Cofre aberto: empreiteiros recebem mais R$ 4 milhões
01/10/2015 | 12h40
O Portal da Transparência referente traz uma série de pagamentos que foram efetuados na última segunda-feira (28) pela Prefeitura de Campos. No "pacote", as empreiteiras receberam valores bem semelhantes. A soma dos pagamentos supera os R$ 4 milhões. MACRO CONSTRUTORA E PARTICIPAÇÕES LTDA R$ 104.536.15 R$ 132.166.31 R$ 222.746.43 R$ 259.598.65 CONSTRUSAN SERVIÇOS INDUSTRIAIS LTDA R$ 700.000.00 IMBEG - IMBE ENGENHARIA LTDA R$ 700.000.00 HIDROLUMEN CONSTRUTORA LTDA R$ 252.763,40 COFRANZA CONSTRUTORA LTDA R$ 447.236,60 R$ 700.000.00 CONSTRUTORA AVENIDA R$ 700.000.00 R$ 3,2 milhões em agosto - No mês de agosto, a prefeita abriu o cofre e pagou R$ 3,2 milhões aos empreiteiros. Por coincidência, os valores foram iguais. Cofranza, Macro e Construsan estavam na lista. (aqui). No final de agosto, mais de R$ 5 milhões - No final de setembro, enquanto as mães cobravam o leite especial para os seus filhos, empresários receberam mais de R$ 5 milhões (aqui). Home Care -  Enquanto isso, na mesma cidade, um impasse entre a empresa “Nutrindo – Nutrição e Internação Domiciliar”, Prefeitura de Campos, Justiça e Ministério Público Estadual coloca em risco o atendimento home care a 52 pacientes (grande parte deles, idosos e crianças) (aqui). * O blog do advogado Cláudio Andrade publicou nota sobre os pagamentos da última segunda-feira. Atualização às 10h50 para inclusão de informações. 
Comentar
Compartilhe
Garotinho pede cassação de Pudim por infidelidade partidária
16/10/2015 | 12h44
[caption id="attachment_36562" align="alignnone" width="602"]tre Clique para ampliar[/caption]

O Partido da República (PR), presidido no estado do Rio pelo ex-governador Anthony Garotinho, já iniciou a batalha jurídica pelo mandato do deputado estadual Geraldo Pudim, que se filiou ao PMDB.

Em uma busca no site do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) já é possível descobrir que o PR protocolou uma ação de perda de cargo eletivo por desfiliação. De acordo com o partido, a desfiliação de Pudim teria ocorrido sem justa causa. A ação solicita a cassação do mandado de Pudim e pedido de posse do suplente.

O relator é o desembargador Marco José Mattos Couto.

Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz: "Quebraram a cidade e ainda querem fazer teatro"
22/10/2015 | 02h10

rafael

A atitude da prefeita Rosinha Garotinho (PR), que atropelou a junta interventora da Santa Casa, foi criticada pelo vereador Rafael Diniz (PPS). Para o parlamentar, trata-se de um grande "teatro cor de rosa". "Este governo não teve competência para administrar a cidade, deixando postos sucateados, pacientes sem medicamentos, crianças sem leite especial e uma obra como a do Hospital da Baixada, que não sai do papel. Mesmo assim, ainda querem fazer intervenção para administrar a Santa Casa? Já pegaram empréstimo em 2014, pagando R$ 50 milhões de juros, estão vendendo o futuro, não explicaram um rombo de R$ 110 milhões, e aparecem falando em administração e gestão? A junta interventora da Santa Casa estava fazendo um trabalho de reconstrução e sofria com os atrasos nos repasses. É bom lembrar que, enquanto esses atrasos ocorriam, o governo estava construindo sua 'Disney', orçada em R$ 17 milhões e gastando mais alguns milhões com passagens aéreas e aluguel de veículos", disparou Diniz.

* Mais sobre a polêmica na edição desta quinta-feira (22) da Folha  

Comentar
Compartilhe
Uma "Disney" para chamar de sua
12/10/2015 | 02h06
[caption id="attachment_36478" align="aligncenter" width="582"]Facebook/Áquila Dias Facebook/Áquila Dias[/caption] parque

A Cidade da Criança recebeu nesta segunda-feira (12) alunos da rede municipal para uma espécie de pré-inauguração. De acordo com a prefeita Rosinha Garotinho (PR), o espaço, que ganhou o nome de Zilda Arns, será aberto ao público em novembro. A obra, orçada inicialmente em R$ 10,5 milhões, contou com uma complementação de mais R$ 6,2 milhões, ficando por R$ 16,7 milhões. Agora, além de um sambódromo para chamar de seu, o campista tem uma "Disney" para chamar de sua.

Assim como ocorre na Disney oficial, a versão goitacá apresentou seus príncipes, princesas e tem um castelo medieval. O espaço conta, ainda, um mini-shopping, Prefeitura mirim, brinquedos, arvorismo, duas geodésicas, onde acontecerão aulas de matemática, química e física, uma fonte interativa e praça de alimentação. No prédio principal, tombado pelo Conselho de Preservação do Patrimônio Arquitetônico Municipal (Coppam), funcionará a administração do primeiro parque temático da região e, no pavimento superior, será um café. Se neste feriado foi tudo gratuito para os alunos da rede e filhos de amigos e secretários, é bom avisar aos pais para preparar os bolsos quando o parque for inaugurado oficialmente. Em breve a Codemca, responsável pela administração, irá revelar o valor do ingresso para quem quiser frequentar a "Disney" goitacá.

O desfile oficial foi acompanhado pela Banda de Fanfarra da Escola Municipal Lions I, que percorreu o espaço. Durante a posse do prefeito mirim, a prefeita Rosinha lembrou que, na década de 30, o espaço foi uma escola ao ar livre e, na década de 40, um parque infantil.  “Antes de iniciarmos a obra, este espaço estava abandonado. Estava virando uma ‘cracolândia’. Hoje, toda esta área foi valorizada e estamos resgatando a educação neste local, que terá atividades de Química, Física e Matemática, além de aula de teatro”, adiantou a prefeita.

A Folha publicou matéria sobre a inauguração: aqui

Comentar
Compartilhe
Comédia pastelão
22/10/2015 | 04h16

meme 2

Quando o cidadão campista pensa que já viu de tudo, a trupe rosácea mostra que é possível apresentar uma nova comédia pastelão. No melhor estilo Lady Kate, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) apareceu na Santa Casa, disse "tô pagandoooo", e bancou uma intervenção sobre outra intervenção na última terça-feira (20).

Dois dias depois ela tem que engolir uma decisão judicial que, além de encerrar o teatro, ainda fala em "roteiro venezuelano", "bizarra Cidade de Criança de R$ 17 milhões" e "subutilizado Centro de Eventos Populares (Cepop) de R$ 80 milhões". Veja os trechos da decisão no blog "Opiniões", do jornalista Aluysio Abreu Barbosa: aqui.

Cá entre nós, a nossa excelentíssima prefeita poderia ter ido dormir sem essa...

Mas nada é tão ruim que não possa piorar... Já pensou se alguém sugere uma greve de fome ou um novo acampamento?

Comentar
Compartilhe
Diabéticos novamente sem insulina
29/10/2015 | 12h13

No início deste mês o blog informou (aqui) que pacientes que dependem da insulina Lantus entraram em contato com o blog para informar que a dificuldade para obter o medicamento era grande. “Infelizmente, muitos diabéticos estão sofrendo. Nossa saída vai ser o Ministério Público”, explicou um paciente que enviou mensagem ao blog.

Na ocasião, horas depois, a Prefeitura disponibilizou a insulina.

Porém, o drama continua. Assim como estava ocorrendo com o leite especial, não há uma constância na distribuição, nem informações sobre quando vai chegar...

Comentar
Compartilhe
Garotinho anuncia aliança com Crivella
02/10/2015 | 03h19

juntos e misturados

O ex-governador Anthony Garotinho (PR) e o senador Marcelo Crivella (PRB) decidiram unir forças para enfrentar o PMDB nas eleições municipais do ano que vem. O acordo que vem sendo costurado entre os dois partidos envolve, até o momento, a capital e outros 50 municípios. “A ideia é nos unirmos em todas as cidades. Faremos oposição forte ao PMDB no estado”, diz Garotinho.

No Rio, Crivella será o candidato a prefeito, e Aluísio Gama, recém-filiado ao PR, seu vice. O anúncio oficial deve ser feito no fim deste mês.

Fonte: Informe do Dia/Fernando Molica 

Campos - Em Campos, o PRB lançou o vereador Alexandre Tadeu como pré-candidato à Prefeitura. Noa bastidores, cogita-se a possibilidade do vereador ser vice na chapa encabeçada pelo PR. Porém, pelo menos por enquanto, a turma do Tô Contigo não quer papo com os rosáceos.

Comentar
Compartilhe
No HGG, funcionários levam "kit ventilador"
27/10/2015 | 12h53
[caption id="attachment_36762" align="aligncenter" width="392"]Imagem meramente ilustrativa Imagem meramente ilustrativa[/caption]

Se no seminário rosáceo, realizado no Trianon, o clima foi aconchegante, com ar condicionado gelando, o mesmo não pode ser dito em relação ao Hospital Geral de Guarus (HGG).

Em seu blog (aqui), o jornalista Fernando Leite publicou o desabafo de um funcionário do HGG. "No HGG funcionários estão levando ventiladores para poder trabalha. Até na direção o ar está quebrado.Tá tudo quebrado e não há previsão de consertar. Diz que não tem dinheiro".

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: aluguel de tendas, buffet, combustível e Edafo com aditivo
19/10/2015 | 11h39

prefeitura

A edição desta segunda-feira (19) do Diário Oficial mostra que, mesmo em tempos de crise, a Prefeitura abriu o cofre para alugar tendas (R$ 158 mil), previu gastos de R$ 7,8 milhões com combustíveis, pagou por buffet (mais uma vez Robson Buffet) e revelou mais um aditivo para a empresa Edafo (R$ 187 mil), que emprestou um galpão para guardar material de campanha do PR na eleição do ano passado.

Veja mais sobre os gastos com combustíveis (aqui), aditivo para a Edafo (aqui), buffet (aqui) e aluguel de tendas (aqui).

Nova Rio com R$ 23 milhões para “serviços de limpeza” – Também foi publicado nesta segunda-feira, por omissão, um aditivo de janeiro deste ano que previu R$ 23 milhões para serviços de limpeza.
 
Comentar
Compartilhe
Lula presta depoimento ao Ministério Público do DF
15/10/2015 | 03h20

lula

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu depoimento ao Ministério Público do DF nesta quinta-feira (15) em inquérito que apura suposto tráfico de influência. Segundo o Instituto Lula, ele prestou o depoimento voluntariamente.

O alvo das investigações são viagens internacionais feitas por Lula que teriam sido bancadas pela Odebrecht. Entre os países visitados pelo ex-presidente com patrocínio da maior construtora brasileira estão Cuba, República Dominicana, Gana e Angola.

Após uma apuração preliminar, motivada por uma representação protocolada no Ministério Público Federal (MPF) que apontava suspostas irregularidades cometidas pelo ex-presidente, os procuradores da República disseram ter identificado indícios suficientes para investigá-lo. Ainda de acordo com o instituto, Lula respondeu as perguntas e argumentou que os presidentes e ex-presidentes do mundo inteiro defendem as empresas de seus países no exterior.

A assessoria do ex-presidente disse também que ele afirmou “jamais ter interferido” em qualquer contrato celebrado entre o BNDES e empresas privadas.

Fonte: G1

   
Comentar
Compartilhe
Em tempos de crise, Prefeitura aluga tendas por R$ 158 mil
19/10/2015 | 02h05

tendas

A Prefeitura de Campos, em tempos de vacas magras, pagou mais caro pelo aluguel de tendas. Em fevereiro deste ano, a empresa Working Empreendimentos e Serviços recebeu R$ 225 mil pelo aluguel de tendas durante três meses, o que dava R$ 75 mil/mês (aqui). O

Agora, oito meses depois, o aluguel ficou bem mais caro. A empresa R V R Empreendimentos e Serviços recebeu R$ 158 mil pelo aluguel de tendas por apenas um mês. O contrato foi firmado com a Companhia de Desenvolvimento do Município de Campos (Codemca).

Pela publicação no Diário Oficial não é possível saber quantas tendas foram alugadas, nem o motivo da locação.

Comentar
Compartilhe
Santa Casa: Prefeitura repassou mais R$ 2 milhões
20/10/2015 | 12h32

Em sua edição desta terça-feira (20) a Folha da Manhã mostrou em sua capa o drama de uma paciente que morreu após ficar no corredor do HGG, quando deveria estar monitorada, em repouso absoluto.

A Folha também informa (aqui) que, enquanto mortes são registradas, a Santa Casa tem 82 pacientes internados pelo SUS, mas poderia atender ao dobro, se recebesse em dia o que o governo federal repassa ao municipal.

Pois bem. Na última semana, além do repasse de R$ 1 milhão, feito na quarta-feira (14), a Santa Casa também recebeu R$ 2 milhões, que foram repassados na quinta-feira (15) pela Prefeitura, que notificou a unidade para novas internações, mas uma fonte ligada à Junta Interventora da Santa Casa alega que há R$ 7,5 milhões a serem pagos pela Prefeitura, o que impossibilitaria o cumprimento da decisão.

Comentar
Compartilhe
Guarda estaciona em local irregular para fazer compra
22/10/2015 | 07h09
guarda

Acabou a moleza para os espertinhos. Com as redes sociais, os cidadãos marcam em cima e mostram que é possível fiscalizar até os fiscais.

Nesta quinta-feira, o Rodrigo Xexéu recebeu um vídeo que mostra a indignação de um cidadão diante de um guarda municipal que estacionou em local proibido, com o apoio de um colega, para fazer compras.

Sem perder tempo, o cidadão questionou o guarda que estava estacionado esperando o colega e foi até o interior da loja falar diretamente com o guarda, que estava digitando a senha para efetuar a compra em uma loja de tintas. Veja o vídeo no Facebook: aqui 

Comentar
Compartilhe
Em Campos, PRB avisa ao PR: "não tô contigo"
03/10/2015 | 02h35
Foi anunciada esta semana uma aliança entre o senador Marcelo Crivella (PRB) e o ex-governador Anthony Garotinho (PR). O acordo (aqui) que vem sendo costurado entre os dois partidos envolve, até o momento, a capital e outros 50 municípios. “A ideia é nos unirmos em todas as cidades. Faremos oposição forte ao PMDB no estado”, diz Garotinho. Porém, em Campos, o PRB não quer saber de papo com o PR. Em mensagem enviada ao blog, o presidente do PRB em Campos, Carlos Henrique, avisa: "Aliança no Estado é uma coisa, em Campos  é outra. Até o presente momento não temos aliança com ninguém Estamos em primeiro lugar nas intenções de voto (Alexandre Tadeu, o Tô Contigo) e manteremos nosso posicionamento". A ideia do PR é oferecer a vaga de vice ao vereador Alexandre Tadeu (PRB). Porém, o partido não cogita essa possibilidade. "Mas é bom frisar que ele (Tô Contigo) só entra para ser cabeça de chapa, não vai ser vice de ninguém”, disse Carlos Henrique (aqui).
Comentar
Compartilhe
Bispos da Igreja Universal ficam inelegíveis por oito anos
08/10/2015 | 07h47

O TRE-RJ tornou inelegíveis por oito anos, ontem (7), os bispos da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD) Daniel Francisco dos Santos e Aparecido dos Reis Junior por abuso de poder econômico. Em 3 de outubro, a dois dias do primeiro turno das Eleições 2014, eles utilizaram a estrutura de templos da IURD em Del Castilho e Nova Iguaçu para promover a campanha de Marcelo Crivella (PRB) ao governo e de candidatos do partido dele a deputado federal e estadual. Os bispos Daniel Santos e Junior Reis podem recorrer da condenação ao Tribunal Superior Eleitoral, em Brasília.

Ajuizada pelo Ministério Público Eleitoral, a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) trazia gravações em vídeo das pregações nos templos religiosos, consideradas "verdadeiras campanhas políticas" pelo relator do processo, desembargador eleitoral Marco Couto. O magistrado ainda lembrou que a legislação proíbe que candidatos recebam recursos financeiros ou estimáveis em dinheiro de entidades religiosas. "A utilização da estrutura e do poderio econômico da IURD ostenta gravidade suficiente para configurar o abuso de poder econômico ", disse.

Processo relacionado: AIJE 800671

Fonte: TRE-RJ

Comentar
Compartilhe
Hora da vingança
13/10/2015 | 11h02
meme

Quem acompanha os bastidores já começou a notar que o líder do grupo rosáceo prepara uma vingança caprichada contra os aliados que flertaram com a oposição e posaram como "independentes". Os que voltaram ao grupo já começaram a ser minados e terão pela frente uma dura batalha em 2016.

A ideia é fortalecer candidaturas em áreas que esses políticos são fortes e evitar que sejam reeleitos.

Além disso, membros dos mais variados escalões, que teriam feito "corpo mole" na eleição de 2014, também  estão com os dias contados.

Comentar
Compartilhe
Schulz fecha as portas em Campos
20/10/2015 | 02h00

empresa

O economista Ranulfo Vidigal informa no Facebook que após oito anos de operação em Campos, a Schulz fechou as portas. "Em plena crise social que norte fluminense enfrenta isso representa menos 1.200 vagas formais de empregos de qualidade", comentou Vidigal.

Em 2006, após a parceria das empresas alemãs Schulz, EEW GmbH e Heinz Gothe com o governo do estado, foi iniciada a construção da fábrica de tubos com costura em ligas resistentes à corrosão (aço inoxidável e cobre-níquel) para os setores de petróleo, gás natural, naval, petroquímico e siderúrgico. Na ocasião, a então governadora Rosinha Garotinho lançou a pedra fundamental do empreendimento. Na época, a Schulz também contou com recursos do Fundecam.

Em 2012 a prefeita Rosinha entregou ao diretor presidente da Schulz America Latina, Marcelo Bueno, o cheque simbólico da devolução dos juros por cumprimento integral do contrato de empréstimo feito pelo Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam). Foram devolvidos R$ 3,047 milhões de juros cobrados a 0,5% ao mês e 6% ao ano, referente a dois contratos firmados em governos anteriores, totalizando R$ 22,6 milhões.

Comentar
Compartilhe
Tucanos vão sair do ninho rosáceo?
28/10/2015 | 10h22
Tucano13

O vereador Mauro Silva (PT do B), líder do governo na Câmara de Campos, já tirou foto ao lado do senador Aécio Neves (PSDB) (aqui) e está de malas prontas para o PSDB. Porém, nos bastidores, já há quem diga que os tucanos podem voar para outras bandas.

É bom lembrar que, na eleição de 2014, o cacique do PMDB, Jorge Picciani, montou o Aezão no Rio de Janeiro, colocando aliados do governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) ao lado de Aécio, que disputou a presidência da República. Além disso, o filho do governador Sérgio Cabral, o deputado federal Marco Antônio Cabral (PMDB), é parente de Aécio por parte de mãe. No Rio, os tucanos garantem que o plano em Campos é cumprir o que foi determinado pela nacional: ter candidatura própria e fortalecer o partido visando as eleições de 2018.

É bom lembrar que as últimas performances do partido em Campos foram sofríveis. Em 2008 o deputado Paulo Feijó, com uma candidatura auxiliar aos rosáceos, obteve apenas 3.686 votos na disputa pela Prefeitura de Campos. Além disso, o partido não elegeu vereadores nas duas últimas eleições (2008 e 2012).

Comentar
Compartilhe
Após encontrar estruturas precárias em hospitais de Campos, MPF cobra laudos
23/10/2015 | 06h49

mpf

O Ministério Público Federal (MPF) em Campos solicitou ao Corpo de Bombeiros os laudos de vistoria de 23 Unidades Básicas de Saúde (UBS) do município, além da Santa Casa de Misericórdia de Campos, o Hospital Ferreira Machado e Hospital Plantadores de Cana. Nas duas primeiras unidades o MPF verificou estruturas precárias como corredores com instalações elétricas inadequadas e infiltrações em setores, como o de emergência no Hospital Ferreira Machado.

Em todas as unidades, os extintores de incêndio se encontravam com data vencida em setembro ou outubro de 2013, com exceção das unidades de Penambuca, Alvorada e Plantadores de Cana, nas quais não foram encontrados extintores de incêndio.

O 5° Grupamento de Bombeiros Militares (GBM) terá um prazo de 10 dias úteis a partir do recebimento do ofício para atendimento à requisição. O 5° GBM deverá informar se houve solicitação de vistoria por parte do município, e caso tenha havido e não tenha sido realizada, deverá ser informado os motivos para o não atendimento. Os Bombeiros devem informar também se há Plano de Segurança para as unidades visitadas e providenciar a adoção das providências cabíveis, comunicando-as ao MPF.

O MPF solicitou os laudos de vistoria das seguintes unidades: Unidade Pré-Hospitalar de Travessão; Hospital São José; Hospital Geral de Guarus; Unidade Pré-Hospitalar de Ururaí; Hospital Ferreira Machado; Unidade Pré-Hospitalar de Santo Eduardo; Hospital Santa Casa de Misericórdia de Campos; Hospital Escola Álvaro Alvim; Hospital Plantadores de Cana; UBS de Pernambuca; UBS Lagoa de Cima; UBS Conceição do Imbé; UBS Sentinela do Imbé; UBS Mussurepe; UBS São Sebastião; UBS Quilombo; UBS Murundu; UBS Morro de Coco; UBS Terra Prometida; UBS Alvorada; UBS Carvão; UBS Mata da Cruz; UBS Cambaíba.

Fonte: Ascom/MPF

 
Comentar
Compartilhe
Prefeitura garante: "venda do futuro" será concluída este mês
02/10/2015 | 03h13
A Prefeitura de Campos informou em seu site (aqui) que, ainda no mês de outubro, irá finalizar a operação de cessão de crédito, conhecida como a "venda do futuro". A ideia é acalmar os  parceiros comerciais, entidades conveniadas e demais instituições que mantêm alguma vinculação econômica com o Poder Público. Confira:
comunicado
Recentemente, o líder rosáceo informou que a operação deveria ser finalizada até a primeira quinzena de outubro: aqui 
Comentar
Compartilhe
Lula diz que Dilma fez 'pedaladas' para pagar Bolsa Família e casas
13/10/2015 | 03h25
[caption id="attachment_36498" align="aligncenter" width="504"]Lula no Congresso do Movimento dos Pequenos Agricultores - Ricardo Stuckert/Insituto Lula Lula no Congresso do Movimento dos Pequenos Agricultores - Ricardo Stuckert/Insituto Lula[/caption]

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva disse nesta terça-feira que as “pedaladas fiscais” nas contas públicas cometidas pela presidente Dilma Rousseff em 2014 foram para garantir a continuidade de programas sociais. Lula fez a declaração durante um discurso para pequenos agricultores em São Bernardo do Campo, no ABC paulista.

— Estou vendo a Dilma ser atacada por conta de umas pedaladas. Eu não conheço o processo, mas uma coisa, Patrus, que vocês têm que falar é que talvez a Dilma, em algum momento, tenha deixado de repassar o orçamento para a Caixa (Econômica Federal), porque não tinha dinheiro. E quais eram as coisas que a Dilma tinha que pagar? Ela fez as pedaladas para pagar o Bolsa Família. Ela fez as pedaladas para pagar o Minha Casa, Minha Vida — afirmou Lula, dirigindo-se ao ministro do Desenvolvimento Agrário, Patrus Ananias.

Fonte: O Globo 

Comentar
Compartilhe
Como a família Picciani conseguiu emplacar dois ministérios para o PMDB
13/10/2015 | 10h26

picciani

Quando o tabuleiro do poder estremece, peças tombam, embaralham-se e se sobrepõem umas às outras. Nesses momentos, mes­mo peões, desde que estrategicamente posicionados, podem ganhar relevância. Os Picciani sabem disso melhor que ninguém. O notório clã da política do Rio de Janeiro hoje tem como seu representante mais visível o deputado Leonardo Picciani, o atual líder do PMDB na Câmara. Mas o grande articulador da ascensão familiar é seu pai, o deputado estadual e pecuarista Jorge Sayed Picciani. Presidente do PMDB fluminense, ele é considerado há duas décadas um dos mais sagazes caciques políticos do estado. Agora, quer que também o resto do país conheça seus predicados.

Picciani pai fez carreira construindo alianças improváveis e arregimentando fundos para campanhas milionárias, tanto as suas como as de colegas que lhe são eternamente gratos. Foi decisivo na eleição de um sem-fim de vereadores e deputados, além de ter dado sua fundamental contribuição aos governadores Sérgio Cabral Filho e Luiz Fernando Pezão. Nos últimos meses, mudou de patamar. Hábil nas costuras de bastidores, ganhou importância no cenário nacional ao se revelar um dos fiadores do mandato de Dilma Rousseff no Congresso.

O pragmatismo é a marca de Picciani. Herdou a característica, além de Leonardo, de 35 anos, o caçula Rafael, que, aos 29 anos, já é deputado estadual em segundo mandato, atualmente licenciado para tocar a poderosa Secretaria Municipal de Transportes. Um exemplo do estilo de atuação do patriarca se deu em 2014, quando ele amarrou o apoio de uma ala do PMDB à candidatura do tucano Aécio Neves, fato que resultou numa improvável aliança conhecida como Aezão (Aécio + Pezão, então candidato). Seu partido fincava assim os pés em duas canoas, já que, oficialmente, continuou fechado com a candidata Dilma. Vitoriosa, ela passou os oito primeiros meses de mandato mantendo distância dos Picciani - então unha e carne com o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, inimigo jurado do Planalto.

A situação mudou em 13 de agosto, em um café da manhã que juntou Jorge e Leonardo Picciani com Dilma. O encontro foi organizado por Pezão e pelo prefeito Eduardo Paes. Na ocasião, já de olho na barca governista, Picciani pai insistiu na importância de construir uma "coalizão de fato" na base de apoio à presidente e fez a análise do momento com uma metáfora bem a seu modo. "É como tirar o burro do atoleiro. É difícil, tem lama, mas é preciso avançar", comparou, arrancando risadas da interlocutora. Dias depois, Leonardo Picciani desligou-se da ala Cunha e bandeou-se para o lado do PMDB pró-governo, com a árdua tarefa de garantir quórum para o governo nas votações decisivas - no que até agora fracassou redondamente. Da sua parte, porém, o clã já está no lucro: um mês depois do café com Dilma, emplacou os ministérios da Ciência e Tecnologia e da Saúde.

Fonte: Veja 

Comentar
Compartilhe
Auxiliadora: "Cidade da Criança é para quem não pode visitar a Disney"
06/10/2015 | 06h36

Auxiliadora-nova

cidade-da-criança

A vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) apresentou uma moção de aplausos durante a sessão desta terça-feira para a "Cidade da Criança" que, após mais de três anos de espera, será apresentada na próxima segunda-feira (12) a alunos da rede municipal. "É uma obra incrível. Trata-se do primeiro parque temático do nosso estado. Em outros estados existem excelentes parques como o Beto Carrero World", disse Auxiliadora, que se empolgou: "As crianças que vão frequentar este parque são aquelas que não podem passear na Disney. Esse é o parque para quem não vai à Disney", comentou.

O vereadores da oposição criticaram a moção de aplausos. "Só poder ser brincadeira. Parece até piada! O hospital São José, que ainda não ficou pronto, estava orçado em R$ 6 milhões. Já no caso dessa Cidade da Criança, só o aditivo ficou na casa dos R$ 7 milhões. Sem falar nos R$ 10 milhões iniciais para a obra. Temos tanta gente sofrendo nessa cidade... Chega a ser um deboche", disparou o vereador Nildo Cardoso (PSD).

Para Rafael Diniz (PPS), as crianças merecem muito mais do que um parque temático. "Quem entende as prioridades deste governo? Gasta R$ 17 milhões em um parque e continua com uma Educação precária, com uma Saúde na UTI. Até o leite especial estava faltando para as crianças da nossa cidade. Nada contra a diversão, mas por aqui está faltando o básico", disparou.

Na visão do vereador Fred Machado (PPS), trata-se de uma grande incoerência. "Temos praças quebradas em várias partes da cidade. O vereador Ozéias teve que tirar dinheiro do próprio bolso para viabilizar o conserto de uma quadra de esportes. E nesta mesma cidade, o governo se gaba por construir um parque temático de R$ 17 milhões. É um absurdo", disse.

Ao defender o governo, o vereador Mauro Silva (PT do B) disse que a oposição "critica tudo". "Se faz uma obra, eles criticam. Se não faz, também criticam. É puro palanque eleitoral", disse Mauro. Saiba mais sobre a nossa "Disney": aqui, aqui, aqui e aqui
Comentar
Compartilhe
Auxiliadora: "Não tenho chefe, meu líder nunca me deu ordem"
29/10/2015 | 02h10

auxiliadora

Durante a sessão de ontem (28) da Câmara de Campos, após o vereador Rafael Diniz (PPS) afirmar que alguns vereadores seguem orientações de um chefe, a vereadora Auxiliadora Freitas (PHS) ficou revoltada. "Essa declaração foi de uma prepotência imensa. Não tenho chefe, tenho uma liderança que fez muito por Campos, pelo estado e pelo país. Esse líder nunca me deu uma ordem, nunca mandou fazer isso ou aquilo. Meu voto é de acordo com a minha consciência", desabafou.

Comentar
Compartilhe
Vereador rosáceo banca reforma de quadra esportiva
07/10/2015 | 01h21
[caption id="attachment_36410" align="aligncenter" width="563"]Vereador (de vermelho) esteve na quadra com uma equipe e bancou a reforma - Facebook/Gerson Porto Vereador (de vermelho) esteve na quadra com uma equipe e bancou a reforma - Facebook/Gerson Porto[/caption]

Enquanto a prefeita Rosinha Garotinho (PR) se prepara para inaugurar a "Cidade da Criança", que custou mais de R$ 17 milhões e, segundo a vereadora Auxiliadora Freitas (PHS), é um espaço para quem não pode ir à Disney, muitas quadras esportivas e parques do município estão caindo aos pedaços. Em muitos locais, os "Mickeys Mouses" são bem reais e passam correndo entre lixo e entulhos.

Para se ter ideia de como a situação é grave, o vereador Ozéias (PTC), da bancada governista, resolveu bancar a reforma de uma quadra no distrito de Travessão. O aliado do governo levou uma equipe que colocou a mão na massa para tornar o espaço adequado para a prática de esportes.

Comentar
Compartilhe
"Pixuleco" rouba a cena na Alerj
08/10/2015 | 04h21

pixuleco

O gigante "Pixuleco" roubou a cena em protesto do Movimento Brasil Livre na Assembleia do Rio, na manhã desta quinta-feira (08). O boneco inflável, que já ficou famoso, mostra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva como presidiário com os números 13 e 171, uma referência ao PT e ao crime de estelionato, respectivamente.

O nome tem como base a operação Pixuleco, uma nova fase da Lava-Jato, que apura um esquema de lavagem de dinheiro. O termo era usado como "apelido" da propina que circulava entre os envolvidos.

Cabral na mira - Sem saber o que é um protesto desde que deixou o governo em abril de 2014, o ex-governador Sergio Cabral voltará a sentir o gostinho no próximo domingo, a partir das 11h. É que o Movimento Brasil Livre promete levar o boneco Pixuleco para a porta da sua casa no Leblon.

Fonte: Extra, Extra/Berenice Seara 

Comentar
Compartilhe
Pesquisa animou Henriques
19/10/2015 | 01h59
henriques O ex-deputado Roberto Henriques (PSD) ficou animado com o resultado da pesquisa do Instituto Informa, divulgada no último domingo (aqui). Na espontânea, ele aparece com 1,5%, atrás apenas de Arnaldo e do casal Garotinho, que não pode disputar a eleição. Na estimulada, o nome dele não foi colocado, já que não vinha sendo cogitado como pré-candidato. Animado com a pesquisa, que também o coloca como quarto melhor prefeito de Campos dos últimos tempos, Henriques deve se colocar no páreo como pré-candidato à Prefeitura. Em 2014, ele obteve 18 mil votos e não conseguiu se reeleger, ficando como suplente do PSD. Com a entrada de Henriques, já são 20 nomes de olho na Prefeitura. Grupo governista – O nomes mais cotados são: o vereador Mauro Silva (PT do B) e o vice-prefeito Chicão Oliveira (PP). Ambos devem trocar de partido. Mauro está de malas prontas para o PSDB e Chicão caminha para o PR.  Também são cogitados: Edson Batista (PTB), Auxiliadora Freitas (PHS), Suledil Bernardino (PR), Thiago Ferrugem (PR) e Fábio Ribeiro (PR). Oposição – No momento, o grupo conta com as seguintes pré-candidaturas: o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT), o vereador Rafael Diniz (PPS), os deputados estaduais João Peixoto (PSDC),  Geraldo Pudim (PMDB) e Papinha (PP), o vereador Nildo Cardoso (PSD), o ex-deputado Roberto Henriques (PSD), Clodomir Crespo (Rede) e Luciano Freitas (PMB). Os ex-vereadores Rogério Matoso e Marcos Bacellar também podem entrar na briga. “Independentes” – No bloco “independente”, os vereadores Gil Vianna (PSB) e Alexandre Tadeu (PRB) são pré-candidatos à Prefeitura.
Comentar
Compartilhe
Mais um prefeitável
02/10/2015 | 03h10

luciano

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou na última terça-feira (29) o registro do Partido da Mulher Brasileira (PMB). Com a decisão, a nova legenda poderá disputar as eleições municipais do ano que vem. Em Campos, o presidente da nova legenda, Luciano Freitas, já se coloca como pré-candidato à Prefeitura e diz que segue a orientação do diretório nacional. "O partido quer ter candidatura própria em todas as cidades com diretório formado. Precisamos de mudanças. Chega de figurinhas repetidas", diz Luciano, que recebeu esta semana uma moção de aplausos proposta pelo vereador Albertinho (Pros).

Em 2012 Luciano Freitas disputou uma cadeira na Câmara de Campos pelo PSD e recebeu 38 votos (aqui).

Comentar
Compartilhe
Working derruba muro e faz reforma no Cepop
22/10/2015 | 02h14
obra cepop obra cepop 2 Em tempos de crise, parece que a Prefeitura resolveu fazer uma obra no Cepop. Na manhã desta quinta-feira (22), funcionários da Working derrubaram um muro, novinho em folha, para colocar grades.

Curiosos que passavam pelo local tentavam desvendar o mistério, já que não enxergavam a necessidade de uma obra no Cepop, que custou R$ 100 milhões e foi inaugurado em 2012.

De acordo com informações, a obra seria para que o nosso sambódromo pudesse ser alugado para shows e eventos particulares.

Comentar
Compartilhe
Buffet: quem apostou, acertou!
19/10/2015 | 12h54

já sabia

Em fevereiro deste ano, ao defender o pregão eletrônico (aqui), o blog comentou sobre  o pregão presencial Nº 025/2014, que iria registrar preços para futura e eventual contratação de empresa especializada em prestação de serviço de “BUFFET” (lanche, camarim, coquetel e “coffee break”). Na época, em seu blog, o advogado Cláudio Andrade disse que “na bolsa de apostas vai dar Robson Buffet”. Em contato com o blog, através do Whatsapp, um leitor também apostou em Robson Buffet.

Pois bem... oito meses depois, lá está o processo n. º 2014.019.000859-7-PR, resultado do pregão presencial Nº 025/2014. E sabe quem faturou?

Contratada: ROBSON N OLIVEIRA DUTRA BUFFET ME

Valor global: R$ 14.750,39 (quatorze mil setecentos e cinquenta reais e trinta e nove centavos)

Prazo de Execução: 70 dias

Data da Assinatura: 02/10/2015

Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima 

Comentar
Compartilhe
Cabral e Peixoto
22/10/2015 | 07h29

cabral e peixoto

O ex-governador Sergio Cabral (PMDB) esteve na tarde desta quinta-feira (22) com o deputado estadual João Peixoto (PSDC). Na pauta, a pesquisa do Instituto Informa (aqui), que mostra Peixoto na terceira colocação, com 6,2%, atrás do ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) e do vereador Alexandre Tadeu (PRB). Na visão de Cabral, que é amigo de longa data do deputado, os números mostram que o parlamentar é uma peça importante no tabuleiro. "Sou um grande incentivador e acho que ele pode dar uma contribuição muito importante", diz Cabral, que é o principal articulador do PMDB no estado do Rio.

Comentar
Compartilhe
Escola com muitos piolhos e pouca estrutura
09/10/2015 | 11h52
escola 1 escola 2 escola 3

Se por um lado o grupo rosáceo se prepara para inaugurar a nossa "Disney", no mundo real ainda existem crianças sem motivo algum para comemorar. Na Escola Municipal Professor Carlos Bruno, em Ribeiro do Amaro, alunos e professores convivem como uma estrutura precária. Além disso, para completar, ainda sofrem com piolhos de pardal.

Comentar
Compartilhe
Rosinha abre "Cidade da Criança" para Clarissa
19/10/2015 | 04h40

Se o grande público ainda não teve acesso ao maior parque temático do estado, os amigos e parentes do governo rosáceo continuam conhecendo o espaço. No último final de semana, a deputada federal Clarissa Garotinho (PR), que recentemente esteve na Disney de verdade, passou pela versão goitacá e ficou encantada. Em sua página no Facebook, a parlamentar publicou uma foto sobre o passeio no parque.

Como tem sempre alguém para criticar, alguns internautas comentaram sobre falta de remédios e hospitais precários. Poxa, ganharam uma "Disney" e ainda estão reclamando...

clarissa

Comentar
Compartilhe
Gustavo Matheus: "Mauro é Garotinho de novo"
02/10/2015 | 02h22

O presidente do PV em Campos, Gustavo Matheus, usou o seu perfil no Facebook para disparar na direção do vereador Mauro Silva, que está de malas prontas para o PSDB (aqui). Ao notar que Mauro anda flertando com figuras que caminham com a oposição e enxergam no rosáceo uma "nova política", Gustavo disparou: "Mauro é Garotinho de novo". Confira:

mauro

Comentar
Compartilhe
Política e religião
20/10/2015 | 11h58

placa-indicativa

Dizem que política e religião são assuntos que não devem ser discutidos. Porém, na sempre quente São João da Barra, os personagens conseguem discutir política e religião de uma vez só. Ontem (19), após o vice-prefeito Alexandre Rosa ser anunciado como novo comandante do PRB em SJB, o ex-vereador Zezinho Camarão, aquele mesmo que deu um soco em Rosa, partiu para o ataque. "O ex vereador Rosa, um dos aliados da ex prefeita, prova mais uma vez que os dois são idênticos e que para alcançar seus objetivos eles não tem princípios. Rosa se dizia um “homem” católico, de acompanhar as procissões, carregar andor, frequentar missas... Agora é presidente do PRB, partido do Bispo Macedo, um dos maiores críticos dos católicos", disparou Camarão, que lembrou até da santa que foi chutada. "Todos devem lembrar quando a imagem de uma santa foi 'chutada' por um Bispo da Igreja Universal... Sei que desse rapaz pode se esperar tudo, mas me pergunto até onde vale a pena perder suas origens por conta de bens financeiros. Quero deixar claro que não sou contra religião nenhuma e respeito a escolha de todos, só acho uma falta de respeito pessoas que dizem defender tanto uma religião, se aliar aos que criticam a mesma", postou Camarão no Facebook. 

A informação sobre a nova casa de Alexandre Rosa, que deixou o PMDB, foi publicada no blog do Arnaldo Neto: aqui

Comentar
Compartilhe
Câmara vai debater mobilidade urbana
19/10/2015 | 12h15

mobilidade

A Câmara de Campos vai realizar nesta segunda-feira (19), às 16h, audiência pública para debater a mobilidade urbana. A audiência será presidida pelo vereador Jorge Magal (PR), que apresentou o requerimento em setembro solicitando a discussão no plenário da Casa. "A nossa cidade vive grandes transformações e não podemos deixar de discutir sobre a mobilidade urbana. Vamos abrir espaço para os mais variados questionamentos da população, como locais com muitos acidentes, falta de acessibilidade, transporte urbano alternativo, vagas para estacionamento e ações nas rodovias que cortam a cidade", explica Magal, que também vai levantar o debate sobre a sua proposta de reduzir a velocidade nas vias com maior fluxo de veículos no município.

O fim das carroças, que já foi tema de debate e, até agora, não houve solução, também deve entrar na discussão.

Segundo o vereador, já estão confirmadas as presenças de representantes da Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT), Autopista Fluminense, Instituto Municipal de Trânsito e Transporte (IMTT) e secretarias do Executivo.

Em setembro de 2014 a Câmara contou com um grande debate sobre mobilidade urbana (aqui). Na ocasião, a sessão foi presidida pelo vereador Fred Machado (PPS).

Comentar
Compartilhe
Parece até piada
06/10/2015 | 02h26
Diretor do Observatório Social de Campos, Renato Siqueira usou o seu Facebook para mostrar um exemplo da falta de mobilidade ao lado da secretaria de Infraestrutura e Mobilidade Urbana. Parece piada, mas não é... mobilidade [caption id="attachment_36363" align="aligncenter" width="436"]na calçada Ao lado da secretaria de mobilidade, calçada conta com caixa d'água que impede passagem de pedestres... Facebook/Renato Siqueira[/caption]
Comentar
Compartilhe
Pezão quer "vender" ICMS para pagar salário de servidores
01/10/2015 | 04h14

pezão

Se em Campos a prefeita Rosinha Garotinho (PR) "vendeu" os royalties para fechar as contas, no estado o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) está trabalhando para alterar a lei que criou o Fundo de Desenvolvimento Econômico e Social do Estado (Fundes). A ideia é “vender” o ICMS que teria a receber de empresas beneficiadas por incentivos fiscais.

O secretário de Fazenda, Júlio Bueno, já enviou o projeto à Alerj. O movimento seria crucial para o pagamento dos próximos salários e do 13º dos servidores.

Hoje, de acordo com a lei, estas empresas não recolhem parte dos impostos nos primeiros seis anos de novas atividades (até 75% do ICMS). Mas elas devolvem esse dinheiro “emprestado” a partir do sétimo ano. Para isso, emitem certificados admitindo a “dívida”. Com a corda no pescoço, o estado vai vender agora estes certificados aos bancos — que, em troca de uma parcela, antecipam os recursos.

Salvação - Júlio precisa de R$ 2 bilhões para fechar o ano com a folha em dia. Nas suas contas, esta articulação garantiria R$ 1 bilhão aos cofres do estado. Operações menores estão sendo deflagradas para conseguir o dinheiro que falta para fechar as contas e pagar todos os salários em dia.

Fonte: Extra, Extra/Berenice Seara 

Comentar
Compartilhe
Sem água
11/10/2015 | 12h12

O vereador Fred Machado (PPS) entrou em contato com o blog e informou que os moradores da localidade de Santa Cruz estão sem água. De acordo com os moradores, a bomba utilizada era da usina e foi retirada. Sem a bomba, os moradores estão sem água e aguardam uma providência da concessionária Águas do Paraíba.

Aliados do governo também foram procurados para tentar solucionar o problema.

Comentar
Compartilhe
Auxiliadora: "Não existe desnível ou discrepância no ensino municipal"
01/10/2015 | 12h40

AUXILIADORA

A vereadora Auxiliadora Freitas (PHS), que na sessão da última terça-feira (29) citou duas escolas com goteira, bolor e telhado caindo (aqui), usou o seu blog nesta quinta-feira (01) para afirmar que: "Uma coisa é o que a gente diz. Outra é o que querem dizer que a gente disse". Segundo a aliada do casal Garotinho, não exite desnível ou discrepância no ensino municipal. "Deixo claro – e reforço – que é necessária e urgente a adoção de providências para atender aos pedidos que fiz relacionados às escolas municipais Lions II e Custódio Generoso Vianna. Mas isto não significa dizer que existe desnível ou discrepância no ensino municipal. Se existe alguma diferença é entre a educação do passado e a educação que queremos para o futuro. Esta já está sendo preparada no presente, através de escolas e creches modelo que estão sendo feitas pelo governo Rosinha Garotinho.", afirmou.

Ataques ao passado - Segundo a vereadora, "se existe alguma diferença é entre a educação do passado e a educação que queremos para o futuro". "Discrepância ou desnível era ter escolas em prédios alugados, como no passado. Discrepância ou desnível era ter escolas cujas paredes davam choque, como no passado. Discrepância ou desnível é dar bolsas de estudos sem critério, inclusive beneficiando pessoas que possuíam condições de custear a educação por mero favor político", comentou.

Comentar
Compartilhe
Faraó rosáceo
24/10/2015 | 01h07

faraó

O vereador Marcão (PT) descobriu esta semana que, em Guarus, o líder rosáceo anda sendo chamado de faraó. "Muitas pessoas que assistem a novela Dez Mandamentos, da Record, viram semelhanças entre Garotinho e o faraó que escraviza o povo. Já são muitos anos de escravidão e o povo agora quer liberdade", diz Marcão.

Faraó era a designação atribuída aos reis (com estatuto de deuses) no Antigo Egito. Eram monarcas poderosos que governavam de modo absoluto, rodeados por bajuladores e com muitos escravos. Mais do que um simples rei, o faraó era também o administrador máximo, o chefe do exército, o primeiro magistrado e o sacerdote supremo. Hoje seria o mesmo que ser o chefe do Executivo, ter aliados no Judiciário, na Polícia, mandar no Legislativo e ainda ser um líder religioso.

Os impostos arrecadados concentravam-se nas mãos do faraó e ele decidia a forma como os tributos seriam utilizados. Grande parte ficava com a própria família, sendo usado para a construção de palácios, monumentos, compra de jóias, etc. Eles faziam questão de deixar obras bem visíveis (faraônicas) e seus herdeiros eram preparados para assumir o trono.

Comentar
Compartilhe
Marcão: "Saúde de Campos é caso de polícia"
27/10/2015 | 10h06

O vereador Marcão (PT) anunciou durante a sessão desta terça-feira (27) que será protocolada na Polícia Federal (PF) uma notícia-crime apontando a retenção de verbas federais por parte da Prefeitura de Campos. "A Saúde de Campos é caso de polícia. Estão retendo verbas federais e matando as pessoas. Temos dados que comprovam essa apropriação indébita e vamos cobrar providências. O que eles querem fazer é tirar a responsabilidade de suas mãos (HGG e Ferreira Machado) e transferir os pacientes para a rede contratualizada. Uma rede que eles não estão pagando. Devem ao Álvaro Alvim, Santa Casa, Plantadores de Cana, Beneficência Portuguesa", disse Marcão, que foi além. "Em junho a Prefeitura deixou de repassar R$ 500 mil de verbas federais para a Santa Casa, em julho foram R$ 750 mil e, no mês de agosto, R$ 1 milhão. Isso é crime, as pessoas estão morrendo", disparou Marcão, que também vai solicitar uma intervenção do SUS para avaliar se o repasse foi feito corretamente.

Segundo Marcão, as relação são improvisadas. "Não existe nem contrato entre a Prefeitura a rede que presta serviços. As coisas estão sendo feitas de qualquer maneira e a prefeita precisa entender que o dinheiro não é dela. Não pode dizer 'eu paguei'. Tem que desapegar. Esse dinheiro é da Prefeitura e também do governo federal", afirmou Marcão.

Nesta terça-feira, o presidente da Fundação Municipal de Saúde, Geraldo Venâncio afirmou que os repasses federais têm destinações específicas (atenção básica, média e alta complexidades). "Nas duas últimas, relativas à atenção hospitalar, o governo é meramente repassador de recursos, dentro do pactuado", disse Venâncio, ressaltando que, mesmo com o município detendo a prerrogativa de gestão plena, os recursos só podem ser destinados das respectivas rubricas.

Mais sobre o assunto na edição de amanhã (28) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Mauro, Chicão e Suledil: os escolhidos do casal
26/10/2015 | 04h22
[caption id="attachment_36755" align="aligncenter" width="480"]Facebook/Rosinha Facebook/Rosinha[/caption]

O grupo rosáceo realiza nesta segunda-feira, no Trianon, mais um seminário com o objetivo de traçar as metas do governo para os próximos meses. A escolha dos membros da mesa foi feita da seguinte forma: Mauro Silva (PT do B), representando a bancada governista na Câmara, Chicão Oliveira (PP), como vice-prefeito, e Suledil Bernardino (PR), representando os secretários.

Porém, para os bons entendedores, fica nítido que o nome do grupo para a eleição de 2016 está na mesa. Ou então, os nomes, já que o líder poderá lançar mais de uma candidatura.

Como o blog já informou, Mauro e Chicão são os nomes mais cotados. No entanto, é bom destacar que Suledil Bernardino está no páreo (aqui).

Comentar
Compartilhe
Câmara de Campos não vai "cortar na carne"?
26/10/2015 | 01h53

Câmara-sessão1-640x428

No início deste mês o presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB) informou que, com a queda dessas receitas, houve a diminuição do repasse à Câmara e seria debatidas "alternativas como a provável redução dos subsídios (salários) dos vereadores e vencimentos de assessores e cargos comissionados". O mês já está acabando e até agora o "corte na carne" não foi debatido. Vale lembrar que em Macaé o prefeito Dr. Aluízio (PMDB) resolveu ficar sem salário e sugeriu que os vereadores fizessem o mesmo.

No início deste ano, uma proposta semelhante foi cogitada e dormiu durante meses nas gavetas.

Quanto custa cada um? – Em recente análise, publicada no Facebook, o economista Ranulfo Vidigal informou que “cada vereador em Campos custa mensalmente ao cofres públicos, portanto, pagos com os impostos do munícipes (IPTU,ISS,royalties) cerca de R$ 100 mil”.

Tendo em vista a atual rotina, com viagens aéreas e gastos com eventos, tudo indica que a crise passa bem longe do Legislativo.

Comentar
Compartilhe
Entrevista bombástica
03/10/2015 | 01h49
keep-calm

A Folha da Manhã vai trazer em sua edição de amanhã (04) uma entrevista bombástica que promete abalar as estruturas do cenário político da planície goitacá. Como diz uma música da "sábia" Valesca Popozuda, "bateu de frente é tiro, porrada e bomba".

Para os apreciadores do Rivotril, recomenda-se um reforço no estoque.

Comentar
Compartilhe
Aos 58 anos, hipódromo caminha para o lixo
07/10/2015 | 09h38

No dia 20 de outubro de 1957, matéria publicada no “Monitor Campista” anunciava: “Após uma batalha de longos anos, os campistas e especialmente os fãs do turfismo, vêem realizado hoje uma velha aspiração, o funcionamento de um hipódromo em nossa cidade. À frente dessa arrojada iniciativa está o espírito empreendedor de Arthur Cardoso Filho, coadjuvado pelos senhores: Rubens Venâncio; João Sobral; Rui Ribeiro Gomes; Hervé Salgado Rodrigues e muitos outros que batalham para efetivação dessa obra”.

Na época, o nosso hipódromo nascia e já era apontado como o terceiro maior do Brasil.

Hoje, bem perto de completar 58 anos, o Jockey Club de Campos, que foi arrematado em leilão federal em 2011, por R$ 4,5 milhões, se encontra abandonado e muitos pedaços de sua história caminham para a lata do lixo. Placas, documentos e livros se misturam com fezes, urina e escombros... Em breve, um novo empreendimento deve chegar e o que restou do hipódromo será jogado na lata do lixo.

Confira algumas fotos atuais que foram enviadas ao blog:

jockey I

JOCKEY II

JOCKEY III

JOCKEY IV

JOCKEY V

JOCKEY VI

JOCKEY VII

JOCKEY VIII

jockey IX

O blog “Ponto de Vista”, do Christiano Abreu Barbosa, informou em 2011 sobre o fim do Jockey Club de Campos (aqui). Na ocasião, ele lembrou que o valor do m² saiu barato para os vencedores do leilão. O motivo do leilão federal foi uma grande dívida com contribuições previdenciárias.

Comentar
Compartilhe
Diabéticos sem insulina?
07/10/2015 | 09h00

Pacientes que dependem da insulina Lantus entraram em contato com o blog para informar que a dificuldade para obter o medicamento é grande. "Infelizmente muitos diabéticos estão sofrendo. Nossa saída vai ser o Ministério Público", explica um paciente que enviou mensagem ao blog. A insulina é indicada para o tratamento de diabetes mellitus tipo 1 e 2. A doença crônica é diagnosticada em adultos e em crianças a partir dos seis anos de idade.

Governo garante: "insulina sem burocracia" - Em recente matéria publicada no site da Prefeitura, o vice-prefeito e secretário de Saúde, Chicão Oliveira, informou a Secretaria atende a cerca de 30 mil diabéticos, sendo 4 mil deles usuários de insulina, sem burocracia. "Em 2014, o Departamento de Assistência Farmacêutica (DAF) distribuiu cerca de 5 milhões de itens de medicamentos para diabéticos e dispensou mais de 43 mil frascos das insulinas Lantus, NPH e Regular", disse Chicão.

Na ocasião, a Prefeitura informou que Campos é a única cidade do país que oferece insulina Lantus por meio de processo administrativo, sem que haja necessidade de abrir processo judicial, facilitando a vida da população.

Atualização às 14h50 - Após o blog publicar nota informando sobre a falta da insulina Lanus, os pacientes foram comunicados sobre a chegada do medicamento e correram para buscar. A quantidade não foi a esperada (teriam chegado apenas 12), mas já demonstra que o governo se movimentou para solucionar o problema. "Essa a a minha 'gasolina'. Sem ela eu morro", disse uma senhora que foi buscar a insulina.

[caption id="attachment_36413" align="aligncenter" width="450"]insulina Após alerta no blog, insulina apareceu[/caption]
Comentar
Compartilhe
Fábio Ribeiro diz que vereadores da oposição são "inimigos do povo"
16/10/2015 | 09h16

fabio

O secretário de Gestão de Contratos, Fábio Ribeiro (PR) replicou no Facebook a postagem do blog "Opiniões" (aqui), do jornalista Aluysio Abreu Barbosa, e disparou contra os cinco vereadores da oposição, que impetraram uma ação cobrando informações sobre a chamada "venda do futuro". "Os INIMIGOS do povo: Rafael Diniz (PPS), Marcão (PT), Nildo Cardoso (PSD), Zé Carlos (PSDC) e Fred Machado (PPS). Ao, simplesmente, propor Ação Judicial contra a Antecipação dos Royalties, os vereadores da oposição não se atentaram para a resolução da Agência Nacional do Petróleo que informa que o Município de Campos teve perda de receita, e ainda, informa o seu valor. Ao tentar impedir a operação, que já foi aprovada por todos os órgãos competentes, os vereadores da oposição provaram mais uma vez que não ligam para a população na busca desenfreada pelo poder, pois com essa medida foram contra: à reformas de escola e creches; à reforma dos hospitais e dos postos de saúde; ao repasse da complementação do SUS aos hospitais particulares; à melhoria das vias públicas ( estradas e ruas); à distribuição de leites especiais; ao fomento aos pequenos e médios empreendedores, através do programa de Micro crédito do FUNDECAM, ao programa Morar Feliz; ao transporte de qualidade e barato; ao servidor público; ai programa Cheque Cidadão; ao desenvolvimento econômico do município; ao aquecimento da economia; ao emprego e outros", disse Fábio Ribeiro, ressaltando que está confiante. 

Comentar
Compartilhe
"Venda do futuro": Garotinho diz que dinheiro vai estar na conta até o dia 03
17/10/2015 | 12h36

na conta

Durante participação em sua emissora de rádio, na manhã deste sábado (17), o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) comentou sobre a antecipação de receitas, a chamada "venda do futuro". Segundo o secretário, que esteve em Brasília está semana, já está "tudo encaminhado e o dinheiro deve entrar na conta, no mais tardar, até o dia 03 de novembro".

O secretário voltou a dizer que será um negócio excelente. "Não causa impacto algum. A parcela será apenas 10% dos recursos recebidos anualmente com os royalties", disse o deputado, que voltou a misturar esse percentual com taxa de juros. "Será menos de 1% ao ano, bem diferente das taxas brasileiras", afirmou.

Tudo em dia - O empréstimo de R$ 1,1 bilhão, segundo Garotinho, colocaria ordem na casa. "A Prefeitura vai poder recontratar porteiros, auxiliares de serviços gerais, por exemplo. A gente sabe que as escolas não estão sendo limpas como deveriam. Além disso, será possível colocar todas as obras e convênios em dia", frisou.

"Me ofereço para administrar a Santa Casa" - Sobre a situação da Santa Casa, que chegou a suspender as internações por conta da falta de repasse da Prefeitura, Garotinho se ofereceu para assumir como gestor. "Se o problema é administrativo, me ofereço. Já tenho muitas funções, mas poderia assumir mais uma. Lá atrás, já coloquei o Ferreira Machado para funcionar, posso muito bem organizar a Santa Casa. Não ia falta exame, nem internação", comentou.

Outro ponto de vista - Em seu blog "Opiniões", o jornalista Aluysio Abreu Barbosa replicou na manhã deste sábado uma postagem do economista Ranulfo Vidigal sobre a "venda do futuro". No Facebook, Vidigal divulgou a opinião de Edilson Rodrigues Tavares, do Ministério da Fazenda, sobre a arriscada operação. Veja aqui 

Comentar
Compartilhe
Fundo de Cultura (R$ 60 mil) X Fotografias (R$ 54 mil)
09/10/2015 | 12h50
A Câmara de Campos debateu ontem (aqui) o projeto de Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2016. No projeto enviado pelo governo, o Fundo de Cultura ficou com R$ 60 mil para todo o ano de 2016. É bom lembrar que o Fundo de Cultura tem a missão de estimular e fortalecer a classe artística de Campos. De 2014 pra cá, o valor previsto para o Fundo só caiu. Primeiro contava com R$ 176 mil, depois passou para R$ 116 mil, e agora ficou com R$ 60 mil.

Fotografias por R$ 54 mil - Neste mesmo município,  a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) contratou empresa para fotografar eventos por R$ 54 mil. A informação sobre a previsão de gastos com fotografias está no blog "Na Curva do Rio", da jornalista Suzy Monteiro (aqui).

Comentar
Compartilhe
Alerj libera venda dos royalties para pagar previdência
06/10/2015 | 06h23

Como o blog "Ponto de Vista", do Christiano Abreu Barbosa informou (aqui), não é só Campos e as prefeituras da região que estão atrás de empréstimos dando como garantia arrecadação futura de royalties, deixando a conta para as próximas gerações.

A Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj) aprovou nesta terça-feira (6) o projeto de lei que permite o Rioprevidência (fundo de previdência social do RJ) a vender títulos no mercado para pagar aposentados e pensionistas. Pelo texto, a instituição poderia receber antecipadamente cerca de R$ 2,5 bilhões, dando futuros royalties de petróleo como garantia. O valor ajudaria a compensar o rombo de R$ 5,5 bilhões no orçamento do Rioprevidência para pagar os beneficiários. O projeto de lei é de autoria do próprio poder executivo. O governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) tem 15 dias para decidir se sanciona a lei.

Para pagar as aposentadorias e pensões de 260 mil beneficiários, o governo vai precisar, em 2016, de R$ 17 bilhões, mas tem previsão de arrecadar só R$ 11,5 bilhões. A venda de créditos compensaria essa diferença. Nem todos, no entanto, acreditam na ideia. "No meu entendimento, num primeiro momento, esta autorização não funcionará. Porque o mercado não está apto a aceitar uma operação dessas porque a liquidez dos royalties está duvidosa. O preço do barril de petróleo está muito instável, com viés de queda", explicou o deputado Luiz Paulo, líder do PSDB na Alerj.

Essa é a quarta operação de adiantamentos que o Rioprevidência vai fazer desde 2013. Com a permissão da Alerj de lançar novos títulos, o fundo passa a poder vender R$ 9,3 bilhões para R$ 11,8 bilhões em créditos.

Fonte: G1

Comentar
Compartilhe
Mais uma casa popular na promoção
15/10/2015 | 04h03
casinha  

Em seu perfil no Facebook o Mario Márcio Peixoto divulgou mais uma negociação envolvendo casa popular, construída pela Prefeitura de Campos, no Facebook.  Indignado, o internauta fez os seguintes questionamentos: "O 'cidadão' recebe uma casa do programa "Morar Feliz" e está vendendo por R$ 13 mil, vale lembrar que cada casa custou aos cofres da Prefeitura de Campos dos Goytacazes algo em trono de R$ 100 mil. Será que o "Cidadão" não precisava do bem quando foi escolhido? Qual seria o valor real de uma casa como essa? Ele deve perder a casa ou os maus exemplos vem de cima e está tudo certo?", indagou.

Em setembro o blog publicou nota (aqui) sobre uma casa popular anunciada na internet por R$ 20 mil. Na ocasião, ao tomar conhecimento sobre o anúncio, a secretaria de Desenvolvimento Humano e Social prometeu encaminhou uma notícia-crime ao Ministério Público.

Comentar
Compartilhe
Working recebe mais de meio milhão por "manutenção"
09/10/2015 | 01h39
[caption id="attachment_36445" align="aligncenter" width="524"]Empresa faz obras, mede, realiza manutenção, aluga palcos, banheiros químicos e tendas – Imagem meramente ilustrativa Empresa Working faz obras, manutenção, aluga palcos, banheiros químicos e tendas – Imagem meramente ilustrativa[/caption]

A empresa Working Empreendimentos e Serviços recebeu R$ 555 mil por conta de ",MANUT.INST.EQUIP.UND". A publicação, disponível no Portal da Transparência (aqui), não diz o local dessa "manutenção", nem o valor total do contrato.

No dia 16 de setembro a versátil empresa Working, que faz obras, aluga banheiros químicos, palcos e tendas, recebeu R$ 647 mil. De acordo com o Portal da Transparência, o pagamento também foi por conta de “MANUT.INST.EQUIP.UND”.

Em cinco meses, a empresa Working recebeu mais de R$ 4,5 milhões da Prefeitura de Campos para serviços variados.

Comentar
Compartilhe
Reforma: Dilma corta oito pastas e dá mais poder ao PMDB
02/10/2015 | 11h48

dilma

A presidente Dilma Rousseff anunciou nesta sexta-feira (2) a reforma ministerial do governo, com redução de 8 das 39 pastas.

O PMDB aumentou a participação no ministério, de seis para sete pastas. O partido com mais ministérios continua sendo o PT (nove). O PTB tem duas. Ficaram com um ministério PSD, PDT, PCdoB, PRB e PP. Oito ministros não são filiados a partidos.

Dilma fez o anúncio em um discurso ao lado do vice-presidente Michel Temer. Ela iniciou o discurso dizendo que todas as ações desenvolvidas buscaram construir um Estado “ágil”, baseado na meritocracia. “Queria dizer aos senhores que todos os países, todas as nações que atingiram desenvolvimento construíram estados modernos. Esses estados modernos eram ágeis, eficientes, baseados no profissionalismo, na meritocracia e adequados ao processo de desenvolvimento que cada país estava criando. Nós também temos que ter esse objetivo”, disse.

Dilma anunciou que vai extinguir oito ministérios, que serão fundidos em pastas comandadas por apenas um ministro. “Nós estamos começando por reduzir oito ministérios. Vamos integrar pesca a agicultura. Vamos também extinguir a Secretaria de Assuntos Estratégicos e as atribuições que remanescerem serão integradas ao Ministério do Planejamento.  A Secretaria-Geral será extinta e transformada em Secretaria de Governo. O Gabinete de Segurança Institucional manteremos em gabinete militar ligado diretamente à Presidência da República. Também integrará a Secretaria de Governo a Secretaria de Micro e Pequena Empresa e Secretaria de Relações Institucionais”, anunciou.

Medidas anunciadas - Veja medidas anunciadas pela presidente com o objetivo de enxugar a máquina administrativa: - Criação da Comissão Permanente da Reforma do Estado - Extinção de oito ministérios - Extinção de 3 mil cargos comissionados - Eliminação de 30 secretarias ligadas a ministérios - Redução de 10% nos salários dos ministros - Corte de 30% nos gastos de custeio - Imposição de limite de gastos com telefone, passagens e diários em ministérios. Novos ministros - A presidente anunciou os nomes de dez novos ministros: - Casa Civil: Jaques Wagner - Ciência e Tecnologia: Celso Pansera - Comunicações: André Figueiredo - Defesa: Aldo Rebelo - Educação: Aloizio Mercadante - Mulheres, Igualdade Racial e Direitos Humanos: Nilma Lino Gomes - Portos: Helder Barbalho - Saúde: Marcelo Castro - Secretaria de Governo: Ricardo Berzoini - Trabalho e Previdência: Miguel Rossetto Fonte: G1
Comentar
Compartilhe
Pesquisa: Arnaldo (43,3%), Tô Contigo (17,8%), Peixoto (6,2%), Pudim (4,7%) e Rafael (3,7%)
18/10/2015 | 12h53

Pesquisa do instituto informa, realizada em Campos entre os dias 19 e 22 de setembro, com 404 entrevistados, divulgada pela Folha (aqui), mostra o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) liderando com folga a corrida pela Prefeitura de Campos. Faltando um ano para o pleito, Arnaldo aparece, na pesquisa estimulada, com 43,3%, seguido pelo vereador Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo, com 17,8% e pelo deputado estadual João Peixoto (PSDC), com 6,2%. O deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB) tem 4,7%, e o vereador Rafael Diniz (PPS), 3,7%, seguido por Nildo Cardoso, com 3,2%. Apontado como possível candidato do grupo rosáceo, o vereador Mauro Silva, que está de malas prontas para o PSDB, tem 2,5%. O nível de confiança é de 95% e a margem de erro de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos.

Espontânea – Na espontânea, quando os entrevistados dizem em quem gostariam de votar, Arnaldo lidera com 34,4%, seguido pela prefeita Rosinha, que não poderá disputar o pleito, com 14,1% e Garotinho, que também não pode ser candidato, com 3,5%. Roberto Henriques tem 1,5% e Rafael Diniz (PPS), 1,2%.

[caption id="attachment_36576" align="aligncenter" width="590"]Inf publicado na edição de hoje da Folha Info publicado na edição de hoje da Folha - Clique para ampliar[/caption]
Comentar
Compartilhe
Prefeitura firma contrato de R$ 3,7 milhões para locação de ambulâncias
16/10/2015 | 01h22
Foi publicado no Diário Oficial desta sexta-feira o extrato do contrato com a empresa PRIME ADMINISTRAÇÃO E SERVIÇOS LTDA para locação de ambulâncias. Valor: R$ 3,7 milhões. Prazo: 12 meses. A publicação não informa quantos ambulâncias estão incluídas no pacote. aluguel de ambulâncias
Comentar
Compartilhe
Polícia Federal faz busca no escritório do filho de Lula
26/10/2015 | 10h07
[caption id="attachment_36741" align="aligncenter" width="458"]Luis Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula Luis Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Lula[/caption]

Na nova fase da Operação Zelotes, deflagrada nesta segunda-feira, a Polícia Federal (PF) foi autorizada a fazer busca e apreensão na LFT Marketing Esportivo, escritório de Luis Claudio Lula da Silva, filho do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, segundo fontes ligadas à investigação. Segundo o 'G1', os policiais já foram à empresa, que tem ligação com a consultoria Marcondes e Mautone, também investigada na Zelotes.

Até o momento, a PF já prendeu cinco suspeitos de envolvimento com fraudes no Carf. Entre os detidos estão Alexandre Paes Santos, José Ricardo Silva e também o lobista Mauro Marcondes Machado, vice-presidente da Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea). Machado é acusado de negociar interesses de montadoras com conselheiros do Carf.

Entre os acusados que tiveram prisão preventiva decretada, o único a escapar da ação policial até o momento é um suspeito do Piauí. Segundo o comunicado da PF, cerca de cem policiais cumprem 33 mandados judiciais, sendo seis de prisão preventiva, 18 de busca e apreensão e nove de condução coercitiva no Distrito Federal e nos estados de São Paulo, Piauí e Maranhão.

A Zelotes investiga organizações criminosas que atuavam na manipulação do resultado de julgamentos no Conselho Administrativo de Recursos Fiscais (Carf), conhecido como o “tribunal da Receita”.

A Operação Zelotes investiga denúncias de corrupção dentro do Carf, conselho responsável pelos processos administrativos tributários e previdenciários. As apurações realizadas pela corregedoria desde o segundo semestre de 2014 têm revelado, diz a nota, "a existência de um sistema ilegal de manipulação de julgamento de processos administrativos fiscais no CARF/MF, mediante a atuação coordenada de conselheiros com agentes privados que agiram mutuamente com o objetivo de favorecer empresas em débito com a Administração Tributária”.

Fonte: O Globo 
Comentar
Compartilhe
Rosinha: "A bagunça na Prefeitura acabou há muito tempo"
20/10/2015 | 06h11
[caption id="attachment_36638" align="aligncenter" width="528"]Facebook/Sergio Cunha Facebook/Sergio Cunha[/caption]

Ao lado do promotor Marcelo Lessa e de membros do seu governo, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) determinou a liberação das internações na Santa Casa de Misericórdia de Campos.

[caption id="attachment_36646" align="aligncenter" width="503"]Facebook/Débora Batista Facebook/Débora Batista[/caption]

Segundo a prefeita, não existe mais bagunça. "A bagunça da Prefeitura acabou há muito tempo. Em nossa gestão eu pago por serviços, não dou dinheiro por dar. A Santa Casa já recebeu R$ 29 milhões só este ano. Não inventem dívidas para mim. O que fizeram com os R$ 3 milhões que eu acabei de pagar? Se estão inventando uma dívida, que provem", disse a prefeita.

Garotinho se ofereceu como administrador -  No último sábado, durante programa em sua emissora de rádio, o secretário de Governo Anthony Garotinho se ofereceu para assumir como gestor na santa Casa. “Se o problema é administrativo, me ofereço. Já tenho muitas funções, mas poderia assumir mais uma. Lá atrás, já coloquei o Ferreira Machado para funcionar, posso muito bem organizar a Santa Casa. Não ia falta exame, nem internação”, comentou.

Segundo Garotinho, a meta é tirar todos os pacientes dos corredores. "Vamos iniciar as internações imediatamente. Semana passada, antes desse problema, não tinha ninguém no corredor", comentou Garotinho.

Leia mais sobre o assunto nos blogs "Na Curva do Rio" (aqui), "Opiniões" (aqui) e Ralfe Reis (aqui).
Comentar
Compartilhe
Solidariedade
28/10/2015 | 12h49
[caption id="attachment_36819" align="aligncenter" width="281"]foto Foto: Maria Gonçalves[/caption]

A história da menina Sawanna, de apenas seis anos, diagnosticada com leucemia (especificamente leucemia linfoide aguda), que necessita de transfusão de sangue com urgência, mobilizou centenas de internautas e virou matéria nos principais veículos de comunicação de Campos.

Na manhã desta quarta-feira (28), quem passou pelo Hemocentro do Ferreira Machado se impressionou ao notar o grande número de pessoas dispostas a doar sangue. Cerca de 150 voluntários se cadastraram para doar, o que gerou um recorde histórico, de acordo com funcionários.

No Facebook, a jornalista Girlane Rodrigues comemorou: "Tá lindo de ver o hemocentro do HFM lotado desse jeito! Um marco histórico, segundo os funcionários! Graças a Deus e aos apelos de Lena Souza por doação à sua filha! E graças tbm à solidariedade do campista! Ponto pra nós!! E que continue assim!!!!".

Faltou estrutura - O lado ruim ficou por conta da falta de capacidade para atender todos os doadores. No Facebook, a jornalista Tatiana Rangel comemorou a mobilização, mas lamentou a falta de estrutura: "Fiquei muito feliz hoje com a mobilização de tantas pessoas pela vida da pequena Sawanna. Mais de 100 pessoas estiveram no Hemocentro nesta manhã para doar sangue em nome dela. Lindo demais isso! Mas o Hemocentro não conseguiu atender aos doadores, pedindo que eles fossem embora e retornassem à tarde. Que pena! Pena porque sabemos que tantos necessitam de sangue. Pena porque sabemos que parte dessas pessoas não retornarão, porque óbvio que tem seus compromissos pessoais. Pena, porque alguns saíram de suas casas, pegaram duas conduções até o Hospital Ferreira Machado e não teriam como repetir o processo à tarde. Pena que perdemos tantos doadores que poderiam salvar a Sawanna e tantas outras vidas que aguardam sangue. Me sinto feliz pela proporção que o caso tomou, por saber que existem tantas pessoas boas. Mas triste pela falta de estrutura no Hemocentro. Deixo o apelo para que possamos repetir à tarde o número de doadores da manhã e que consigamos ajudar a salvar essas vidinhas lindas!", postou. 

Atualização às 16h50 - Por meio de nota, a superintendência de Comunicação informa que o Hemocentro Regional do Hospital Ferreira Machado funciona, diariamente, incluindo finais de semana e feriados, das 8h às 18h. Além do atendimento no Hemocentro, o órgão possui uma Unidade de Coleta Móvel de Sangue, onde os agendamentos para  visitas podem ser feitas pelo telefone 0800 28 20 250. Para doar sangue é preciso estar em boas condições de saúde, ter entre 16 e 69 anos, peso superior a 50 Kg e apresentar documento original de identidade com foto.

Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: R$ 110 mil para trios elétricos, hospedagens e aluguel de ônibus
15/10/2015 | 09h48

Se por um lado a Saúde anda caótica, por outro o governo rosáceo continua gastando com eventos, através da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL).

No Diário Oficial desta quinta-feira (15) é possível acompanhar quem foram os vencedores de três pregões para locação de ônibus (R$ 30,2 mil), trios elétricos (R$ 50 mil) e pagamento de hospedagens com café da manhã e almoço (R$ 30,2 mil).

pagamentos

Comentar
Compartilhe
MPF defende investigações contra Pezão e Cabral
29/10/2015 | 06h27

cabral e pezão

A Procuradoria-Geral da República (PGR) quer continuar a investigação sobre o governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), e seu antecessor, Sérgio Cabral (PMDB), no âmbito da Operação Lava-Jato. O posicionamento contraria a Polícia Federal, que concluiu no mês passado o seu inquérito sobre o caso defendendo o arquivamento. A decisão sobre o arquivamento ou continuidade das investigações caberá ao ministro Luís Felipe Salomão, do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

A vice-procuradora Ela Wiecko argumentou ainda haver circunstâncias a serem apuradas. O inquérito foi aberto para apurar o direcionamento de recursos do esquema de corrupção para a campanha de Cabral em 2010, na qual Pezão foi vice. Segundo o ex-diretor da Petrobras, Paulo Roberto Costa, duas reuniões suas com fornecedores da estatal trataram do direcionamento de R$ 30 milhões para a campanha. “Há dados que ainda necessitam de esclarecimentos complementares, considerando tanto a possibilidade de que a suposta vantagem econômica indevida acolhida na campanha eleitoral tenha relação com atos do governo do Rio de Janeiro, quanto a possibilidade de que esses valores ilícitos estivessem vinculados apenas aos contratos da Petrobras, mas dissimulados na campanha”, afirmou a vice-procuradora.

Ela Wiecko destaca que anotações do presidente da Odebrecht, Marcelo Odebrecht, tratando da doação de R$ 200 mil para a campanha do PMDB do Rio de Janeiro chegaram aos investigadores depois do relatório da Polícia Federal que pedia o arquivamento. Ressaltou ainda que, em depoimento nesta terça-feira (27), o doleiro Alberto Youssef afirmou em depoimento à 13ª Vara Federal de Curitiba ter sido incumbido por Paulo Roberto Costa de “repassar propinas arrecadadas dos prestadores de serviços da Petrobras à campanha eleitoral do PMDB ao governo do Rio de Janeiro”.

Afirma também que diretores de duas empresas, Techint e Skanska, reconheceram ter se encontrado com Costa em um hotel para debater ajuda à campanha de Cabral. Ressalta que no caso da Alusa, a empresa reconheceu ter feito doação de R$ 500 mil ao diretório fluminense do PMDB.

Na continuidade da investigação, o Ministério Público deseja que se procure identificar os responsáveis na Alusa pela doação, realize-se novo depoimento de Youssef para tratar dos repasses à campanha e se faça uma análise do material que já compõe o processo.

Fonte: O Globo 

Comentar
Compartilhe
Pergunta do dia
21/10/2015 | 03h13
Em seu perfil no Facebook o advogado Cleber Tinoco deixou uma pergunta no ar: "Quando é que a Prefeitura fará a intervenção no Ferreira Machado e no HGG?" Tem também o hospital São José, Unidades Básicas de Saúde que estão caindo aos pedaços e o setor de odontologia. Também seria importante uma intervenção na Educação, que rasteja nas últimas posições nos rankings do Ideb e do Ioeb.  
Comentar
Compartilhe
Junta interventora da Santa Casa: rosáceos negam moção de aplausos
28/10/2015 | 08h53

A oposição apresentou durante a sessão desta quarta-feira (28) uma moção de aplausos pela transparência da junta interventora da Santa Casa, que disponibilizou seus balancetes e abriu as portas para qualquer vereador que deseje conhecer as contas. "A junta interventora abriu as portas, mostrou os balancetes e documentos. Foi um ato de transparência que merece aplausos", afirmou Rafael Diniz (PPS).

A moção de aplausos chegou a rachar a bancada governista, já que os vereadores Neném (PTB) e Magal (PR) votaram a favor do requerimento. Porém, após uma votação apertada, a maioria resolveu não aplaudir a junta interventora. Foram 8 votos contrários (Mauro, Hirano, Auxiliadora, Altamir, Dona Penha, Álvaro César, Miguelito e Kellinho), 7 favoráveis (Rafael, Marcão, Fred, Zé Carlos, Magal, Neném e Tô Contigo), e uma abstenção (Genásio).

Para os governistas, a oposição está politizando o debate. "Trata-se claramente de uma tentativa de politizar a discussão", disse Mauro Silva.

Desafio - O vereador Fred Machado (PPS) cobrou um debate para colocar tudo em pratos limpos. "Já que o governo acha que está com a razão, seria bom colocar todo mundo aqui, olho no olho. A junta interventora, o secretário de Governo e a prefeita cassada. Vamos ver se eles têm coragem de debater aqui. Tenho certeza de que a junta aceita esse debate. Vamos resolver isso aqui. Quem tem peito?", disparou Fred.

"Ninguém tem medo de debate" - O presidente da Câmara de Campos, Edson Batista (PTB) solicitou uma audiência pública para debater o tema. "Ninguém aqui tem medo de debate. Vamos marcar uma audiência para esclarecer todos os fatos", disse Edson.

* Mais informações na edição de amanhã da Folha 

Comentar
Compartilhe
Nova pesquisa
17/10/2015 | 05h08

A Folha da Manhã vai divulgar em sua edição de amanhã (18) uma nova pesquisa sobre as eleições de 2016 em Campos.

Além do levantamento sobre os prefeitáveis, o instituto Informa também perguntou a opinião dos campistas sobre os melhores e os piores prefeitos dos últimos tempos. Mostrando que há uma mistura entre amor e ódio na planície, o casal Garotinho aparece entre os três piores e também figura entre os três melhores.

Confira os números na edição de amanhã da Folha.

Comentar
Compartilhe
A sentença histórica e o "chavismo de araque"
23/10/2015 | 01h20

Após dez dias sem atualização, por motivo de viagem, o blog "Eu Penso que" (aqui), do jornalista Ricardo André Vasconcelos, voltou com uma postagem que une a forte e corajosa decisão do juiz Elias Pedro Sader Neto com opiniões, também fortes e corajosas, sobre o governo rosáceo. Confira:

Juiz da 1ª Vara Civil de Campos, Elias Pedro Sader Neto (foto: Mania de Saúde)
Processo nº: 0002979-63.2015.8.19.0014
Tipo do Movimento: Decisão
Descrição: 
A cantilena da saúde pública do município de Campos dos Goytacazes acaba de descortinar seu capítulo mais inusitado. A Excelentíssima Senhora Prefeita Rosinha Garotinho, acompanhada de seu marido, de outros secretários municipais e do Promotor de Justiça Marcelo Lessa Bastos, sob escolta da guarda municipal, tomou de assalto a Santa Casa de Misericórdia de Campos dos Goytacazes, na tarde de ontem, ignorando, por completo, que se encontra sob intervenção judicial. Com roteiro venezuelano, ignorando a autoridade do Poder Judiciário, a prefeita editou decreto de requisição temporária do referido nosocômio, fulcrada no art. 15, inc. XIII, da Lei nº 8.080/90. Para estarrecimento geral, em verdadeira petição de princípio, o quarto ´considerando´, que fundamenta o malsinado ato administrativo, redigido com destaque em negrito, escancara a confissão da prefeita, no sentido de que a saúde pública, por ela gerida há quase sete anos, se encontra em situação de calamidade pública. O art. 1º do referido decreto declara ´Estado de Perigo Público Iminente´. Ora, se o caos da saúde pública municipal persiste em razão das prioridades orçamentárias eleitas pela prefeita, não pode, agora, invocar a própria incúria para desapossar, administrativamente, a Santa Casa de Misericórdia, entidade centenária e de natureza privada. 
A questão é bem tangida pelo eminente Promotor de Justiça, Dr. Leandro Manhães de Lima Barreto, quando afirma que o município sucateou sua rede própria de saúde (HFM e HGG), preferindo se utilizar dos hospitais privados da rede de apoio, aos quais paga quando e quanto deseja. Assim, é mais em conta manter os hospitais da rede própria insuficientes, a fim de justificar a transferência de pacientes para a rede de apoio, onde o custo será honrado ao livre alvedrio da ordenadora de despesas. É, pois, aloprada a ilegalidade do Decreto Municipal nº 272/2015, uma vez que a ratio legis do art. 15, inc. XIII, da Lei nº 8.080/90, a toda evidência, pressupõe situações imprevistas, ligadas a caso fortuito ou força maior (epidemias, desastres naturais, incêndios, etc.), o que não é a hipótese da saúde pública de Campos, verdadeira crônica de uma morte anunciada, desde dezembro do ano passado. O alegado ´Estado de Perigo Público Iminente´ é facilmente resolvido pelo município mediante o pagamento de suas contas. A possibilidade financeira do município deve ser aferida a partir do enterro dos R$ 17.000.000,00 (dezessete milhões de reais) com a construção da bizarra ´Cidade da Criança´, dos mais de R$ 80.000.000,00 (oitenta milhões de reais) com o subutilizado Centro de Eventos Populares (CEPOP) e dos R$ 18.000.000,00 (dezoito milhões de reais) anuais gastos com parques e jardins. Pelo fio do exposto, a fim de restabelecer o império da lei e o sistema de freios e contrapesos, outra alternativa não resta a este Juízo senão declarar a grosseira e aldravada ilegalidade do Decreto Municipal nº 272/2015 e determinar a imediata suspensão de seus efeitos, reintegrando os bens e serviços do hospital da Santa Casa de Misericórdia de Campos à referida instituição filantrópica. Por conseguinte, reitero a plenitude dos poderes administrativos conferidos à Junta Interventora, consoante decisão de fls. 140/142. Por fim, advirto a Excelentíssima Senhora Prefeita, aos secretários municipais e demais gestores da saúde pública municipal a se absterem de praticar qualquer ato contra a Santa Casa ou a Junta Interventora, nomeada por este Juízo, sob pena de responsabilidade civil, administrativa e criminal. Determino expedição de ofício ao Comandante do 8º Batalhão de Polícia Militar, a fim de que sejam envidados todos os esforços necessários ao cumprimento do mandado a cargo do Oficial de Justiça competente. Intimem-se a Sra. Prefeita e aos membros da Junta Interventora acerca da presente decisão. Cumpra-se em regime de plantão, servindo a presente como mandado. P.I.
(grifos do Blog)
[caption id="attachment_36697" align="aligncenter" width="243"]Ricardo-André-Vasconcelos1 Ricardo André Vasconcelos apontou "chavismo de araque" e criticou a grande encenação rosácea[/caption]
"Acima, na íntegra, a sentença do juiz Elias Pedro Sader Neto, da 1ª  Vara Cível de Campos, para que fique claro que nem todas as instituições e pessoas desta cidade estão cooptadas (ideológica ou oportunisticamente) por esse Chavismo de araque que assaltou a Planície Goitacá.
A corajosa e necessária sentença reflete o sentimento de muitos de nós que acordamos, cedo ou tarde, para o mal que essa gente arrogante e mesquinha vem fazendo ao município ao longo dos últimos anos e com consequências nefastas no futuro.
A decisão pode até ser revogada pelo Tribunal de Justiça, como vem ocorrendo sistematicamente neste governo que se dá ao luxo de ter, em seu estafe, um desembargador aposentado com o cargo de "superintendente de relações institucionais do Gabinete da Prefeita", mas cuja função é atuar nos bastidores do Judiciário. Aliás, o desembargador aposentado, Francisco de Assis Pessanha, tem cumprido seu papel com o brilhantismo esperado. Ele é pai do principal advogado da tropa garotista, Francisco de Assis Pessanha Filho e marido de Rosely de Carvalho Pessanha, também advogada e Chefe Gabinete da gestão de Rosinha no governo do Estado; e cunhado de Jonas Lopes de Carvalho Júnior, atualmente presidente reeleito do Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro. Assis e Jonas foram indicados para seus cargos pelo então governador Anthony Garotinho.
Mas a recente bravata da prefeita no episódio da Santa Casa mostra que nem tudo se resolve no compadrio dos relacionamentos e compensações de eventuais favores. Sem querer entrar no mérito da questão, fica evidente que a "intervenção" cinematográfica, envolvendo até a Guarda Municipal para dar ares de força, não passou de uma encenação para disfarçar a incompetência para gerir a saúde pública no município. Caprichosa, no sentido pejorativo da palavra, Rosinha teria se aborrecido ao ver, na manhã de terça-feira a impecável primeira página da Folha da Manhã, que mostrava os corredores dos hospitais municipais (Ferreira Machado e HGG) cheios de doentes e as enfermarias da Santa Casa vazias.
Entre a encenação canhestra da prefeita-marionete e a decisão judicial há dois cadáveres a velar: Leire Daiane Fonseca, 33 anos, morta no corredor do Hospital Geral da Guarus, sem assistência após sofrer um infarto e Bernadete Maria Lage Pereira, que sucumbiu à insensibilidade oficial após ser transferida da rede municipal para a Santa Casa, já na quinta-feira pós-decisão judicial. Que essas mortes pesem nos ombros de quem culpa tiver.
E que o precedente do juiz Elias Pedro Sader Neto abra caminho para outras decisões e estimule as instituições a funcionar independentes e firmes na defesa do bem público. O juiz hoje é um herói por ter cumprido o ser dever, assim como o promotor Leandro Manhães Lima Barreto, que atua como fiscal da lei e representante da sociedade.
Que outros os sigam".
O processo pode ser consultado aqui.
Comentar
Compartilhe
Romário escala Joel Santana
20/10/2015 | 12h32

baixinho e papai joel

O senador Romário, presidente estadual do PSB, publicou uma foto no Facebook ao lado do treinador Joel Santana e colocou a seguinte legenda: "Nova contratação. Kkkkkk".

Logo após a postagem, um internauta comentou, ironizando o inglês do "Papai Joel": "Tá de brinqueichon Romário!?". Mas não era brincadeira do Baixinho.

Joel Santana é o mais novo filiado do PSB e será escalado por Romário para disputar uma cadeira na Câmara do Rio em 2016.

Por telefone, indagado pela reportagem do "Extra", o técnico confirmou a filiação ao partido.

Comentar
Compartilhe
Quem poderá defender?
27/10/2015 | 05h16

defender

O "faraó" rosáceo não anda nada satisfeito com o desempenho de alguns aliados.  Na visão do líder, tem muita gente que se esconde na hora que da tormenta e só aparece na maré mansa. Ou seja, deixam todo o desgaste para o "faraó" e a "rainha".

Durante o seminário de ontem (26) o líder cobrou mais atitude dos responsáveis pela Saúde. Segundo o líder, eles deveriam rebater com mais força e mostrar dados contundentes. Sobrou até para o vice-prefeito e secretário de Saúde Chicão Oliveira (PP), que ouviu um comentário irônico sobre essa suposta passividade da turma da Saúde.

Por conta da insatisfação, já especula-se nos bastidores uma possível "dança das cadeiras", com uma possível convocação dos vereadores Edson Batista (PTB) e Paulo Hirano (PR), para reforçar a Saúde.

Comentar
Compartilhe
Gol de placa
27/10/2015 | 01h20
[caption id="attachment_36758" align="aligncenter" width="482"]Marcinho (de óculos), aposta nas categorias de base do Roxinho e coleciona bons resultados Marcinho (de óculos), aposta nas categorias de base do Roxinho e coleciona bons resultados[/caption]

Se o ano de 2015 tem sido caótico para muita gente, o mesmo não pode ser dito em relação ao Campos Atlético Associação, o Roxinho, que tem motivos de sobra para comemorar os 103 anos. Além de conseguir o grande feito de subir para a série B do campeonato Estadual, de forma invicta, o clube também brilha nas categorias de base e conta com uma gestão criativa e eficiente. De olho na série B, onde terá a companhia de Goytacaz e Americano, o Roxinho já anunciou alguns reforços, como o atacante Vinícius Paquetá e o zagueiro Leandro de Souza. Além disso, deve revelar novas parcerias e já renovou com o técnico Rafael Soriano.

Por conta do trabalho no Roxinho, o presidente do clube, Márcio Reinaldo, o Marcinho, é um dos pré-candidatos à Câmara de Campos mais cobiçados pelos partidos políticos que estão montando suas nominatas visando as eleições de 2016. Em 2012, antes do sucesso com o Roxinho, Marcinho obteve 1.375 votos.

Comentar
Compartilhe
Caiu na rede
23/10/2015 | 01h59
cardápio Tudo isso na cidade que diz investir R$ 38 milhões na merenda escolar (aqui).

Quem está comendo a merenda? - No último dia 13 o vereador Marcão (PT) usou a tribuna da Câmara para comentar sobre gastos do governo Rosinha, no apagar das luzes de 2014, com merenda escolar. “Em quatro dias, entre 26 e 30 de dezembro do ano passado, logo após o governo conseguir um empréstimo de R$ 300 milhões junto ao Banco do Brasil, foram três decretos para aquisição de merenda escolar. O total ficou em R$ 19 milhões. Quem comeu essa merenda toda? A prefeita chama o marido de Bolinha, mas não acredito que Garotinho possa ter comido essa merenda toda. Ele tá gordinho, mas não comeu isso tudo sozinho. Só para lembrar, nessa época os alunos estavam de férias”, disse Marcão.

Comentar
Compartilhe
PEN com Pudim
11/10/2015 | 12h35
[caption id="attachment_36467" align="aligncenter" width="452"]André Lazaroni, Assuer Junior, Pudim e Paulo Roberto Moraes selaram a parceria do PEN com o prefeitável do PMDB André Lazaroni, Assuer Junior, Pudim e Paulo Roberto Moraes selaram a parceria [/caption] Não é só o "rolo compressor" rosáceo que está "fisgando" partidos nanicos (aqui) nesta fase inicial de alianças. O deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB), pré-candidato à Prefeitura de Campos, conseguiu o apoio do Partido Ecológico Nacional (PEN), que estava entre a oposição e a situação. A articulação envolveu o deputado estadual Abdré Lazaroni (PMDB) e seu pai, Paulo Roberto Moraes. Quem deve assumir o partido em Campos é Assuer Junior.  Tendo em vista as movimentações no tabuleiro político, outras alianças devem ser anunciadas nos próximos dias.
Comentar
Compartilhe
"Venda do futuro": dinheiro na conta?
15/10/2015 | 02h01

homem-e-dinheiro

Nos bastidores os aliados do governo rosáceo já comemoram a "venda do futuro" e garantem que a verba tá na conta. Pelos cálculos dos animados governistas, a bolada (seria R$ 1,1 bilhão) chega para quitar dívidas e colocar ordem na casa. Porém, ninguém comenta sobre o custo da operação, nem o prazo.

No final de setembro o líder rosáceo informou que o processo de criação do fundo já teria sido aprovado pelo Comitê de Fundos da Caixa Econômica, que estava preparando a venda de títulos na Bolsa de Nova Iorque (EUA), via leilão. Ele disse também que houve resistências por parte do Governo Federal, mas que “o Levy (ministro da Fazenda), já compreendeu que a operação não afeta o déficit fiscal”.

Atualização às 15h08 - O líder rosáceo, que está em Brasília, já avisou aos seus aliados que a antecipação está sacramentada e deve acontecer até o próximo dia 25.

Mais informações na edição de amanhã (16) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Garotinho diz que Pudim "azedou"
06/10/2015 | 12h47
garotinho1 Após ser apontado pelo deputado estadual Geraldo Pudim (PMDB) como alguém incapaz de “enxergar para além da órbita do próprio umbigo”, que sofre da doença do “poder pelo poder” e não busca cura (aqui), o secretário de Governo Anthony Garotinho (PR) trocou o seu lado franco atirador pelo estilo irônico. Hoje (06), durante o seu programa de rádio, Garotinho disse que, ao falar sobre câncer no governo Rosinha, Pudim deveria estar se referindo ao hospital Álvaro Alvim, que agora conta com um acelerador linear avaliado em R$ 2,5 milhões. "Este reforço para o tratamento do câncer foi conseguido através do meu mandato como deputado federal", disse Garotinho. Depois, finalizou cutucando o ex-amigo e ex-aliado: “Esse aí azedou”. Vereadores opinaram - Em sua edição de hoje, a Folha traz uma repercussão da entrevista com diversas visões. Opinaram os vereadores Rafael Diniz (PPS), Gil Vianna (PSB), Mauro Silva (PT dol B), Edson Batista (PTB), Nildo Cardoso (PSD) e Alexandre Tadeu (PRB). Confira: aqui  O blog do Ralfe Reis publicou nota sobre os comentários de Garotinho.
Comentar
Compartilhe
Desorganização
04/10/2015 | 10h35
[caption id="attachment_36346" align="aligncenter" width="540"]Facebook/Fabrício Lírio Facebook/Fabrício Lírio[/caption]

Como a Folha da Manhã informou (aqui) o Brasil escolheu neste domingo (04), por meio de voto facultativo, 30 mil novos conselheiros tutelares. Em Campos, 70 candidatos concorreram a 25 vagas e o processo foi marcado por longas filas, desrespeito, desorganização e tumulto.

Nas redes sociais, diversos internautas protestaram. Confira alguns desabafos:

Sergio Luiz Bessa: "Muito mal organizado. Levei mais de duas horas na fila (...) uma vergonha, falta de organização total, falta de interesse dos organizadores".

Alex Sandro De Azevedo Monteiro: "Eu sofri aqui na zona 75 cheguei 8:30 da manhã e 12:00 a fila estava no mesmo lugar, não aguentei, pois as costas doíam, e fui embora".

Xandão Rocha: "Uma pouca vergonha péssima a organização. Mu pai com 70 anos não teve prioridade!!! Vergonha vergonha!".

Gildo Henrique: "Na Terceira Idade do Parque Tamandaré foi a mesma coisa. Fui duas vezes e desisti".

Fabrício Lírio: "A quem interessa está eleição viciada... já começou errado, três horas na fila por um voto espontâneo??? Está difícil este ato de cidadania.. zona 76 está assim o dia todo. . uma zona.. sabe de quem é a culpa?? Faltou competência dos responsáveis pela organização".

Fran Mendes Silva: "Eu estava nessa fila e muita gente que conhece teve que ir embora por tem outros compromissos, total falta de organização".

Kandice Jassus Duarte: "Fui votar e não consegui... Depois de 2 horas numa fila e chuva no lombo, decidi vir embora para casa!"

Vania Cruz: "Total desrespeito para com o eleitor. Fui 2 vezes ao local e voltei. Filas quilométricas".

Em seu blog "Arredores campistas" (aqui), o jornalista Cilênio Tavares também comentou sobre a bagunça: "Se a ideia era bagunçar o coreto, a eleição realizada neste domingo, em Campos, para escolher conselheiros tutelares que ficarão no cargo pelos próximos quatro anos, o objetivo foi alcançado. Sim, porque já faz é tempo que não se via tanto desrespeito com o direito de o cidadão exercer seu direito de voto, num pleito em que sequer é obrigatório votar".

Comentar
Compartilhe
Dona Penha tenta abrir sessão, mas esbarra na falta de quórum
21/10/2015 | 06h16

dona penha

Com a presença de apenas sete vereadores no plenário (Albertinho, Álvaro César, Dayvison, Fred Machado, Magal, Dona Penha e Rafael Diniz), a Câmara de Campos não contou com sessão na tarde desta quarta-feira (21).

Disposta a iniciar os trabalhos, a vereadora Dona Penha (DEM) sentou na cadeira do presidente, Edson Batista (PTB) e fez uma chamada. Porém, ao constatar a falta de vereadores para abrir a sessão, ela encerrou e convocou os colegas para a próxima terça-feira. "Espero que na terça tenha quórum", disse.

Sem debate - Todos esperavam um debate sobre a polêmica intervenção da Prefeitura na Santa Casa. Porém, com a ausência de 18 vereadores, o debate ficou para depois.

Comentar
Compartilhe
Enquanto isso, em uma escola municipal...
24/10/2015 | 01h27

Enquanto a prefeita Rosinha Garotinho (PR) luta na Justiça para assumir a Santa Casa, a escola municipal Santo Antônio, no Jardim Carioca, precisa urgentemente de uma intervenção. São pares com mofo, infiltrações, banheiros imundos e muito entulho. Confira as fotos compartilhadas no Facebook pelo advogado Cláudio Andrade:

escola 1 escola 2 escola 3 escola 4 escola 5
Comentar
Compartilhe
Tudo rosa na Alerj
01/10/2015 | 04h03
[caption id="" align="alignnone" width="524"]Deputados se vestem de cpr de rosa Deputados se vestem de cpr de rosa Foto: Octacílio Barbosa / Alerj[/caption]
Em referência ao Outubro Rosa, a maioria dos deputados da Assembleia do Rio foi trabalhar, nesta quinta-feira (01), com alguma peça do vestuário em diferentes tons de cor de rosa.

O mês é dedicado à conscientização das mulheres na prevenção e nos cuidados contra o câncer de mama.

Mais tarde, às 18h, o Palácio Tiradentes ficará iluminado de rosa e haverá uma apresentação do coral da casa.

Presidente Jorge Picciani de camisa e gravata em tons de rosa
Fonte: Extra, Extra/Berenice Seara 
Comentar
Compartilhe
É tudo dela!
30/10/2015 | 02h44
[caption id="attachment_36862" align="aligncenter" width="474"]rainha Montagem inspirada na personagem Tany, da minissérie bíblica "José do Egito"[/caption]

Pronto, a rainha rosácea mostrou que é poderosa, que "tá pagaaando", e ganhou a queda de braço contra a junta interventora da Santa Casa na Justiça. Agora, pode dar as cartas da maneira que achar melhor e os súditos vão te que engolir.

E nem ouse questionar, hein!

Durante a dinastia rosácea ela já desafiou a Justiça e acampou na Prefeitura, municipalizou o aeroporto, tomou os ônibus na marra, dominou a Câmara e calou entidades de classe.

Comentar
Compartilhe
Novo ranking da Educação: Campos fica em 88° lugar, com nota 3,6
08/10/2015 | 08h48

ioeb-rio-de-janeiro-WEB

Com 8.180 habitantes, Comendador Levy Gasparian é o município do estado do Rio com as melhores condições de ensino básico. A constatação é do Índice de Oportunidades da Educação Brasileira (Ioeb), levantamento inédito sobre o aprendizado em todo o país. Já o município de Campos, que amarga a antepenúltima colocação no ranking do Ideb (aqui), ficou em 88° lugar no ranking do Ioeb, com nota 3,6, superando apenas quatro cidades (Japeri, Santa Maria Madalena, Arraial do Cabo e Belford Roxo). Campos tem a pior nota entre todos os municípios do Norte e Noroeste.

Municípios como Italva (7° lugar), Itaocara (9° lugar), São Fidélis (16° lugar) e Cambuci (18° lugar), apareceram bem no ranking. São João da Barra ficou em 42° lugar, com nota 4,2, superando Macaé, que ficou com nota 4,1, assim como Quissamã (4,1). São Francisco do Itabapoana ficou com 3,9.

O novo indicador é fruto de estudo do Centro de Liderança Pública (CLP), com a poio das fundações Roberto Marinho e Lemann e do Instituto Península. Além de considerar a nota do Ideb, o índice se baseia em critérios como escolaridade de professores e taxa de atendimento na educação infantil. "A ideia é mostrar qual seria a situação de um aluno se estivesse no município “A”, em vez do “B”. Na verdade, é um indicador que agrega vários outros indicadores com o objetivo de aferir a qualidade educacional", diz Reynaldo Fernandes, ex-presidente do Inep (instituto do Ministério da Educação que faz avaliações do ensino) e um dos autores do recém-lançado índice.

Mas ele faz um alerta: "Nenhum indicador é receita de bolo. Todos são termômetros. O importante é que levem a uma mobilização", frisou. No ranking dos estados, o Rio de Janeiro não foi bem: entre os 27, ficou em 15º. Entre os 25 melhores municípios brasileiros, nenhum é do Rio.

Mesmo insatisfeito com o resultado, o secretário estadual de Educação, Antonio Neto, elogiou a criação do Ioeb, que reúne as escolas públicas e particulares num mesmo índice. "É positivo para a sociedade ter um indicador que está focado numa região. Embora o Rio tenha avançado na educação nos últimos anos, o Ioeb mostra o nosso desafio de superar desigualdades. O objetivo é entender as dificuldades e virtudes de cada região", diz.

O município do Rio ficou em 27º lugar entre os 92 do estado e foi a 11ª entre as 27 capitais. Helena Bomeny, secretária municipal de Educação, ressaltou as dificuldades que as grandes redes enfrentam. "Não é justo comparar um município que tem 12 mil alunos com outro que tem 600 mil", defendeu-se.

O Ioeb pode ser acessado no site www.ioeb.org.br Fonte: Extra  Atualização às 18h50 - Prefeitura comenta - De acordo com uma nota enviada pela Superintendência de Comunicação, "o Ioeb identificou o impacto negativo do atendimento ao ensino médio, que é competência do Estado, na formação da nota do município.  O Ioeb mede as oportunidades de ensino em todas as esferas (municipal,  estadual e particular) e é feito por Organizações Não Governamentais. O mesmo estudo do Ioeb revela que, em relação à oportunidade de matrícula de 0 a 6 anos, que compete ao município, Campos, que está com média 5,1,  está acima da média nacional, que foi de 4,1. De acordo o secretário municipal de Educação, Cultura e Esportes, Frederico Rangel, diretor do Sindicato dos Professores da Rede Particular (Simpro),  outro fator positivo se refere ao nível de qualificação dos professores, que em sua maioria tem ensino superior". Leia a matéria completa na edição de amanhã (09) da Folha 
Comentar
Compartilhe
Prefeitura prevê R$ 7,8 milhões para combustíveis
19/10/2015 | 12h19
combustível Foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (19) o extrato do 2° termo aditivo, prorrogação de prazo, para a "implantação e operação de sistema informatizado e integrado, via web, on-line e em tempo real de gestão de frota com aquisição de combustíveis". Prazo aditivado: 12 (Doze) meses. Valor Aditivado: R$ 7.890.445,45 (sete milhões, oitocentos e noventa mil, quatrocentos e quarenta e cinco reais e quarenta e cinco centavos). Nova Rio com R$ 23 milhões para "serviços de limpeza" - Também foi publicado nesta segunda-feira, por omissão, um aditivo de janeiro deste ano que previu R$ 23 milhões para serviços de limpeza. A empresa foi a Nova Rio.
Comentar
Compartilhe
Cofre aberto: Rosinha vai gastar R$ 10 milhões com "serviços de publicidade"
16/10/2015 | 01h06

Foram publicados no Diário Oficial desta sexta-feira (16) os extratos de dois termos aditivos - prorrogação contratual - com duas agências de publicidade que prestam serviços ao governo Rosinha. Valor dos aditivos: R$ 5 milhões para a AGÊNCIA MIND COMUNICAÇÃO E MARKETING S/S LTDA EPP e mais R$ 5 milhões para a TINOCO MACHADO COMÉRCIO E REPRESENTAÇÕES LTDA.

publicidade

Em tempos de governo desgastado, nada melhor do que um pouco de propaganda. Como ensina o livro “48 Leis do Poder”, quando a dificuldade é grande, o segredo é “criar espetáculos atraentes (…) Distraia as pessoas da realidade desagradável”.
Comentar
Compartilhe
"Venda do futuro" subiu no telhado?
22/10/2015 | 03h02
Na última semana o secretário de Governo da Prefeitura de Campos, Anthony Garotinho (PR), mandou mensagens aos aliados e avisou que a antecipação de receitas estava bem próxima de sair.

Em sua emissora de rádio, o líder rosáceo afirmou que "até o dia 03 o dinheiro estará na conta" (aqui). Segundo Garotinho, a antecipação de R$ 1,1 bilhão colocaria ordem na casa. “A Prefeitura vai poder recontratar porteiros, auxiliares de serviços gerais, por exemplo. A gente sabe que as escolas não estão sendo limpas como deveriam. Além disso, será possível colocar todas as obras e convênios em dia”, frisou.

Porém, nem todos estão otimistas. Prefeitos da região já sentiram que a coisa não está tão certa como o líder rosáceo anda vendendo.

Em Macaé, por exemplo, o prefeito Dr. Aluízio (PMDB) está trabalhando com outras alternativas e já abriu mão do próprio salário e sugeriu que o vice e os vereadores façam o mesmo. Além disso, o prefeito solicitou junto ao governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) e o presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro (Alerj), Jorge Picciani (PMDB), a inclusão de Macaé no projeto de revisão da Lei 4.533/05, a chamada Lei Rosinha. O texto trata da redução de 19% para 2% na base de cálculo da alíquota do ICMS. O objetivo principal é garantir a redução do imposto para as empresas aqui instaladas, fomentando a economia local. De acordo com o prefeito, o momento requer união de esforços e de apoio à indústria que gera emprego e renda para o município.

De quem é a culpa? - Se a "venda" não se concretizar, os rosáceos vão tentar colocar a culpa na Caixa, no ministro da Fazenda e na oposição. Porém, é bom lembrar que o caos começou em 2014, quando a Prefeitura teve R$ 2,5 bilhões e, mesmo assim, precisou do primeiro empréstimo.

Comentar
Compartilhe
Secretário avisa: "Qualquer problema é só ligar 98826-4299"
11/10/2015 | 01h03
[caption id="attachment_36470" align="aligncenter" width="488"]Secretário de Infraestrutura, que visitou a "Disney", se colocou à disposição - Facebook/Maninho Azevedo Secretário de Infraestrutura, que visitou a "Disney", se colocou à disposição - Facebook/Maninho Azevedo[/caption]

O eterno secretário da Prefeitura de Campos, Edílson Peixoto, participou ontem (10) do programa "Entrevista Coletiva", na Diário FM, e se colocou à disposição dos cidadãos que desejam buscar soluções para problemas como obras paradas, buracos, e outras atribuições da sua pasta (Infraestrutura e Mobilidade Urbana). "Sou um servidor público e minha missão é atender todas as pessoas. Dentro das nossas limitações, vamos buscar resolver os problemas. Quem quiser pode ligar, o número é 98826-4299", disse Edílson Peixoto, que nos últimos dias acompanhou de perto as obras na "Cidade da Criança", a "Disney" goitacá.

ligue

Comentar
Compartilhe
E agora, Chicão?
30/10/2015 | 03h39

O vice-prefeito Chicão Oliveira (PP) enfrenta um processo de "fritura".

No grupo rosáceo, diversos aliados colocam na conta do médico muitos problemas que envolvem a Saúde. Durante o seminário no Trianon, o secretário de Governo Anthony Garotinho disse que desejava uma postura mais firme na defesa do governo.

Atuar no grupo rosáceo, comandado por um líder centralizador, não é uma tarefa fácil. É possível contar nos dedos, de uma mão só, os aliados que conseguem engolir sapos em silêncio e reverenciar o líder.

Apontado em pesquisas como o nome mais viável do grupo para disputar a Prefeitura, Chicão sabe que a vida é feita de escolhas e renúncias.

É hora de engolir sapos ou chutar o balde?

Comentar
Compartilhe
Aditivo: Locação de veículos para gabinete da prefeita, vice e secretaria
26/10/2015 | 09h55

veículos

Foi publicado no Diário Oficial desta segunda-feira (26) o extrato do 1º termo aditivo para prestação de serviços de locação de veículos do tipo sedan, sem fornecimento de combustível e sem motoristas - visando atender ao gabinete da prefeita, gabinete do vice-prefeito e Secretaria de Paz e Defesa Social. É bom lembrar que a secretaria de Paz nem existe mais. Se transformou em uma superintendência.

A publicação não informa o valor do contrato.

Veículo blindado - Pela homologação do pregão, publicada em novembro, também não é possível saber o valor, mas informa que são seis veículos do tipo Sedan, sendo um adaptado com blindagem.

Mais de meio milhão em 2012 - Em 2012 o contrato anual para o gabinete da prefeita, vice e coordenadorias, custou mais de meio milhão aos cofres públicos. Valor: R$ 507.260,88. Na época, o blog do jornalista Ricardo André Vasconcelos informou que Rosinha pagou mais caro pelos carros do que o senador Renan Calheiros (PMDB). Veja: aqui 

Comentar
Compartilhe
Com pneus carecas, ambulância precisa de socorro
13/10/2015 | 11h44

careca

Em seu perfil no Facebook, o Jorge Azeredo publicou um vídeo (aqui) com uma situação inusitada. Uma ambulância da Prefeitura, com os pneus totalmente carecas, precisou de socorro para conseguir subir a rampa do hospital Plantadores de Cana. "Viva a Cidade da Criança, viva o Cepop, viva todo nosso dinheiro jogado no lixo por esse desgoverno Rosa", postou o internauta.

Em janeiro deste ano foi assinado um contrato para aluguel de ambulâncias. Valor: R$ 13,6 milhões (empresa Prime Administração e  Serviços).

Atualização às 19h10- A superintendência de Comunicação informa que "a Prefeitura de Campos está renovando a frota de ambulâncias esta semana. As primeiras que chegaram já começaram a ser entregues nesta quarta-feira (14) em quatro bairros. Até sexta-feira (16), serão 12 ambulâncias entregues no total. De acordo com o secretário municipal de Gestão de Pessoas e Contratos, Fábio Ribeiro, a renovação da frota de ambulâncias chegará a pelo menos 82".

Comentar
Compartilhe
Edafo com aditivo de R$ 187 mil
19/10/2015 | 12h41
Em dezembro do ano passado, quatro meses após uma operação da Justiça Eleitoral encontrar material de campanha do PR em um galpão da Edafo Construções, a empresa contou com um aditivo de R$ 187 mil para a obra de uma UBS na Pecuária.  A publicação sobre o segundo termo aditivo está no Diário Oficial desta segunda-feira (19).

De acordo com matéria publicada pelo jornal "O Globo" em setembro do ano passado, o galpão da Edafo funcionava como bunker da campanha do ex-governador Anthony Garotinho ao governo do estado e de candidatos do PR. A Edafo Construções, dona do imóvel em Campos, está no centro de uma investigação. A confissão de um “laranja” (DJ Júlio Cossolosso) revelou uma teia de relações entre a gestão municipal, comandada pela prefeita Rosinha Garotinho, a empreiteira e a campanha eleitoral (aqui).

Comentar
Compartilhe
Clarissa desiste de disputa pela Prefeitura do Rio
28/10/2015 | 10h44

Clarissa3

A deputada federal Clarissa Garotinho (PR) bateu o martelo. Desistiu da candidatura à Prefeitura do Rio em 2016. No primeiro semestre do ano que vem, vai se dividir entre a Câmara Federal e o nascimento de seu primeiro filho.

Fonte: Lauro Jardim/O Globo 

Números - Pesquisa divulgada em julho (aqui) mostrou o senador Marcelo Crivella (PRB) na liderança da corrida pela Prefeitura do Rio, com 32,2%, seguido pelo senador Romário (PSB), com 27,6%. Atrás de Crivella e Romário estava o deputado estadual Marcelo Freixo (Psol), com 13,2%. Em seguida vinha Clarissa, com 6,5%. O candidato do prefeito Eduardo Paes (PMDB), o secretário executivo de coordenação do governo do Rio, Pedro Paulo (PMDB), apareceu com 3%.

Comentar
Compartilhe
Mudança no PHS
10/10/2015 | 10h18

sandro

A Executiva Nacional do PHS recebeu na última quarta-feira a filiação de Sandro Matos, atual prefeito de São João de Meriti, município da Baixada Fluminense. Sandro Matos, que foi vereador, deputado federal por dois mandados e prefeito eleito e reeleito de Meriti, será o presidente do PHS no estado do Rio de Janeiro.

Em Campos, o PHS é presidido por Wainer Teixeira de Castro, que atua no governo Rosinha como presidente da Codemca. Além disso, conta na Câmara com a vereadora Auxiliadora Freitas.

Garotinho já chamou de "cara de pau" e apontou "desvio na merenda" - É bom lembrar que o novo presidente estadual do PHS já foi chamado de caloteiro e péssimo administrador (aqui) pelo ex-governador Anthony Garotinho (PR). Além disso, Garotinho também já chamou Sandro de "cara de pau" e apontou "desvios na merenda escolar de São João de Meriti" (aqui).

Será que a aliança do PHS com o governo rosáceo vai continuar?

Comentar
Compartilhe
Rosinha com vitória no TRE
27/10/2015 | 07h04

rosinha

O blog do Ralfe Reis informa (aqui) que um recurso interposto pelo empresário José Geraldo, que pedia a cassação do mandato da prefeita Rosinha Garotinho (PR) por abuso de poder, foi negado pelo plenário do Tribunal Regional Eleitoral (TRE).

Sem-título8

A ação se refere aos postes rosáceos (ou roxo paixão) durante as eleições de 2012 e a prefeita já havia obtido um resultado favorável. Em contato com o blog, José Geraldo informou que já esperava que seria difícil "virar o jogo" no TRE. "Era um julgamento importante para nós campistas, em especial diante desse caos administrativo que estamos vivendo nesses ultimos meses, e que tende a piorar ainda mais. Chega a ser mesmo deasanimador. Até parece que é exatamente isso que quer o Judiciário. Mas sabíamos que era difícil virar esse jogo. Agora vamos analisar o acórdão e verificar a conveniência e oportunidade de recursos", afirmou.

Entenda - Em setembro de 2012, após a Justiça Eleitoral determinar que postes da cidade de Campos fossem repintados de uma cor diferente do rosa, a então candidata à reeleição teve mais um revés na sua conturbada e judicializada campanha eleitoral. A Promotoria Eleitoral de Campos anunciou que foi ajuizado um pedido de cassação do registro de Rosinha e de seu vice por abuso de poder e conduta vedada. O órgão também pediu a cassação do diploma da chapa, caso Rosinha fosse reeleita na cidade.

Outra ação - Em julho deste ano, uma outra ação proposta por José Geraldo gerou a cassação dos mandatos da prefeita Rosinha e do vice-prefeito Chicão. Ambos são acusados de contratar 1.166 servidores temporários pelo Regime Especial de Direito Administrativo (Reda), às vésperas das eleições. A decisão foi do juiz Luiz Alfredo Carvalho Júnior, da 99ª Zona Eleitoral de Campos.

Agora, a ação deve entrar na pauta do TRE. Em caso de vitória, a prefeita continua no cargo. Porém, se a decisão de Campos for mantida, ela e Chicão teriam que deixar o cargo.

Comentar
Compartilhe
Arnaldo na mira da "Tropa Rosácea"
27/10/2015 | 01h26
arnaldo

Como trabalha frequentemente com pesquisas, o líder rosáceo já notou que o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) vem aparecendo com força em áreas que o seu grupo reinava absoluto nos últimos anos. Por conta disso, vai começar a usar a sua "tropa de choque" para bombardear o adversário. A ideia é falar sobre conta no exterior, nepotismo, problemas jurídicos e banheiro de R$ 30 mil.

Olha eu aqui - Em 2010, após reverter uma decisão judicial que cassou o seu mandato e a deixou afastada da Prefeitura durante seis meses, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) cantou, emocionada, uma música da cantora Beatriz, que diz: "O inimigo até pensou que eu já tinha desistido. Espalhou pra todo mundo que eu tinha morrido. Mas pra vergonha dele: olha eu aqui". Cinco anos depois, é a vez de Arnaldo mandar um recado: "Não disseram que eu tinha morrido? Olha eu aqui!".

Comentar
Compartilhe
Por unanimidade, TCU rejeita contas de Dilma
07/10/2015 | 08h38
[caption id="attachment_36418" align="aligncenter" width="508"]O ministro Augusto Nardes passa pelo presidente do tribunal, ministro Aroldo Cedraz, durante sessão do TCU para analisar contas de Dilma - André Coelho / Agência O Globo O ministro Augusto Nardes passa pelo presidente do tribunal, ministro Aroldo Cedraz, durante sessão do TCU para analisar contas de Dilma - André Coelho / Agência O Globo[/caption] O Tribunal de Contas da União (TCU) aprovou, por unanimidade, um parecer pela rejeição das contas de 2014 da presidente Dilma Rousseff. Os oito ministros titulares presentes em plenário entenderam haver irregularidades nos gastos e decidiram encaminhar ao Congresso Nacional a sugestão de reprovação das contas de Dilma. A última vez que isso ocorreu foi em 1937, no governo de Getúlio Vargas. A palavra final sobre as contas é do Congresso. O ministro Augusto Nardes votou pela rejeição das contas. O relator citou, em seu parecer prévio, a existência de distorções de R$ 106 bilhões na execução orçamentária do ano passado, sendo R$ 40 bilhões referentes às “pedaladas fiscais”, e o restante relacionado a gastos e créditos orçamentários suplementares sem autorização do Congresso Nacional.
Nardes concordou integralmente com o relatório técnico que subsidiou seu voto. Neste texto, 14 auditores elencaram 12 indícios de irregularidades, dos 15 indícios apresentados inicialmente. O entendimento foi que as duas defesas apresentadas pela presidente Dilma Rousseff não elidiram as irregularidades, o que acabou mantido no parecer prévio do relator submetido à votação em plenário.

— A situação fiscal é incompatível com a realidade. Comprometeu a gestão fiscal, feriu diversos dispositivos constitucionais e legais, especialmente a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) — disse Nardes, sugerindo ao Congresso Nacional um parecer pela rejeição das contas.

O trâmite da análise das contas do governo no Congresso Nacional não é rápido. O parecer do TCU deve ser encaminhado à Comissão Mista de Orçamento que, regimentalmente, tem 82 dias para a análise. Se o texto chegar, por exemplo, sexta-feira, a comissão terá até 29 de dezembro, quando o Congresso já estará em recesso. Isso sem contar que as sessões na Comissão de Orçamento podem ser adiadas por falta de quórum. Depois de passar pela comissão, o presidente do Senado, Renan Calheiros, não tem prazo para colocar o tema na pauta do plenário.

Fonte: O Globo (aqui)

Comentar
Compartilhe
Professor desabafa: "Nunca vi tamanho descaso com a educação"
11/10/2015 | 10h31

Em mensagem enviada ao blog, o professor Alcenir Bueno Freire fez um desabafo sobre a situação da Educação no município de Campos.

Na visão do educador, que alega nunca ter visto tanto descaso, falta diálogo e os atuais gestores trabalham para "mascarar uma realidade". Ele também questiona os gastos milionários com os materiais didáticos da Expoente, apontados por ele como de "péssima qualidade". Confira:

"Bastos, sou professor da rede municipal há 12 anos e servidor da rede Faetec. Há 21 anos leciono e nunca vi tamanho descaso com a educação como agora. É assustador ter essa colocação de nosso município no Ideb e constatar que nada é feito de concreto. Querem apenas mascarar uma realidade. Agora falam em aprovação automática para todos os segmentos do fundamental.Você não vê a Smece buscar dialogar com os educadores de nosso município, formar conselhos verdadeiros de educação, buscar dialogar com associações, sindicatos dos profissionais de educação, com a Uenf, enfim, na busca por elaborar um plano participativo que realmente vá atender as reais necessidades da educação de nosso município. A educação de Campos não pode ser uma ilha. É muito pouco deixá-la exposta sob o julgo de nossos nobres edis. Por que se gasta uma fortuna com um material de péssima qualidade do Expoente? Por que impedir a gestão participativa? Não se trata escolas como capitanias hereditárias. Acho que a falta de estrutura está associada a todos esses questionamentos que acabam por justificar nossa pífia colocação no Ideb".

Comentar
Compartilhe
Alexandre Tadeu: "Existe espaço para uma terceira via"
20/10/2015 | 01h12

to contigo

Na segunda colocação  da pesquisa do Instituto Informa (aqui), com 17,8%, o vereador Alexandre Tadeu (PRB), o Tô Contigo, diz que sua performance prova que há espaço para uma via alternativa. “A pesquisa revela que existe espaço para quem deseja apresentar uma alternativa aos grupos políticos que já tiveram a oportunidade de governar a cidade. Fica nítido que existe espaço para uma terceira via, com novas ideias. Estamos no caminho certo e vamos continuar trabalhando”, disse o vereador, que não cogita a possibilidade de recuar. "Quem apostar nisso vai errar", afirma.

A grande dificuldade do PRB, assim como ocorreu com o senador Marcelo Crivella na disputa pelo governo estadual, será a construção de alianças. Na disputa estadual, mesmo aparecendo muito bem nas pesquisas, Crivella não conseguiu atrair aliados. E Campos, o grupo governista abriu as portas para o Tô Contigo ser vice, mas por enquanto o presidente do partido na cidade, Carlos Henrique, garante que não existe conversa. “Aliança no Estado é uma coisa, em Campos  é outra. Até o presente momento não temos aliança com ninguém”, disse.

A ideia do PR é oferecer a vaga de vice ao vereador Alexandre Tadeu (PRB). Porém, o partido

Leia mais sobre a repercussão da pesquisa: aqui

 
Comentar
Compartilhe
Marcão: "Quem comeu R$ 19 milhões de merenda?"
13/10/2015 | 06h41

marcao (1)

O vereador Marcão (PT) usou a tribuna da Câmara durante a sessão desta terça-feira (13) para comentar sobre gastos do governo Rosinha, no apagar das luzes de 2014, com merenda escolar. "Em quatro dias, entre 26 e 30 de dezembro do ano passado, logo após o governo conseguir um empréstimo de R$ 300 milhões junto ao Banco do Brasil, foram três decretos para aquisição de merenda escolar. O total ficou em R$ 19 milhões. Quem comeu essa merenda toda? A prefeita chama o marido de Bolinha, mas não acredito que Garotinho possa ter comido essa merenda toda. Ele tá gordinho, mas não comeu isso tudo sozinho. Só para lembrar, nessa época os alunos estavam de férias", disse Marcão.

Líder do governo na Câmara, o vereador Mauro Silva (PT do B) protestou contra o discurso de Marcão. "Quero repudir o baixo nível do debate. O tema é importante, mas esse discurso irônico, com gritos, só tem a missão de deturpar e confundir a opinião pública. Estamos falando de uma rede com 60 mil alunos, de um governo que investe com seriedade na Educação. São recursos para merenda e também para pagar as merendeiras. O contrato é feito anualmente. É lamentável que questões importantes sejam tratadas de forma inconsequente. A oposição tem que apontar caminhos e descer do palanque eleitoral", frisou Mauro.

Mais informações na edição de amanhã (14) da Folha. 

Comentar
Compartilhe
Marcão: "Cunha é pilantra, e o professor foi Garotinho"
27/10/2015 | 08h39
marcao (1)

O vereador Genásio (PSC) apresentou durante a sessão desta terça-feira (27) uma moção de aplausos por conta do posicionamento da deputada federal Calrissa Garotinho (PR) diante do presidente da Câmara Federal, Eduardo Cunha (PMDB). "Ela vem combatendo esta figura corrupta que merece estar na cadeia. Por isso apresento essa moção, mesmo não sendo do PR", justificou Genásio.

Porém, o debate esquentou quando o vereador Marcão (PT) disparou. "Eduardo Cunha é especialista em pilantragem, e o professor dele foi o Garotinho", afirmou, lembrando que Cunha foi aliado do líder rosáceo durante o tempo em a turma do chuvisco comandou o governo estadual.

Para saber sobre o passado de Cunha, clique aqui 

Comentar
Compartilhe
Trio elétrico: Prefeitura paga R$ 38,8 mil
29/10/2015 | 12h04
trio Atrás do trio elétrico só não vai quem já morreu... A Prefeitura de Campos pagou, na última segunda-feira (26), mais R$ 38 mil com aluguel de trio elétrico. Quem recebeu foi a empresa AFONSON MEGA STAR CONSTRUCAO E SERV LTDA. A soma dos gastos com aluguéis de trios elétricos, só em 2015, supera os R$ 350 mil. Não seria melhor comprar um trio?
Comentar
Compartilhe