Garotinho alfineta Roberto Henriques
13/01/2012 | 01h17

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) voltou a alfinetar o deputado estadual Roberto Henriques (PSD). Hoje (13), em seu blog, ele publicou uma nota intulada Onde está o deputado Roberto Henriques?. Nela, Garotinho diz que o seu ex-aliado "se omitiu completamente e se escondeu na hora que as pessoas mais precisavam". "Se tivesse caráter honraria os votos que recebeu do povo de Campos tentando ajudar de alguma forma. Mas não. Ele que se vangloria que telefona para secretários estaduais e é logo atendido, poderia ter feito alguma coisa. Mas só liga quando é por interesse próprio para pedir a nomeação de algum apadrinhado ou quando quer alguma vantagem. Na hora que o povo está necessitado Roberto “Pinóquio” Henriques lhe dá as costas. É por isso que continua com 2% nas pesquisas eleitorais", disparou Garotinho.

Comentar
Compartilhe
Dr. Aluízio quer advertência contra compra de votos
04/01/2012 | 03h00

dr. aluizio

Está tramitando em regime de prioridade no Congresso Nacional o Projeto de Lei nº 2.377/11, do deputado federal Dr. Aluízio (PV),  de Macaé, que determina uma advertência nas propagandas eleitorais contra a compra de votos. “É conhecido de todos o mau uso do processo político por candidatos e partidos que abusam da compra de votos.  Neste sentido, o projeto pretende fazer com que as estruturas que incidem diretamente no processo eleitoral possam educar o povo brasileiro para a cidadania”, argumenta o deputado. Segundo o projeto, pôsteres, painéis, cartazes, santinhos e a propaganda política veiculada em jornais e revistas deverão trazer a frase “É CRIME ELEITORAL”, definida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE), de forma legível e ostensivamente destacada. No caso do horário eleitoral gratuito no rádio e televisão, o aviso virá ao final do programa. “Educar para a Cidadania é tarefa de um estado democrático”, argumentou Dr. Aluízio ao justificar a proposta. O projeto já foi analisado pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania que encaminhou, solicitando prioridade, a proposição para votação em plenário. Se aprovada, a Lei entra em vigor na data de sua publicação.

Fonte: O Debate/ Diário de Macaé

Comentar
Compartilhe
Eike para presidente
19/01/2012 | 02h41

eike

O jornalista Sérgio Malbergier publicou hoje (19), em sua coluna no jornal Folha de S. Paulo, um artigo sobre a possibilidade do bilionário Eike Batista se tornar presidente do Brasil. Vale lembrar que Eike pensa em fundar um partido político nos próximos anos.  Confira o artigo:

Eike para presidente

Ser rico no Brasil sempre foi uma ofensa sociológica. Eike Batista chegou para acabar com isso. Ele não é só um bilionário desinibido, confiante, assumido. O pai de Thor é também carismático, empreendedor genuíno, obcecado com o cabelo, nosso primeiro Donald Trump, com bestseller nas livrarias e um senso de autopromoção que pode levá-lo, quem sabe, a subir a rampa do Palácio do Planalto. Lembro que nos anos 1980, quando os japoneses inventavam coisas geniais como o walkman e eram vistos como os chineses são vistos hoje, era comum dizer que o Brasil deveria ser dado para eles administrarem. Tínhamos todos os atributos de uma nação rica, mas éramos tão mal geridos (naquele lodaçal do final da ditadura até o Plano Real) que deixados a nós mesmos nosso destino seria o fracasso. Depois de tentarmos todas as coisas difíceis, o Brasil finalmente se encontrou no óbvio: democracia e economia de mercado. Chegamos com um atraso enorme em relação aos nossos primos norte-americanos (com quem devemos nos comparar por dimensão e ambição, e não com nossos pequenos vizinhos latinos), mas capitalismo e democracia, mesmo que tardios e imperfeitos, nos fazem muito bem. E agora as coisas andam mais rápidas. A população brasileira, empreendedora por necessidade, abraçou o capitalismo e foi.  Sob o governo de Lula, o primeiro presidente pobre do Brasil, pobres e ricos enriqueceram juntos. Quando a maré sobe, todos os barcos sobem.  Trabalhar finalmente tornou-se instrumento efetivo de ascensão social no país.  E se ainda é difícil ficar rico, pelo menos está mais fácil ficar mais rico do que se era, com o desemprego abaixo de 6% e renda em alta. Já temos 145 mil milionários no Brasil (com US$ 1 milhão disponível para investir), segundo cálculo recente de um banco estrangeiro. É um número ainda pequeno numa população de 200 milhões de habitantes, mas está crescendo. Nossos velhos ricos sempre foram muito reservados, como se Balzac tivesse razão ao dizer que atrás de toda fortuna tem um crime. De fato, a distribuição de riqueza no Brasil sempre foi caso de crime contra a humanidade, parido na escravidão colonial. Mas as coisas estão mudando. Nossos novos ricos, confiantes e desinibidos, desfilam seu sucesso e seu dinheiro como troféus a inspirar os observadores. São principalmente pequenos empreendedores ou grandes profissionais liberais que estão formando uma nova camada de poder que pode ter a força de mudar o Brasil.

Comentar
Compartilhe
Hemocentro precisa de doações
16/01/2012 | 05h32

O Hemocentro Regional de Campos está precisando de doações de todos os tipos sanguíneos com urgência. O baixo número de doadores preocupa a equipe da unidade, que tem recebido uma média de 20 doações por dia, mas precisa de 70 para manter o estoque equilibrado. "Precisamos da colaboração da população para continuar o nosso atendimento. É importante que as pessoas saibam que mesmo neste período de verão e de férias escolares, os pedidos não param de chegar ao Hemocentro, pois as cirurgias e os atendimentos de urgência continuam acontecendo", afirma Cristiane de Barros, assistente social do Banco de Sangue.

O Hemocentro, que atende hospitais públicos e particulares de Campos e de 16 municípios do Norte e Noroeste Fluminense, funciona diariamente, das 7h às 18h, inclusive aos sábados, domingos e feriados. Para doar é preciso levar um documento original de identidade com foto, ter peso superior a 50 Kg, idade entre 16 e 67 anos, não estar em jejum e não ter ingerido alimentos gordurosos nas últimas três horas.

Doadores com 16 e 17 anos devem comparecer ao Hemocentro Regional de Campos acompanhados pelos seus representante legais, preencher formulário próprio, com o consentimento formal do responsável legal para cada doação, com cópia da identidade oficial do responsável anexada. Candidatos com idade superior a 60 anos só poderão doar se realizaram doações de sangue anteriormente.

Fonte: Site da Prefeitura de Campos

Comentar
Compartilhe
Prefeito de Cambuci afastado
12/01/2012 | 07h49

vavado

Uma decisão do Tribunal de Justiça (TJ), após ação proposta pelo Ministério Público (MP), afastou, mais uma vez, o prefeito de Cambuci, Oswaldo Botelho, o Vavado (PSD). O MP sustenta que o afastamento provisório do réu é indispensável para garantia da instrução processual, como única forma de assegurar a preservação do regime democrático de direito e o resguardo da ordem pública e administrativa no curso das ações judiciais principais. Com a decisão, o vice-prefeito, Antônio Nicolau Velasco (PV), que faz parte da oposição, deve assumir o Executivo.

Comentar
Compartilhe
Farol: Ação contra veranistas barulhentos
23/01/2012 | 11h51

Na última segunda-feira (16) publiquei aqui no blog o desabafo da Carla Giovanna sobre alguns exageros na praia do Farol. A postagem contou com 33 comentários. A maioria cobrou uma ação mais efetiva dos responsáveis pela fiscalização. Eis que no último final de semana algumas coisas já começaram a mudar. No último sábado, PM, Guarda Municipal e Postura se uniram e tiraram de circulação vários carros com som alto. Além disso, notificaram donos de estabelecimentos comerciais que estariam causando transtornos. O chefe do Destacamento Policial no Farol, Tenente Vanderson informou que a operação será feita em todos os finais de semana do verão no Farol

Outros municípios — Além disso, o subcomandante da Polícia Militar (PM), major José Carlos Alves, informou que a operação poderá acontecer em outros municípios. Basta o cidadão denunciar. “A população que se sentir incomodada deve entrar em contato a instituição ou solicitar ajuda de um policial mais próximo. O som alto é prejudicial e os responsáveis devem se adequar à lei que proíbe a sonorização alta. Estamos acompanhando de perto”, disse Alves, adiantando que o Disque Denúncia também pode ser utilizado para reclamações, através do telefone 2723-1177.

Comentar
Compartilhe
Vice-prefeita assume em Macaé
09/01/2012 | 04h33

O prefeito Riverton Mussi (PMDB) passou hoje (09) o cargo de chefe do Executivo macaense para a vice-prefeita Marilena Garcia (PT). Marilena Garcia permanece prefeita de Macaé no período de 10 de janeiro a 30 de janeiro. Amanhã (10), Marilena vai conceder entrevista coletiva às 11h30min, no gabinete do prefeito, quarto andar da prefeitura, para enumerar e detalhas as ações de seu período frente ao Executivo.

A autorização para o prefeito se ausentar da chefia do poder Executivo foi dada pela Câmara Municipal, por meio da lei 3.715/2011. Durante a transmissão de cargo, o prefeito Riverton ressaltou a boa relação que tem com Marilena e a vice-prefeita também pontuou a importância da união dos dois para a realização dos projetos da administração municipal.

Fonte: Ascom/Macaé

Comentar
Compartilhe
Nível do rios da região deve começar a baixar
05/01/2012 | 11h12

A última medição do Rio Muriaé, no município de Itaperuna, molstra que o nível das águas começou a retroceder, marcando 6,22m na manhã desta quinta-feira (05/04). De acordo o coordenador da Defesa Civil no interior do Estado, Cel. Moacyr Pires, o rio elevou um pouco em Miraí, mas retrocedeu 1m em Laje do Muriaé e em todos os municípios atingidos já é possível perceber as águas baixando. O Coronel disse ainda que mesmo com as chuvas previstas para região da Zona da Mata Mineira, a tendência e de que todos os rios da região comecem a baixar, a exemplo do que já ocorre com o Rio Pomba, em Santo Antônio de Pádua. No centro de Itaperuna já é possível perceber as águas baixando.

Ao todo, seis municípios decretaram estado de emergência: Laje do Muriaé, Santo Antônio de Pádua, Itaperuna, Cardoso Moreira, Italva e Miracema, as informações são do coordenador regional de Defesa Civil do noroeste, Douglas Paulich.

Fonte: Ururau

Comentar
Compartilhe
Garotinho X Rede Globo
12/01/2012 | 02h30

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) não está nada satisfeito com a cobertura da Rede Globo sobre as enchentes na região. Segundo Garotinho, a emissora boicota ele e sua esposa, a prefeita Rosinha Garotinho (PR). “O jornalismo da Globo mente para tentar passar para a população, uma idéia errada da situação de Campos e tentar induzir as pessoas a acreditarem que a prefeita Rosinha Garotinho é má administradora, ao contrário do que todos estão vendo, inclusive sendo elogiada pelo ministro da Integração Nacional, Fernando Bezerra, como um exemplo a ser seguido por outros prefeitos”, disse Garotinho.

Em uma outra nota ele diz: “Jornal Nacional mostra ódio mortal contra Garotinho”.

Mas nem sempre o deputado acha que as matérias da Globo e do jornal “O Globo” são tendenciosas. Quando as reportagens não são simpáticas ao governador Sérgio Cabral (PMDB), ele faz questão de reproduzir em seu blog. Veja aqui.

Comentar
Compartilhe
Garotinho sobre o BBB 12: "Tirem as crianças da sala"
03/01/2012 | 07h52

garotinho bbb

O deputado federal Anthony Garotinho (PR) criticou hoje (03) em seu blog a nova edição do Big Brother Brasil, que começa na próxima semana. Segundo o parlamentar, será um show de baixaria. "Se vocês acham que já viram de tudo na Globo, pois preparem-se. Estou pasmo lendo no jornal O Dia, a lista dos participantes do novo Big Brother, que a Globo vai por no ar na próxima semana. Boninho, diretor do programa, revelou o perfil dos escolhidos para a nova edição: quatro gays, um andrógino, três lésbicas, duas atrizes pornôs e duas strippers. Com todo o respeito, com um time desses podem imaginar os momentos culturais e educativos com que a Globo vai brindar os telespectadores. Só tem duas soluções: tirar as crianças da sala e controle remoto na mão", disse o deputado.

Já sentindo que seria chamado de preconceituoso, Garotinho ressaltou: "Em tempo: E não me venham com a velha conversa fiada de preconceito, porque não é nada disso. É inacreditável que não haja um homem ou uma mulher, heterossexuais, ou que não trabalhem em profissões ligadas a sexo. Se isso é diversidade, francamente não entendo mais nada", afirmou.

Comentar
Compartilhe
Bacellar: “Eles querem desestabilizar Nahim”
16/01/2012 | 10h47

O vereador Marcos Bacellar (PDT) opinou em seu blog sobre a nova polêmica envolvendo os aliados da prefeita Rosinha Garotinho (PR) e o presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim (PPL). Segundo Bacellar, o grupo da prefeita tem dois pesos e duas medidas. “Alguns Nobres colegas Vereadores ligados ao clã Garotinho, dentre eles nosso “Pequeno Grande Líder de Governo”, chegaram ao fundo do poço no relacionamento com os patrões, que já têm, há muito, tentado manipular os acontecimentos internos da Câmara. Influenciados e ao estilo do Senhor Bolinha colocam o nosso Ilustre Presidente Nelson Nahim contra a parede pedindo que a Presidência da Casa Legislativa do município preste conta dos gastos de sua administração nos últimos três anos. Nada mais óbvio que os edis tenham dentre suas obrigações fiscalizar também as ações praticadas dentro daquela Casa”, diz Bacellar, que cobrou a mesma postura em relação ao Executivo. “Entretanto, “Pau que dá em Chico, dá em Francisco”, logo, por que não olhar também os passos da nossa prefeita sempre blindada pelos mesmos quando questionada sobre qualquer informação de sua administração?”, indagou.

Para Bacellar, tudo foi premeditado. “Está clara a cena ensaiada, orquestrada, no intuito de desestabilizar o Presidente da Câmara Municipal de Campos dos Goytacazes, o Vereador Nelson Nahim, Sua Excelência, em tempo, irmão de Garotinho, por conseguinte cunhado da prefeita, esta mesmo do colete amarelo que nem diante o sofrimento alheio, deixa de se fantasiar para aquilo que melhor sabe fazer: Propaganda!”, afirmou, indo além. “Quando digo, que este Menino e esta menininha são vingativos ao ponto de criar mais uma balbúrdia na Casa de Leis semeando discórdia entre os colegas vereadores o faço na certeza de que é essa a intenção única do Deputado. Não se curve Presidente!”, finalizou.

Família de Nahim já recebeu alta — Segundo o blog do Fernando Leite, a esposa do presidente da Câmara e a filha, que sofreram acidente de carro ontem (15), em feira de Santana, na Bahia, já receberam alta.

Comentar
Compartilhe
Alerj: Ficha Limpa é regulamentada
10/01/2012 | 02h45

A Ficha Limpa para o alto escalão da Administração Pública dos três Poderes no Estado do Rio – instituída pela emenda constitucional 50/11 – ganhou regulamentação. Foi publicada no Diário Oficial do Poder Executivo, nesta terça-feira (10), a Lei complementar 143/12, que define critérios e lista as nomeações submetidas à avaliação prévia. A norma teve origem em proposta assinada pelo deputado Nilton Salomão (PT), aprovada em dezembro pela Assembleia Legislativa do Rio (Alerj).  “Além de frear a nomeação dos ‘ficha suja’, esta norma é um estímulo ao servidor que se dedica e um reconhecimento ao gestor que desempenha bem o seu papel”, salienta Salomão.

Na prática, a lei impedirá a nomeação em cargos em comissão da Administração Direta e Indireta ex-membros de Parlamentos (federal, estadual e municipal) e ex-governadores e vice-governadores que perderam seus mandatos/cargos. Vedará também os que tenham contra si representações julgadas procedentes pela Justiça Eleitoral – em decisão transitada em julgado ou proferida por órgão colegiado–, em processo de apuração de abuso do poder econômico ou político e os condenados por diversos crimes, que a norma lista. A Ficha Limpa estadual também barrará ex-gestores com contas rejeitadas, entre outros. Para todos os casos, a proibição valerá pelo prazo de oito anos.

Fonte: Ascom/Alerj

Comentar
Compartilhe
Governistas traçam estratégias para cobrar informações de Nahim
13/01/2012 | 01h28

Os vereadores aliados da prefeita Rosinha Garotinho (PR) se reuniram hoje (13) na Câmara de Campos e traçaram as estratégias para cobrar informações do presidente da Casa, vereador Nelson Nahim (PSL). Conforme publiquei aqui, eles querem os balancetes referentes aos anos de 2009, 2010 e 2011, além de informações sobre iluminação de Natal, gastos com publicidade e valor devolvido ao governo municipal. Após a reunião, ficou estabelecido que os vereadores da base irão esperar Nahim retornar de viagem para que a cobrança seja feita pessoalmente.  Posteriormente, as informações serão encaminhadas aos assessores dos parlamentares, que farão uma análise minuciosa.

Tudo indica que após o recesso a Câmara de Campos vai iniciar as suas atividades com um clima de tensão no ar. Vereadores da oposição vão alegar que a transparência deve valer para todos os poderes. Com isso, no embalo do pedido de informação ao presidente da Câmara, serão formulados vários pedidos semelhantes em relação ao governo Rosinha.

Comentar
Compartilhe
Garotinho X Ilsan Viana
15/01/2012 | 10h44

Ontem (14), durante o programa “Entrevista Coletiva”, da rádio Diário, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) chamou a vereadora Ilsan Viana (PDT), de “perua louca”. O ataque foi após a leitura de um artigo, publicado pela Folha da Manhã, onde a vereadora analisa a atuação do casal Garotinho durante a enchente. Hoje (15), em seu blog (aqui), Ilsan ironizou Garotinho e afirmou que não vai baixar o nível do debate. Confira:

“Soube que o marido da prefeita se irritou ao ler algumas verdades relatadas em meu artigo publicado ontem (14) pela Folha da Manhã. O homem que é dono da “Palavra de Paz” usou palavras nada pacíficas para se referir a minha pessoa. Mas cá entre nós: quem leva este menininho a sério? Ao invés de propor um debate sério e parar de transformar tragédia em teatro, ele prefere fazer agressões pessoais, ironizar, debochar e se colocar como dono da verdade. Quem acompanha a minha trajetória na Câmara sabe que o meu estilo de fazer política não é marcado por ataques covardes e críticas sem fundamento. Toda reivindicação vem acompanhada de uma solução viável. Quando questiono a atual gestão nas pastas da Saúde e Educação, proponho audiências públicas na Câmara com a presença dos sindicatos e profissionais das áreas. Quando cobro a volta do PSF, lembro da importância do programa e ressalto que investir na prevenção é o melhor caminho para oferecer Saúde de qualidade. É bom deixar claro que jamais ofendi a prefeita, seu marido ou qualquer secretário do atual governo. Mas o que podemos esperar de um homem que briga com irmão e amigos por conta de política? Ele é o único garotinho do mundo que não cresce e amadurece. Se ele acha que vai me irritar com seus ataques, está tremendamente enganado. Continuarei me posicionando com educação e equilíbrio.

Ilsan Viana – Vereadora do PDT

Comentar
Compartilhe
Garotinho doa ambulância ao Abrigo João Viana
04/01/2012 | 03h14

Após a grande repercussão do apelo da Cristina Lima, o deputado federal Anthony Garotinho (PR) entrou em contato com ela e, de forma cordial e solidária, informou que o problema da ambulância estava resolvido.  Fico feliz ao notar que 2012 chegou com algumas mudanças positivas.

Veja o relato emocionado da Cristina Lima:

O sol, embora tímido, anunciava que o dia seria diferente. A natureza, em sua silenciosa sabedoria, se antecipa e se oferece para ser testemunha do que vou lhes contar, amigos! Exatamente, às 7horas e 30 minutos da manhã de hoje, ainda dormia quando o celular tocou. Olhei na tela e vi que se tratava de uma ligação interurbana, pois enxerguei o código 11!!...Pensei: deve ser um desses telefonemas oferecendo coisas mirabolantes! Pôxa, mas, às sete horas da manhã, já é demais!! Olhando mais atentamente, verifiquei que o código era 21 e não, 11, como enxergara da primeira vez! Aí, entrei em pânico: poderia ter sido Patrícia, que zela pelo apartamento do Rio de Janeiro! Tratei de retornar imediatamente e, para grande surpresa minha, do outro lado da linha ecoou uma voz familiar, mas que eu não ouvia, ao telefone, pelo menos, há mais de 14 anos! Era o Deputado Federal Anthony Garotinho, que em tom profundamente cordial e solidário informou que eu já poderia considerar doada a ambulância para o Hospital Psiquiátrico Espírita Dr. João Viana. Vocês podem imaginar a alegria que tomou conta de mim! Fiquei enlouquecida de alegria! Não consegui segurar as lágrimas! Conversamos um pouco sobre as especificações do veículo, qual o prazo provável para que o mesmo chegue às nossas mãos, pois terá que ser equipado com itens específicos e ele me orientou afirmando que sua secretária me ligaria ainda hoje para que eu passasse, por fax, as citadas especificações. Antes que ele chegasse ao Rio de Janeiro, pois se encontrava no aeroporto, em Campos, a Cristiane Almeida me ligou e já está em seu poder o fax solicitado. Acredito que muito em breve a nossa “lata velha”, que serviu e muito, todos esses anos, vai se aposentar... Bem, amigos, a vitória está próxima. Certa vez, perguntada sobre qual conselho daria para alguém sentir-se útil e feliz, a Madre Tereza de Calcutá respondeu: "Amar, amar, amar até sentir dor..." Vitória que será de todos nós, que acreditamos na união como instrumento legítimo daqueles que acreditam no bom combate; vitória que será de todos aqueles que reconhecem no amor ao próximo a grandeza de todos que desejam seguir o Mestre dos Mestres! Na verdade as palavras me faltam!... Eu só quero e só penso em agradecer! A Deus, por mais esta bênção; aos benfeitores espirituais que assistem e protegem o Hospital Psiquiátrico Espírita Dr. João Viana; aos companheiros de Diretoria da Liga Espírita de Campos, pelo permanente incentivo e apoio; aos amigos, que confiaram e abraçaram a minha causa incondicionalmente; aos queridos blogueiros, todos, indistintamente, cuja participação foi fundamental na divulgação da causa e que dividem, comigo, neste momento, a agradável sensação do dever cumprido. Ao Deputado Federal Anthony Garotinho pela sensibilidade e solidariedade expressas, cujo gesto nobre me faz lembrar a citação “O relacionamento com o próximo se baseia em relações sociais de justiça, ou seja, quando se acolhe o rejeitado ou sacia o faminto ou veste o nu ou faz justiça ao explorado… se constroem relações humanas dignas, em que os pequenos são respeitados e lhes é devolvido o direito de ser sujeitos da própria história”(Ataíde Ferreira Neto)

Obrigada, Deputado, por ajudar os cento e vinte internos do Hospital Psiquiátrico Espírita Dr. João Viana a reescreverem a sua própria história!

Maria Cristina Torres Lima, Diretora Administrativa da Liga Espírita de Campos, mantenedora do Hospital Psiquiátrico Espírita Dr. João Viana.

Comentar
Compartilhe
João Peixoto solicita viaturas e aumento do efetivo para o 8º BPM
13/01/2012 | 01h20

[caption id="attachment_9564" align="aligncenter" width="300" caption="Ascom/João Peixoto"]Ascom/João Peixoto[/caption]

O deputado estadual João Peixoto (PSDC) esteve reunido ontem (12) com o secretário estadual de Segurança, José Mariano Beltrame. Na ocasião, Peixoto solicitou 40 novas viaturas e ampliação do efetivo para atender ao 8º Batalhão da Polícia Militar (BPM). “Essa solicitação tem como objetivo melhorar a segurança não só em Campos, mas também nos municípios de São João da Barra, São Francisco de Itabapoana e São Fidélis. Ao todo, são mais de 600 mil habitantes”, explica Peixoto, ressaltando a região vai receber viaturas da nova frota. “O governo está com uma frota nova. Temos que reforçar a segurança em Campos e municípios vizinhos. Acabou o tempo do policial com carros sucateados e correndo de um lado para o outro em busca de peças. Hoje é moderno e o policial tem uma condição de trabalho bem melhor. E é lógico que pode melhorar ainda mais”, explica Peixoto, que estava acompanhado do prefeito de São Francisco de Itabapoana, Beto Azevedo (PMDB).

Concursados — Sobre o aumento do número de policiais na região, o deputado lembra que vários concursados estão trabalhando na capital. “Várias pessoas de Campos e região passaram no Concurso e estão trabalhando no Rio de Janeiro. Expliquei ao secretário que muitos desses policiais poderiam estar atuando por aqui”, contou Peixoto, que também solicitou uma Companhia da Policia Militar em Cardoso Moreira.

Comentar
Compartilhe
HGG: População denuncia superlotação
30/01/2012 | 04h16

trio

Para ver o vídeo com a matéria e as explicações do secretário de Saúde, clique aqui

Da Inter TV:

Pessoas que têm parentes ou amigos como pacientes do Hospital Geral de Guarus (HGG), em Campos, estão indignadas. Um telespectador fez imagens de dentro da unidade e mostrou atendimentos feitos em corredores. A equipe do RJ INTER TV confirmou a queixa do telespectador e também registrou imagens de superlotação. A produção do RJ INTER TV conseguiu entrar ontem (29) no HGG e fazer imagens com uma câmera escondida. No local, várias macas com pacientes espalhadas pelos corredores. A enfermaria está lotada. Por causa do movimento intenso, a enfermeira pede calma e se enrola com os prontuários. Em uma das macas uma senhora amarrada pede ajuda. Segundo os funcionários do hospital, foi preciso amarrar a paciente que estava muito agitada e sem acompanhante. A equipe do RJ INTER TV foi até o hospital depois que recebeu imagens de um telespectador. Ele registrou por telefone celular pacientes sendo atendidos no corredor. Entre eles uma senhora de 72 anos a espera de uma vaga na UTI. Sem se identificar, parentes da idosa disseram que o caso dela é delicado. E denunciam o descaso no atendimento.

Explicações — Segundo o secretário de Saúde da Prefeitura de Campos, Paulo Hirano, houve uma sobrecarga no último final de semana e hoje (30) a situação está resolvida.

Comentar
Compartilhe
Sinal amarelo na Saúde
17/01/2012 | 06h31

amarelo

Um colaborador do blog entrou em contato para informar que será cancelado o plantão de 24 horas para a marcação das consultas no Hospital Geral de Guarus. Com isso, muitos cidadãos campistas terão que enfrentar filas terríveis.

Fogo amigo? — Em ano eleitoral não são apenas aliados e adversários que se enfrentam. Nos governos também existe o famoso “fogo amigo”. O que não pode é deixar esse tipo de situação atrapalhar o atendimento aos cidadãos. Segundo este colaborador, o clima entre os grupos de Paulo Hirano (PR), Chicão (PP) e Dr. Edson Batista (PTB) não é dos melhores.

Comentar
Compartilhe
Bacellar: "A prefeita está brincando de casinha"
03/01/2012 | 12h42

bacellar

O vereador Marcos Bacellar (PDT) voltou a bombardear o governo municipal em seu blog. Ao criticar o pacote de R$ 1 bilhão lançado recentemente pela prefeita Rosinha Garotinho (PR), o vereador da oposição disse que ela está “brincando de casinha”. “Ela está brincando de casinha com paisagismo custando R$ 15 milhões. Ela não sabe que cidade bonita é aquela onde o povo é  atendido e tem uma gente feliz. Ela está brincando de cobrir o gigantesco rombo na Secretaria de Fazenda e de cantarolar em ano eleitoral quando seu Digníssimo Esposo faz jorrar dinheiro pela cidade como ninguém”, disparou Bacellar, que chamou o pacotão de “carnaval de obras”.

Comentar
Compartilhe
Deputados de Campos na disputa eleitoral
17/01/2012 | 11h30

Roberto Henriques (PSD), João Peixoto (PSDC) e Clarissa Garotinho (PR) devem participar ativamente do pleito deste ano. Enquanto os dois primeiros são pré-candidatos à Prefeitura de Campos, a filha do casal Garotinho está de olho na Prefeitura do Rio de Janeiro. Ela deve ser vice em uma chapa encabeçada pelo deputado federal Rodrigo Maia (DEM), filho do ex-prefeito do Rio, Cesar Maia (DEM).

Ontem (16), o “Blog do Esdras” (aqui) divulgou um mapa com os deputados estaduais que são candidatos e ouviu Roberto Henriques. Segundo Henriques, entre as suas principais armas está o fato de conhecer muito bem os adversários. “Eu conheço o terreno do lado de lá”.

Já o deputado João Peixoto, que não foi citado pelo mapa do jornal “O Globo”, diz que será um soldado do governador Sérgio Cabral (PMDB). “O governador manifestou o desejo de me ver participando desta eleição. Vou entrar com a mesma humildade de sempre, propondo união, cooperação e respeito”, disse Peixoto, que deve ganhar o reforço do PMN, partido que atualmente caminha ao lado da prefeita Rosinha Garotinho (PR).

Comentar
Compartilhe
Espaço Aberto: Leitor sugere "semana popular" a Rosinha
17/01/2012 | 02h35

espaço-aberto1-236x300

Em comentário enviado ao blog,  o leitor Mário Rodrigues sugeriu a prefeita Rosinha Garotinho (PR) uma "semana popular", com direito a ônibus, filas e tudo que um cidadão tem direito.

"Não estou aqui para criticar, julgar ou condenar a Prefeita Rosinha Garotinho. Não tenho nada pessoal contra ela. Estou aqui apenas para sugerir algumas questões. Podemos observar em seus discursos que a cidade de Campos anda uma maravilha, com obras para todos os lados, melhorias no atendimento público no que diz respeito à educação, à saúde, a saneamento básico e etc. Vemos ações e mais ações para melhorar a qualidade de vida do cidadão campista. Talvez a prefeita, na sua ótica, esteja certa. Não posso discordar dela, porém posso sugerir. Sugiro à prefeita Rosinha Garotinho que por pelo menos uma semana, uma semana sequer, deixe de lado todas as regalias provenientes de seu cargo – o que é de direito, não estou aqui para discutir isto – e faça algumas ações de um cidadão comum. Sugiro que na segunda-feira a Prefeita acorde às 6h, caminhe da Lapa até o Centro da cidade e tome um ônibus até a prefeitura. Enfrente os atrasos dos ônibus, o mau humor intrínseco de alguns motoristas, e as superlotações. No mesmo dia, sugiro que ela volte de casa também de ônibus e, após um longo dia de trabalho – muito trabalho, porque ser prefeita não deve ser fácil – pegue um ônibus em frente à prefeitura e volte para casa, enfrentando o trânsito congestionado e caótico da cidade de Campos. Ao chegar a casa, sugiro a prefeita que ligue para um amigo que possua um carro – o que não deve ser difícil – e peça-o um favor. Peça-o para passar em sua casa na madrugada de segunda para terça, por volta das 2h, para dar-lhe uma carona até o Hospital Álvaro Alvim. Chegando lá, aguarde das 2h20 até as – vá lá – 8h para conseguir marcar uma consulta médica. Mas não se esqueça de ligar para a prefeitura e avisar que precisará chegar atrasada. Pois bem. Na quarta-feira sugiro à prefeita que às 23h pegue uma cadeira de praia e uma coberta e dirija-se a uma escola pública. Lá, fique das 23h30 até as 9h da manhã do outro dia para conseguir matricular um de seus filhos na escola. Ah, e mais uma vez, não se esqueça de ligar para prefeitura e avisar que chegará atrasada novamente. Na sexta-feira, Prefeita, sugiro que depois de uma semana cansativa, vá descansar na praia do Farol e se divertir um pouco. Depois do expediente, dirija-se à Rodoviária Roberto Silveira e enfrente uma fila de 300 pessoas para embarcar no ônibus. No domingo, na hora de voltar para casa, faça o mesmo. Enfrente uma fila de 400 pessoas e volte para casa. Aí então na segunda-feira seguinte a senhora volta à sua vida normal. Pegue o carro executivo da prefeitura, com ar condicionado e motorista bem humorado. Dirija-se à Prefeitura. Trabalhe o dia todo. Depois, peça a seu motorista para levá-la para casa. Durma bem. Durma a noite toda. Mas, lembre-se. Caso precise de um atendimento médico, ligue para o seu médico particular. Ele irá até a sua casa. No decorrer da semana, peça a alguém próximo para ir até uma escola particular e matricular o seu filho. No final de semana, após muito trabalho, não deixe de ir descansar, afinal é muito trabalho. Pegue o seu carro, vá até o Farol, faça as honrarias, marque presença e com, seu motorista particular e bem humorado, viaje para um lugar."

Comentar
Compartilhe
Entrevista de Garotinho ao jornal "O Dia"
30/01/2012 | 04h07

Em sua edição de ontem (29), o jornal "O Dia" publicou uma extensa entrevista com o deputado federal Anthony Garotinho (PR). Bem ao seu estilo, ele atacou o governador Sérgio Cabral (PMDB), a imprensa e o prefeito Eduardo Paes (PMDB). Além disso, fez previsões e revelou seus planos.

entrevistagarotinhoodiainte
Comentar
Compartilhe
Verão no Farol: Prefeitura diz que segurança está garantida
20/01/2012 | 12h38

[caption id="attachment_9648" align="aligncenter" width="499" caption="Foto: Jônatas Manhães"]Foto: Jônatas Manhães[/caption]

"Os órgãos de segurança estão atuando de forma integrada no Verão da Família - Farol 2012", garantiu o coordenador de Segurança e Ordem Pública, Alcemir Pascoutto, esclarecendo que a parceria entre a Guarda Civil Municipal (GCM), Polícia Militar (PM) e Corpo de Bombeiro (GBM) tem contribuído para garantir mais segurança a moradores e veranistas da praia campista. De acordo com o coordenador, não foi registrado nenhum incidente durante todos os dias de eventos. “Estamos tendo um verão tranquilo, graças à atuação da Guarda Civil e a presença constante de equipes da PM e do Corpo de Bombeiros”, disse Pascoutto, ressaltando que de segunda-feira a quinta-feira, cerca de 50 guardas atuam no Farol, e nos dias de eventos, o número sobe para 140 homens. “Estamos com toda estrutura operacional no Farol, com quadriciclos circulando na areia e orientando os motoristas a não trafegarem em local onde ficam os banhistas, bicicletas e viaturas, para uma atuação mais rápida em casos de pequenos delitos ou acidentes”, comentou.

Pascoutto falou, ainda, das 10 câmeras instaladas em toda orla da praia, que compreende do Clube Náutico ao Lagamar. “As imagens estão sendo monitoradas 24 horas pela central, montada no Centro de Inclusão Digital (CID), próximo à rodoviária do Farol. Também colocamos uma câmera no Portal do Farol. São câmeras speed dome, com campo de ação de 300 a 500 metros”, contou.

Do site da Prefeitura de Campos

Comentar
Compartilhe
Greve dos Rodoviários: Quem entende?
24/01/2012 | 12h31

duvida

Com o Cartão Cidadão, as empresas de ônibus de Campos recebem milhões de reais da Prefeitura (cerca de R$ 30 milhões por ano). Além disso, por conta do Programa, o número de passageiros aumentou consideravelmente (teria dobrado, segundo a Prefeitura). Se a Prefeitura repassa o dinheiro e o número de passageiros dobrou, as empresas passaram a lucrar muito mais. Então, se estão lucrando, por que muitos funcionários trabalham sem estrutura e com salários atrasados? Em setembro do ano passado, o advogado Cléber Tinoco também comentou este assunto sem seu blog. Veja aqui

Comentar
Compartilhe
Macaé: Christino Áureo conta com apoio de Cabral
10/01/2012 | 01h08

Christino-Áureo-300x226

O secretário estadual de Agricultura, Christino Áureo (PSD), que é pré-candidato à Prefeitura de Macaé, não acha que haverá uma saia justa na corrida eleitoral do município. Isso porque apesar de serem aliados do governador Sérgio Cabral (PMDB), ele e o secretário de Governo André Braga (PMDB), pré-candidato lançado pelo prefeito Riverton Mussi (PMDB), deverão se enfrentar no pleito deste ano. "O prefeito tem o grupo dele e um candidato preferido. Mas isso não me impede de apresentar uma proposta alternativa. Creio que posso representar um novo modelo administrativo, focando mais na questão técnica", diz Christino, que foi o deputado estadual mais votado em Macaé na última eleição.

Sobre o apoio do governador, o secretário lembra que a relação vai além da política. "O governador é um amigo. Com certeza continuará sendo um grande parceiro", afirmou.

Comentar
Compartilhe
Cabral lança Programa e faz desabafo
25/01/2012 | 03h49

cabral

O governador do Rio, Sergio Cabral (PMDB), acompanhado do vice-governador, Luiz Fernando Pezão (PMDB), do secretário de Ação Social, Rodrigo Neves (PT) e do secretário de Governo, Wilson Carlos, mais o presidente da Alerj, Paulo Melo (PMDB), lançaram hoje (25), em SJB, o programa Renda Melhor e Renda Melhor Jovem. Posteriormente, na UENF, sem a presença de Cabral, o Programa foi lançado em Campos.

Em São João da Barra, ao lado da prefeita Carla Machado (PMDB) e dos deputados Roberto Henriques (PSD) e João Peixoto (PSDC), Cabral informou que o programa faz parte do Rio Sem Miséria, primeiro plano estadual de superação da pobreza extrema do país. “Esse programa beneficiará 35 mil famílias, além de 4 mil jovens, perfazendo um total de R$ 3,3 milhões de investimento mensal”, disse.

Desabafo — Ao discursar em SJB, Cabral mandou um recado aos críticos. “Dizem que viajo muito e fazem críticas infundadas. Porém, essas mesmas pessoas ignoram o fato do Estado do Rio estar vivendo um momento único. Temos investimentos como o Porto do Açu, vamos sediar as Olimpíadas de 2016 e estamos pacificando diversas comunidades. Isso acontecia nos governos passados? Sabe o que acontecia nos governos passados? A filha do casal que governava o Estado juntava a sua turma e vaiava o presidente Lula. Quem pagava a conta dessas briguinhas e picuinhas era o povo. Hoje, trabalhamos ao lado do governo federal e recebemos investimentos em todas as áreas”, desabafou Cabral.

Prefeita comemora — De acordo com a prefeita de São João da Barra, Carla Machado, resgatar a cidadania através do trabalho também é uma preocupação da Prefeitura, que investe em Educação, como a conquista da Escola Técnica, cursos de qualificação e a manutenção das 800 bolsas de estudos para universitários. Carla disse que Sérgio Cabral é um grande parceiro no desenvolvimento do município. "São João da Barra vai ter um futuro diferenciado graças à união entre os governos Municipal, Estadual e Federal. Vai chegar o dia em que todo cidadão de São João da Barra vai ter direito a cidadania plena, mas enquanto esse dia não chega, agradeço ao governador pelo programa Renda Melhor, que vai promover um crescimento da qualidade social do nosso povo", explicou a prefeita.

Entrevista na Continental — Mais tarde, na rádio Continental, à partir das 22h, o programa “Voz da Planície”, apresentado pelo Luciano Perereca, vai colocar no ar uma entrevista exclusiva com o governador Sergio Cbaral. Vale a pena conferir.

Comentar
Compartilhe
Apoe: Diálogo e solução
27/01/2012 | 11h00

[caption id="attachment_9688" align="aligncenter" width="484" caption="Foto de Rogério Azevedo"]Foto de Rogério Azevedo[/caption]

Ontem (26), fiquei fora do ar. Mas hoje (27), ao ler a Folha da Manhã, soube que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) , ao lado de diversos secretários, recebeu representantes da Apoe em seu gabinete. Fico feliz ao constatar que a prefeita apostou no diálogo e está buscando uma solução para resolver os problemas da instituição que presta serviços relevantes há mais de 40 anos em nosso município.

A prefeita garantiu que viabilizará, na próxima semana, outros caminhos para que seja compensado o corte no valor de R$ 100 mil/ano, executado pelo Conselho Municipal de Assistência Social, órgão autônomo e deliberativo.

Comentar
Compartilhe
Vamos ajudar a APOE
19/01/2012 | 12h46
apoe

Não poderia deixar de colocar este blog ao lado da Associação de Proteção e Orientação aos Excepcionais (APOE). Aprendi muito sobre solidariedade e respeito ao lado dos alunos e profissionais da APOE. Pelo fato da minha mãe trabalhar na APOE há mais de 40 anos, o meu carinho pela instituição nasceu antes mesmo do meu nascimento. Conhecendo de perto a APOE eu aprendi que o que fazemos por nós morre com a gente, mas o que fazemos pelos outros é imortal.

Por isso, estou ao lado da Maria Cristina Lima em mais esta batalha.— O que resolveria a situação da APOE, segundo a sua Diretora, Lia Jeanne Goulart Marins, seria uma conversa com a Prefeita, a secretaria de Família e Assistência Social, e uma representação da instituição, pois o diálogo ainda é um instrumento poderoso na solução de impasses! Seria tão bom se a Prefeita tomasse essa iniciativa, assim como o fez em maio de 2011, quando, pessoalmente, ligou e conversou com Diva Goulart, Presidente da APOE. Hoje, essa luta tem que passar por nós, cidadãos desta cidade, sem respingar em D. Diva, que aos 95 anos, não tem mais condições de passar por mais esta situação! Maria Cristina Torres Lima: "Unidos somos fortes! Não podemos permitir que a APOE feche! Que o bom senso, a sensibilidade e o respeito para com mais de 40 anos servindo à criança especial, vençam a burocracia e os tecnocratas!"

Boa notícia — Atualização às 22h13 — Através do Facebook, a Cristina Lima publicou uma boa notícia. Confia: “O céu ficou mais claro para a APOE. Desculpando-se por ter havido um equívoco, a representante do Conselho Municipal de Assistência Social, da PMCG, recebeu de forma solícita e atenciosa a representação da APOE e refez os quantitativos referentes a equipe técnica. Agora, é um técnico para cada 50 alunos! No que se refere a pessoal de apoio e professores docentes para atuar nos atendimentos educacionais especializados, a Procuradoria Geral do Município telefonou informando que o convênio com a Secretaria Municipal de Educação está em etapa bem adiantada, devendo o mesmo ser assinado nos próximos dias! Entretanto, são muitas as necessidades da APOE, em termos de espaço físico, também. Por isso, vamos nos manter mobilizados para tentar um outro encaminhamento que garanta à instituição uma verba mensal objetivando a manutenção e o investimento no prédio e suas inúmeras dependências. Hoje, um dos grandes problemas é a substituição do madeirame das janelas e telhado, danificados pela ação dos cupins! Até segunda-feira, estaremos divulgando o próximo passo! Acho que vencemos uma batalha, mas não ganhamos a guerra! Portanto, soldados, a postos!” Cristina Lima

Comentar
Compartilhe
Briga entre PT e PMDB favorece Garotinho
11/01/2012 | 10h01

Enquanto o PT ameaça rever suas alianças com o PMDB para as eleições municipais de outubro, inusitadamente o PR, presidido no Rio pelo ex-governador Anthony Garotinho, discute apoiar candidatos peemedebistas em duas cidades do estado. Os acordos podem sair em Angra dos Reis e Nova Iguaçu, contrariando a tendência dos outros 90 municípios. Secretário-geral do PR-RJ, Fernando Peregrino confirma as negociações e diz que o estremecimento na base aliada, gerado após entrevista do presidente Jorge Picciani (PMDB) publicada domingo pelo jornal "O Dia" (aqui), pode favorecer os partidos de oposição. “A divergência entre eles facilita o PR como líder de um grupo de oposição. Mas não sei até que ponto o (senador do PT) Lindbergh (Farias) e o grupo dele estão dispostos a levar isso adiante”, avalia Peregrino.

Em Nova Iguaçu, a vereadora Maria Nicolasina Guimarães (PR) está cotada para vice de Nelson Bornier (PMDB). Mas o DEM ainda pressiona o PR a apoiar o pré-candidato Rogério Lisboa. Em Angra dos Reis, se confirmada a candidatura de Fernando Jordão (PMDB), Aurélio Marques (PR) deve se unir à chapa para derrotar justamente a pré-candidata do PT, Conceição Rabha. Jordão possui boas relações com a família Garotinho, o que facilita o entendimento. E Picciani sinalizou que o PMDB não deverá apoiar o atual prefeito, Tuca Jordão, que está afastado do cargo por licença de saúde. “Em princípio, o PMDB não é nosso aliado. Queremos lutar contra uma política nefasta no estado e em muitos municípios conduzidos por eles. Casos eventuais passarão por um crivo rigoroso do partido”, frisa Peregrino. O dirigente do PR assinala, porém, que “a política local nem sempre segue matematicamente a política estadual”.

Fonte: O Dia

Comentar
Compartilhe
Matoso: "Vamos derrubar a Contribuição de Iluminação Pública"
30/01/2012 | 10h58

rogério na rádio

O vereador Rogério Matoso (PPS) usou o seu blog (aqui) para informar que sua primeira meta em 2012 será a batalha contra a Contribuição de Iluminação Pública. Segundo o parlamentar, a Contribuição "é injusta e inconstitucional". "Os valores prejudicam os proprietários de imóveis e os empresários do nosso município e acabam beneficiando os 'latifundiários urbanos', donos de terrenos baldios espalhados pela cidade. Para acabar com esse abuso de poder, eu entrei no final de 2011 com um requerimento junto ao Poder Legislativo para revogação desta lei. Primeiro porque essa tarifa foi votada em período em que não poderia mais ser votada, e é tarifada por uma empresa privada, por isso se a Câmara não derrubar essa lei, entrarei com uma ação junto ao Ministério Público", disse o vice-presidente da Câmara.

A Câmara de Campos volta do recesso no dia 14 de fevereiro.

Comentar
Compartilhe
Vice-prefeito empossado em Cambuci
18/01/2012 | 03h08

Conforme informamos aqui, a cidade de Cambuci, no Noroeste do Estado, tem um novo prefeito. O vice Antônio Nicolau (PV) tomou posse ontem (17). A mudança aconteceu porque a Justiça decidiu afastar o então prefeito, Osvaldo Botelho, o Vavado (PSD), acusado de desvio de dinheiro público e improbidade administrativa.  A posse de Antônio Nicolau demorou porque o presidente da Câmara de de Cambuci, Marcos Paes, estaria viajando e só chegou ontem para dar posse ao novo prefeito. Vavado, que já havia sido afastado em 2010, entrou com recurso e acredita em resultado favorável.  O novo prefeito disse que vai se reunir com os advogados da prefeitura para começar a traçar os planos de gestão.

Fonte: Inter TV

Comentar
Compartilhe
Vice-governador visita municípios e anuncia ações
09/01/2012 | 03h46

O vice-governador e coordenador de Infraestrutura do estado, Luiz Fernando Pezão, deu início nesta segunda-feira (9/1) a uma visita aos 11 municípios das regiões Norte e Noroeste atingidos  pelas fortes chuvas. Na primeira cidade visitada, Italva, o vice-governador se reuniu com o prefeito Joelson Soares, para definir ações de ajuda à população da cidade. Italva é uma das nove cidades que decretaram situação de emergência, de acordo com a Defesa Civil. O posto de saúde e o hospital da cidade ficaram submersos e a prefeitura  vai montar um espaço alternativo para atender à população.

Na visita a Cardoso Moreira Pezão anunciou a liberação de R$ 600 mil, provenientes do Programa Somando Forças, para a construção da Rodoviária da cidade. O anúncio foi feito após reunião com o prefeito local, Gilson Siqueira.  "É necessário um plano conjunto com o governo federal para resolver o problema das regiões em definitivo porque isso sempre acontece. As chuvas em estados vizinhos também afetam o Rio de Janeiro mas, por agora, o governo do estado não poupará esforços e recursos para ajudar as cidades atingidas", disse o vice-governador.

Em seguida, Pezão visitou Cardoso Moreira, que também apresenta áreas alagadas, depois do rompimento de um dique. Neste momento, o vice-governador está em Itaperuna, onde participa de uma reunião com os secretários de Saúde, Sérgio Côrtes, e Assistência Social, Rodrigo Neves. A cidade continua sofrendo com as fortes chuvas. De acordo com o coordenador da Defesa Civil do Noroeste Fluminense, Douglas Paulich, as cidades de Itaperuna, Italva e Laje do Muriaé tiveram mais de 100 milímetros de chuvas de ontem para hoje e a maior preocupação é um possível deslizamento de terra.

Fonte: Ascom/Governo do Estado

Comentar
Compartilhe
Balcão de Emprego oferece 688 vagas
18/01/2012 | 11h39

Existem 688 vagas de emprego disponibilizadas no Balcão de Empregos da Secretaria de Trabalho e Renda da prefeitura. A secretária da pasta, Cecília Ribeiro Gomes, informa que as vagas contemplam pessoas com todos os níveis de instrução, desde o ensino fundamental até o ensino superior. Os interessados devem comparecer no Balcão de Empregos, que funciona na avenida 28 de Março, número 533,ou obter informações através dos telefones 2731-6963 e 2731-6397.

Estão sendo disponibilizadas vagas, por exemplo, para advogado, ajudante de guindasteiro, ajudante de pintura, almoxarife, professores, armador, atendente, entre outras profissões. Interessados em enviar currículos podem fazê-lo através do e-mail [email protected]

A solicitação de emprego também pode ser enviada através do e-mail [email protected]

Outras informações podem ser obtidas no site da Secretaria Municipal de Trabalho e Renda: www.smtr.campos.rj.gov.br.

Fonte: Site oficial da Prefeitura de Campos

Comentar
Compartilhe
Quem vai ser o vice de Rosinha?
19/01/2012 | 12h45

Se por um lado já existe uma definição entre os partidos aliados em relação a candidatura da prefeita Rosinha Garotinho (PR), que vai buscar a reeleição na eleição de outubro, por outro lado o clima ainda seria de indefinição sobre o nome do vice na chapa da prefeita. O atual vice-prefeito, Chicão Oliveira (PP), o diretor do HGG, Edson Batista (PTB), e o secretário de Governo, Geraldo Pudim (PR), seriam os mais cotados.

Estratégia — Como poderá entrar na disputa com o mandato protegido por uma liminar, a prefeita teria mais segurança com um vice sem pendências. Vale lembrar que, assim como Rosinha, o vice-prefeito, Chicão Oliveira, também teve o seu diploma cassado pela 100ª Zona Eleitoral de Campos e aguarda um julgamento no TRE. Com isso, nomes como o de Edson Batista e Pudim acabam ganhando força no grupo governista.

Comentar
Compartilhe
Cabral X Michel Temer
20/01/2012 | 02h32

cabral e temer

Hoje (20), em sua coluna no Estado de S. Paulo, a jornalista Sonia Racy publicou duas notas sobre um suposto clima de tensão entre o governador do Rio, Sérgio Cabral e o vice-presidente da República, Michel Temer, ambos do PMDB. Confira:

Fumaça — Cardeal máximo do PMDB, Michel Temer não anda falando a mesma língua que o mais forte governador da sigla. O estopim do estranhamento entre os dois aconteceu anteontem, depois que Sérgio Cabral não poupou elogios a Fernando Haddad em evento em Angra dos Reis. O episódio praticamente serviu para lançar a candidatura do ministro a prefeito de SP… contra Gabriel Chalita.

Fumaça 2 — O PMDB nacional já estava insatisfeito com o papel de Cabral na condução dos acordos eleitorais do PMDB fluminense. Nem o pacto em torno da candidatura de Eduardo Paes estaria 100% selado, já que o petista Alessandro Molon continua de olho na prefeitura.

Comentar
Compartilhe
Trio Elétrico: Diversão ou Algazarra?
16/01/2012 | 05h01

trio

Recebi um e-mail da Carla Giovanna, leitora do blog, que protesta contra a “política dos trios”. Em seu relato ela diz que o “Verão da Família”, na praia do Farol de São Thomé, conta com um espetáculo de desrespeito. É lógico que a prefeita Rosinha Garotinho (PR) não pode acabar do dia para a noite com os trios elétricos e fiscalizar todos os carros de som que circulam  pela praia. Porém, creio que o governo municipal poderia coibir uma série de abusos. Inclusive, no início do ano passado, conforme informei aqui, a Prefeitura de Campos prometeu verificar a altura do som, bem como as músicas com conteúdos impróprios.

Vale lembrar que casos semelhantes também ocorrem em outras praias da região. Em São João da Barra, que contou com dois graves incidentes no último final de semana, também existem os veranistas abusados.  No ano passado, quem desabafou sobre o assunto foi a jornalista Júlia Maria de Assis (aqui).

Abaixo, publico o e-mail enviado pela Carla Giovanna:

"Escolhi seu blog porque acompanho o andamento político da cidade por ele. Percebo idoneidade e responsabilidade nas suas colocações.

A questão que irei suscitar parece, a priori, uma grande bobagem. Mas o interessante dela é o pano de fundo: a política. Não é de hoje que estamos acostumados a passar vergonha com essa política da nossa cidade, o que não foge muito a regra da política como um todo no Brasil. Sou uma cidadã revoltada com o rumo das coisas da nossa cidade por conta da ausência de vontade política. Tudo gira em torno disso.

Eu procuro fazer pesquisas, procuro acompanhar a vida política de nossa cidade e leio seu blog, entre outros, com esse propósito. Sou campista, gosto da minha cidade e como não poderia deixar de ser, sempre veraneei no Farol. Só que de alguns anos para cá ... têm sido uma verdadeira tristeza chegar lá e encontrar aquele cenário de algazarra total. Eu adorava os shows na Aldeia do Sol porque podíamos ir em família, levávamos cadeira de praia e curtíamos os shows com nossos pais. O trio elétrico acabou com isso.

O trio elétrico, há muito tempo, deixou de ser motivo de diversão e se transformou num arrastador de embriagados, cuja motivação não é diversão, é só encher a cara mesmo. A gente tem até medo de chegar perto, dirá seguir. A ideia política por trás disso é fantástica. Agradar o povão fazendo-os acreditar que aquilo é "uma boa obra". E o pior é que essa gente acredita nisso. Prova disso são as passagens a R$ 1,00 e a felicidade deles em poder ter um "lazer".

Não sou separatista, pelo contrário, sempre achei um erro elitizarmos o lazer. Entretanto, não poso concordar com a forma como as coisas estão sendo conduzidas a troco de arrecadação de votos. É revoltante vermos a política sobrepujar a legalidade. Como? Fora a circulação livre de motoristas embriagados, somos submetidos ininterruptamente a SONS ALTÍSSIMOS provenientes de vizinhos (no geral locatários seduzidos pela algazarra) e carros tunados (circulando a qualquer hora do dia, noite e até de madrugada). As músicas nem sempre são de qualidade, aliás, na maioria das vezes são aqueles funks horrorosos com apelo sexual.

É um desrespeito a toda prova e NINGUÉM faz absolutamente nada. Não sou leiga, conheço meus direitos e sei que não sou obrigada a ser submetida a isso. O próprio Código de Postura da Cidade tão anunciado pela alteração de alguns artigos com a Lei 8.243/11, diz no seu artigo 72 "É exprfessamente proibido: II - perturbar o sossego público, com ruídos e sons excessivos, não se permitindo: b) uso de buzinas, clarins, tímpanos, campainhas, ou outros aparelhos de som, além de excessivo, estridente". Pois muito bem, o Código de postura não diz nada que é preciso medir decibéis, basta que o som seja a toda evidência excessivo a qualquer inteligência, ainda que mediana.

Tenho problemas constantes com a vizinhança, porque, infelizmente a proprietária do imóvel ao lado tem o dedo podre para inquilinos. Ano passado só conseguimos ficar no Farol até o dia 15 de janeiro porque era impossível dormir ou tolerar aquela gente. Esse ano cometemos o erro de tentar novamente na esperança de que isso não ocorreria. Entretanto, fomos premiados.

Fui conversar pessoalmente com um sargento da PM e não fiquei surpresa com o relato dele. "Senhora, infelizmente isso é um problema que nós estamos cientes ser necessário coibir, mas ... a questão aqui no Farol é política.". E isso não ouvi só de policiais, ouvi também de Guardas Municipais. Pior do que isso foi ter ligado para o número dos fiscais do código de postura e ter ouvido de um funcionário obviamente despreparado que "no Farol é assim mesmo". Pelos guardas municipais fui informada que existem fiscais específicos para o Código de Postura. Liguei para a Central do Código de Postura e fui informada que todos os fiscais estavam no Farol e eu deveria procurá-los no meio do trio. Só pude dar risada. Pedi o telefone ou e-mail do Major Franciso Balbi e o funcionário disse que não podia me dar, eu teria que ir ao gabinete dele. Até posso fazer isso, mas quero que as pessoas reconheçam o abuso e coloquem o assunto em voga.

Isso é REVOLTANTE. Quer dizer que para os políticos conseguirem seus sonhados votinhos com os politicamente desinformados, os demais cidadãos devem sucumbir à desordem? O senhor não acha isso um absurdo? O senhor acha razoável estar na sua própria casa sem conseguir ouvir sua própria voz, embalado por músicas com xingamentos ou com apelo sexual de vizinhos embriagados ou carros tunados?

Tenho crianças e pessoas de idade em casa. Sou obrigada a ligar para a PM e nem sempre eles aparecem porque falta contingente ou porque falta vontade mesmo. E onde está o tão anunciado “verão da família”? Que família? Só se for de alguma família de espíritos de porcos.

O senhor não tem noção do que é ficar o dia, a noite e até a madrugada sem conseguir dormir por causa de gente desse tipo. São, no geral, pessoas de nível cultural baixíssimo, que não sabem conversar, muito menos entender sobre respeito mútuo. Sei que estou legalmente respaldada para exigir do poder público alguma atitude com relação a isso. Sei que em algumas cidades de veraneio a fiscalização é ostensiva e COIBE esse tipo de prática dos cidadãos desorientados. Mas isso não acontece no Farol.

É um desespero. Como fui diversas vezes informada que não se trata de legalidade, trata-se de vontade política, estou procurando alguma forma de ser ouvida, de colocar isso em pauta, de mostrar à população que não podemos nos calar. As pessoas podem continuar se divertindo com o maldito trio elétrico, o que elas não podem é estender essa “diversão” abusivamente.

Sei que não resolverei esse problema da noite para o dia, mas se o poder público, através de ações ostensivas, começar a mostrar os limites, as coisas seguirão o rumo natural.

Agradeço sua atenção Alexandre.

Obrigada, Carla Giovana".

Comentar
Compartilhe
"O Brado Retumbante" — Arte que imita a vida
16/01/2012 | 01h10

brado

Difícil não fazer um paralelo entre o  presidente Paulo Ventura, papel de Domingos Montagner, de 49 anos, na minissérie “O Brado Retumbante”, que estreia na próxima terça-feira, na Globo, e uma série de personagens que fazem parte da política nacional. Mas é bom que se diga: oficialmente tudo não passa de ficção. “Não houve nenhuma indicação nem  inspiração”, conta o ator principal, que foge até de perguntas sobre seu posicionamento político para não se comprometer: “Acho que este não é um bom momento para dar minha opinião sobre esse assunto”. Escrito por Euclydes Marinho, “O Brado Retumbante” narra a história de Ventura, presidente da Câmara dos Deputados que se vê na cadeira do político mais importante do país após um acidente aéreo que vitima o chefe de estado e o vice. Com 15 meses de mandato pela frente,  ele resolve então tentar colocar o país, sucateado por casos de corrupção e políticos nada confiáveis, no rumo. Assim, decide sair do papel de fantoche político – função essa que se sujeitou quando foi eleito por adversários como presidente da câmara –, para tentar mudar o sistema. “A postura dele incomodará os poderosos. Tanto é que será alvo de atentados e terá a sua vida pública devastada pelos inimigos”, conta o ator.

Bastidor polêmico — “O Brado Retumbante” é o início da retomada das produções em teledramaturgia que tem a política como tema central. Desde a redemocratização do Brasil, no fim dos anos 80, a emissora deixou de produzir  séries ou novelas do gênero. O motivo, extra-oficialmente, era evitar atritos desnecessários com o poder e  não dar munição para a oposição, sempre  pronta para denunciar favorecimento a determinadas figuras políticas ou aos partidos representados por ela. O tal veto tornou-se ainda mais justificado após o episódio em que a Globo foi acusada de favorecer o então candidato à presidente, Fernando Collor, no fatídico debate de 1989 contra Luiz Inácio Lula da Silva. A ascensão de Lula ao poder, em 2002, colocou em fogo brando a relação.

Fonte: O Diário de S.Paulo

Comentar
Compartilhe
Espaço Aberto: Morador de SFI protesta
24/01/2012 | 10h25

espaço-aberto1-236x300

O dentista Carlos Augusto Drumond Coutinho enviou mensagem através do Facebook cobrando melhor iluminação e uma torre de celular em Barra do Itapaboana  (São Francisco de Itabapoana).

"Atenção: Para querer o melhor para seu município , sua comunidade, para seu Estado e seu País, não precisamos ser políticos!!!! Agora por favor compartilhe o que vou escrever: Quando que nós de Barra do Itabapoana-RJ (São Francisco de Itabapoana-RJ), vamos ter direitos a uma Energia elétrica, digna de Cidade desenvolvida e uma torre de Celular??? Por favor políticos e empresas que cuidam dessas responsabilidades.....Nós somos pessoas, também civilizadas e pagamos nossas contas e impostos, como qualquer pessoa civilizada!!! Então porque esse desinteresse, descaso,negligência ou mesmo desleixo com o nosso lugar!!! será que Barra do Itabapoana só é lembrada na hora das eleições?!?! Queremos Desenvolvimento já para a nossa população.....estamos em pleno século XXI( 21) e na era do Super Desenvolvimento.....Ano de 2012 e não temos um desenvolvimento mínimo de energia elétrica e uma torre de celular aqui em Barra do Itabapoana???? Povo de Barra compartilhe isso....chegou a vez de mostrarmos a nossa cara, de sairmos de trás do armário e reivindicarmos os nossos direitos...... Carlos Augusto Drumond Coutinho"

Comentar
Compartilhe
Abrigo João Viana pede ajuda ao Caldeirão do Huck
03/01/2012 | 12h58

A Diretora da Liga Espírita de Campos, Maria Cristina Torres Lima enviou uma carta ao apresentador Luciano Huck solicitando uma ambulância para o Abrigo João Viana, que passa por dificuldades.  O abrigo conta com 120 pacientes e é uma instituição sem fins lucrativos, com o único objetivo de amparar seus pacientes com problemas mentais. Hoje, a instituição recebe uma verba do Governo Federal e a Prefeitura de Campos complementa essa verba em 34% do seu valor, o que não é o suficiente para manter tantas internações.

Confira a carta:

CARTA NUMA TARDE DE REVEILLON

Campos dos Goytacazes, 31 de dezembro de 2011. Caro Luciano Huck.

São exatamente 13 horas e 19 minutos do dia 31 de janeiro de 2011. Faltam, apenas, algumas horas para que o ano se encerre e outro se inicie! Foguetes esparsos já se fazem ouvir e, como diz a inspirada poetisa campista “De novo, a falsa euforia...De novo, o engarrafamento...nas ruas... nas mesas. Alegria?! De novo, o vestido branco. De novo, papéis picados do Banco. De novo, tilintar das taças. De novo, o riso de graça. De novo, praia cheia- oferendas na areia. De novo, o comer de uvas, lentilhas.De novo, catador de latas vazias.De novo....De novo...Novamente a espera por bonança. A E S P E R A N Ç A.”

Na tarde abafada de verão, sento-me ao computador, tendo por companhia a certeza de que mais um ano se passou. Trezentos e sessenta e cinco dias desfilaram diante de nós, plenos de vida e tingidos das mais diversas cores, desde a mais vibrante, que marca os momentos de conquista e a explosão da alegria, até aquela que colore os nossos dias de tristeza e angústia, o cinza, o nublado, o sem-cor. Percorro, em pensamento, os corredores do Hospital Psiquiátrico Espírita Dr. João Viana e fico imaginando que para os 120 (cento e vinte) pacientes, mantidos em sistema de internação, esse é um dia igual a todos os outros que se foram e que, certamente, virão! Há 81 anos, em 1930, surgia, do gesto abnegado e humanitário do grupo que fundou a Liga Espírita de Campos, o “Abrigo Dr. João Viana”, instituição filantrópica ( o paciente não paga), sem fins lucrativos, que tinha por objetivo amparar os doentes mentais que eram, na época, encaminhados para os presídios, no caso de nossa cidade, para o Presídio da Coroa. Assim, uma pequena casa foi alugada e seis doentes passaram a receber não apenas o tratamento prescrito, alimentação adequada e tudo de que carece um ser humano, mas assistência espiritual, carinho e solidariedade. Era cumprida, dessa forma, a máxima Kardequiana que diz : “Todos os deveres do homem se encontram resumidos na máxima: fora da caridade não há salvação".

Durante um bom tempo, o Abrigo sobreviveu de doações e do trabalho voluntário, mas, com o advento da previdência social e a regulamentação de diretrizes e exigências adotadas pelo Ministério da Saúde e específicas para o setor, ficou inviável a manutenção dos serviços sem cadastramento ao Sistema Único de Saúde (SUS). Atualmente, a verba recebida do Governo Federal, através do SUS, é complementada pela Prefeitura Municipal de Campos dos Goytacazes em 34% do seu valor e, mesmo assim, é matematicamente impossível fazer frente às inúmeras despesas decorrentes da internação, cujos itens estão sendo, constantemente, majorados, como medicamentos, sem falar na manutenção das instalações e equipamentos, pois o doente psiquiátrico tem características muito próprias, exigindo uma ampla abordagem terapêutica, estruturada sobre uma diversificada rede de assistência que tem por finalidade ajudar as pessoas em sofrimento.

Por outro lado, os salários dos corpos técnico, administrativo e de apoio requerem, igualmente, complementação, já que a tabela do SUS encontra-se defasada há muitos anos e não há como desconhecer que o trabalho em um hospital psiquiátrico é diferenciado dos demais hospitais, exigindo do especialista e do técnico um desenvolvimento mais completo, uma compreensão mais notável e uma maior preocupação no que se refere ao relacionamento com o paciente. “O doente mental merece respeito. É um ser humano pleno de dignidade. Não se pode voltar aos tempos medievais quando eles eram expulsos da convivência social. Feito o lixo das ruas…” (Antonio Mourão Cavalcante – Professor Titular e chefe do Serviço de Psiquiatria da Faculdade de Medicina/UFC)

Se não nos sobra dinheiro, a falta dele é uma realidade à qual não podemos fugir! Se, nesta noite de Reveillon, enquanto muitos se divertem e festejam a virada do ano, um irmão nosso em humanidade necessitar ser acolhido para internação; ou se algum paciente tiver recebido alta guardando a expectativa de estar com a família à meia-noite, será impossível atender a ambas as situações, pelo simples fato de que a ambulância que serve ao Hospital, de tão velha, rodada e reformada, não consegue sair da garagem! Não se espante, caro Luciano, mas é a pura verdade! Apesar dos inúmeros esforços, de incontáveis pedidos a várias instâncias públicas e políticas, NÃO CONSEGUIMOS QUE ALGUÉM SE SENSIBILIZE e nos doe o veículo! Assistindo ao seu programa, o “Caldeirão”, e presenciando os benefícios e ajudas que você tem dado aqueles que se movimentam em favor do próximo, foi que me animei a te escrever. Neste momento, ecoam, em meu íntimo, o trecho da 1ª carta do apóstolo Paulo aos Coríntios, capitulo XIII, versículos 1-13, que diz: "Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse caridade, seria como o metal que soa ou como o sino que tine. E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência e ainda que tivesse toda a fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse caridade, nada seria. E ainda que distribuísse toda a minha fortuna para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse caridade, nada disso me aproveitaria. A caridade é sofredora, é benigna; a caridade não é invejosa; não trata com leviandade; não se ensoberbece. Não se porta com indecência, não busca os seus interesses, não se irrita, não suspeita mal. Não folga com a injustiça, mas folga com a verdade. Tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta. Agora, pois, permanecem a fé, a esperança e a caridade. Mas a maior destas é a caridade" Não é com pouca fé que vou cumprir os requisitos e as etapas da inscrição no “Lata Velha”, mas, eu precisava te falar, através destas linhas, para dividir com alguém que tem um coração enorme e que sabe, como poucos, colocar em prática o ensinamento do saudoso Francisco Cândido Xavier: "O Cristo não pediu muita coisa, não exigiu que as pessoas escalassem o Everest ou fizessem grandes sacrifícios. Ele só pediu que nos amássemos uns aos outros."

Antecipando meus agradecimentos pela atenção, Atenciosamente Maria Cristina Torres Lima, pela Diretoria da Liga Espírita de Campos, Rio de Janeiro E-mail: [email protected] Telefones para contato: (22) 2723 5629/ 2737 1570 ou: (22) 9904 8963

Comentar
Compartilhe
Vídeo: Justo Veríssimo confessando
31/01/2012 | 04h09

O mestre Chico Anysio e sua criatura, o deputado Justo Veríssimo, confessando os seus pecados. Confira o vídeo:

Neste outro vídeo ele lança a corruptocracia:
Comentar
Compartilhe
PMN com João Peixoto?
09/01/2012 | 03h28

Uma articulação do deputado estadual João Peixoto (PSDC) no município de Macaé pode mudar o tabuleiro político de Campos. Colocando o PSDC ao lado de Christino Áureo (PSD), pré-candidato à Prefeitura de Macaé, Peixoto pode ganhar o apoio do PMN em Campos. Vale lembrar que com essa articulação, o PMN pode deixar a base de apoio ao governo Rosinha Garotinho (PR) e se tornar oposição.

Mesmo tendo trocado o PMN pelo PSD, Christino Áureo continua mantendo boa relação com o diretório estadual da legenda. Em Campos, a nominata do PMN conta com o ex-vereador Álvaro César, que tem participado das reuniões do Movimento Campos de Todos Nós.

Comentar
Compartilhe
Racha entre Cesar Maia e Garotinho?
25/01/2012 | 12h31

garotinho-cesar maia

O blog “A Mosca Azul” publicou hoje (25) uma nota intitulada “PR vai romper com o DEM”. Segundo as fontes da “Mosca”, o partido presidido no Estado do Rio pelo deputado federal Anthony Garotinho vai ter candidato próprio à Prefeitura do Rio e não vai servir de trampolim para o deputado federal Rodrigo Maia (DEM) garantir a sua reeleição em 2014. Até ontem, tudo indicava que Rodrigo Maia seria candidato a prefeito do Rio com a deputada Clarissa Garotinho sendo vice em sua chapa. O ex-prefeito Cesar Maia, em busca de oxigenação, seria candidato a vereador do Rio.

Pelo jeito, tem gente no PR querendo lançar candidatura própria à Prefeitura do Rio. A mais cotada seria a deputada estadual Clarissa Garotinho. Resta saber qual será a postura do DEM ao tomar conhecimento sobre esse desejo Republicano.

Atualização às 12h10 — A fonte da "Mosca Azul" foi o Blog do Lobo

Comentar
Compartilhe
Política durante a enchente
11/01/2012 | 01h08

Após enchentes com desabrigados e desalojados é normal que surjam debates técnicos sobre uma série de fatores. Poderia ser evitado? O que pode ser feito imediatamente? O que podemos fazer hoje para evitar casos semelhantes no futuro?  Porém, em um ano eleitoral, algumas pessoas não conseguem separar as coisas. Como os governistas estão no comando da situação, com a prefeita Rosinha Garotinho (PR) na linha de frente ao lado do deputado federal Anthony Garotinho (PR), qualquer aproximação da oposição é tratada como uma ameaça. Ao notarem a movimentação de oposicionistas muitos aliados da prefeita tentam politizar as ações. Hoje (11), no rádio, um locutor simpático ao governo Rosinha disse que a vereadora Odisséia estaria procurando coisas erradas e se decepcionando ao constatar que está tudo certo. Depois, afirmou que o vice-governador Luiz Fernando Pezão (PMDB) estava rodeado de traíras. Mas cá entre nós:será que esse é o momento de estimular briguinhas e debochar dos adversários? Não seria melhor ver oposição e situação trabalhando com seriedade para amenizar o sofrimento dos desabrigados e buscar soluções viáveis para evitar novas situações deste tipo?

Comentar
Compartilhe
Aliados de Rosinha cobram informações de Nahim
10/01/2012 | 02h48

Vereadores da base governista (Papinha, Gil Vianna, Abdu Neme, Magal, Albertinho Vieira Reis e Kellinho) resolveram cobrar transparência do presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim (PPL). Hoje (10), durante um programa na rádio Diário FM, eles informaram que vão solicitar informações sobres as receitas e despesas da Câmara nos últimos três anos  (2009, 2010 e 2011). Inclusive, haverá uma reunião amanhã, mesmo durante o recesso, para tratar do assunto.

Entre os questionamentos dos governistas estão os gastos com iluminação, propaganda e valor devolvido ao governo municipal. Segundo os aliados da prefeita, Nahim teria devolvido menos do que o prometido.

Atualização às 15h20 — Fogo amigo? — Para o vereador Jorge Magal (PR), líder do governo na Câmara, o fato do seu colega de bancada, Altamir Bárbara (PSB), fazer parte da Mesa Diretora da Câmara, como 1º secretário, não configura uma espécie de fogo amigo. "Não estamos acusando ninguém. Trata-se apenas de um pedido de esclarecimento sobre alguns fatos divulgados em blogs e cobrados pela população", disse Magal, ressaltando que os governistas foram indagados sobre alguns fatos e tomaram uma decisão. "Os vereadores estavam juntos acompanhando a visita do ministro. Nesse momento, fomos indagados sobre uma série de questões envolvendo o legislativo. Valor da iluminação de Natal, gastos com publicidade e valor devolvido ao governo municipal. Foi aí que a Comissão de Fiscalização decidiu convocar uma reunião para solicitar essas informações", frisou Magal.

Comentar
Compartilhe
Servidora mordida por rato no Senado
13/01/2012 | 05h18

rato

Após uma servidora ter sido mordida por um rato, o Senado, que está em recesso, determinou  hoje (12) a desratização e a dedetização da Secretaria-geral da Mesa Diretora e da Secretaria do Congresso.

O episódio ocorreu na quarta-feira na Secretaria-geral da Mesa. Uma funcionária trabalhava quando foi atacada pelo rato. Ela, que calçava uma sandália, levou uma mordida no pé. Em seguida, foi atendida no Serviço Médico do Senado. A servidora está de licença e em observação. As atividades nas duas secretarias foram suspensas no início da tarde e serão retomadas na segunda-feira. Os dois ambientes, responsáveis pela assessoria da Mesa Diretora especialmente nas sessões, são repletos de documentos e livros. Há relatos de servidores de que os roedores podem ser vistos em outros locais do Senado.

Fonte: Folha de S. Paulo

PS: Pena que nem todos os ratos vão sumir de Brasília após a desratização e a dedetização

Comentar
Compartilhe
Arnaldo ao lado da família de Nahim na Bahia
16/01/2012 | 01h40

O ex-prefeito de Campos, Arnaldo Vianna (PDT), que é neurocirurgião, vai acompanhar de perto a filha do presidente da Câmara de Campos, Nelson Nahim (PPL), que sofreu acidente ontem (15), em Feira de Santana, na Bahia. Após solicitação de Nahim, o médico deixou o município de Campos em direção a Salvador (BA), onde a família de Nahim se encontra.

Comentar
Compartilhe
Um verdadeiro Portal da Transparência
17/01/2012 | 07h13

portal da transparencia

O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), participou hoje (17) do lançamento do Portal da Transparência Estadual, cujo objetivo é facilitar o acesso do cidadão aos dados sobre investimentos, receitas e despesas, tabelas de remuneração de agentes públicos, gastos com pagamento de diárias, materiais e serviços efetuados pela administração.

O endereço do site é www.transparencia.sp.gov.br

O portal prima pelo uso de uma linguagem acessível, evitando termos técnicos que dificultam a navegação de quem não é especialista em contas públicas. O sistema de busca também foi arquitetado para que o cidadão encontre a informação desejada com o menor número de cliques possível.

Campos — Já o Portal da Transparência da Prefeitura de Campos (aqui), promessa de campanha da prefeita Rosinha Garotinho (PR), ainda precisa melhorar muito. O que temos em Campos é uma lista sem especificação em relação ao beneficiário da despesa. “Outros serviços de terceiros — pessoa jurídica”. O problema é que o Portal não diz quem recebeu. Os aliados da prefeita explicam que os dados podem ser acompanhados diariamente no Diário Oficial. Porém, se existe um Portal da Transparência, por que não disponibilizar dados naquele espaço?

Sem atualização? — E vale lembrar que o Portal de Campos ainda está no ano de 2011. Já chegamos ao dia 17 de janeiro e a última relação de despesas e receitas é a do mês de novembro do ano passado.

Comentar
Compartilhe