Bacellar: "O Circo tá pegando fogo"
12/09/2012 | 05h25

marcos bacellar

O vereador Marcos Bacellar (PDT) comentou em seu blog sobre as brigas e confusões envolvendo aliados da prefeita Rosinha Garotinho (PR). "Quem conhece um pouco sobre história sabe que a maioria dos impérios não foram destruídos por seus adversários. Por conta de vaidade, inveja, soberba e líderes megalomaníacos, muitos grupos considerados imbatíveis foram incendiados pelo fogo amigo. Por aqui, não é diferente. No último final de semana, durante carreata, os aliados da prefeita conseguiram brigar entre eles", disparou o parlamentar.

Para Bacellar, os governistas estão inseguros por conta da situação jurídica de Rosinha. "Se por um lado eles afirmam que a prefeita-cantora está disparada nas pesquisas, por outro demonstram insegurança em relação a situação jurídica, já que o TSE tem uma posição bem clara sobre a Lei da Ficha Limpa. O mais interessante dessa história é que o responsável por acalmar os ânimos é o Chucky! Ou seja, o fogo amigo tomou conta do circo cor de rosa e um desequilibrado está tentando apagar o incêndio!", disse. 

Comentar
Compartilhe
MP Eleitoral emite parecer a favor da inelegibilidade de Rosinha
18/09/2012 | 12h57
[caption id="attachment_12770" align="aligncenter" width="400" caption="A vice-procuradora-geral Eleitoral, Sandra Cureau, emitiu parecer  pedindo a rejeição do recurso da chapa de Rosinha Garotinho (PR)"]A vice-procuradora-geral Eleitoral, Sandra Cureau, deu parecer nesta segunda-feira pedindo a rejeição do recurso da chapa de Rosinha Garotinho (PR)[/caption]

Por Bruno Góes | Agência O Globo

A vice-procuradora-geral Eleitoral, Sandra Cureau, deu parecer nesta segunda-feira (17) pedindo a rejeição do recurso da chapa de Rosinha Garotinho (PR) para disputar a Prefeitura de Campos dos Goytacazes este ano. O caso ainda será será julgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), sob a relatoria do ministro Marco Aurélio Mello. Com base na Lei da Ficha Limpa, o TRE-RJ barrou a candidatura de Rosinha no final de agosto, e a candidata recorreu.

Ela foi enquadrada na Lei porque tem duas condenações no TRE-RJ, um órgão colegiado. As duas ações se referem ao mesmo caso: abuso de poder econômico nas eleições de 2008, decorrente do uso indevido de meios de comunicação. A corte condenou, no início de agosto deste ano, a ex-governadora pelo episódio e a declarou inelegível por três anos, a contar de 2008, quando ocorreu o abuso do poder econômico. Na condenação mais antiga, de 2010, a prefeita e o marido, o deputado federal e ex-governador, Anthony Garotinho (PR), ficaram inelegíveis também por três anos. A punição de Rosinha incluiu ainda a cassação do mandato, mas ela conseguiu liminar no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para se manter à frente da prefeitura de Campos.

O MP eleitoral diz que a liminar do TSE que manteve Rosinha no cargo em 2010 não suspendeu a inelegibilidade. Apenas permitiu que ela continuasse como prefeita. "Conforme bem anotado no acórdão regional, em tal decisão, somente há referência à cassação dos diplomas dos pretensos candidatos, 'não tendo havido qualquer discussão acerca da inelegibilidade ou dos fundamentos do acórdão recorrido'."

Defesa — A defesa da candidata afirma que a condenação de inelegibilidade dada no início de agosto não pode tornar Rosinha inelegível, pois a decisão só foi dada após o registro de candidatura, fato este que viola a legislação eleitoral. Já em relação à primeira decisão de inelegibilidade, há o argumento de que houve a sua suspensão. "Nós estamos com a expectativa muito boa. E a jurisprudência é bem clara a nosso favor. A inelegibilidade só pode ocorrer antes do momento do registro", diz o advogado de Rosinha, Jonas Lopes de Carvalho Neto, referindo-se à segunda decisão de inelegibilidade.

Comentar
Compartilhe
Visão sobre a eleição em São Fidélis
28/09/2012 | 01h37

Alguns leitores do blog enviam mensagens cobrando mais informações sobre as eleições em outros municípios. Sendo assim, vamos começar a publicar textos de colaboradores que acompanham as eleições em outras cidades. Hoje é a vez de São Fidélis. Confira o texto enviado pelo amigo vascaíno Thiago D'Urço Cozendey:

 São Fidélis está fervendo às vésperas deste pleito.

Fla x Flu — Aqui temos um Fla x Flu. (Preferimos um Vasco x Botafogo, não é mesmo?!). E a briga é entre dois botafoguenses. Um, candidato de Garotinho, Davi Loureiro ex-prefeito (2001-2008) versus o atual prefeito Fenemê (vice de Davi nos seus dois mandatos).

Duelo entre ex-aliados — O racha entre eles se deu quando das eleições de 2010, momento em que Davi foi candidato a deputado estadual e não teve o apoio do prefeito (que ao que parece apoiou Sabino para deputado estadual e Fernando Lopes para federal, o que também, na ótica de Davi, foi considerado traição, pois ele queria que o prefeito estivesse com Garotinho).

Pesquisa — Aqui não foi feita nenhuma pesquisa oficial, registrada no TRE, mas, é evidente que ambos fazem e não podem publicar, o que gera dúvida na população pois eles dizem que estão x pontos na frente. Não dá pra saber se existe um favorito.

Pontos fortes e fracos — O grupo do prefeito é um grupo mais tarimbado politicamente, já que quando houve o racha entre eles os adversários políticos de Davi viraram aliados do prefeito, ocupando inclusive cargos na prefeitura (muitos já ocupavam cargos nos mandatos anteriores aos de Davi) e além disso ele ficou com boa parte dos aliados dos governos anteriores de Davi (e dele também, afinal ele era o vice). Além é claro, de ter 8 dos 9 vereadores. A favor de Davi tem o populismo dele e de Garotinho e o fato de as obras mais importantes da cidade terem sido realizadas em seu governo. Contra ele, uma rejeição a seu jeito "falador".

Câmara — Dos nove vereadores com mandato, oito são candidatos à reeleição e a Câmara agora terá 13 vereadores.

FRENTE DEMOCRÁTICA (PMDB, PSC, PSL): Deve fazer cinco. Entre eles quatro vereadores com grandes chances de se reeleger.

UNIÃO E DEMOCRACIA (PDT, PT, PPS): Deve fazer dois. Na melhor das hipóteses, três. Há três vereadores de mandato nessa coligação. A surpresa é a possibilidade de nenhum deles se reeleger. Podemos ter uma presença feminina na Câmara oriunda dessa coligação.

FRENTE DA MUDANÇA (PR, PTC, DEM, PP): Deve fazer três. Na melhor das hipóteses quatro. Entre os prováveis, o vereador que ficou com Davi e dois ex-vereadores.

FRENTE POPULAR (PC do B, PTN): Deve fazer dois. Duas caras novas na Câmara.

ALIANÇA POPULAR (PRB, PT do B, PRP, PSB): Esta pode  não fazer ninguém, pois não tem nenhum nome expressivo. Mas acho que faz um porque o quociente eleitoral deve chegar pelos 1800 votos, e esta coligação tem 22 candidatos e a soma pode chegar lá. Se eu estiver certo, teremos um nome com uma quantidade não tão grande de votos. Só não se sabe ao certo quem será o felizardo. Ou a felizarda pois tem uma candidata apoiada pela Igreja Universal, que se tiver o apoio dos "irmãos" pode surpreender.

Comentar
Compartilhe
BR 101: Deputados pedem posição de Dilma sobre demora na duplicação
13/09/2012 | 04h52

Foi encaminhado ontem (12) ao gabinete do deputado estadual Roberto Henriques (PSD) a resposta da Autopista Fluminense sobre a demora nas obras de duplicação da BR 101 Norte (entre a cidade do Rio de Janeiro e o Norte Fluminense). A concessionária salientou que as dificuldades continuam as mesmas, ou seja, ausência de licenças. Diante do exposto, Henriques ocupou a tribuna da Alerj e pediu apoio de todos os deputados para juntos assinarem um expediente dirigido diretamente à Presidência da República. “A Duplicação da BR -101 Norte é um passivo anterior aos mega investimentos do COMPERJ (Itaboraí) na Região Metropolitana e do Porto do Açu (Norte Fluminense). Faremos  expediente à presidente Dilma para que ela requisite os serviços à ANTT, ao Ministério dos Transportes e ao Ministério do Meio Ambiente em caráter de urgência, pois vidas humanas continuam sendo ceifadas na Rodovia BR – 101, apelidada de “Rodovia da Morte”. Considero desrespeitosa a atitude dos Ministérios, pois desde 2008 este contrato de concessão está em vigor. Por isso só resta este pedido de intervenção pessoal à Presidenta Dilma”, finalizou Roberto Henriques.

* O blog do Cláudio Andrade também comentou sobre o assunto (aqui)

Comentar
Compartilhe
Arnaldo une aliados em carreata
22/09/2012 | 08h03
[caption id="attachment_12831" align="aligncenter" width="445"]Foto/Ururau Foto/Ururau [/caption]

O ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT), candidato à Prefeitura de Campos, realizou carreta na tarde de hoje (22) até a praia do Farol de São Thomé. Ao lado do candidato a vice, Rogério Matoso (PPS), do vereador Marcos Bacellar (PDT), do presidente da Câmara, Nelson Nahim (PPL) e de candidatos a vereador e aliados, ele se mostrou confiante, apesar da pesquisa Ibope mostrar ampla vantagem da prefeita Rosinha Garotinho (PR). “Eleição se ganha na urna e a melhor pesquisa é essa, ao lado dos eleitores e das pessoas que desejam uma mudança de verdade”, disse Arnaldo, que após a chegada ainda participou de reunião no Clube São Thomé. De acordo com a assessoria, mais de 300 carros participaram da carreata.

Comentar
Compartilhe
Arnaldo: “Precisamos de um verdadeiro Portal da Transparência”
11/09/2012 | 12h24

arnaldo_bio

O candidato à Prefeitura de Campos, Arnaldo Vianna (PDT), é o segundo perefeitável a participar da série de entrevistas da Associação de Imprensa Campista. O objetivo da entidade é contribuir para difundir a visão dos candidatos sobre comunicação e relacionamento com a imprensa e as redes sociais. As dez perguntas são as mesmas para todos os postulantes. Nesta entrevista, Vianna afirma que uma das primeiras ações do seu eventual novo governo "será a criação de um verdadeiro Portal da Transparência". Segundo ele, "o que temos hoje é tão transparente que a gente nem enxerga nada". Além disso, o candidato promete que "todos os recursos aplicados na área de Comunicação estarão disponíveis no Portal e serão debatidos com a sociedade".

Para conferir a entrevista completa clique aqui

Comentar
Compartilhe
Concurso da Câmara: José Paes em 1º lugar
12/09/2012 | 05h12

José Paes Neto

O jovem advogado José Paes Neto, autor da Ação Popular que resultou na suspensão das contratações (Reda), ficou com o 1º lugar no Concurso da Câmara de Campos para o cargo de Procurador Legislativo Adjunto. A informação foi divulgada em primeira mão pelo blog “Reflexões” (aqui).

Para conferir o resultado, clique aqui

Comentar
Compartilhe
Chocolate Rosa
05/09/2012 | 01h39

chocolate

Na sessão de ontem (04) da Câmara de Campos, a vereadora Ilsan Viana (PDT) disse na tribuna que muitos alvos do deputado federal Anthony Garotinho (PR) viraram aliados. Entre eles, estaria Chocolate. Para quem não se lembra, Chocolate foi um dos primeiros alvos de Garotinho após romper com Arnaldo Vianna em 2002. Em matéria publicada na revista “IstoÉ”, em novembro de 2002 (aqui), é possível ver uma série de acusações de Garotinho contra o governo de Arnaldo. Entre elas, a de Chocolate "teria comprado cinco carros e duas casas de valores superiores a R$ 100 mil, recebendo um salário que não passaria de R$ 2,5 mil".

Recentemente, na Câmara, o vereador Marcos Bacellar (PDT) já havia lembrado que o Chocolate agora é cor de rosa. “O prefeito de Campos é Garotinho. Um homem que se acha no direito de chamar todo mundo de vagabundo, de ladrão e depois faz um carinho e a pessoa fica boa. Chocolate, quando era de Arnaldo, foi chamado de ladrão de TV. Hoje tá no time de Garotinho”, disse Bacellar.

Comentar
Compartilhe
Carla: “Está na hora de acabar com a política baixa e mentirosa”
15/09/2012 | 09h05

carla

Nos últimos dias, em São João da Barra, os adversários da prefeita Carla Machado (PMDB) tem afirmado que o governo municipal estaria disposto a desapropriar áreas em Atafona, Grussaí e no bairro Nossa Senhora de Fátima, na sede do município. Hoje (15), em seu Facebook, a prefeita Carla Machado comentou sobre o assunto e afirmou que as informações não têm o mínimo sentido. “Infelizmente, o desespero dos adversários é tão grande que a cada dia inventam mais e mais mentiras para tentar enganar a população. A última agora é que através da revisão do Plano Diretor irei desapropriar áreas em Atafona, Grussaí e no bairro N.Sra.de Fátima na sede do município. Para os de pouca inteligência que andam dizendo isso, aconselho que busquem saber a finalidade de um plano diretor, e que aproveitem para se informar sobre a legislação que trata desapropriação. Asseguro que nada disso é verdade, que somente após as audiências públicas é que estaremos encaminhando para a apreciação da Câmara este grande projeto, que leva a chancela de um dos mais conceituados arquitetos urbanistas do mundo. Para que não haja política mesquinha, já que nos encontramos em período eleitoral, faremos as audiências públicas seguindo o que determina a legislação, convidando a comunidade e a sociedade civil organizada, com antecedência de no mínimo 15 dias e publicada em nosso órgão oficial. Está na hora de acabar com essa politica baixa e mentirosa, e fazer valer o sentimento de amor ao próximo, visando o bem comum. Volto a assegurar que, o que está sendo falado pelos oposicionistas, é mentira, não passando de puro desespero daqueles que já se sentem derrotados”, afirmou.

Comentar
Compartilhe
Garotinho: "O TRE-RJ age como uma repartição do PMDB"
13/09/2012 | 07h49

twiter

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) não gostou  de ser barrado pelo TRE da propaganda do PR em Nova Iguaçu. Revoltado, ele fez um desabafo no Twitter. "O TRE - RJ age como uma repartição do PMDB".

No blog, ele se queixou ainda mais: "Engraçado que Cabral aparece nos programas do PMDB. O ministro Marcelo Crivella é presença garantida em todos os programas do PRB. Lula, Lindberg e Benedita participam dos programas do PT. O ex-presidente FHC e o senador Aécio Neves (MG) fazem o seu comercial no horário do PSDB. O presidente regional do PSD, o ex-deputado Índio da Costa apresenta na televisão os candidatos do seu partido. Todo mundo aparece. Só eu que sou barrado?".

Comentar
Compartilhe
Hora do Plano B
12/09/2012 | 02h20

Em muitos municípios do país, nessa reta final das eleições, candidatos que tiveram seus registros indeferidos estão apelando para o Plano B. Em Maceió, por exemplo, o senador Fernando Collor (PTB) deve disputar a Prefeitura no lugar do ex-governador Ronaldo Lessa (PDT). Eles terão uma conversa para decidir a questão. O que vai definir se Fernando Collor será ou não candidato a prefeito na capital alagoana é a data de julgamento do pedido de registro de Lessa no TSE, o que deve acontecer até o dia 20.

Campos — Na terra goitacá, a prefeita Rosinha Garotinho (PR) também aguarda o julgamento no TSE. A confiança dos governistas é grande. Porém, nos bastidores, os próprios aliados já comentam sobre um Plano B. Em seu blog, o jornalista Esdras Pereira falou em “Plano M ou P” (aqui). Já o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT), que teve o registro indeferido na 1ª instância e aguarda o TRE, não quer nem falar em “Plano B”. Assim como Rosinha, ele confia em resultado favorável na Justiça.

Comentar
Compartilhe
Novos protestos contra reajuste salarial dos vereadores
06/09/2012 | 01h04

[caption id="attachment_12613" align="aligncenter" width="355" caption="Reprodução — Site "Momento Verdadeiro""]Reprodução — Site "Momento Verdadeiro"[/caption]

O reajuste salarial dos vereadores de Campos já virou motivo de protesto nas redes sociais, jornais e TV. Ontem (05), o apresentador do programa “Balanço Geral” levou um megafone e protestou na porta do Legislativo, que não realizou sessão por falta de quórum.

Hoje (06), ele voltou a protestar e rebateu as declarações do vereadores Jorge Magal (PR), que na terça-feira criticou o “Balanço Geral”, alegando que o programa seria sujo, barato e politiqueiro. “Ele disse que eu faço jornalismo barato. É barato, mesmo. Caro é um vereador, que custa mais de R$ 700 mil por ano. Aqui não tem ninguém levando essa fortuna dos cofres públicos. Vou continuar incomodando. Os incomodados que se mudem”, disse o apresentador Ricardo Martins, que também bombardeou a assessoria da Prefeitura. “Essa assessoria de comunicação só manda as mesmas respostas. É tudo na base do Ctrl C e Ctrl V. Copiam e colam as mesmas respostas no computador”, disparou.

* Com informações do site "Momento Verdadeiro"

Comentar
Compartilhe
Pouco trabalho nos Legislativos
28/09/2012 | 01h01

A Câmara de Campos não teve sessão na quarta-feira (26) por falta de quórum. Na Alerj, a sessão de ontem (27) caiu e nenhum projeto foi votado. Apenas 20 deputados apareceram no plenário — são necessários, no mínimo, 36. Em Brasília, não é diferente. Tanto na Câmara quanto no Senado as sessões de ontem (27) foram canceladas pela mais pura ausência de quórum. Apenas dez dos 513 deputados haviam passado pela Câmara enquanto, no Senado, nenhum senador apareceu no plenário para iniciar os trabalhos. Como se vê, o mundo pode acabar, Dilma Rousseff pode editar uma medida provisória fechando o Congresso, que as excelências só irão bater o ponto em Brasília depois das eleições municipais.

 

* Com informações da coluna Radar

Comentar
Compartilhe
Mocaiber: sem registro e sem Rosinha
06/09/2012 | 06h35

mocaiber

O ex-prefeito Alexandre Mocaiber, candidato a vereador pelo PSB, perdeu mais uma vez no TRE e continua com o registro de candidatura indeferido. Agora, vai tentar reverter a decisão no TSE. Outra novidade envolvendo Mocaiber é a mudança do seu discurso no horário eleitoral gratuito. Como informamos aqui no blog, ele pedia votos para a prefeita Rosinha Garotinho (PR). Porém, na propaganda exibida esta semana o ex-prefeito se comunica e informa apenas o seu número, ao contrário dos seus colegas de partido, que continuam pedindo voto para Rosinha.

Comentar
Compartilhe
Rosinha rebate criticas ao Portal da Transparência
26/09/2012 | 01h12

Da Ascom:

A prefeita Rosinha Garotinho, candidata à reeleição pelo PR, encerrou a série de entrevistas da Associação de Imprensa Campista (AIC) com os concorrentes no município.

Na entrevista, Rosinha Garotinho rebate críticas ao Portal da Transparência do município. "Todas as contas da Prefeitura são disponibilizadas no Portal da Transparência, criado por mim, nos primeiros meses de nosso governo, de forma pioneira em Campos e na região. Em gestões anteriores à minha, prefeitos que tiveram suas contas rejeitadas pelo Tribunal de Contas do Estado e da União não publicavam sequer balancetes ou atos no Diário Oficial, pessoas que hoje criticam o Portal da Transparência. Porque não fizeram quando foram governantes?", disse a candidata.

Confira a íntegra da entrevista com Rosinha Garotinho:

E aqui, para ter acesso às entrevistas dos cinco candidatos.

Comentar
Compartilhe
Quem é o pior brasileiro de todos os tempos?
03/09/2012 | 03h39

pior brasileiro

Parodiando O Maior Brasileiro de Todos os Tempos, o site “Lista 10” divulgou o resultado oficial da votação que elegeu O Pior Brasileiro de Todos os Tempos. Foram mais de 40 mil indicações entre artistas, políticos, jogadores, cantores, etc. De acordo com o site, “o resultado pode gerar polêmica pelo fato de nomes que aqui estão, também estarem na lista do Maior Brasileiro, ou seja, o amor e ódio andam juntos neste País”.

A primeira colocação ficou com o presidente do Senado, José Sarney (PMDB), seguido por Fernando Collor (PTB) e Paulo Maluf  (PP). Confira a lista completa: AQUI

Comentar
Compartilhe
Decisão do TSE X Situação de Rosinha
11/09/2012 | 04h46

O advogado Cleber Tinoco publicou hoje em seu blog "Campos em Debate" uma decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que pode configurar um precedente perigoso para a prefeita Rosinha Garotinho (PR). “O TSE destacou que, para a configuração de situações que impedem a candidatura por inelegibilidade, não importa o ‘montante da sanção, nem mesmo se ela foi aplicada ou se foi cumprida. Basta a procedência da ação por abuso de poder político ou econômico, com decisão transitada em julgado ou tomada colegiadamente, para gerar a inelegibilidade”.

Ele também explica que “se havia dúvida quanto o alcance da decisão do TRE que, em sede de AIJE, declarou Rosinha inelegível por apenas 3 (três) anos, e não por 8 (oito) anos, como prevê a Lei da Ficha Limpa (LC 135/2010), a partir da decisão do TSE as coisas parecem ter ficado mais claras, no sentido de que basta a condenação por abuso de poder econômico ou político, não importando o tamanho da inelegibilidade”.

Registro será deferido? — O jornalista Aluysio Abreu Barbosa, em seu blog "Opiniões", comentou hoje (11) sobre as chances da prefeita Rosinha no TSE. Em sua postagem ele diz que "Marco Aurélio deve deferir registro de Rosinha, mas não definirá a questão". Confira aqui

Comentar
Compartilhe
Nova pesquisa do Instituto Precisão
24/09/2012 | 12h32

O blog do "Ralfe Reis" informa que o  Instituto Precisão começou a fazer uma nova pesquisa eleitoral para as eleições municipais de Campos. O registro foi protocolado no TRE no sábado (22) sob o número RJ-00130/2012, e o levantamento será divulgado na próxima quinta-feira (27).

Comentar
Compartilhe
Protesto criativo: Buracos com rostos do políticos
16/09/2012 | 12h27

buracos

Cansados dos buracos espalhados por várias partes da cidade, cidadãos da Rússia pediram ajuda aos grafiteiros e bolaram um protesto criativo. Para chamar atenção, os buracos foram grafitados com caricaturas do prefeito, vice-prefeito e governador, contendo ainda frases com as promessas que foram feitas durante a campanha.

Antes de consertar a rua, a Prefeitura simplesmente pintou por cima do desenho e largou o buraco lá. Depois de um novo grafite com a frase “Só tinta não vai resolver o problema” e, claro, de grande repercussão na mídia, a Prefeitura resolveu tomar uma atitude.

Comentar
Compartilhe
Confusão na Câmara de São João da Barra
13/09/2012 | 07h31

Sem o presidente Gersinho (PR) e o vereador Zezinho Camarão (PR), ambos da oposição, os vereadores governistas, que são maioria, iniciaram os trabalhos durante a sessão de hoje (13) da Câmara de São João da Barra. Na presidência da Casa, o vereador Alexandre Rosa (PMDB) deu início a escolha dos nomes para as Comissões da Casa que estão sem membros desde a cassação de Franks (PR) e Kaká (PT do B). Porém, ao tomar conhecimento sobre a votação, o vereador Camarão apareceu no plenário e, ao lado de Gersinho, iniciou uma discussão áspera com os parlamentares.

Se o clima entre os vereadores era quente, a briga entre os cabos eleitorais que acompanhavam a sessão foi ainda mais grave, com direito a gritos, esbarrões e empurrões. “Infelizmente estão criando manobras para emperrar os trabalhos e atropelar as Leis. Temos a maioria, estamos amparados pelo que determina o regimento e, mesmo assim, dois vereadores estão criando esse tumulto completamente desnecessário”, diz o vereador Aluízio Siqueira (PMDB), um dos sete vereadores da bancada governista.

Comentar
Compartilhe
TCE: Contas de Rosinha aprovadas
06/09/2012 | 06h24

Rosinha-e-Chicão

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) informa em seu blog que o Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ) aprovou nesta manhã, por unanimidade, as contas da prefeita de Campos, Rosinha Garotinho  (PR),  relativas ao ano de 2011. "O relator foi o conselheiro Aloysio Neves. Rosinha teve as suas contas de 2009 e 2010 também aprovadas pelo colegiado do TCE, diferente de um dos seus concorrentes à prefeitura de Campos, Arnaldo Vianna que antecedeu, que dos 7 anos que administrou a cidade teve as contas de seis anos reprovadas. É mais uma prova do zelo de Rosinha com o dinheiro público", informou Garotinho.

Comentar
Compartilhe
Arnaldo não pensa em substituição
25/09/2012 | 07h08

O candidato do PDT, Arnaldo Vianna (PDT), vai manter a candidatura e não cogita a possibilidade de substituição por Rogério Matoso (PPS), como foi ventilada no blog do Roberto Moraes (aqui). De acordo com o pedetista, seus advogados já estão recorrendo ao TSE. “É bom frisar que o meu caso é completamente diferente da candidata enquadrada pela Lei da Ficha Limpa. Por isso, continuo afirmando que o voto em mim é válido e não vou fugir desta batalha, mesmo sabendo que muitos interesses estão em jogo e existem perseguições que surgem de todos os lados”, frisou.

Comentar
Compartilhe
Garotinho fala sobre o tiroteio
06/09/2012 | 08h39

garotinho

Por meio de nota publicada em seu blog, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) informou que se manteve "em silêncio, ao invés de explorar o episódio como outros certamente fariam". Publico abaixo a Nota de Esclarecimento:

Nota de Esclarecimento:

O intuito desta nota é apenas tranquilizar os amigos que tomaram conhecimento do fato ocorrido ontem à noite, na produtora onde gravava programas eleitorais em apoio a vários candidatos do PR.

Homens armados tentaram invadir a produtora, provavelmente para realizar um assalto. Houve uma intensa troca de tiros entre os marginais e o meu motorista, policial aposentado, e o responsável pela minha segurança, um coronel da reserva do Corpo de Bombeiros.

Graças a Deus com a reação da minha segurança, os bandidos mesmo dando muitos tiros fugiram. Um dos tiros atingiu o vidro dianteiro do meu carro; outro tiro estilhaçou o vidro traseiro. Felizmente ninguém ficou ferido. Como não queria dar ao fato nenhuma conotação política, me mantive em silêncio, ao invés de explorar o episódio como outros certamente fariam.

A decisão de não registrar a ocorrência foi do dono da produtora, que fica em Santa Teresa, afinal a responsabilidade com as cerca de 80 pessoas que estavam dentro do prédio no momento - inclusive eu - é dele.

Agradeço a Deus por mais esse livramento, aos meus colaboradores que tiveram coragem de enfrentar os marginais, e a todos os que têm telefonado e me enviado mensagens por conta do episódio.

Comentar
Compartilhe
TSE: Recurso de Rosinha sob os cuidados de Marco Aurélio Mello
10/09/2012 | 03h19

marco-aurelio-mello

O advogado da prefeita Rosinha Garotinho (PR), Francisco de Assis Pessanha Filho, informa em seu blog (aqui) que "o recurso especial do registro de candidatura da prefeita Rosinha Garotinho, já foi distribuído no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e encontra-se, agora, sob os cuidados do ministro Marco Aurélio Mello".

Contra a Ficha Limpa — Único ministro do Tribunal Superior Eleitoral a votar contra no julgamento da Lei da Ficha Limpa, em 2010, Marco Aurélio Mello disse que não poderia dar "esperança vã à sociedade." Em entrevista ao jornal Estado de S. Paulo, ele disse: "Eu sou juiz. Não ocupo cadeira voltada a relações públicas. Se há coincidência entre o anseio popular e o meu convencimento, eu atuo. Mas, se não há, eu continuo atuando da mesma forma. Não posso dar esperança vã à sociedade".

Atualização às 17h13 (dia 11) — Contra a retroatividade — Nessa postagem eu informei que ele é contra a Ficha Limpa. Mas, na verdade, o ministro foi o único do TSE a votar contra a retroatividade da Lei. Na ocasião, o julgamento determinou a inelegibilidade de políticos condenados mesmo antes de 4 de junho, data da sanção da lei, ele afirmou: “Aprendi desde cedo que no sistema brasileiro o direito posto visa a evitar que o cidadão tenha sobre a sua cabeça uma verdadeira espada de Dâmocles. Aprendi que a lei não apanha fatos passados”.

Comentar
Compartilhe
Câmara: Vereadores comentam sobre o reajuste
04/09/2012 | 11h24

nahim

Após a repercussão negativa do reajuste salarial, com direito a abaixo assinado na internet com mais de mil assinaturas (aqui), os vereadores comentaram durante a sessão de hoje (04) sobre o assunto. Para o presidente da Câmara, Nelson Nahim (PPL), trata-se de “pura maldade em período eleitoral”. Segundo Nahim, os salários são reajustados em cascata. “Há dois anos os deputados reajustaram os salários e ninguém falou nada. Os reajustem acontecem de cima para baixo. Agora, querem colocar a população contra a Câmara”, disse.

A vereadora Odisséia Carvalho (PT) levou o seu contracheque. “O valor líquido é de R$ 7.132,00. Sou bem transparente. Não temos verba de gabinete, não temos servidores ao nosso lado. Quem quiser ser oposição tem que arcar com todas as despesas. O governo cortou os servidores que estavam ao lado da oposição e manteve os que estão com eles. Não há verba de gabinete. Estamos disponíveis para esclarecer tudo. E é bom lembrar que não aumentamos nossos próprios salários. Ninguém aqui sabe se vai estar ocupando uma cadeira em 2013. Nem os mais confiantes”, frisou.

Único governista a falar sobre o assunto, o vereador Altamir Bárbara (PSB) lembrou que os deputados estaduais possuem muitas regalias. “Querem mirar na Câmara e se esquecem dos outros. O salário do vereador é de 60% dos deputados. Porém, ao contrário dos vereadores, os deputados tem muitos outros auxílios como verba para moradia, dois carros para cada um e telefone. Fui deputado e sei como é”, afirmou.

Comentar
Compartilhe
Wladimir: "Não existe Plano B"
14/09/2012 | 05h15

PTB-Campista-Vlad

O presidente do PR em Campos, Wladimir Garotinho, comentou hoje (14) sobre as especulações envolvendo um possível Plano B. De acordo com ele, não existe nada neste sentido. “Nunca existiu nenhuma cogitação. Desde o principio só temos um único candidato, nesse caso candidata, que é Rosinha Garotinho. Quem falar diferente disso esta fazendo fofoca com intuito de intrigar as pessoas”, afirmou.

Sobre o “fogo amigo” envolvendo aliados que andam se alfinetando, Wladimir minimizou. “Não temos muitos conflitos, algumas coisas pontuais são rapidamente resolvidas, pois todo o grupo tem um mesmo objetivo”, frisou.

Confiante — Sobre a disputa por cadeiras na Câmara, que na próxima legislatura terá 25 vereadores, ele continua apostando que o grupo pode ocupar quase todas as cadeiras.   “Não só continuo como reafirmo que faremos no mínimo 20 podendo chegar a 22”, disse.

Comentar
Compartilhe
Makhoul: “Não quero ganhar no tapetão”
04/09/2012 | 07h00

makhoul

Em vídeo publicado no YouTube (aqui), o médico Makhoul Moussallem, candidato à Prefeitura de Campos, responde ao internauta Adelino da Penha, que perguntou: “Por que estão tentando tirar a Rosinha do páreo no tapetão ao invés de tentar ganhar dela nas urnas?”

Em sua resposta o petista diz que nunca tentou tirar a prefeita da disputa. “Quem fez isso foi o Ministério Público. Segundo o Ministério público, ela incorreu em ilícitos eleitorais. Mas eu quero ganhar no voto, não no tapetão”, diz Makhoul.

Comentar
Compartilhe
TRE: Makhoul com registro deferido
06/09/2012 | 05h07
makhoul

Os advogados de Makhoul Moussallem, candidato do PT à Prefeitura de Campos, informam que o TRE negou, por unanimidade, o recurso da coligação de Rosinha Garotinho (PR) e liberou o seu registro de candidatura.

A informação também foi divulgada pela jornalista Suzy Monteiro em seu blog "Na Curva do Rio" (aqui).

Comentar
Compartilhe
As brechas na Lei da Ficha Limpa
05/09/2012 | 07h49

[caption id="attachment_12605" align="aligncenter" width="431" caption="Charge/Lute"]Charge/Lute[/caption]

Lei da Ficha Limpa, reconhecida como constitucional pelo Supremo Tribunal Federal (STF), já é motivo de batalhas judiciais nos tribunais com os políticos “ficha suja” buscando se aproveitar de brechas para aprovar o registro de suas candidaturas.

Para o advogado e ex-juiz eleitoral André Borges, a lei é moralizadora porque afasta os “piores políticos” da vida pública. Mas também dá chance para os tribunais reconsiderarem, dependendo de cada caso, o indeferimento de registro de um candidato. De acordo com ele, a legislação oferece amplas possibilidades de defesa aos candidatos inelegíveis. “Até as hipóteses do Ficha Limpa podem ser contestadas”, afirmou.

Uma das principais brechas apontada por ele é a possibilidade de pedir à Justiça que suspenda a inelegibilidade. “Se o juiz entender que a tese da defesa é boa e o candidato (inelegível) tem chance de ser inocentado na instância superior pode conceder o efeito suspensivo (da inelegibilidade)”, explicou. Essa medida está prevista no artigo 26-C da Lei da Ficha Limpa — a Lei Complementar nº. 64, de 18 de maio de 1990. Conforme o texto, “o órgão colegiado do tribunal poderá, em caráter cautelar, suspender a inelegibilidade sempre que existir plausibilidade da pretensão recursal”.

Fonte: Luis Nassif Online

Comentar
Compartilhe
Tiririca é eleito um dos melhores deputados do ano
18/09/2012 | 03h32

tiririca-DEPUTADO

O humorista Tiririca foi eleito um dos melhores parlamentares do ano pelo Congresso em Foco — sua colocação no ranking dependerá de votação online no site do prêmio.

Ao entrar no Congresso, e durante as eleições, Tiririca sofreu com o preconceito de acusações como as de que ele seria analfabeto ou apolítico. Hoje o deputado mostra os números que comprovam que ele está melhor do que muito político com curso superior.

Tiririca é um dos nove deputados (para lembrar: são 513 no total) que participou de 100% das 171 sessões de votação na Câmara. Mesmo em ocasiões nas quais sua presença não era obrigatória, como em comissões, o deputado também se fez presente e compareceu a quase 90% das reuniões da Comissão de Educação e Cultura.

O candidato nunca chegou a discursar no plenário, mas já apresentou sete projetos de lei. Um deles dá direito aos profissionais circenses, que não têm endereço fixo, a usar serviços como o Sistema Único de Saúde ou matricular crianças na rede pública de ensino, por exemplo. No mês passado, essa proposta passou por mais uma fase no Congresso para poder virar lei. “Para mim, só de estar na lista é uma vitória. Não sou político, estou político. É uma diferença grande. Estou bem pra caramba. E o mais importante: sem deixar de ser eu mesmo aqui”, comemora. Ele acredita que está surpreendendo quem não apostava em sua atuação. “Estou superfeliz com isso, mostrando para os meus eleitores que eles não deram voto perdido. Não estou fazendo feio. Não quero decepcionar o povo nem me decepcionar”, afirma.

Fonte: Revista Exame

Comentar
Compartilhe
Perdendo em casa?
05/09/2012 | 11h02

Ponto-Final1

Durante a sessão de ontem da Câmara, o vereador Rogério Matoso (PPS) usou a tribuna e disse que está fazendo uma pesquisa dentro da família do deputado federal Anthony Garotinho (PR). Nessa pesquisa, segundo o parlamentar da oposição, a prefeita Rosinha estaria perdendo para Arnaldo Vianna (PDT). “O irmão vai votar em Arnaldo, a irmã vai votar em Arnaldo, além dos sobrinhos. Ele perde na própria família”, alfinetou o vereador, que é candidato a vice-prefeito na chapa encabeçada por Arnaldo.

Publicado hoje na coluna Ponto Final, na Folha da Manhã.

Atualização às 11h19 — Menos um aliado da familia (sobrinho desabafa) — No Facebook, Gustavo Matheus, sobrinho de Garotinho, publicou um desabafo que foi encaminhado a este e outros blogs da cidade. Veja no blog do advogado Cláudio Andrade: aqui

Comentar
Compartilhe
Neco lidera com folga em SJB
30/09/2012 | 03h22

Faltando uma semana para a eleição, o vereador Neco (PMDB), lidera com folga a corrida pela Prefeitura de São João da Barra. Pesquisa estimulada, realizada pelo Instituto GPP, entre os dias 26 e 27 de setembro, registrada no TSE sob o número 00157/2012, mostra Neco com 55,1% das intenções de voto, contra 33,5% do ex-prefeito Betinho Dauaire (PR), que aparece na segunda colocação. A candidata do PPL, Jéssica Ribeiro tem 0,5%, e o candidato do PSDB, Murilo da Karol, tem 0,2%. Brancos e nulos somam 1,9% e Não sabe/Não respondeu somam 8,8%. Foram entrevistados 600 eleitores e a margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos.

Padrinho X Madrinha — Como em toda disputa eleitoral, além do duelo entre os candidatos, há também um embate envolvendo os padrinhos. Neste caso, um padrinho (Anthony Garotinho) e uma madrinha (Carla Machado). Garotinho apoia a candidatura do ex-prefeito Betinho Dauaire (PR) e Carla Machado aposta no vereador Neco. De acordo com a pesquisa do Instituto GPP, 57,3% dos eleitores de São João da Barra consideram o apoio da prefeita Carla Machado importante, enquanto o  deputado federal Anthony Garotinho aparece com 31,4% nesse quesito.

Para conferir a matéria completa, clique aqui

Comentar
Compartilhe
TRE: Candidatos ainda esperam pelos registros
04/09/2012 | 03h51

A eleição está chegando e os olhos dos eleitores continuam voltados para os tribunais. Faltando 33 dias para o pleito, o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) ainda não julgou os registros de Arnaldo Vianna (PDT), Betinho Dauaire (PT) e Octávio Carneiro (PP), candidatos em Campos, SJB e Quissamã, respectivamente.  Os três, que tiveram seus registros indeferidos em 1ª instância, tentam reverter a decisão no Rio. Muitos achavam que os julgamentos aconteceriam hoje. Porém, mais uma vez, as decisões ficaram para depois. Vale lembrar que a próxima sessão acontece na quinta-feira (06). Já a prefeita de Campos, Rosinha Garotinho (PR), teve o registro indeferido no TRE e tenta reverter a decisão no TSE.

A jornalista Suzy Monteiro, em seu blog "Na Curva do Rio", informa sobre a sessão de hoje do TRE. Veja aqui

Comentar
Compartilhe
Um cidadão, muitos exemplos
16/09/2012 | 05h27

José-Paes-Neto

Em poucos meses o jovem advogado José Paes Neto conseguiu causar mais impacto (efetivo) do que todos os nomes da oposição juntos. Derrubou as contratações temporárias da Prefeitura, iniciou um movimento pelo voto válido, estimulou debates e mostrou aos campistas que a mudança vai além do voto. É preciso fiscalizar, cobrar e mostrar quem realmente manda.

Hoje (16), em entrevista publicada na Folha e no blog “Opiniões” (aqui), do jornalista Aluysio Abreu Barbosa, o advogado opinou de forma serena e segura sobre eleição, indefinição jurídica e conscientização da sociedade.

Comentar
Compartilhe
Pesquisas: Precisão e Iguape
26/09/2012 | 06h38

O Instituto Precisão vai divulgar amanhã (27) mais uma pesquisa sobre a disputa pela Prefeitura de Campos. Os números da pesquisa serão encaminhados aos órgãos de imprensa nos primeiros minutos desta quinta-feira e serão divulgados aqui no blog.

Já o Instituto Iguape, conforme informou o blog do Ralfe Reis (aqui), deverá divulgar sua pesquisa no próximo sábado (01).

Comentar
Compartilhe
Chegou a hora dos debates
09/09/2012 | 10h21

debate

Os campistas terão a oportunidade de conferir o primeiro debate entre os cinco candidatos à Prefeitura. O encontro entre os prefeitáveis acontecerá na próxima quarta-feira, às 19h, no Auditório Cristina Bastos, no IFF, e será transmitido ao vivo pela UniTV (canal 15 da Via Cabo) e pela Rádio Educativa, podendo o sinal ser disponibilizado a outras transmissoras e também para a internet.

Na Globo (4 de outubro)— Outro debate marcado é o da InterTV Planície, que acontece no dia 4 de outubro.

Em 2008 — Na eleição de 2008 a candidata Rosinha Garotinho se destacou nos debates da TV Record e Inter TV. A Professora Odete (PC do B) também conseguiu apresentar suas propostas com habilidade. Paulo Feijó estava claramente como linha auxiliar de Rosinha e Arnaldo Vianna não foi bem.

Comentar
Compartilhe
Clarissa não faz cosquinha em Eduardo Paes
23/09/2012 | 10h46
[caption id="attachment_12834" align="aligncenter" width="206"] Foto de Mariana Ricci[/caption]

Em março deste ano a deputada estadual Clarissa Garotinho (PR) afirmou (aqui) que a oposição em Campos não tinha poder “para fazer nem cosquinha na prefeita Rosinha”. Tendo em vista as últimas pesquisas, Clarissa pode estar certa em relação a eleição de Campos. Porém, não imaginava que, seis meses depois, a afirmação serviria para ela.

Após entrar na disputa pela Prefeitura do Rio como vice em uma chapa encabeçada pelo deputado federal Rodrigo Maia (DEM), ela não tem feito nem consquinha no prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB).  Estacionada nos 3%, a chapa Rodrigo e Clarissa já é apontada como um vexame eleitoral. Veja mais no blog “Ponto de Vista” (aqui)

Comentar
Compartilhe
Freixo rejeitará apoio de Cesar Maia e Garotinho em possível 2º turno
03/09/2012 | 03h48

freixo

Do R7, no Rio

Candidato à Prefeitura do Rio pelo PSol, o deputado estadual Marcelo Freixo disse no início da tarde desta segunda-feira (3) que não pretende fazer alianças com o seus concorrentes caso tenha que enfrentar um segundo turno. Na última pesquisa do Instituto Datafolha, Freixo aparece com 13% das intenções de votos, atrás do prefeito  Eduardo Paes (PMDB), que tem 53%.

Em entrevista ao SBT Rio, o candidato disse que rejeitaria o apoio de políticos como o ex-prefeito Cesar Maia (DEM) e o ex-governador Anthony Garotinho (PR) no segundo turno. Velhos rivais, Maia e Garotinho uniram os partidos e filhos, Rodrigo Maia (DEM) e Clarissa Garotinho (PR) para enfrentar a disputa pela prefeitura. "Rejeitaria sim o apoio deles [Cesar Maia e Anthony Garotinho]. Mas isso não quer dizer que não recusaria o apoio de Fernando Gabeira e Marina Silva, que são forças políticas progressivas", disse.

Comentar
Compartilhe
Nahim diz que cabo eleitoral foi ameaçado
04/09/2012 | 10h12

Nelson-Naim-fotos-Leonardo-Berenger.jpg-236

Durante a sessão de hoje (04) da Câmara de Campos, o presidente da Casa, Nelson Nahim (PPL), informou que, após uma reunião no Jóquei, um cabo eleitoral que está ao lado dele e do ex-prefeioto Arnaldo Vianna (PDT), foi ameaçado. "Existem muitas placas minhas e de Arnaldo no Jóquei. Isso incomoda alguém. Logo depois da reunião, que estava lotada, dois homens em uma motocicleta bateram na casa do Cristiano e disseram, com uma arma apontada, que se continuar na minha campanha ele será morto e sua casa incendiada. Isso é um absurdo. Vejam em que ponto chegou a busca por poder em nossa cidade.  Um cidadão foi covardemente ameaçado. O caso foi registrado na noite de ontem na Delegacia de Polícia", revelou Nahim.

Comentar
Compartilhe
Lindbergh cita pesquisas e confia na oposição
02/09/2012 | 01h09

[caption id="attachment_12545" align="aligncenter" width="451" caption="Foto - Mauro de Souza/Ururau "]Foto - Mauro de Souza/Ururau[/caption]

Os números da pesquisa Ibope (aqui) não assustaram o senador Lindbergh Farias, que esteve em Campos ontem (02) e caminhou ao lado de Makhoul Moussallem, candidato do PT à Prefeitura. Segundo o petista, pesquisas qualitativas estão sendo analisadas e mostram a possibilidade de crescimento da oposição. Eleitores insatisfeitos, principalmente, com a área da Saúde, estariam dispostos a mudar de opinião. "Já analisamos essas pesquisas e posso dizer que essa eleição vai contar com reviravoltas na reta final. Sou especialista em largar atrás e virar o jogo e Makhoul vai mostrar que isso é possível aqui em Campos", afirmou o senador.

Comentar
Compartilhe
Tranquilidade
27/09/2012 | 07h27

Engana-se quem pensa que o indeferimento do registro da prefeita Rosinha Garotinho (PR) no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) abalou os membros do grupo governista. Eles andam confiantes em um resultado favorável no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e já preparam a festa. Segundo um aliado da prefeita, que participou da "Passeata das Rosas", na tarde de hoje, “a oposição vai ficar roxa de raiva e a situação roxa paixão”.

Comentar
Compartilhe
Ibope: Rosinha (62%), Arnaldo (11%) e Makhoul (11%)
18/09/2012 | 06h57

O RJ Inter TV 2ª Edição divulgou agora mais uma pesquisa Ibope sobre a disputa pela Prefeitura de Campos. A prefeita Rosinha Garotinho (PR) lidera com 62%, seguida por Arnaldo Vianna (PDT), 11%, Makhoul Moussallem (PT), 11%, José Geraldo (PRP), 1% e Erik Schunk (PSOL), 1%. Brancos e nulos somam 6%. Não sabem/não respondeu: 8%.

A pesquisa foi realizada entre os dias 15 e 17 de setembro. Foram entrevistadas 602 pessoas na cidade de Campos. A margem de erro é de 4 pontos percentuais, para mais ou para menos.

A pesquisa foi contratada pela Inter TV Planície e registrada sob o nº RJ-00097/2012.

Em relação à pesquisa anterior, Rosinha passou de 63% para 62%, Arnaldo Vianna foi de 13% para 11% e Makhoul, de 9% para 11%.

Veja os números do Ibope para a pesquisa estimulada: Rosinha Garotinho (PR) – 62% Arnaldo Vianna (PDT) – 11% Makhoul (PT) – 11% Erik Schunk (PSOL) – 1% Jose Geraldo, Zé Geraldo (PRP) – 1% Branco ou nulo – 6% Não sabe ou não respondeu – 8%

Pesquisa anterior — A primeira pesquisa do Ibope foi divulgada em 31 de agosto e registrou os seguintes resultados: Rosinha Garotinho (63%); Arnaldo Vianna (13%); Makhoul (9%); e José Geraldo, Zé Geraldo (1%). Erik Schunk não foi citado pelos entrevistados.

Rejeição — Entre os candidatos mencionados pelos eleitores como aqueles em quem não votariam de jeito nenhum, Arnaldo Vianna apresenta o maior índice de rejeição: 29%. Makhoul aparece com 19%. José Geraldo tem índice de rejeição de 16%, Rosinha Garotinho, 15%, e Erik Schunk, 14%.

Os eleitores que declaram que poderiam votar em todos os candidatos representam 14% do eleitorado. Outros 24% não sabem ou preferem não responder a respeito.

* Com informações do G1

Comentar
Compartilhe
Vídeo: Objeto não identificado no céu de Campos
17/09/2012 | 04h48

O jornal online  "Terceira Via" informa que um objeto não identificado chamou atenção dos moradores do Parque Aurora, em Campos, na noite de ontem (16). Com máquinas fotográficas e filmadoras, as pessoas faziam imagens do que, para muitos, parecia ser um disco voador. Porém, para outros, não passava d uma pipa iluminada. Veja o vídeo:

Comentar
Compartilhe
Bom exemplo
11/09/2012 | 02h44

[caption id="attachment_12674" align="aligncenter" width="544" caption="Foto/Facebook de Moises Batista "]Foo/Facebook de Moises Batista [/caption]

Enquanto no grupo governista, segundo o blog “Reflexões” (aqui), um aliado da prefeita teria sido agredido durante uma carreata por outro aliado da prefeita, no grupo de oposição o final de semana foi marcado por um encontro bastante amigável entre o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) e o médico Makhoul Moussallem (PT), candidatos à Prefeitura de Campos. A Professora Odete (PcdoB), que disputa por uma cadeira na Câmara, também estava presente, assim como o petista Marcão, candidato a vereador, e o vereador Rogério Matoso (PPS), candidato a vice-prefeito na chapa de Arnaldo. Durante o encontro, que aconteceu no feriado de 7 de setembro, no Cepop, eles mostraram que existe uma grande diferença entre disputa e briga, adversário e inimigo, eleição e guerra.

Comentar
Compartilhe
Rosinha afasta possibilidade de Plano B
26/09/2012 | 07h54

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) foi a entrevistada de hoje (26) do programa “Folha no Ar”, exibido pela Plena TV, do Grupo Folha. Durante a entrevista, Rosinha afastou qualquer possibilidade de Plano B. “Sou candidata e nunca foi cogitada essa possibilidade. Confio na Justiça, sei que essa decisão do TER foi política e será revertida no TSE”, frisou.

Sobre os semáforos pintado de roxo paixão (segundo a Emut) e rosáceo, segundo a Justiça, Rosinha considerou uma polêmica sem sentido. “Acho que toda aquela repercussão foi falta do que falar. Antes mesmo da Justiça se posicionar eu já havia pedido para tirar”, disse Rosinha, que prometeu continuar inovando na decoração da cidade. “Gosto de novidades, cores e acho que isso deixa a cidade mais bonita. Antes a cidade era pálida, sem cor”, disse.

 Os principais trechos da entrevista serão publicados na edição de amanhã (27) da Folha.

Comentar
Compartilhe
Debate já começou
12/09/2012 | 07h30

[caption id="attachment_12702" align="aligncenter" width="356" caption="Foto/Facebook de Seleana Moreira Bastos"]Foto/Facebook de Seleana Moreira Bastos[/caption]

Já começou o debate com os cinco candidatos à Prefeitura de Campos. Organizado pelo O Fórum Interinstitucional de Dirigentes do Ensino Superior de Campos (Fidesc), o primeiro debate vai apresentar as visões dos prefeitáveis sobre as áreas de Educação, Cultura e Ciência e Tecnologia. As perguntas foram elaboradas por alunos e professores das entidades de ensino envolvidas e serão sorteadas entre os candidatos, que também farão perguntas entre si.

O debate está sendo transmitido pela UniTV e será dividido em quatro blocos com dois intervalos.

Comentar
Compartilhe
Quem perde com o impasse na Câmara de SJB?
15/09/2012 | 08h30

[caption id="attachment_12739" align="aligncenter" width="394" caption="Após confusão, delegada esteve no plenário e encontrou documentos picados - Foto/SJB Online"]Após confusão, delegada esteve no plenário e encontrou documentos picados - Foto/SJB Online[/caption]

Após confusão durante a sessão da última quinta-feira, registrada na 145ª DP, a delegada Madeleine Farias Rangel esteve ontem (14) na Câmara de São João da Barra para recolher documentos e periciar o local. Por conta do impasse no Legislativo, a Câmara continua com a pauta travada desde a volta do recesso, que aconteceu no início de agosto. Desta forma, projetos não são votados e quem perde é a população do município. Além disso, dois vereadores foram cassados e até hoje não houve uma decisão sobre quem vai ocupar a vaga dos parlamentares na Mesa Diretora e Comissões.

De acordo com o vereador Neco (PMDB), a oposição, que tem dois membros contra sete da situação, vem tentando engessar os trabalhos. “Dois vereadores da oposição estão tentando atropelar a maioria e, com isso, projetos importantes não estão sendo votados”, desabafa o vereador Neco (PMDB).

Confusão — Na última quinta-feira, o plenário da Câmara de SJB, que em junho do ano passado virou notícia nacional após o soco do vereador Zezinho Camarão (PR) no vereador Alexandre Rosa (PMDB), voltou a contar com momentos de tensão na noite da última quinta-feira (aqui).

Promotor — Antes da sessão de quinta-feira (aqui) os vereadores governistas reuniram-se em audiência pública com o promotor Marcelo Lessa Bastos. Na ocasião, o promotor explicou que o presidente não pode se sobrepor ao plenário, “que é soberano, sobretudo quando se consegue reunir mais de 2/3 contra as suas atitudes, quórum que, provavelmente, nos termos regimentais, deve ser suficiente até mesmo para destituir o presidente de suas funções”, disse Marcelo Lessa. O promotor ressaltou também que o presidente não pode encerrar as sessões quando bem entender e manipular a pauta de acordo com suas conveniências. Ele entende também que a sessão interrompida pelo presidente poderia prosseguir com o vice-presidente assumindo o seu lugar com apoio policial.

Mais informações sobre a confusão na sessão podem ser acompanhados no Portal OZK (aqui).

Comentar
Compartilhe
Humor: Epidemia rosa em Campos
30/09/2012 | 06h50

A turma da WebTV Campos (aqui), que tem feito uma cobertura bem humorada do processo eleitoral, divulgou mais um vídeo. Dessa vez, eles comentam sobre uma epidemia rosa na cidade. Confira o vídeo:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=CNYsIFvr0Qc&list=UUXEoc9kF0ovGftRvSjL8dew&index=0&feature=plcp[/youtube]
Comentar
Compartilhe
Garotinho X Lindbergh
05/09/2012 | 08h44

lindbergxgarotinho

Pré-candidato ao governo do Estado, o senador Lindbergh Farias (PT) se transformou no mais novo alvo do deputado federal Anthony Garotinho (PR), que também quer disputar o governo em 2014. Segundo Garotinho, Lindbergh se juntou ao governador Sérgio Cabral (PMDB) para tentar inviabilizar a candidatura da prefeita Rosinha Garotinho (PR) em Campos. “É uma pena que um rapaz tão jovem tenha tão pouco caráter. Aliás, só vota no Lindberg quem não conheceu a sua administração em Nova Iguaçu. Basta ver que na eleição para o Senado ele chegou atrás de Crivella na sua cidade”, disse Garotinho.

Lindbergh quer mudança em Campos — O senador Lindbergh Farias já esteve duas vezes em Campos nesta eleição. Ele, que apoia a candidatura de Makhoul Moussallem (PT), tem feito críticas ao governo Rosinha. “Como pode uma cidade tão rica ficar nos últimos lugares em rankings que medem a qualidade da Educação e Saúde. Campos precisa de um prefeito que saiba dialogar com outras esferas para mudar essa situação”, disse.

Comentar
Compartilhe
Exército na eleição de Campos
21/09/2012 | 11h30

O município de Campos é uma das oito cidades do Rio que terão participação do Exército no esquema de segurança das eleições municipais do dia 7 de outubro. A cidade tem histórico de campanhas e eleições turbulentas, com cassação de políticos e indeferimento de candidaturas.

Em 2006, uma eleição suplementar teve de ser feita depois que o prefeito e o vice foram cassados por abuso de poder político e econômico. Dois anos depois, o prefeito eleito na eleição suplementar foi retirado do cargo por decisão da Justiça. No último pleito, em 2008, a eleição foi vencida, depois que um dos principais candidatos teve sua candidatura indeferida pela Justiça Eleitoral, o que provocou a anulação dos mais de 100 mil votos recebidos por ele. Além da atual prefeita Rosinha Garotinho (PR), enfrentam a eleição Arnaldo Vianna (PDT), Erick Schunk (PSOL), José Geraldo (PRP) e Makhoul (PT). Na disputa para as 25 vagas da Câmara Municipal, estão 654 candidatos. Com 463 mil habitantes e 344 mil eleitores, Campos é um dos centros nacionais de produção de petróleo. A cidade é também o município que recebe o maior volume de royalties e participações especiais da produção de petróleo. No ano passado, Campos recebeu R$ 1,2 bilhão em royalties e participações especiais. Edição: Talita Cavalcante Vitor Abdala Repórter da Agência Brasil  
Comentar
Compartilhe
Impressões sobre o debate
12/09/2012 | 11h50

[caption id="attachment_12705" align="aligncenter" width="355" caption="Foto de Silésio Correa"]Foto de Silésio Correa[/caption]

O primeiro debate entre os candidatos à Prefeitura de Campos serviu para mostrar que é possível discutir ideias sem as velhas briguinhas, picuinhas e maniqueísmos. Outro ponto importante do debate promovido pelo Fidesc foi a abertura de espaço para a área de Ciência e Tecnologia, que tem sido debatida por este blog em diversas ocasiões (aqui, aqui e aqui).

É lógico que o debate poderia ter sido melhor e menos sonolento. Porém, como faltam encontros deste tipo na terra goitacá, valeu a pena conferir. Abaixo, uma breve análise dos candidatos:

Rosinha — A prefeita Rosinha Garotinho (PR) demonstrou a segurança de sempre e não se abalou com o bombardeio dos adversários, sobretudo na área de Educação, tendo em vista a última colocação da cidade no Ideb (Rio). Ao comentar sobre Ciência e Tecnologia, ficou nítido que faltam ações atuais, já que não se trata de uma das prioridades do atual governo.

Arnaldo — O ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT), que em 2008 não foi nada bem nos debates, se comportou bem melhor no debate desta noite. Pontuou as suas propostas com tranquilidade, lembrou das ações do seu governo, comparou os Orçamentos e deu leves alfinetadas em Rosinha. Pecou ao usar um discurso sentimental em ocasiões que pediam uma postura mais técnica.

Makhoul — O petista Makhoul Moussallem levou para o debate o embasamento que tem sido a marca da sua propaganda na TV. Frisou a importância da Educação e mostrou como é possível transformar anseios em ações. Na área de Ciência e Tecnologia, fundamental para a diversificação da economia e modernização de toda a administração, ele apresentou propostas interessantes. O ponto fraco foi a sua forma de falar, já que parecia sem muita empolgação.

Schunk — Candidato do PSOL, Erik Schunk mostrou que é melhor ao vivo do que nos programas de TV. Marcou posição ao fazer duras críticas ao governo nas áreas de Educação e Cultura. Não se intimidou e lembrou que o debate contava com dois candidatos considerados inelegíveis. Criticou o atual governo, os governos passados, o governo Cabral, a presidente Dilma e o ex-presidente Lula. Desta forma, se colocou como alternativa para os que não concordam com as práticas dos grupos que estão no poder.

José Geraldo — Assim como ocorreu na entrevista da InterTV, o candidato José Geraldo (PRP) foi uma grata surpresa. Ele é a prova de que existem muitos cidadãos com conhecimento para debater e contribuir nas mais variadas áreas. Lembrou que é impossível falar em mudança sem investir em Saúde e Educação. Além disso, foi além do discurso vazio de quem critica sem apresentar soluções. Listou suas propostas e discursou com fluência e tranquilidade.

Comentar
Compartilhe
Contratações (REDA): Mais uma derrota da Prefeitura
10/09/2012 | 12h27

imagem_justica

Após o juiz da 4ª Vara Cível, Wladimir Hungria, suspender todos os contratados da Prefeitura de Campos sob o regime do REDA, o governo municipal recorreu em busca de um efeito suspensivo. Porém, a Desembargadora Inês da Trindade indeferiu o pedido do Município de suspensão dos efeitos da decisão liminar. Neste caso, continuam vigentes todos os efeitos da decisão que determinou a suspensão dos contratos de trabalhos firmados através do REDA, até ulterior apreciação pelo colegiado da 20ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

A Ação Popular com pedido de liminar foi proposta pelo advogado José Paes Neto e divulgada aqui no blog no dia 07 de julho deste ano. No dia 20 de julho (aqui) o Ministério Público, através de parecer do promotor Victor Santos Queiroz, se manifestou favoravelmente aos pedidos liminares formulados por José Paes Neto.

É necessário deixar claro aos contratados temporários que a permanência no trabalho é ilegal, fere a decisão do Juízo da 4ª Vara Cível, não havendo possibilidade de serem recebidos os salários referentes ao período. Eventuais determinações nesse sentido são descabidas e devem ser denunciadas ao Ministério Público, a fim de que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Comentar
Compartilhe
E a PreviCampos?
14/09/2012 | 12h11

O jornalista Fernando Leite informou em seu blog que o Banco Central (BC) anunciou nesta sexta-feira (14) a liquidação dos bancos Cruzeiro do Sul (CZRS4) e Prosper. A Bovespa informou que as negociações com as ações do banco Cruzeiro do Sul estão suspensas. Segundo o BC, do total de depósitos à vista e a prazo do Banco Cruzeiro do Sul e do Banco Prosper, cerca de 35% e de 60%, respectivamente, contam com garantia do Fundo Garantidor de Créditos (FGC). O FGC é administrado pelos próprios bancos e cobre aplicações de até R$ 70 mil, em caso de quebra da instituição financeira.

PreviCampos — Cerca de R$ 72 milhões foram aplicados pelo Fundo de Previdência dos Servidores de Campos (PreviCampos) em um Fundo de Investimentos de Direitos Creditórios (FIDC) do Banco Cruzeiro do Sul. Agora, resta saber o que será feito para resgatar essa quantia.

Comentar
Compartilhe
Precisão: Rosinha (62%), Makhoul (13%), Arnaldo (10%), Zé Geraldo (1%) e Schunk (1%)
27/09/2012 | 12h01

O Instituto Precisão divulga hoje (27) mais uma pesquisa sobre a disputa pela Prefeitura de Campos. Os números, bem parecidos com a da última pesquisa Ibope, mostram ampla vantagem da prefeita Rosinha Garotinho (PR), que venceria no primeiro turno. Ela aparece com 62%, seguida por Makhoul Moussallem (PT), que tem 13%, Arnaldo Vianna (PDT), com 10%, Erik Schunk (PSOL), com 1% e José Geraldo (PRP), que também tem 1%. Nenhum, branco ou nulo (5%). Não sabe/não opinou (9%). A pesquisa foi realizada nos dias  18 a 22 de Setembro de 2012, registro RJ — 00130 /2012. A margem de erro é de 3.1 pontos percentuais para mais ou para menos.

Comentar
Compartilhe
Candidatos desperdiçam potencial da internet
21/09/2012 | 07h35

O peso da internet na campanha que elegeu Dilma Rousseff fez especialistas preverem um papel crucial para a web nas eleições municipais deste ano, como na eleição de Barack Obama em 2008. Mas ainda não foi dessa vez. "Os candidatos estão apenas replicando o que fizeram na internet nas últimas eleições, usando a web apenas como uma via de mão única, em que o político apresenta a sua agenda, sem uma real interação", diz Pollyana Ferrari, que é a pesquisadora em mídia social e professora de jornalismo multimídia da PUC-SP.

Para ela, alguns candidatos aprimoraram seus vídeos e entraram em redes sociais que estão se popularizando, como o Instagram, mas sem uma estratégia específica. "Em geral, eles usam essas ferramentas muito mal, porque poderiam, por exemplo, monitorar o que está se falando online e tentar capitalizar em cima disso."

Se em 2010 vários ignoraram o potencial da internet, agora, esse mesmo "erro" pode ter consequências graves, por causa da penetração da internet na chamada nova classe média. Esta corresponde hoje a 53% da população ou 104 milhões de pessoas, segundo o governo. Atualmente, mais de 60% da classe C está na internet, sendo que mais da metade entra online diariamente e 76% está nas redes sociais, de acordo com dados do instituto Data Popular, que faz pesquisas entre essa fatia da sociedade.

Fonte: Folha de S. Paulo

Comentar
Compartilhe
Câmara de SJB: Muita confusão e pouca definição
24/09/2012 | 07h59
  [caption id="attachment_12855" align="aligncenter" width="425"] Foto - Ascom/Câmara de SJB[/caption]

A sessão extraordinária na Câmara de São João da Barra, requerida pela bancada governista com o objetivo de iniciar o processo de destituição do presidente da Casa, Gersinho (PR), além da eleição dos novos membros das Comissões e da Mesa Diretora, se transformou em confusão e foi encerrada antes de um desfecho.

Na última quinta-feira (20) os sete vereadores governistas, que são maioria na Casa, protocolaram requerimento apontando objetivos específicos e, entre eles, estava abertura do processo de destituição do presidente, Gersinho, da sua função na Mesa. De acordo com os governistas a possibilidade está prevista no artigo 164 do Regimento Interno da Câmara Municipal.

Inicialmente, o impasse ocorreu porque Gersinho anunciou que não poderia abrir a sessão. Ele afirmava que o requerimento deveria ser inserido no expediente de uma sessão ordinária e apreciado pelos vereadores – conforme consta nos artigo 72 e 73 do Regimento Interno. Depois, deu início aos trabalhos e rebateu os pedidos da oposição, alegando que não havia cabimento.

Clima tenso — Após as justificativas do presidente, o vereador Neco (PMDB), da bancada governista, alegou que na última sessão o requerimento já estava protocolado. “Por que não havia entrado na pauta?”, indagou. A confusão esquentou quando militantes começaram a ofender os vereadores. Os gritos dos militantes da oposição e situação foram acompanhados de perto pela Polícia Militar.

O que os governistas pedem? — Os vereadores da bancada de situação requerem, também, a eleição das comissões permanentes, parecer sobre projetos do executivo e composição da mesa diretora. De acordo com Gersinho, os projetos já tiveram parecer, que foi dado pelo vereador Zezinho Camarão (PR), da bancada de oposição.

Irritação — Com a sessão encerrada pela metade, os vereadores governistas deixaram o plenário bastante irritados. “O presidente continua agindo da maneira que acha conveniente. Desta forma, atropela não só a maioria, mas também o regimento. Tudo isso será apresentado na Justiça”, frisou o vereador Aluízio Siqueira (PMDB).

* Com informações do SJB Online

Comentar
Compartilhe
Garotinho fala em "golpes, manobras sujas e corrupção"
29/09/2012 | 09h59

Para o deputado federal Anthony Garotinho (PR), a atitude do Ministério Público em relação a pintura dos semáforos (aqui) não tem o mínimo cabimento. Em seu blog, ele disparou: "É clara a intenção de tumultuar o processo eleitoral. Toda a campanha de Rosinha é baseada na cor rosa, e não roxa, como bem mostra a foto da pintura dos postes na reprodução acima. Além disso, a prefeita ao tomar conhecimento de que estavam sendo pintados postes com a cor roxa, determinou imediatamente ao presidente da Empresa Municipal de Transportes que suspendesse a pintura, antes mesmo que a Justiça fizesse. Jamais pensei em ver em plena democracia o que se estabeleceu no Rio de Janeiro. Sucessivos golpes, manobras sujas e até mesmo corrupção para garantir o poder na mão dos maus", disparou Garotinho.

Comentar
Compartilhe
Sábado Rosa
22/09/2012 | 07h44

Foto - Divulgação/Rosinha

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) e o vice Dr. Chicão (PP) realizaram neste sábado (22) o primeiro “Sábado Rosa”, que mobilizou militantes em mais de 100 pontos do município. De acordo com a assessoria, milhares de pessoas participaram. Depois do “Sábado Rosa” a prefeita ainda realizou carreata nos bairros de Custodópolis, Santa Rosa, Eldorado, São José, Santa Helena e Fundão.

No “Sábado Rosa”, a prefeita visitou vários pontos da cidade passando por bairros como Pelinca, Turfe Clube, Parque Alvorada, Parque Novo Mundo, Parque Lebret, Fundão, Jardim Carioca, Santa Rosa, Parque Eldorado e IPS. Em cada local, foram montadas réplicas, de urna eletrônica, onde as pessoas receberam orientações sobre como votar.

Comentar
Compartilhe
Betinho: “Vamos manter a calma e aguardar”
18/09/2012 | 04h29

betinho

Faltando menos de 20 dias para a eleição, o ex-prefeito de São João da Barra, Betinho Dauaire (PR), candidato à Prefeitura de SJB, ainda não tem uma definição sobre o seu registro de candidatura, que foi indeferido em 1ª instância e aguarda o julgamento no TRE.

No Facebook, Betinho Dauaire comentou sobre o assunto, pediu calma e se mostrou confiante. “Meu processo entrou na pauta de julgamento, desta tarde (18), no TRE - Tribunal Regional Eleitoral. O relator, desembargador Edson Aguiar, votou concedendo o meu registro de candidatura, mas o segundo a votar pediu vista. Então, vamos manter a calma e continuar aguardando. Tenho confiança na justiça e fé em Deus”, frisou.

Comentar
Compartilhe
SJB: Pedido de destituição de Gersinho aprovado na Câmara
28/09/2012 | 05h42

Em sessão extraordinária na tarde desta sexta-feira (28), proposta pelos vereadores da bancada governista, o plenário da Câmara Municipal de São João da Barra aprovou a representação proposta pelo edil Jonas Gomes de Oliveira (PMDB), com o intuito de destituir o presidente da Casa, Gerson da Silva Crispim, o Gersinho (PR), de suas funções na Mesa Diretora. Na justificativa, os edis alegam: faltas, omissões, abuso de autoridade e ineficiência na condução dos trabalhos do legislativo.

Prazos — De acordo com a Procuradoria da Câmara, após a notificação da autuação, o Gersinho terá prazo de 15 dias para apresentar defesa e arrolar testemunhas (até o máximo de três), sendo-lhe enviada cópia da peça acusatória e dos documentos que a tenham instruído para, após a tramitação legal do procedimento, ser julgado pelo plenário, pela permanência ou não no cargo de presidente.

— Cabe ressaltar que essa representação diz respeito à destituição do presidente de seu cargo na Mesa Diretora e não a perda do seu mandato eletivo. E enquanto a tramitação não for encerrada, Gersinho continua na presidência da Casa — ressalta a procuradora, Estella Lobato.

De acordo com os vereadores governistas, o presidente da Câmara estaria atropelando o regimento da Casa. "Ele não respeita a maioria e, por conta disso, quem perde é apopulação. Projetos importantes não estão sendo votados", diz o vereador Neco (PMDB).

Derrota no TSE —O Portal OZK informou hoje (28) que a cautelar dos vereadores cassados por infidelidade partidária, Franquis Arêas (PR) e Kaká (PT do B), de São João da Barra, foi negada pelo TSE. Carlos Machado, o Kaká, e Franquis Arêas de Freitas, tiveram seus mandatos cassados no dia 03 de julho, por infidelidade partidária. Os dois recorreram da decisão ao TSE, solicitando ao Tribunal a volta ao Legislativo sanjoanense, mas o órgão acompanhou a decisão do TRE-RJ.

 
Comentar
Compartilhe
MPRJ requer cassação do registro de Rosinha por abuso de poder político e conduta vedada
28/09/2012 | 07h55

A Assessoria de Comunicação Social do Ministério Público-RJ enviou nota informando que o MPRJ requer cassação do registro de Rosinha Garotinho (PR) e de seu vice, Chicão Oliveira (PP), por abuso de poder político e conduta vedada. O motivo é a pintura dos semáforos de rosáceo. Confira a nota:

A Promotoria Eleitoral de Campos dos Goytacazes ajuizou ação de representação por conduta vedada a agentes públicos em face da Prefeita da Cidade, Rosângela Rosinha Garotinho, e do Vice-Prefeito, Francisco Arthur Oliveira, após semáforos do Município terem sido pintados de cor rosácea, semelhante à usada pela candidata em sua campanha à reeleição. A Promotoria requer a cassação do registro, se for deferido, ou do diploma, se eleitos, além da aplicação da multa prevista na Lei 9.504/97. A requerimento da Promotoria, a 99ª Zona Eleitoral notificou os candidatos para desfazerem a pintura.

 De acordo com a representação, a ordem para a pintura partiu da Empresa Municipal de Transportes (EMUT), que também consta como representada, assim como seu presidente, Álvaro Henrique de Souza Oliveira, irmão de Francisco Arthur. De acordo com a ação, entre os dias 21 e 24 de setembro, elementos de sustentação de diversos semáforos situados nos principais cruzamentos da cidade foram pintados de “cor rosácea, assaz semelhante – se não for idêntica – à tonalidade utilizada como símbolo da campanha eleitoral dos dois primeiros representados”. Fotografias foram enviadas ao Ministério Público por fiscais da 100ª Zona Eleitoral. “A similitude das cores, independentemente do nome que se lhes queira dar, salta aos olhos e está a revelar a utilização de bens públicos para a realização de propaganda eleitoral, ainda que disfarçada, dos dois primeiros representados. Até mesmo servidores da EMUT, bem como os seus equipamentos, foram utilizados para a consecução da malfadada pintura”, narra trecho da ação.

O texto da representação destaca que a cor rosa é um dos principais signos da campanha de Rosinha e de seu vice, que concorrem à reeleição pela Coligação Campos de Todos Nós. No texto, a Promotoria menciona que a cor está presente em adesivos, placas, microfone, automóvel, roupas, estética do sítio eletrônico, entre outros. “Tudo é e deve ser rosáceo, ou no mínimo lembrar a referida tonalidade, para a fixação das pretensas candidaturas dos dois primeiros representados no imaginário popular e formar a convicção do eleitorado, como se infere do sítio eletrônico”, informa a Promotoria.

Entre os argumentos defendidos pela Promotoria está o fato de a pintura acontecer às vésperas da eleição e da mobilização denominada “Sábado Rosa”, marcada para o dia seguinte ao do início da pintura. Além disso, a Legislação de Trânsito Brasileira prevê que os elementos de sustentação devem ostentar cores neutras e foscas, diferente da opção atual feita pelo Executivo de Campos. A Promotoria ressalta ainda que a utilização de bens públicos para realização de propaganda eleitoral configura abuso de poder político, o que desequilibra a disputa eleitoral.

Conforme estabelece o artigo 73, inciso I, da Lei 9.504/97, é proibido a agentes públicos ceder ou usar, em benefício de candidato, partido político ou coligação, bens móveis ou imóveis pertencentes à administração pública.

 A candidatura de Rosinha e de Francisco Arthur ainda está sub judice. Depois de impugnação de suas candidaturas pela Promotoria Eleitoral, a Justiça Eleitoral indeferiu os registros, mas eles recorreram da decisão.

[caption id="attachment_12935" align="aligncenter" width="359"] Após a constatação da semelhança com as cores da campanha, Justiça determinou que os semáforos fossem repintados[/caption]

Comentar
Compartilhe
Após polêmica, Rosinha suspende pintura dos semáforos
24/09/2012 | 03h37
[caption id="attachment_12844" align="aligncenter" width="359"] Cor é bastante parecida com a utilizada no material de campanha - Foto de Phillipe Moacyr[/caption]

O advogado da prefeita Rosinha Garotinho (PR), Francisco de Assis Pessanha Filho, informa em seu blog que "a prefeita Rosinha determinou à Empresa Municipal de Transportes (EMUT) que suspenda a pintura dos semáforos com a cor roxo paixão. Tal medida se deu em virtude da politização a respeito do tema".

De acordo com o advogado "a decisão foi tomada também por precaução e para não alimentar qualquer tipo de discussão eleitoreira. Contudo, a sinalização está dentro da legislação pertinente".
Atualização às 18h25 — O blog “Opiniões”, do jornalista Aluysio Abreu Barbosa, informa que, ao contrário do alegado Francisco de Assis Pessanha Filho,  “a pintura dos semáforos com a cor roxo paixão” não “está dentro da legislação pertinente”. A juíza titular da 100ª Zona Eleitoral de Campos, Grácia Cristina Moreira do Rosário, determinou que “a pintura dos semáforos na cor rosácea (…) por remeter ao eleitorado, em pleno momento da campanha eleitoral, à cor notória e pública utilizada pela candidata à reeleição Sra. Rosinha Garotinho” seja retirada no prazo máximo de 48 horas. Para conferir a decisão, clique aqui
Comentar
Compartilhe
STF decide que município não pode ter terceirizados na saúde
22/09/2012 | 07h08
Dica do leitor Sávio Gomes:

Os 9.500 profissionais da área de saúde terceirizados e que trabalham em clínicas da família, UPAs e hospitais municipais, poderão ter que deixar seus postos em breve. Na última quarta-feira, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou, por unanimidade, um recurso do município contra ação movida pelo Sindicato dos Médicos que exige o fim da terceirização na saúde. A Prefeitura doRio já havia sido derrotada outras duas vezes.

A Segunda Turma acompanhou o voto de Cezar Peluso, dado em agosto, antes de o ministro se aposentar. Ele concordou com decisão anterior, que dizia que "os cargos inerentes aos serviços de saúde, prestados dentro de órgãos públicos, por ter a característica de permanência e de caráter previsível, devem ser atribuídos a servidores admitidos por concurso público". O presidente do Sindicato dos Médicos, Jorge Darze, comemorou ontem a decisão. Segundo ele, é um absurdo que a administração municipal, em vez de contratar médicos, enfermeiros e auxiliares de enfermagem, prefira fazer contratos temporários. "A prefeitura vai ter que repensar toda a sua lógica de contratações. A decisão do STF não impede que as Organizações Sociais continuem gerindo clínicas de família e UPAs. Mas elas terão que ter nos locais médicos e outros profissionais aprovados através de concurso público. Não poderão ter funcionários terceirizados", diz Darze.

Campos — Em Campos, a secretaria de Saúde também conta com um grande número de terceirizados. Muitos deles estão sob o regime Reda e ainda não foram atingidos pela decisão judicial, já que o juiz Wladimir Hungria optou por ouvir o CCZ e a secretaria de Saúde antes de cancelar os contratos como ocorreu com outros órgãos do governo municipal.

* Com informações do Yahoo Notícias

Comentar
Compartilhe
Grupo armado atira contra carro de Garotinho
06/09/2012 | 04h38

tiro no carro de garotinho

Por Bernardo Tabak Do G1 RJ

Um grupo armado atirou contra o carro do deputado federal Anthony Garotinho (PR), na noite desta quarta-feira (5), em frente à produtora Blue Light, na Glória, Zona Sul do Rio, onde o parlamentar gravava participação no horário político eleitoral.

Segundo o dono da produtora, identificado como Donato, dentro do carro de Garotinho, que é blindado, estava apenas o motorista, que não se feriu.

De acordo com Donato, os seguranças do político reagiram, mas até a tarde desta quinta-feira (6)  não havia informações de feridos. Garotinho estaria no quarto andar do prédio da produtora no momento do tiroteio.

Nos muros das casas vizinhas, na Rua Cândido Mendes, onde fica a produtora, há marcas de tiros. Uma vizinha, que preferiu não se identificar, disse que o grupo que atirou no carro estava em um carro e em uma moto. O dono da produtora informou que havia apenas um carro.

Atualização às 17h20 — Segundo a assessoria de imprensa do parlamentar, o suspeito passou atirando em frente ao local. Um dos seguranças do parlamentar reagiu, dando início a um tiroteio. Garotinho estava dentro da produtora durante a troca de tiros. O motorista estava dentro veículo, que é blindado, mas não se feriu. A produtora funciona em um prédio na rua Cândido Mendes. Os disparos chegaram a atingir os muros de imóveis vizinhos. Garotinho não fez nenhum comentário sobre o episódio em seu blog na internet.

Segunda vez — Em junho do ano passado o carro de Garotinho foi alvejado por dois tiros nas proximidades de Cabo Frio, na Região dos Lagos.

Fontes: G1 e R7

Comentar
Compartilhe
SJB: Barraco no estúdio da rádio Diário FM
04/09/2012 | 12h17

O “Portal OZK” informa que uma confusão generalizada aconteceu, na manhã desta terça-feira (04) no estúdio da Rádio Diário FM, em São João da Barra. Um cidadão que teria ido pedir um direito de reposta foi barrado, chamou a PM e o caso foi parar 145ª Delegacia de Polícia de São João da Barra. Confira aqui

Comentar
Compartilhe
Deputado quer suspender filme "Ted"
26/09/2012 | 12h19

O deputado Protógenes Queiroz (PCdoB) ficou chocado ao levar seu filho de 11 anos para assistir ao filme Ted, de Seth MacFarlane (criador do seriado Family Guy) e quer tomar medidas legais para que o filme saia de cartaz. Protógenes postou em seu perfil no Twitterque vai acionar os ministérios da Justiça e Cultura para que o filme seja suspenso dos cinemas.

— Fiquei chocado e indignado com esse filme. Ele passa a mensagem de que quem consome drogas, não trabalha e não estuda é feliz — postou o deputado. O delegado assistiu ao filme, que tem classificação etária de 16 anos, com seu filho de 11, mas afirmou que "o filme não pode ser liberado para idade nenhuma. Não deve ser veiculado em cinemas", escreve. No Brasil, menores de 18 anos podem assistir a filmes além de sua faixa etária se estiverem acompanhados dos responsáveis.

Segundo a assessoria de imprensa do deputado, as ameaças devem sair do Twitter e ele vai acionar o Ministério de Justiça sobre o filme. O assunto teve grande repercussão nas redes sociais e ficou entre os tópicos mais comentados do Twitter nesta terça feira. Protógenes chegou a criar a hashtag #ForaFilmeTED e postar mensagens como "O mundo está cheio de ursinho "TED"".

Crítica — Ao contrário do deputado Protógenes, que não gostou do filme, a crítica tem sido boa. O Marcelo Forlani, do site "Omelete", diz (aqui) que o filme é ótimo. "O estilo de comédia que fez Uma Família na Pesada se tornar uma das melhores comédias adultas da atualidade. E que comprovadamente funciona também no cinema. Desde que tenha um Seth MacFarlane por trás.

Fonte: Revista Exame.com

Comentar
Compartilhe
Internautas protestam contra reajuste dos vereadores
03/09/2012 | 03h00
abaixo assinado

Conforme o blog “Opiniões”, do Aluysio Abreu Barbosa, informa (aqui) o Avaaz.org divulga (aqui) uma petição online contra o aumento de 60% que elevou o salário dos vereadores de Campos para R$ 15.031,76. Até o momento, 443 pessoas já assinaram O objetivo é recolher assinaturas de 1% do eleitorado da cidade (cerca de três mil assinaturas) para iniciar uma ação pública contra o reajuste.

Comentar
Compartilhe
Eleição de Campos no jornal “O Globo”
04/09/2012 | 11h38

[caption id="attachment_12591" align="aligncenter" width="554" caption="Reprodução — O Globo online"]Reprodução — O Globo online[/caption]

O jornalista Cássio Bruno, do jornal “O Globo”, esteve em Campos e produziu uma matéria sobre a eleição na terra goitacá. A matéria cita as pendências judiciais de Rosinha Garotinho (PR), Arnaldo Vianna (PDT), comenta sobre a suspensão das contratações e ouve especialistas sobre futuros riscos. Confira:

Por Cássio Bruno ([email protected]) | Agência O Globo

RIO - Campos — Em Campos, no Norte Fluminense, o clima é de guerra por causa das eleições. Com 344.366 eleitores, a cidade está na lista do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-RJ) para receber tropas federais por causa do acirramento da disputa. A tensão é acompanhada por uma série de embates travados na Justiça pela candidata à reeleição, Rosinha Garotinho (PR).

Na última semana, a Justiça suspendeu a contratação de funcionários temporários feita, desde abril, pela prefeita. A ex-governadora tenta a reeleição e aparece com 63% das intenções de votos na pesquisa do Ibope, o que lhe daria vitória no primeiro turno. Na decisão, o juiz da 4ª Vara Cível de Campos, Wladimir Hungria, afirma que "nesses meses que precedem à eleição há evidente restrição legal à contratação de servidor".

Rosinha espalhou propaganda de campanha em casas e ruas próximas de obras da prefeitura. No último sábado, o GLOBO flagrou pela manhã um cabo eleitoral com placa de campanha de Rosinha e de um candidato a vereador dentro da Paróquia Santíssimo Salvador, na Praça São Salvador, no Centro da cidade.

À noite, Rosinha fez comícios nos bairros carentes de Parque Presidente Vargas e Travessão. Ao lado de Garotinho e de pelo menos 15 candidatos a vereador, a prefeita centrou fogo em Arnaldo Vianna (PDT).

MP vai elevar fiscalização

Em 2010, Rosinha Garotinho foi afastada do cargo por uso indevido dos meios de comunicação nas eleições de 2008. Este ano, o Tribunal Regional Eleitoral do Rio de Janeiro (TRE-RJ) indeferiu seu registro de candidatura. O tribunal fez o mesmo com Arnaldo Vianna. Ambos recorreram das decisões nas instâncias inferiores e podem pedir votos normalmente.

Ao GLOBO, Rosinha disse que as contrações de funcionários temporários contestadas pela Justiça estão previstas em lei municipal, e que está recorrendo da decisão. Disse ainda que as propagandas em pontos próximos às obras estão de acordo com a legislação eleitoral. E afirmou desconhecer a propaganda de cabos eleitorais dentro da paróquia.

Para Marcus Figueiredo, professor de Ciência Política da Uerj, as ações de Rosinha podem caracterizar abuso de poder no período eleitoral. "De fato, é uso da máquina pública. Mas isso é prática comum entre os prefeitos que disputam a reeleição. Pode caracterizar abuso de poder. É passível de cassação do candidato caso seja eleito".

Em segundo lugar no Ibope, com 13%, Arnaldo Vianna faz campanha mesmo que o seu registro de candidatura apareça no TRE-RJ como "indeferido com recurso". Ele está na lista do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RJ) de prefeitos que tiveram as contas rejeitadas, mas recorreu. Vianna também já foi cassado por superfaturamento em shows.

Para o procurador eleitoral do Rio, Maurício da Rocha Ribeiro, os casos verificados em Campos configurariam, em tese, abuso de poder político. O procurador, responsável pela fiscalização das eleições no Rio, disse ainda que os colegas do Ministério Público em Campos devem ampliar a verificação de possíveis irregularidades durante a corrida eleitoral na cidade. "Nesses casos, depois da análise pela procuradoria e uma vez confirmadas eventuais irregularidades, a punição seria a cassação do registro ou do mandato, se o candidato for eleito. E, até mesmo, pode levar à declaração de inelegibilidade", afirmou Ribeiro.

Comentar
Compartilhe
Garotinho: "TRE é daltônico"
25/09/2012 | 07h23
[caption id="attachment_12874" align="aligncenter" width="518"] Reprodução — Blog do Garotinho[/caption]

Ao comentar em seu blog sobre a proibição da pintura dos semáforos de Campos, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) criticou a decisão judicial em seu blog: "Não tendo mais o que inventar, o TRE - RJ agora resolveu trocar as cores para prejudicar Rosinha. Pasmem, mas embora a foto do jornal O Globo deixe visível que os postes foram pintados de roxo, e todos na cidade sabem disso, para o TRE - RJ essa cor não é roxo, é rosa. Por isso determinou que em 24h todos os postes sejam pintados de branco. Os advogados de Rosinha apresentaram inúmeras fotos, mas não teve jeito. O que todos vêem como roxo, só para o TRE - RJ é rosa. Pelo jeito a Justiça Eleitoral do Rio além de só ver o que quer, às vezes vê até demais, até o que não existe. Deve ser problema de daltonismo", afirmou.

Comentar
Compartilhe
TRE: Betinho e Octávio na pauta
18/09/2012 | 02h44

Conforme a jornalista Suzy Monteiro informou em seu blog “Na Curva do Rio” (aqui), o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) não está na pauta de hoje (18) do Tribunal Regional Eleitoral (TRE). Da região constam os nomes de Betinho Dauaire (PR), candidato à Prefeitura de São João da Barra, e Octávio Carneiro (PP), candidato à Prefeitura de Quissamã. No Facebook, aliados de Octávio informam que ele obteve um resultado favorável.

Daqui a pouco, mais informações.

Atualização às 15h31 — Um pedido de vistas suspendeu o julgamento do recurso do ex-prefeito Betinho Dauaire (PR). Tudo indica que o julgamento deverá continuar na próxima quinta-feira (20).

Comentar
Compartilhe
TRE: Registro de Arnaldo indeferido
25/09/2012 | 05h29

O advogado Francisco de Assis Pessanha Filho informa que o TRE/RJ indeferiu o registro do candidato Arnaldo Vianna (PDT). "Não poderia ser diferente, uma vez que o próprio TSE já indeferiu o seu registro nas eleições de 2008 e 2010. O candidato pode continuar fazendo campanha, mas seus votos serão tidos como nulos, haja vista que o TSE sequer apreciará eventual recurso antes das eleições", informa o advogado.

Os advogados de Arnaldo já informaram que vão recorrer.

A informação também foi publicada nos blogs "Opiniões",  "Ponto de Vista" e "Na Curva do Rio".

Comentar
Compartilhe
TRE: Registro de Arnaldo na pauta
25/09/2012 | 02h44

A jornalista Suzy Monteiro informa em seu blog “Na Curva do Rio” (aqui) que o ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT), candidato à Prefeitura de Campos, está na pauta de hoje (25) do TRE. Ele teve o seu registro indeferido em 1ª instância e tenta reverter a decisão no TRE.

Comentar
Compartilhe
Liminar no TSE não muda situação de Rosinha?
13/09/2012 | 08h16

O advogado Cleber Tinoco, em seu blog "Campos em Debate" (aqui), fez mais uma postagem sobre a situação da prefeita de Campos, Rosinha Garotinho (PR). Segundo o blogueiro, mesmo com uma liminar no TSE, os votos da prefeita continuariam nulos. Confira a análise:

"De acordo com o Código Eleitoral, "serão nulos, para todos os efeitos, os votos dados a candidatos inelegíveis ou não registrados." (cf. art. 175, § 3º). O TSE tem jurisprudência consolidada no sentido de que deve prevalecer a situação jurídica do candidato à data da eleição para fim de destinação dos votos por ele recebidos. Além disso, segundo o TSE, a concessão de efeito suspensivo ao recurso especial interposto contra a decisão que indeferiu o pedido de registro não afasta a incidência do mencionado dispositivo. Abaixo colaciono julgado do TSE que expressa sua jurisprudência:

AGRAVO REGIMENTAL. RECURSO ESPECIAL ELEITORAL. ELEIÇÕES 2008. RECURSO CONTRA EXPEDIÇÃO DE DIPLOMA. REGISTRO DE CANDIDATURA. INDEFERIMENTO. DATA DA ELEIÇÃO. NULIDADE DOS VOTOS PARA TODOS OS EFEITOS. ART. 175, § 3º, DO CÓDIGO ELEITORAL. NÃO PROVIMENTO. 1. O c. Tribunal Superior Eleitoral, interpretando o art. 175, §§ 3º e 4º, do Código Eleitoral, entende que deve prevalecer a situação jurídica do candidato à data da eleição para fim de destinação dos votos por ele recebidos. 2. Na espécie, estando o pedido de registro de candidatura indeferido na data do pleito e mantida tal decisão por esta c. Corte a posteriori, os votos são nulos para todos os efeitos (art. 175, § 3º, do Código Eleitoral). 3. A concessão de efeito suspensivo ao recurso especial interposto contra a decisão que indeferiu o pedido de registro não afasta a incidência do mencionado dispositivo. 4. Agravo regimental não provido.

(Agravo Regimental em Recurso Especial Eleitoral nº 14856, Acórdão de 31/03/2011, Relator(a) Min. ALDIR GUIMARÃES PASSARINHO JUNIOR, Publicação: DJE - Diário da Justiça Eletrônico, Tomo 85, Data 06/05/2011, Página 71)

Comentar
Compartilhe
Nocaute duplo
26/09/2012 | 01h48

A prefeita Rosinha Garotinho (PR) foi cassada duas vezes por conta de ações da “Coligação Coração de Campos”, que apoiou Arnaldo Vianna em 2008. Ontem (25), no TRE, o registro de Arnaldo foi indeferido após ação da “Coligação Campos de Todos Nós”, que apoia Rosinha. O fato é que Rosinha enfrenta problemas por conta de ações iniciadas pelos advogados de Arnaldo que, por sua vez, tem dificuldades por conta de ações iniciadas pelos advogados de Rosinha.

Nesse Vale Tudo eleitoral podemos estar vendo algo parecido com o que ocorreu nessa luta:

[youtube]http://www.youtube.com/watch?v=tuoaX0tgUOI[/youtube]

Comentar
Compartilhe
Rosinha não quer saber de “já ganhou”
21/09/2012 | 12h57

Mesmo com 62% na pesquisa Ibope divulgada na última terça-feira (18), a prefeita de Campos, Rosinha Garotinho (PR), não quer saber de sapato alto. '”Eleição se ganha com voto na urna. Não quero que as pessoas se deixem influenciar pelas pesquisas. Preciso de cada voto no dia da eleição”, tem dito Rosinha em suas caminhadas e comícios.

O voto será válido? — Sobre o seu registro de candidatura, a prefeita tem demonstrado tranquilidade. “A decisão do TRE, quem tem influência de Cabral, será revertida no TSE. Tudo isso foi por conta de uma entrevista de rádio. É perseguição”, diz Rosinha.

Comentar
Compartilhe
Problemas técnicos
20/09/2012 | 07h43
Nos últimos dois dias o blog ficou sem atualizações por conta de problemas técnicos. Além disso, os comentários também estavam travados. Agora, após uma manutenção, o blog vai voltar ao ritmo normal de postagens.
Comentar
Compartilhe
Pedrinho lidera com folga em São Francisco
02/09/2012 | 12h56

sfi

Matéria publicada ontem (01) pela Folha da Manhã informa que, no município de São Francisco de Itabapoana, pesquisa do Instituto Precisão realizada entre os dias 21 e 22 de agosto com 310 entrevistados, registrada no TSE sob o número RJ -00061/2012, aponta o candidato Pedrinho Cherene (PSC) com ampla vantagem em relação ao seu adversário, o prefeito Frederico Barbosa Lemos (PR).

Na pesquisa estimulada, Pedrinho tem 52%, contra 21% de Frederico. O número de eleitores que não sabem ou não opinaram é de 23%. Nenhum/branco/nulo somam 4%. No quesito votos válidos, Pedrinho tem 71% contra 29% de Frederico.  Na pesquisa espontânea, onde os candidatos não são informados, Pedrinho lidera com 48% contra 18% de Frederico. Não sabe/não opinou: 32% e nenhum/branco e nulo somam 2%. A pesquisa foi encomendada pelo PSC. Vale lembrar que,  na eleição de São Francisco não há segundo turno. O intervalo de confiança estimado é de 95% e a margem de erro máxima estimada é de 5.6%. De acordo com o Instituto Precisão, foi utilizada uma equipe de entrevistadores devidamente treinados para este trabalho. Após os trabalhos de campo, os questionários foram submetidos a uma fiscalização de 20% dos questionários aplicados para verificação das respostas.

Rejeição — A pesquisa do Instituto Precisão também avaliou a rejeição dos candidatos à Prefeitura. Neste quesito quem lidera é o prefeito Frederico Barbosa Lemos, com 49%. Já Pedrinho Cherene tem 16%. Não sabe/não opinou aparece com 29% e nenhum/branco e nulo com 5%.

Comentar
Compartilhe
Rogério Matoso: “Não vamos desistir nem trocar”
26/09/2012 | 07h08

O vice-presidente da Câmara de Campos, Rogério Matoso (PPS), candidato a vice-prefeito na chapa do ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) disse em contato com o blog que não vai acontecer troca nem desistência. “Arnaldo Vianna continua candidato, seus votos serão válidos. Digo isso porque o próprio TSE decidiu, por 5x1, que o TCU não pode barrar Arnaldo. Nessa hora existem pessoas que tentam manipular informações para desanimar os eleitores. Garanto que Arnaldo continua candidato, seus votos serão válidos e sua votação vai surpreender muita gente”, diz Matoso, que comentou sobre o fato de Arnaldo ter sido barrado por conta do TCU. “Ele não cometeu nenhum ato de improbidade administrativa, não provocou dano ao erário. Apenas pagou a multa pela entrega intempestiva da prestação de contas referente a um convênio para construção de casas populares com o governo federal , através da Caixa Econômica. Ele demonstrou que o recurso foi aplicado corretamente e inclusive que a contrapartida da Prefeitura foi maior que a exigida”, completou.

Comentar
Compartilhe
Plano de Saúde dos servidores corre risco
04/09/2012 | 10h36
[caption id="attachment_12573" align="aligncenter" width="654" caption="Reprodução - Terceira Via Online"]sem plano[/caption]

O jornal “Terceira Via” (aqui), que pertence ao grupo IMNE, informa hoje (04) que, sem pagar as mensalidades do contrato de assistência dos servidores municipais desde o início de julho, a Prefeitura de Campos pode deixar cerca de dez mil servidores municipais sem a cobertura de um plano de saúde já a partir de outubro.

De acordo com a matéria, o não pagamento implicará a interrupção do atendimento médico aos servidores e também a seus dependentes. Nos últimos seis meses, o plano de saúde prestou à Prefeitura 15.365 consultas eletivas, 1.678 serviços de pronto atendimento em regime de urgência e emergência, 46.682 exames (especializados ou laboratoriais), 519 internações, além de 41 atendimentos na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Comentar
Compartilhe
TSE: Registro de Rosinha deferido
30/09/2012 | 08h37

Em decisão monocrática, o ministro Marco Aurélio Mello, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), deu provimento ao recurso e deferiu o registro da prefeita Rosinha Garotinho (PR).

Conforme este blog havia informado em nota intitulada "Tranquilidade" (aqui), os governistas estavam confiantes em um resultado favorável no TSE e já preparavam a festa.

Em seu blog (aqui), o advogado Francisco de Assis Pessanha Filho informou que o resultado já era esperado econsiderou o deferimento como "a vitória da Justiça".

A notícia foi publicada em primeira mão no blog Reflexões. Os blogs do advogado Cláudio Andrade e da jornalista Suzy Monteiro também divulgaram a informação.

Atualização às 21h10 — No Facebook, o presidente do PR em Campos, Wladimir Garotinho, aproveitou para alfinetar a oposição. "Acabou de cair por terra o argumento usado pela oposição de Campos. O TSE anulou a decisão do TRE do RIo de Janeiro e DEFERIU de uma vez o registro de ROSINHA! Mais uma vitoria contra a covardia!", disse.

Comentar
Compartilhe
Mais uma pesquisa Ibope
14/09/2012 | 03h01

ibope

O blog do Ralfe Reis (aqui) informa que a InterTV Planície vai divulgar, na próxima terça-feira, mais uma pesquisa Ibope sobre a corrida pela Prefeitura de Campos. Será a segunda das três pesquisas Ibope que serão divulgadas pela afiliada da TV Globo.

Na última pesquisa, divulgada no dia 31 de agosto (aqui), o resultado foi o seguinte:  Rosinha 63%, Arnaldo 13% e Makhoul  9%. Erik Schunk e José Geraldo não pontuaram.

Expectativa — Os aliados da prefeita Rosinha acreditam que ela continuará disparada na frente. Já o grupo da oposição aposta em um crescimento que apresente a possibilidade de 2º turno.

Comentar
Compartilhe
Garotinho: “Amo o pecador, não o pecado”
17/09/2012 | 03h38

2501fs19

Após a grande repercussão de suas declarações sobre os homossexuais, que pode ser conferida no blog “Opiniões” (aqui), do jornalista Aluysio Abreu Barbosa, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) comentou hoje  (17) sobre o assunto em seu blog. Ao seu estilo, ele disse que segue as palavras de Deus. “Não briguem comigo, amo todas as pessoas, e quem convive ao meu lado sabe disso, mas não posso, nem tenho o direito de interpretar a Bíblia conforme o local onde estou.  Como cristão que conhece a palavra de Deus não posso assistir ao teatro do absurdo de mudarem o que disse Jesus. Amo o pecador, não o pecado”, disse Garotinho, ressaltando que convive com homossexuais e nunca foi preconceituoso. “Reafirmo o que sempre foi prática na minha vida. Não tenho nenhum preconceito contra o homossexual, convivo com pessoas que fizeram esta opção, jamais estimulei ódio ou qualquer discriminação, mas minha fé me obriga a discordar da homossexualidade e não da pessoa”, frisou.

Comentar
Compartilhe
Makhoul: “Mais informação e menos slogans publicitários”
10/09/2012 | 01h09

makhoul1

O candidato à Prefeitura de Campos, Makhoul Moussalem (PT), abriu a série de entrevistas da Associação de Imprensa Campista (AIC) com os prefeitáveis da cidade. De acordo com a entidade, o objetivo é contribuir para difundir a visão dos candidatos sobre comunicação e relacionamento com a imprensa e as redes sociais. As dez perguntas são as mesmas para todos os candidatos e a publicação no blog da AIC obedece a ordem de chegada das respostas. Na entrevista, Makhoul assume compromissos como o de “usar a verba de comunicação para educar e informar a população e não para fazer propaganda de governo e martelar slogans publicitários”. Para conferir a entrevista, clique aqui

Comentar
Compartilhe
Nova pesquisa em SJB
29/09/2012 | 08h49

Em sua edição de amanhã (30), a Folha da Manhã vai publicar mais uma pesquisa eleitoral. Trata-se de um levantamento do instituto GPP realizado em São João da Barra, devidamente registrado no TSE sob o número 00157/2012. A pesquisa foi feita entre os dias 26 e 27 deste mês em todo o município de SJB, onde foram entrevistados 600 eleitores.

Comentar
Compartilhe
Arnaldo: “Querem me tirar no tapetão”
25/09/2012 | 02h12

O ex-prefeito Arnaldo Vianna (PDT) foi o primeiro entrevistado do programa Folha no Ar com os candidatos à Prefeitura de Campos. Durante a entrevista, que terá um resumo publicado na edição de hoje (25) da Folha, ele falou sobre Saúde, Educação, terceirizações, pesquisas e propostas para diversas áreas.

Além disso, durante boa parte do programa, o pedetista deu explicações sobre a situação do seu registro de candidatura, que foi indeferido em 1ª instância e aguarda o julgamento do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), que realiza mais uma sessão na tarde de hoje (25) e poderá definir o seu caso. Inclusive, em seu programa eleitoral que foi ao ar no dia de  ontem (24), Arnaldo Vianna fez uma espécie de desabafo e afirmou estar sofrendo perseguições. “Em momento algum me passava pela cabeça que o meu registro teria o tratamento que esta tendo (…) Tudo indica que manobras jurídicas podem dar a vitória ao segundo colocado. Por isso, gerando dúvidas sobre os meus votos, interesses partidários têm feito de tudo para me colocar fora da disputa desta campanha. É preciso notar que o jogo de interesse da eleição de Campos vai muito além da campanha deste ano. Estão em jogo o governo do Estado, cadeiras na Alerj, Câmara Federal, no Senado e até mesmo a Presidência da República. Os recursos dos royalties abrem interesses para que aventureiros venham a nossa cidade para financiar projetos megalomaníacos que não são de vontade de nossa comunidade. Por tudo isso querem me tirar desta eleição na marra, no tapetão (…) Alerte a sua família, no seu trabalho, aos seus vizinhos, aos seus amigos e a todos que puder: existe uma perseguição no ar”, frisou Arnaldo.

Comentar
Compartilhe