Thiago Virgílo: “Camarão que dorme a onda leva”
30/12/2013 | 16h44

O vereador Thiago Virgílio (PTC), que no início deste ano ganhou o apelido de Pit Bull rosa, resolveu rosnar para o advogado José Paes Neto. Em seu perfil no Facebook, ele disparou: “O advogado José Paes Neto fez o Concurso Público para trabalhar na Câmara Municipal de Campos, não entregou os documentos necessários para tomar posse e agora quer ficar reclamando e contando histórias. Sinceramente, acho que o que ele quer é aparecer. Doutor, Camarão que dorme, a onda leva!”, publicou.

Comentar
Compartilhe
Jogadas previsíveis
30/12/2013 | 14h11

Em janeiro deste ano, ou seja, há quase um ano, publiquei um artigo na Folha da Manhã intitulado "Quem quer anular o concurso da Câmara?" (aqui). Na ocasião, comentei que, em política, o mais importante não é o que dizem. As verdades estão escondidas entre palavras, atitudes, gestos e, principalmente, silêncios. Afirmei que toda polêmica envolvendo a gestão passada e a atual ia muito além de supostos “erros grosseiros” e  troca de farpas entre adversários que eram aliados e aliados que se transformaram em adversários.

No artigo, previ duas jogadas do tabuleiro político: "O grupo governista vai apontar falhas do ex-presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim, com o seguinte objetivo: anular o concurso realizado durante a gestão dele. Mas o que ganharia o grupo de Garotinho com a anulação do concurso? Para eles, seria uma forma de atingir dois alvos com apenas um disparo. Além de desgastar Nahim, a ideia é barrar a entrada do advogado José Paes Neto, que passou em primeiro lugar. Para quem não se lembra, José Paes é o autor da ação popular que barrou as terceirizações do Reda em agosto do ano passado. Na época, o governo municipal, através de nota oficial e de manifestações individuais de seus membros – inclusive de Garotinho, proferiu uma série de ataques ao advogado. Agora, alguns meses depois, é hora de mostrar quem tem o poder nas mãos".

Durante este ano, o que vimos? — Sem conseguir anular o Concurso, as peças foram posicionadas da seguinte forma: O vereador Thiago Virgílio (PTC) iniciou uma investigação da gestão de Nahim e a Câmara, presidida por Edson Batista (PTB) desclassificou José Paes Neto (1º colocado), com a alegação de que ele não entregou todos os documentos solicitados.

Mostrando quem manda, o grupo rosáceo continua colocando em prática seu plano maquiavélico.

Porém, com o passar dos anos, o experiente jogador anda cada vez mais previsível.

Comentar
Compartilhe
Forte calor faz população “inaugurar” Vila Olímpica
30/12/2013 | 00h27
[caption id="attachment_21639" align="aligncenter" width="455"] Carlos Grevi/Ururau[/caption]

Sem água desde a última sexta-feira e cansados de esperar pela inauguração oficial da Vila Olímpica, moradores do Conjunto Habitacional do Parque Santa Clara, em Guarus, resolveram pular nas piscinas para se refrescar. Cerca de 200 moradores do bairro, entre homens, mulheres e crianças, com boias e pranchas, invadiram o local por volta das 15h.

Porém, a alegria durou pouco tempo. A Guarda Civil acionou a Polícia Militar que retirou a população da Vila Olímpica.

Será que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) não poderia solicitar mais agilidade nos retoques finais da obra e entregar essa Vila Olímpica ainda esta semana?

[caption id="attachment_21640" align="aligncenter" width="420"] Carlos Grevi/Ururau[/caption]   Fonte: Ururau 
Comentar
Compartilhe
Justiça impede montagem de palcos para shows em São João da Barra
30/12/2013 | 00h12

Um problema no setor de licitação da Prefeitura de São João da Barra pode acabar com a festa de réveillon no município e, também, com os shows do verão 2014. De acordo com informações obtidas pelo Portalozk.com, a empresa vencedora do pregão para instalação de palcos estaria sem dois documentos: Ilícitos Trabalhistas e Engenheiro de Segurança do Trabalho. Com essas pendências, a empresa vencedora não poderia ganhar o pregão. Sendo assim, uma das empresas concorrentes entrou na Justiça e foi deferida uma liminar que impede a montagem dos palcos pela empresa vencedora para a realização dos shows no município sanjoanense. Cabe recurso.

Tudo indica que a Prefeitura deve correr contra o tempo nesta segunda-feira (30) para evitar o cancelamento dos eventos.

Fonte: Portal OZK

Comentar
Compartilhe
Políticos ouviram a voz das ruas?
29/12/2013 | 15h32
[caption id="attachment_21629" align="aligncenter" width="400"] Pressão. Manifestantes tomam o Congresso durante os protestos de junho André Coelho/17-6-2013[/caption]

Após a sacudida que o Congresso Nacional levou dos manifestantes que saíram às ruas este ano pedindo o fim da corrupção e a melhoria da qualidade de vida, parlamentares aceleraram o ritmo de votações e tiraram das gavetas projetos para compor uma “agenda positiva”, em resposta às reivindicações populares. Mas, da chamada pauta das ruas, com aprovação final, concluída pelas duas Casas, pouca coisa vingou, como o fim do voto secreto nos processos de cassações de mandatos. A proposta que transforma corrupção em crime hediondo, por exemplo, foi aprovado em junho no Senado, mas na Câmara Federal está adormecida.

A ambiciosa proposta do presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-AL), de aprovar a lei do passe livre para estudantes de todo o país, foi mais uma a cair no esquecimento. Arlindo Chinaglia (PMDB-SP), líder do governo na Câmara afirmou esta semana que a Câmara não atendeu os anseios das ruas: "Na minha opinião, na opinião do povo, nós não cumprimos. Não faço o julgamento de quem quer que seja, mas no julgamento popular, estamos em baixa e me inclua aí. Os motivos? Você pode abrir uma avenida. Não estou dizendo que a Câmara trabalhou mal. Mas foi insuficiente porque o mundo político está sob questão", afirmou Chinaglia.

[caption id="attachment_21630" align="aligncenter" width="361"] Foto de Marina Coutinho Nogueira/Facebook[/caption]

Campos — Em Campos, uma das manifestações contou com mais de cinco mil pessoas. Dias depois, os representantes do movimento "Cabruncos Livres" se reuniram com os vereadores e apresentaram uma pauta com as seguintes reivindicações: Orçamento Participativo, Eleição Direta para diretor de escola, ficha limpa para os cargos de confiança (DAS), fim da taxa de iluminação e diminuição dos salários dos vereadores.

Até agora, apenas a eleição para diretor de escola virou realidade. Mesmo assim, os representantes dos educadores questionam o modelo escolhido pela prefeita rosinha Garotinho (PR).

Ficha Limpa — O projeto que pretende cobrar a ficha limpa dos cargos de confiança foi apresentado pelo vereador Neném (PTB) em abril. Porém, seis dias antes, o vereador Fred Machado (SDD) já havia apresentado (aqui) uma emenda modificativa à Lei Orgânica para fazer valer a Lei da Ficha Limpa em todos os cargos municipais dos poderes Executivo e Legislativo de Campos. A paternidade da proposta gerou polêmica e, até hoje, não se sabe se virou realidade.

Orçamento Participativo — O projeto que pretende implementar em Campos o Orçamento Participativo foi apresentado pelo vereadores Marcão (PT) em julho. Porém, tudo indica que a proposta foi engavetada.

As outras reivindicações nem chegaram a ser discutidas.

Comentar
Compartilhe
Quem foi a mala do ano?
28/12/2013 | 12h01

O colunista do jornal “O Globo”, Artur Xexéu lançou há mais de dez anos o “prêmio” “Mala do Ano”. Nomes como Fernando Henrique Cardoso, Lula, Dilma, Garotinho, Rosinha e Cesar Maia já venceram a competição. Em Campos, o blog “João do Microfone” também já fez alguns campeonatos bem disputados com as malas do rádio. Nos últimos anos (aqui e aqui) este blog tem realizado a competição. No ano passado a disputa foi acirrada. A liderança ficou com o casal Garotinho. Na segunda colocação houve empate entre o ex-prefeito Alexandre Mocaiber e o médico Makhoul Moussallem.

E em 2013, quem foi a maior mala de Campos? 

Os votos podem ser enviados por comentários ou para o e-mail: [email protected]

Comentar
Compartilhe
Pesquisa regional: João Peixoto (8,16%), Wladimir (8,03%) e Carla (6,67%)
27/12/2013 | 14h51

De olho na corrida por cadeiras na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), o Instituto Pappel divulgou mais uma pesquisa. Foram ouvidos 4.123 eleitores em Campos, Macaé, Itaperuna, São Francisco do Itabapoana, São João da Barra, São Fidélis e Conceição de Macabú. Confira os números:

João Peixoto ... 8,16 % Wladimir Garotinho ... 8,03 Carla Machado ... 6,67 Riverton Mussi ... 5,40 Geraldo Pudim ... 4,55 Christino Áureo ... 3,80 Roberto Henriques ... 3,37 Professora Odete ... 3,25 Albertinho ... 3,19 Magal ... 2,92 Marcão ... 2,61 Gil Viana ... 2,38 Dr. Roninho ...2,32 Thiago Virgilio ... 1,71 Igor Sardinha ... 1,55 Tadeu '' Tô Contigo'' ... 1,50 Dr. Denilton ... 1,49 Marcos Barcelar ... 1,34 Edgar do Bradesco ... 1,31 Jair Bittencourt ... 1,31 Danilo Funke ... 1,28 Bruno Dauaire ... 1,14 Rafael Picciani ... 0,99 Pastor Eber ... 0,98 Amaro Luís ...0,96 Dr. Alexandre Cury Martins ... 0,82 Valdemar da Coobranorte ... 0,78 Erick Shunk ... 0,76 Clebinho ... 0,59 Elias Meiber ... 0,53 Paulo Melo ... 0,52 Prof. Alexandre ... 0,50 Fernando Paulada ... 0,49 Carlos Augusto ... 0,36 Marcelo da Fralda ... 0,19 Jair Bitencourt ... 0,18 Kitiely Freitas ... 0,18 Jorge Picciani ... 0,11 Marcelo Freixo ... 0,04 Bebeto ... 0,03 Edson Albertassi ... 0,02 Ricardo da Karol ... 0,02 Paulo Ramos ... 0,01 Marcos Soares ... 0,01 Nenhum ... 21,67
Comentar
Compartilhe
Como escapar dos buracos?
27/12/2013 | 01h44
Pelo jeito, a programação do "Verão da Família", na praia do Farol de São Thomé, começa com uma espécie de Rally. No Natal, quem partiu de Campos em direção a praia, encontrou este cenário: [caption id="attachment_21615" align="aligncenter" width="576"] Foto: Celio Marins/Facebook[/caption] Vale lembrar que, após as chuvas neste final de ano, os buracos se multiplicaram em diversos pontos da cidade. Em alguns locais é possível encontrar buracos até nos quebra-molas (aqui).
Comentar
Compartilhe
Contra a dengue
27/12/2013 | 01h38
Se os governantes não se movimentam, a população começa a buscar outros meios. Veja essa promoção em uma loja da rua Formosa, em Campos: [caption id="attachment_21611" align="aligncenter" width="346"]
Foto: Ranielle Nascimento/Facebook[/caption]
Comentar
Compartilhe
Sam Alves vence o The Voice Brasil
27/12/2013 | 00h11

A segunda temporada do The Voice Brasil chegou ao fim. Sam Alves é o grande vencedor do programa. O cearense conquistu 43% dos votos do público e é a mais nova voz do Brasil. O participante ganha o prêmio de R$ 500 mil, gerenciamento de carreira e um contrato com a Universal Music.

Na noite desta quinta-feira, 26, Sam Alves venceu Pedro Lima, Rubens Daniel e Lucy Alves. Ele interpretou Hallelujah, primeiramente em português e depois em inglês. Sam também dividiu o palco com Claudia Leitte.

Opiniões — Logo após a vitória, internautas deram suas opiniões no Facebook. Enquanto alguns vibravam e chamavam o vencedor de "anjinho", outros criticaram a escolha do público. Na visão de Mariana Dias Bousquet, venceu o melhor. "Meu candidato desde o 1º programa. Voz linda e uma luz imensa no palco. Você que foi deixado numa caixa de sapatos quando nasceu, hj conquista o Brasil. Deus sabe de todas as coisas", comemorou.

Já o professor Gustavo Landim Soffiati disparou: "Brasileiro gosta de estadunidense até do Paraguai. A nação tira as chuteiras e abre as pernas pro imperialismo ianque. Não é à toa que o cara adotou o nome de Sam. José Ramos Tinhorão deve estar com saudade da bossa nova", disse.

Comentar
Compartilhe
Boas surpresas
26/12/2013 | 22h38

Apesar de amargar a última colocação no ranking da Educação Básica (Ideb), o município de Campos contou com surpresas positivas na área educacional em 2013. A principal delas foi o jovem Valmique Bento da Silva, que venceu um concurso de redação organizado pela Nasa. Outro destaque foi a campista Letícia Tavares, que faturou a medalha de ouro na Olimpíada Nacional de Matemática, concorrendo com mais de 18 milhões de estudantes.

Comentar
Compartilhe
Sessão extraordinária na Câmara de SJB
26/12/2013 | 16h25

A Câmara Municipal de São João da Barra promoverá nesta sexta-feira, 27, às 09h30, uma sessão extraordinária solicitada pelo Executivo, tendo como pauta a apreciação dos projetos de lei nº 064, 065, 066, 067 e 068/2013 do Executivo. O primeiro trata da Lei do Concurso Público; já o segundo, Lei do Regime Especial. Os demais avaliam a Lei do Desconto de 80% do IPTU, Lei sobre a Gratificação da Comissão Permanente de Sindicância e a Lei de Gratificação de Junta Administrativa de Recursos de Infrações, respectivamente.

O projeto sobre o concurso público visa à criação de 86 vagas para diversos cargos na estrutura administrativa da Prefeitura, a fim de promover melhor organização para os cargos que executam a fiscalização no âmbito municipal. O edital do concurso será lançado no primeiro semestre de 2014. Já o segundo dispõe sobre a Lei do Regime Especial para a contratação de pessoal para cargos temporários no âmbito municipal, firmados em contrato.

IPTU — Com o objetivo de elevar a receita para os cofres públicos do município, os vereadores vão apreciar o projeto de lei que propõe o desconto nos juros e multas para pagamento à vista dos débitos tributários inscritos na dívida ativa municipal.

Os demais projetos da pauta dizem respeito à Gratificação da Comissão Permanente de Sindicância (067/2013) e o último, da criação de uma lei para a gratificação aos membros da Junta Administrativa de Recursos e Infrações - Jari (068/2013). Ambos visam valorizar os esforços exercidos pelos servidores municipais.

Comentar
Compartilhe
Shoppings do Brasil têm pior Natal dos últimos cinco anos
26/12/2013 | 12h32

Os shoppings do país tiveram em 2013 o pior Natal dos últimos cinco anos, informou nesta quinta-feira (26) o presidente da Associação Brasileira de Lojistas de Shopping (Alshop), Nabil Sahyoun. Desconsideranda a abertura de 16.000 lojas no ano, a média das vendas em shoppings não cresceu na comparação com 2012. Alguns setores, disse Sahyoun, reportaram queda na comparação das vendas em mesmas lojas.

Como exemplo ele cita que o segmento de vestuário, na comparação mesmas lojas, apresentou queda de 2%. "Podemos considerar que este Natal foi o pior dos últimos cinco anos", completou. Segundo a Alshop, as vendas no Natal foram afetadas pelo maior endividamento das famílias, pela menor disponibilidade de crédito e pela alta de inflação. O conjunto de fatores, diz a Associação, fez que os gastos com presentes de Natal em 2013 fosse inferior aos dos anos anteriores.

Considerando, porém, as novas lojas, as vendas no Natal de 2013 cresceram 5% em relação a igual período do ano passado, com destaque para o segmento de Perfumaria e Cosméticos, com expansão de 10%. Em contrapartida, o setor de Vestuário registrou aumento de apenas 2% no período neste tipo de avaliação.

Em todo o ano, as vendas em shoppings subiram 8% na comparação com 2012, motivadas pela abertura de 38 shoppings ao longo do ano e a expansão dos já existentes. As vendas nos centros de compras totalizaram 132,8 bilhões de reais em todo o país em 2013. A quantidade de lojas em shopping ao final de 2013 totalizou 129.900, aumento de 14,6% em relação a 2012.

Mesmo assim, o aumento de 8% ficou abaixo do esperado pela entidade, que no início do ano acreditava em um crescimento de 10% a 11%. Considerando a inflação acumulado no ano, a alta real foi de 2,5%.

Fonte: Veja 

Comentar
Compartilhe
Governistas flertam com a oposição
26/12/2013 | 00h13

Irritados com o tratamento recebido nos últimos meses, muitos governistas de Campos andam flertando com a oposição.  Entre os nomes estão vereadores, ex-vereadores e cabos eleitorais importantes. Alguns já ensaiam um discurso citando o posicionamento de seus partidos na eleição de 2014 como o principal motivo. Outros prometem sair disparando e revelando detalhes bem sórdidos da tropa rosácea.

O senador Lindbergh Farias (PT) e o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), pré-candidatos ao governo do estado, andam agendando reuniões com diversos políticos da região.

Porém, para alguns nomes experientes do governo Rosinha, um carinho especial vai chegar e fazer muita gente mudar de ideia.

Comentar
Compartilhe
O primeiro Natal
25/12/2013 | 17h54

O grupo voluntário Voa Flor, que na Páscoa emocionou muita gente com um belo vídeo narrado por crianças (aqui), dessa vez mostrou o significado do Natal de uma maneira criativa, emocionante e encantadora. Confira o vídeo intitulado "O Primeiro Natal":

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=WexHKOD0sHE&feature=c4-overview&list=UUBcnO-qXQnzMJ8HbnhL39ww[/youtube]

Comentar
Compartilhe
Lula ameaça voltar em 2018
24/12/2013 | 13h51

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva nunca disse de forma tão enfática: “Ele pode se preparar que eu volto em 2018”. Ele, no caso, é o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, que disputará o Planalto com a presidente Dilma Rousseff, preferida de Lula. “Vou acampar em Pernambuco”, disse Lula, segundo o relato de um de seus ministros. “Se me provocarem, vou me preparar para a sucessão da Dilma. O PT vai ficar 20 anos no poder.”

Fonte: Felipe Patury/Época 

Comentar
Compartilhe
Vila Olímpica com "piscina" natural
23/12/2013 | 19h21

No Jockey, antes mesmo da inauguração da Vila Olímpica, os moradores ganharam uma espécie de “piscina” natural. Porém, o “presente” de Natal não agradou ninguém. A mistura entre água de chuva e lama tem causado muitos transtornos.

Confira a foto enviada por um leitor:

No Parque Saraiva, a rua Manoel Dantas, conhecida como “Rua da Catita”, a situação também não anda nada boa. No Facebook, o Dee Jay Luizinho desabafou: "A água já está entrando nas casas das pessoas e a Prefeitura não faz nada".

[caption id="attachment_21559" align="aligncenter" width="553"] Facebook/ Dee Jay Luizinho[/caption]
Comentar
Compartilhe
Natal Solidário do PR
23/12/2013 | 18h57
[caption id="attachment_21553" align="aligncenter" width="492"] Facebook - Wladimir[/caption]

O presidente do PR em Campos, Wladimir Garotinho, organizou o Natal Solidário do PR, percorrendo 8 bairros, com distribuição de presentes, lanche e confraternização com os pais. No Facebook, ele comentou sobre a sensação de percorrer os bairros e ver a alegria da garotada. “É sempre bom ver o sorriso e o brilho no olhar de cada uma delas. No próximo ano vou fazer isso novamente em mais bairros e em quantos eu puder. Deixo registrado meu agradecimento a todas as pessoas que me ajudaram a fazer essa ação e principalmente as pessoas dos bairros que se envolveram de corpo e alma”, disse.

Papai gostou — Em seu blog, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) parabenizou o filho. "Muitas crianças humildes ganharam presentes e as famílias participaram da confraternização e celebração a Jesus. Foi um momento muito bonito. Infelizmente, não pude comparecer a todos, mas ontem aproveitei para dar um abraço na garotada e nos amigos de alguns bairros de Campos”, elogiou Garotinho.

Comentar
Compartilhe
Hospital São José: Uma obra interminável
23/12/2013 | 00h44

A Prefeitura de Campos voltou a publicar matéria em seu site (aqui) informando que o novo Hospital São José será inaugurado em breve. A matéria lembra muito uma outra, publicada em abril de 2011 (aqui). Vale lembrar que a promessa se arrasta desde o início de 2009, quando o vereador Abdu Neme (na bancada de oposição) apresentou uma emenda de R$ 15 milhões e cobrou um novo hospital. Na ocasião, o vereador Jorge Magal informou que a prefeita Rosinha já tinha um projeto que seria colocado em prática.

Agora, quase cinco anos depois, o secretário de Obras, Urbanismo e Infraestrutura, Edilson Peixoto, informa que as obras estão a todo vapor, seguindo o cronograma. Segundo o secretário, a unidade deve ser inaugurada no segundo semestre de 2014.

Enquanto isso, no Japão, poucos meses após um terremoto, pontes, estradas e prédios foram reconstruídos. É por essa e por outras que a cidade tem virado piada na internet.

[caption id="attachment_21547" align="aligncenter" width="538"] Reprodução - Facebook/Paulo Buchaul Filho[/caption]
Comentar
Compartilhe
Disputa pelo governo começa nos tribunais
22/12/2013 | 16h43

Antes das urnas, tudo indica que a disputa pelo governo do Rio vai começar na Justiça. Três nomes contam com pendências judicias. O senador Lindbergh Farias (PT), o deputado federal Anthony Garotinho (PR) e o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) enfrentam acusações do Ministério Público que viraram munição para os adversários. Todos os casos envolvem administrações anteriores dos postulantes ao Palácio Guanabara.

Enquanto disputam o apoio das demais siglas, uma batalha silenciosa ocorre nos tribunais. Mais do que um eventual impedimento jurídico para cada candidatura, os processos deverão ser usados para atacar administrações anteriores dos adversários. Os três já sofreram condenações na Justiça, mas Lindbergh conseguiu reverter a decisão contra ele no STJ (Superior Tribunal de Justiça). Pezão foi condenado em julho por supostas fraudes na compra de ambulâncias para Piraí, onde foi prefeito de 1997 a 2004. O Ministério Público Federal relaciona o caso à máfia dos sanguessugas. Garotinho recorre no STF (Supremo Tribunal Federal) da condenação por formação de quadrilha. Para o Ministério Público, ele “garantia politicamente” um grupo de policiais que não reprimia o jogo do bicho durante o seu mandato como governador do Rio (1999 a 2002).

Lindbergh teve condenação por suposta contratação ilegal para manutenção de iluminação pública na Prefeitura de Nova Iguaçu revertida no STJ. O caso do petista revela ainda mais a guerra política atribuída aos tribunais. Ao derrubar a condenação, a ministra Eliana Calmon classificou a decisão do Tribunal de Justiça do Rio como um “aleijão jurídico”: o senador não havia sido citado para se defender no processo. “Pouca gente tem a real dimensão do tamanho da ingerência que alguns caciques do PMDB do Rio nas instituições nos últimos 16 anos”, disse o senador.

Garotinho também atribuiu a “perseguição política” a condenação. E credita ao governador Sérgio Cabral (PMDB) a “encomenda” da sentença. “Não creio que [a condenação] terá impacto negativo, porque quando explico as pessoas, até as mais simples, percebem que foi uma armação política”, disse ele.

O presidente do PMDB-RJ, Jorge Picciani, escolhido como coordenador de campanha de Pezão, classifica como “maldade” a condenação do pré-candidato. E defende a comparação dos casos. “Pezão foi condenado por uma compra de ambulância e facilmente vai provar inocência. É uma questão da burocracia do governo federal. Não teve o sigilo fiscal quebrado, nem condenado por formação de quadrilha.” Picciani se refere, no primeiro caso, à quebra de sigilo bancário de Lindbergh pelo STF para investigação da Procuradoria-Geral da República sobre supostas fraudes no fundo de pensão de servidores de Nova Iguaçu. O petista diz ter sido vítima de uma fábrica de inquéritos quando governou o município. Eles foram encaminhados ao STF em razão do foro privilegiado: “Dezenove já foram arquivados ou pelo STF ou pela própria PGR. Nada prosperou ou vai prosperar”.

Fonte: Folha de S. Paulo 

Comentar
Compartilhe
Garotinho alfineta médicos
21/12/2013 | 15h53

Hoje (21), durante o programa “Entrevista Coletiva”, da rádio Diário FM, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) opinou sobre  os principais problemas na área da Saúde. Na visão do parlamentar, em muitos casos os problemas não são estruturais. “Pode ter prédio e equipamento. Mas não existe Saúde sem médico. O que falta é acolhimento e humanização. Muitos médicos nem olham para os pacientes”, disse o deputado, que listou ações do governo Rosinha e apontou muitos avanços estruturais na área da Saúde.

Quem tem razão? — O interessante desa história é que os médicos e dentistas de Campos também cobram mais acolhimento e humanização. De acordo com relatos, além da falta de estrutura, o tratamento dado pelo governo Rosinha não é nem um pouco carinhoso.

Em junho deste ano, o presidente do Sindicato dos Médicos de Campos, Reinaldo Tavares Dantas, fez um desabafo em nota publicada na imprensa: “Postos 24 horas como Centro de Assistência São José, Ururaí, Travessão são sucatas. O Posto importante Saldanha Marinho está decrépito, abandonado, após 47 anos de resistência. Tais postos necessitam muito de reformas. Por onde andam os royalties?! Afinal, bairro legal merece um posto médico eficiente e completo. A falta de médicos nos postos diz respeito à condição precária de trabalho, mas fruto também de política salarial medíocre ante o valor social humano do ato médico (…) A mentira corrompe os valores morais e edificam a evolução da vida, dos sentimentos e da nobreza do ser. A mentira também transforma o caos que alimenta corrupção das Instituições”.

Comentar
Compartilhe
Cidinha Campos: “Cala a boca Molequinho”
20/12/2013 | 18h05

Bem ao seu estilo, a secretária estadual de Proteção e Defesa do Consumidor, Cidinha Campos (PDT), disparou na direção do deputado federal Anthony Garotinho (PR). “Eu não sei como o Garotinho tem coragem de falar do Sérgio Côrtes. A Juíza que condenou o Sérgio é a mesma que condenou a Rosinha, 1 mês atrás, por improbidade administrativa. Sergio Côrtes está sendo acusado de desviar dinheiro da saúde para campanhas que beneficiam a Saúde”, disse Cidinha.

A secretária de Cabral aproveitou para voltar um pouco no tempo. “Garotinho esquece que o seu secretario de saúde, Gilson Cantarino, ficou 47 dias preso em Bangu 8. E não foi só! Junto com ele, foi presa a Subsecretária de Saúde e PRIMA do Garotinho, a Alcione Athayde. Juntos, são acusados de um roubo de 70 milhões. Isso sem falar do seu Secretário de Trabalho e Renda, Marco Antônio Lucidi, que também foi preso. Cala a boca Molequinho! Você não tem crédito nem pra fazer empréstimo pessoal!”, disparou.

Além disso, ela prometeu revelar alguns segredos. “O próximo capítulo vai tratar de um personagem importante na vida do Garotinho: Neínha”, completou.

Comentar
Compartilhe
Obras: Rosinha anuncia pacote de R$ 1,5 bilhão
20/12/2013 | 13h37
[caption id="attachment_21527" align="aligncenter" width="495"] Foto: Roberto Jóia[/caption]

Um novo pacote de obras para as áreas da Educação, Saúde, Habitação, Transporte e Saneamento Básico foi anunciado hoje (20) pela prefeita Rosinha Garotinho (PR), acompanhada pelo vice-prefeito, Doutor Chicão (PP). São investimentos na ordem de R$ 1,5 bilhão. Neste total, há recursos oriundos do Governo Federal que foram conquistados pelos deputados federais Anthony Garotinho (PR) e Paulo Feijó (PR). Vale lembrar que 2014 é ano de eleição. O último pacotão da prefeita Rosinha foi anunciado no final de 2011, véspera de outro ano eleitoral (2012) (aqui).

Educação — Na área da Educação, serão investidos R$ 70 milhões. Rosinha informou que 46 creches e 22 escolas modelo estão sendo repaginadas (transformadas no padrão modelo), construídas e que ainda serão edificadas. “Estaremos construindo 19 novas creches que continuarão a substituição das que funcionam em imóveis alugados. Foi um erro e um mal que se fez na nossa cidade em estar alugando casas inadequadas e identificá-las como creches”, revelou.

Saúde — Para a saúde, serão gastos R$ 31 milhões nos novos empreendimentos. A Prefeita esclareceu que, em janeiro do próximo ano, começam as obras da nova emergência do Hospital Geral Guarus (HGG). “Teremos ainda o Banco de Sangue do Hospital Ferreira Machado (HFM), através de emenda do deputado federal Paulo Feijó; novo pronto socorro do HFM, nova unidade pré-hospitalar de 24 horas em Ururaí e academia de saúde para a terceira idade na Pecuária”, pontuou.

Rosinha apresentou as obras já realizadas no HFM, como a ampliação de 16 para 32 leitos do novo Centro de Tratamento Intensivo (CTI) e Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) Pediátrica; no HGG, como a construção do Centro de Esterilização e também o aumento de 11 para 15 leitos de CTI; das obras do novo Hospital São José, novo Hospital de Travessão. Ela falou ainda das obras que estão em andamento das 14 Unidades Básicas de Saúde (UBSs), sendo quatro de emenda parlamentar, sete do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) e três com recursos dos royalties do petróleo.

Para a construção de novos conjuntos habitacionais da segunda etapa do Programa Morar Feliz serão investidos R$ 477 milhões. Estes recursos não estão inclusos nas obras do Morar Feliz de Ururaí I, II e III, cujas já estão em andamento, com a construção de 1.294 novas moradias. “Não são apenas casas. Nós oferecemos água, esgoto, calçadas com acessibilidade, asfalto. Trata-se da construção de novos bairros”, comentou.

Outras Obras – Rosinha falou dos novos recursos do Governo Federal na ordem R$ 110 milhões para o Complexo Industrial Farol-Barra do Furado, pois o projeto teve que ser mudado em função do próprio mercado. “Para o Bairro Legal, nós teremos oito novos, sendo cinco com recursos federais e três com recursos da Prefeitura. Já entregamos 11 bairros que foram contemplados pelo Bairro Legal, entregamos todos que foram beneficiados pelo Bairro Show. Estão em andamento as obras da Avenida Arthur Bernardes, com a construção de duas pontes gêmeas sob o Canal de Coqueiros; da Avenida Nazário Pereira Gomes; e da RJ-216”.

- Iremos fazer a drenagem e asfaltamento de estradas do interior Norte, Sul e Baixada Campista, mas não vamos iniciar imediatamente essas obras em função das chuvas. Vamos continuar implantando Águas na Comunidade nas demais localidades onde a Águas Paraíba não chega. Temos as obras em andamento também do Centro Histórico e da Cidade da Criança. E teremos ainda o início das obras do aeromóvel, que está orçado em R$ 400 milhões”, pontuou.

Fonte: Secom/Prefeitura de Campos 

Comentar
Compartilhe
Garotinho: o campeão de curtidas
20/12/2013 | 13h17
[caption id="attachment_21511" align="aligncenter" width="542"] Reprodução - Radar Online/Lauro Jardim[/caption]

O blog "Ponto de Vista", do Christiano Abreu Barbosa, comentou sobre a força de Garotinho no mundo virtual (aqui).

Comentar
Compartilhe
Câmara: Café com pão por R$ 175 mil
20/12/2013 | 12h29

Foi publicado no Diário Oficial de hoje (20) a homologação do pregão para o fornecimento de Pão, Café e Açúcar para a Câmara de Campos. A empresa vencedora foi a  FREIRE E ROSÁRIO COMÉRCIO E SERVIÇOS LTDA ME. O valor: R$ 175.680,00 (cento e setenta e cinco mil seiscentos e oitenta reais).

O pão vem com manteiga, queijo e presunto.

Mais uma vez é importante lembrar que o Fundo de Cultura ficou com R$ 176 mil.

Comentar
Compartilhe
Pezão na estrada
19/12/2013 | 23h17
[caption id="attachment_21499" align="aligncenter" width="454"] Cabral, Pezão e João Peixoto passaram por São Fidélis ao lado do prefeito Fenemê e do vice-prefeito Magno Rocha[/caption]

O vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), pré-candidato ao governo do estado, resolveu colocar o pré na estrada. Ontem (18), ao lado do governador Sérgio Cabral (PMDB) e do deputado estadual João Peixoto (PSDC), ele participou da entrega de ônibus escolares em São Fidélis, Carapebus, Cambuci e Itaocara.

Se Pezão está de olho no governo do estado, o governador Sérgio Cabral já tem feito articulações visando uma vaga no Senado.

Esse é o Plano A. Porém, se a pré-candidatura de Pezão não decolar, o PMDB pode optar por uma aliança com o senador Lindbergh Farias (PT).

Comentar
Compartilhe
Linda Mara “Paz e Amor”
19/12/2013 | 18h46

Logo após assumir a cadeira de Mauro Silva (PT do B), a suplente Linda Mara (Pros) gerou muitas dúvidas no ambiente político. Será que ela seria “peituda” para encarar a oposição e assumir o papel de principal interlocutora da prefeita Rosinha na Câmara?

Porém, aos poucos, foi possível notar que a nova vereadora chegou de mansinho e tem atuado em sintonia com governistas e oposicionistas. Inclusive, esta semana, Linda Mara ela usou a tribuna da Câmara para agradecer pela receptividade e revelar o seu carinho por um adversário do casal Garotinho. “Encontrei com a mãe do vereador Rafael Diniz e revelei que chamo o filho dela de príncipe. Ele é muito educado e um excelente colega aqui na Casa”, disse a vereadora.

Comentar
Compartilhe
Fundo de Cultura X Ônibus Executivo
19/12/2013 | 15h17
Enquanto o Fundo de Cultura, tão cobrado pela classe artística, terá R$ 176 mil durante um ano, a Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima (FCJOL) vai pagar R$ 175 mil a empresa MARTINS E PACHECO TRANSPORTES E TURISMO pelo aluguel (durante 75 dias) de ônibus executivo para atender o órgão. O valor do aluguel está no Diário Oficial de hoje (19).    
Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz: “Não vivo em uma cidade cor de rosa”
18/12/2013 | 22h35

Em defesa de mais recursos para o Fundo da Cultura, o vereador Rafael Diniz (PPS) fez um desabafo na tribuna da Câmara. “Uma cidade com um Orçamento de R$ 2,5 bilhões pretende destinar R$ 176 mil para o Fundo de Cultura? Vale lembrar que, apenas o show da Maria Bethânia, o governo gastou muito mais do que isso (cerca de R$ 233 mil). Tentamos aprovar uma emenda destinando R$ 2 milhões, mas a bancada governista negou”, disse Rafael, que foi além: “Já disse e repito: Acho que existem duas cidades. Uma cidade real, onde falta leite especial para as crianças e pacientes esperam em filas, e uma cidade cor de rosa e maravilhosa onde um governo acha que não deve e não teme. Eu não vivo nesta cidade rosa. Na minha cidade eu vejo um governo que deve e teme”, disparou.

Remanejamento — Um dos principais debates durante a sessão de ontem foi sobre a possibilidade do governo municipal remanejar até 50% do Orçamento sem necessidade de passar pela Câmara. O vereador Nildo Cardoso (PMDB) lembrou que o governo do estado pode remanejar até 20%. “Mesmo assim, a deputada Clarissa, filha da prefeita Rosinha, achou que era muito e votou contra. Por aqui, os aliados da sua mãe aprovam 50%”, disse o oposicionista.

Comentar
Compartilhe
Orçamento aprovado
18/12/2013 | 20h25

Com os votos contrários da bancada de oposição, foi aprovado pela Câmara de Campos, em primeiro turno, o Orçamento de R$ 2,5 bilhões, previsto para o ano de 2014.

Antes de aprovar o Orçamento, o "rolo compressor" atropelou todas as emendas da bancada de oposição. Entre elas, solicitações de mais recursos no Meio Ambiente, Trabalho e Renda, Esporte e Cultura.

De acordo com o líder da bancada governista, Paulo Hirano, todas as solicitações da oposição já foram previstas anteriormente pela prefeita Rosinha.

Comentar
Compartilhe
Nildo: "Só vamos ficar dando comendas e medalhas?"
18/12/2013 | 19h03

Após a bancada governista negar a emenda da oposição que pretendia diminuir de 50% para 10% a possibilidade de remanejamento do Orçamento sem passar pela Câmara, o vereador Nildo Cardoso (PMDB) desabafou. "Esta Câmara está dando um cheque em branco ao governo municipal. Estamos abrindo mão de fazer o nosso trabalho. Será que vamos ficar só aprovando moções de aplausos, dando medalhas e comendas?", indagou Nildo.

Apenas a bancada de oposição votou a favor da diminuição do remanejamento.

Dois vereadores da bancada governista optaram por se abster. Foram eles: Alexandre Tadeu(PRB) e Dayvison Miranda (PRB).

O vereador Kellinho (PR) defendeu a prefeita. "Com esse governo que temos em Campos, digo que não dou somente um cheque em branco, dou o talão inteiro", afirmou.

Comentar
Compartilhe
Começa a votação do Orçamento de R$ 2,5 bilhões
18/12/2013 | 17h52
Com direito a um um grande número de policiais e guardas municipais garantindo a segurança, a Câmara de Campos iniciou os trabalhos para a aprovação do maior orçamento da história do município (R$ 2,5 bilhões). Se por um lado a bancada governista deve referendar o projeto enviado pela prefeita Rosinha, por outro a oposição tem afirmado que a possibilidade da prefeita de remanejar 50% do Orçamento, transforma o debate em um grande teatro. Durante a sessão, a bancada de oposição vai propor uma redução do remanejamento. Inclusive, um argumento utilizado pela deputada estadual Clarissa Garotinho (PR) será usado pelos oposicionistas. Atualização às 18h23 - Fundo de Cultura - Após "esquecer" de colocar verba no Fundo de Cultura, foi previsto cerca de R$ 176 mil para o Fundo. O valor foi contestado pela oposição, que apresentou emenda solicitando uma receita de R$ 2 milhões. Porém, o "rolo compressor" atropelou a emenda.
Comentar
Compartilhe
Câmara aprova política de saneamento básico e sistema de cultura
18/12/2013 | 12h15

A Câmara de Campos aprovou na sessão de ontem (17) dois projetos enviados pelo gabinete da prefeita Rosinha Garotinho, que implementam políticas consideradas como marcos regulatórios em duas importantes áreas. O primeiro, de nº 0364/2013, dispõe sobre a Política Municipal de Saneamento Básico e cria o Fundo Municipal do Saneamento. Já o segundo, de nº 0372/2013, cria o Sistema Municipal de Cultura de Campos. Os vereadores da oposição, Fred Machado, Nildo Cardoso, Rafael Diniz e Marcão, se abstiveram na votação alegando falta de tempo para analisar os projetos. "Infelizmente as matérias chegam do gabinete da prefeita e temos que aprovar correndo, sem uma análise com calma", disse Nildo Cardoso, líder da bancada de oposição.

A aprovação e criação de políticas de saneamento e cultura permitirá ao município ter acesso a recursos estaduais e federais para implementar políticas públicas e outras ações nestas áreas. Para justificar o voto no primeiro projeto de lei, o vereador Abdu Neme ressaltou que aplicar em saneamento básico é investir em saúde e qualidade de vida. “Investir em saneamento significa reduzir a mortalidade infantil. No mundo, cerca de 400 mil crianças são acometidas por diarreia e muitas vêm a óbito”. O vereador citou ainda países como a Alemanha, Estados Unidos, Argentina e Chile que têm 100% do esgoto tratado e água potável. “No Brasil não chega a 90%, onde a média de água tratada é de 65% e esgoto, 32%. Campos, por sua vez, tem 90% de água tratada e 41% de esgoto”.

O plano, que prevê prioridade de investimento em serviços como abastecimento de água, esgotamento sanitário, limpeza pública e manejo de resíduos sólidos, é uma exigência de lei federal nº 1.445/2007 para municípios com mais de 60 mil habitantes. A partir de 2014, só será repassada verba federal para saneamento aos municípios em que o Plano Municipal de Saneamento Básico estiver aprovado pela Câmara Municipal.

Cultura — O presidente da Câmara, vereador Edson Batista, explicou que, a partir da criação do Sistema Municipal de Cultura, Campos passa a integrar um grupo seleto de cidades que contam com a definição de uma política cultural, até então privilégio das capitais e poucas cidade de médio porte. “A aprovação desta política cultural representa um marco regulatório importante e permite ao município ser inserido no Sistema Nacional de Cultura, permitindo inaugurarmos uma nova etapa de perspectivas para acesso a recursos federais e estaduais, a partir deste momento em que passamos a preencher todos os pré-requisitos, algo que somente algumas capitais e cidades de porte médio conseguiram fazer”, destacou.

Nesta quarta-feira (18), os vereadores se reúnem na última sessão plenária do ano para a votação da Lei Orçamentária Anual (LOA), de cerca de R$ 2,5 bilhões.

Fonte: Ascom/Câmara 

Comentar
Compartilhe
Thiago Virgílio: “Constrangimento poderia ser evitado”
18/12/2013 | 01h05

Ao lado dos vereadores Dayvison Miranda (PRB), Genásio (PSC) e da bancada de oposição, o vereador Thiago Virgílio (PR) defendeu o projeto do vereador Alexandre Tadeu (PRB) durante a sessão de ontem (17) e encarou de frente o “rolo compressor”. Após ver de perto o seu próprio grupo atropelar um aliado, Virgílio usou a tribuna e desabafou. “Para quem sabe ler, um pingo é letra. Esse grupo conseguiu uma vitória incrível na eleição de 2012 Não é interessante ver esse tipo de atitude que acaba dividindo a nossa bancada. Fiquei ao lado do Alexandre Tadeu não só porque é um amigo, mas por entender que o projeto dele segue exatamente o que foi solicitado pelo procurador do município. No meu ponto de vista, esse constrangimento poderia ser evitado”, afirmou.

Vale lembrar que em maio deste ano, por conta de rusgas internas, especulou-se a criação de uma bancada independente (aqui). Entre os possíveis integrantes estavam os vereadores Alexandre Tadeu, Thiago Virgílio, Dayvison Miranda e Genásio.

Nos bastidores, aliados da prefeita Rosinha deixam claro que a ordem é apagar a luz do "Tô Contigo". Na opinião da tropa rosa, ele não pode ficar em cima do muro, criticando algumas ações do governo no programa da TV e aparecendo ao lado da prefeita nas inaugurações. "Tem que ser rosáceo 24 horas ou pular do barco e bater de frente", diz um aliado do governo.

Comentar
Compartilhe
"Rolo compressor" atropela Alexandre Tadeu
17/12/2013 | 18h47

Durante a sessão de hoje (17), uma parte da bancada governista se posicionou contra um projeto de autoria do vereador Alexandre Tadeu (PRB). A matéria dispõe sobre a obrigatoriedade da Guarda Civil Municipal de organizar o trânsito nas imediações das escolas com mais de 300 alunos.

O vereador Jorge Magal (PR), vice-presidente da Câmara, afirmou que o "Tô Contigo" quer jogar a responsabilidade no colo da prefeita Rosinha GarotIonho (PR). "Esse projeto não tem cabimento.  No fundo acaba deixando toda a responsabilidade por conta da prefeita", afirmou Magal. No mesmo embalo, a vereadora Linda Mara (Pros) solicitou a retirada da pauta.

Já o vereador Abdu Neme (PR) não viu qualquer problema no projeto. "Sinceramente, não vejo motivos para a retirada de pauta", opinou Abdu.

A bancada de oposição também ficou ao lado de Alexandre Tadeu. "Sem trocadilho, quero dizer o seguinte ao Alexandre Tadeu: 'Eu tô contigo'", disse o vereador Nildo Cardoso (PMDB)

Neste momento, o vereador Alexandre Tadeu afirmou que o projeto será apreciado ainda hoje. "Os vereadores terão até o final desta sessão para conhecer o projeto", disse Tadeu.

O presidente da Casa, Edson Batista prometeu uma conversa interna para resolver o impasse.

Atualização às 19h21 - Após um pedido de vista do vereador Jorge Magal, a bancada governista conseguiu atropelar o projeto de Alexandre Tadeu. Porém, nem todos os membros do "rolo compressor" ficaram contra o vereador. Além do próprio Tadeu, os vereadores Thiago Virgílio, Dayvison Miranda e Genásio votaram contra o pedido de vista.

Rafael Diniz (PPS), Fred Machado (SDD), Nildo Cardoso (PMDB) e Marcão (PT) também votaram ao lado de Alexandre Tadeu.

As vereadoras Dona Penha, Auxiliadora Freitas, e o vereador Abdu Neme optaram por se abster.

Os seguintes vereadores tiraram o projeto de Alexandre Tadeu da pauta: Albertinho, Gil Vianna, Linda Mara, Paulo Hirano, Miguelito, Neném, Álvaro César, Ozeias, José Carlos, Magal, Kellinho, Cecília Ribeiro Gomes e Altamir Barbara.

Após constatar que o seu projeto saiu da pauta, Alexandre Tadeu comentou. "Votei contrário ao pedido de vista por entender que o projeto teve orientação do procurador.Também é importante lembrar que este projeto está na  Casa desde junho. Pedir vista é passar por cima do que disse o procurador", disse Alexandre Tadeu.

Comentar
Compartilhe
Henriques cobra TAC da 1001
17/12/2013 | 16h40
[caption id="attachment_21442" align="aligncenter" width="321"] Reprodução - Extra, Extra - Berenice Seara[/caption]

Comentar
Compartilhe
Na cidade bilionária, creches e escolas improvisadas
17/12/2013 | 12h42

Para ver o vídeo da matéria, clique aqui 

Suledil coloca na conta dos governos passados — Em matéria exibida hoje (17), o secretário de Governo, Suledil Bernardino afirmou que muitos problemas são heranças dos governos passados. Ele listou as ações da prefeita Rosinha Garotinho (PR) na área da Educação e afirmou que os avanços são nítidos.

Será que após quase seis anos de governo a culpa ainda é das gestões passadas? Vale lembrar que nos últimos anos o governo Rosinha escolheu algumas prioridades como o Cepop (R$ 100 milhões), os arcos da Beira Valão (R$ 20 milhões), Jardinagem (R$ 15 milhões) e livros que poderiam ser gratuitos e custaram cerca de R$ 30 milhões.

Porém, analisando a situação com calma fica nítido que não falta dinheiro para a Educação. O que falta é gestão e competência.

* O blog "Na Curva do Rio" também repercutiu a matéria da Inter TV (aqui).

Comentar
Compartilhe
A fragilidade do PSDB em Campos
17/12/2013 | 11h19

Enquanto no planalto o senador Aécio Neves (PSDB) tenta encarar o poderoso PT e se coloca como uma alternativa para 2014, na planície goitacá os tucanos continuam fragilizados e se abrigam no ninho rosáceo.

Se no passado o partido chegou a contar com nomes como Sérgio Diniz, Geraldo Venâncio, Paulo Feijó e Nildo Cardoso, no presente a legenda anda sem cadeiras na Câmara e teve um desempenho fraquíssimo com a sua nominata na última eleição. Uma da principais apostas do partido, Robson Colla, obteve 463 votos.

Tendo em vista a representatividade no Legislativo goitacá, o PSDB é mais frágil do que legendas como: PHS, PTC, PP, PSDC, PT do B, PMN, PSC e os recém-criados PROS e Solidariedade.

Comentar
Compartilhe
Dança das cadeiras
16/12/2013 | 23h20

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) exonerou o vice-presidente da Codemca, Rodrigo Paes Ferreira da Cruz. E a dança das cadeiras não para por aí. O subsecretário de Desenvolvimento e Turismo, Jivago Faria, também caiu.

No Facebook, Jivago postou uma frase do poeta gaúcho Fabício Carpinejar, que diz o seguinte: “Não subestime ninguém. Trate sempre com respeito. A vida é uma dança das cadeiras. Um dia sentado; no outro de pé”. Pois é, dessa vez ele ficou em pé.

Vale lembrar que em novembro a prefeita exonerou o presidente da Codemca (Celso Gonçalves) e o secretário de Pesca (Vieira Reis).

A informação também foi publicada pelo blog do Cláudio Andrade. 

Comentar
Compartilhe
Firme e forte
16/12/2013 | 21h43

O presidente do PR em Campos, Wladimir Garotinho, continua disposto a entrar na disputa por uma cadeira na Alerj em 2014. Mesmo que a sua posição incomode alguns membros da tropa rosácea, ele avisa: “Minha pré-candidatura está mantida”.

De acordo com Wladimir, o grupo político (leia-se Anthony Garotinho) vai definir os nomes que estarão na disputa até março de 20014.

 Confira a matéria completa, incluindo a resposta de Wladimir ao PT,  na edição de amanhã (17) da Folha.
Comentar
Compartilhe
Garotinho cobra aplicação da Lei de Acesso à Informação
16/12/2013 | 16h05

No mesmo embalo da bancada de oposição ao governo Rosinha (PR), que tem cobrado mais transparência e a aplicação da Lei de Acesso à Informação, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) criticou o governador Sérgio Cabral (PMDB) e a presidente Dilma Rousseff em seu blog. Segundo o parlamentar, a Lei não vem sendo cumprida. “Se nem o próprio governo Dilma respeita a lei, como querem que os Estados cumpram a legislação? Vocês devem lembrar que eu mesmo tentei obter informações sobre as viagens do governador Cabral, mas o Ministério da Justiça negou com a justificativa de que se tratava informação pessoal. Não passa de uma lei de araque”, afirmou.

Atualização às 17h35 — Em contato com o blog, o vereador Fred Machado (SDD) informou que foi protocolado em outubro um projeto de sua autoria que visa regulamentar a Lei de Acesso à Informação no município de Campos. “Ao protocolar um pedido de informação na Prefeitura e não receber as respostas, uma das justificativas do subprocurador foi a ausência de Legislação Municipal. Sendo assim, em nossa luta pela transparência, protocolamos este projeto. Infelizmente, para garantir algo que é um direito de qualquer cidadão, vamos ter que travar mais esta batalha. Agora, já que o líder do grupo da prefeita anda defendendo a Lei de Acesso à Informação, seria bom que a bancada votasse pela aprovação do projeto”, explicou Fred.

Comentar
Compartilhe
Balanço Geral constata situação caótica na Vila dos Pescadores
16/12/2013 | 13h24

Na última quinta-feira, o blog abriu espaço para um morador da praia do Farol de São Thomé que relatou o drama de moradores da Vila dos Pescadores (aqui).

Na ocasião, perguntei se os membros da tropa rosácea, que apontam problemas de municípios vizinhos, não estavam vendo a situação caótica do Farol.

Eis que hoje (16), foi exibida uma matéria sobre o assunto no programa Balanço Geral, da TV Record. Colocando o pé na lama e no esgoto, o apresentador e vereador Alexandre Tadeu (PRB) foi até o local, viu a situação de perto e ouviu os moradores.

Após contato com a Empresa Municipal de Habitação (Emhab), a equipe de reportagem do Balanço Geral foi informada que uma intervenção na caixa coletora está sendo providenciada.

Alexandre Tadeu: “É falta de vergonha na cara” — Sem meia palavras, o Tô Contigo disparou: “A população que reside na Vila dos Pescadores não pode esperar. Será que estão pensando que Farol é só verão? Isso é falta de vergonha na cara”.

Comentar
Compartilhe
Vereadores protestam contra projetos engavetados
16/12/2013 | 11h14

Durante a sessão da última quarta-feira, após constatar que um projeto de sua autoria foi vetado pela prefeita Rosinha Garotinho (PR), o vereador Alexandre Tadeu (PRB) afirmou que os pontos questionados pelo município já haviam sido sanados. Ele afirmou que um novo projeto, que visa regulamentar a participação da guarda na organização do trânsito nas portas das escolas, já está tramitando na Casa faz tempo. “Gostaria de dizer que as alterações já foram feitas e o projeto ficou aguardando a colocação na pauta”, disse o Tô Contigo. Imediatamente, o presidente da Câmara, Edson Batista (PTB), solicitou que a proposta fosse colocada na pauta da próxima sessão.

Vendo que o presidente atendeu a solicitação do Tô Contigo, a bancada de oposição ressalta que vários projetos estão dormindo nas gavetas. “Temos uma série de projetos que aguardam a colocação em pauta. Já protestamos diversas vezes”, diz Rafael Diniz (PPS), que já viu uma proposta "caducar".  "Antes da eleição para diretor de escola, apresentei uma indicação legislativa após ouvir professores, alunos e pais de alunos. O objetivo era garantir que a eleição para diretor fosse feita de acordo com os anseios de quem vive a realidade de perto. Porém, a indicação nem foi colocada na pauta e a eleição já aconteceu", disse Rafael.

Entre os projetos da oposição que aguarda votação está o Orçamento Participativo, de autoria do vereador Marcão (PT).

Comentar
Compartilhe
Prefeitura veta IPTU Verde
16/12/2013 | 10h36

A Prefeitura de Campos vetou na última semana o projeto IPTU Verde, de autoria do vereador Thiago Virgílio (PTC). De acordo com a proposta, os proprietários de imóveis de Campos que adotassem medidas sustentáveis poderiam obter vantagens na hora de pagar o IPTU. As casas com acessibilidade nas calçadas, árvores plantadas, áreas com gramados ou jardins, energia solar, sistema de reuso de água da chuva, entre outros recursos, teriam descontos de até 20% no valor do imposto.

Enquanto diversas cidades do Brasil e do mundo buscam alternativas sustentáveis, a Prefeitura de Campos vetou o IPTU verde sem dar grandes explicações sobre os motivos. Durante a sessão que confirmou o veto, o autor da proposta, Thiago Virgílio, que faz parte da bancada governista, optou por não comentar. Ao lado dos vereadores Dayvison Miranda (PRB) e Alexandre Tadeu (PRB), ele se absteve durante a votação.

Vale lembrar que o projeto do IPTU Verde começou a ser discutido na legislatura passada pelo então vereador Rogério Matoso (PPS).

Comentar
Compartilhe
Rosinha canta “O tempo não pode apagar”
15/12/2013 | 14h58

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) nunca escondeu que uma das paixões de sua vida é cantar. Tanto, que já até gravou um CD ao lado de diversos artistas como Joana, Daniel, Elymar Santos e Frank Aguiar. Então, durante a a celebração pelos 32 anos de casamento, nada melhor do que um louvor para demonstrar o seu amor pelo deputado federal Anthony Garotinho (PR).

No culto, celebrado pelo Pastor Éber na última sexta-feira (13), na Segunda Igreja Batista, ela cantou “O tempo não pode apagar”, sucesso de Cassiane e Jairinho.

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=6QHcf_41A_o&feature=c4-overview&list=UUC4MEesuH20w5uj_ShvXkAA[/youtube]

Comentar
Compartilhe
Em sintonia com a APA, Fred Machado tenta barrar mortes no CCZ
15/12/2013 | 13h14
[caption id="attachment_21390" align="aligncenter" width="344"] Facebook/Apa Campos[/caption]

Em sintonia com a Associação de Proteção Animal (APA/Campos), o vereador Fred Machado apresentou na Câmara de Campos um projeto que, entre outros objetivos, visa acabar com a eutanásia dos animais recolhidos pelo CCZ em Campos. A iniciativa do parlamentar, aprovada por unanimidade pelos vereadores na última semana, foi comemorada por centenas de internautas no Facebook.

A luta contra as mortes do CCZ tem mobilizado muitas pessoas. Atualmente, os animais recolhidos pela carrocinha vão para o órgão e têm os dias contados. Caso ninguém vá buscá-los ou adotá-los, eles permanecem por lá até 5 dias e, após este período, são eutanasiados (sacrificados). De acordo com a APA, esta é uma prática que contraria a Lei Federal.

Ainda de acordo com o projeto, deve ser realizada a identificação e o registro dos cães e gatos. Essas informações serão incluídas em um banco de dados do órgão municipal responsável.

 Agora, após a aprovação na Câmara, cabe a prefeita Rosinha Garotinho (PR) transformar a proposta de Fred em Lei.
Comentar
Compartilhe
Lindbergh: “Campos ainda espera por uma grande mudança”
14/12/2013 | 14h40

Em entrevista ao repórter Mário Sérgio Junior, da Folha da Manhã, o senador Lindbergh Farias (PT) comentou sobre os planos do PT em Campos. “A cidade ainda espera por uma grande mudança. São nomes repetidos e práticas políticas completamente ultrapassadas. Creio que o PT, com nomes como Makhoul, Marcão, Carla, Odisséia e o Professor Alexandre, pode iniciar um processo de mudança e unir mais pessoas que desejam ver a cidade no caminho certo”, afirmou.

Sobre a disputa pelo governo do Rio, ele afirma: "Noto nas ruas que as pessoas querem mudar o que está aí, mas ao mesmo também também não quererem a regressão. E Garotinho representa a regressão. Por isso, creio que podemos ser uma alternativa bem interessante".

Mais sobre os planos do PT para 2014 e 2016 na edição de amanhã (15) da Folha.

Comentar
Compartilhe
Um bairro que não ficou muito legal
13/12/2013 | 19h12
Recentemente a prefeita Rosinha (PR) inaugurou diversas obras no Novo Jockey. Por falar no bairro, vejam como ele ficou após as chuvas: Do blog do Fernando Leite: [caption id="attachment_21382" align="aligncenter" width="594"] Reprodução - Blog Outros Quintas/Fernando Leite[/caption]     Enquanto isso, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) anda preocupado com os problemas do prefeito Eduardo Paes (PMDB).
Comentar
Compartilhe
Conceição de Macabu: Tedi vai se apresentar para depor na Polícia Federal
13/12/2013 | 14h29

A prefeita afastada de Conceição de Macabu, Lídia Mercedes (Tedi), vai prestar esclarecimentos à Polícia Federal (PF)  na tarde de hoje (13).  Ela estava sendo aguardada desde a última quarta-feira, quando foi deflagrada a operação "Ave de Fogo". A operação teve o objetivo de desarticular um suposto esquema de desvio de verba municipal atra-vés de licitações fraudulentas. O rombo, de acordo com o delegado federal Júlio Ribeiro, seria de R$ 4 milhões.

Segundo informou, o caso começou a ser investigado há seis meses e teria a participação direta da prefeita, secretários e empresários do município.

Durante a operação, foram cumpridos dois mandados de prisão, mandados de encaminhamento e outros mandados de busca e apreensão em secretarias. Robson Gabriel da Silva Barbosa de Moraes e Fábio Barbosa Vieira foram presos e encaminhados à Casa de Custódia Dalton Crespo de Castro,em Campos. A PF apreendeu computadores, celulares e documentos.

Além dessa investigação criminal, Tedi vem enfrentando outra batalha, desta vez na esfera eleitoral. Ela teve o mandato cassado dia 18 de novembro, por unanimidade, no Tribunal Regional Eleitoral (TRE). No dia 21, o segundo colocado nas eleições de 2012, Cláudio Linhares, assumiu a prefeitura de Conceição de Macabu.

A equipe de reportagem da Folha está acompanhando todas as movimentações. Daqui a pouco, mais informações.

Comentar
Compartilhe
Ibope: Cabral tem a terceira pior avaliação entre os 27 governadores
13/12/2013 | 12h44

Pesquisa Ibope/CNI divulgada nesta sexta-feira aponta que o governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), é o terceiro pior avaliado do país, atrás apenas dos mandatários do Rio Grande do Norte, Rosalba Ciarlini (DEM), que está no cargo por força de uma decisão judicial, e de Agnelo Queiroz (PT), do Distrito Federal. Por outro lado, o governador mais bem avaliado é o do Amazonas, Omar Aziz (PSD).

De acordo com o levantamento, Cabral tem 18% de ótimo e bom, 33% de regular e 47 de ruim e péssimo; 2% não souberam ou não quiseram opinar. Rosalba Ciarlini foi considerada ruim ou péssima por 74% da população; 17% a consideram regular e apenas 7% acham que ela faz uma boa ou ótima administração; 2% não quiseram se expressar. Já Agnelo Queiroz tem uma reprovação de 62%, 24% avaliaram que ele faz uma gestão regular e 9% o destacaram como ótimo ou bom governador; 4% não opinaram. Omar Aziz foi considerado um ótimo ou bom governador por 74% dos amazonenses; 17% disseram que a gestão dele é regular e apenas 7% atribuíram uma avaliação negativa à sua administração. 2% não responderam.

O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), pré-candidato à Presidência, é o segundo mais bem avaliado do país. Para 58 dos pernambucanos, o governo dele é ótimo ou bom; 26 disseram que a administração é regular e 13% criticaram, dizendo que é ruim ou péssima; 3% não responderam. A pesquisa ouviu 15.414 eleitores acima de 16 anos, entre os dias 23 de novembro e 2 de dezembro, em 727 municípios.

Quando perguntado se o eleitor aprova a maneira como Cabral vem administrando o Rio de Janeiro, 61 disseram que não aprovam; e 32% responderam afirmativamente; 7% não quiseram opinar. A maioria da população também afirmou que não confia em Cabral: 65% se manifestaram dessa forma e 28% declararam que confiam no governador; 7% não responderam.

Ainda segundo o levantamento, a saúde foi apontada por 63% dos entrevistados como a pior área administrada pelo Estado; 40% manifestaram preocupação com a violência; 36% com combate às drogas e 30% com o crescimento do Estado - o entrevistado podia apontar três áreas.

O levantamento ouviu 15.414 eleitores em 727 municípios, das 27 unidades da federação, entre os dias 23 de novembro e 2 de dezembro.

Fonte: O Globo

Comentar
Compartilhe
Promessas que ficaram no papel
13/12/2013 | 12h04

Em 2008, a então candidata Rosinha (sem Garotinho), prometeu uma revolução na Educação. Durante reuniões em vários pontos da cidade, Rosinha distribuiu u m livro com o seu plano de governo. Já sabendo que a memória de muitas pessoas seria curta, guardei o livrinho e divido com vocês algumas promessas de 2008 que continuam pendentes em 2013 (quase 2014).

Educação: “Rosinha assume o compromisso de implantar ações que dinamizem o setor para, em quatro anos, obtermos as primeiras colocações nas avaliações do MEC. Para tanto, Campos vai contar, a partir de janeiro de 2009, com a atuação conjunta de especialistas de diversas áreas, com objetivo de criar condições para que o município ofereça uma educação de qualidade”.

“Implementar o Plano de Cargos e Salários para os profissionais da Educação” (promessa de 2008 que está sendo 'estudada' em 2013)

Saúde:

“Rosinha assume o compromisso de implantar o Programa Saúde com Qualidade, que obedecerá aos princípios do Acolhimento, o Amparo e da Resolutividade, utilizando, principalmente, a estratégia da descentralização do atendimento”

“Implantar o sistema 24 horas em postos de saúde equipados para atender a emergências”

“Valorização profissional dos trabalhadores da rede pública”

“Reformar todos os consultórios do setor de odontologia, adquirindo novos e modernos equipamentos”

“Criar um programa específico para Reabilitação do Mutilado Oral, com implantes para estabilizar as próteses e permitir a função mastigatória”

Ciência e Tecnologia:

“Implementação do Fundo Municipal de Amparo à Pesquisa Científica e Tecnológica, com aporte de recursos que permitam seu pleno funcionamento”

“Firmar parcerias com a Faperj, CNPq e Finep, para obtenção de recursos qe serão aplicados em programas estratégicos”

“Financiar projetos de pesquisa e de transferência de tecnologia em áreas de interesse do município”

PS: Esta é apenas a primeira parte. 

Comentar
Compartilhe
OAB concede a carteira de advogado a Álvaro Lins
13/12/2013 | 01h22

A seccional fluminense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-RJ) acaba de conceder, na tarde desta quinta-feira (12), a carteira de advogado ao ex-chefe da Polícia Civil e ex-deputado estadual Álvaro Lins. O relator Antônio Ricardo Correia da Silva defendeu que a Ordem deveria dar a carteira a Lins. O conselheiro Luiz Paulo Viveiros de Castro fez a argumentação contrária. O placar final foi 30 votos contra e 22 a favor de Lins. Apesar de ter perdido em números absolutos, o ex-deputado levou a carteira porque, segundo o regulamento da OAB, para negar o direito a advogar é necessário dois terços dos votos dos conselheiros.

Lins foi expulso da Polícia Civil, cassado pela Assembleia Legislativa e condenado a 28 anos de prisão por vários crimes, em processo em que ainda cabe recurso. Fonte: Extra Online  O blog "Na Curva do Rio", da jornalista Suzy Monteiro, também publicou nota sobre o assunto.
Comentar
Compartilhe
Congresso do PT vira ato de apoio a mensaleiros condenados
13/12/2013 | 00h55
[caption id="attachment_21344" align="aligncenter" width="500"] Lula e Dilma participam de Congresso do PT em Brasília André Coelho / O Globo[/caption]

Com as presenças da presidente Dilma Rousseff e do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, o 5º Congresso do partido, aberto na noite desta quinta-feira, foi transformado em um ato de apoio aos petistas condenados no julgamento do mensalão. Com Lula e Dilma no palco, a plateia gritou em coro: "Dirceu, guerreiro do povo brasileiro", "Genoino, guerreiro do povo brasileiro", e "Delúbio guerreiro, do povo brasileiro". Lula começou seu discurso afirmando que não falaria de mensalão, mas depois de apelos da militância se referiu ao caso como "a maior campanha de difamação": "Eles tinham medo do Lula, agora têm que enfrentar a Dilma e o Lula, agora têm que enfrentar um partido que na maior campanha de difamação faz um PED (Processo de Eleição Direta) e coloca mais de 400 mil militante para votar", disse Lula, citando as eleições internas do PT, que elegeu novos dirigentes no mês passado.

O ex-presidente também comparou o caso do helicóptero de um parlamentar pego com cocaína à repercussão do emprego de Dirceu. "Nosso partido tem sido vítima das suas virtudes e não só de seus defeitos. Somos criticados pelas coisas boas que fazemos, não só pelos erros. Se for comparar o emprego do Zé Dirceu no hotel com a quantidade de cocaína no helicóptero, pelo menos houve uma desproporcionalidade na divulgação do assunto", disse Lula, em referência à cocaína encontrada no helicóptero que pertence à família do senador Zezé Perrella (PDT-MG).

Antes de falar, a plateia havia gritado, em coro: "Lula, guerreiro, defenda os companheiros".

Fonte: O Globo 

Comentar
Compartilhe
Pesquisa: João Peixoto (16,3%), Pudim (11,4%) e Wladimir (10,8%)
13/12/2013 | 00h53
1- Pesquisa do Instituto Pappel para Deputado Estadual na zona 100ª (Aeroporto até Santo Eduardo): João Peixoto ... 16,30 % Geraldo Pudim ... 11,41 % Wladimir Garotinho ... 10,87 % Magal ... 7,07 % Roberto Henriques ... 7,07 % Odete Rocha ... 6,52 % Albertinho ... 4,35 % Carla Machado ... 4,35 % Marcos Bacellar ... 3,80 % Thiago Virgilio ... 2,72 % Marcão ... 2,17 % Pastor Eber ... 1,63 % Gil Viana ... 1,09 % Valdemar da Coobranorte ... 1,09 % Edgard do Bradesco ... 0,54 % Erick Shunk ... 0,54 % Nenhum ... 18,48 %
Comentar
Compartilhe
Só chove na casa do vizinho?
12/12/2013 | 17h25

Em seu blog, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) tem feito duras críticas ao prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), por conta dos alagamentos em diversos pontos da cidade. "O prefeito Eduardo Panamá é um irresponsável. Não faz o que precisa ser feito para a prevenção de enchentes", diz Garotinho.

Além disso, os aliados do parlamentar também andam criticando a falta de estrutura do município de São João da Barra para lidar com as chuvas.

E Campos? Será que os rosáceos não viram as ruas alagadas? Será que ninguém deu uma volta pela cidade para ouvir os relatos da população? Em mensagem encaminhada ao blog, um morador da praia do Farol de São Thomé enviou fotos e desabafou. "O que temos por aqui, na vila dos pescadores, é esgoto misturado com água de chuva. Estamos convivendo com ratos, mosquitos e lixo boiando. E a dengue? Isso é falta de amor ao próximo e descaso. O pior é que tem muita gente que, em troca de cestas básicas e shows no verão, esquece de tudo isso", desabafou o morador.

[caption id="attachment_21334" align="aligncenter" width="320"] Foto enviada por morador do Farol[/caption] [caption id="attachment_21335" align="aligncenter" width="320"] Foto enviada por morador do Farol[/caption]

Enquanto isso, no Cepop, no próximo domingo tem show do Patati Patatá. Porém, com certeza, os principais palhaços não vão estar no palco...

Comentar
Compartilhe
SJB: Ranulfo anuncia concurso público para 2014
12/12/2013 | 16h26

O secretário de Fazenda de São João da Barra, Ranulfo Vidigal, confirmou na manhã desta quinta-feira (12), no Noticiário da rádio Barra FM, que em 2014 será realizado um concurso público municipal. De acordo com Ranulfo, as vagas serão destinadas principalmente para a área técnica, como fiscal de renda, fiscal de obra e engenheiros.

Ranulfo divulgou também que o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) concedeu no dia 26 de novembro a Licença Prévia para a instalação de loteamentos no município. De acordo com o secretário, o empreendimento pertence ao Grupo Rex. “Isso vai representar, acima de tudo, emprego para a nossa população”, destacou.

Fonte: SJB Online

Comentar
Compartilhe
SJB: Neco com 78% de aprovação
12/12/2013 | 12h36

O prefeito de São João da Barra, José Amaro Martins de Souza, Neco (PMDB), tem 78,1% de aprovação da população de São João da Barra. Os números foram divulgados pelo Instituto Pappel. No item “ótimo”, o prefeito aparece com 13,99%. Já no quesito “bom”, Neco tem 27,96%. Para 36,15% dos entrevistados, o governo Neco é avaliado como “regular”. Nos itens “ruim” e “péssimo”, o prefeito soma 11,44% e 10,47%, respectivamente.

Se compararmos os números atuais com a última pesquisa divulgada pelo Instituto UP, a avaliação positiva de Neco aumentou em 5%. Na pesquisa anterior, publicada no blog do deputado federal Anthony Garotinho (PR), o chefe do executivo sanjoanense tinha 73% de aprovação. “Apesar da queda na receita, estamos conseguindo cumprir nossas promessas de campanha. A pesquisa mostra que a população está entendendo as dificuldades e eu agradeço muito por isso. Vamos continuar buscando sempre o melhor para o nosso povo”, comenta o prefeito.

Câmara — Na mesma pesquisa, o Instituto Pappel também ouviu a população sobre o trabalho da Câmara de São João da Barra. O Legislativo tem aprovação de 79,18% dos entrevistados. No item “ótimo” aparece com 8,91%. No quesito “bom” tem 28,7% e no “regular”, 42,21%. Para 10,38% dos entrevistados, a atuação da Câmara de SJB é ruim e para 10,44%, é péssima.

Em seu facebook, o presidente  do legislativo, Aluízio Siqueira (PMDB), comentou o resultado. “Gostaria de agradecer a população sanjoanense pelo reconhecimento do trabalho sério dos nove vereadores! É a sua Câmara trabalhando pelo nosso município”, ressalta o edil.

 Fonte: Victor Azevedo/Quotidiano 

Comentar
Compartilhe
Microcrédito: Prefeitura celebra milésimo contrato assinado
12/12/2013 | 03h42

O milésimo microempreendedor individual vai formalizar hoje (12) o seu crédito no valor de R$ 3.699. A cerimônia vai acontecer às 10h, no gabinete da prefeita Rosinha Garotinho (PR). O anúncio foi feito pelo presidente do Fundo de Desenvolvimento de Campos (Fundecam), Otávio Amaral.O beneficiado será o pipoqueiro Robson Luiz da Silva Vieira.

O Programa de Microcrédito já alcançou mais de R$ 4,9 milhões em financiamentos e 1.962 postos de trabalho mantidos e gerados no município. O programa é o que oferece a menor taxa de juros do Brasil: 2% ao ano. No último sábado (7), a prefeita Rosinha Garotinho, anunciou que através o Programa de Microcrédito, equalizará em 100% a taxa de juros para microempreendedores que pagarem em dia os seus financiamentos.
Linda Mara convidou a oposição — Durante a sessão de ontem (11) da Câmara de Campos, a vereadora Linda Mara (Pros) convidou os vereadores para a cerimônia. "Trata-se de um momento importante e gostaria de convidar todos os vereadores. É bom frisar que os quatro vereadores da oposição também estão convidados para a celebração do milésimo contrato, que vai acontecer no gabinete da prefeita", disse a parlamentar.
Comentar
Compartilhe
Governo do Estado lança plano de saúde para servidores e dependentes
12/12/2013 | 03h22
[caption id="attachment_21318" align="aligncenter" width="480"] O secretário de Planejamento e Gestão, Sérgio Ruy Barbosa, na assinatura do termo de acordo com a administradora de benefícios que irá oferecer planos de saúde e odontológicos aos servidores e empregados públicos e militares ativos, inativos e pensionistas do Poder Executivo do Estado do Rio, e seus dependentes legais[/caption]

Os servidores do estado, militares, ativos, inativos e pensionistas, incluindo os extra quadros e contratados por prazo determinado (temporários), além de seus dependentes legais, poderão aderir ao serviço de plano de saúde, na modalidade coletiva empresarial, a preços de 20% a 40% mais baixos que os praticados no mercado de planos individuais. A vinculação poderá ser realizada a partir do dia 16 de janeiro, sendo a adesão destituída de carência, se ocorrer até o dia 15 de fevereiro de 2014. Os planos terão vigência a partir de março do ano que vem. A assinatura do termo de acordo de serviços aconteceu ontem (11/12), entre a Secretaria de Planejamento e Gestão e a empresa Aliança Administradora de Benefícios de Saúde S/A.

Mais de 500 mil pessoas, entre servidores e dependentes, devem ser beneficiadas pela medida. A adesão não é obrigatória. "Estamos permitindo ao servidor, de maneira estruturada, acessar o mercado de serviços de saúde através de uma construção que o governo fez que permite preços mais competitivos, facilitando com isso a escolha e a obtenção do serviço de plano de saúde pelo servidor", explicou o secretário de Planejamento e Gestão, Sérgio Ruy Barbosa.

Serão disponibilizados, em uma primeira etapa, os planos da Unimed Rio, Amil, Assim e Seguros Unimed. E na área odontológica, Amil e Uniodonto. O pagamento do valor das mensalidades poderá ser feito por débito em conta ou boleto bancário. Os planos de saúde terão cobertura ambulatorial e hospitalar, com obstetrícia, acomodação em enfermaria e apartamento, e abrangência estadual e nacional, conforme todas as coberturas previstas na Lei 9.656/98 e de acordo com os procedimentos da Agência Nacional de Saúde (ANS). "Os preços serão, em média, de 20 a 40% mais baratos do que os planos individuais das operadoras. A carteirinha será entregue no endereço residencial do servidor. E há ainda a vantagem da liberdade de escolha entre as maiores operadores de saúde", disse o presidente da Aliança Administradora de Benefícios de Saúde S/A, Elon Gomes.

As informações sobre os planos de saúde poderão ser obtidas no site Aliança Administradora de Benefícios de Saúde S/A (www.aliancaadm.com.br), ou na central de atendimento (0800) da companhia, a partir de 2 de janeiro. Já os contratos poderão ser feitos nestes mesmos canais ou no posto de atendimento da capital a partir do dia 16 de janeiro. A Secretaria de Planejamento e Gestão publicará, nesta quinta-feira (12/12), em seu site, um banner que direcionará o servidor para o endereço eletrônico da empresa Aliança.

Fonte: Ascom/Governo do Estado 

Comentar
Compartilhe
Após alfinetar a Guarda, Magal dispara contra a IMTT (antiga Emut)
12/12/2013 | 01h16

O vereador Jorge Magal (PR), vice-presidente da Câmara de Campos e aliado da prefeita Rosinha Garotinho (PR), voltou a disparar contra o governo municipal. Dessa vez, a vítima foi o IMTT, antiga Emut. Na sessão de ontem (11), ao comentar sobre um projeto que visava regulamentar veículos ciclomotores, ele disparou: “Se precisar contar com a IMTT, antiga Emut, estamos em uma situação ruim. As coisas com esse Álvaro Oliveira não andam”, afirmou, se referindo ao presidente do IMTT.

Na sessão da última terça-feira o vereador Jorge Magal disse que "guardas municipais estavam com as mãos muitos pesadas" (aqui).

Comentar
Compartilhe
TRE-RJ multa Rosinha, Garotinho, Chicão e Suledil
11/12/2013 | 16h39

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) e a prefeita Rosinha Garotinho (PR), foram multados em R$ 10 mil cada por propaganda eleitoral antecipada. No mesmo julgamento, realizado na sessão da última segunda-feira (09), o Colegiado do TRE-RJ também multou, no mesmo valor, o vice-prefeito, Dr. Chicão (PP), e o secretário de Governo, Suledil Bernardino da Silva.

Em 29 de junho de 2013, Rosinha Garotinho, Chicão e Suledil Silva concederam uma entrevista à emissora de rádio O Diário e teriam promovido a pré-candidatura de Garotinho ao Governo do Estado nas eleições do ano que vem. Da decisão, cabe recurso ao TSE, em Brasília.

Referência: Representação n.º 196-79.2013.6.19.0000 Fonte: Ascom/TRE-RJ
Comentar
Compartilhe
José Carlos: “Dayvison Miranda foi muito macho”
11/12/2013 | 16h27
  [caption id="attachment_21299" align="aligncenter" width="407"] Facebook - José Carlos[/caption]

Durante a sessão de ontem o vereador Dayvison Miranda (PRB) solicitou a revogação de uma Lei que proíbe a utilização de insulfilm nos táxis da cidade. Ao tomar conhecimento sobre a proposta, o  vereador José Carlos (PSDC) elogiou o colega. “O vereador Dayvison Mirando foi muito macho ao pedir a revogação desta Lei. Não tem sentido essa proibição. O tipo de insulfilm que permite transparência de 50% deve ser mantido. Digo e repito: o vereador foi muito macho ao defender os direitos dos taxistas”, comentou José Carlos.

Edson Batista manda tirar o “macho” da ata — Após o discurso de José Carlos, o presidente da Câmara, Edson Batista (PTB) solicitou que um trecho fosse retirado da ata. “Vamos substituir a palavra ‘macho’ por outra. Pode colocar viril ou algo do tipo”, disse Edson.

Comentar
Compartilhe
Magal: “A caneta da Guarda Municipal é muito pesada”
11/12/2013 | 16h07

O vereador Jorge Magal (PR), vice-presidente da Câmara de Campos, protestou ontem (10) contra supostos exageros praticados pela Guarda Municipal. Na visão de Magal, a caneta anda muito pesada. “No meu ponto de vista as campanhas de conscientização precisam ser mais exploradas. Não adianta ficar só punindo o tempo todo. Além disso, em muitos casos faltam os devidos critérios. Tem gente com a caneta muito pesada”, disse Magal.

Porém, na visão do vereador José Carlos (PSDC), são casos isolados. “Eu sei quem tem a mão pesada ali na Guarda. São poucas pessoas. A maioria merece o nosso elogio”, disse José Carlos.

Comentar
Compartilhe
Ambulâncias: Contrato com a nova empresa já está no Diário Oficial
11/12/2013 | 10h20

Foi publicado na página 7 do Diário Oficial do Município de hoje (11), o extrato do contrato para aluguel das 110 ambulâncias com a NOVA MASTER ALUGUEL DE VEÍCULOS LTDA. O valor é de R$ 19.427.144,76 e com prazo de 12 meses. A informação foi publicada no blog do jornalista Ricardo André Vasconcelos (aqui).

Ontem (10), na Câmara (aqui), o vereador Rafael Diniz (PPS) comentou sobre uma suposta falta de ambulâncias para entregar. "A declaração da prefeita, ao dizer que a empresa não tem as ambulâncias para entregar imediatamente, nos assusta. Se antes tínhamos a GAP com um dono fantasmas, será que agora os fantasmas são as ambulâncias?", indagou Diniz, que também questionou uma suposta falta de experiência da empresa no transporte de pacientes. Além disso, Diniz também deixou no ar a seguinte pergunta: "Não seria melhor comprar as ambulâncias e ter como patrimônio?".

Em defesa do governo, o vereador Paulo Hirano (PR) afirmou que todo processo licitatório foi realizado dentro do que determina a Lei. “A própria oposição acompanhou de perto o processo e saiu elogiando. A primeira colocada foi desabilitada por não contemplar as exigências. Também é importante dizer que o pagamento só será feito após a prestação do serviço. Tudo isso é fiscalizado pelos tribunais responsáveis. Se quiserem discutir saúde, posso discutir sem problemas”, disse Hirano, que criticou os governos passados. “A situação era precária e a prefeita mudou isso”, frisou.

Atualização às 17h — Indagado pela reportagem da Folha sobre o início das atividades,  que estava prevista para a próxima sexta-feira (13), o  secretário municipal de Administração e Gestão de Pessoas, Fábio Ribeiro, informou que a empresa tem o prazo de 30 dias, a partir da assinatura do contrato, ocorrida nesta terça-feira (10), para entregar as ambulâncias. Serão 82 veículos.

Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz: “Agora as ambulâncias são fantasmas?”
10/12/2013 | 20h52

Durante a sessão de hoje (10), o vereador Rafael Diniz (PPS) comentou sobre a declaração da prefeita Rosinha Garotinho (PR) que, no último sábado, afirmou que a empresa Nova Master não teria todas as ambulâncias para colocar em circulação imediatamente (aqui). “Pelo jeito essa novela ainda vai ter mais capítulos. Antes, no caso da GAP, o fantasma era o dono da empresa. Agora, após uma nova licitação, será que temos ambulâncias fantasmas?”, indagou Diniz.

Na tribuna da Casa, o vereador da bancada de oposição fez uma serie de questionamentos. “O governo vai gastar R$ 2 milhões por mês com o aluguel das ambulâncias. Esse dinheiro é de toda a população de Campos. Por isso, não podemos deixar de fazer algumas perguntas. Está caro? Não seria melhor comprar ambulâncias, adquirir patrimônio e evitar problemas como o que ocorreu com a GAP? Não houve uma vistoria técnica para saber se a empresa tem experiência no ramo?”, indagou Rafael Diniz, que foi além. “Olhando o site da empresa não encontramos nada sobre ambulâncias. É importante deixar bem claro que estamos falando de vidas. Não podemos transportar uma pessoa como quem leva um sofá de um local para o outro”, disse.

Em defesa do governo, o vereador Paulo Hirano (PR) afirmou que todo processo licitatório foi realizado dentro do que determina a Lei. “A própria oposição acompanhou de perto o processo e saiu elogiando. A primeira colocada foi desabilitada por não contemplar as exigências. Também é importante dizer que o pagamento só será feito após a prestação do serviço. Tudo isso é fiscalizado pelos tribunais responsáveis. Se quiserem discutir saúde, posso discutir sem problemas”, disse Hirano, que criticou os governos passados. “A situação era precária e a prefeita mudou isso”, frisou.

O vereador Fred Machado (SDD) também entrou no debate. "Não estamos falando sobre a lisura da licitação. Até porque, a licitação da GAP também cumpriu tudo o que determina o TCE. O que estamos questionando é o valor mensal (R$ 2 milhões), a falta de uma vistoria na empresa, entre outras questões", disse Fred.

Comentar
Compartilhe
Contas de Carla Machado com parecer favorável do TCE-RJ
10/12/2013 | 15h10

A ex-prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PT), comentou hoje (10), em seu perfil no Facebook, sobre o parecer favorável do Tribunal de Contas do Estado do Rio (TCE-RJ) em relação as contas do último ano de seu governo, em 2012. “Estou terminando 2013 de ‘alma lavada’... Minhas contas da PMSJB referente a 2012 foram julgadas pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE) e a exemplo dos 7 ANOS anteriores foram aprovadas. Foi mais uma derrota para os meus adversários "implacáveis" que sistematicamente atuaram com severas críticas infundadas, numa perseguição mesquinha”, desabafou a ex-prefeita.

Carla também comentou sobre embates jurídicos. “Vale lembrar que quase todas as ações judiciais que este grupo moveu contra mim, CPI's, Ações Populares, Denúncias ao Ministério Público não prosperaram. A ‘Operação Machadada’, que tanto me massacraram, foi julgada no TRE e referendou o que falamos.. ‘o ocorrido na semana  da eleição não passou de uma trama orquestrada pelos adversários’ (...) O resultado foi a minha absolvição pela totalidade dos juízes desembargadores, dos crimes por eles imputados a mim de forma cruel”, disse a ex-prefeita.

Além disso, a ex-prefeita aproveitou para mandar um recado: “Para ‘aqueles’ que insistem em dizer que deixei dívidas para a atual Administração, hoje cai por terra essa mentira. Se isso tivesse ocorrido, haveria desobediência à Lei de Responsabilidade Fiscal e consequentemente, minhas contas de gestão em nenhuma hipótese, teriam sido aprovadas. Os dois gestores que me antecederam - Betinho Dauaire e Ranulfo Vidigal precisaram da Câmara de Vereadores (de 2/3 dos votos dos vereadores) para mudar o parecer contrário do TCE de suas contas de gestão, o que para mim, NUNCA foi necessário nestes 8 anos de governo. A todos que torcem por nós, aos amigos, aos que nos ajudaram a administrar o município, ao povo amigo de SJB Muito Obrigada!!! Aos fofoqueiros de plantão, os chamados “Boca de Balde", aos intrigueiros, aos mesquinhos, aos pobres de espírito, aos ingratos e perseguidores...Cuidado!!! Parem com besteira, mentiras e passem a cuidar de suas vidas... lembrem-se que a maldade sempre retorna a aqueles que a desejam. Com DEUS sempre no controle, 2014 nos aguarda... Vamos que Vamos!!!”, completou Carla.

Comentar
Compartilhe
Coração de mãe
10/12/2013 | 12h19

O governo Rosinha tem mostrado que a administração pública precisa funcionar como um grande coração de mãe. Há sempre espaço para mais um. No Diário Oficial de hoje (10) é possível encontrar a nomeação de Luciano Gomes Colino (PTC). Ele recebeu 1.476 votos pelo PTC na disputa por uma cadeira na Câmara em 2012 e agora vai atuar como assessor especial da secretaria de Governo, com um DAS 4. Na eleição de 2012, Colino contou com o apoio de muitos evangélicos.

Outras mudanças no time da prefeita, que estão no Diário Oficial de hoje, envolvem a jornalista Débora Batista e o assessor Rodrigo Cherene. Débora deixa a função de Assessora de Comunicação (DAS 2) e passa a ser Assessora Particular da prefeita (DAS 1). Já Rodrigo Cherene deixa de ser Diretor de Mídia (DAS 3) e passa a ocupar a antiga função de Débora (DAS 2).

Comentar
Compartilhe
Em homenagem a Mandela, Obama e Raúl Castro se cumprimentam
10/12/2013 | 11h44

O presidente dos EUA, Barack Obama, apertou a mão do presidente de Cuba, Raúl Castro, nesta terça-feira (10), durante ato em homenagem a Nelson Mandela. O gesto é inédito entre os presidentes, de dois países que têm sido rivais ao longo de mais de meio século.

Raúl Castro sorriu quando Obama apertou sua mão, a caminho do púlpito onde fez um emocionado discurso em homenagem a Mandela. Os dois trocaram algumas palavras. Um funcionário do governo dos EUA disse à France Presse que o aperto de mão com o sucessor de Fidel Castro foi uma "nova demonstração" da vontade da administração Obama de se aproximar dos inimigos dos EUA, entre eles Cuba. A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, que também discursou na cerimônia, presenciou a cena.

Washington rompeu relações diplomáticas com Havana em 1961, após a chegada ao poder de Fidel Castro, em 1959, e a nacionalização de propriedades americanas na ilha. Um embargo dos Estados Unidos foi imposto em 1962, sob a administração de John F. Kennedy, e segue em vigor até hoje, apesar da desaprovação de boa parte da comunidade internacional.

Os dois países mantêm seções consulares de interesse que atuam como embaixadas. Em 9 de novembro, falando a uma comunidade anti-Castro em Miami, Obama considerou que os Estados Unidos deveriam rever a sua política em relação a Cuba, mantendo o objetivo de ajudar a liberalizar a ilha. "Temos que ter em mente que quando (Fidel) Castro chegou ao poder, eu tinha acabado de nascer. É tolice acreditar que as medidas implementadas em 1961 ainda são eficazes hoje, na era da Internet e do Google', disse na época.

Fonte: G1

 
Comentar
Compartilhe
Garotinho: “Podemos liquidar a fatura no 1º turno”
10/12/2013 | 00h48

O alto índice de rejeição apontado em várias pesquisas, incluindo no levantamento feito pelo PR, não tem assustado o deputado federal Anthony Garotinho (PR). Em suas andanças pelos quatro cantos do estado, ele tem dito que vai manter o ritmo frenético de trabalho e vencer no primeiro turno. “Se continuarmos nesse ritmo de trabalho (e vamos continuar), podemos liquidar a fatura no primeiro turno. Nessas minhas andanças pelo interior e pela capital fluminense, me convenci de uma única coisa: eu preciso voltar a ser governador do Rio. O povo está sem governo! Vi crianças nas ruas vítimas do crack, adultos dormindo sobre o lixo no Jacarezinho, gente necessitada clamando, eu disse clamando, para a construção de creches, pedindo a volta do Cheque-Cidadão, a revitalização do Restaurante Popular. É chegada a hora, meus leitores, de retomar o governo do Rio para o povo. E vamos em frente!”, disse o deputado em seu blog.

Porém, na visão dos adversários, o deputado está delirando. Para o senador Lindbergh Farias (PT), o povo vai mostrar que se cansou de “um modelo político ultrapassado”. “Na hora que comelar de verdade as pessoas vão conhecer os projetos e perto e constatar que não dá para apostar em quem faz política com raiva, de forma agressiva e ultrapassada”, afirma o petista, que tem se colocado como o pré-candidato mais forte para derrotar Garotinho.

Comentar
Compartilhe
Makhoul assume presidência do PT e mira nas eleições de 2014 e 2016
10/12/2013 | 00h10

O médico Makhoul Moussallem, segundo colocado na disputa pela Prefeitura de Campos em 2012 e pré-candidato a deputado federal, assumiu na noite de ontem (09) a presidência do diretório do PT na planície goitacá. A cerimônia, que estava marcada para fevereiro de 2014, foi antecipada.

De olho nas eleições de 2014, o médico garantiu que o partido está unido e conta com uma agenda tanto para 2014 como para 2016. “Nossas metas estão definidas. Vamos crescer em 2014 para buscar a Prefeitura em 2016”, disse Makhoul, lembrando que após a eleição de 2012 o PT se consolidou como a segunda força no município. "Nessa hora não temos que falar em nomes, mas sim no partido. Hoje, após a eleição de 2012, o PT é a segunda força na cidade", afirmou, ao lado do vereador Marcão (PT), dos ex-presidentes do partido em Campos, Eduardo Peixoto e Hélio Anomal, e de petistas de Campos e outros municípios da região. O vereador Rafael Diniz (PPS), também prestigiou posse de Makhoul. "Mesmo em outro partido, não poderia deixar de prestigiar a posse do amigo Makhoul e estar aqui ao lado de outro amigo, que é o vereador Marcão. Na verdade, todos fazemos parte de um mesmo time, que é o time da oposição. Um grupo que luta por uma cidade melhor", disse Rafael.

Ciente da importância da eleição de 2014 para chegar forte na disputa pela Prefeitura em 2016, Makhoul listou os nomes que podem estar na disputa. "Sou pré-candidato a deputado federal. Porém, par deputado estadual temos bons nomes como o vereador Marcão, a ex-vereador Odisséia e o professor Alexandre. Além disso, temos nossa região companheira Carla Machado, que também terá o nosso apoio", disse Makhoul, que aposta em pelo menos uma cadeira na Alerj e uma na Câmara Federal. "A população precisa ficar atenta e valorizar os candidatos que têm compromisso com a região. Acho que podemos ter vitórias tanto na disputa pela Câmara Federal, como na Alerj", disse.

De olho na Prefeitura em 2016, quando a prefeita Rosinha Garotinho (PR) não poderá buscar a reeleição, Makhoul lembra que algumas vitórias em 2014 são fundamentais. "Temos que conseguir as cadeiras na Alerj, reeleger a presidente Dilma e eleger Lindbergh o nosso governador. Assim, estaremos muto fortes em 2016", frisou.

Comentar
Compartilhe
Medalha de ouro
09/12/2013 | 14h35

Concorrendo com mais de 18 milhões de estudantes de todo o país, a campista Letícia Tavares da Silva, aluna do 9º ano do ensino fundamental, no Colégio Estadual Leôncio Pereira Gomes, na Baixada Campista, ganhou Medalha de Ouro na 9º Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas. Na última semana, Letícia recebeu uma Moção de Aplausos da Câmara de Campos e chegou a ser convidada pelo vereador Nildo Cardoso (PMDB) para vistoriar as contas do Legislativo.

Comentar
Compartilhe
O PT vai apostar em Crivella no Rio?
09/12/2013 | 12h03
O PT-RJ ainda não oficializou a candidatura do senador Lindbergh Farias ao governo do Rio de Janeiro a pedido do ex-presidente Lula. O cenário será decidido pela presidente Dilma Rousseff por seu vice Michel Temer (PMDB). Com interesse em manter o apoio do maior partido da base aliada, o PT pode até apostar em um outro candidato: Marcelo Crivella. Leia na nota de Claudio Humberto, no Diário do Poder: PT pode preterir Lindbergh e apoiar Crivella no Rio Sem querer desagradar seu amigo Sérgio Cabral (PMDB), que veta a candidatura do senador Lindbergh Farias (PT) ao governo do Rio de Janeiro, o ex-presidente Lula cogita apoiar uma terceira via que, segundo a cúpula do PT, poderia ser o próprio ministro Marcelo Crivella (PRB), favorito nas pesquisas. A sigla avalia que, além de ser da base aliada, Crivella menor tem índice de rejeição que Lindbergh. Pesa ainda contra candidatura de Lindbergh críticas de ala mais conservadora de que ele não teria bagagem para governar o Rio.  Lula deverá se reunir esta semana com o senador Lindbergh Farias, em São Paulo, para tentar fazê-lo desistir da candidatura. Fonte: Brasil 247
Comentar
Compartilhe
Alexandre Tadeu assume a 2ª vice-presidência estadual do PRB
08/12/2013 | 15h36

Foi empossado ontem (07), no Rio de Janeiro, o novo diretório estadual do Partido Republicano Brasileiro (PRB). O senador Eduardo Lopes é o novo presidente estadual do partido. O vereador de Campos, Alexandre Tadeu assumiu a 2ª vice-presidência. Pré-candidato a deputado, o "Tô Contigo" ganhou força no partido da Igreja Universal.

Confiantes na candidatura do ministro Marcelo Crivella ao governo do estado, as principais lideranças do PRB querem investir pesado em candidatos a deputado nos quatro cantos do estado. Em Campos e região a aposta deve ser no vereador Alexandre Tadeu, que ainda não sabe se disputa uma cadeira na Alerj ou na Câmara Federal.

Comentar
Compartilhe
Antes que a morte nos separe
08/12/2013 | 11h25
Divido com os leitores do blog um texto do Ivan Martins, escritor e editor executivo da revista Época.

Antes que a morte nos separe (Ivan Martins)

Enterros, velórios e missas de sétimo dias são ocasiões que nos fazem pensar, inevitavelmente. Estamos ali, vivos, na presença física ou espiritual da morte. Em geral, ligados a ela por alguém amado ou conhecido que se foi. Não dá para evitar a filosofia nessas horas – e um pouco de medo.

Dias atrás, despedi-me de um conhecido que partiu antes da hora. Entrei sereno na igreja, reconheci velhos colegas e me sentei entre eles para esperar a missa. A cerimônia transcorreu sem sobressaltos até o final, quando o padre deu a palavra à companheira do morto. Emocionada, mas firme, ela leu umas poucas palavras ao microfone. Essencialmente, disse que ele talvez não soubesse o quanto o admiraram, quanto o queriam aqueles que ele deixara para trás. Foi o que bastou para me inquietar.

Por causa das companhias de seguro, que vivem nos lembrando da fragilidade da existência, somos levados a pensar, de vez em quando, sobre o estado material da nossa vida. Se eu morresse amanhã, o que deixaria para trás? Está tudo certo, estão todos amparados, os papéis estão em dia? Gente muito jovem não se preocupa com isso, mas basta ter filhos para que essas ideias, insidiosamente, nos visitem. É natural e até saudável. Só quem se acha eterno está isento de preocupações. Os outros temem. Mas não foi isso que me inquietou na igreja. O que as palavras da viúva evocavam era algo diferente, imaterial. Ela falava do legado emocional e afetivo do morto. Ela aludia, em seu breve discurso de despedida, ao que ele deixara sentimentalmente para trás – de forma incompleta - com os amigos, com a família, com a mulher. Suas palavras faziam pensar nas relações rompidas pela morte e no estado das relações com os que ficam. Se morrêssemos amanhã, o que restaria sem ter sido dito? Muito, eu imagino.

Nossas vidas estão repletas de relações pendentes.

Há o amigo, a ex-namorada, a prima com quem você não fala há muito tempo, embora isso o inquiete. Questões grandes ou pequenas esperaram ser resolvidas com o irmão, com o tio, com a amiga com quem você, talvez, não tenha agido direito. Dentro do círculo mais íntimo, mesmo ali, persiste a sensação de que nem tudo foi dito entre pai e filho, entre marido e mulher, entre namorados de longa data. Na avalanche estúpida das horas que se esvaem, tendemos a adiar conversas e encontros. Eles não são urgentes, nos parece. Temos todo o tempo do mundo, nos iludimos. É natural que seja assim.

Tudo o que está vivo é incompleto. Não é diferente com as relações humanas. Apenas o que acabou emocionalmente está concluído e encerrado. O resto segue nos assombrando com vírgulas, reticências e interrogações. Aquilo que está vivo é uma possibilidade. Somente a morte coloca o ponto final em algumas relações. Naquelas que mais importam, eu diria. Naquelas que nos inquietam e das quais nos cabe cuidar. Ao contrário das coisas materiais, é impossível resolver relações vivas. Elas podem ser cultivadas, saboreadas, vividas, mas não resolvidas. Elas prosseguem. Nunca haverá a conversa definitiva com aqueles que a gente ama. Talvez haja a última, mas isso não se sabe. Sabemos da conversa mais recente, da próxima. Dessas deveríamos cuidar. Sempre haverá outro programa de televisão, outro filme, outro amigo chamando ao telefone – mas o momento deste encontro não se repete. As palavras que trocamos aqui (ou não trocamos) fazem diferença.

O que podemos fazer – e que talvez devamos fazer – é manter nossas relações em dia. Se alguma coisa trágica ocorrer, teremos rido juntos ontem, ou falado na semana passada sobre o filme. Talvez tenhamos discutido ao telefone – é inevitável – mas dormimos abraçados, conversando baixinho. Lembrei de comprar o presente no dia certo, liguei aquela noite como prometido, tomamos um porre medonho na sexta-feira, conversamos longamente no carro durante a viagem. Andávamos na rua quando a chuva começou. Estivemos felizes, estivemos bravos, estivemos juntos. Foi bom.

Será que me faço entender?

As coisas materiais têm o poder de nos obrigar a agir. Os nossos sentimentos, estranhamente, não. Saímos todas as manhãs para o trabalho, ligamos para o advogado, trocamos emails com gente chata sobre o projeto que nos interessa. Mas não gastamos uma fração dessa energia para cuidar de coisas que nos são intimamente caras: o amigo de quem temos saudades, a ex-namorada que está na pior, a tia de que gostamos tanto. O cotidiano dos sentimentos e a rotina das relações são negligenciados. Ou tratados com menos importância do que deveriam. Ao contrário do que parece, isso não constitui uma traição aos outros, mas a nós mesmos.

Por isso fiquei inquieto com as palavras da missa.

Tive a impressão de que minhas pendências são grandes. As contas e os impostos estão pagos, mas a vida emocional está atrasada. Se eu sumisse hoje, se eu morresse, muitas palavras ficariam por serem ditas, muitos abraços ficariam no ar. Pessoas queridas ficariam sem respostas. Tive a impressão, na missa, de que há muito a fazer antes que a morte nos separe – e que o tempo, afinal, não é tão longo.

 

Comentar
Compartilhe
Novela sem fim
08/12/2013 | 11h04

Pelo jeito a novela das ambulâncias ainda vai contar com muitos capítulos. Se a empresa anterior (GAP) tinha um dono fantasma e, por isso, o seu contrato foi suspenso, a nova empresa (Nova Master) anda correndo contra o tempo para providenciar ambulâncias. Isso porque, de acordo com a prefeita Rosinha (PR), a empresa não tem ambulâncias para entregar (aqui - Blog da Coluna).

Dando uma olhada no site da empresa é possível notar que a Nova Master temn seu foco principal voltado para o aluguel de caminhões e carros de passeio (aqui).

Comentar
Compartilhe
Roberto Henriques: “Não pode ter safadeza na eleição para diretor de escola”
07/12/2013 | 18h32
Em seu programa na rádio Continental, o deputado estadual Roberto Henriques (PSD) comentou hoje (07) sobre a eleição para diretor de escola. Sem perder tempo, ele cobrou atenção da prefeita Rosinha (PR), do Ministério Público e disparou: “Não pode ter safadeza nem golpe. A eleição tem que ser limpa”, disse. Confira o vídeo: [youtube]http://www.youtube.com/watch?v=rQ__dOFBgKs[/youtube]  
Comentar
Compartilhe
Após suspeita de censura, Prefeitura homenageia Nelson Rodrigues
07/12/2013 | 14h53

Em julho, após a peça “Bonitinha, mas ordinária”, de Nelson Rodrigues, sair da programação do Trianon, houve uma grande polêmica envolvendo indícios de censura pelo fato da prefeita Rosinha ser evangélica (aqui). Agora, cinco meses depois, a Prefeitura preparou uma programação especial para homenagear Nelson Rodrigues. As atividades começam na próxima segunda-feira (09) e prosseguem até sábado (14) no Palácio da Cultura e no Teatro Trianon. Ao todo, são seis esquetes: “Excesso de trabalho”; “A humilhada”; “Noiva para sempre”; “Amor demais”; “Fatalidade” e “O Grande Viúvo”.  "Os espetáculos, eventos e festivais fazem parte da política de cultura implementada pela municipalidade, que tem democratizado o acesso à cultura, contemplando todas as correntes estéticas. Estão todos convidados a prestigiar esta programação especial para homenagear este escritor que marcou a literatura brasileira", disse a presidente da Fundação Cultural Jornalista Oswaldo Lima, Patrícia Cordeiro

Comentar
Compartilhe
Latiram e não morderam
07/12/2013 | 14h48

Neste primeiro semestre, os vereadores de Campos ameaçaram abrir duas CPIs. A ideia era fiscalizar abusos cometidos por duas empresas campeãs de reclamações em Campos: Águas do Paraíba e Ampla. Porém, após discursos acalorados no plenário e desabafos, os protestam foram ficando cada vez menores. Agora, perto do recesso, ninguém toca mais no assunto. Ou seja, latiram, latiram e não morderam ninguém.

Comentar
Compartilhe
Cabral pede para Leonardo Picciani moderar nas críticas ao PT
06/12/2013 | 19h27
Depois de incendiar a relação entre peemedebistas e petistas, o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, assumiu a função de bombeiro dentro do PMDB. Nesta semana, Cabral ligou para o deputado federal Leonardo Picciani (PMDB) e pediu para ele moderar nas críticas ao PT. Há uma semana, os petistas adiaram a decisão de deixar as secretarias estaduais que ocupam no governo Cabral. Na ocasião, Leonardo Picciani disse que o PT não havia saído do governo em novembro para não correr o risco de ficar sem o 13º salário. Fonte: Época
Comentar
Compartilhe
Câmara com baixa popularidade na "pedra"
06/12/2013 | 19h19
1 - Pesquisa sobre a atuação da Câmara de Campos na 98ª Zona Eleitoral (do Centro ao Parque Esplanada). Ótimo ... 6,60% Bom ... 13,18% Regular ... 32,05% Ruim ... 19,59 %... Péssima ... 28,59% Pessoas Entrevistadas: 278
Comentar
Compartilhe
Odontologia: Leitor defende Mutirão
06/12/2013 | 19h04

Abrindo espaço para todos os tipos de pensamentos, o blog publica a opinião do leitor Renato, que rebateu a acusação de que o Mutirão da Prefeitura de Campos é Mutilação (aqui). Confira:

“Injusta a acusação que está sendo feita contra o Projeto do Mutirão de Cirurgia Oral Menor. Não faço parte do governo, por isso não estou aqui para atacar ou defender ninguém, mas conheço o projeto de perto que está sendo realizado no Centro de Saúde de Campos, pois sou cirurgião-dentista. O projeto é excelente, viável, e vêm de encontro aos anseios da população de Campos, pois ele trata basicamente das cirurgias dos dentes chamados de 3os molares (os famosos dentes do siso) que são executadas por especialistas na área, e que pelo grau de complexidade, quando executada em consultório particular, possuem alto custo ao cliente, e que a população carente de Campos não teria, jamais, condições de pagá-las. O que acontece é que estas cirurgias não são executadas pelos dentistas considerados clinico-gerais que trabalham nas UBS (Unidades Básicas de Saúde) pertencentes ao SUS, por serem cirurgias complexas. Então, por este motivo, os pacientes são encaminhados para este serviço que é especializado, e que também executa outros tipos de cirurgias, tais como biópsias, frenectomias, etc, todas consideradas ORAL MENOR, apenas pq são realizadas em ambulatório e não necessitam de internação hospitalar. As pessoas que estão criticando, deveriam ao menos se dar ao trabalho de conhecer o projeto de perto que acontece DIARIAMENTE no Centro de Saúde de Campos, e com certeza, sairão de lá satisfeitas com o que verão. Críticas devem ser sempre construtivas, mas todas as que li aqui neste blog, não têm qualquer fundamento, é a crítica pela crítica. No mais, o Projeto do Mutirão está de parabéns e a população de Campos será a maior beneficiada, e os resultados já estão sendo vistos claramente. Muito obrigado, Renato".

Comentar
Compartilhe
Garotinho: “Conheço bem a Turma da Boquinha”
06/12/2013 | 17h19

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) voltou a ironizar a demora do PT para deixar o governo Cabral. Ao tomar conhecimento sobre a marcação de uma nova data para o desembarque, dessa vez após o Carnaval, o parlamentar disparou: “Ora, conheço bem a Turma da Boquinha. Disse que depois de garantirem o 13º de Natal iriam apelar para o Rei Momo. Não deu outra!”.

Comentar
Compartilhe
Gabeira no Açu
06/12/2013 | 15h48

No domingo (08), às 18h30, o programa “Gabeira na Globo News” vai apresentar histórias de produtores rurais do 5º Distrito de São João da Barra. Em uma conversa franca com o ex-deputado federal, homens e mulheres humildes relatam que lagoas doces ficaram salgadas e como o sal arruinou a plantação de pequenos produtores de abacaxi da região.

Comentar
Compartilhe
Dilma quer dois palanques no Rio
06/12/2013 | 12h05

Empenhada em assegurar o apoio do PMDB do Rio à sua reeleição, a presidente Dilma Rousseff vai trabalhar para que o PT só entregue os cargos no governo do estado quando o governador Sérgio Cabral deixar a função, no fim de março. Segundo interlocutores da presidente, a expectativa dela é que esse movimento leve Cabral e o vice Luiz Fernando Pezão a aceitar a existência de ao menos dois palanques dilmistas no estado: o de Pezão e o do petista Lindbergh Farias.

O PT do Rio aguarda uma conversa de Lindbergh com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e com a presidente Dilma para definir a data de saída do governo do estado. Essa negociação, no entanto, tem chances de evoluir, segundo um dos comandantes da campanha de Lindbergh. A única exigência do grupo do senador petista para se chegar a um acordo em relação à saída em março é que o PMDB pare de pedir a retirada da candidatura do PT e reconheça a legitimidade de Lindbergh se lançar na disputa.

A presidente deseja repetir com Cabral a estratégia adotada com o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, meses atrás. Apesar de petistas terem passado meses pedindo que Dilma demitisse prontamente do governo federal os integrantes do PSB, a presidente aguentou a pressão para não dar motivos para que Campos justificasse sua saída da base aliada. Agora, a presidente pretende ceder em todos os pedidos de prazo feitos por Cabral para que o governador não tenha argumentos para anunciar um rompimento com ela pela falta de apoio do PT.

Fonte: O  Globo 

Comentar
Compartilhe
Clarissa: "Eduardo Paes é igualzinho ao Félix"
05/12/2013 | 21h12

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=IKkJlSaTSa4[/youtube]

Na tribuna da Alerj, a deputada estadual Clarissa Garotinho (PR) disparou hoje (05) contra o prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB). Repercutindo matéria do site Brasil 247 (aqui), ela disparou: “Eduardo Paes está mesmo curioso sobre quem vazou os documentos que comprovam que a sua família possui duas empresas no Panamá, no Paraíso Fiscal, que teriam capital de cerca de R$ 20 milhões! Ao contrário do que o prefeito falou na entrevista, não fui eu quem divulgou os documentos! Eduardo Paes é igualzinho ao Félix da novela das oito! Ele é atacado igual ao Félix, faz um monte de besteira e depois quer desviar o foco da situação!”, disse Clarissa, fazendo alusão ao personagem de Mateus Solano na novela “Amor à Vida”. 

Comentar
Compartilhe
Vento assusta e causa estragos
05/12/2013 | 19h15
[caption id="attachment_21159" align="aligncenter" width="490"] Foto de Leonardo - Reprodução - Facebook/Band Notícias[/caption]   [caption id="attachment_21162" align="aligncenter" width="501"] Uma árvore foi arrancada pela raiz na Rua Barão de Miracema, no Centro de Campos. Foto de Nickolas Abreu[/caption] [caption id="attachment_21164" align="aligncenter" width="482"] Graziele Paula/Bruno Prudêncio/Ururau[/caption]

O vento forte na tarde de hoje (05) em Campos assustou e causou estragos em vários pontos da cidade. No Centro, as placas de algumas lojas caíram. Já no trevo da entrada da cidade, a ornamentação de Natal vai necessitar de reparos. Dois reis magos foram ao chão.

Em frente ao Shopping Boulevard, uma placa de outdoor caiu sobre um caminhão.

Quedas de árvores foram registradas em vários bairros como Santa Cruz, Guarus, Pelinca, na RJ 158 (que liga Campos a São Fidélis) e na BR 101, dificultando o trânsito na rodovia, que segue lento.

Vários locais na cidade tiveram seus telhados arrancados pelos fortes ventos, inclusive, na avenida 28 de Março. Em alguns pontos também houve queda de energia. Em uma unidade escolar, a força do vento derrubou a cobertura externa.

* Com informações da Folha

Comentar
Compartilhe
STF determina prisão de mais quatro mensaleiros
05/12/2013 | 17h05

Polícia Federal recebeu ordens para efetuar as prisões de Valdemar Costa Neto, Pedro Corrêa, Carlos "Bispo" Rodrigues e Vinicius Samarane

O Supremo Tribunal Federal (STF) determinou nesta quinta-feira a prisão imediata de mais quatro condenados no julgamneto do mensalão: o deputado Valdemar Costa Neto (PR-SP), os ex-deputados Pedro Corrêa (PP-PE) e Carlos "Bispo" Rodrigues e o ex-diretor do Banco Rural Vinicius Samarane. A Polícia Federal já recebeu as ordens de prisão.

Dos quatro, apenas Samarane cumprirá a sentença em regime fechado. Os outros três começam as penas em regime semiaberto.

Fonte: Veja
Comentar
Compartilhe
“Rolo Compressor” quer mais carinho
05/12/2013 | 15h16

Atualmente, a Câmara de Campos conta com 21 vereadores ao lado do governo e apenas 4 oposicionistas. Quem olha de fora e vê essa esmagadora maioria, imagina que o deputado federal Anthony Garotinho (PR), líder do “Rolo Compressor”, não tem qualquer tipo de dor de cabeça com os parlamentares rosáceos.

Mas quem acompanha essa relação de perto já notou que nem tudo são flores. Tirando os mais próximos da prefeita e do deputado, pelo menos 15 parlamentares da bancada governista não andam nada satisfeitos. Resmungam pelos corredores e cobram mais atenção. Os mais rebeldes chegam a falar em uma revolução. Porém, falta coragem e disposição. No momento, a única coisa que pedem é um pouco mais de carinho.

Ciente da carência dos rosáceos, o deputado federal Anthony Garotinho mandou um recado em recente reunião: “Durante a eleição de 2012 eu ajudei muita gente. Agora é a vez de vocês me ajudarem”.

Comentar
Compartilhe
Dilma entra na negociação com Cabral
05/12/2013 | 13h03

A presidente Dilma Rousseff entrou pessoalmente na negociação com o PT e o PMDB do Rio. Quer manter o PT no governo Sérgio Cabral até março e trabalha para que o governador apoie o petista Lindbergh Farias.

Hoje (5), ela e Lindbergh vão conversar para falar sobre a costura com os peemedebistas. Dilma esteve há três dias com Cabral, no velório do corpo do governador sergipano, Marcelo Déda.

Fonte: JB
Comentar
Compartilhe
Odontologia: Mutirão ou Mutilação?
05/12/2013 | 00h13

[caption id="attachment_21131" align="aligncenter" width="500"] O Departamento de Odontologia da Secretaria Municipal de Saúde está promovendo o mutirão de cirurgia oral menor (Foto: Secom)[/caption]

Em comentário enviado ao blog, o leitor Arthur fez um extenso desabafo sobre o Mutirão de cirurgia oral menor realizado pela Secretaria de Saúde. Segundo o internauta, a Prefeitura está na contramão da história e bem distante do que recomenda a Organização Mundial de Saúde. “Campos está de parabéns por promover mutilação em massa. Não tem competência para recuperar a saúde bucal da população. Isso é vergonhoso. Vão mutilar com um nome pomposo (Cirurgia Oral Menor) E depois? Vão colocar próteses ou implantes como foi prometido por Ivan Machado, o Chefe da Odontologia?”, indagou.

Na matéria publicada no site da Prefeitura, o gerente do setor de Odontologia, Ivan Machado, explica que quatro cirurgiões buco-maxilo-facial estão engajados no mutirão. “Para novos agendamentos, é necessário que o paciente esteja com o devido encaminhamento da Unidade Básica de Saúde (UBS), conforme protocolo do Departamento Odontológico”, informou o gerente.

O site da Prefeitura informa que a paciente Ericente Mota, 36 anos, fez uma extração de dente molar na segunda-feira (2) e ficou satisfeita com o atendimento. “Fui muito bem atendida. Este mutirão vai ajudar muita gente”, opinou. Moradora do Parque Vicente Dias, Natália dos Santos, 23 anos, extraiu o dente siso e também aprovou o atendimento. “Vai facilitar muito a nossa vida e permitir que mais pacientes sejam atendidos”, disse.

Recentemente, na Câmara, o vereador Fred Machado (SDD) solicitou uma audiência pública para debater sobre a Odontologia no município, ouvindo gestores, profissionais e usuários. Porém, o requerimento do parlamentar foi negado pela bancada da prefeita Rosinha.

O blog do jornalista Fernando Leite também publicou o desabafo do internauta (aqui)

 

Comentar
Compartilhe
TRE-RJ elege novo presidente
04/12/2013 | 23h46

Por unanimidade, o desembargador Bernardo Moreira Garcez Neto foi eleito presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro, em votação secreta realizada na sessão desta segunda-feira, dia 2. A eleição ocorreu após o desembargador Edson Aguiar de Vasconcelos tomar posse como membro efetivo do Colegiado do Tribunal, na classe dos desembargadores estaduais. Como o magistrado anunciou não ter a pretensão de concorrer à Presidência, o desembargador Bernardo Garcez tornou-se o único candidato ao cargo. O desembargador Edson Vasconcelos assumiu então a Vice-Presidência da Corte.

Ao tomar posse no cargo, o presidente Bernardo Garcez agradeceu os seis votos favoráveis, mas ressaltou que a vitória traz responsabilidades. Para o desembargador, é preciso maior transparência e racionalidade na gestão do orçamento público. "Não haverá construções de pirâmides ou inovações não previstas em lei. Este Tribunal voltará a ter como prioridade a sua atividade fim, que é julgar os recursos", discursou. O Colegiado do TRE-RJ é composto por sete magistrados, eleitos para um mandato de dois anos. Apenas os dois membros efetivos na classe dos desembargadores estaduais podem exercer os cargos de presidente e vice-presidente. Também integram a Corte eleitoral, um desembargador federal, dois juízes estaduais e dois juristas.

Fonte: Ascom/TRE 

O blog "Eu Penso que...", do jornalista Ricardo André, publicou nota (aqui) mais cedo informando sobre a mudança no comando do tribunal.

Comentar
Compartilhe
Aluguel das novas ambulâncias vai custar R$ 2 milhões por mês
04/12/2013 | 21h08
O jornalista Ricardo André Vasconcelos informou em seu blog (aqui) que a Prefeitura de Campos publicou na edição de hoje (04) do Diário Oficial (página 12) os itens do pregão presencial 032/2013 que registrados pelo período de 12 (doze) meses. O pregão é aquele que visa substituir a GAP no fornecimento de ambulâncias. O processo foi questionado judicialmente pela Nova Master Aluguel de Veículos Ltda, que acabou sendo a contratada.
Os preços que deverão ser cobrados pelo aluguel das ambulâncias variam de R$ 15.105,09 a R$ 24.642,54 por mês. O contrato ainda não foi assinado, mas se o for, veja qual será o custo mensal das ambulâncias alugadas pela Prefeitura de Campos.
 - 40 Ambulâncias tipo A - R$ 15.105,09 cada - Total -  R$   604.363,60
- 60 Ambulâncias tipo B -  R$ 22.072,85 cada - Toral -  R$ 1.324.371,00
- 10 Ambulâncias tipo C -  R$ 24.642,54 cada - Total -  R$    246.425,40
TOTAL POR MÊS........................................................ R$ 2.175.160,00
A polêmica envolvendo as ambulâncias ganhou mais um capítulo durante a sessão de hoje (04) da Câmara de Campos. Ciente dos valores que serão pagos pelo aluguel de 110 ambulâncias, tendo em vista publicação no Diário Oficial, o vereador Rafael Diniz (PPS) fez questionamentos na tribuna da Casa. “Será que é razoável pagar R$ 2 milhões por mês pelo aluguel de ambulâncias? Será que o governo pode nos informar o que está incluído neste valor? Motoristas, combustível? Como vereador não posso abrir mão do meu papel de fiscalizar”, disse Diniz, que também citou os preços diários por cada ambulância (de R$ 15.105,09 a R$ 24.642,54).

Porém, na visão do vereador Paulo Hirano (PR), líder do governo na Câmara, não há nada sem explicação. “Todos os questionamentos feitos pelo vereador estão disponíveis no edital. Tudo foi feito com lisura e dentro do que determina a legislação. Na verdade a segunda colocada vai assumir após intervenção do Ministério Público. Não vou mais ficar na tribuna explicando pontos que já estão claros e foram devidamente publicados no Diário Oficial”, disse Hirano. A explicação de Hirano não agradou Rafael Diniz. “Quer dizer que não podemos questionar os valores? Se o líder não vai mais responder nada que já foi publicado, seria melhor fechar esta Casa e falar para a população ficar lendo Diário Oficial todos os dias”, disparou. Atualização às 0h28 — Em se blog (aq) o advogado José Paes Neto lembra que em junho deste ano o Observatório Social de Campos divulgou aqui a íntegra do edital da referida licitação, em que se pode constatar que o objeto do pregão era a locação de ambulâncias, com motorista, sem fornecimento de combustível. "Naquela oportunidade, o Observatório apresentou pedido de esclarecimentos (aqui), pois em sua visão o edital da licitação padecia de diversas inconsistências. Um questionamento dizia respeito ao fato de inexistir na documentação que instruiu o edital qualquer estudo que apontasse para a vantagem da locação em detrimento das ambulâncias.  Do ponto de vista econômico, de fato é mais vantajoso locar do que comprar? Quantas ambulâncias poderiam ser compradas, por mês, com 2 milhões de reais? Com a compra, não evitaríamos novos problemas como os ocorridos com a GAP?", questiona José Paes Neto.
Comentar
Compartilhe
Espaço Aberto: Fisioterapeuta desabafa
04/12/2013 | 15h24

Relatando outro “caso pontual”, um fisioterapeuta que atuou no governo municipal enviou mensagem ao blog relatando que o problema no setor de fisioterapia é muito antigo e persiste no “governo da mudança”.

“Fui fisioterapeuta durante seis anos num postinho da PMCG. Peguei 4 prefeitos. Nunca foram enviados ao posto que trabalhei materiais básicos para um atendimento razoável. Imagina o que passam as mãesem Venda Nova para trazer seus filhos nessas carroças que chamam de ambulância. Seria mais fácil montar um consultório decente na localidade com o 1 fisioterapeuta 3 vezes por semana. Seria mais que suficiente para Venda Nova. É assim em todo município. Não adianta ter muitos profissionais, basta ferramenta para trabalhar. Já viram as condições dos dentistas, que até dos próprios consultórios levam material?”

Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB concede auxílio natalino
04/12/2013 | 11h48

Em seu perfil no Facebook, o prefeito de São João da Barra, Neco (PMDB), informou que será concedido um auxílio natalino no valor de R$ 200,00 para os servidores municipais que recebem até três salários mínimos. “Esta é mais uma forma de fomento à economia e valorização do servidor, cidadão tão importante dentro da administração pública”, justificou Neco.

Comentar
Compartilhe
Todos contra Garotinho
04/12/2013 | 11h26

Em sua coluna publicada hoje (04) no jornal "O Globo", Ilimar Franco revela que o ex-presidente Lula quer adiar o desembarque do PT do governo do Rio, com a intenção de dar tempo para que o governador Sérgio Cabral se recupere junto à opinião pública. Ele avalia que se isso não ocorrer até março, o vice Luiz Fernando Pezão será contaminado e dificilmente será um candidato competitivo. Por isso, o ex-presidente não acena com a retirada de candidaturas. Ele considera, dizem os petistas, que todos devem se manter na disputa: o senador Lindbergh Farias, o vice Pezão e o ministro Marcelo Crivella. Como resume um dirigente do PMDB, que esteve na Granja do Torto: “Todos contra o (Anthony) Garotinho no segundo turno”.

Ao comentar sobre a articulação, Garotinho disparou: "Realmente a turma do PT e do PMDB anda apavorada com as pesquisas. Eleição não se ganha de véspera, mas as pesquisas sérias sinalizam a minha liderança. Quem diria! Lula e Cabral juntaram-se para me destruir e agora consideram que eu sou o principal adversário. Nada como o tempo para mostrar a verdade".

Comentar
Compartilhe
Bigode grosso
04/12/2013 | 11h23

Durante a sessão de ontem (03), enquanto o vereador Paulo Hirano (PR) defendia o governo Rosinha, dois atentos observadores da Câmara conversavam. Em um determinado momento, um deles reclamou sobre a postura do governista. Na mesma hora, o outro rebateu de forma bem humorada usando uma música chamada "Bigode Grosso". “Tá maluco? Tem que respeitar o moço. Ele é patente alta e tem bigode grosso”.

Para quem não conhece, “Bigode Grosso” é mais daqueles “sucessos” com milhões de visualizações no YouTube (aqui) que já foi parar nos campos de futebol, nas comemorações de Neymar (aqui), e no programa da Fátima Bernardes (aqui).

Comentar
Compartilhe
Mais um caso "pontual"
04/12/2013 | 10h21
[caption id="attachment_21091" align="aligncenter" width="395"] Reprodução - Facebook[/caption]

Em recente sessão da Câmara de Campos, após relatar uma série de absurdos envolvendo a Saúde de Campos, incluindo o drama de pacientes para marcar consultas, o vereador Rafael Diniz (PPS) foi até chamado de mentiroso pela tropa de elite da prefeita Rosinha Garotinho (PR). Segundo os aliados da prefeita, "são apenas casos pontuais".

Porém, aos poucos, é possível notar que o número de casos "pontuais" é bem maior do que qualquer rosáceo imagina. Em seu blog (aqui), o médico sanitarista Erik Schunk (PSOL) revela o drama do marido de uma paciente, que usou o Facebook para desabafar. Em busca de uma tomografia, a paciente descobriu que só vai poder saber o dia do seu exame em 2014. "É por isso que as emergências dos hospitais estão lotadas. Por falta de diagnóstico e tratamento, as doenças acabam agudizando e levando os pacientes aos hospitais. Repare que o agendamento é para dia 10/01/2014 e para só neste dia ser marcada a tomografia, ou seja, o paciente é submetido a várias filas para marcar um exame", disse Schunk.

Comentar
Compartilhe
Paulo Hirano garante renovação das ambulâncias
03/12/2013 | 20h39

Durante a sessão de hoje (03), após os vereadores Marcão (PT) e Rafael Diniz (PPS) questionarem a falta de ambulâncias em diversos bairros e distritos da cidade, o líder do governo na Casa, Paulo Hirano (PR), reconheceu que existem carências e afirmou que mudanças vão ocorrer nos próximos dias. “Em primeira mão quero informar que todas as questões burocráticas estão sendo sanadas. Amanhã, no Diário Oficial, já será publicada a ata e, nos próximos 30 dias acredito que pelo menos 40 novas ambulâncias estarão circulando e atendendo da mesma maneira que vinha atendendo nos quatro primeiros anos. Depois, mais 40 ambulâncias estarão em circulação, totalizando 80”, informou Hirano.

Comentar
Compartilhe
Alerj: Rosinha vai receber título de Benemérita do Estado
03/12/2013 | 15h56

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) recebe amanhã (04), às 18h30, em sessão solene no salão nobre da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), o título de Benemérita do Estado do Rio de Janeiro - honraria concedida a personalidades que tenham prestado relevantes serviços à população fluminense. A proposição, aprovada por unanimidade, é do deputado estadual Geraldo Pudim (PR).

Na justificativa do projeto, aprovado em agosto, Pudim elogiou ações de Rosinha como governadora. "Em seu governo ela criou e desenvolveu importantes projetos sociais, como o Farmácia Popular, que fornece remédios a 1,0 real alem de  fraldas geriatricas para a população mais carente. Foi ela também que criou e implantou a primeira universidade pública da zona oeste, a UEZO, Universidade Técnica da Zona Oeste, que forma engenheiros em 3 anos para os setores dinâmicos da economia do Rio de Janeiro, como a siderurgia, industria naval e polímeros. Rosinha também construiu casas populares, construiu a estrada que liga a região serrana com a região dos lagos, RJ 140. Rosinha foi responsável pela atração de complexos siderúrgicos como a CSA, em Santa Cruz e diversas outras empresas industriais para o Estado. Foi no governo Rosinha que a política de cotas para o ensino superior, iniciada no governo Garotinho, foi consolidada e aperfeiçoada, com o programa de bolsas para os cotistas. Na área de tecnologia, implantou o programa RioBiodiesel que serviu de base para o programa nacional de biodiesel e apoiou a construção do Laboratório do Tanque Oceânico da COPPE", justificou Pudim.

Foram convidados secretários municipais, vereadores, prefeitos e lideranças do PR em todo o Estado.

Comentar
Compartilhe
Cidade rica, Saúde pobre
03/12/2013 | 12h54

Somando os gastos com shows e festas nos últimos três meses, a Prefeitura de Campos já ultrapassou R$ 1,5 milhão.

Nesta mesma cidade bilionária, que gasta R$ 200 mil com um evento de MMA (aqui), crianças com necessidades especiais que necessitam de atendimento fisioterápico não conseguem se deslocar de Venda Nova para a área central. O motivo é a falta de ambulância. De acordo com uma mãe que entrou em contato com o blog, as desculpas são sempre as mesmas. “Ou falta motorista, ou a ambulância está quebrada”.

Já que os aliados da prefeita gostam de dizem que os casos apresentados são pontuais, vale lembrar que o problema ocorre em diversos pontos da cidade. Moradores de Rio Preto, localidade de Campos que registrou duas mortes por suposta contaminação de agrotóxico, alegam ter buscado socorro no Posto de Saúde, mas a ambulância estava quebrada (aqui).

Comentar
Compartilhe
Paraíba chega a 7,75m e Defesa Civil intensifica ações
03/12/2013 | 09h38
[caption id="attachment_21075" align="aligncenter" width="499"] Foto - Secom - Prefeitura[/caption] O nível do Rio Paraíba do Sul em Campos subiu 75 centímetros nas últimas 12 horas.  A informação foi publicada pela Defasa Civil no Facebook. Na noitede ontem (02) a medição estava em 7 metros e, na manhã desta terça-feira (03), às 8h, atingiu a marca de 7,75m. A Defesa Civil Municipal lembra que a cota de transbordo atual é de 10,30 metros.

 A meteorologia ainda prevê chuva esta terça-feira (03) em nove cidades do Norte e Noroeste Fluminense, incluindo Campos. “A situação é preocupante e pode chover ainda mais. O lençol freático já está alto e, caso se confirme a previsão do Inea, a tendência é que suba ainda mais. Estamos trabalhando no sentido de que a população seja menos afetada”, informou o Secretário de Defesa Civil, Henrique Oliveira.

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) montou uma força tarefa para, com equipes e máquinas da Defesa Civil, Secretarias de Obras e Agricultura, a fim de amenizar os efeitos das chuvas que caíram durante o domingo (1) e a madrugada desta segunda-feira (2), provocando alagamentos em diversos pontos da cidade e região. Conforme dados do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), desde domingo (1º), em sete horas de chuvas ininterruptas, choveu 106,6 mm em Campos, quantidade de água que supera a prevista para um mês de chuva, que é de 105 mm.

 Atualização às 14h — Na medição das 12h, o Paraíba do Sul atingiu a cota dos 8,12 metros. 

Equipes da Defesa Civil estão atuando em vários pontos do município, para minimizar os efeitos das chuvas. Segundo o secretário Henrique Oliveira, a previsão é de mais chuvas para os próximos dias. Oliveira informou ainda, que o órgão está em alerta máximo, em razão do aumento dos níveis dos Rios Paraíba do Sul, Ururaí e Muriaé, com tendência de continuar subindo nas próximas horas. As medições estão sendo realizadas a cada duas horas.

Na medição das 12h, o Paraíba do Sul atingiu a cota dos 8,12 metros. De acordo com o secretário Henrique Oliveira, o nível de transbordo do Paraíba do Sul passou de 9,30 metros para 10,20 metros. “A primeira comunidade ribeirinha a ser atingida era a Ilha do Cunha, mas nós já retiramos dezenas de famílias  desta área de risco e hoje moram nas casas com construídas pela Prefeitura, através do Programa Morar Feliz”, ressaltou.
No Distrito de Ururaí, Henrique esclareceu que três famílias ficaram desabrigadas devido à cheia do rio. “Vamos remover hoje à tarde estas famílias para um abrigo e encaminhá-las para a Secretaria da Família e Assistência Social, para que sejam inseridas no projeto aluguel social. Vale lembrar que estas famílias se recusaram a sair desta área de risco quando realizamos as mudanças de outras famílias para as casas do Morar Feliz”, comentou. O Rio Ururaí atingiu a cota dos 3,43 metros ao meio-dia.
Equipes – Henrique adiantou que as equipes da Defesa Civil, da Secretaria de Agricultura e da Secretaria de Obras, Urbanismo e Infraestrutura se encontram na Região do Imbé desobstruindo as estradas onde ocorreram quedas de barreiras. O secretário reforçou que outras equipes da Defesa Civil estão no Novo Jóquei instalando bombas de sucção; no Parque Imperial, fazendo a limpeza de canal; no Parque Saraiva abrindo um canal para escoamento das águas empossadas; em Ururaí, com uma escavadeira hidráulica, na foz do rio, para desobstruir a área, que está assoreada e facilitar o escoamento das águas; e em Três Vendas, já que o nível do Rio Muriaé continua subindo e se aproximando do nível da BR-356 (Campos-Itaperuna).
Comentar
Compartilhe
Cavalos paraguaios
02/12/2013 | 20h42

Vendo tantas pesquisas eleitorais e pré-candidatos comemorando números, não posso deixar de lembrar que nas últimas eleições os “cavalos paraguaios” foram comuns.

Em 2010, na disputa pela presidência da República, o tucano José Serra largou na frente e foi ultrapassado por Dilma Rousseff.

Porém, o caso mais emblemático ocorreu em São Paulo, na eleição do ano passado.  Faltando apenas dois meses para a eleição, uma pesquisa do Datafolha (aqui) mostrou Celso Russomano (PRB) com 31% contra 27% de José Serra (PSDB).  Lá atrás, na terceira colocação, com apenas 8%, estava o petista Fernando Haddad.

Dois meses depois, o resultado foi esse: José Serra com 30,75% dos votos válidos, contra 28,98% de Fernando Haddad.  O “cavalo paraguaio”, Celso Russomano, chegou em terceiro, com 21,6%, e ficou fora do segundo turno.

No segundo turno, Haddad venceu Serra e conquistou a Prefeitura de São Paulo.

E por falar em Cavalo Paraguaio, o meu Botafogo também anda provando, no Brasileirão,  que largar na frente nem sempre garante uma boa chegada...

Comentar
Compartilhe
SJB: Vereador abandona Audiência Pública
02/12/2013 | 17h33

O clima esquentou na Audiência Pública da Comissão Especial do Porto do Açu, que aconteceu hoje (02) na Câmara de São João da Barra.  O vereador Kaká (PT do B) abandonou o debate após uma discussão envolvendo o deputado estadual Roberto Henriques (PSD) e a representante da Associação dos Produtores Rurais e Imóveis (Asprim), Noêmia Magalhães.

Henriques explicava a Noêmia a pauta da reunião e se irritou quando a representante da Asprim repetiu uma pergunta sobre um tema diferente. Não satisfeito com a resposta do deputado, o vereador Kaká saiu da reunião.

Noêmia se sentiu desrespeitada e também deixou o plenário.

Fonte: Quotidiano/Victor Azevedo (aqui)
Comentar
Compartilhe
Lindbergh: “Sou o candidato com mais condições de derrotar Garotinho”
02/12/2013 | 16h23

Os pré-candidatos ao governo do Rio que fazem oposição a Sérgio Cabral (PMDB) comemoraram nesta segunda-feira (2) a nova pesquisa Datafolha que aponta uma reprovação recorde do governador.

O senador Lindbergh Farias (PT), que aparece em segundo lugar com 15%, disse que a alta da rejeição a Cabral o beneficia. “Gostei muito do resultado. Está ficando claro que sou o candidato que reúne mais condições de derrotar Garotinho”, afirmou.

O índice de eleitores que consideram a administração boa ou ótima agora é de 20%, pior desempenho de Cabral em sete anos. O deputado Anthony Garotinho (PR), que lidera a corrida ao Palácio Guanabara com 21% das intenções de voto, disse que a pesquisa aponta um Rio “sem governo”. “O Estado não tem governo, só tem marketing. Cabral não tem política de educação nem de saúde, e a UPP [Unidade de Polícia Pacificadora] é um projeto incompleto", afirmou.

Para o vereador Cesar Maia (DEM), que ocupa o quarto lugar com 11% das intenções de voto,  Cabral não terá tempo hábil para recuperar a popularidade. “A pesquisa mostra que os problemas do governador vão muito além dos problemas de governo. São problemas de imagem, com recuperação possível em pelo menos três anos”, disse.

Fonte: Folha de S. Paulo

Comentar
Compartilhe
Marinéa aposta em melhoria do Ideb em 2015
02/12/2013 | 16h02
[caption id="attachment_21051" align="aligncenter" width="412"] Foto - Campos 24 Horas[/caption]

Em entrevista ao Campos 24 Horas (aqui), a secretária de Educação, Marinéa Abude afirmou que, após quase cinco anos do governo Rosinha, a Educação em Campos ainda vive um período de reestruturação. Indagada sobre o Plano de Cargos e Salários, uma reivindicação antiga da classe, ela afirmou que “o Plano deverá ser fechado no final deste mês e apresentado em 2014”.

Sobre a última colocação do município no ranking do Ideb, a secretária colocou a culpa nas gestões passadas e previu um melhor aproveitamento em 2015. “Olha, de 2007 a 2009 o município teve uma queda grande de 23% no IDEP, quando o governo não era Rosinha Garotinho. E os gráficos comprovam isso. Já no governo Rosinha, de 2009 a 2011 houve um crescimento de 13%, mas que não apareceu muito, porque a queda anterior tinha sido muito maior. E educação é todo um processo. O próximo resultado sai em maio de 2014 e acredito que haverá um aumento, mas também ainda não considerável, pela queda brusca. Em 2015, então, já poderemos perceber bem o aumento. E estamos trabalhando muito para isso”, disse.

Comentar
Compartilhe
Cabral anuncia saída do governo em março e põe nome à disposição para o Senado
02/12/2013 | 13h37

O governador do Rio, Sérgio Cabral, declarou nesta segunda-feira (02) que vai deixar o governo do Rio em março de 2014 e anunciou que irá colocar seu nome à disposição do PMDB para concorrer ao Senado no pleito do ano que vem. "Vou colocar o meu nome à disposição (para o Senado), mas é uma questão que não cabe a mim, cabe ao partido", afirmou Cabral, após a inauguração da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) do morro Camarista Méier.

Pesquisa Datafolha divulgada nesta segunda-feira revela que a avaliação do governo Cabral voltou a cair e é a pior em sete anos. O total de eleitores que considera o governo ótimo ou bom caiu de 25% para 20% em relação ao levantamento realizado no mês de junho.

Sobre a saída iminente do PT do governo do Rio, Cabral afirmou que houve um consenso com a direção nacional do partido de que março é o melhor mês para a saída do PT porque é o período em que todos os governadores que vão concorrer ao pleito vão se desincompatibilizar — a data-limite é 5 de abril. "A população não vai compreender a saída repentina do PT do governo do Rio", afirmou, acrescentando: "O PT está no meu governo há sete anos, com grandes quadros. O PT é governo estadual", frisou.

Nesta segunda-feira, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve se reunir com o senador Lindbergh Farias, pré-candidato do PT ao governo do Rio, para discutir a crise entre os dois partidos. O diretório do PT no Rio anunciou que deixaria o governo Cabral anteontem, mas Lula pediu que a data fosse revista.

Fonte: O Globo 

Comentar
Compartilhe
Lupi é assediado por pré-candidatos e impõe condições
02/12/2013 | 10h45

Assediado por pré-candidatos ao governo em busca do apoio do PDT, Carlos Lupi, presidente do partido, impõe condições. Afirma que a decisão vai depender das pesquisas e da possibilidade de indicar um correligionário para vice-governador ou para a disputa do Senado.

Segundo Lupi, Sérgio Cabral disse que só em março poderá responder à reivindicação. Já Lindbergh Farias (PT) se mostrou menos reticente, mas ressalvou que tudo dependerá da aliança nacional. O pedetista revela que Marcelo Crivella (PRB) lhe telefona quase todos os dias.

Lupi ressalta que a decisão virá em 2014, mas diz que os deputados estaduais do partido preferem ficar com Pezão (o PDT participa do governo Cabral). Prefeito de São João de Meriti, o pedetista Sandro Matos também quer se candidatar ao Palácio Guanabara.

Fonte: O DIA

Comentar
Compartilhe
Pezão: “Espero ganhar no primeiro turno”
01/12/2013 | 19h12
[caption id="attachment_21033" align="aligncenter" width="448"] Luiz Fernando Pezão, vice-governador Foto: Bruno Gonzalez / EXTRA[/caption]

Deixando de lado qualquer possibilidade de abandonar sua pré-candidatura ao governo do Estado, o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) esbanja otimismo em entrevista concedida ao jornal “O Dia”. Indagado sobre o seu fraco desempenho nas pesquisas, ele diz: “Sou conhecido por 43%. Quando o Sérgio colocou a minha pré-candidatura, eu era conhecido por 22%. Com 43%, ainda sou desconhecido”, diz o pré-candidato, ressaltando que, quando a campanha engrenar, os números vão mudar.

Questionado sobre um possível segundo turno, ele disparou: “Espero ganhar no primeiro. Estou trabalhando para entregar, para fazer e para as pessoas compararem bem. Eu acredito que ainda possa ganhar no primeiro turno”, disse.

Na visão do deputado federal Anthony Garotinho (PR), o otimismo de Pezão tem explicação. “A verdade é que Pezão sabe o buraco em que está enfiado, mas tem que fingir que está tudo bem para evitar a debandada de aliados, que aliás, já começou”, afirmou.

Comentar
Compartilhe
Nova pesquisa aponta empate entre Crivella e Garotinho
01/12/2013 | 12h07

O ministro da Pesca, Marcelo Crivella (PRB), e o deputado Anthony Garotinho (PR) lideram a corrida eleitoral no Estado do Rio de Janeiro, aponta pesquisa do Instituto GPP divulgada ontem (30). Crivella tem 19,3% das intenções de voto no Estado, seguido por Anthony Garotinho (PR), com 16,4%. Como a margem de erro é de dois pontos percentuais, para mais ou para menos, os dois estão tecnicamente empatados. A pesquisa foi realizada nos dias 23 e 24 de novembro de 2013. Foram feitas 2.400 entrevistas.

Após Crivella e Garotinho, aparecem o senador Lindbergh Farias (PT), com 10,6%, e o vereador Cesar Maia (DEM), com 9,3%. Segundo o instituto, o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB), com 6,1%, está empatado tecnicamente com o democrata. Bernardinho (PSDB) tem 3,1% e o deputado Miro Teixeira (PROS), 1,9%. Milton Temer (PSOL) tem 0,8%.

O percentual de votos brancos e nulos chega a 18,9%. Entre os entrevistados, 13,6% disseram não saber em quem votariam ou não responderam.

Fonte: R7

Comentar
Compartilhe