SJB antecipa salário dos servidores para sexta
25/04/2019 | 19h38
A Prefeitura de São João da Barra paga nesta sexta-feira (26) o salário dos servidores públicos municipais. O anúncio foi feito pela prefeita Carla Machado (PP), em seu perfil no Facebook. Ela destaca, ainda, que o o depósito deste mês será com o reajuste de 4,91%, mais o auxílio transporte, no valor de R$ 100.
Pelo calendário do município, o depósito seria realizado no dia 30. Porém, na segunda-feira (29) é feriado municipal, pelo dia de Nossa Senhora da Penha. Já na quarta-feira, 1º de maio, também é feriado. Desta forma, é provável que seja decretado ponto facultativo na terça-feira. No calendário escolar, a data já consta como recesso.
 
Comentar
Compartilhe
Chamado de 'infiel', ex-presidente do PSC em SJB rebate Bruno Dauaire
25/04/2019 | 18h55
Apesar de o ex-prefeito Betinho Dauaire ter lançado (aqui) o aliado Franquis Areas (PR) como pré-candidato a prefeito de São João da Barra, Bruno Dauaire (PSC) é quem continua no alvo das discussões políticas na terra de Narcisa Amália.
Na quarta-feira da semana passada (dia 17), o então presidente do diretório municipal do Partido Social Cristão (PSC) anunciou que deixava a legenda por não pactuar com a entrada de Dauaire para o partido do governador Wilson Witzel. Renato Timotheo, aliado de longa data da prefeita Carla Machado (PP), chamou Bruno de “oportunista”.
A nota publicada no blog (aqui) repercutiu nos bastidores da Alerj e levou à reação do deputado. Aproveitando a bola rolada, Bruno usou (aqui) uma imagem da linha do tempo de Timotheo, declarando apoio a Eduardo Paes (DEM), para afirmar que o então presidente do PSC sanjoanense deveria ter saído da legenda antes, pois foi “infiel” com Witzel.
Agora, nas redes sociais, Renato voltou a levantar a discussão. Em sua publicação, o diretor executivo do Regime Próprio de Previdência Social sanjoanense, o SJBPrev, diz que sua opção política em 2020 foi por “apoiar candidatos que mostraram interesse em ajudar São João da Barra”. Timotheo lembrou que Paes chegou a fazer campanha no município e disse que “várias vezes uma agenda, mas o partido não teve tempo para São João da Barra, até o candidato a deputado federal que me pediu apoio não veio uma vez sequer”.
Para encerrar seus argumentos, Renato usou uma foto de Bruno com adesivo do então candidato do PRP a governador, Anthony Garotinho, que teve a candidatura impugnada. “Depois que as pesquisas apontaram Witzel como favorito no segundo turno, o deputado entrou na marola, só falta dizer que foi ele o dono dos votos do governador”.
Pode até não parecer, mas o jogo político para 2020 já começou em SJB. E a polarização Dauaire x Machado volta a ganhar contornos. Bruno não se lançou pré-candidato. Carla — que tenta reverter no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) a inelegibilidade, por ora suspensa liminarmente, da Machadada — também não. No entanto, as opções que se lançam como possíveis nomes de terceira via devem ficar atentos.
Os grupos políticos começam a demarcar espaço neste dualismo, enquanto os nomes de terceira via ainda estão totalmente fragmentados e alguns, inclusive, sem partido para lançamento de possíveis candidaturas.
Comentar
Compartilhe
Ex-secretário de Neco diz que atual governo usa atos administrativos para perseguir
25/04/2019 | 12h47
Ex-secretário de Fazenda no governo Neco (MDB) e candidato a vereador no ano de 2016, Edson Cláudio utilizou seu perfil no Facebook para comentar sobre uma decisão preliminar, que tem como base em uma auditoria realizada e já comunicada ao Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE), na qual foram apontadas irregularidades em um contrato de R$ 3.311.561,49 com o escritório Amaral & Barbosa Advogados. A secretaria de Administração de SJB determinou a adoção das medidas administrativas, entre elas a devolução do valor ao erário público em 15 dias.
Segundo texto publicado no Diário Oficial de 15 de abril — e sem nenhuma retificação até o momento desta publicação — foram notificados o secretário de Administração à época dos fatos, Rogério Zorzal, o escritório Amaral & Barbosa Advogados, como beneficiários. No mesmo dia da publicação em DO, como o blog mostrou (aqui), Zorzal informou que Edson Cláudio, apesar de ser citado no texto oficial, não era mais secretário quando foi firmado o contrato em que a tomada de contas aponta irregularidade.
Edson diz em sua publicação que a política municipal chegou a um “ponto tão baixo que nossos governantes agora utilizam de atos administrativos para nos intimidar e perseguir”. Edson justifica que em junho de 2016, quando foi firmado o contrato com o escritório de advocacia, ele não estava mais no governo Neco, pois tinha sido exonerado para participar do pleito eleitoral como candidato a vereador:
— Mesmo assim, tentam usar meu nome de forma maldosa para denegrir a minha imagem, e me prejudicar. Como também a do ex-secretário de Administração Rogério Zorzal Ventura. Falta argumento e gestão para mostrar à população. E, por isso, tentam a todo custo criar factoides, inverdades e assim tirar o foco do governo. Vou buscar juridicamente a reparação de todos os danos que foram causados.
Como o blog publicou no último dia 15, Zorzal também nega todo tipo de irregularidade. Em seu programa de rádio diário, Rogério tem comentado sobre o caso e diz que aguarda notificação formal para se manifestar. Além disso, ao lembrar que Edson Claudio nem secretário era e foi citado, Zorzal questiona a credibilidade da auditoria realizada.
Veja a publicação do ex-secretário de Fazendo no governo Neco.
Comentar
Compartilhe
Sávio Saboia deixa Trabalho e Renda de SJB e vai assumir cargo em Campos
25/04/2019 | 11h29
Secretário de Planejamento no início do governo Carla Machado (PP) e depois — após uma reforma administrativa — superintendente de Trabalho e Renda, Sávio Saboia foi exonerado da Prefeitura de São João da Barra. A publicação, a pedido, está no Diário Oficial desta quinta-feira (25). A tendência é que nos próximos dias, Saboia seja nomeado para um novo cargo na administração pública, só que desta vez na Prefeitura de Campos.
Segundo Sávio, a mudança une “uma necessidade pessoal (de estar mais próximo da família e do filho, de 11 meses) com uma nova oportunidade de atuar em outra missão na Administração Pública”. Saboia não confirma qual cargo irá ocupar, mas fontes afirmam que seria um cargo na secretaria de Saúde.
— O principal sentimento que fica é de gratidão pela oportunidade de trabalhar numa cidade tão encantadora, de tristeza por deixar amigos, mas também de orgulho por bons projetos criados, realizados ou que tiveram a participação de nossa equipe — disse Sávio, acrescentando que já teve a oportunidade de se “despedir e prestar contas das ações delegadas nas duas pastas” ocupadas nos 2 anos e 3 meses em SJB.
Entre as ações durante o período que atuou em SJB, ele destacou o modelo de Parceria Público e Privada do verão; o Festival Gastronômico da Semana Santa em 2017, Festival do Caranguejo, Arraia Gastronômico; Ambulante Legal; circuito de palestras para a juventude; capacitação dos empreendedores do Polo Gastronômico; dinamização do acesso ao Balcão de Oportunidades; programa de estágio para universitários e estudantes do ensino médio técnico (em fase de implantação); expedição de carteira de trabalho em SJB (o primeiro teste já foi realizado e as primeiras seis carteiras expedidas em caráter experimental); fortalecimento de ações coordenadas para inserção do cidadão local no mercado de trabalho junto a empresas que atuam no Porto do Açu; fortalecimento da Comissão de Trabalho, Tecnologia e Educação (Comtrate) e do acesso de jovens ao programa Jovem Aprendiz.
— Tenho absoluta convicção que São João da Barra está na rota do desenvolvimento nacional a partir dos investimentos que estão acontecendo e que ainda vão ocorrer na cidade, seja no setor privado ou público, e que a prefeita continuará atuando como a grande líder de todo este processo. À Prefeita Carla Machado, o meu carinho, respeito e gratidão — finaliza Saboia.
Em 2016, Sávio foi candidato a prefeito na sua cidade natal, Bom Jesus do Itabapoana. Ficou em segundo lugar, derrotado pelo atual prefeito Roberto Tatu (PR). No ano passado, chegou a ser especulada a candidatura dele a deputado, o que não se concretizou. Ele tem nome cotado para entrar na disputa em 2020, mais uma vez, na sua cidade.
Comentar
Compartilhe
Campos inicia trabalho para concurso da Educação
25/04/2019 | 09h14
Concurso
Concurso / Divulgação
A Prefeitura de Campos vai realizar concurso público para área da Educação. No Diário Oficial desta quinta-feira (25) foi constituída a Comissão Interna para organização do certame 01/2019. O grupo será responsável pelo levantamento de dados, bem como diagnóstico das necessidades e orientação quanto à realização do concurso público. Somete a partir dos levantamentos será possível falar em número de vagas e cargos que estarão disponíveis. No entanto, apenas a possibilidade de concurso ainda este ano já gera grande expectativa.
Comentar
Compartilhe
Festa de Nossa Senhora da Penha com shows regionais e nacionais
23/04/2019 | 17h21
Divulgação - SJB
O sertanejo Gabriel Gava, Padre Omar da Igreja do Cristo Redentor e a dupla Léo e Raphael, são alguns dos nomes confirmados para abrilhantar a Festa de Nossa Senhora da Penha, em Atafona, 2º distrito de São João da Barra, que teve início no dia 21 e prossegue até o dia 29, com eventos religiosos, esportivos, recreativos e musicais.
Incluída no Calendário Turístico do Município, a comemoração a Nossa Senhora da Penha reúne todos os anos milhares de fiéis. No ano passado, a igreja foi elevada à condição de Santuário Diocesano Mariano de Nossa Senhora da Penha.
- Sou devota de Nossa Senhora da Penha, que me traz conforto espiritual nas horas que mais preciso, e tenho muito orgulho de Atafona e seu povo. Vamos externar nossa fé e aproveitar também os momentos de entretenimento com os amigos — frisou a prefeita Carla Machado.
Os shows de pagode, católico, sertanejo e forró prometem agradar a todos os gostos. São 11 bandas que se apresentarão do dia 26 a 29 de abril. O cantor Gabriel Gava vai se apresentar no próximo sábado, 27, às 23h, no palco 1. Já a dupla Léo e Raphael sobe ao palco às 23h de domingo, 28, e o Padre Omar na segunda-feira, 29, às 21h, após a procissão terrestre que percorre ruas de Atafona. Também confirmados: Odilei do Forró, Rodrigo do Forró, Os Manos do Forró, Swing Muleque, Barca do Forró, Zé Carlos e Rogério, Banda FX e Karen Moraes, conforme programação abaixo.
No entorno da praça onde a festa é realizada, há barracas de gastronomia, brinquedos, restaurantes e outros atrativos. "Quero agradecer o comprometimento da prefeita Carla Machado, que sempre é solícita aos anseios da comunidade católica, e também às Irmandades por mais uma vez trabalharmos juntos para a consagração deste momento de fé, cultura e tradição", ressaltou Edivaldo Machado, secretário de Turismo, Esporte e Lazer.
A festa de Nossa Senhora da Penha é uma realização da Irmandade de Nossa Senhora da Penha, com apoio da Prefeitura de São João da Barra, por meio da secretaria de Turismo, Esporte e Lazer.
Confira a programação musical:
26/04 - 21h - Show Odilei do Forróz, no Palco II
26/04 - 23h - Show Swing Muleque, no Palco I
26/04 - 00h - Show Rodrigo do Forró, no Palco II
27/04 - 22h - Show Os Manos do Forró, no Palco II
27/04 - 23h - Show Gabriel Gava, no Palco I
27/04 - 01h - Show Banda FX, no Palco II
28/04 - 21h - Show Barca do Forró, no Palco II
28/04 - 23h - Show Léo e Raphael, no Palco I
28/04 - 01h - Show Zé Carlos e Rogério, no Palco II
29/04 - 21h - Show Padre Omar, no Palco I
29/04 - 22h - Karen Moraes, no Palco II
Comentar
Compartilhe
Definidas tradicionais competições da festa de N. Srª. da Penha, em Atafona
22/04/2019 | 17h08
Os festejos em homenagem a Nossa Senhora da Penha, em Atafona, contarão com a tradicional programação esportiva e tem como ponto alto o Campeonato Sanjoanense de Barco à Vela, às 11 h, no sábado, 27 de abril. E no domingo, 28, a corrida rústica às 8 horas e prova de Ciclismo em seguida. Os eventos são promovidos pela Prefeitura Municipal, por meio da Secretaria de Turismo, Esporte e Lazer, Departamento de Esportes, e vão reunir atletas do município e da região. A programação religiosa, que começou no domingo (21), pode ser conferida aqui.
As corridas Rústica e de Ciclismo, no domingo, terão inscrições uma hora antes do evento. Os circuitos serão na Avenida Carmelita Moraes Nascif. Na rústica, as disputas serão nas categorias elite e local, nas provas masculino e feminino. Já a competição de Ciclismo, abrangerá as categorias Master B; Master C; Elite; MTB e feminino. As inscrições também podem ser feitas pelo e-mail [email protected]
O Campeonato Sanjoanense de Barco à Vela é disputado em canoas utilizadas do dia a dia da pesca artesanal e em duplas, sendo uma tradição no município. De acordo com o Departamento de Esportes, o campeonato será realizado por etapas, sendo a primeira na festa de Nossa senhora da Penha, e as demais acontecerão em 11 e 25 de maio e nos dias 8 e 22 de junho, e a última em 29 de junho, na festa de São Pedro, na programação do Circuito Junino. O percurso é da Ilha da Convivência ao Cais do Arlindo (Cais dos Atletas), no Centro.
Além da programação esportiva, tem também a programação recreativa, com início no dia 26, promovida pela Irmandade de Nossa Senhora da Penha.
Confira a programação esportiva e recreativa:
 
26 de abril (sexta-feira)
20h – Quem é o Anjo?
Premiação: R$ 100
Oferta: Drogaria Nossa Senhora dos Navegantes
 
20h30- Guerra de Cotonetes
Premiação: R$100,00
Oferta: Demilton Nunes
 
21h- Touro Mecânico
Premiação: R$100
Oferta: Demilton Nunes
 
21h30- Show de Calouros
Premiação: R$100
Oferta: Demilton Nunes
 
27 de abril (sábado)
 
11h – Campeonato Sanjoanense de Barco à Vela
Organização: Departamento de Esportes
Premiação: R$ 11.000 (divididos para os 10 primeiros colocados)
 
28 de abril (domingo)
8h – Corrida Rústica
Premiação: R$ 3.000 (divididos para o 1º, 2º, 3º , 4º e 5º lugares)
Organização: Departamento de Esportes
 
9h – Prova Ciclística
Premiação: R$ 3.000 (divididos entre os vencedores por categoria)
Organização: Departamento de Esportes
 
13h30 – Pega do Pato no Paraíba (Porto da Penha)
1º lugar – R$ 150 / Oferta: Posto Santa Rita de Cássia
2º lugar – R$ 100 / Oferta: Atamacon Material de Construção
3º lugar – R$ 50 / Oferta: Júnior Monteiro (subsecretário de Turismo)
 
14h – Luta sobre o cavalete no Rio Paraíba (Porto da Penha)
1º lugar – R$ 100
2º lugar – R$ 50
Oferta: Júnior Monteiro (subsecretário de Turismo)
 
29 de abril (segunda-feira)
13h – Concurso de tarrafa (Em frente à Igreja)
Premiação: R$ 150
Oferta: Colônia de Pescadores Z-2
13h30 – Cabo de Guerra para mulheres (Porto da Penha)
1º lugar – R$ 200 / Oferta: Restaurante do Ricardinho
2º lugar – R$ 100 / Oferta: InsideFx
 
14h – Cabo de Guerra para Homens (Porto da Penha)
1º lugar – R$ 200 / Oferta: Pousada e Restaurante Rio Sol
2º lugar – R$ 100 / Oferta: InsideFx
 
15h – Tradicional Pau de Sebo (Porto da Penha)
Premiação Inicial - R$ 300 / Oferta: TTE Empreendimentos
Comentar
Compartilhe
Betinho Dauaire lança Franquis pré-candidato a prefeito de SJB
22/04/2019 | 11h34
Ex-prefeito de São João da Barra, Betinho Dauaire concedeu entrevista à Folha, publicada no último dia 16 (aqui), na qual falou sobre o histórico da família na política sanjoanense e fez projeções para 2020. Questionado sobre a corrida eleitoral do ano que vem, Betinho não colocou seu nome no páreo novamente. Não descartou uma candidatura do seu filho, o deputado estadual Bruno Dauaire (PSC), mas diz que “é importante Bruno continuar na Alerj [Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro]”. Contudo, Betinho não deixou de lançar um nome do seu grupo para o pleito de 2020. O escolhido é o vereador Franquis Areas (PR), aliado de longa data da família Dauaire.
— Está aí um nome que eu gostaria que vocês observassem de perto, o Franquis Areas. Mora no município de SJB, tem experiência no Executivo, já que foi secretário de Transporte, vereador no terceiro mandato, tem experiencia na iniciativa privada, empresarial e é um político que mantém uma média comportamental, fidelidade muito grande. Acho que é um nome que vocês têm de observar mais de perto. Hoje o nome de Bruno Dauaire, a gente sente que está na boca do povo da oposição. Fui eu, foi Carla, são ciclos. O nome de Franquis tem que ser observado mais de perto por vocês — afirmou Betinho.
O cenário em SJB fica indefinido por conta de um processo eleitoral que se arrasta desde 2012. A prefeita Carla Machado (PP) está condenada em duas instâncias na ação eleitoral decorrente da operação Machadada. Ela e seus aliados têm esperança de reverter a pena de oito anos de inelegibilidade, com recurso a ser julgado pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Com Carla podendo ser candidata, com a máquina na mão, ela se torna franca favorita. Sem Carla, a eleição é outra, sobretudo se não houver coesão do seu grupo em relação a um nome para a sucessão.
Questionado se em um possível cenário sem Carla levaria a família Dauaire a colocar o nome na disputa, Betinho respondeu: “Na verdade, se você quiser escolher seus adversários, não é democracia. Nós nunca tivemos esse receio. E ela [Carla] também nunca teve esse receio. É por isso que, talvez, esteja aí, uma certa magia na polarização política de SJB”. Dauaire ainda lembrou dos movimentos para candidaturas de terceira via em SJB, citando nomes como o advogado Juliano Rangel e o radialista Emilson Amaral.
— Sempre existe uma vontade de uma terceira via, para fugir dessa polarização. Essa terceira via vem ensaiando desde 1996, com nomes diferentes, mas como SJB é uma cidade com eleição em um turno só, tem suas dificuldades. Mas, sempre com nomes que merecem o nosso respeito. Agora, quem faz essa polarização, que essa terceira via tenta combater, é o próprio eleitor. Não é o Betinho, nem a Carla. (...) Citam vários nomes na terceira via também, como Emilson Amaral, doutor Juliano... Nomes que, em algum momento, tiveram participação na política de SJB.
As movimentações no tabuleiro político de SJB apenas começaram, muita água vai rolar até as convenções do próximo ano.
Comentar
Compartilhe
Atafona já no clima da festa de Nossa Senhora da Penha
22/04/2019 | 10h31
A praia de Atafona já iniciou os festejos da padroeira Nossa Senhora da Penha. Nesse domingo (21), o Oitavário foi iniciado com a realização de missa solene, no santuário, levantamento do quadro da padroeira na praça e procissão automobilística, que seguiu de Atafona até a sede do município, retornando em seguida ao santuário.
A programação recreativa, esportiva e cultural, que começa na sexta-feira (26), ainda não foi divulgada. A expectativa é pela liberação das atrações o mais breve possível, já que é inconcebível uma festa do porte da Nossa Senhora da Penha, que além do retorno religioso movimenta a economia da praia, começar sem que a Prefeitura, que apoia o evento, publique as atrações que irá ofertar.
Na parte religiosa, organizada exclusivamente pela Irmandade de Nossa Senhora da Penha, a programação já está definida e divulgada há bastante tempo. Confira:
Segunda a quinta-feira (22 a 25 de abril)
19h - Santa Missa
Sexta-feira (26 de abril)
17h - Romaria Luminosa de Nossa Senhora da Penha (saída, em caminhada, da Igreja Matriz de São João Batista)
19h - Santa Missa
Sábado (27 de abril)
19h - Santa Missa
20h - Auto de Maria Tema: Maria, Mãe da Eucaristia.
Domingo (28 de abril)
9h - Santa Missa — Dia da Divina Misericórdia
11h – Batizados
15h30 - Saída da Procissão Fluvial
17h - Chegada da Procissão Fluvial ao Porto da Penha e Cerimônia de Coroação
18h30 - Santa Missa
20h - Tradicional Leilão (prendas podem ser doadas na igreja até a hora do leilão)
Segunda-Feira (29 de abril)
5h - Alvorada
9h -Missa Solene (Campal)
11h30 - Batizados
17h - Tradicional Procissão de Nossa Senhora da Penha - Patrimônio Cultural Imaterial do Estado
20h30 – Cerimônia de Coroação
Comentar
Compartilhe
Ônibus da 1001 voltam a circular em Chapéu de Sol
20/04/2019 | 11h47
Foto - Isaias Fernandes
Quem escolheu ir para Atafona, em São João da Barra, no feriado prolongado e precisou do transporte público intermunicipal teve uma surpresa. A Auto Viação 1001, responsável pela linha, voltou a atender à localidade de Chapéu de Sol nesta sexta-feira (19). Sem aviso prévio, em plena temporada de verão, a empresa decidiu suspender o serviço em janeiro, escolhendo o local conhecido como praça do Repolinho como ponto final em Atafona. Sempre que consultado, o Departamento de Transportes Rodoviários do Rio de Janeiro (Detro) informava que não havia autorização para tal mudança. Ainda assim, a alteração permaneceu por três meses. Moradores de Chapéu de Sol acionaram o Ministério Público e acreditam que o retorno no atendimento, também sem nenhum aviso prévio, tem relação com a luta deles.
Em nota, a Auto Viação 1001 informou apenas “que a operação de Chapéu de Sol foi retomada na manhã desta sexta-feira para garantir o serviço à população conforme entendimento com o Detro”.
Morador da praia, o jornalista João Noronha conta que um grupo de moradores procurou a 1ª Promotoria de Tutela Coletiva do Ministério Público, em Campos, no dia 21 de março, para uma representação contra o Detro e a 1001 com a seguinte narrativa:
“Desde o dia 25 de janeiro de 2019, a empresa 1001, que atende temporariamente à localidade, cortou o atendimento à população, atendida pela linha intermunicipal há mais de meio século, alegando poucos moradores, responsabilidade do município e ‘assaltos’, obrigando os moradores, trabalhadores e estudantes a caminharem sob o sol e a chuva por seis quilômetros. Comunicado o problema ao Detro, o órgão não resolveu o problema e os moradores continuam sofrendo pela falta de transporte. Como o serviço é essencial e tira o direito de ir e vir da população até Campos, para resolver seus compromissos, estamos sem a quem recorrer”.
Ainda de acordo com Noronha, até a tarde de quinta-feira (18) não havia nenhum posicionamento concreto do MP, mas ele acredita que o retorno do atendimento tenha relação com o movimento dos moradores. “Não ia voltar assim, de uma hora para outra. Levamos o caso ao Ministério Público para ter uma solução. Não tivemos apoio de político nenhum, a prefeita não veio, vereadores não vieram, secretário de Transporte não veio, deputados da região... Ninguém apareceu aqui”, afirmou, acrescentando que, neste sábado (20), nem todos os ônibus da linha Campos-Atafona estavam cumprindo o trajeto até Chapéu de Sol.
O blog questionou a 1001 para saber se houve alguma recomendação do MP ou decisão Judicial, mas a resposta fala somente em “conforme entendimento com o Detro”.
Comentar
Compartilhe
Bruno Dauaire: Presidente do PSC em SJB foi infiel, apoiou Paes
19/04/2019 | 15h05
O deputado estadual Bruno Dauaire rebateu o posicionamento do ex-presidente do diretório municipal do seu novo partido, o PSC, em São João da Barra. Ao deixar a legenda e a presidência do diretório (aqui), Renato Thimoteo afirmou que Bruno entrou no PSC por “oportunismo” e que não existe nenhuma relação ou motivo para dividir o mesmo espaço partidário com o parlamentar. Bruno, no entanto, aponta que Thimoteo — aliado da prefeita Carla Machado (PP) e atual presidente do regime de previdência municipal — foi infiel ao PSC já que na campanha de 2018 a governador teria declarado apoio a Eduardo Paes (DEM) e não ao governador Wilson Witzel (PSC).
— Ele deveria ter saído do partido desde a campanha no ano passado, quando resolveu ser infiel com o então candidato a governador pelo PSC, Wilson Witzel, apoiando abertamente o Eduardo Paes e o grupo do Cabral. Ele me usa como desculpa para esconder o oportunismo político e a falta de vontade política própria. Apoiei o Witzel na campanha e fui convidado pelo próprio para ingressar no partido e liderar a bancada na Alerj — ressaltou Bruno.
Ao responder ao blog, Bruno ainda enviou um print de uma rede social de Thimoteo, que consta um banner de campanha de Paes:
Comentar
Compartilhe
Presidente do PSC em SJB renuncia após filiação de Bruno Dauaire
17/04/2019 | 22h38
O presidente do Partido Social Cristão (PSC) em São João da Barra, Renato Timotheo, comunicou ao Diretório Estadual, nesta quarta-feira (17), sua renúncia do cargo e consequente desfiliação da sigla. A decisão foi tomada, segundo ele, por discordar da recente filiação do deputado Bruno Dauaire. À frente do Diretório Municipal desde 2016, Timotheo esclarece que não existe nenhuma relação ou motivo para dividir o mesmo espaço partidário com o parlamentar.
— Está bem claro, para mim, que o deputado entra no PSC por puro oportunismo. No ano passado seu projeto era ajudar a eleger o [Anthony] Garotinho governador, mas os planos deram errado, então se aproximou do governador Wilson Witzel para tentar usufruir da máquina — argumenta.
Deixando o futuro partidário ainda em aberto, ele expõe seu ponto de vista em relação à postura do deputado como representante de SJB. “Vejo que política se faz com presença. Para mim ele é 'virtual', aparece no município esporadicamente, talvez duas ou três vezes ao ano. Não conhece a necessidade nem realidade do povo”.
Aliado de longa data da prefeita Carla Machado (PP), Renato Thimoteo classifica seu atual grupo político como “competente e que tem compromisso com o desenvolvimento de São João da Barra”, e isso, para ele, reforça a decisão em não permanecer no mesmo partido do deputado.
Renato, atualmente, é presidente do Regime Próprio de Previdência Social (RPPS) dos servidores municipais sanjoanenses, o SJBPrev.
Comentar
Compartilhe
Feriadão de sexta a terça em SJB: ponto facultativo na segunda-feira
17/04/2019 | 09h42
A Prefeitura de São João da Barra decretou, no Diário Oficial desta quarta-feira (17), ponto facultativo nas repartições públicas municipais no dia 22 de abril, segunda-feira. Desta forma, o feria-dão começa na sexta-feira Santa (19), e as atividades só serão retomadas na próxima quarta-feira (24), após o feriado estadual de São Jorge (23).
O ponto facultativo não abrange os setores responsáveis por serviços públicos essenciais, que não podem ser paralisados.
Comentar
Compartilhe
Tradição da procissão do fogaréu em SJB
16/04/2019 | 21h46
Fotos: Paulo Pinheiro/Divulgação
A noite ficou mais escura, apenas com a iluminação de tochas nesta terça-feira (16) no Centro de São João da Barra. O motivo foi a realização de mais uma Procissão do Fogaréu, que representa a perseguição dos soldados romanos a Jesus Cristo, em Jerusalém. O evento, resgatado em 2013, após uma interrupção de mais de 100 anos, atraiu moradores e visitantes.
A realização é da Irmandade do Santíssimo Sacramento, da Paróquia São João Batista, com apoio da Prefeitura, consolidando uma importante manifestação de fé e tradição popular no município. O Circuito Religioso prossegue até domingo, com as celebrações da Semana Santa, e continua até 29 de abril, com as comemorações da padroeira da praia de Atafona, Nossa Senhora da Penha.
Nesta quarta-feira (17), na programação da Semana Santa, acontece a Procissão do Encontro, às 19h, com celebração de missa na sequência. Confira as atividades religiosas previstas até o domingo de Páscoa na sede do município:
Quinta-Feira Santa (18 de Abril)
- Início do Tríduo Pascal
19h- Santa Missa da Ceia do Senhor, Cerimônia do Lava-Pés e adoração ao Santíssimo Sacramento.
Sexta-Feira Santa (19 de Abril) – “O Cordeiro é imolado”
06h - Adoração ao Santíssimo Sacramento
15h - Solene Ação Litúrgica da Paixão do Senhor, Leitura Solene da Paixão, Adoração do Cristo na Cruz, na Igreja Matriz de São João Batista.
19h - Piedosa e Solene Procissão do Enterro do Senhor Morto, na Igreja Matriz de São João Batista.
Após procissão, encenação do Auto da Paixão de Cristo na Praça de São João Batista.
Sábado Santo (20 de Abril)
20h - Solene Vigília Pascal: Benção do Fogo Novo, Preparação do Círio Pascal, canto do “Exultet”, Liturgia da Palavra, Liturgia Batismal e Liturgia Eucarística, na igreja São João Batista.
Domingo de Páscoa (21 de Abril)
06h - Festiva Procissão da Ressurreição, Praça de São João Batista.
07h - Santa Missa de Páscoa, Praça de São João Batista.
19h - Santa Missa de Páscoa, Praça de São João Batista.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB cobra R$ 3,3 milhões a ex-secretários de Neco
15/04/2019 | 18h43
Prefeitura de São João da Barra
Prefeitura de São João da Barra / Folha da Manhã
Foi publicado no Diário Oficial da Prefeitura de São João da Barra, nesta segunda-feira (15), uma decisão preliminar, que tem como base em uma auditoria realizada e já comunicada ao Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro (TCE), na qual foram apontadas irregularidades em um contrato de R$ 3.311.561,49 com o escritório Amaral & Barbosa Advogados. A secretaria de Administração de SJB determinou a adoção das medidas administrativas, entre elas a devolução do valor ao erário público.
Foram notificados o secretário de Administração à época dos fatos, Rogério Zorzal, o escritório Amaral & Barbosa Advogados, como beneficiários, e na publicação em Diário Oficial consta Edson Cláudio como secretário de Fazenda à época dos fatos, mas o responsável pela pasta no período, segundo Zorzal, não seria ele.
Ao Portal OZK, que divulgou matéria sobre o assunto (aqui), Zorzal comentou sobre a situação:
“A sociedade de advogados foi contratada com a finalidade de prestação de serviços técnicos jurídicos especializados para levantamento de eventuais créditos decorrentes de pagamentos indevidos de contribuições sociais e previdenciárias. O objetivo, portanto, da contratação é exatamente fazer frente aos inúmeros decréscimos de receitas ocorridos ao longo dos últimos anos. Ou seja, com a contratação, visava-se a obtenção de recursos oriundos de pagamentos indevidos à União Federal de forma a viabilizar o pagamento de mais de R$ 16 milhões.
Esclareça-se que os honorários foram estipulados em percentual sobre o montante a ser apurado e, por outro lado, o valor citado refere-se ao máximo que poderia ser despendido em razão dos créditos efetivamente aproveitados.
Por fim, saliente-se que a contratação foi concretizada nos estritos termos do que dispõe a Lei 8.666/1993, que estabelece as regras para contratação com órgãos públicos, não havendo nenhuma ilicitude nem de forma e, muito menos, de objeto.
Vou aguardar ser convocado pela Tomada de Contas que será realizada pelo controle interno e fazer minha defesa”.
Na publicada em Diário Oficial, a Prefeitura deu prazo de 15 dias para que o valor seja devolvido aos cofres municipais.
Comentar
Compartilhe
Revista Época: Machadada é exemplo da morosidade da Justiça Eleitoral
15/04/2019 | 18h29
O jornalista Guilherme Amado, da revista Época, publicou uma matéria (aqui) sobre a morosidade da Justiça Eleitoral. O exemplo utilizado é o da Ação de Investigação de Judicial Eleitoral (Aije) resultante da operação Machadada, deflagrada em 2012. Até hoje, o processo está sem desfecho na Tribunal Superior Eleitoral (TSE). As decisões de primeira e segunda instâncias só foram proclamadas em 2017, ambas pela inelegibilidade dos réus Carla Machado (PP), Alexandre Rosa (PRB), Alex Firme (PP) e o ex-prefeito Neco (MDB).
Vale lembrar que se a sentença de segunda instância fosse publicada antes do pleito de 2016, as duas candidaturas pela Prefeitura estariam barradas, já que Carla venceu Neco nas eleições. Apesar da condenação em colegiado, foi publicado um efeito suspensivo da condenação, em março de 2018, por meio de um embargo de declaração concedido de forma monocrática pelo então presidente em exercício do Tribunal Regional Eleitoral (TRE), desembargador Carlos Santos de Oliveira.
No TSE, o processo está parado no gabinete do ministro Og Fernandes sem nenhuma movimentação desde 13 de fevereiro. Em entrevista à Folha, o deputado federal Wladimir Garotinho (PSD) disse ter informações sobre o julgamento ainda este ano.
Comentar
Compartilhe
Bruno Dauaire troca PRP pelo PSC de Witzel
12/04/2019 | 15h34
O deputado estadual Bruno Dauaire trocou o PRP pelo PSC, partido do governado Wilson Witzel. A mudança já era conhecida nos bastidores da política fluminense, mas a assinatura do documento oficial de filiação no diretório regional só aconteceu nesta sexta-feira (12), com a ficha assinada pelo presidente nacional do partido, pastor Everaldo. Witzel também abonou a ficha de inscrição do parlamentar ao partido.
A tendência, agora, é que Bruno assuma, nos próximos dias, a liderança do PSC na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj). Seu agora companheiro de bancada é Márcio Pacheco, líder do governo na Alerj.
Vale lembrar que o Partido Republicano Progressista (PRP) não alcançou a chamada cláusula de barreira no pleito de 2018. Em tese, a sigla não poderia contestar a saída nenhum dos seus parlamentares. O PRP, inclusive, já anunciou a fusão com o Patriota. No mês de dezembro, o presidente nacional do Patriota, Adilson Barroso Oliveira, chegou a afirmar que a incorporação já tinha sido averbada junto ao registro civil de ambos os partidos e encontrava-se em fase final de homologação pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Até o momento, não houve a oficialização.
Contestou — Recentemente, o deputado federal Wladimir Garotinho, aliado de Bruno, trocou o PRP pelo PSD. Só que o antigo partido não ficou satisfeito e protocolou no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) representação, pedindo o mandato do parlamentar por infidelidade partidária (aqui). Wladimir classificou atitude como “desequilibrada e desproporcional”.
Comentar
Compartilhe
Caio não responde publicamente ao pai e se aproxima de Pudim
11/04/2019 | 09h40
Cotado novamente como pré-candidato a prefeito de Campos, Caio Vianna (PDT) tem posta-do fotos nas redes sociais em visita à Alerj. Recentemente, ele publicou uma foto (aqui) com o deputado estadual campista Rodrigo Bacellar (SD), também pré-candidato a prefeito. Nessa quarta-feira (10), foi a vez de um registro com o ex-deputado Geraldo Pudim (MDB), hoje secretário geral da mesa na Alerj.
Em sua publicação, Caio relata que “a pacificação política do município de Campos passa pelo diálogo sereno entre todas as correntes de pensamento”. O ex-prefeito Arnaldo Vianna (MDB), pai de Caio, retirou o apoio ao filho em 2016 e abraçou a candidatura de Pudim. Esse movimento do popular ex-prefeito foi fator importante, segundo as pesquisas, para queda nas intenções de voto do candidato do PDT, que acabou a disputa em terceiro lugar, após ter liderado parte dos levantamentos do instituto Pró4.
Arnaldo deu duas entrevistas ao Grupo Folha nos últimos dias. A primeira foi para o jornal (aqui), publicada no domingo (7). A outra, no programa Folha no Ar (aqui) — da Folha FM 98,3 — de terça-feira (9). Nas duas, Arnaldo sinalizou que, desta vez, pretende apoiar o filho em 2020. Porém, tem algumas condições, como saber as alianças partidárias e, sobretudo, que Caio o procure, demonstre que queira seu apoio.
Contudo, até o momento, Caio não falou publicamente sobre as colocações do seu pai — apesar de a Folha ter tentado ouvi-lo após a primeira entrevista de Arnaldo. O filho do ex-prefeito, no entanto, mostra que está articulando para entrar no jogo em 2020. O pai, pela popularidade, poderia ser um trunfo. Só que se o filho deixar o tempo passar, pode perde-lo novamente. Disse Arnaldo à Folha, ele não é “apenas o pai do Caio. Tenho uma história que não posso simplesmente pegar e rasgar”.
Comentar
Compartilhe
Câmara de SJB autoriza concurso com 87 vagas
10/04/2019 | 15h27
A sessão desta quarta-feira (10) da Câmara de São João da Barra autorizou a abertura de Concurso Público da Prefeitura com 87 vagas. Inicialmente, o blog chegou a divulgar que o certame teria 91 vagas (aqui), a partir do edital de licitação publicado em Diário Oficial. Na sequência, a Prefeitura adiou (aqui), sine die, a licitação. Agora, o projeto que passa pela Câmara e traz alterações no número de vagas, com redução para 87, para os níveis Médio e Superior. Os salários variam entre R$ 1.429,14 (Médio) e R$ 3.629,01 (Superior).
Para o nível Médio, serão oferecidas vagas para Agente de Tributos (6), Agente de Fiscalização de Transporte Público (6), Agente de Fiscalização de Saúde (6), Agente de Fiscalização de Postura (6), Agente de Fiscalização de Obras (4), todos com carga horária de 40h e salários de R$ 1.689,45. Já os cargos previstos anteriormente de Agente de Fiscalização de Trânsito (14) e Guarda Ambiental (6) foram substituídos por 20 vagas para Guarda Municipal, com carga horária de 44 horas e proventos de R$ 1.429,14.
Já para o nível Superior, ficaram mantidas, conforme o edital anterior, as seguintes vagas: Auditor Fiscal de Obras (6); Engenheiro Civil (1); Auditor Fiscal de Vigilância Sanitária - especialidades I (1), II (1), III (1), IV (1), e V (1); Contador (5); Analista Fiscal de Meio Ambiente - especialidades I (2), II (1), III (1), IV (2), V (1) e VI (1) e Auditor Municipal de Controle Interno (2). No caso de Auditor Fiscal de Tributos, as vagas foram diminuídas, de 12 para 10. O novo edital, que deverá ser publicado em breve, conta também com vagas Auditor Fiscal de Vigilância Sanitária - especialidades I (1) e II (1). Os salários são de R$ 3.629,01, com carga horária de 40 horas.
Também foram excluídas duas vagas para Tecnólogo Ambiental (2), uma de Estatístico (1) e outra de Engenheiro do Trabalho (1).
Comentar
Compartilhe
Reajuste do servidor de SJB é aprovado
10/04/2019 | 11h23
Prefeitura de SJB
Prefeitura de SJB
A Câmara de São João da Barra aprovou, na sessão desta quarta-feira, o projeto de lei do Executivo que dispõe sobre o reajuste salarial anual dos servidores municipais. Os salários terão reajuste de 4,91% tanto para os servidores do Executivo, quanto para o Legislativo.
A data base para reajuste dos salários em SJB é o mês de março. À época, a Câmara chegou a solicitar ao Executivo o envio do projeto para apreciação.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB tem sistema invadido por hackers
09/04/2019 | 21h04
O sistema interno da Prefeitura de São João da Barra foi tirado do ar na segunda-feira (8), por volta das 11h30, ao ser invadido por hackers. De acordo com a Secretaria Municipal de Fazenda, os serviços administrativos amanheceram criptografados e com acesso negado. O ciber, com mensagem em inglês, pediu "resgate" de 5 mil bitcoins (dinheiro eletrônico) para liberar senha de restabelecimento. O caso foi registrado na 145ª Delegacia de Polícia do município.
— Todas as providências estão sendo tomadas para sanar o problema, como formatação dos servidores e restauração do backup, que é feito na nuvem. Nenhum dado foi violado. O sistema deve ser restabelecido nesta quinta-feira, 11 — explicou o secretário, Allan Barcellos.
O invasor é um vírus. O Ransomware é um tipo de software nocivo que restringe o acesso ao sistema infectado com uma espécie de bloqueio e cobra um resgate em criptomoedas para que o acesso possa ser restabelecido. O primeiro relato documental deste tipo de ataque foi em 2005, nos Estados Unidos. "Não pagamos resgate e acionamos a polícia", disse o secretário de Fazenda.
Casos semelhantes foram registrados em prefeituras de estados como Mato Grosso, São Paulo e Rio Grande do Sul. Esse tipo de ação de bandidos cibernéticos pode resultar em dois crimes: invasão de dispositivo informático, mais extorsão. A pena para extorsão é de prisão de quatro a dez anos. Já o outro crime tem pena de reclusão de até um ano e multa. (A.N.)
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB tem sistema invadido por hackers
09/04/2019 | 16h46
O sistema interno da Prefeitura de São João da Barra foi tirado do ar na segunda-feira (8), por volta das 11h30, ao ser invadido por hackers. De acordo com a Secretaria Municipal de Fazenda, os serviços administrativos amanheceram criptografados e com acesso negado. O ciber, com mensagem em inglês, pediu "resgate" de 5 mil bitcoins (dinheiro eletrônico) para liberar senha de restabelecimento. O caso foi registrado na 145ª Delegacia de Polícia do município.
— Todas as providências estão sendo tomadas para sanar o problema, como formatação dos servidores e restauração do backup, que é feito na nuvem. Nenhum dado foi violado. O sistema deve ser restabelecido nesta quinta-feira, 11 — explicou o secretário, Allan Barcellos.
O invasor é um vírus. O Ransomware é um tipo de software nocivo que restringe o acesso ao sistema infectado com uma espécie de bloqueio e cobra um resgate em criptomoedas para que o acesso possa ser restabelecido. O primeiro relato documental deste tipo de ataque foi em 2005, nos Estados Unidos. "Não pagamos resgate e acionamos a polícia", disse o secretário de Fazenda.
Casos semelhantes foram registrados em prefeituras de estados como Mato Grosso, São Paulo e Rio Grande do Sul. Esse tipo de ação de bandidos cibernéticos pode resultar em dois crimes: invasão de dispositivo informático, mais extorsão. A pena para extorsão é de prisão de quatro a dez anos. Já o outro crime tem pena de reclusão de até um ano e multa.
Comentar
Compartilhe
Alex Firme renuncia à presidência da Câmara de SJB
09/04/2019 | 10h10
Pouco mais de um ano após ser eleito presidente da Câmara de São João da Barra, o vereador Alex Firme renunciou à função. O documento foi lido durante a sessão desta terça-feira (9) do Legislativo Sanjoanense. Alex, por motivos de saúde, está fora da Casa desde o mês passado. Aluizio Siqueira (PP), presidente do Legislativo entre 2013 e 2017, volta ao comando do poder.
Em seu perfil no Facebook, a prefeita Carla Machado (PP) comentou sobre a decisão de Alex, seu aliado: “Entendi perfeitamente o seu motivo, pois saúde tem que estar em primeiro lugar. Essa atitude só me faz admirar mais o vereador, pois foi de total desprendimento e responsabilidade. Administrar uma Casa de Leis é uma coisa que requer muita dedicação, o que no momento, Alex não tem essa condição. Além disso, ele não quer em hipótese alguma, atrapalhar o bom andamento desta instituição em detrimento do seu problema de saúde, apesar deste ser passageiro. Continuará na sua função de vereador cumprindo a missão que lhe foi delegada por Deus e pela população de nossa terra”.
Com Aluizio assumindo a presidência, o cargo de vice fica vago. A a maioria governista votou em Sônia Pereira (PT) para retornar à função, como ocorreu no primeiro biênio. A eleição aconteceu nesta terça mesmo.
A eleição de Alex para a presidência da Câmara já estava prevista. O acordo foi firmado em outubro de 2016, em reunião da então prefeita eleita Carla Machado com o seu grupo de vereadores. À época, o combinado do grupo seria que o vereador mais votado entre as coligações que estavam no palanque de Carla seria presidente da mesa no primeiro biênio, ficando o segundo biênio para o segundo mais votado.
A mais votada do grupo foi Sônia Pereira. Ela abriu mão da presidência para reconduzir Aluizio ao cargo. Alex, segundo mais votado, não quis ficar fora do cargo de presidente no segundo biênio. Com a proximidade da eleição da mesa, começaram a correr boatos que o combinado para eleger Alex poderia não ser cumprido. No mesmo período, Carla coloca seu nome no páreo como possível candidata a deputada, o que forçaria a uma renúncia do cargo de prefeita.
Apesar de o regimento garantir que a eleição da mesa acontecesse até 15 de dezembro de 2018, a escolha foi antecipada para 4 de abril, sem nenhuma das surpresas aventadas, mantido o acordo da base governista firmado desde 2016. Alex, após tomar posse, concedeu uma entrevista à Folha da Manhã (aqui). Um dos réus na operação Machadada, ele descartou a possibilidade de perder o cargo no caso de a condenação, de primeira e segunda instâncias, ser mantida pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Alex também anunciou ações para economia do orçamento da Casa, bem como disse que iria mudar o horário das sessões. Não houve tempo para nenhuma das medidas.
O vereador Alex Firme presidiu poucas sessões. No dia 12 de março, Aluizio assumiu a presidência da Casa temporariamente, devido à primeira licença médica de Alex. O pedido de afastamento da Casa foi renovado neste mês, uma semana antes da renúncia definitiva da presidência da Câmara. Ainda não há previsão do retorno de Alex para exercer as atividades de vereador.
Abaixo, confira o requerimento encaminhado por Alex à Câmara de SJB:
Comentar
Compartilhe
Rafael Diniz convoca 385 aprovados da Saúde e Educação
08/04/2019 | 16h25
O prefeito Rafael Diniz (PPS) anunciou, nesta segunda-feira (8), a convocação de 385 novos profissionais aprovados no concurso realizado em 2014 para as áreas de Saúde e Educação. São 39 médicos, 30 auxiliares de saúde bucal, 15 professores de ensino religioso, 78 acompanhantes, 77 inspetores de alunos e 146 auxiliares de turma. Desde 2018, já são 516 aprovados em concurso público convocados pela Prefeitura de Campos.
A publicação do Edital para oficialização dos novos servidores acontece nos próximos dias. Para Rafael Diniz, a responsabilidade com a gestão pública foi essencial no êxito desse processo.
— Todos sabem da minha luta, desde quando era vereador, para o chamamento desses aprovados. Com tanta crise e falta de responsabilidade, como recebemos a prefeitura, não foi possível fazer antes. Mas agora, depois de muita eficiência, conseguimos realizar essa convocação obedecendo a Lei de Responsabilidade Fiscal — destacou o prefeito.
Com a decisão, o município recompõe os quadros da administração pública diante da aposentadoria de servidores nos últimos quatro anos e cumpre os princípios da igualdade, impessoalidade e eficiência na Administração Pública, previstos pela Constituição Federal de 1988.
Em 2018, a Prefeitura de Campos convocou 131 médicos em diversas áreas, como clínica médica, pediatria, angiologia, cardiologia, dermatologia, medicina do trabalho, endocrinologia, genética, geriatria, ginecologia/obstetrícia, infectologia, mastologia, neuropediatria, oftalmologia, proctologia, psiquiatria e reumatologia.
O procurador Geral do Município, José Paes Neto, explica que no ano passado a Prefeitura de Campos suspendeu temporariamente o concurso realizado em 2014 para resguardar os direitos dos concursados aprovados.
— Em julho de 2018, o decreto foi publicado no Diário Oficial do Município, considerando que Campos passava por uma grave crise financeira, com queda de arrecadação, estando próxima do limite máximo previsto na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). A suspensão do concurso naquele momento garantiu que hoje, com a situação financeira mais estável, o município possa fazer esta nova convocação — explicou José Paes.
Comentar
Compartilhe
SJB abre inscrições para conselheiros tutelares
08/04/2019 | 11h18
Folha da Manhã
O Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente abre a partir desta quarta-feira (10) as inscrições para candidatos ao Conselho Tutelar de São João da Barra. Cinco conselheiros, e respectivos suplentes, serão escolhidos pela comunidade para cumprir mandato de quatro anos. As inscrições vão até 10 de maio, na secretaria de Assistência Social e Direitos Humanos (próximo ao banco Itaú), entre 10h e 12h e das 13h às 15h.
Os conselheiros cumprirão jornada de trabalho diária, incluindo plantões e deverão dedicar-se exclusivamente ao cargo. A remuneração do Conselheiro Tutelar é de R$ 1.467,05.
Os interessados em concorrer à função deverão cumprir alguns requisitos legais e apresentar documentação comprobatória no momento da inscrição. A idade mínima é de 21 anos e a escolaridade exigida, segundo grau completo. Também precisa comprovar ser morador do município há dois anos e ter, pelo mesmo período, reconhecida experiência na defesa ou atendimento aos direitos da criança e adolescente. Na entrega da documentação também é exigido o atestado de antecedentes criminais.
São várias etapas até a conclusão do processo. A primeira é análise da documentação, de caráter eliminatório. No dia 12 de junho, a comissão responsável pelo processo divulgará a relação de candidatos aptos e os que forem considerados inaptos terão uma semana para recorrer. Já o dia 26 de junho é o limite para a comissão apresentar a análise dos recursos.
Quem passar pela primeira etapa, vai participar da prova de aferição de conhecimentos específicos sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), também de caráter eliminatório. O cronograma da prova será elaborado por empresa própria a ser licitada pela Prefeitura. A avaliação acontecerá entre os meses de julho e agosto. Serão considerados aprovados os candidatos que obtiverem, no mínimo, 50% dos pontos previstos para a prova objetiva.
A eleição dos candidatos, por voto direto, está prevista para o dia 6 de outubro. Após a votação, os eleitos passarão, antes da posse, por um curso de formação acerca das normas do ECA e dos aspectos práticos do exercício da função do conselheiro tutelar.
Mais detalhes no Diário Oficial (aqui).
Comentar
Compartilhe
Carla Machado promete retorno de bolsas universitárias em SJB
08/04/2019 | 10h32
A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PP), anunciou, no último sábado (6), o retorno do Cartão Universitário, programa de bolsas, para o próximo semestre e a disponibilização de um terreno para a construção de uma escola de ensino médio do Estado, no Açu. As promessas aconteceram durante a entrega das obras de reforma da Escola Estadual Dr. Newton Alves, em Atafona, com a presença do secretário de Estado de Educação, Pedro Fernandes.
Vale lembrar que em outubro de 2017 (aqui), durante lançamento oficial em SJB do Identidade Jovem (ID Jovem), Carla anunciou para “tão logo seja possível” a retomado do Cartão Universitários e o transporte universitário. No caso do transporte, a retomada aconteceu no ano passado. Agora, a prefeita fixa um prazo para retorno das bolsas universitárias, mas ainda não há detalhes sobre como será o processo de seleção.
No sábado, Carla agradeceu a presença do secretário no município e disse ter a certeza de que fará um ótimo trabalho na área educacional do Estado. “Nosso Estado só vai poder crescer de fato com a construção de uma educação melhor, que oportunize um futuro melhor para nossos estudantes. Aqui no município, já estamos inserindo o turno integral em uma escola que inauguraremos em alguns dias, e o projeto Educa-Ação!, que vai preparar esses alunos em disciplinas como Matemática e Português, no contraturno, melhorando o desempenho em sala de aula no horário regular”, ressaltou.
O secretário de Estado citou que pretende pôr fim ao déficit de professores. “Não podemos ter, de forma alguma, uma escola sem equipe pedagógica completa, para que possamos avançar no campo pedagógico”, frisou. Ele ainda disse que o governo do Estado está comprando 25 mil ares-condicionados para as salas de aula, que serão entregues nos próximos meses, e prometeu a substituição dos aparelhos que se encontram com defeito na escola visitada.
Também foi lembrado por Carla Machado a parceria do Estado com o Município e vice e versa, no compartilhamento de salas de aula. Devido ao crescimento do Açu, onde está instalado o maior porto da América Latina, a prefeita colocou à disposição do Estado um terreno, para a construção de uma unidade escolar de ensino médio, assim como foi feito com o Instituto Federal Fluminense (IFF).
 A escola Dr. Newton Alves é uma das compartilhadas e recebeu, em 2017, uma contribuição da Prefeitura, com telhado em duas salas, forro, pinturas, recuperação da parte hidráulica e janelas.
— Desde 2017 até os dias atuais o diálogo entre a Semec e Seeduc tem sido constante e frutífero, resultando em parcerias como escolas compartilhadas e produção de projetos. Esperamos estreitar esse diálogo em prol de uma educação de qualidade a todos — pontuou o secretário municipal de Educação e Cultura, Daniel Damasceno.
O que emocionou a todos foi a inauguração do Auditório Cultural Professora Tânia Maria S. Germano, que era muito querida por todos e faleceu no ano passado. O aluno Matheus Oliveira declamou uma poesia em sua homenagem.
O evento contou também com a participação do deputado estadual Bruno Dauaire (PRP); do presidente em exercício da Câmara de SJB, Aluizio Siqueira e demais vereadores; do assessor estadual de Educação do interior, Maicon Cruz; da diretora da instituição estadual Maria Adriana Abreu, sua adjunta Viviane Souza; da diretora Municipal, Liliana Anunciação; professores, alunos, equipes técnicas, de apoio, e comunidade.
Comentar
Compartilhe
Picciani convidou Betinho Dauaire para ser secretário de Pezão, diz Wladimir
05/04/2019 | 20h30
O deputado federal Wladimir Garotinho (PSD) foi o entrevistado da manhã desta sexta-feira (5) do programa Folha no Ar, transmitido pela Folha FM (98,3). Além de falar sobre seu mandato e o cenário eleitoral de Campos (aqui), Wladimir foi questionado sobre o cenário em São João da Barra (confira no vídeo no fim do post, entre 19:17 e 24:01).
Da mesma forma que disse em entrevista à Folha (aqui), o deputado federal classificou Bruno Dauaire (PRP) como um “caminho natural e bom” na sucessão eleitoral em SJB, principalmente na impossibilidade da prefeita Carla Machado (PP) disputar a reeleição, caso o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) mantenha as condenações de primeira e segunda instâncias.
Wladimir ainda destacou a fidelidade de Bruno ao grupo político e revelou um episódio desconhecido dos bastidores da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj), envolvendo o ex-prefeito de SJB Betinho Dauaire, pai de Bruno, e Jorge Picciani (MDB), que presidia a Casa, em 2017, durante o governo Luiz Fernando Pezão (MDB).
— O Picciani convidou, e eu vi, o Betinho, pai de Bruno, para ser secretário estadual de Agricultura, antes do Jair [Bittencourt]. E o Bruno e o Betinho recusaram, por fidelidade ao grupo político — afirmou Wladimir.
O blog tentou contato com Betinho Dauaire para comentar sobre o fato, mas, até o momento, não houve retorno.
Comentar
Compartilhe
Parceria do Balcão de Empregos de SFI com empresa offshore oferece 675 vagas
05/04/2019 | 15h30
A Prefeitura de São Francisco de Itabapoana, por meio do Balcão de Empregos da Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Humano, firmou nessa quinta-feira (4) uma parceria com a empresa Cozivip para fornecimento de mão de obra na área offshore. Serão disponibilizadas 675 vagas e as inscrições para seleção dos candidatos começam na próxima segunda-feira (8).
— A partir desta data, os interessados devem procurar o Balcão de Empregos, situado no prédio da secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Humano, na avenida Vereador Edenites da Silva Viana, nº 87, no Centro, das 8h às 17h. É necessário levar documento de identidade, CPF e comprovante de residência atualizado. O prazo de inscrição termina no próximo dia 12 — informou Aroldo Leandro, parceiro do Balcão de Empregos, acrescentando: “É preciso ter experiência comprovada em carteira na função pretendida através de trabalho em terra ou embarcado. Os salários serão compatíveis com as referidas profissões. A previsão é de que os selecionados comecem a trabalhar em julho deste ano. Agradecemos a confiança do empresário Rodrigo Azevedo Batista nesta importante parceria”, revelou.
As vagas ofertadas são as seguintes: nutricionista (20), chefe de cozinha (60), padeiro (60), ajudante de cozinha (55), saloneiro/garçom de navio (60), reparador/manutenção (60), recepcionista (60) e taifeiro/camareiro (300).
— Estamos dando oportunidade aos moradores do município de ingressarem no mercado de trabalho por intermédio de uma grande empresa na área offshore, a Cozivip. A geração de empregos e renda em SFI é uma orientação da prefeita Francimara Barbosa Lemos (PSB) e estamos cumprindo esta importante missão — destacou o secretário de Trabalho e Desenvolvimento Humano, Fagner Azeredo.
A empresa — A Cozivip é a primeira empresa offshore instalada no município de Campos dos Goytacazes. Além de desenvolver soluções para a satisfação das necessidades humanas na manipulação de alimentos, bebidas e eventos, ainda atende às expectativas do contingente embarcado nas diversas atividades offshore em plataformas, navios e rebocadores.
Fonte: Ascom/PMSFI
Comentar
Compartilhe
Carla Machado: município pode pagar por novo projeto de contenção do mar em Atafona
05/04/2019 | 09h27
Novo projeto foi apresentado na Câmara
Novo projeto foi apresentado na Câmara / Paulo Sérgio Pinheiro/Divulgação
A prefeita de São João da Barra, Carla Machado (PP), afirmou que o município tem condições de arcar, sozinho, com o novo projeto de contenção do avanço do mar em Atafona, caso o valor do projeto seja de R$ 20 milhões. A declaração ocorreu nessa quinta-feira (4), durante audiência pública na qual o pesquisador e professor da Universidade Federal Fluminense (UFF) Eduardo Bulhões apresentou sua proposta para recuperação da orla com a construção de dunas e bermas artificiais em 1,8 km de linha de praia.
Na abertura da audiência, a prefeita falou do papel do município na condução do processo. “A solução não é rápida. Existe toda uma normativa, existem todos os aspectos legais. A gente não pode fazer uma intervenção sem que todos os órgãos ambientais estejam de acordo”, afirmou Carla, que também destacou a necessidade de voltar a discutir o projeto anterior, do Instituto Nacional de Pesquisas Hidroviárias (INPH).
Durante a reunião, um vereador chegou a questionar o prazo para execução do projeto. A estimativa foi de um ano e meio, assim que ficar acertado se realmente ele será desenvolvido e sem nenhuma pendência. Carla lembrou, ainda, que a responsabilidade pela obra de contenção seria de todos os entes federativos — União, Estado e município. No entanto, ressaltou que se ficar no valor de R$ 20 milhões, o município tem condições de pagar sozinho.
Folha 1 tem matéria completa sobre a audiência pública.
Comentar
Compartilhe
Wladimir quer batizar BR 356, de Itaperuna a SJB, de Alberto Dauaire
04/04/2019 | 16h21
O deputado federal Wladimir Garotinho apresentou nesta quinta-feira (4), na Câmara dos Deputados, um projeto de lei para denominar “Rodovia Alberto Dauaire” o trecho da BR-356 entre as cidades de São João da Barra e Itaperuna. Alberto, que morreu no dia 8 de abril de 2016, era pai do também ex-prefeito de Betinho Dauaire e avô do deputado estadual Bruno Dauaire (PRP). Bruno, aliás, é aliado de primeira linha de Wladimir. O deputado federal inclusive, em entrevista à Folha (aqui), disse que Bruno seria um “caminho natural e bom” como candidato na disputa para prefeito nos próximos anos.
Alberto Dauaire obteve 11 mandatos consecutivos: três vezes vereador de SJB, exercendo várias vezes a presidência do Legislativo municipal, no período de 1950 a 1962; prefeito do município de SJB, de 1963 a 1966; sete vezes deputado estadual, de 1966 a 1995, período em que ocupou, por duas vezes, secretarias de Estado na gestão dos governadores Jeremias Matos Fontes e Leonel de Moura Brizola, tendo encerrado a vida pública em 1995.
Comentar
Compartilhe
Diretor do INPH diz que projeto com espigões em Atafona custaria entre R$ 50 a R$ 100 milhões
04/04/2019 | 10h31
Foto: Paulo Pinheiro/Divulgação
Autor do projeto de contenção do avanço do mar em Atafona do Instituto Nacional de Pesquisa Hidroviárias (INPH), Domênico Accetta foi entrevistado pelo jornalista Camilla Silva para matéria da Folha da Manhã, que trata de outro estudo sobre o mesmo assunto que será apresentado em audiência pública nesta quinta-feira (4), na Câmara de São João da Barra. Chama atenção na reportagem que Domênico contraria a perspectiva do valor de execução do seu projeto, que a Prefeitura vem estimando desde 2015. Segundo a administração municipal, em posicionamentos distintos nos últimos quatro anos, a obra ficaria entre R$ 150 e 180 milhões. No entanto, Accetta acredita que a construção dos nove espigões na costa ficaria “entre R$ 50 e R$ 100 milhões”.
— O projeto foi elaborado com base em estudos científicos e levantamentos de dados de campo que integravam não apenas a região a sofrer intervenção, como também as regiões vizinhas, especialmente a praia de Grussaí. (...) Certamente, quem afirma que os valores são muito superiores a este [de R$ 50 a R$ 100 milhões] e que o projeto irá impactar as regiões vizinhas não conhece com profundidade o assunto e nosso projeto — afirmou Domênico.
Já o projeto que será apresentado nesta quinta é professor Eduardo Bulhões, da Universidade Federal Fluminense (UFF), PhD em Geologia Marinha, Processos Litorâneos e Impactos Ambientais em Zonas Costeiras. A proposta consiste em uma “transposição artificial de areias”, sem a necessidade da construção de estruturas fixas, que custaria cerca de R$ 20 milhões.
Confira a matéria completa no Folha 1.
Comentar
Compartilhe
IPTU de SJB com desconto de 20% em cota única
04/04/2019 | 09h28
A Prefeitura de São João da Barra divulgou no Diário Oficial desta quinta-feira (4) informações referentes ao pagamento do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) e a taxa de coleta de lixo domiciliar relativos ao exercício de 2019. O desconto será de 20% para pagamento em cota única, com limite de quitação em 31 de maio. O pagamento poderá ser dividido também em oito parcelas, sendo que a primeira vence já no dia 30 de abril.A emissão do carnê de pagamento é feita no Setor de Tributos da Prefeitura de São João da Barra – Rua Barão de Barcelos, nº 88 – ou no site oficial www.sjb.rj.gov.br. No montante está incluída, também, a Taxa de Coleta Domiciliar.
O secretário municipal de Fazenda, Allan Barcellos, alerta para o cumprimento dos prazos de pagamento a vista ou parcelado, conforme a Lei Municipal n° 577/2018, evitando o acréscimo de juros e multas. “O parcelamento tem datas de vencimento mensais consecutivas, a partir de abril até novembro, sempre no último dia útil do mês. Portanto, é importante que os contribuintes fiquem atentos”, destacou o secretário.
Confira as datas de vencimento das parcelas do IPTU:
Comentar
Compartilhe
Christino Áureo lidera bancada do petróleo no Congresso
03/04/2019 | 16h21
O deputado federal Christino Áureo (PP) conseguiu nesta quarta-feira (3) que a Câmara Federal constituísse a subcomissão de Óleo e Gás no Congresso Nacional a fim de discutir assuntos importantes para o segmento e especialmente para estados e municípios produtores de petróleo. A subcomissão funcionará no âmbito da Comissão de Minas e Energia da qual o deputado é membro. Segundo Christino, este é um passo fundamental para o desenvolvimento do setor.
— Hoje foi mais um dia de vitória no Congresso, conseguimos a criação da subcomissão e ainda, transformá-la em uma subcomissão permanente, dada a relevância da cadeia produtiva do petróleo para o desenvolvimento do país e, mais ainda, para o Estado do Rio de Janeiro, com ênfase nos municípios do Norte Fluminense e litorâneos. Caberá a esta subcomissão estruturar a discussão de temas fundamentais como: distribuição de royalties e participações especiais, lei do gás, preços de combustíveis, e principalmente as rodadas de leilão do pré-sal e pós-sal que trarão bilhões em investimentos para os municípios, gerando milhares de empregos, tão necessários para levar alguma esperança aos lares brasileiros – afirmou o deputado.
A articulação para a criação da subcomissão vem sendo feita pelo deputado. Nessa terça-feira (1) ele se reuniu com o secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do ministério de Minas e Energia Márcio Félix. No encontro o parlamentar buscou conhecer os projetos do ministério para esta área, já que o estado do Rio de Janeiro é produtor de óleo, gás e etanol.
Félix explicou que estão confirmados os leilões de áreas de produção de petróleo no pré e pós-sal, para outubro e novembro deste ano. Para o deputado Christino Áureo, os leilões são fundamentais para o estado do Rio.
— Nós estamos buscando a retomada da indústria do petróleo no Brasil, e a realização destes leilões são importantes para dar continuidade a este trabalho. Os leilões vão gerar investimentos e com isso a volta dos empregos para Macaé e Região — disse Christino.
Outro assunto discutido na reunião foi a volta das discussões na Câmara Federal sobre a Lei do Gás, um marco importante para o estado do Rio. Segundo Christino, nos próximos anos, a oferta de gás no estado vai aumentar e precisamos estar preparados para receber esta oferta. “A expectativa é que nos próximos 10 anos a oferta de gás natural vindo do pré-sal para o estado do Rio de Janeiro vá crescer muito, e nós precisamos estar preparados para este mo-mento. Atualmente o preço do gás praticado no estado do Rio impossibilita a expansão da indústria e ainda prejudica a oferta de gás residencial e veicular. Precisamos aproveitar este aumento de crescimento na produção de gás natural, que deve acontecer nos próximos anos, para fazer com que este benefício chegue ao consumidor”, concluiu.
Comentar
Compartilhe
GNA conclui financiamento para projeto de termelétrica no Açu
03/04/2019 | 09h03
Parque já está em construção
Parque já está em construção / Leondenis Bensi/Divulgação
A Gás Natural Açu (GNA), joint venture formada pela Prumo Logística, BP e Siemens, informou nesta quarta-feira (3) que concluiu o financiamento de longo prazo para a implantação da UTE GNA I, projeto térmico a gás natural de 1,3 GW de capacidade instalada, no Complexo do Porto do Açu, no Rio de Janeiro.
A operação de financiamento consistiu na assinatura de dois contratos: um com a International Finance Corporation (IFC), no valor de US$ 288 milhões, concluída em março de 2019 e outro, no valor de R$ 1,76 bilhão, obtido em dezembro de 2018, junto ao BNDES e KfW IPEX-Bank, responsável pelo financiamento a projetos internacionais e de exportação do KfW Group, em uma parceria inédita para as instituições. O KfW IPEX-Bank, por sua vez, conta com o suporte do Euler Hermes Aktiengesellschaft, agência alemã de crédito à exportação.
— Hoje é um dia marcante para a história da GNA, pois concluímos a estruturação financeira da UTE GNA I. Estamos construindo um projeto estruturante que, atualmente, emprega mais de 2.500 pessoas, sendo cerca de 70% de moradores locais, e que irá contribuir para a diversificação da matriz energética brasileira — afirma Bernardo Perseke, diretor-presidente da GNA. O executivo completa: “O apoio de nossos financiadores atesta a relevância de nosso projeto para o país e nosso compromisso com o desenvolvimento sustentável e o respeito às comunidades locais.”
O projeto da UTE GNA I, previsto para entrar em operação comercial em 2021, consiste em uma usina termelétrica a gás natural em ciclo combinado de 1,3 GW, um terminal de regaseificação de GNL, uma linha de transmissão e uma subestação, que ligará a termelétrica ao Sistema Interligado Nacional (SIN). O projeto é parte do maior parque termelétrico a gás natural da América Latina, que está sendo construído pela GNA no Porto do Açu. Além da UTE GNA I, a companhia irá construir a UTE GNA II, com 1,7 GW de capacidade instalada. Juntas, as duas termelétricas somam 3 GW.
A UTE GNA I apoiará a diversificação da matriz energética do Brasil, aumentando a resiliência do sistema, promovendo a segurança energética e contribuindo para uma energia confiável e acessível.
Expansão
A GNA possui, ainda, licença ambiental para mais que dobrar sua capacidade instalada, podendo chegar a 6,4 GW, o que permitirá o desenvolvimento de projetos termelétricos adicionais no futuro. Somado a isso, a localização estratégica do Porto do Açu, próximo aos campos produtores de pré-sal, possibilitará a criação de um Hub de Gás, para recebimento, processamento e transporte do gás associado.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de Campos convoca servidores para cadastro do ponto biométrico
03/04/2019 | 07h10
A Prefeitura de Campos convocou no Diário Oficial desta quarta-feira (3) todos os funcionários estatutários ativos, comissionados, estagiários e temporários para cadastramento e validação da biometria para fins de registro de ponto. Existe um cronograma, com servidores divididos por área de atuação. O recadastramento começa na próxima segunda-feira (8) e termina no dia 27 de junho. É necessário que o servidor leve um documento oficial com foto ao local que for determinado pelo cronograma de recadastramento.
A instalação do ponto biométrico é uma promessa de campanha do prefeito Rafael Diniz (PPS), reafirmada em entrevista à Folha no dia 30 de dezembro. Já em entrevista ao programa Folha no Ar, na Folha FM (98,3), Rafael disse na último quinta-feira (28) que a instalação do ponto necessitaria apenas do recadastramento dos servidores.
Recentemente, a Folha apontou em duas abordagens na coluna Ponto Final (aqui e aqui) sobre fatos que corroboram a necessidade do ponto biométrico. A opinião tomou como base duas reportagens na área de Saúde. A primeira foi sobre um plantão na emergência pediátrica do Hospital Geral de Guarus (HGG), na qual apenas um dos cinco plantonistas estava na unidade (aqui). Na mesma semana, a reclamação foi por falta de atendimento, de forma generalizada (aqui), no Hospital São José.  
Confira o cronograma:
Comentar
Compartilhe
Mangueira parabeniza Congos e Chinês por reconhecimento como patrimônio
02/04/2019 | 18h21
Reprodução/Facebook
A Estação Primeira de Mangueira, escola de samba campeã do Carnaval do Rio de Janeiro, publicou uma nota em sua página oficial no Facebook parabenizando “as escolas de samba co-irmãs do Norte Fluminense” pelo tombamento como Patrimônio Histórico e Cultural do Estado do Rio de Janeiro. Os projetos de lei, de autoria da deputada estadual Rosângela Zeidan (PT) — aprovados em plenário na Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) — foram publicados em Diário Oficial, respectivamente como leis estaduais de números, 8.327 e 8.340, no último dia 29 de março.
A Mangueira também parabeniza aos povos Quilombolas pelo reconhecimento, já que o Quilombo Machadinha, em Quissamã, também foi tombado como patrimônio: “É na luta que a gente se encontra!”, conclui a publicação da Mangueira.
A Folha 1 tem (aqui) matéria completa sobre o tombamento das escolas de samba sanjoanenses.
Comentar
Compartilhe
Alex Firme licenciado da Câmara de SJB por mais 10 dias
02/04/2019 | 10h28
O presidente da Câmara de São João da Barra, Alex Firme (PP), continua licenciado da Casa para tratamento de saúde. Ele protocolou mais um atestado médico, desta vez de 10 dias. Existia a expectativa de que Alex retornasse ao Legislativo municipal na sessão desta terça-feira (2), mas a reunião aconteceu sob a presidência de Aluizio Siqueira (PP), vice-presidente da Câmara.
Já como presidente do Legislativo de SJB, Alex chegou a afirmar, em entrevista à Folha, que voltaria a realizar as sessões no horário das 17h a partir de março, um pleito, inclusive, de opositores. Só que ele precisou se afastar da Casa por problemas de saúde e agora prorrogou o prazo de afastamento. O blog, até o momento, não conseguiu confirmar quando começa a contar o prazo de 10 dias do novo atestado.
O tempo passou e os demais vereadores não levaram ao plenário a pauta de mudança do horário da sessão. Aliás, não foi realizada nem a homenagem que todo ano é prestada no mês de março a mulheres do município que se destacam. Todas as questões aguardam o retorno do presidente da Câmara.
Atualização às 10h35 — No fim da sessão desta terça, Aluizio leu o comunicado de Alex informando sobre o afastamento, como noticiado pelo blog, por mais 10 dias.
Comentar
Compartilhe