 10 cargos comissionados (DAS). "Após três empréstimos a prefeita Rosinha andou esbanjando dinheiro com fogos, trio elétrico e eventos. E agora, para completar, envia esse projeto com a criação de 10 cargos de confiança. Isso sem falar em uma nova taxa para permissionários", disse o vereador Marcão (Rede), lembrando que o governo já conta com "mais de 1.500 cargos de confiança". "Não seria melhor remanejar algum desses cargos? Tinha a necessidade de criar mais 10 cargos faltando três meses para a eleição? A prefeita já aumentou em R$ 100 milhões a despesa com cargos comissionados. Querem mais 10 boquinhas para pedir voto", disparou Marcão.

Líder do governo, o vereador Mauro Silva (PSDB) defendeu o projeto. "Essa Agência Reguladora criada em Campos será a mais enxuta do país. Trata-se de algo que já vem sendo feito em muitas cidades do Brasil e do mundo", comentou Mauro.

Os vereadores José Carlos (PSDC) e Genásio (PSC) defenderam concursados no lugar dos comissionados. "Faltando seis meses para a eleição eles inventam essa história. Querem fiscalizar a bagunça agora? E por que não botam concursados?", questionou José Carlos.

Mais informações sobre a sessão na edição de amanhã (29) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Delações da Odebrecht e OAS: quem tem medo?
05/06/2016 | 01h15

montagem-delacoes

A revelação do explosivo conteúdo de uma série de delações premiadas já concluídas ou em andamento envolvendo personagens de diversos partidos levará o sistema político brasileiro a refundar suas bases, caso seja confirmado o teor das acusações. A avaliação é feita por lideranças das três legendas que se revezaram na Presidência da República nos últimos 21 anos. Políticos estão apreensivos com o teor das delações, temerosos de virarem alvos. O GLOBO revelou que o ex-diretor da Transpetro Sérgio Machado relatou aos investigadores o pagamento de R$ 70 milhões a caciques do PMDB, entre eles o presidente do Senado, Renan Calheiros (AL), o senador Romero Jucá (RR) e o ex-presidente da República José Sarney (AP).

A revista “Veja” deste fim de semana apontou que as negociações de delações premiadas de Marcelo Odebrecht (Odebrecht) e Léo Pinheiro (OAS) trazem acusações contra a presidente afastada Dilma Rousseff, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o presidente do PSDB, Aécio Neves, os ministros Geddel Vieira Lima e Henrique Eduardo Alves, e ainda falariam de 13 governadores e 36 senadores. Na delação do ex-diretor da Petrobras Nestor Cerveró, tornada pública na semana passada, há também denúncias que envolvem Dilma.

Embora façam discurso de que as acusações contra os adversários são mais fortes do que as que envolvem seus aliados, a avaliação de líderes de PT, PSDB e PMDB é semelhante sobre a gravidade do momento político. O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, por exemplo, acredita que somente com o desenrolar das investigações será possível saber “o que vai sobrar”. Ele afirma que será necessário construir uma nova forma de fazer política.

— Vamos ter que conviver com essa transição, até passar por todos esses episódios da Lava-Jato, de delações, declarações e depoimentos. E aí vai ver o que vai sobrar para a gente recomeçar uma outra forma de fazer política, porque, seguramente, o estilo antigo de fazer política foi embora — avalia Padilha.

Fonte: O Globo 

odebrecht

rosinha-lista--768x77

Campos – O clã Garotinho aparece nas planilhas da Odebrecht apreendidas na 23ª fase da operação Lava Jato, batizada de “Acarajé” (aqui). Logo após a divulgação das planilhas, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) afirmou que as doações foram legais.

CPI – O contrato da Odebrecht em Campos, para a construção de casas populares, é o maior da história do município (R$ 1 bilhão). Vereadores da oposição e do bloco independente assinaram um pedido de CPI para investigar o contrato, mas uma manobra da bancada governista jogou a CPI da Lava Jato para o final da fila e impediu que ela fosse aberta na atual legislatura.

Comentar
Compartilhe
Tô Contigo: "Escolha dos entrevistados não passa por mim"
11/06/2016 | 10h22

tadeu

O vereador Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo, comentou nas redes sociais sobre a presença semanal do secretário de Governo, Anthony Garotinho (PR), no programa Balanço Geral, da TV Record (aqui). Confira a nota publicada pelo apresentador:

"ESCLARECIMENTO !! Achei que não haveria necessidade, mas vejo que é preciso esclarecer o seguinte: sou funcionário da TV Record, na qual exerço a função de APRESENTADOR. A decisão de escolher quem será entrevistado no programa, principalmente autoridades políticas, não passa por mim. A escolha do entrevistado, bem como do assunto a ser abordado, é feita pela direção da emissora. Seguindo orientações, apenas posso exercer a função de entrevistador. Quem acompanha o programa, me conhece e sabe bem o que penso a respeito de determinados assuntos. Deus é contigo e eu Tô Contigo!". 

Comentar
Compartilhe
Gilmar Mendes determina que inquérito contra Aécio prossiga
02/06/2016 | 11h44

Aécio-e-Gilmar (1)

O ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF), determinou nesta quinta-feira (2) o prosseguimento da investigação contra o senador Aécio Neves, presidente do PSDB, e a coleta de provas no inquérito sobre o suposto envolvimento em corrupção em Furnas.

Em nota, Aécio disse que é papel do Ministério Público investigar citações e acusações e que ao final, provará sua inocência. Há três semanas, Gilmar Mendes, que é o relator do caso no STF, suspendeu a investigação e pediu que o procurador-geral da República, Rodrigo Janot, reavaliasse se queria manter os pedidos diante de uma documentação apresentada por Aécio Neves.

Para o ministro, a petição do parlamentar poderia demonstrar que a retomada das investigações ocorreu sem que houvesse novas provas, o que contraria o entendimento do Supremo.

O procurador-geral, no entanto, manteve o pedido original que fez ao STF e pediu o prosseguimento da investigação, baseado na delação premiada do senador cassado Delcídio do Amaral. Janot também pediu o desarquivamento da citação feita pelo doleiro Alberto Youssef sobre o parlamentar.

Segundo o pedido de investigação de Janot, Youssef disse que Aécio "dividia" uma diretoria de Furnas com o PP, e que ouviu isso do ex-deputado José Janene, já falecido. De acordo com o pedido, o doleiro afirmou ainda que ouviu que o senador do PSDB recebia valores mensais, por meio de sua irmã, por uma das empresas contratadas por Furnas. Delcídio confirmou as informações em dua delação premiada.

Fonte: G1

Comentar
Compartilhe
Edson Batista anuncia abertura de duas CPIs e Lava Jato fica no fim da fila
07/06/2016 | 11h37

Edson batista 2

O presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB) anunciou a abertura de duas CPIs na Câmara de Campos. Na abertura da sessão desta terça-feira, Batista se limitou a dizer que o Diário Oficial de amanhã vai trazer a publicação das duas CPIs que serão abertas.

Atualização às 12h15 - As CPIs vão investigar Trabalho Infantil e Violência no entorno das escolas. A primeira foi protocolada pela vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) e a segunda pelo vereador Abdu Neme (PR). Para a oposição e o bloco "independente", que não deverão integrar as comissões, os aliados do governo manobraram para evitar a abertura da CPI da Lava Jato na Câmara de Campos. O vereador Marcão (Rede) alega que no momento em que a CPI da Lava Jato foi protocolada não haviam outras comissões. "Bastou a gente tentar investigar o contrato da Odebrecht para que surgissem CPIs. Fica nítido que o plano barrar a investigação, mas tudo isso será levado para a Justiça", explica Marcão.

Se no planalto políticos estão mira da Justiça por conta de manobras para atrapalhar o andamento da Lava Jato, na planície não é muito diferente. "Dizem que é tudo legal e fazem de tudo para barrar essa investigação. Mas engana-se quem pensa que iremos desistir. Mais cedo ou mais tarde a população de Campos vai conhecer todos os detalhes deste contrato bilionário da Odebrecht em Campos", disse Rafael Diniz (PPS).

Comentar
Compartilhe
PRB lança pré-candidatura de Alexandre Tadeu
25/06/2016 | 02h27

tô contigo

O vereador Alexandre Tadeu, o Tô Contigo, teve a sua pré-candidatura à Prefeitura de Campos lançada na manhã deste sábado (25), no hotel Windsor Guanabara, no centro do Rio. Participaram do evento o deputado estadual Wagner Montes, os senadores Marcelo Crivella e Eduardo Lopes, entre outros políticos do PRB. "Foi oficializada a vontade do povo, que implora por mudança e me coloca entre os primeiros na disputa pela prefeitura. Campos necessita mudar de verdade e vamos trabalhar para isso", disse o vereador da bancada "independente".

Ontem (24), em Campos, Tô Contigo participou de evento ao lado do vereador Genásio (PSC) e do deputado Flávio Bolsonaro (PSC). A meta do PSC é indicar o candidato a vice na chapa encabeçada pelo vereador. O nome cogitado é o de Renê Siqueira, empresário e diretor da Associação Evangélica de Campos.

Atualização às 21h50 - A assessoria do vereador informa que haverá um lançamento oficial da pré-candidatura em Campos.

Comentar
Compartilhe
Governo do estado deve fechar ano com déficit de R$ 19 bilhões, diz secretário
17/06/2016 | 09h45

julio-bueno

Servidores sem receber salário; hospitais negando atendimento por falta de recursos; parcelas de empréstimos não pagas. São sinais da crise financeira aguda pela qual passa o estado do Rio de Janeiro, e que afeta até os mortos: no Instituto Médico Legal, corpos chegaram a ficar parados por falta de condições de trabalho dos peritos. “Se fosse uma empresa, primeira coisa que faria era uma recuperação judicial", disse ao G1 o secretário de Estado da Fazenda, Julio Bueno. "Preciso que o Governo Federal me ajude”, acrescenta. A recuperação judicial é utilizada pelo setor privado para evitar a falência de uma empresa quando ela perde a capacidade de pagar suas dívidas.

A previsão é que o caixa do Estado feche as contas em 2016 com déficit de R$ 19 bilhões. O serviço total da dívida (os juros devidos) do estado em 2016 é de R$ 10 bilhões, sendo R$ 6,5 bilhões com a União. Segundo o secretário, há uma agenda com a União para tratar sobre os empréstimos que o estado fez com o aval do Governo Federal. “O governo está conversando a negociação da dívida. Tem agenda para isso”.

Na última terça-feira (14), o secretário estadual de Transportes do Rio, Rodrigo Vieira, afirmou que o Governo Federal garantiu o repasse de R$ 989 milhões ao estado para a conclusão das obras da Linha 4 do metrô. A verba será transferida para os cofres do estado, provavelmente, na próxima segunda-feira (20).

Matéria completa no G1: aqui 
Comentar
Compartilhe
Rogério Matoso: “É possível derrotar os gigantes”
25/06/2016 | 10h57
[caption id="attachment_42236" align="aligncenter" width="432"]Foto: Eduardo Prudêncio Fotos: Eduardo Prudêncio[/caption] Foto de Eduardo Prudêncio

Após lançar a sua pré-candidatura em evento realizado no Clube Campista, na última quinta-feira (23), o ex-vereador Rogério Matoso (PPL) afirmou que não existe ninguém imbatível na disputa pela Prefeitura. “Nosso partido não é grande, mas nossos sonhos, sim. E provamos isso na quinta-feira, em um evento surpreendente. Sem mandato, sem máquina, a nossa reunião estava lotada. São pessoas que estão dispostas a combater o bom combate. Não somos melhores, nem piores do que ninguém. Somos diferentes. E sabemos que é possível derrotar os gigantes. A história nos mostra que ninguém é imbatível”, diz o prefeitável, que estava ao lado dos ex-deputados Roberto Henriques (PPL) e Paulo Albernaz.

Para Henriques, mesmo faltando pouco mais de três meses para as eleições, muitas movimentações ainda irão ocorrer no tabuleiro político. “É agora que o jogo começa pra valer. E Matoso entrou na hora certa”, garante.

Comentar
Compartilhe
IMTT com novo presidente
06/06/2016 | 01h24

O Diário Oficial desta segunda-feira (06) torna sem efeito a portaria que nomeou o Procurador Geral do Município, Matheus José, para assumir interinamente o Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT). Quem assume a presidência, também de forma interina, é Felipe Mocaiber.

Também foi nomeado hoje Carlos Augusto Leão de Souza, que agora responde pelo comando da Guarda. Na semana passada, o então comandante Marcos Soares pediu exoneração após escândalos envolvendo a corporação (aqui).

Comentar
Compartilhe
Balanço Geral fica cada vez mais rosáceo
10/06/2016 | 02h21

no-balanço

Após estreitar os laços com a TV Record, o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) ganhou um espaço semanal no programa Balanço Geral, apresentado pelo jornalista Alexandre Tadeu (PRB), que é vereador e abandonou a bancada governista.

Assim como ocorreu na semana passada, Garotinho vai usar o espaço do programa, nesta sexta-feira (10), para apresentar realizações do governo Rosinha.

Como vai disputar a eleição deste ano, Alexandre Tadeu terá que deixar o comando do programa no final deste mês. Por conta disso, já tem gente no grupo rosáceo dizendo que Garotinho vai assumir o lugar do Tô Contigo e comandar o Balanço Geral em Campos.

Comentar
Compartilhe
Em 2014, propaganda rosácea falava em "nascimento do Hospital São José"
02/06/2016 | 10h24
hospital

Em dezembro de 2014, dois anos após o início das obras do Hospital São José, na Baixada Campista, um bonito comercial (aqui), que foi pago com dinheiro público, informava que "na Baixada está nascendo o novo hospital São José".

Um ano e meio após a exibição da propaganda, o Hospital São José ainda não nasceu. Deviam estar falando do tempo de gestação de um elefante, que dura um ano e meio.

A propaganda de 2014 também mostra imagens muito bonitas do Ferreira Machado, maquete do Hospital de Travessão e promete modernas Unidades de Saúde.

Comentar
Compartilhe
Dr. Edson Batista deixa prévias
28/06/2016 | 09h57

Edson batista 2

O PTB decidiu deixar as prévias que irão escolher o nome do governo na disputa pela Prefeitura. Com isso, o presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB), deixou o páreo. "Nosso partido optou pelo apoio ao PR na cabeça da chapa. Com isso, optamos por abrir mão da minha pré-candidatura", explicou Batista, que não comentou sobre a possibilidade de ser candidato a vice. "Isso é um assunto para depois. No momento o nosso foco é apoio ao PR, que tem nomes como Paulo Hirano, Chicão, Thiago Ferrugem, Fábio Ribeiro, Edílson Peixoto e Eduardo Crespo na disputa", comentou Edson.

Nos próximos dias, outros nomes poderão deixar a disputa.

Agora, os rosáceos contam com nove nomes: Eduardo Crespo, Chicão Oliveira (PR), Mauro Silva (PSDB), Auxiliadora Freitas (PHS), Thiago Ferrugem (PR), Fábio Ribeiro (PR), Edílson Peixoto (PR), Paulo Hirano (PR) e Charles Guerreiro (PR).
Comentar
Compartilhe
Marcão: “Estão usando Cheque Cidadão para comprar votos”
21/06/2016 | 01h24

Marcão

A sessão desta terça-feira (21), que vota a Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), contou com fortes denúncias da oposição. “Já estão distribuindo Cheque Cidadão para comprar votos por antecedência. Estou falando com todas as letras, pode me processar”, disparou o vereador Marcão (Rede).

Quem também comentou sobre o assunto foi o vereador Nildo Cardoso (DEM). “A farra é grande. Se me processar eu faço questão de provar, citando inclusive vereadores”, disse Nildo.

Para os aliados de Rosinha, as críticas não procedem. "São inverdades, eles estão desesperados e vão perder outra eleição", afirmou Thiago Virgílio (PTC).

Mais informações sobre a sessão na edição de amanhã (22) da Folha.

Mais sobre a “lista do Cheque Cidadão”: aqui

Comentar
Compartilhe
Ponto Final — Promessa das UPPs para Campos ficou no papel
30/06/2016 | 04h24
ponto-final

Violência e silêncio (I)

No início deste ano foi divulgado um ranking que mostra o município de Campos entre as 50 cidades mais violentas do mundo. O número de homicídios assusta até profissionais que já atuaram em comunidades muito violentas da capital. Mas será que alguém tem feito algo para combater este extermínio de gente? Há uma mobilização com a participação de políticos e representantes dos principais segmentos sociais?

Violência e silêncio (II)

É bom lembrar que em fevereiro de 2013 o então governador Sergio Cabral (PMDB) sancionou emendas com indicações de três Unidades de Polícia Pacificadora (UPPs) em Campos. Porém, quase três anos e meio depois, a promessa nunca saiu do papel. É hora de uma mobilização dos nossos deputados estaduais (João Peixoto, Geraldo Pudim e Bruno Dauaire) em busca de uma resposta do governo estadual sobre a grave situação de Campos.

Quem é popular?

O casal Garotinho, conhecido pela força nas camadas populares, não conta em sua tropa de elite com políticos da mesma escola. Entre os prefeitáveis, além de médicos e nomes com boa penetração na pedra, restam poucas opções com carisma para se comunicar com o povo. Por isso, articuladores do governo flertam com o PRB no estado. A ideia é escalar o vereador Alexandre Tadeu, o Tô Contigo, como vice na chapa rosácea. Porém, ele garante que não abre mão de sua pré-candidatura “independente”.

Diretor do Arraial

O carnavalesco Milton Cunha, amigo da prefeita Rosinha Garotinho (PR), responde pela direção artística do "Arraial do Carnaval", evento marcado para o próximo sábado, no Cepop. A festa, organizada pela Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) e a Associação de Bois Pintadinhos de Campos (Aboipic) tem o objetivo de angariar recursos para as agremiações carnavalescas do município.

Acordo com facção?

A Comissão de Segurança Pública e Assuntos de Polícia da Assembleia Legislativa (Alerj) se reúne hoje, às 12h, para deliberar sobre as medidas que serão tomadas em relação à denúncia de que haveria uma sugestão de acordo com a facção criminosa Comando Vermelho a fim de garantir a segurança nas Olimpíadas do Rio. O deputado Bruno Dauaire (PR), vice-presidente da Comissão de Segurança Pública, promete cobrar explicações com firmeza.

Contra o monopólio

Quase quatro mil internautas assinaram uma petição online que pede o fim do monopólio da viação 1001, que faz o trecho Campos-Rio. No site da Avaaz, o autor da petição solicita que o Ministério Público tome providências. Em seus perfis no Facebook, os internautas não escondem a insatisfação com o monopólio e o serviço prestado pela empresa.

Tem que curtir

Neste período pré-eleitoral, políticos apostam no Facebook como uma ferramenta para conquistar votos. Por conta disso, tem gente cobrando mais empenho dos aliados. “Não basta trabalhar comigo e receber salário, tem que curtir e compartilhar as minhas postagens. Meu Facebook tá sem audiência”, choramingou um político da planície.

Liberou

Após o aval concedido na tarde de ontem pelo Tribunal de Contas da União (TCU), o presidente em exercício Michel Temer (PMDB) assinou à noite a medida provisória que libera de forma emergencial para o governo do estado do Rio R$ 2,9 bilhões destinados a ações de segurança pública relacionadas à Olimpíada. A assessoria da Casa Civil informou que a MP será publicada na edição desta quinta-feira do “Diário Oficial da União”.

Nome sujo

Não bastassem os sucessivos atrasos e parcelamento de salários, parte dos servidores públicos do estado do Rio passaram a ficar com os nomes “sujos” devido à inadimplência do governo. Apesar de descontar nos contracheques dos servidores o valor referente a empréstimos consignados, o estado deixou de repassar essas quantias aos bancos, que incluíram nomes dos clientes em serviços de restrição de crédito – como Serasa e SPC.

Notas publicadas na coluna “Ponto Final” desta quinta-feira (30). 
Comentar
Compartilhe
Suplementação de R$ 228 mil para eventos da FCJOL
30/06/2016 | 02h12
Chicão-Rosinha-e-Patrícia E as suplementações para a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) não param. De acordo com publicação no Diário Oficial desta quinta-feira (30), a prefeita Rosinha Garotinho (PR) destinou mais R$ 228 mil para a pasta comendada pela sua amiga Patrícia Cordeiro. Apoio administrativo: R$ 2 mil Eventos Culturais: R$ 26,8 mil Manutenção e Montagem de palcos: R$ 100 mil Bienal do Livro: R$ 100 mil Show do milhão - Este ano, mesmo com estado de emergência econômica decretado, a FCJOL já levou quase R$ 1,5 milhão só com suplementações. Veja: aqui, aquiaquiaquiaqui e aqui
Comentar
Compartilhe
Ponto Final — CPI da Lava Jato vai ficar na gaveta
11/06/2016 | 01h47

Ponto-final

Vai ficar na gaveta (I)

A CPI da Lava Jato, protocolada na Câmara de Campos com as assinaturas de vereadores oposicionistas e “independentes”, não vai sair da gaveta. Como a Câmara resolveu abrir as CPIs da Violência no entorno das escolas e do Trabalho Infantil, e as investigações devem durar até outubro, não haverá tempo hábil para novas CPIs até o final deste ano, quando a atual legislatura se encerra.

Vai ficar na gaveta (II) A manobra dos rosáceos para evitar a investigação alcançou o seu objetivo. Sendo assim, a apuração na Câmara sobre o contrato da Odebrecht em Campos, firmado durante o governo Rosinha, que chega a quase R$ 1 bilhão, com aditivos, caberá ao próximo presidente do Legislativo. O novo gestor da Câmara, que assume em janeiro de 2017, decidirá se abre, ou não, essa “caixa preta”, que pode conter uma mistura bombástica entre laranjas e propinas.

Câmara rejeitada O presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB), garante que a atual legislatura foi transparente e marcada por todos os tipos de debates. Porém, tudo indica que a impressão da população não é das melhores. Uma pesquisa do Instituto Pappel mostra que 42,4% dos campistas consideram o desempenho da Câmara péssimo.

Muro x Banheiro Durante a campanha de 2008 o grupo de Garotinho afirmou que, em sua gestão, o ex-prefeito Arnaldo Vianna construiu um banheiro por R$ 30 mil em Goitacazes. Nos palanques, o preço do banheiro foi usado como arma contra Vianna. Agora, oito anos depois, o grupo de Garotinho está no poder e gastou R$ 76 mil para demolir um muro na praia do Farol de São Thomé. Ontem, no papo do Boulevard, um grupo debatia sobre o que seria mais absurdo: banheiro ou demolição do muro?

Cinema na crise Em maio as salas de cinema em todo o Brasil tiveram público de 16,6 milhões de espectadores, um crescimento de 31,6% em relação a maio de 2015 (aqui). O faturamento nas bilheterias foi de R$ 241,2 milhões, um aumento de 33,8% comparado ao mesmo mês no ano passado. Assim como ocorreu nos Eua, durante a crise da década de 1920, o cinema se torna uma alternativa para fugir da realidade.

Salão do Imóvel

Está confirmado o II Salão do Imóvel de Campos, de 24 a 26 de junho, no Espaço Sognare, na Avenida 28 de Março. A Caixa Econômica Federal aderiu ao evento em maio, conforme foi noticiado no blog Ponto de Vista (aqui), para fazer nele o seu feirão nacional, o 12º Feirão Caixa da Casa Própria.

Caixa Dois A Procuradoria-Geral da República pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) para investigar o senador Romário (PSB) pela suspeita de receber caixa dois de campanha na eleição de 2014. De acordo com a investigação, a suspeita é que a empreiteira Odebrecht supostamente deu R$ 100 mil ao senador.

Inelegíveis O Tribunal de Contas da União (TCU) divulgou ontem a lista de 6,7 mil responsáveis com contas julgadas irregulares. Com base nas informações, a Justiça Eleitoral poderá barrar a candidatura de quem estiver na lista nas eleições municipais de outubro, porque os eventuais candidatos são considerados inelegíveis. De Campos, quem aparece na lista é o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PEN), que já amarga quase uma década de inelegibilidade.

Publicado na coluna “Ponto final”, na edição de hoje (11) da Folha

Comentar
Compartilhe
"Verão da Família": R$ 76 mil para demolir muro
08/06/2016 | 10h43
[caption id="attachment_41824" align="aligncenter" width="482"]Area-de-Show-no-Farol-RJ-1-640x425 Shows deste ano foram realizados no espaço da Marinha[/caption]

Foi publicado no Diário Oficial desta quarta-feira (08) o contrato firmado em fevereiro deste ano pela Prefeitura de Campos com a empresa Inove Construções.

Pelo contrato, que só foi divulgado agora, a Prefeitura pagou R$ 76 mil pela "obra de demolição de muro e regularização de área para atender ao verão da família - Av. Atlântica, s/n°- Farol de São Thomé - Campos dos Goytacazes/RJ".

Se para derrubar custou R$ 76 mil, imagine o preço para fazer o muro.

Comentar
Compartilhe
"Escolinha do Bolinha" com matrículas abertas
28/06/2016 | 12h34
ponto final

Matrículas Abertas 

A “Escolinha do Bolinha”, que oferece cursos em ano eleitoral e paga uma espécie de “bolsa” aos alunos, já está com matrículas abertas. Os alunos recebem aulas políticas e precisam espalhar a mensagem do governo pelos quatro cantos do município. Em 2012, membros da oposição denunciaram as aulas e algumas listas com nomes de “alunos” vazaram na internet. Será que a Justiça Eleitoral vai permitir que a Escolinha funcione faltando três meses para a eleição?

Vale tudo

Além de encaixar alunos na “Escolinha do Bolinha”, membros do grupo rosáceo tentam aproveitar ao máximo a força da máquina. Tem “listinha do Cheque Cidadão”, “lista do RPA”, sem falar nos comissionados que já estão focados na campanha. Turbinada com a última “venda do futuro”, que injetou R$ 367 milhões nos cofres da Prefeitura, a máquina será o grande trunfo do candidato rosáceo, que será anunciado em julho. Como disse um aliado do governo no corredor da Prefeitura: “Máquina é máquina, tem que respeitar”.

Vai que cola

Na ânsia de encaixar funcionários para trabalhar, um aliado do governo enviou vigias para escolas municipais. O problema é que não havia qualquer tipo de documento informando que os funcionários tinham vínculo com o governo. A ideia era colocar para trabalhar e depois pressionar o líder rosáceo para garantir a contratação. Ciente da operação “Vai que cola”, uma diretora barrou a entrada do vigia e comunicou a manobra ao secretário de Educação.

Prévias

O mistério sobre o nome rosáceo na disputa pela Prefeitura de Campos chegará ao fim no dia 16 de julho. Neste dia serão realizadas as prévias que decidirão quem receberá o apoio da máquina na eleição de outubro. Posteriormente, no dia 30 de julho, será realizada a convenção com o lançamento da chapa.

Notas publicadas na coluna "Ponto Final" desta terça-feira (28). 

Comentar
Compartilhe
Moradores pedem socorro ao Ministério Público
30/06/2016 | 09h37

dores

Em Dores de Macabu, que conta com mais de 10 mil habitantes, os moradores se cansaram de esperar pela Prefeitura de Campos e pelo governo do estado. Eles resolveram pedir socorro ao Ministério Público.

Ontem (29), em matéria exibida pelo RJ Inter TV, membros do movimento “Acorda, Dores” relataram alguns dramas diários que não aparecem na propaganda oficial. A Praça está caindo aos pedaços, não tem médico 24h, não tem segurança, falta de iluminação...

Por meio de nota, a Prefeitura de Campos prometeu fazer uma manutenção na Praça e garantiu que há um cronograma para resolver o problema da iluminação.

Cultura – No último final de semana o vereador Rafael Diniz esteve em Dores de Macabu durante a reinauguração da Sociedade Musical de Dores da Macabu, uma banda centenária que precisou de uma grande mobilização popular para voltar a atuar. “Enquanto patrimônios e artistas locais são abandonados, como foi o caso da banda centenária de Dores, a gastança com shows e eventos já levou mais de R$ 100 milhões durante a atual gestão”, disse Rafael.

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: Working recebe R$ 404 mil
16/06/2016 | 09h37
A empresa Working Empreendimentos e Serviços, responsável pela manutenção em escolas, recebeu mais R$ 404 mil na última terça-feira (14). Em março a Prefeitura reconheceu dívida de R$ 2,5 milhões com a empresa Working. O valor é referente a prestação de serviços entre 10 de julho de 2014 e 09 de janeiro de 2015 (aqui). Em três meses a empresa recebeu R$ 3,5 milhões da Prefeitura.
Comentar
Compartilhe
"Meninas de Guarus": Garotinho divulga nota
09/06/2016 | 12h37

garotinho

O secretário de Governo da Prefeitura de Campos, Anthony Garotinho (PR), divulgou na manhã desta quinta-feira (09) uma nota sobre a operação para cumprir 14 mandados de prisão no caso "Meninas de Guarus" (aqui). Em sua nota, Garotinho diz lamentar o comportamento da Globo News e diz que não fala com o seu irmão, Nelson Nahim, há mais de seis anos.

"Lamento o comportamento da Globo News nesta manhã ao noticiar o caso "Meninas de Guarús", que resultou na prisão de onze pessoas acusadas, entre outros crimes, de pedofilia. Entre os condenados estão policiais militares, empresários e o meu irmão mais velho, Nelson Nahim, que é advogado e político em Campos. A repórter da Globo News, num flash de 3 minutos em rede nacional, fez questão de afirmar cinco vezes que um dos presos condenado a 12 anos é irmão do ex-governador Anthony Garotinho. Isso é anti jornalismo porque ninguém pode ser responsabilizado por esse tipo de comportamento que é atribuído a um membro de sua família. Além disso, lamentavelmente, a política me afastou do meu irmão há mais de 6 anos, nunca mais nos falamos, inclusive na última eleição ao governo do Estado, ele foi candidato a deputado federal na coligação liderada pelo PMDB, e foi um dos coordenadores da campanha de Pezão no município de Campos contra mim. Amar um irmão não significa concordar com suas atitudes nem pessoais nem políticas. Sinceramente a Globo mais uma vez passa dos limites, e mostra sua falta de escrúpulos num momento de dor familiar tentando me associar ao fato, como se eu tivesse alguma responsabilidade pelos atos de meu irmão mais velho. Meu conforto às famílias que foram envolvidas como vítimas nesse episódio, afinal são meninas, e também aos familiares de todos os que foram presos nessa manhã, que obviamente também não têm culpa de nada".

Comentar
Compartilhe
Dornelles adia reforma administrativa para ter a aprovação de Pezão
07/06/2016 | 11h18

dornelles e pezão

O governador em exercício, Francisco Dornelles (PP), adiou o anúncio da reforma administrativa do estado, inicialmente prevista para esta terça-feira (07). Antes, ele quer que os técnicos terminem os cálculos da economia obtida com cada uma das providências a serem tomadas.

As principais medidas estudadas seriam a extinção de dez secretarias e o corte de 30% nos salários — e há quem aposte que a tesoura não ficará restrita aos cargos comissionados, mas atingirá todo o funcionalismo público estadual. Além disso, Dornelles quer apresentar o projeto ao governador licenciado, Luiz Fernando Pezão (PMDB).

Caberá a Pezão bater o martelo sobre quais medidas serão realmente implementadas.

De volta - Amigos de Pezão, que estiveram com o governador recentemente, estão felizes com a sua boa recuperação. O moço já está até planejando participar de uma cerimônia pública. Quer estar na inauguração da fábrica da Jaguar Land Rover, no dia 14, em Itatiaia.

Fonte: Extra, Extra/Berenice Seara 

Comentar
Compartilhe
Chicão: “Mudamos a história de Campos"
22/06/2016 | 11h28
[caption id="attachment_42179" align="aligncenter" width="456"]Foto de Gerson Gomes/Prefeitura Foto de Gerson Gomes/Prefeitura[/caption]

O vice-prefeito Dr. Chicão (PR), apontado na pesquisa Pro4 como o nome preferido dos eleitores rosáceos, foi escalado para entregar, na noite de ontem, a primeira etapa das obras do Programa Bairro Legal, no Jóquei II. A obra faz parte de um pacote de R$ 100,7 milhões, com recursos da "venda do futuro", que deixarão parcelas até 2026.

Durante a inauguração, afirmou que o atual governo mudou história de Campos. “Mudamos a história de Campos, na Saúde, na Educação, no Desenvolvimento Econômico, enfim. Esse investimento no Bairro Legal, por exemplo, também é investimento em Saúde”, apontou Chicão.

Em ritmo de campanha - Ao contrário dos outros prefeitáveis do grupo rosáceo, que por conta da legislação eleitoral já não podem pegar uma carona nas ações da Prefeitura, o Dr. Chicão (PR) tem aproveitado o fato de ser vice-prefeito para rodar os quatro cantos do município. Nos últimos dez dias o pré-candidato entregou cadeiras de rodas, ambulâncias, visitou instituições, atuou em mutirão contra a Dengue e entregou obras. Hoje (22), às 19h, ele inaugura o Centro de Combate à Dengue, no IPS.

Comentar
Compartilhe
As Meninas de Guarus e o Menino de Vila Nova
10/06/2016 | 11h11
Ponto-final

Meninas de Guarus (I)

A polícia prendeu 12 pessoas envolvidas no caso conhecido como “Meninas de Guarus”, que apurou a exploração sexual de crianças e adolescentes em Campos. Entre os presos estão políticos e empresários de Campos. O caso é investigado desde 2009 e, em 7 de junho daquele ano, a Folha da Manhã foi o primeiro veículo de imprensa no país a publicar matéria sobre o assunto. De acordo com a denúncia, os réus mantinham e exploravam sexualmente crianças e adolescentes, entre 8 e 17 anos, numa casa em Guarus.

Meninas de Guarus (II) Os crimes apontados na denúncia são abomináveis e os culpados merecem punições severas, mas é importante destacar que, em sua sentença, a juíza Daniela Barbosa Assumpção, da 3ª Vara Criminal de Campos, aplicou penas diferenciadas. Nomes como Leilson Rocha da Silva, o “Alex”, e os primos Thiago e Fabrício Calil foram condenados a mais de 20 anos de prisão. Entre os crimes estão: formação de quadrilha, cárcere privado, estupro de vulnerável e exploração sexual de crianças e adolescentes.

Meninas de Guarus (III)

Além dos condenados por chefiar um suposto bando, há também um grupo formado por pessoas que seriam clientes ou facilitadores. Para esses, as penas foram entre um e 14 anos de prisão. Ontem, advogados fizeram questão de destacar que muitos envolvidos não participaram dos crimes brutais contra crianças e adolescentes e já entraram com pedidos de habeas corpus. Para quem acompanha o caso desde o início, a torcida é para que a justiça seja feita.

Meninas de Guarus (IV)

O ex-presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim (PMDB), condenado a 12 anos de prisão, foi o único a comentar ontem sobre a operação realizada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) e a Coordenadoria de Segurança e Inteligência do Ministério Público do Rio de Janeiro (MPRJ). Nahim, que é advogado, disse que nos autos da ação ficou comprovado que ele não teve relacionamento com ninguém. “Não vejo porque qualquer tipo de condenação”, disse.

Meninas de Guarus (V)

Quem também se pronunciou sobre o caso foi o secretário municipal de Governo, Anthony Garotinho, que protestou em nota contra a menção de Nahim, em rede nacional, na matéria da Globo News, como seu irmão. Corretamente, o ex-governador ressalvou: “ninguém pode ser responsabilizado por esse tipo de comportamento que é atribuído a um membro de sua família”.

Meninas de Guarus (VI)

Politicamente, Garotinho fez questão de ressaltar seu rompimento com Nahim: “lamentavelmente, a política me afastou do meu irmão há mais de 6 anos, nunca mais nos falamos, inclusive na última eleição ao governo do Estado, ele foi candidato a deputado federal na coligação liderada pelo PMDB, e foi um dos coordenadores da campanha de Pezão no município de Campos contra mim. Amar um irmão não significa concordar com suas atitudes nem pessoais nem políticas”.

Menino de Vila Nova (I)

Na nota, Garotinho só não falou nada sobre Thiago Calil. Talvez porque, embora tenha sido condenado a 25 anos e oito meses de cadeia no caso “Meninas de Guars”, pelos crimes de cárcere privado, formação de quadrilha e exploração sexual de menor no caso “Meninas de Guarus”, a Globo News não tenha noticiado que Calil também já havia sido condenado pela Justiça Eleitoral de Campos. Em 2014, ele foi considerado culpado dos crimes de corrupção passiva e, mais uma vez, de formação de quadrilha.

Menino de Vila Nova (II)

Preso na Operação Cinquentinha, da Polícia Federal de Campos, deflagrada em 13 de abril de 2009, Thiago Calil era então subsecretário adjunto de Governo — pasta cujo titular hoje é Garotinho. Na verdade, Calil teve a honra de ser o segundo nomeado em todo o estafe da prefeita Rosinha Garotinho, logo após ela se eleger a primeira vez. E, coincidentemente, ele seria depois condenado pela compra de voto, ao valor de R$ 50,00 cada, no distrito de Vila Nova, para Rosinha a prefeita e Marcos Alexandre a vereador.

Menino de Vila Nova (III)

Em outra coincidência, Marcos Alexandre foi condenado a 7 anos de cadeia, pelo crime de estupro de vulnerável, no caso “Meninas de Guarus”. Ainda que fisicamente distante do governo municipal nos últimos anos, sobretudo após a divulgação do seu envolvimento na rede de prostituição de menores, Calil foi visto e ouvido aos gritos no antigo Cesec, atual sede da Prefeitura, na terça-feira da semana passada, 31 de maio. Visivelmente contrariado, ele gritava em aparente tom de ameaça: “Se eu for preso, vou contar tudo que eu sei”. Será?

Publicado na coluna “Ponto final”, na edição de hoje (10) da Folha
Comentar
Compartilhe
Afinal de contas, quem faz papel de trouxa?
23/06/2016 | 12h56

oscar-melhor-papel-de-trouxa

Na última terça-feira (21) o vereador Gil Vianna (PSB) usou a tribuna da Câmara de Campos para falar sobre quem vai pagar pelos empréstimos. Na visão de Gil, que apontou para um grupo rosáceo que acompanhava a sessão, a conta ficou “para os trouxas.

Logo após a colocação polêmica do vereador, os rosáceos entraram em ação para viralizar o vídeo com a fala do ex-aliado. Porém, na rede, mesmo nas páginas dos fakes, assessores, RPAs e comissionados, as reações foram bem variadas.

O debate sobre quem interpreta papel de trouxa é bem amplo. Afinal, quem merece o Oscar por fazer papel de trouxa?

Foram os trouxas que elegeram e reelegeram Rosinha? Os trouxas foram os políticos que permitiram o renascimento de Garotinho em 2008, após derrotas em 2004 e 2006? São trouxas os que apoiaram Cabral e Pezão? A oposição é trouxa por se fragmentar e abrir espaço para mais uma vitória rosácea? São trouxas os representantes de importantes segmentos, que ficaram calados enquanto R$ 15 bilhões eram torrados? São trouxas os que atacam Rosinha na planície e defendem Dilma no planalto? São trouxas os que fecham os olhos para os erros de Rosinha e se vestem de verde e amarelo para protestar contra Dilma? É trouxa quem briga por conta de políticos que amanhã estarão juntos e misturados?

Certa vez, ao ser questionado sobre a hipocrisia nossa de cada dia, o escritor Nelson Rodrigues disse que “o ser humano só se salvará se, ao passar a mão no rosto, reconhecer a própria hediondez”. No embalo dessa máxima rodriguiana, acho que a nossa salvação está na capacidade passar a mão no rosto e reconhecer que, em muitas ocasiões, somos trouxas e não conseguimos enxergar o óbvio.

nelson

Comentar
Compartilhe
Diálogo após “pacote de maldades”
04/06/2016 | 10h59
[caption id="attachment_41723" align="aligncenter" width="488"]Foto: Antônio Leudo Foto: Antônio Leudo[/caption]

O governo rosáceo mostra mais uma vez que é especialista na arte de criar dificuldades para vender facilidades. 

No dia 28 de dezembro do ano passado a Câmara de Campos aprovou, por 13 votos a 10, o projeto enviado pelo Gabinete da Prefeita que institui o novo Código Tributário. Pelo projeto, apontado como um “pacote de maldades”, foram revistos impostos, taxas e tributos que atingem todas as camadas sociais. O governo contava com a aprovação para reforçar o caixa em 2016. Segundo o vereador José Carlos (PSDC) a ideia é arrecadar R$ 400 milhões. “Eles esperam conseguir R$ 400 milhões. Para isso, vão meter a faca nos empresários e no povo. Tudo para cobrir um rombo imenso. Comeram o banquete, limparam a boca e agora o povo vai pagar essa conta”.

Votos favoráveis: Abdu Neme (PR), Auxiliadora Freitas (PHS), Altamir Bárbara (PSB), Albertinho (PMB), Álvaro César (PRTB), Mauro Silva (PSDB), Paulo Hirano (PR), Dona Penha (PT do B), Ozéias (PSDB), Thiago Virgílio (PTC), Kellinho (PR), Cecília Ribeiro Gomes (PT do B) e Miguelito (PSL).

Votos contrários: Neném (PTB), Jorge Magal (PSD), Rafael Diniz (PPS), Marcão (PT), Nildo Cardoso (DEM), Genásio (PSC), Gil Vianna (PSB), Fred Machado (PPS), Dayvison Miranda (PSDC) e José Carlos (PSDC).

Não compareceu: Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo.

Após "facada", conversa -  Agora, seis meses depois da aprovação, com a eleição se aproximando, os rosáceos resolveram bater um papo com representantes do comércio e da indústria. Foi publicada no site da Prefeitura uma matéria (aqui) informando que "em atendimento ao pleito de entidades da sociedade civil, representativas do comércio e da indústria de Campos, a Prefeitura apresentou para dirigentes de entidades, proposta de implantação parcial do novo Código Tributário do Município a ser implementado este ano. A proposta foi aceita por unanimidade por todos os dirigentes que, juntamente com as autoridades, assinaram documento que firmou o entendimento, com a chancela da Procuradoria Geral do Município".

Profissionais liberais - O secretário de Desenvolvimento Econômico, Orlando Portugal, destaca que no próximo dia 13, estará em reunião com representações dos profissionais liberais (dentistas, médicos, advogados e outros) "para ouvirmos propostas e, da mesma forma que o governo teve entendimento com os segmentos do comércio e da indústria, também estaremos implementando entendimento com os profissionais liberais". Esta é uma evidência da sensibilidade do atual governo com as causas de todos os segmentos, em busca de soluções com a participação da sociedade", destacou Orlando Portugal.

Clique aqui para ter acesso ao conteúdo completo do ofício assinado.
Comentar
Compartilhe
Lula: "Já estou na idade de me aposentar"
07/06/2016 | 01h18

lula-rio

Em ato no Rio na noite desta segunda-feira, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva sinalizou que não está disposto a disputar as eleições presidenciais de 2018, ressaltando que ainda é cedo para discutir esse assunto. Ele reconheceu ainda que a presidente afastada Dilma Rousseff cometeu “equívocos”, mas disse querer que ela recupere seu mandato justamente para corrigir esses “erros". “Eles estão tentando fazer toda essa desgraceira, me atacando, divulgando meus telefonemas, é medo de eu voltar. Eu queria dizer para vocês que é muito cedo para discutir 2018. Tem muita gente boa, muita gente nova, e eu já estou na idade de me aposentar”, disse ele, em ato contra o governo interino de Michel Temer e em defesa das empresas públicas.

Mesmo sendo investigado pela Operação Lava-Jato, Lula é o nome mais forte do PT para disputar as eleições. As alternativas apontadas no partido são o prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, e o ex-ministro Jaques Wagner. O primeiro precisa ser reeleito e os dois, citados em depoimentos de investigados, precisam sobreviver à Lava-Jato.

Fonte: O Globo

Comentar
Compartilhe
Protesto no Cemitério
21/06/2016 | 10h43
[caption id="attachment_42138" align="aligncenter" width="482"]Facebook/Maer Lobianco Facebook/Maer Lobianco[/caption] [caption id="attachment_42139" align="aligncenter" width="466"]Facebook/Maer Lobianco Facebook/Maer Lobianco[/caption] Enquanto o governo rosáceo separa R$ 1,8 milhão para "campanhas publicitárias" e turbina as empreiteiras, os funcionários do Cemitério do Caju vivem uma situação dramática. Alegando atraso nos salários, um grupo protestou queimando pneus na porta do cemitério. Ou seja, na manhã desta terça-feira (21) o cidadão campista não tem onde cair morto.
Comentar
Compartilhe
Rosinha: "Farra dos shows acontecia no passado"
27/06/2016 | 10h33

rosinha

Segundo a prefeita Rosinha Garotinho, as críticas sobre gastos com shows em seu governo são infundadas. "A farra com shows acontecia no passado. Eram shows superfaturados e, em muitos casos, pagaram por shows que não foram nem realizados. Teve artista contratado que nem sabia onde ficava Campos", disse a prefeita.

Sobre um suposto rombo milionário em seu governo, ela também atacou as gestões passadas. "Rombo foi o que encontramos no Fundecam. Liberavam dinheiro sem critério algum", afirmou.

Durante a gestão de Rosinha, a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCOL) contou com uma receita recorde. Foram mais de R$ 110 milhões.

Comentar
Compartilhe
Câmara ignora debate sobre RPA e aprova "Show do Garotinho"
08/06/2016 | 01h07

silvio1

A Câmara de Campos, que não colocou na pauta o requerimento do vereador Nildo Cardoso (DEM), cobrando informações sobre a "avalanche de RPAs" (aqui), aprovou um convite ao secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) para comentar as obras que estão em andamento. Como já ocorreu em outras ocasiões, o Legislativo vai abrir as portas para o "Show do Garotinho".

O convite foi colocado na pauta pelo vereador Albertinho (PMB), que deixou o bloco "independente" e voltou a ser o "homem bomba de Garotinho".

Durante um longo debate, os rosáceos apontaram o secretário Garotinho como "salvador da pátria", por ter viabilizado três cessões de crédito ("venda do futuro").

A bancada de oposição optou pela abstenção.

Veja mais no blog "Na Curva do Rio" (aqui) e na edição de amanhã da Folha.

Comentar
Compartilhe
Rosinha paga mais de R$ 8 milhões por merenda
06/06/2016 | 10h36
merenda A Prefeitura de Campos pagou na última semana mais de R$ 8 milhões pelo preparo e aquisição de alimentos para a merenda escolar. As empresas Guelli Comércio e Denjud receberam diversas notas que estavam pendentes.

Em novembro do ano passado o blog informou (aqui) que a empresa Guelli Comércio e Indústria de Alimentos LTDA, responsável por boa parte da merenda servida nas escolas municipais não via a a cor do dinheiro há muito tempo. Nos tempos de vacas gordas, a empresa do Rio de Janeiro firmou um contrato de R$ 46 milhões com a Prefeitura para fornecimento de “alimentação escolar nas unidades educacionais, creches e entidades de responsabilidade do Município”.

“Quem comeu a merenda?” – Em outubro do ano passado o vereador Marcão (Rede) usou a tribuna da Câmara para comentar sobre gastos do governo Rosinha, no final de 2014, com merenda escolar. “Em quatro dias, entre 26 e 30 de dezembro do ano passado, logo após o governo conseguir um empréstimo de R$ 300 milhões junto ao Banco do Brasil, foram três decretos para aquisição de merenda escolar. O total ficou em R$ 19 milhões. Quem comeu essa merenda toda? A prefeita chama o marido de Bolinha, mas não acredito que Garotinho possa ter comido essa merenda toda. Ele tá gordinho, mas não comeu isso tudo sozinho. Só para lembrar, nessa época do ano os alunos estavam de férias”, disse Marcão.

Comentar
Compartilhe
Hora da vingança
29/06/2016 | 01h56
[caption id="attachment_42304" align="aligncenter" width="408"]Montagem/ Blog do Esdras Montagem/ Blog do Esdras[/caption]

Em 2014, logo após chegar em terceiro lugar na disputa pelo governo do estado, o líder rosáceo retornou ao município de Campos e teve que desarticular um bloco "independente" que ousava mudar as regras do jogo na disputa pela presidência da Câmara.

Para apagar o "fogo amigo", o líder fez promessas e conseguiu repatriar alguns soldados rebeldes. Com o movimento, sua vontade prevaleceu e Edson Batista (PTB) continuou com a presidência da Casa.

Agora, dois anos depois, é a hora de saborear a doce vingança.

Os aliados rebeldes, apontados por Nicolau Maquiavel como "mercenários", serão detonados na eleição.

Comentar
Compartilhe
TRE-RJ alerta pré-candidatos sobre propaganda em redes sociais
24/06/2016 | 07h53

O coordenador de fiscalização de propaganda eleitoral, juiz Marcello Rubioli, mandou notificar os nove pré-candidatos a prefeito que já se lançaram no município do Rio de Janeiro para que deixem de impulsionar publicações nas redes sociais, por meio de ferramentas pagas. De acordo com a legislação eleitoral, nem mesmo os pré-candidatos podem desembolsar qualquer soma em dinheiro para custear a promoção pessoal ou outros tipos de propaganda até o dia 16 de agosto, data oficial do início da campanha eleitoral.

O Centro de Mídia da Fiscalização do TRE-RJ fará o monitoramento das publicações dos pré-candidatos. Caso eles descumpram a ordem judicial, o coordenador estadual de fiscalização de propaganda, juiz Marcello Rubioli encaminhará as provas ao Ministério Público Eleitoral, para ajuizar ação por propaganda antecipada. Se houver grande volume de publicações pagas, o juiz encaminhará os documentos para que o MPE inicie uma ação por abuso de poder econômico, o que pode resultar na cassação do registro de candidatura.

Fonte: Ascom - TRE/RJ
Comentar
Compartilhe
Campista no topo
05/06/2016 | 11h12
chape_gremio_brunorangel_futura

O campista Bruno Rangel, atacante da Chapecoense, fechou a sexta rodada do Brasileirão no topo da artilharia, com seis gols, empatado com Grafite, do Santa Cruz.

Em 2015 ele fez história ao se tornar o maior artilheiro da história do clube (aqui) e este ano foi artilheiro do campeonato catarinense e fez o gol do título (aqui).

Bruno começou no Goytacaz e também jogou no Americano.

Comentar
Compartilhe
Ex-secretário dispara: "Orçamento de Campos foi arrombado em 2014"
17/06/2016 | 02h24
[caption id="attachment_42023" align="aligncenter" width="500"]josé alves Em maio de 2014, antes da derrota de Garotinho, José Alves esteve na Câmara de Campos e previu avanços para o orçamento de 2015 (aqui)[/caption]

Um atento leitor do blog enviou o link de uma postagem do economista José Alves de Azevedo Neto, ex-secretário do governo Rosinha, sobre o caos financeiro da Prefeitura (aqui).

Ele destaca em seu blog que "se a Prefeitura de Campos hoje enfrenta dificuldades financeiras, todas elas foram construídas pelo marido da prefeita, o senhor Garotinho, quando cometeu desvairadamente suicídio eleitoral em 2014, ao se  candidatar ao governo do Estado do Rio de Janeiro, gerando um dos rombos orçamentários jamais vistos em toda história do município. Evento que se confirmou logo após a campanha eleitoral de governador em 2014, quando a Prefeitura recorreu ao Banco do Brasil, e contraiu o empréstimo de R$ 250 milhões, pagando de juros R$ 54 milhões. Verdadeiro absurdo!"

Ele vai além e diz que "se o orçamento de Campos não fosse arrombado do jeito que foi arrombado, no ano eleitoral de  2014, os efeitos nefastos da crise financeira do petróleo, seriam sentidos de uma forma mais suave. O povo de Campos não passaria pelo sofrimento que está passando nas filas dos hospitais e nós não estaríamos presenciando tanta demagogia e discursos sofistas, com o objetivo de enganar e manipular a população incauta de Campos. O pior, vão entregar a prefeitura em 31 de dezembro de 2016, seja para o candidato da oposição ou o da situação, numa profunda falência financeira.  Que vergonha. Melancólico final!".

Comentar
Compartilhe
Rosinha reúne secretários e recomenda aquisição da Tocha Olímpica
24/06/2016 | 12h28
[caption id="attachment_42225" align="aligncenter" width="546"]Foto: Gerson Gomes/Prefeitura Foto: Gerson Gomes/Prefeitura[/caption]

Em tempos de emergência econômica, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) encontrou um espaço em sua agenda para realizar uma reunião com diversos secretários. A pauta foi a seguinte: "preparativos para a passagem da Tocha Olímpica pela cidade, no dia 31 de julho".

A prefeita recomendou que o secretário de Desenvolvimento Econômico, Orlando Portugal, coordenador do evento em Campos, providencie junto ao Comitê Central da Rio 2016, a aquisição de uma Tocha Olímpica para ser inserida no acervo do Museu Histórico de Campos. "A Prefeita orientou que providenciemos a aquisição de um exemplar oficial junto ao Comitê Central, para que o evento, que é histórico, fique eternizado para conhecimento e memória para as gerações futuras", justificou Orlando Portugal.

A tocha vai entrar nos anais da história.

[caption id="attachment_42227" align="aligncenter" width="328"]Montagem Montagem[/caption]
Comentar
Compartilhe
Deputada pede interferência de Michel Temer para manter 56º BI
07/06/2016 | 05h01
doc

Após ofício enviado pelo deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB), a deputada federal Laura Carneiro (PMDB-RJ) fez um encaminhamento ao presidente em exercício Michel Temer (PMDB). No documento, ela explica que o 56° Batalhão de Infantaria do Exército, em Campos, será desativado a partir do dia 31 de dezembro e faz um apelo pela permanência. O documento também foi encaminhado ao ministro da Defesa, Raul Jungman.

A portaria que trata sobre a desativação foi divulgada no boletim do exército do último dia 27.

Em novembro do ano passado o 56º BI já havia divulgado nota informando que o local poderia ser desativado como parte dos cortes previstos pelo governo federal.

Comentar
Compartilhe