Carla Machado recebe presidente do PT estadual
31/01/2015 | 16h25
[caption id="attachment_713" align="aligncenter" width="300"]Da esquerda para direita: Odisséia Carvalho, Zeidan, Carla Machado, Washington Quaquá e Soninha Pereira Da esquerda para direita: Odisséia, Rosangela Zeidan, Carla Machado, Washington Quaquá e Soninha Pereira[/caption] A ex-prefeita Carla Machado recebeu neste sábado (31), em Atafona — no seu Cais do Porto —, o presidente do diretório estadual do Partido dos Trabalhadores, Washington Quaquá, a deputada estadual Rosangela Zeidan e lideranças do PT regional. O principal assunto do encontro, as articulações para disputa em 2016. “A Carla Machado é prioridade absoluta do PT na região, tanto para o PT estadual como para o nacional. É fundamental para nosso projeto para o retorno do Lula (ex-presidente) em 2018, termos políticos como a Carla, liderança que irradia regionalmente. Estaremos fortalecendo sua liderança, o PT vai ajudar em uma futura campanha”, afirmou Quaquá. Segundo o presidente do diretório estadual, Carla em São João da Barra e Fátima Pacheco, em Quissamã, são francas favoritas para a disputa pelas prefeituras de suas respectivas cidades. Quaquá afirmou que nas pesquisas internas, as duas apareceriam com o triplo de intenção de votos comparados aos segundos colocados. Já para Carla, o momento é de estreitar relações, já que ela chegou ao PT de forma mito rápida, para disputa em 2014. A ex-prefeita elogiou as políticas sociais adotadas pelo ex-presidente Lula e a presidente Dilma, mas jogou a decisão de se lançar como pré-candidata a prefeita de São João da Barra para um encontro futuro. “Fiquei muito feliz com a visita dos companheiros. Estamos conversando. O PT é um bom caminho. Até março estaremos estreitando as alianças visando a disputa de 2016”, declarou. Sobre uma candidatura própria do PT em Campos, Quaquá não descarta a possibilidade e acredita que o partido tem chance de lançar bons nomes. No entanto, reitera que o foco é fazer de Carla candidata pelo PT em São João da Barra e que este foi o maior objetivo do encontro. “Nem sempre a maior cidade é que dá o maior exemplo. Uma administração como a de Carla é exemplo disso, tanto que ela tem mais ‘entrada’ em Campos que muita gente de lá”. Além de Quaquá e Zeidan, estiveram no encontro a vereadora e presidente do diretório petista de São João da Barra, Soninha Pereira, a ex-vereadora campista Odisséia Carvalho, além de outros nomes ligados ao comando estadual petista e na região.
Comentar
Compartilhe
Neco volta a apresentar programa de rádio
31/01/2015 | 12h25
[caption id="attachment_708" align="aligncenter" width="300"]Reprodução / Facebook_Max Weber Reprodução / Facebook_Max Weber[/caption] O prefeito Neco, de São João da Barra, voltou ao programa São João da Barra no Ar, transmitido pela rádio Barra FM e também pela Educativa FM, e debateu uma pauta extensa. Entre os assuntos, a crise hídrica, a redução dos royalties, o verão no litoral sanjoanense e o transporte municipal (aqui). Embora ainda não tenha anunciado medidas de contingenciamento, com fez outros municípios da região, o prefeito deixou claro que sua equipe “já começou um estudo de impacto”. Na questão da crise hídrica, o prefeito e o secretário de Agricultura Pedro Nilson Berto, falaram sobre as ações de apoio ao produtor rural, neste período de grande estiagem. Quanto à queda de arrecadação dos royalties de petróleo, Neco avaliou que os municípios produtores, como São João da Barra, podem passar por algum tipo de “necessidade”. Com relação ao verão e os shows no litoral sanjoanense, o prefeito mais uma vez elogiou a atuação de órgão de segurança, como já havia feito aqui, e afirmou que a marca do verão deste ano é um verão de paz.
Comentar
Compartilhe
Campostur pode perder linhas municipais de SJB
31/01/2015 | 12h03
sjbO prefeito de São João da Barra, Neco, afirmou durante o programa de rádio São João da Barra no Ar, transmitido pela rádio Barra FM e pela Educativa FM, que se a empresa Sanjoanense Campostur não tomar as providências quanto às exigências do edital de licitação para o serviço das linhas municipais, o contrato será suspenso. A passagem municipal custa R$ 2,75, mas a população paga R$ 0,90 e o restante do valor é subsidiado pelo poder público municipal. O edital exigia ônibus com computador de bordo, GPS, bilhetagem eletrônica, televisão com transmissão de informações de utilidade pública e dispositivo de comunicação online com a garagem, que deveria ter área de, pelo menos, 2.000 m². Essas exigências deveriam ter sido cumpridas até 90 dias após o início do atendimento, ou seja, até o dia 24 de novembro de 2013. — O contrato licitatório foi excelente, mas a empresa não cumpriu nada. A Campostur vai ter que responder dentro de 15 dias o porquê não cumpre as obrigações. Se a empresa não cumprir as exigências, vamos fazer outra licitação — afirmou Neco. O prefeito falou ainda sobro o número reduzido de ônibus em todas as linhas. “Tenho certeza que a passagem a R$ 0,90 é excelente paras as pessoas carentes. Mas muita gente não tem mais confiança em esperar esses ônibus no ponto”, declarou. Em tempo: Se nas linhas intermunicipais a população reclama da falta de fiscalização por parte do Detro (aqui), a Prefeitura de São João da Barra dá um importante passo para melhorar a oferta de serviço de mobilidade urbana.
Comentar
Compartilhe
Contingenciamento longe da sessão extraordinária de SJB
30/01/2015 | 18h31
[caption id="attachment_265" align="alignleft" width="300"]Divulgação Divulgação[/caption] Diferente do que foi especulado (aqui), a sessão extraordinária da Câmara de São João da Barra não vai apreciar nenhum projeto de contingenciamento, como aconteceu com parte dos municípios da região. Por enquanto, Campos, Macaé, Cabo Frio e Quissamã, além do estado do Rio de Janeiro e da União, já anunciaram a redução de custos e “cortes na própria carne”. Conforme publicado no Diário Oficial desta sexta-feira (30), os quatro projetos do Executivo tratam da abertura de crédito adicional suplementar; alteração da redação do inciso I do Artigo 7º da Lei Orçamentária Anual deste ano; outro projeto de Lei autoriza o Executivo a deferir parcelamento de eventuais débitos não tributários mediante solicitação do interessado; e um dispõe sobre a remuneração dos servidores municipais dos quadros permanente e especial que venham a ocupar cargo de provimento em comissão ou função gratificada, além dos servidores cedidos ao município que venham a ocupar cargo de provimento em comissão. O prefeito Neco ainda não falou se o município vai precisar “cortar na própria carne”, como aconteceu com cidades da região. Foi tentado contato por telefone na tarde desta sexta, mas sem êxito.
Comentar
Compartilhe
Câmara de SJB terá sessão extraordinária na segunda
29/01/2015 | 18h13
20150102_095314A Câmara de São João da Barra realiza na próxima segunda-feira (02), às 17h, uma sessão extraordinária a fim de apreciar quatro matérias de autoria do Executivo. A pauta não foi divulgada, mas após os municípios de Campos, Macaé, Quissamã, além do estado do Rio de Janeiro e a União, anunciarem “cortes na própria carne” devido às questões macroeconômica, entre elas a redução do valor do barril do petróleo, o Executivo sanjoanense pode enviar à Câmara suas medidas para 2015, apontado por especialistas como um dos anos mais difíceis para a economia nacional. Em muitos casos as prefeituras optaram por “enxugar a máquina” e por reduzir os salários do prefeito, vice, secretários e cargos de confiança. Houve também a redução de secretarias, de no mínimo 20% os valores de contratos e convênios, além de extinção de alguns cargos. Com informação da Ascom/Câmara SJB.
Comentar
Compartilhe
Após dois anos, painéis digitais de SJB entram em manutenção
29/01/2015 | 10h38
20150128_104908Os diversos painéis digitais de São João da Barra, que um dia já indicaram a hora e a temperatura corretamente, ganharam a esperança de manutenção. O problema acontece desde 2013. Em alguns, as horas e datas estavam desatualizadas. Em outros, não eram mais exibidas. Além de data, hora e temperatura, os painéis também exibiam mensagens informativas e tinham imagens de cartões postais do município. A esperança de manutenção chegou, pelo menos é o que indica as lonas que foram colocadas em alguns, como mostra a foto ao lado. Resta agora aguardar para verificar se a manutenção que teve início dois anos após o problema acontecer, como mostrou o site SJB Online (aqui e aqui), não vai levar mais dois anos para ser concluída. E tem mais: Alguns desses painéis são totalmente desnecessários. Já que o poder público fará a manutenção, poderia também remover alguns "exagerados". Afinal. se alguém tivesse que perder algum compromisso devido ao uso desses relógios da cidade, não teria cumprido nada nos últimos dois anos. Pode ter quem discorde, isso é apenas uma opinião.
Comentar
Compartilhe
Vereador “independente” tem discurso “afinado” com o de Carla Machado
28/01/2015 | 17h50
post carlaSe o bloco dos “independentes” na Câmara de São João da Barra caminha para uma terceira força nas próximas eleições ou se irá integrar algum grupo já existente, aparentemente ainda é cedo para definir. Mas que o discurso nas redes sociais entre o vereador Alex Firme, ex-líder do governo Neco e agora membro do “novo bloco”, está afinado com o da ex-prefeita Carla Machado é evidente. No mesmo dia eles postaram mensagem sobre estarem “apenas observando” as movimentações políticas da cidade. Carla ainda alfinetou nos comentários: “Tô igual a esse gatinho (da foto ao lado) há um bom tempo... Mas quando eu abrir a boca vai ser aquele "MIAUuuuuuuuuu" ...rsrsrsr”, disparou. Coincidência ou não, entre os que curtiram tanto o post original quanto o comentário citado anteriormente, está o vereador Alex Firme. post alexEm tom enigmático, Alex diz estar “buscando entender melhor o significado de algumas atitudes e as ações de algumas pessoas”.  Como já citou outras vezes, o ex-líder do governo na Câmara falou sobre o apego ao poder. “Qualquer poder é passageiro, mas as pessoas do bem ficam pra sempre eternizadas em nossos corações”. Carla e Alex já caminharam no mesmo grupo político por muitos anos. No último pleito municipal, Alex foi o vereador mais votado pelo PMDB em São João da Barra, partido que à época tinha no quadro Carla Machado e Neco, então aliados, hoje politicamente rompidos.
Comentar
Compartilhe
Gersinho: Decisão quanto à secretaria cabe somente ao prefeito Neco
27/01/2015 | 20h04
gersinhoEx-presidente da Câmara de São João da Barra e candidato a vice-prefeito na chapa contra o prefeito Neco na última eleição, Gersinho Crispim não se mostrou surpreso com o seu nome ser citado como possível secretário de Pesca do município. “A decisão está nas mãos do prefeito. Por enquanto é tudo boato, mas fico feliz de ser lembrado”, declarou. Gersinho confirma uma aproximação do grupo que fazia oposição à gestão da ex-prefeita Carla Machado junto ao governo Neco. Inclusive, nas eleições do ano passado, ele apoiou o vereador Kaká para deputado estadual, que também faz parte do grupo do prefeito. “É uma aproximação nossa com ele e vice-versa”, disse Gersinho. O ex-presidente da Câmara falou ainda que já ouviu boatos de que assumiria outra pasta, Transportes, mas que tudo não passou de especulação. No entanto, Gersinho deixou no ar que a expectativa para assumir um cargo de confiança no governo Neco ainda existe. “Vamos aguardar o mês de fevereiro, quando é esperado uma grande reforma administrativa. Como disse, a decisão cabe apenas ao prefeito”, afirmou o ex-vereador.
Comentar
Compartilhe
São João da Barra paga salários nesta quarta
27/01/2015 | 16h26
3617_270115133325_dinheiro_1764x700Servidores municipais de São João da Barra recebem nesta quarta-feira (28) o salário referente ao mês de janeiro. O pagamento cumpre o calendário anual, divulgado no início no ano, para que os servidores possam se programar com relação às suas contas e despesas pessoais. Vale lembrar que os servidores municipais têm acesso aos contracheques através do site da prefeitura (aqui) ou, em caso de qualquer dificuldade, o servidor pode se dirigir à secretaria de Administração e solicitar orientação sobre como proceder. Fonte: Secom/SJB
Comentar
Compartilhe
Neco oferece secretaria de Pesca à vereadora petista
26/01/2015 | 15h44
sessão-28-02-13-15A vereadora Soninha Pereira foi sondada pelo prefeito Neco para assumir a secretaria de Pesca, cargo vago desde dezembro passado. A informação foi confirmada pela própria vereadora, que também é presidente do diretório petista sanjoanense. Outro nome que surge nos bastidores, mas sem confirmação oficial, é o do ex-presidente da Câmara Gersinho Crispim. Em 2012, ele foi candidato a vice-prefeito na chapa de Betinho Dauaire, na disputa contra Neco. A recusa de Soninha seria devido a questões burocráticas, que impediriam o desenvolvimento de alguns projetos. “Eu até tenho projetos para os pescadores, como oferecer gratuitamente reformas a embarcações que precisam, quando for este barco o único do proprietário, doação de redes quando os pescadores perderem, mas tenho receio de esbarrar na burocracia. Vou continuar na defesa da classe pesqueira na Câmara”, disse Soninha. No tabuleiro político — Se Soninha aceitasse a proposta de Neco, sua cadeira na Câmara ficaria com o primeiro suplente Flávio da Silva Batista, o Flavinho, ex-secretário de Pesca. A retirada de Soninha da Câmara teria resultado também nas articulações da bancada “independente”, encabeçada por Aluizio Siqueira e Alex Firme. O grupo poderia contar ainda com a adesão de Ronaldo da Saúde e Soninha — por ser do mesmo partido da ex-prefeita Carla Machado — seria um possível nome a integrar a bancada, embora atualmente faça parte da base de sustentação ao governo. E sobre Gersinho? — O ex-presidente da Câmara de SJB e candidato a vice-prefeito contra Neco no último pleito municipal, Gersinho Crispim pode fazer parte do primeiro escalão do governo sanjoanese. Nos bastidores o assunto é recorrente, mas sem confirmação oficial. Desde a aproximação do grupo de Neco na eleição do ano passado, o nome do ex-vereador já teria surgido como opção para algumas pastas. Gersinho já teria informado a interlocutores que assumirá a pasta da Pesca. Entretanto, oficialmente, não há posicionamento. Não conseguimos contato com o ex-presidente da Câmara por telefone, mas o espaço está aberto — como sempre e a todos que são citados nos posts — para ouvir sua versão.
Comentar
Compartilhe
Por onde anda quem fiscaliza o transporte intermunicipal?
23/01/2015 | 21h46
Relutei para não usar este espaço para críticas aos desmandos e descasos do transporte público intermunicipal entre Campos e SJB. Mas fui vencido. A empresa Sanjoanense Campostur e os seus funcionários, num insistente jogo de empurra sem nenhuma solução, estão brincando com quem necessita dos coletivos entre Campos e Atafona, principalmente às sextas-feiras. O carro que deveria fazer a linha, como consta no quadro de horários da própria empresa, desaparece. Os funcionários, que devem ficar irritados com tantas pessoas perguntando sobre o porquê de não ter mais o ônibus, se limitam a informar que "estão seguindo ordens". "Ordens de quem?", questiona uma passageira. "São ordens da empresa", responde o funcionário. O ônibus que deveria fazer a linha Campos x Atafona é remanejado para Grussaí /Lagoa. Claro que no verão é necessário um número maior de ônibus para Grussaí, devido ao aumento de passageiros. O que não é aceitável é que outros usuários sejam prejudicados. Não teria a magnífica empresa ônibus substitutos/reservas? Mas, eis a questão, quem deveria fiscalizar isso? Por onde anda o Detro? O departamento anuncia aumento de passagem. A Campostur não o faz. Sabe por quê? Não há necessidade. Além de, aparentemente, não fiscalizar esses mandos e desmandos da empresa, o Detro utiliza uma tabela que seria complexa e desatualizada para correção das tarifas. Seriam levados em consideração as condições das estradas há mais de 20 anos e o fluxo de passageiro da mesma época, por exemplo. Mas as correções de inflação, taxa de combustível e outras cobranças são sempre atualizadas. Essas informações foram fornecidas em 2012, pelo então secretário de Transporte de SJB, que dizia não ter acesso a todos os cálculos. E, pelo que se sabe, continua na mesma. Dois pesos e duas medidas. Muita coisa mudou positivamente daquela época pra cá. Não seria o momento de atualizar essa tabela de correção também? Acredito que o preço da tarifa até diminuiria. Mas, a não ser para os passageiros, isso não deve interessar a mais ninguém. Por enquanto, resta aos passageiros pagar uma tarifa de R$ 10, em um percurso de cerca de 40 km, para andar num carro lotado, que passa por Grussaí, via Sesc, SJB e Atafona. E muita gente prefere o silêncio. Vida de gado!  
Comentar
Compartilhe
SJB abre concurso público com 60 vagas para Saúde
23/01/2015 | 07h39

[caption id="attachment_159" align="aligncenter" width="300"]Neco realiza o segundo concurso público na sua gestão, desta vez para Saúde. Foto: Divulgação/Folha da Manhã Neco realiza o segundo concurso público na sua gestão, desta vez para Saúde. Foto: Divulgação/Folha da Manhã[/caption]

A Prefeitura de São João da Barra publicou o edital para realização de concurso público para a área da Saúde, no Diário Oficial desta sexta-feira (23). A seleção é destinada a vagas de chamada imediata, bem como a formação de cadastro de reserva para cargos estatutários permanentes. No total, são 60 vagas. Os salários variam de R$ 907,03 (nível fundamental) a R$ 6.657,87 (nível superior). Este é o segundo concurso público na gestão do prefeito Neco. O primeiro foi o da Educação, com as provas aplicadas no último fim de semana. A Fundação Bio Rio é a responsável pela organização.

Será disponibilizada uma vaga para cada cargo. São eles: Enfermeiro; Enfermeiro (2ª a 6ª); Enfermeiro (sábado/domingo); Enfermeiro - Auditor; Enfermeiro - Socorrista (2ª a 6ª); Enfermeiro - Socorrista (sábado/domingo); Enfermeiro - Trabalho. Com relação aos médicos, será contratado um em cada uma das especializações e condições a seguir: Anestesiologista (24h), Anestesiologista (20h), Auditor, Cardiologista, Cirurgião Cabeça e Pescoço, Cirurgião Geral, Cirurgião Pediátrico, Dermatologista, Endocrinologista, Gastroenterologista, Geriatra, Ginecologista/Obstetra, Infectologista, Mastologista, Nefrologista, Neurocirurgião, Neurologista, Neuropediatra, Oftalmologista, Ortopedista, Otorrinolaringologista, Pediatra, Pediatra (2ª a 6ª), Pediatra (sábado/domingo), Pneumologista, Proctologista, Psiquiatra, Radiologista, Reumatologista, Segurança do Trabalho, Socorrista (2ª a 6ª), Socorrista (sábado/domingo), Urologista e Veterinário.

Também serão contratados odontologistas, com uma vaga para cada especialização: Odontólogo, Endodontia, Estomatologista, Odontopediatria, Periodontia, Prótese Dentária e Buco-Maxilo-Facial. Completam a lista de vagas para o ensino superior um Psicólogo do Trabalho, um Sanitarista e um Terapeuta Ocupacional.

Para candidatos com nível fundamental completo, as vagas disponíveis são para um Auxiliar de Saúde Bucal e um Maqueiro. No nível médio técnico, existe uma vaga para Técnico em Enfermagem, uma para Técnico em Enfermagem do Trabalho, uma para Técnico em Farmácia, Técnico em Imobilização e Técnico em Radiologia.

Inscrições — Segundo o “Edital de Concurso Público nº 001/2015, de 23 de Janeiro de 2014”, as inscrições acontecem somente pela internet, através do endereço eletrônico concursos.biorio.org.br, a partir desta segunda-feira (26), com término no dia 1º de março. Para quem não tem acesso à internet, será montado um posto de atendimento no CIEP 265, no centro de São João da Barra, entre os dias 26 de janeiro e 27 de fevereiro, com horário de atendimento das 10h às 17h. O valor da taxa de inscrição para cargos de nível superior é de R$ 90; nível médio e nível médio técnico R$ 70; já para o nível fundamental completo é de R$ 50.

O concurso público será composto de Prova Objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, para os candidatos a todos os cargos públicos. Inicialmente, as provas serão aplicadas nos dias 28 e/ou 29 de março. Como este blog antecipou no último sábado (aqui), o prefeito Neco criou uma comissão para acompanhar o andamento e procedimento para realização de concursos em diversas áreas.

O edital completo você encontra na edição impressa desta sexta-feira (23), do jornal Folha da Manhã e no site da Fundação Bio Rio (aqui).

Comentar
Compartilhe
Staff administrativo não deve ter grandes mudanças até o fim do mês
22/01/2015 | 20h25
Apesar de inúmeras especulações no ambiente político de São João da Barra, após o corte com o “facão afiado” do prefeito Neco divulgado na primeira segunda-feira do ano (aqui), o clima é de aparente tranquilidade na Prefeitura e deve continuar assim ao menos até o fim deste mês. Embora as publicações no Diário Oficial possam ser realizadas com datas retroativas, não é comum que mudanças importantes na administração, principalmente do primeiro escalão, aconteçam após o dia 15 de cada mês. Alguns que suspeitam que estejam na “linha de corte” só terão a certeza no próximo mês. As recentes críticas do prefeito Neco na área da Saúde (aqui), citando inclusive “nomeados que não são responsáveis com seus setores” geraram certa apreensão. Desde que se alinhou e passou a compor a base de sustentação do governo na Câmara, o vereador Kaká é apontado como “futuro novo secretário” de Saúde do município, mas as especulações não se confirmam e, aparentemente, Denise Esteves segue inabalável. Pastas importantes seguem sem secretários. É o caso da Administração e da Pesca. Na primeira, nenhum nome ainda é especulado. Fontes próximas ao prefeito acreditam que o cargo deve ficar com o sub, Alan Henriques Ribeiro Rios. Na Pesca, nomes como Carlos Pereira e Zé Antônio chegaram a ser cogitados (aqui). Nada está confirmado. Ambos da família Pereira, sobrinho e tio mantém relação amistosa e não há nenhum clima de competição para o cargo, pelo contrário, os dois negaram que estariam na “disputa” pela pasta. Como caminharam com o grupo de Neco nas eleições de 2014 e já disputaram outras eleições, são opções ainda possíveis e que despontariam com certa vantagem em relação a outros nomes. Mesmo que ainda esteja no começo, o ano de 2015 é fundamental para o prefeito Neco fechar o seu grupo político, uma vez que ele já declarou a intenção de disputar a reeleição no ano que vem.
Comentar
Compartilhe
Cobrança irregular de estacionamento no Balneário de Atafona
22/01/2015 | 18h12
[caption id="attachment_633" align="alignleft" width="300"]Reprodução/Facebook Reprodução/Facebook[/caption] Impedir a ação dos “flanelinhas” que atuam no verão de São João da Barra é praticamente impossível para o poder público. Entretanto, fiscalizar é dever. De acordo com denúncia, existem pessoas cobrando estacionamento dentro da área do Balneário de Atafona, local que recebe grandes shows nacionais todos os domingos. O valor cobrado varia entre R$ 10 e R$ 20. A ação deveria ser proibida pela Prefeitura, uma vez que o espaço pertence ao Estado e está cedido para administração da municipalidade. O secretário de Transporte e Trânsito de São João da Barra, Mário Rocha Filho, afirmou: “Dentro do Balneário eu garanto que isso não existe. Temos feito ações conjuntas com a Guarda Municipal, Polícia Militar e a Polícia Civil para coibir essa contravenção penal”. [caption id="attachment_634" align="alignright" width="169"]Recibo que seria usado para controle de carros estacionados no Balneário de Atafona Recibo que seria usado para controle de carros estacionados no Balneário de Atafona[/caption] De acordo com Mônica Paes, que recebeu a denúncia e encaminhou para o blog, o valor é cobrado por pessoas que não são da cidade, mas com “conivência” de quem deveria fiscalizar. “A cobrança na rua já é ilegal. Imagina você chegar ao Balneário e ser informada que tem gente cobrando estacionamento. Isso é um absurdo”, afirmou. O secretário de Transporte e Trânsito de São João da Barra, Mário Rocha Filho, disse que se essa situação acontece, é ainda “mais grave”. “Não há possibilidade de entrar de carro no Balneário. Os ambulantes que entram precisam estar cadastrados. No entorno isso até pode acontecer, mas dentro do Balneário, não”, disse. Rochinha informou ainda que já entrou em contato com a PM e a Civil para intensificar a atuação no entorno do local de shows. Outro turista, que prefere não ser identificado, afirmou que a cobrança acontecia na área destinada a competição de moto cross. “Eles estavam de colete, cobravam e ameaçavam que não quisesse pagar. Teve gente que chamou a polícia, mas foi informado que seria atribução da Guarda Municipal”, disse. Mais polêmicas — No Carnaval de 2014, a cobrança de estacionamento nas vias públicas gerou polêmica no município. A prática é ilegal, mas comum nos grandes eventos. O Instituto Ideha, que teria ficado com a arrecadação do estacionamento, afirmou à época que o prefeito Neco teria autorizado a cobrança. Já o secretário de Transporte e Trânsito, Mário Rocha Filho, garantiu que não houve autorização. Na primeira noite de carnaval, chegou a ser anunciado que a arrecadação do estacionamento seria destinada ao Retiro São João Batista. A afirmação causou revolta no presidente da instituição, José Martinho Senna. De acordo com Rochinha, no período de Carnaval, vários “flanelinhas” foram presos em SJB. Com grande repercussão após divulgação de matéria pela InterTv (aqui), o caso caiu no esquecimento e ninguém sabe qual foi o destino e o valor arrecado durante a folia sanjoanense. Atualização: O secretário de Transporte entrou em contato com o blog e solicitou a inclusão de sua fala quanto à "impossibilidade de entrar com carro na área do Balneário em dias de shows", o que foi feito.  A declaração substituída foi: "Vou comunicar ao secretário de Meio Ambiente. Dentro do Balneário cabe ao comandante da Guarda Municipal fiscalizar”.
Comentar
Compartilhe
Mais um “racha” em São João da Barra
21/01/2015 | 16h39
[caption id="attachment_629" align="aligncenter" width="300"]Bloco do flamengo é o maior entre os de torcida no Carnaval de SJB. Bloco do Flamengo é o maior entre os de torcida no Carnaval de SJB. Foto: SJB Online[/caption] Você, caro leitor, que está acostumado a ler neste blog notícias direcionadas ao futuro político de São João da Barra e veio atrás de mais alguma informação neste sentido após ver o título, está enganado. O “racha” da vez fugiu do ambiente eleitoral e invadiu a avenida do samba sanjoanense. Para ser mais preciso, a divisão é no Bloco-Rubro Negro, o maior entre os de torcida, que chega a 13ª edição.  De um lado está sob a organização de Reynaldo Araújo Moreira, do outro Ricardo Januário de Assis Gomes, o “Pipoca”. E, acreditem, os dois pediram autorização à Prefeitura para colocar o bloco na rua no mesmo dia, no mesmo horário, com o mesmo local de concentração. Além disso, já comercializam seus abadás — que são diferentes — e no Facebook fazem campanha para convencer sobre qual é o “verdadeiro” Bloco Rubro-Negro. A propósito, Reynaldo é presidente do bloco e Pipoca, vice. A equipe da Prefeitura, que organiza o Carnaval, Reynaldo e Pipoca comentaram a situação. Prefeitura:A secretaria de Turismo recebeu dois ofícios do bloco Rubro-Negro pedindo autorização e apoio para entrar na avenida do samba, ambos na segunda-feira de Carnaval. Com textos semelhantes e a mesma logomarca, foram enviados por "responsáveis pelo bloco". Reynaldo anexou cópia do termo de fundação, com reconhecimento em cartório, no qual ele é presidente. Já Pipoca se antecipou e enviou o pedido em novembro do ano passado, quase um mês antes de Reynaldo, para tentar “assegurar” a vaga. No Turismo, a tendência é que o apoio seja dado ao presidente, que, por questões óbvias, é identificado como o responsável. Mas não há como a Prefeitura impedir que Pipoca confeccione e comercialize seus abadás. Os dois também querem o estádio municipal para realizar a concentração. Alheio às questões que envolvem o “racha”, o responsável pelo departamento de esportes do município, Adilson Almeida, decretou: “O estádio vai para o bloco Rubro-Negro. Eles que se entendam”. Reynaldo, o presidente: “Eles não têm autorização da Prefeitura, não têm trio, nem lugar para a concentração. Não é porque ele (Pipoca) entregou ofício que está autorizado. Aliás, ele mesmo assina como vice. Estou fazendo o bloco com Leandrinho, Palitinho e outros amigos”, disparou Reynaldo ao comentar sobre o racha no bloco Rubro-Negro. Segundo ele, na avenida é difícil de controlar o número de foliões que participam do bloco. Entretanto, ele afirma que na concentração só terá acesso quem estiver com o abadá do grupo dele. “Eu vou avisar nos pontos de venda que o outro não tem autorização. As nossas camisas já chegaram. Sem ela, a chance de entrar na concentração é zero”, garantiu Reynaldo, que, como todos os anos, terá uma equipe de segurança para controlar o acesso ao estádio municipal. Ricardo “Pipoca”, o vice: “No primeiro ano eu comecei o bloco, foi investimento meu. Os donos da malharia são testemunhas disso. Depois de 13 anos juntos fui surpreendido porque ele (Reynaldo) disse que o bloco é dele. Não vou deixar de fazer o que eu gosto”, explicou Pipoca com relação ao “racha” do bloco Rubro-Negro. Ainda segundo Pipoca, este ano o bloco terá duas alas na avenida, uma organizada por Reynaldo e outro por ele. Como o “Bloco Rubro Negro” já é registrado em cartório, a solução de Pipoca foi registrar o seu “Bloco Rubro Negro de São João da Barra”. Pipoca acredita que a concentração no estádio será da “ala” de Reynaldo, enquanto ele tenta o clube Democrata ou outro espaço para concentrar a “sua ala”. “Acho que o bloco sai ganhando. Ele faz o dele e eu já estou fazendo o meu. Vamos de pipoca! Acredito que estarei com uma ala maior. As pessoas me procuram para comprar o abadá”, afirmou, garantindo estar com a situação regularizada e com as taxas pagas para que sua “ala”  desfile normalmente.
Comentar
Compartilhe
Garotinho estaria comprometido a formar o “Muda Brasil”
21/01/2015 | 14h01
garo-discursoO quase ex-deputado federal Anthony Garotinho (PR) estaria comprometido com Valdemar da Costa Neto para formar o Muda Brasil (MB) no Rio de Janeiro. De acordo com a coluna Radar on-line, do jornalista Lauro Jardim da revista Veja (aqui), Garotinho teria se comprometido a conseguir pelo menos 18.000 assinaturas para criar o novo partido. Vale lembrar que Valdemar é ligado ao PR e foi condenado no escândalo do Mensalão.
Comentar
Compartilhe
Barcelos em destaque no projeto Câmara Cultural em SJB
20/01/2015 | 20h50
[caption id="attachment_612" align="alignleft" width="300"]Convite/Reprodução Convite/Reprodução[/caption] Curiosidades e fatos que marcaram a história de Barcelos, 6º distrito sanjoanense, serão mostrados no evento “Câmara Cultural”, que será promovido pela Câmara de Vereadores de São João da Barra no próximo dia 26, às 19h, no plenário da Casa. A programação contará com apresentação de blocos carnavalescos, violão e voz com o cantor Guigui, além de um bate-papo sobre a história do distrito. Participarão do bate-papo: o tabelião João Brito Peixoto; o comerciante Ivan Pessanha de Abreu; a professora Normet Galdino, o representante do Esporte Clube de Barcelos, Júnior e, também, membros de agremiações carnavalescas da localidade. A mediação será feita pelo professor de história Fábio Pedra. Mostra – Entre os dias 27 e 30, das 8h às 17h, a Câmara vai promover uma mostra de documentos legislativos e fotografias com imagens antigas cedidas pelos moradores (como a Igreja Nossa Senhora da Conceição, o Colégio Estadual Raimundo de Magalhães, a estação ferroviária), além de fotos atuais feitas pela relações públicas, Ana Carolina Lopes, que mostra cenas diversas do dia-a-dia do distrito. A exposição também conta com imagens da Usina de Barcelos, cedidas pelo jornal Folha da Manhã. – Já mostramos aqui nesta Casa, a cultura do 5º distrito e, resolvemos nos dedicar agora à localidade de Barcelos, que é o nosso 6º distrito, uma terra de muitos talentos e muito importante para o desenvolvimento de São João da Barra – ressalta o presidente da Câmara, Aluizio Siqueira. O projeto - Realizado durante o recesso parlamentar e sempre com um tema em destaque, o “Câmara Cultural” visa aproximar os cidadãos às atividades legislativas e valorizar os talentos do município. A última edição evidenciou a cultura e as riquezas do 5º Distrito. Fonte: Ascom/Câmara SJB
Comentar
Compartilhe
Gabaritos do concurso da Educação em SJB estão liberados
19/01/2015 | 16h19
A Fundação Bio Rio, responsável pela aplicação do concurso público para área da Educação em São João da Barra, liberou na tarde desta segunda-feira (19) os gabaritos preliminares das provas aplicadas no último fim de semana para o provimento de 24 vagas imediatas em 15 cargos públicos, além de cadastro de reserva. Para ter acesso ao gabarito preliminar, é necessário que o candidato insira apenas o número de sua inscrição. Confira o gabarito aqui. É possível também visualizar os cadernos de prova. Os cargos que são necessários a prova prática estão com as avaliações listadas aqui. O gabarito final está previsto para ser divulgado no dia 28 de janeiro. Recursos serão aceitos entre os dias 21 e 22 de janeiro (prova prática) e entre os dias 22 e 23 (questões objetivas). O resultado do recurso será disponibilizado no mesmo dia de divulgação do gabarito final.
Comentar
Compartilhe
Pezão: Cortes não atingem obras em andamento
19/01/2015 | 09h31
[caption id="attachment_604" align="alignleft" width="300"]Governador foi o entrevistado desse domingo no Canal Livre. Reprodução Governador foi o entrevistado desse domingo no Canal Livre. Reprodução[/caption] Entrevistado pelo programa Canal Livre, da TV Bandeirantes, exibido nesse domingo (18), o governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão, falou sobre os desafios dos quatro anos de mandato que tem pela frente. O Rio é um dos estados mais afetados pela desvalorização do petróleo. Para 2015 a previsão é de que as perdas sejam de R$ 2,2 bilhões a R$ 2,6 bilhões. Em função disso, Pezão já definiu que deve haver 25% de corte de gastos em todas as secretarias. Ele garante, no entanto, que o esvaziamento do orçamento não vai implicar nas obras de infraestrutura já projetadas para o Estado. “Todos os projetos estão garantidos porque o dinheiro já está conta”, afirmou. Entre os investimentos, o governador citou a Ponte da Aliança, que faz a ligação entre os municípios de Campos, São Francisco de Itabapoana e São João da Barra, e destacou a “integração com o Porto do Açu”. Crise Hídrica Segundo os técnicos da Cedae, o Rio de Janeiro não terá problemas com a falta de água por pelo menos os próximos 90 dias. “Só em locais muito pontuais, como o Norte, Noroeste e cidades do Sul do Estado", destaca o governador, que falou sobre a possibilidade de racionalizar água, mas  também acredita que consiga passar o ano de 2015 sem grandes problemas. Ao Canal Livre, o governador falou sobre a ampliação do sistema de abastecimento de água e lembrou que Rio de Janeiro, São Paulo e Minas Gerais firmaram acordo, realizam reuniões quinzenais com o Ministério do Meio Ambiente e tem até o dia 28 de fevereiro para entregar as propostas de combate à crise hídrica. PMDB em 2018 O governador do Rio de Janeiro se mostrou alheio às rusgas do PMDB com o governo Dilma Rousseff. Questionado sobre as divergências, ele se limitou a dizer que a união “está se esgotando” e que em 2018 o PMDB deve ter candidato próprio ao Palácio do Planalto. Mas fez questão de deixar claro: “Me dou muito bem com a presidente Dilma e é assim que vai ser pelos próximos quatro anos”. Pezão também falou sobre investimentos para as Olimpíadas, debateu a questão de Segurança no Rio e as dificuldades na área da Saúde. Os vídeos da entrevista ao Canal Livre podem ser conferidos aqui. Com informações do Portal da Band hospedado no Uol.
Comentar
Compartilhe
Prefeitura de SJB cria comissão para realizar novos concursos públicos
17/01/2015 | 20h19
3A Prefeitura de São João da Barra, que realiza neste fim de semana o concurso público para a área da Educação, já trabalha para abrir vagas em outros setores da administração pública municipal. No Diário Oficial deste sábado (17), o prefeito Neco criou uma comissão para acompanhar o andamento e procedimento para realização dos concursos. A secretaria de Administração subsidiará todas as informações necessárias, com apoio de todas as secretarias participantes do concurso. A publicação não indica quais secretarias abrirão vagas efetivas mediante concurso. No caso da Educação, por exemplo, foram abertas 24 vagas para contratação imediata, além de cadastro de reserva. Agora resta apenas aguardar para saber quantas serão as vagas e para quais secretarias.
Comentar
Compartilhe
Conselho Tutelar de SJB recebe carro e equipamentos
16/01/2015 | 22h25
[caption id="attachment_591" align="alignleft" width="225"]Secretária de Assistência Social,prefeito e Neco e Conselheiros. Reprodução/Facebook_Françoiza Magalhães Neco com conselheiros e a secretaria de Assistência Social. Reprodução/Facebook[/caption] O Conselho Tutelar de São João da Barra recebeu nesta sexta-feira (16) uma doação da Secretaria de Direitos Humanos da presidência da República, para auxiliar nos trabalhos do órgão no município sanjoanense.  Estiveram presentes na cerimônia de assinatura do termo de doação a ministra Ideli Salvatti, o prefeito Neco, a secretária de Assistência Social de SJB, Swany Gomes e dois conselheiros do município, Elielson Rodrigues e Françoiza Magalhães. [caption id="attachment_592" align="alignright" width="150"]Reprodução / Facebook Françoiza Magalhães Reprodução / Facebook Françoiza Magalhães[/caption] Para o desenvolvimento de suas atividades, o Conselho Tutelar de SJB recebeu um veículo zero km, cinco computadores e uma impressora, além de um bebedouro e uma geladeira. De acordo com Elielson Rodrigues, os benefícios foram conquistados “através do esforço dos representantes do município, o prefeito Neco e secretaria de Assistência Social”. A cerimônia de doação do material aconteceu na sede da Ordem dos Advogados do Brasil do Rio de Janeiro (OAB/RJ).  
Comentar
Compartilhe
Reparos na ciclovia Atafona x SJB
16/01/2015 | 15h17
[caption id="attachment_587" align="alignleft" width="168"]Reprodução_Facebook Reprodução / Facebook - Salvador Adilson Tavares[/caption] A Prefeitura de São João da Barra realiza reparos na ciclovia entre Atafona e São João da Barra. A medida, muito cobrada pela população através da rede social Facebook, contempla a substituição da proteção da ciclovia — onde as madeiras estavam quebradas — e sua pintura. Os funcionários que trabalham desde o início dessa semana, estão também incumbidos da manutenção e a reinstalação dos bloquetes da pista utilizada para caminhadas. A medida do prefeito Neco gerou reações positivas nas redes sociais, principalmente daqueles que cobraram a urgência dos reparos. Precisa de mais: Primeiro e importante passo é esse reparo, mas a população que utiliza o espaço o ano inteiro — não só no verão — sabe que além da manutenção da pista é necessário ficar de olho na iluminação. Esse ponto está ruim... e não é de hoje. Tanto na manutenção da pista como reforço na iluminação são cobranças dos moradores e turistas que utilizam o calçadão da Avenida Atlântica, entre Atafona e Grussaí. Vale cobrar, mas com respeito: A população tem, mais que o direito, o dever de cobrar melhorias para sua localidade. Os reparos na ciclovia são provas que a população é ouvida pelo poder público. Portanto, vale cobrar a cada dia a melhoria dos serviços no município, mas não ultrapassar os limites do bom senso. Usar perfis fakes na internet para ofender ao prefeito não vai trazer resultado nenhum. Antes de ocupar um cargo público, eleito pelo próprio povo, é um cidadão que, como qualquer outro, merece respeito.
Comentar
Compartilhe
Mudança no comando da Guarda Municipal de SJB
15/01/2015 | 14h33
[caption id="attachment_579" align="aligncenter" width="300"]Rogério Constâncio é o novo comandante da Guarda Municipal. Foto: Secom Rogério Constâncio é o novo comandante da Guarda Municipal. Foto: Secom/SJB[/caption] O Diário Oficial de São João da Barra desta quinta-feira (15) homologou a mudança no comando da Guarda Municipal, que já era esperada desde a última semana. Sai Rodrigo Machado para entrada de Rogério Constâncio, que era o subcomandante e foi efetivado. A modificação não trouxe nenhuma surpresa no cenário político local. Desde a última semana Rodrigo já havia anunciado no seu perfil do Facebook que deixaria o cargo no município e voltaria a atuar na Polícia Militar. Não foi a única novidade no D.O. desta quinta, mas as outras não trazem nenhuma alteração importante no tabuleiro político. As publicações podem ser conferidas na Folha da Manhã desta quinta-feira ou no portal da Prefeitura de São João da Barra (aqui).
Comentar
Compartilhe
Neco: Quero uma administração que dê certo
14/01/2015 | 17h26
[caption id="attachment_290" align="alignleft" width="212"]Secom/Divulgação Secom/Divulgação[/caption] O prefeito de São João da Barra, Neco, fez uma participação na rádio Barra FM na tarde desta quarta-feira (14), em entrevista ao radialista Emilson Amaral, e destacou ações do seu governo, elogiou parte da equipe administrativa, mas também fez críticas àqueles considerados por ele como “pessoas sem responsabilidade com os setores”. Neco falou sobre a área da Saúde, o aumento do custeio da máquina pública durante sua administração e também sobre obras. A entrevista aconteceu em Atafona, onde uma parceria da secretaria de Pesca com a Assistência Social possibilitou a distribuição de 400 bolsas de alimento aos pescadores. Na Saúde o prefeito destacou o empenho na “troca de funcionários que não atendam bem à população”. Neco demonstrou que tem conhecimento com relação a problemas enfrentados na área, mas afirmou que a busca é por um serviço que atenda bem. “Tem pessoas nomeadas para não deixar nada faltar, mas às vezes as pessoas não têm responsabilidade com o setor. Vou acabar perdendo a paciência. Quero uma administração que dê certo”, disse. Neco falou também sobre críticas quanto a não inauguração de obras no seu governo. Ele afirmou que construções inauguradas no fim da gestão anterior aumentaram o custeio da administração pública. Além disso, o prefeito ressaltou que precisou destinar aditivos para as que estavam em andamento, impossibilitando o início de novas obras. “O Centro de Emergência não fui eu que construí, mas quem colocou para funcionar fui eu. Antes de 2013, alguém tinha Centro de Emergência em SJB?”, questionou o prefeito, que falou ainda sobre o funcionamento de creches. Outro assunto debatido foi a determinação do Ministério Público para a contratação de funcionários terceirizados, o que, segundo Neco, triplicou o valor de cada contratado pela Prefeitura de SJB, com relação ao valor que era pago quando o vinculo era direto com o empregado. No fim da entrevista, o prefeito Neco falou sobre sua forma de fazer política. “Leis são para serem cumpridas. Nós vamos falar a verdade para a população. Nunca fiz política para enganar. Fui eleito vereador quatro vezes falando a verdade, não vou agir diferente como prefeito. Vou continuar a falar a verdade, mesmo que incomode a quem não gosta”.
Comentar
Compartilhe
Quem não justificou ausência nas eleições deve pagar multa
14/01/2015 | 14h53
[caption id="attachment_567" align="aligncenter" width="300"]Reprodução Reprodução[/caption] O eleitor que não votou no primeiro ou no segundo turno das Eleições 2014 e não justificou a falta deverá pagar multa, no valor de R$ 3,51 por turno, para regularizar sua situação. O boleto bancário pode ser retirado em qualquer zona eleitoral e deve ser pago em uma agência do Banco do Brasil. Para ficar quite com a Justiça Eleitoral, o eleitor deve retornar ao cartório com o comprovante do pagamento. Caso não disponha de recursos financeiros, pode solicitar a dispensa da multa ao juiz responsável por sua zona eleitoral. Sem a quitação eleitoral, não é possível exercer alguns direitos, tais como: ser empossado em cargo público, obter passaporte, renovar matrícula em estabelecimento de ensino oficial, obter empréstimos em bancos oficiais e participar de concorrência pública ou administrativa, entre outros. Fonte: Ascom/TRE
Comentar
Compartilhe
Jonas Gomes cotado como novo líder de Neco na Câmara de SJB
14/01/2015 | 08h30
[caption id="attachment_562" align="alignleft" width="300"]Reprodução_Facebook/Paulo Pinheiro Reprodução_Facebook/Paulo Pinheiro[/caption] O final de 2014 e o início de 2015 marcaram o aparente rompimento político dos vereadores Aluízio Siqueira (presidente da Câmara) e Alex Firme, líder do governo Neco nos dois primeiros anos e atual vice-presidente da Casa, com o prefeito Neco. Após perder o apoio de dois partidários — Aluizio e Alex são peemedebistas como Neco — o prefeito já teria escolhido seu novo líder na Casa para este ano, o último vereador do PMDB que estaria afinado com o governo: Jonas Gomes. Ser líder do governo é uma chamada “faca de dois gumes”. Se por um lado dá visibilidade ao vereador e uma proximidade muito grande do Executivo, por outro exige experiência, conhecimento e preparação para enfrentar seus pares da oposição. Jonas é o primeiro secretário da Casa e, além disso, está em seu terceiro mandato no legislativo sanjoanense. A princípio, experiência para exercer a liderança não seria problema. Os últimos líderes de governo na Câmara sanjoanense foram o atual presidente Aluizio, líder no governo Carla Machado, e o vice Alex, que foi o líder de Neco no primeiro biênio. Consolação? Quem acompanha os bastidores do legislativo sanjoanense desde quando Carla, Neco, Aluizio, Alex, Elísio Motos, Eziel Pedro, Jonas, Ronaldo da Saúde e Soninha Pereira faziam parte do mesmo grupo político — entre 2012 e 2013 — garante que o “combinado” era Jonas assumir a presidência no segundo biênio. Entretanto, com o racha entre Neco e Carla, o prefeito teria articulado para reeleger Aluizio como presidente, agora pelas suas mãos, não mais da ex-aliada. Para isso, houve acordo com os ex-oposicionistas (de Carla) Kaká e Franquis, ficando o último com a vaga de segundo secretário da Casa. Nas mudanças inesperadas do tabuleiro político, Jonas, que permaneceu como primeiro secretário da Câmara, é cotado para ser o homem de confiança do prefeito no legislativo sanjoanense. Atualização às 14h30: Jonas não confirma, mas também não nega — No início da tarde desta quarta-feira, o vereador Jonas, por telefone, afirmou que já existem conversas para ele ser o novo líder do governo, mas ainda não é nada oficial. “Se for confirmado eu passo informação pra você. Só vai ser oficial quando o ofício (confirmando ele como líder) chegar à Câmara”, garantiu o vereador.
Comentar
Compartilhe
Pezão pedirá ajuda para cidades que sofrem perdas com royalties
13/01/2015 | 15h07
[caption id="attachment_260" align="alignleft" width="300"]Pezão vai pedir ajuda ao ministro Joaquim Levy. Foto: Genilson Pessanha Pezão vai pedir ajuda ao ministro Joaquim Levy. Foto: Genilson Pessanha[/caption] O governador Luiz Fernando Pezão afirmou nesta segunda-feira que está preparando um projeto de ajuda que será apresentado ao governo federal para socorrer os municípios do estado que passarem pelo período de escassez financeira decorrente da queda de recursos dos royalties do petróleo. “Estou com um grande trabalho que vou levar ao ministro Joaquim Levy (da Fazenda) em abril, maio, para ver como a gente atravessa essa queda, esse período”, disse Pezão, sem detalhar informações sobre o pacote de auxílio. Os municípios do estado estão com o orçamento estrangulado pela desvalorização do barril de petróleo no mercado internacional, que prejudica o repasse de royalties e participações especiais para as cidades beneficiárias pela compensação. Em Campos dos Goytacazes, por exemplo, a prefeita Rosinha Garotinho trabalha com cenário de perdas de R$ 600 milhões no orçamento deste ano, entre royalties e ICMS. Além da redução em despesas correntes, prefeitos estão adiando investimentos e temem que a escassez de recursos afete também investimentos na área social. Fonte: O Dia
Comentar
Compartilhe
Família de olho na secretaria de Pesca
12/01/2015 | 21h27
[caption id="attachment_554" align="alignleft" width="294" class=" "]Carlos Pereira e Zé Antônio. Tio e sobrinho cotados para a Pesca. Fotos Reprodução/TRE/Facebook Carlos Pereira e Zé Antônio. Tio e sobrinho cotados para a Pesca. Fotos Reprodução/TRE/Facebook[/caption] A família Pereira, que já elegeu três vereadores para a Câmara de São João da Barra (com mandato atualmente a petista Soninha Pereira), está de olho na vaga de secretário de Pesca. Existem dois postulantes ao cargo: Carlos Pereira e o sobrinho Zé Antônio. Se oficialmente ninguém se posiciona, nos bastidores os dois já teriam se lançado como o próximo ocupante do cargo, vago desde dezembro. O primeiro é ex-vereador, já teve três mandatos, e foi presidente do Legislativo sajoanense por duas vezes. Do grupo político do ex-prefeito Betinho Dauaire por muitos anos, na eleição do ano passado Carlos se distanciou dos “Dauaires” e apoiou candidatos do PMDB para Assembleia Legislativa e Câmara Federal, Domingos Brazão e Eduardo Cunha, respectivamente. Na última eleição municipal, ele retirou sua candidatura para apoiar a irmã, Soninha, mas pregou o voto na petista e no então candidato a prefeito do PR (Betinho). O outro é Zé Antônio, filho do ex-vereador Antônio José (que é irmão de Carlos e Soninha), foi candidato a uma cadeira na Câmara de São João da Barra nas últimas duas eleições. Em 2008, Zé Antônio obteve 300 votos. Na última eleição municipal somou 362. Na disputa pela Alerj, apoiou o vereador Kaká. Embora haja rumores que o cargo fique com a família Pereira, outra corrente afirma que a vaga seria do atual presidente da Colônia de Pescadores Z-2, Rimaldo Almeida, que deixa a presidência em março. Rimaldo atuava na Colônia como secretário na chapa de outro membro da família Pereira, William, que faleceu em outubro de 2013. Desde então, ele assumiu o cargo, como rege o estatuto da entidade. Por enquanto quem responde pela pasta é Joel Serra, que foi coordenador geral, o homem de confiança da Colônia nas gestões de William e Rimaldo. Apostas abertas, mas a decisão pertence apenas ao prefeito Neco.
Comentar
Compartilhe
Clarissa Garotinho “herda” gabinete do pai na Câmara Federal
12/01/2015 | 17h02
clarissa e garotinhoPara evitar contar com a sorte na escolha dos gabinetes vagos na Câmara, deputados federais reeleitos aproveitam a saída de colegas derrotados para mudar para salas mais amplas e com acesso a banheiro privativo antes da próxima legislatura começar. Até 8 de dezembro, ocorreram 13 permutas de escritórios nos anexos da Casa. As mudanças, permitidas pelo Regimento, são algumas das regalias criadas ao longo dos anos para favorecer congressistas antigos, parentes de políticos e mulheres. Filha do deputado Anthony Garotinho (PR-RJ), Clarissa Garotinho (PR-RJ) herdou do pai o gabinete de 40m² no anexo 4 da Câmara, com direito a banheiro privativo. Garotinho tentou se eleger governador do Rio de Janeiro, mas não conseguiu. O mandato dele termina no próximo dia 31. A possibilidade de ficar com o escritório de pai ou mãe está disponível a todos que conquistaram uma cadeira para a próxima legislatura. Neste ano serão pelo menos cinco herdeiros de gabinetes. Além do gabinete na Câmara, os parlamentares têm direito a uma vaga de estacionamento. As salas nas dependências da Casa são equipadas e mobiliadas com mesas e cadeiras básicas, que seguem o padrão adotado pela Casa. Se o parlamentar achar conveniente, pode pedir autorização ao primeiro secretário da Casa para fazer as modificações. [caption id="attachment_551" align="alignright" width="300"]Reprodução Reprodução[/caption] Herdeiros Confira quem herdou um gabinete na Câmara
  • Clarissa Garotinho (PR-RJ) herda o gabinete 714 deixado pelo pai, Anthony Garotinho, no sétimo andar, com banheiro;
  • Também no sétimo andar, Misael Varella(DEM-MG) fica com a sala 721, com banheiro, que atualmente pertence ao pai, o deputado federal Lael Varella;
  • Um andar acima, no oitavo, Lucas Vergílio (SDD-GO) herda as acomodações deixadas pelo pai deputado federal Armando Vergílio, que tentou a vice-governadoria de Goiás, mas não se elegeu;
  • No mesmo andar, Betinho Segundo (PP-RN) fica com o escritório do pai, o deputado federal Betinho Rosado, também com banheiro e 40m²;
  • No nono andar, Newton Cardoso Júnior (PMDB-MG), filho do deputado federal Newton Cardoso, herda a sala 932 deixada pelo pai.
O que diz o Regimento É assegurado ao deputado em exercício do mandato um gabinete nas dependências da Câmara e uma vaga de estacionamento. As acomodações são equipadas e mobiliadas segundo padrão adotado pela Casa, podendo ser modificados mediante autorização do primeiro secretário da Mesa Diretora. O Ato da Mesa nº 88, de 2006, estabelece ao titular reeleito o direito de permanecer em seu gabinete original, ainda que ocupado por suplente. Além dos reeleitos, estão dispensados do sorteio: ex-presidentes da Câmara; pessoas com dificuldades de locomoção ou com necessidades especiais; pessoas com idade igual ou superior a 60 anos; mulheres; titulares da Legislatura vigente; suplentes eleitos que tenham exercido o mandato na Legislatura vigente por período igual ou superior a 365 dias; ex-congressistas que tenham exercido mandato como titulares; o cônjuge, pai, filho ou irmão de titular não reeleito da Legislatura vigente. Fonte: Correio Braziliense
Comentar
Compartilhe
Governo quer ampliar voos regulares e novos aeroportos no interior
11/01/2015 | 14h31
[caption id="attachment_545" align="alignleft" width="300"]Governador Pezão e o secretário de Transportes Carlos Osório. Reprodução/Facebook Governador Pezão e o secretário de Transportes Carlos Osório. Reprodução/Facebook[/caption] O secretário estadual de Transportes do Rio de Janeiro, Carlos Roberto Osório, tem muitos desafios pela frente. Em entrevista ao jornal O Dia (aqui), ele contou que além de tirar do papel obras de expansão do metrô, prometidas pelo governador Luiz Fernando Pezão, na campanha, ele tem um projeto ambicioso pela frente: ampliar a aviação regional no estado, com a criação de linhas regulares e novos aeroportos em cidades do Sul, Norte e Noroeste. — Entendemos que o estado pode ser parceiro das prefeituras no estudo da questão de mobilidade (...) Existe ainda uma intenção do governador de buscar junto a Brasília possibilidades de abertura de aeroportos e de atração de voos para o interior do estado. Hoje, nós temos voos regulares em Macaé, mas outras regiões do estado, como o Norte, Noroeste e Sul Fluminense têm potencial de crescimento e poderiam, com o entendimento dos governos estadual e federal, buscar alternativas de transporte, porque isso induz o desenvolvimento — afirmou o secretário. Campos, com o aeroporto Bartolomeu Lisandro, pode ser favorecido com a medida. Em São João da Barra, devido ao Complexo Portuário do Açu, houve rumores da construção de um aeroporto, mas as conversas não evoluíram. Com o governador Pezão interessado em  ampliar a aviação regional, o antigo projeto pode voltar a ser debatido. Com informações do jornal O Dia.
Comentar
Compartilhe
Na Justiça, Cedae derruba decreto da Prefeitura de SJB
09/01/2015 | 16h38

[caption id="attachment_526" align="alignleft" width="300"]Foto: Valmir Oliveira Foto: Valmir Oliveira[/caption]

A Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) foi à Justiça e conseguiu uma liminar que derruba, por enquanto, o decreto do prefeito Neco que determinava ao município de São João da Barra a retomada dos serviços de captação, tratamento e distribuição de água, sob o comando da companhia estadual . Na última segunda-feira (5), o município notificou à Cedae, que teria três dias úteis para acatar a decisão. Entretanto, a Companhia conseguiu liminar no Tribunal de Justiça e se o município praticar qualquer ato tendente à retomada do serviço até o julgamento final, será multado em R$ 10 mil/dia.

O decreto previa que a Cedae deveria passar a administração para o município com tudo: chaves, senhas, equipamentos, créditos a receber e pessoal. A informação que o município teria decretado a retomada da Cedae foi publicada primeiro (aqui) no blog Entrelinhas, da jornalista Júlia Maria Assis.

A informação foi confirmada pela assessoria de imprensa da Companhia “A 14ª Vara de Fazenda Pública deferiu hoje liminar em favor da Cedae, determinando a suspensão do decreto municipal 115/2014, da prefeitura de São João da Barra. A decisão da Justiça determina que a prefeitura se abstenha de praticar qualquer ato tendente à retomada do serviço de abastecimento até o julgamento final da questão, sob pena de multa diária de R$ 10 mil. Com isto, o serviço de produção de água e abastecimento em São João da Barra continua sendo desempenhado pela Cedae”.

A liminar tem caráter temporário, até a decisão final da demanda.

Comentar
Compartilhe
Neco destaca trabalho da PM no verão sanjoanense
09/01/2015 | 15h00
[caption id="attachment_106" align="alignleft" width="300"]Reprodução_Facebook/Paulo Pinheiro Reprodução_Facebook/Paulo Pinheiro[/caption] O prefeito de São João da Barra, Neco, usou seu perfil na rede social Facebook nesta sexta-feira (9) para parabenizar o trabalho da Polícia Militar no verão de São João da Barra. O litoral sanjoanense não registrou nenhuma ocorrência grave neste início de ano, como este blog destacou aqui, diferente do que aconteceu no ano passado. Neco salienta que “quando trabalhamos em conjunto e com planejamento, a tendência é que o nosso objetivo dê certo. Fizemos várias reuniões com representantes da Polícia Militar para garantir ao povo de São João da Barra e aos milhares de turistas que nos visitam um nível alto de segurança neste verão 2015”. De acordo com o prefeito, a PM tem disponibilizado um contingente maior durante os eventos no município. “Nestes eventos públicos que aglomeram muita gente, algo praticamente incontrolável, felizmente até agora não tivemos incidentes”, observou. Neco encerra a postagem reforçando o agradecimento à Polícia Militar neste que, segundo ele, “é um dos maiores verões de todos os tempos”. Programação do fim de semana — Por falar em verão no litoral sanjoanense, as atrações nacionais e regionais deste fim de semana têm início nesta sexta (9). Confira: Sexta-feira (09/01) Atafona: 21h - Praça do Meireles - DJ PH; 21h - Novo Balneário - Banda Mais 4; 22h - Novo Balneário – Bruna Karla. Grussaí: 20h - Outro Lado da lagoa - Banda Forró Muleke. Sede: 20h - Calçadão - Projeto “Nossa terra, nossa gente”- Rita Pirralho;  22h - Orla do Paraíba do Sul - Projeto “Orla de ritmos”- Banda Via Aérea. Sábado (10/01) Atafona: 21h - Praça do Meireles - DJ Mania; Grussaí: 17h - Orla da praia - Banda Atrassamba; 19h - Orla - Cesar Menotti e Fabiano. Açu: 20h - Orla da praia - Zé Carlos e Rogério; 22h - Teodoro e Sampaio. Sede: 22h- Calçadão- Projeto “Caindo na Folia”- Bandinha Pica Pau. Domingo (11/01) Atafona:  18h - Novo Balneário -Jorge Vercilo; 19h - Novo Balneário - Banda TB-6. Grussaí: 16h30 - Orla da praia- Banda Cheiro de Mel. Açu: 16h30 - Orla da praia- Banda Vem Pra Cá.       Sede: 20h - Praça São João Batista - Projeto “Coreto Musical”- Edmar ferreira e Banda.
Comentar
Compartilhe
Câmara de SJB agradece à Cedae pela normalização do serviço
09/01/2015 | 14h42
[caption id="attachment_317" align="alignleft" width="300"]Presidente da Câmara enviou ofício pedindo a normalização do serviço Presidente da Câmara enviou ofício pedindo a normalização do serviço[/caption] A Câmara de São João da Barra encaminhou, nesta sexta-feira (09), um ofício (003/2015) à Companhia Estadual de Água e Esgoto do Rio de Janeiro (Cedae), agradecendo a recuperação do abastecimento de água potável no município, que foi solicitado pela Casa no último dia 05 — primeiro dia útil do mês (ofício-002/2015). No pedido, a Câmara solicita também a colocação de geradores de energia nas localidades de captação: Praia do Açu, Barcelos, Pipeiras, Cajueiro, Degredo, Perigoso, além da estação de abastecimento na sede do município. A dificuldade de abastecimento deu-se devido a um problema com um gerador de Furnas, o que ocasionou debilidade no serviço em diversas localidades de São João da Barra. — Nossa Câmara está em recesso, porém continuamos trabalhando. Agradeço à Cedae pela agilidade em atender ao nosso pedido e proporcionar condições de funcionamento para as localidades de nosso município. Continuo afirmando que valorizo o diálogo e torço pelo contato entre a firma com a nossa população — declarou o presidente da Casa, Aluizio Siqueira. Fonte: Assessoria/Câmara SJB
Comentar
Compartilhe
Verbas federais retidas na Saúde podem comprometer tratamentos em Campos
08/01/2015 | 18h25
dinheiro-estetoscopio-20120710-size-598Verbas carimbadas do Fundo Nacional de Saúde, destinadas ao pagamento dos serviços para o tratamento de câncer e insuficiência renal no município de Campos, estariam retidas desde o ano passado. O procedimento, que é considerado irregular e já gerou investigações do Ministério Público Federal em diversas cidades, estaria acontecendo desde o mês de outubro. Centenas de pacientes em tratamento quimioterápico e radioterápico e também os renais que dependem da hemodiálise podem ter o atendimento prejudicado. De acordo com Diogo Neves, diretor do Oncobeda, todos os hospitais e clínicas que prestam serviço de alta complexidade estão prejudicados. Ele afirma que no mês de outubro o município pagou 70% do valor do serviço e o repasse Federal referente ao mês de novembro continua retido.  “No final, quem paga a conta é o próprio paciente, que fica prejudicado. É um contingente de paciente muito alto para ser ignorado”, afirmou Diogo. Diogo disse ainda que tem R$ 2,5 milhões para receber e não sabe “até quando vai conseguir sustentar a situação”. A verba carimbada do Fundo Nacional de Saúde não pode ser usada para outro fim. “Esta verba não é municipal, não tem nada a ver com essa história de arrecadação, de queda do petróleo. É uma verba que vem do governo federal e só pode ser usada para o tratamento de câncer e pacientes que fazem hemodiálise”, garantiu. Atualização às 19h30 — A Prefeitura de Campos, através da sua Assessoria, informou que "o Fundo Nacional de Saúde reteve 30% dos recursos federais, conforme ampla divulgação em mídia nacional. A Secretaria de Saúde está em dia com as unidades contratualizadas, seguindo os ritos normais da administração pública e repassou, este ano, R$ 132.100.700,15 às instituições conveniadas. De 2009 a 2014, mais de R$ 632 milhões foram pagos as 17 entidades contratualizadas". Mais informações na Folha da Manhã desta sexta-feira (9).  
Comentar
Compartilhe
Centro de SJB terá semáforos em breve
08/01/2015 | 15h00
Semáforo-com-LEDsSão João da Barra vai ganhar quatro semáforos nos próximos dias. Pelo menos é o que estava no Diário Oficial dessa quarta-feira (7), com a publicação da homologação/ratificação/extrato do pregão 44/2014. O objetivo é a aquisição de sinalização semafórica, incluindo instalação, para atender as necessidades da secretaria municipal de Transportes e Trânsito. O serviço, uma das promessas do governo Neco, deve ser realizado em até 60 dias. O pagamento será feito com a fonte de recurso 04, ou seja, com os royalties de petróleo. Os pontos que receberão os primeiros sinais em SJB já estão definidos. Um ficará no cruzamento das ruas Joaquim Thomaz de Aquino Filho com a São Benedito (próximo à agência do Itaú); BR 356 no cruzamento com  a Quintino Bocaiuva (entre a Estação das Artes e o Estádio Municipal); no cruzamento da Barão de Barcelos com São Benedito (próximo ao barracão do Chinês”); e na BR 356 com Barão de Barcelos, no local conhecida como curva do Peneirinha —que liga a Rua Barão de Barcelos a Avenida Rotary, sentido Atafona (próximo ao estúdio da Rádio Barra e do Restaurante Boi Grill). Este último, local onde já foram registrados vários acidentes graves. Para a instalação dos quatros semáforos no município, a empresa “Farol Sinalização LTDA” vai receber o total de R$ 290 mil. [caption id="attachment_504" align="alignright" width="300" class=" "]Foto: Paulo Pinheiro/Reprodução_Facebook Foto: Paulo Pinheiro/Reprodução_Facebook[/caption] “Mão na massa” — Não é apenas na coordenação dos serviços do município que o prefeito Neco está atuando. Na quarta-feira, ele acompanhou uma equipe da secretaria de Obras e “botou a mão na massa” durante uma operação para tapar buracos em uma rua de Atafona. As fotos foam postadas no Facebook e geraram todo tipo de comentários: de elogios por ter saído do gabinete e encarar o trabalho de frente a críticas e cobranças por ações como essas em outros distritos. O blog do Bastos falou sobre o assunto ontem (aqui).
Comentar
Compartilhe
Felipe Quintanilha volta ao governo Neco, que tem outras mudanças
08/01/2015 | 10h57
transp_390x293Fora da administração pública municipal desde 2013, Felipe Quintanilha foi nomeado subsecretário de Planejamento e Informatização, cargo do qual foi exonerado, a pedido, em agosto de 2013. Felipe atuou na Sanjoanense Campostur como auxiliar na implantação das linhas municipais e, posteriormente, como gestor da empresa. Quintanilha ocupou cargos de confiança também na gestão anterior. A portaria com sua nomeação foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (8), que traz outras mudanças. Na Saúde, o prefeito tornou sem efeito a portaria que exonerou Claudiomar de Souza Alves. Com isso, ele retoma o cargo de coordenação de Atenção Básica. No lugar do atual chefe de Gabinete Edson Jack, na gerência executiva do Procon entra Danilo Siqueira Oliveira. No Meio Ambiente houve mudança na subsecretaria. Sai Izabel Gregório para entrada de Jorge Antônio Assumpção Nunes — que era sub de Planejamento e Informatização. Izabel continua na pasta, mas como coordenadora geral. Quem também vai para o Meio Ambiente é Murilo Sá. Ele sai de uma assessoria no Transporte para assumir o cargo de gerente executivo no Meio Ambiente. Entre cargos importantes na administração municipal, continuam sem um secretário as pastas de Administração e Pesca, que seguem sob a responsabilidade dos respectivos subsecretários. Outras publicações estão no DO de hoje e podem ser conferidas no jornal Folha da Manhã ou no portal da Prefeitura (aqui).
Comentar
Compartilhe
Juiz dá ultimato à Prefeitura de Campos sobre famílias na Margem da Linha
07/01/2015 | 16h21
[caption id="attachment_489" align="alignleft" width="300"]c5a3c1e70f3c2ba46696faec6d924106_390x293 Foto: Valmir Oliveira[/caption] O juiz da 1ª Vara Cível de Campos, Ralph Manhães Jr., realizou hoje (7) uma inspeção na comunidade Margem da Linha e constatou o grande risco para as famílias que vivem no local, em Tapera. Ralph determinou a limpeza imediata dos escombros e o isolamento das áreas parcialmente demolidas até a sexta-feira (9). Além disso, determinou que a Prefeitura de Campos faça o pagamento imediato de dois meses de aluguel social para cerca de 30 famílias que vivem no local e que desejarem sair. Outra determinação é a que, das 90 casas do programa Morar Feliz que estão previstas para serem entregues até março, parte seja destinada as famílias da Margem da Linha, mas de forma antecipada. O prazo para as famílias serem encaminhadas para as moradias fixas é o dia 10 de fevereiro. Na determinação, Ralph considera que o não cumprimento de qualquer um dos itens pode configurar a prisão dos secretários de Governo, Suledil Bernardino, de Família e Assistência, Geraldo Venâncio, e de Defesa Civil, Henrique Oliveira. No dia 18 de dezembro, o juiz atendeu ao pedido da Defensoria Pública e concedeu liminar suspendendo imediatamente as remoções feitas pela Prefeitura, criticando a falta de critério da operação e o fato de famílias terem suas casas demolidas antes de terem sido devidamente reacomodadas em novas casas com as devidas garantias legais. A sentença foi divulgada por Christiano Abreu Barbosa (aqui), em seu Ponto de Vista. A Prefeitura ainda não se posicionou sobre a decisão de hoje. Atualização às 19h: A Prefeitura de Campos, através da secretaria de Comunicação, mandou sua versão com relação ao assunto. Confira a íntegra: "O juiz em exercício da 1ª Vara Cível, Ralph Manhães, e a Prefeitura de Campos fizeram na tarde da quarta-feira (07) verificação da situação na comunidade da Margem da Linha. Em função dos argumentos apresentados pelo Município e da realidade constatada no local, o juiz reconheceu a necessidade de atualização das informações fornecidas pela Defensoria Pública à Justiça, sobre quem realmente precisa ser contemplado com casas do programa “Morar Feliz” ou aluguel social, e determinou novo cadastramento das famílias. A verificação executada pelo juiz Ralph Manhães identificou existência de algumas famílias residindo ainda na referida comunidade, apesar do Município ter disponibilizado a inclusão no “aluguel social” às pessoas residentes na Margem da Linha, nos termos de decisão judicial. O juiz da 1ª Vara Cível, ouvindo moradores do local, optou pelo novo cadastramento, quando teve acesso a depoimentos que indicam a existência de pessoas vindas do Estado da Bahia e de outros Municípios, no intuito de aproveitar, de forma indevida, do programa “Morar Feliz”. Em função da vistoria, que serviu para clarear dúvidas a respeito das transferências na Margem da Linha, que já beneficiou 312 famílias na primeira mudança, o juiz da 1ª Vara Cível vai autorizar que o Município, que já disponibilizou o acesso ao aluguel social, faça o depósito em dinheiro às pessoas sem a necessidade delas apresentarem as casas a serem locadas. Ficou definida também a retirada de restos de edificações que foram demolidas para as primeiras transferências. Um novo calendário de transferências vai ser estabelecido de acordo com o recadastramento, já iniciado pelo Município, para atualizar as informações da Justiça sobre o cenário da Margem da Linha."
Comentar
Compartilhe
Vereadores e sindicato se reúnem contra Prefeitura no caso da Cedae
07/01/2015 | 10h51
[caption id="attachment_477" align="alignleft" width="300"]Vereadores e assessores conversam com representantes do sindicato. Reproducao/site Staecnon Vereadores e assessores conversam com representantes do sindicato. Reproducao/site Staecnon[/caption] O presidente da Câmara de São João da Barra, Aluizio Siqueira, o vice Alex Firme e a vereadora Soninha Pereira receberam nessa terça-feira (6) o presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Saneamento do Norte e Noroeste do Estado do Rio de Janeiro (Staecnon), Hélio Anomal, acompanhado do diretor jurídico Paulo César Crespo. A pauta foi o decreto do prefeito Neco publicado no último dia 30 de dezembro (aqui, no blog Entrelinhas), que trata da substituição dos serviços de água, prestado pela Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), que passaria para o controle da Prefeitura. Durante a reunião, as partes teriam entendido que a decisão apresentada pelo prefeito “seria um equívoco”. De acordo com nota publicada no site do Staecnon, os vereadores teriam se posicionados contrários à decisão do prefeito e destacaram que a Câmara sequer foi ouvida. O presidente da Casa, Aluizio, salientou que o melhor caminho é o diálogo. Os vereadores teriam concluído que os passos para um rompimento não foram devidamente seguidos e que providências poderão ser tomadas contra a atitude do prefeito. “Causou-nos estranheza tal atitude do prefeito, pois em recente inauguração de novos sistemas de abastecimento de água em várias localidades, com a presença governador Pezão e do diretor de interior da Cedae, Heleno Silva, ele ressaltou a grande parceria que vem sendo feita entre o município e o estado, trazendo grandes benefícios para população”, disse o presidente do sindicato, Hélio Anomal. [caption id="attachment_478" align="alignright" width="300"]Presidente do Staecnon conversou com funcionários da Cedae. Reproducao/site Staecnon Presidente do Staecnon conversou com funcionários da Cedae. Reproducao/site Staecnon[/caption] O sindicato questiona ainda o porquê da imediata mudança. “É necessário maior transparência, pois essas mudanças podem trazer benefícios para poucos em detrimento do direito de muitos”, afirma nota publicada no site do sindicato. Funcionários — Os trabalhadores da Cedae em SJB também está preocupado com o futuro dos seus empregos (aqui). Após o encontro com os vereadores, representantes do sindicato estiveram com os funcionários para informar sobre o andamento do decreto publicado pela Prefeitura do município. O sindicato garantiu que “vem tomando as devidas providências através de contato permanente com a direção da empresa, que já acionou o departamento jurídico e a procuradoria do estado, com o objetivo de não permitir tal arbitrariedade”. Além disso, o sindicato afirma ainda que “ofício já foi encaminhado à prefeitura comunicando a ilegalidade do referido decreto”. O Site SJB Online publicou matéria sobre o encontro dos vereadores com representantes do sindicato primeiro (aqui).
Comentar
Compartilhe
Neco tem novo chefe de Gabinete; Antônio Neves vai para Trabalho e Renda
07/01/2015 | 08h03
[caption id="attachment_480" align="alignleft" width="150"]Edson Jack Luiz de azevedo, novo chefe de Gabinete de SJB. Reprodução/Facebook Edson Jack Luiz de Azevedo, novo chefe de Gabinete de SJB. Reprodução/Facebook[/caption] O prefeito Neco já escolheu e publicou no Diário Oficial desta quarta-feira (7) o nome do seu novo chefe de Gabinete. O cargo que foi ocupado por Antônio Neves nos dois primeiros anos, agora terá o controle de Edson Jack Luiz de Azevedo. Economista, Edson já desempenhou cargos de alta confiança na Câmara Municipal de São João da Barra, inclusive no período que o atual prefeito foi presidente do Legislativo. Atualmente, atuava como gerente executivo junto ao Procon, cargo que ficou vago. [caption id="attachment_479" align="alignright" width="150"]"Professor" assume a subsecretaria de Trabalho e Renda, como foi divulgado ontem neste blog. Reprodução/Facebook "Professor" assume a subsecretaria de Trabalho e Renda, como foi divulgado nessa terça neste blog. Reprodução/Facebook[/caption] O ex-chefe de Gabinete assume a subsecretaria de Trabalho e Renda, como este blog antecipou ontem (aqui). As portarias publicadas no D.O. desta quarta são datadas de 05 de janeiro e entram em vigor com data retroativa, 02 de janeiro. Além das nomeações de Edson Azevedo e Antônio Neves, o D.O. trouxe outras mudanças, mas que não atingem o primeiro escalão. Entre elas, a nomeação de Diego Amaral Soares para o cargo de Procurador Adjunto, junto à Procuradoria Geral do Município. A relação completa do Diário Oficial, que traz também a Lei Orçamentária Anual do município para o ano de 2015, pode ser conferida na edição desta quarta-feira (7) do jornal Folha da Manhã e, posteriormente, no portal da Prefeitura de São João da Barra (aqui).
Comentar
Compartilhe
SJB: Férias da Educação serão pagas nesta quinta
06/01/2015 | 18h20

3576_060115152632_3362_290914135208_3293_010914154522_secretaria_de_EducacaoA secretaria de Administração de São João da Barra esclarece que a Câmara Municipal encaminhou a Lei Orçamentária Anual para o Executivo no dia 05 de janeiro, após as 14h, não havendo tempo hábil para sua análise pela Procuradoria Municipal e a respectiva publicação no dia 06 de janeiro. A expectativa era para o pagamento das férias nesta quarta-feira (7).

O procedimento de empenho para o pagamento das férias dos Servidores da Educação só poderá ser feito após a publicação da LOA no Diário Oficial do Município, que vai ocorrer nesta quarta-feira, dia 7. Dessa forma, o pagamento das férias será efetuado na quinta-feira(8).

Fonte: Secom/SJB

Comentar
Compartilhe
Polêmico ex-vereador sanjoanense, Camarão faz críticas a Alex Firme
06/01/2015 | 15h20
camarãoEx-vereador de São João da Barra, onde legislou de 2009 a 2012 e foi considerado um dos mais polêmicos na história do município, Zezinho Camarão usou seu perfil no Facebook para metralhar uma postagem feita pelo ex-líder do governo Neco, Alex Firme, no último domingo, com críticas a “administradores públicos que só usam do poder concedido pelo povo, para perseguir e prejudicar as pessoas” (aqui). Camarão afirma que o vereador deve ter “caído na conversa” da ex-prefeita Carla Machado para mudar de opinião tão fácil. Na visão do ex-vereador, Alex teria traído seu grupo de eleitores, pois “pessoas que tinham cargo de confiança” foram cortadas por ter ligação com o ex-líder do governo. O “Não precisa ninguém dizer que o vereador fez tudo isso porque a ex contou uma historinha pra ele e ele como um tolo caiu, o que será que a ex deu ou prometeu a ele para que mudasse tão rápido sua opinião em relação ao prefeito? Quem não se lembra das eleições de outubro de 2014 onde o vereador fez várias declarações de admiração e companheirismo ao atual prefeito?! No mínimo essa mulher deve estar dizendo que não quer ser mais prefeita e oferece apoio a candidatura de prefeito para uns, a presidência da câmara para outros, e simplesmente depois que essas pessoas fracas e sem personalidades caem em seus contos mentirosos, ela diz que a candidata tem que ser ela porque as pesquisa indicam!”, disparou Camarão. O ano começou quente na política sanjoanense. Vereadores da abancada governistas estão mudando de postura e tendem manter uma bancada “independente” ou até de oposição. As articulações neste início de 2015 devem nortear as alianças que visão a disputa municipal em 2016. Outra polêmica — Não é a primeira vez que Camarão se envolve com postagens de temas políticos polêmicas em São João da Barra. Durante a campanha para deputado estadual, na qual ele apoiou o vereador Kaká, Zezinho Camarão escreveu em seu perfil que a ex-prefeita e então candidata a uma vaga na Alerj estaria inelegível. No dia 29 de setembro ele escreveu: “tenho todas as chances de ser vereador outra vez, mas vou colocar em risco meu futuro político em favor do povo de São João da Barra: SE ESSA SENHORA (Carla) REVERTER ESSA SITUAÇÃO DOU MINHA PALAVRA QUE NÃO SEREI MAIS CANDIDATO. Estou fazendo isso porque tenho certeza do que estou falando, jamais seria irresponsável de colocar uma postagem dessa se os advogados não me garantissem isso”. O TSE validou os votos da ex-prefeita que ficou com a segunda suplência do PT na Assembleia do Rio. Camarão e Carla já foram aliados, mas desde que optaram por caminhos distintos são ferrenhos inimigos políticos.
Comentar
Compartilhe
Antônio Neves pode voltar ao governo Neco
06/01/2015 | 10h00
[caption id="attachment_437" align="aligncenter" width="300"]Reprodução/Facebook_Paulo Pinheiro Reprodução/Facebook_Paulo Pinheiro[/caption] Uma das publicações que mais chamou atenção na lista de cortes do prefeito Neco divulgada no Diário Oficial desta segunda-feira (5) — com repercussão aqui — foi a exoneração do chefe de Gabinete Antônio Neves. Visto como homem de mais alta confiança da administração pública e que teria “dado as cartas” nos primeiros anos, o professor, como é conhecido no meio político sanjoanense, foi surpreendido com a sua exoneração. Fontes garantem que ele perdeu o cargo, mas não está fora do governo. A expectativa é que nos próximos dias Antônio Neves assuma um dos cargos que ficaram vagos com as saídas de Doralice Gonçalves, da subsecretaria de Trabalho e Renda, e Lara Valentim, da secretaria de Administração. A tendência é que fique com a primeira opção, como subsecretário de Trabalho e Renda. Por enquanto é apenas especulação, mas o Diário Oficial dos próximos dias deve confirmar. Assim como também existem especulações que o professor ficaria por pouco tempo na nova função, pois estaria com quase tudo certo para ocupar um cargo no governo estadual, na pasta de Paulo Melo, a secretaria de Governo.
Comentar
Compartilhe
SJB: Água, energia, celular... e agora postes que causam transtornos
06/01/2015 | 08h00
[caption id="attachment_430" align="alignleft" width="168"]FUSÍVEL QUE DESPENCOU DO POSTE Fusível despencou do poste[/caption] [caption id="attachment_429" align="alignleft" width="168"]FIO CAÍDO NA RUA Fio continua no chão[/caption] Já não bastassem os inúmeros transtornos causados pela falta de água, sinal de telefonia móvel e energia elétrica neste início de 2015, que tem deixado vias públicas do município às escuras, o leitor Sávio Gomes enviou fotos do poste nº 32311 na Rua Projeta F, em Atafona, que é “famoso” por causar transtornos há muito tempo. De acordo com Sávio, o caso fica apenas no transtorno por sorte, pois já poderia ter causado problemas maiores. A reclamação já chegou à Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). De acordo com Sávio, o transformador produz um barulho “assustador”, além de “centelhamento nos isoladores, e uma energia de má qualidade, que é vacilante o tempo inteiro”.  “Já reclamei com a ANEEL, deram uma ‘garibada’, mas o transformador voltou a ter os mesmos problemas”, afirmou. [caption id="attachment_431" align="alignleft" width="300"]POSTE FASE C EM CHAMAS O poste dos problemas com “centelhamento nos isoladores"[/caption] Sávio relata os problemas causados pelo poste e constata que chega a ter risco de vida para os moradores da região. “Observe o fio caído na rua, bem ao lado da calçada. A sorte que o referido fio se soltou após o transformador, senão, teria causado estragos de proporções imprevisíveis. Numa das fotos, a peça que desprendeu do poste, tem cerca de 25 cm e é pesada. Se caísse em alguém, poderia ser fatal”. O começo de ano não está sendo fácil para sanjoanenses e veranistas. Embora quase tudo caia na conta do prefeito, não é ele o responsável por todo esse caos. Na maioria das vezes tem uma concessionária no meio do caminho. Cabe à população também fiscalizar e denunciar os problemas.
Comentar
Compartilhe
Ranulfo Vidigal: Nenhuma aplicação foi feita fora das regras naturais
05/01/2015 | 19h56
ranulfoO economista Ranulfo Vidigal, ex-prefeito e ex-secretário de Fazenda de São João da Barra, comentou as declarações da ex-prefeita Carla Machado, que durante participação no programa de rádio “Bom Dia Cidade”, da rádio Barra FM, contestou uma aplicação financeira enquanto ele era secretário do governo Neco. “Estou quieta, mas se quer que a gente comece a falar, eu vou perguntar onde está o dinheiro que foi retirado através de Ranulfo Vidigal para aplicar em outro banco. Como voltou, como que foi autorizado isso?”, indagou a ex-prefeita. Fora do governo há quase um ano, o ex-secretário de Fazenda afirmou que desconhece qualquer transação “feita fora das regras naturais”. — Já estou fora do governo há um ano e não sei de nenhuma aplicação financeira feita fora das regras naturais. Todas as aplicações foram devidamente aplicadas e resgatadas adequadamente, no ano de 2013 — afirmou Ranulfo. Ranulfo Vidigal — Eleito em 1992, Ranulfo não completou seu mandato. Foi o único prefeito cassado na história de São João da Barra. O processo de impeachment aconteceu em outubro de 1996. Voltou à administração pública sanjoanense em agosto de 2013, a convite do prefeito Neco, para assumir a secretaria de Fazenda. Saiu do governo seis meses depois, em fevereiro de 2014. À época, Ranulfo afirmou que sua saída foi “consensual”. Antes de voltar a São João da Barra, Vidigal esteve à frente da Agência Reguladora de Serviços Públicos Concedidos (Asep), durante a gestão do então governador Anthony Garotinho, presidiu também a Fundação Centro de Ciências e Educação Superior a Distância do Rio (Cederj) e o Centro de Informações e Dados de Campos (Cidac).
Comentar
Compartilhe
Neco e Carla trocam “alfinetadas” em programa de rádio
05/01/2015 | 16h25
neco-e-carlaO prefeito de São João da Barra participou do programa de rádio “Bom Dia Cidade”, na rádio comunitária Barra Fm, onde prestou esclarecimentos sobre a falta de abastecimento de água. Neco contou que, através de carta, o diretor-presidente da Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae), Wagner Victer, afirma que não vai entregar a empresa para o município, conforme decreto publicado no dia 30 de dezembro (aqui). — Ele (Wagner) não entrega (a Cedae) para o município administrar. Esses que estão falando que já é do município, não sabem o que falam. Eles estão mentindo. Estão aproveitando para tentar jogar a população contra o nosso governo. Tem várias situações no nosso governo que precisamos esclarecer, precisamos que a população saiba — disse Neco, que ainda listou problemas que teria herdado da gestão anterior. A ex-prefeita Carla Machado entrou em contato com a emissora e rebateu. O prefeito falou de problemas com obras entregues no fim da administração passada e usou como exemplo o calçamento na localidade do Açu e o parque de exposição. “Começaram a me cutucar. Quer cutucar? Vamos mostrar a realidade das coisas, para que a população fique sabendo. Tá lá o Parque de Exposição, não pude fazer a exposição esse ano lá. Se colocar um som alto ali, aquele mura é capaz de cair”, disparou Neco. A ex-prefeita Carla Machado usou do espaço na emissora de rádio para rebater as críticas. “Estou quieta, mas se quer que a gente comece a falar, eu vou perguntar onde está o dinheiro que foi retirado através de Ranulfo Vidigal (ex-secretário de Fazenda) para aplicar em outro banco. Como voltou, como que foi autorizado isso?”, indagou. Carla ainda falou sobre problemas com água e energia e afirmou que a população está insatisfeita com a administração pública e alfinetou o ex-aliado. “O povo realmente está insatisfeito. Não adianta jogar a culpa pra mim porque nós inovamos em vários programas, vários projetos. Levantamos São João da Barra. Não vou ficar de culpada de incompetência. A única coisa que eu posso ser culpada, e que infelizmente eu peço desculpa às pessoas, é de ter apoiado uma pessoa que não merece”.
Comentar
Compartilhe
Cortes na Prefeitura de SJB atingem nomes que pareciam “inabaláveis”
05/01/2015 | 08h43
[caption id="attachment_290" align="alignleft" width="212"]Secom/Divulgação Secom/Divulgação[/caption] O “facão afiado” realmente passou pela Prefeitura de São João da Barra e cortou nomes que pareciam inabaláveis até pouco tempo. Destaque para a saída do chefe de gabinete Antônio Neves, considerado homem de grande influência no governo Neco e que teria “dado as cartas” nos últimos dois anos. O “professor”, como é chamado no meio político sanjoanense, é cotado para assumir um cargo na secretaria de Governo, de Paulo Melo, na administração do governador Pezão. Entretanto, o corte do seu nome da chefia do gabinete do prefeito foi uma surpresa até mesmo para ele. Outros secretários e subsecretários também foram surpreendidos pela publicação do Diário Oficial desta segunda-feira (5), com 27 portarias (21 exonerações e 6 nomeações) datadas em 2 de janeiro. Nomes que seriam cotas dos vereadores Alex Firme e Aluizio Siqueira — que estariam com relações abaladas com Neco — também foram ceifados. Embora tenha exonerado, muitos cargos continuam sem substitutos. Não há confirmação se todos os nomes realmente estão fora do governo Neco ou se serão peças remanejadas na administração municipal, em publicações posteriores no Diário Oficial. Este blog antecipou no sábado (aqui) que o “facão estaria afiado para cortes na Prefeitura de SJB”. Confira os nomes que foram exonerados ou remanejados no “listão” desta segunda e as ligações políticas que poderia ter levado ao corte. Secretários e subsecretários exonerados Antônio Neves — Como explicado acima, nome que parecia inabalável, foi surpreendido com a publicação. Doralice Gonçalves — Subsecretária de Trabalho e Renda, era vista como nome de confiança no governo. Lara Valentim — Secretária de Administração. No cargo desde a gestão anterior, seria da cota do presidente da Câmara Aluizio Siqueira. Secretários e subsecretários remanejados Marcos Sá — Sai da secretaria de Meio Ambiente e assume a secretaria de Obras. Nelson Patrício — Sai da secretaria de Obras e assume na mesma pasta como coordenador geral de fiscalização. Kleyton Luiz Calado da Rosa — Deixa a gerência de compras para assumir a secretaria de Meio Ambiente. Exonerados Jerônimo Rangel — Considerado do “time da ex-prefeita”, do qual foi secretário de Comunicação, teria ficado como coordenador geral de meio ambiente com o “apadrinhamento” de Alex Firme. Outros nomes da relação abaixo teriam ligação com o vereador, que disparou contra a administração pública nesse domingo (aqui). Os três primeiros da relação que segue também seriam da cota do ex-líder do governo na Câmara: Viviane de Assis Berto — Ouvidoria do Gabinete; Raphael Pereira Gomes — Comunicação (assessor); Taís da Silva Maciel— Assistência Social (assessor); Robson Marcos Lopes Peixoto — Meio Ambiente (gerente administrativo); Rozeni de Fátima Rosa Nogueira — Meio Ambiente (gerente administrativo); Josenilda das Chagas Gonçalves — Obras (assessor chefe); Claudiomar de Souza Alves — Saúde (coordenador de atenção básica); Silvana Caldas Costa Maciel— Educação (diretora do Centro Municipal de Educação); Vânia Pantoja de Almeida Lucena — Educação (Assessor); João Gonçalves dos Santos — Turismo (Assessor); Adilson Pereira Rodrigues — Pesca (Assessor). Remanejados Ivan Manhães Pinheiro — sai do cargo de secretário executivo na Saúde e assume como coordenador de atenção básica; Rafael Henrique Carneiro — deixa uma assessoria na Administração e vai assumir como gerente de compras; Luiz Carlos do Nascimento — sai de uma assessoria na Assistência Social e vai para assessoria na Pesca. A publicação completa está disponível no Diário Oficial do Município, o jornal Folha da Manhã desta segunda-feira (5) e, posteriormente, deve ser publicada no Portal da Prefeitura (aqui).
Comentar
Compartilhe
Problemas com energia deixa população sem água em SJB
04/01/2015 | 16h05

aerea_de_SJBÉ um problema que traz outro no início deste ano em São João da Barra. Falta energia elétrica, sinal de telefonia móvel e água para população e veranistas do litoral sanjoanense. O número de turistas para o início do ano parece o maior dos últimos tempos, mas os problemas também. Falta de tudo neste comecinho de 2015 — à exceção, graças a Deus, é na questão da segurança, sem nenhum crime grave registrado na estação mais quente do ano. No sábado (3), enquanto parte das residências tinha a energia elétrica restabelecida, postes de iluminação pública de todos os seis distritos sanjoanense estavam apagados, não em todas, mas na maioria das ruas: um grande risco.

Neste domingo, segundo o jornal Quotidiano e o site Parahybano (aqui e aqui), a falta de energia foi a responsável pela falta de água em São João da Barra neste domingo (4). Os piques de energia que ocorrem desde a última sexta-feira (2) teriam causado problemas nas bombas de captação da água. A expectativa é que o restabelecimento do serviço só aconteça nesta segunda-feira (5). Prejuízo: A falta de água e energia elétrica é tamanha que, pela primeira vez, todas as fábricas de gelo da localidade da Baixada, próximo ao Pontal de Atafona, tiveram que fechar mais cedo sem o produto para venda. Além do prejuízo para os proprietários dos frigoríficos, alguns com equipamentos comprometidos pelos piques de energia, ambulantes e comerciantes também amargam baixas. Com o mau funcionamento da energia, muitos apostam no gelo para manter seus produtos resfriados. Mas sem e sem energia, não tem como fabricar gelo...
Comentar
Compartilhe
Alex Firme: Tem administrador que só usa do poder para perseguir
04/01/2015 | 15h13
[caption id="attachment_402" align="aligncenter" width="300"]Reprodução/Facebook Reprodução/Facebook[/caption] Não é só o verão que está quente em São João da Barra. O ano começou pegando fogo também na área política. Líder do governo Neco nos dois primeiros anos, Alex Firme resolveu abrir o verbo neste domingo (4), no seu perfil da rede social Facebook. Se havia alguma dúvida que a relação entre Alex e Neco estaria abalada, as palavras da postagem deixa claro que realmente aconteceu mais um “racha” na administração municipal. A expectativa que nesta segunda-feira (5) saia um “listão” de cortes na Prefeitura de SJB (aqui), deixou os ânimos ainda mais exaltados. Nomes da cota de Alex estariam entre os que deixam o governo. Sem citar ninguém, Alex disparou: “Falta competência, humanidade, sabedoria, dignidade, responsabilidade e companheirismo, pois ele descarta as pessoas que estiveram ao seu lado com tamanha frieza e com total falta de ética”. Ao abrir a postagem com a citação “Todo poder Emana do POVO!!!”, o vereador peemedebista afirma que  “Infelizmente têm administradores públicos que só usam do poder que lhes foi concedido pelo povo, para perseguir e prejudicar as pessoas”. Ainda que não cite nome de ninguém, o clima nos bastidores políticos da cidade deixa claro que as “alfinetadas” são direcionadas ao prefeito. Alex já tinha usado seu perfil para fazer críticas na área da saúde (aqui). A postagem rendeu diversos comentários de cunho político e evidenciou um possível afastamento entre Alex e Neco. Além do ex-líder do governo na Câmara, o presidente da Câmara de SJB, Aluizio Siqueira, também estaria com relações rompidas com o prefeito. Até o fim do ano, as articulações políticas visando às eleições municipais de 2016 devem estar concluídas, inclusive com mudanças de partido dentro do prazo estabelecido pelo tribunal Superior Eleitoral, vão mostrar “quem está com quem” para a disputa.
Comentar
Compartilhe
“Facão afiado” para cortes na Prefeitura de SJB
03/01/2015 | 15h45
3 Desde que o ano começou não há outro comentário nas rodas de conversa sobre política sanjoanese: o prefeito Neco estaria com o “facão afiado” para cortes no primeiro escalão do seu governo. As especulações sobre os nomes que estariam no “listão” de corte são as mais variadas possíveis. A expectativa era da divulgação no Diário Oficial deste sábado (3), o que não aconteceu. Tradicionalmente, exonerações e nomeações não são divulgadas no domingo. Se a lista existe, como muitos garantem, a publicação deve sair na segunda-feira (5). Quem diz ter visto o “listão” de cortes do prefeito afirma que a publicação vai sacudir o ambiente político sanjoanense. Entre as exonerações estariam nomes do mais alto escalão e que, aparentemente, teriam fortes ligações com Neco, além de indicados “apadrinhados” por políticos que, outrora aliados, estariam se distanciando do prefeito. Se o “facão” realmente passar pela Prefeitura de São João da Barra, os nomes serão conhecidos apenas quando estiverem publicados no Diário Oficial. Antes disso, qualquer nome divulgado não passa de mera especulação e dos famosos boatos sobre o futuro político sanjoanense.
Comentar
Compartilhe
Secretários estaduais do RJ serão empossados nesta segunda
03/01/2015 | 13h18
[caption id="attachment_260" align="alignleft" width="300" class=" "]Pezão dará posse ao seu secretariado. Foto: Genilson Pessanha Pezão dará posse ao seu secretariado. Foto: Genilson Pessanha[/caption] O governador Luiz Fernando Pezão dará posse ao secretariado estadual na próxima segunda-feira (5), às 10 horas, no Palácio Guanabara. Na quinta-feira (1º), Pezão foi empossado na Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), no Centro, e depois seguiu para o Palácio Guanabara, em Laranjeiras, na Zona Sul, onde fez um discurso. Pezão afirmou que é necessário gastar melhor o dinheiro público. As perdas do estado podem chegar a R$ 4,2 bilhões. O governador já estava no comando do estado desde abril de 2014, quando Sérgio Cabral deixou o cargo. Secretários que serão empossados para o mandato 2015-2018: - Coronel César Rubens de Carvalho (Administração Penitenciária) - Christino Áureo (Agricultura e Pecuária) - André Correa (Ambiente) - Teresa Cosentino (Assistência Social e Direitos Humanos) - Leonardo Espíndola (Casa Civil) - Gustavo Tutuca (Ciência e Tecnologia) - Eva Doris Rosental (Cultura) - Coronel Sérgio Simões (Defesa Civil) - Julio Bueno (Desenvolvimento Econômico, Energia, Indústria e Serviços) - José Luiz Anchite (Desenvolvimento Regional, Abastecimento e Pesca) - Antonio Neto (Educação), José Luiz Nanci (Envelhecimento Saudável e Qualidade de Vida) - Marco Antônio Cabral (Esporte, Lazer e Juventude) - Sérgio Ruy Barbosa (Fazenda) - Bernardo Rossi (Habitação) - José Iran Peixoto Jr (Obras - Claudia Uchôa (Planejamento) - Filipe Pereira (Prevenção à Dependência Química) - Cidinha Campos (Proteção e Defesa do Consumidor) - Carlos Roberto Osório (Transportes) - Felipe Peixoto (Saúde) - José Mariano Beltrame (Segurança Pública) - Arolde de Oliveira (Trabalho e Renda) - Nilo Sérgio (Turismo) Outros cargos: - Procuradora Lucia Léa (Procuradoria Geral do Estado) - Coordenador executivo de Infraestrutura e Integração Governamental, Hudson Braga - Diretor executivo da Câmara Metropolitana, Vicente Loureiro. Fonte: G1
Comentar
Compartilhe
Mesa Diretora da Câmara de SJB toma posse
02/01/2015 | 10h54
[caption id="attachment_385" align="aligncenter" width="960"]10479752_876035069083319_7841218516039309549_n Da esquerda para direita: Alex Firme, Jonas Gomes, Aluizio Siqueira e Franquis Arêas. Reprodução/Facebook[/caption] A Nova Mesa diretora da Câmara de São João da Barra tomou posse na manhã desta sexta-feira (2) com a seguinte composição: Aluizio Siqueira (presidente), Alex Firme (vice-presidente), Jonas Gomes (1º secretário) e Franquis Arêas (2º secretário). Presidente reeleito para o biênio 2015/2016, Aluizio deixou claro que “a Casa nunca foi uma barreira ao Executivo”, mas evidenciou um novo posicionamento no seu mandato. — As pessoas têm que entender, temos que ter independência para falar. Prefiro as palavras construtivas de uma crítica do que as de um bajulador. A crítica construtiva mostra onde está o erro — destacou Aluizio, observando ainda que o ano de 2015 será um “ano muito complicado, não só em São João da Barra, mas em todo país”. O vereador Alex Firme salientou que esteve “desenvolvendo o papel de líder na medida do possível” no primeiro biênio. Agora, como vice-presidente da Câmara, Alex pretende levar “cobranças que atendam à população, independente de questões partidárias”. Reeleito primeiro secretário, Jonas fez cobranças na área da saúde, principalmente aos profissionais da área. “Muitas vezes não atendem a população alegando que falta material, mas o material está na gaveta”, afirmou Jonas. Já o vereador Franquis, que foi eleito pelo PR, partido de oposição ao prefeito Neco na disputa de 2012, destacou sua participação na Mesa diretora pela primeira vez, no seu segundo mandato. Eleição — A eleição da Nova Mesa Diretora aconteceu no dia 19 de fevereiro do ano passado. À época, a articulação que reelegeu o presidente Aluizio teria sido encabeçada pelo prefeito Neco. Alex, então líder do governo, foi para a vice-presidência. Jonas foi chamado a continuar na primeira secretaria. Para segundo secretário foi escolhido um nome da oposição, Franquis, para garantir que os indicados de Neco seriam mantidos. O risco, a princípio, seria o fortalecimento de um grupo com os vereadores Ronaldo da Saúde (Pros) e Soninha Pereira (PT) — vice-presidente no primeiro biênio —, nomes que seriam ligados à ex-prefeita Carla Machado (PT), para tentar uma vaga na Mesa. No dia da eleição, os nomes escolhidos para este biênio receberam os votos de todos os vereadores. Mais informações na edição da Folha da Manhã deste sábado (3).
Comentar
Compartilhe
Bom começo de ano no litoral sanjoanense
01/01/2015 | 18h30
[caption id="attachment_373" align="aligncenter" width="300" class=" "]Show da dupla João Lucas e Marcelo leva multidão à  praia de Grussaí na noite de Réveillon / Foto: Secom Show da dupla João Lucas e Marcelo leva multidão à praia de Grussaí na noite de Réveillon / Foto: Secom[/caption] Este ano começou com paz no litoral sanjoanense. Diferente do que aconteceu no Réveillon de 2014, quando logo pela manhã os portais de notícias da região traziam inúmeros crimes — homicídio, tentativas de homicídio e latrocínio —, a manhã deste primeiro dia de 2015 traz apenas as festas de Ano Novo em São João da Barra. E o público não foi pequeno. A estimativa é de que mais de 40 mil pessoas tenham dado as boas vindas a 2015 em um dos três shows realizados pela prefeitura de São João da Barra, na sede do município e nas praias do Açu e Grussaí. Além disso, em Atafona, tradicionais famílias de veraneio estavam com as casas lotadas, realizando confraternizações entre familiares e amigos, sem falar nas casas de shows particulares. Este ano o verão é “mais curto”. O ano de 2014 foi marcado por muita violência na estação mais quente do ano em SJB, a começar pelo Réveillon. A expectativa — e a torcida — é que em 2015 o verão seja de paz, assim como foi a tranquila noite de Ano Novo. Ponto positivo para o prefeito Neco, junto com sua equipe, e para a segurança da Polícia Militar, presente em bom número nos eventos da cidade. Vale lembrar — Outro risco iminente é a imprudência no trânsito. O tráfego intenso na BR 356 gera perigo, mas a maioria dos acidentes é causada por descuido dos motoristas. O mantra “se dirigir não beba, se beber não dirija” nunca sai de moda. O cuidado também deve ser redobrado nas ruas das praias. Afinal, criança na rua é o que não falta. Bom exemplo — Como crítico ferrenho dos serviços prestados pela empresa Sanjoanense Campostur, que é responsável pelas linhas municipais (da passagem a R$ 0,90) e do transporte entre Campos e SJB, não poderia deixar de registrar que a empresa prestou um bom serviço no primeiro dia do ano. Os ônibus com passagem a R$ 0,90 circularam na madrugada, garantindo a mobilidade de sanjoanenses e visitantes.
Comentar
Compartilhe
Visões da posse de Dilma
01/01/2015 | 17h33
[caption id="attachment_376" align="alignleft" width="140" class=" "]Cristiana Lôbo e Gerson Camarotti / Reprodução - Internet Cristiana Lôbo e Gerson Camarotti / Reprodução[/caption] Experientes jornalistas do quadro da Globo News, Cristiana Lôbo e Gerson Camarotti acompanharam a posse da presidente Dilma Rousseff no Congreso Nacional. Pelo Twitter, reproduzido em tempo real na cobertura do site G1, mostraram os bastidores da cerimônia oficial. Entre tantos outros pontos abordados, duas postagens em sequência da Cristiana Lôbo chamaram atenção, sobre a postura dos parlamentares que acompanharam a cerimônia. São elas: “Parlamentares aplaudem Dilma a todo momento” e “Dilma: ‘nunca se apurou e puniu com tanta transparência’. Desta vez, a plateia de parlamentares não aplaudiu”. Já Camarotti ficou atento a movimentação do atual presidente da Câmara, Henrique Eduardo Alves, que teria o nome citado nas delações de Paulo Roberto Costa. “Henrique Alves chamou o ministro José Eduardo Cardozo no salão verde para tentar apurar sua situação na Operação Lava Jato”, escreveu o jornalista. A presidente Dilma Rousseff e o vice-presidente Michel Temer tomaram posse no Congresso Nacional na tarde desta quinta-feira (1º) para o segundo mandato. Eles foram eleitos no segundo turno das eleições do ano passado com quase 52% dos votos válidos. A disputa da petista com o candidato à presidência pela PSDB, Aécio Neves, foi a mais acirrada desde a redemocratização do país.
Comentar
Compartilhe
Nova Mesa Diretora da Câmara de SJB toma posse na sexta
01/01/2015 | 13h28
Plano de cargo 2 A nova Mesa Diretora da Câmara de São João da Barra toma posse nesta sexta-feira (2), às 9h30. A eleição aconteceu no dia 19 de fevereiro do ano passado. À época, a articulação que reelegeu o presidente do primeiro biênio, Aluizio Siqueira, teria sido encabeçada pelo prefeito Neco. O então líder do governo, Alex Firme, foi escolhido para a vice-presidência. Jonas Gomes continua na primeira secretaria. Já o segundo secretário é o vereador Franquis Arêas, do PR, partido que disputou o pleito anterior na oposição. A intenção de escolher um nome oposicionista para a mesa foi garantir que as escolhas de Neco seriam mantidas. O risco, a princípio, seria o fortalecimento de um grupo com os vereadores Ronaldo da Saúde (Pros) e Soninha Pereira (PT) — vice-presidente no primeiro biênio —, nomes que seriam ligados à ex-prefeita Carla Machado (PT), para tentar uma vaga na mesa. No dia da eleição, os nomes escolhidos para este biênio receberam os votos de todos os vereadores. No fim do ano passado a relação política de Aluizio e Alex com Neco mostrou certo desequilíbrio, inclusive com desabafos dos vereadores nas redes sociais (aqui e aqui). Mais informações na Folha da Manhã desta sexta.
Comentar
Compartilhe