Voar vai ficar mais caro
18/01/2019 | 12h42
A Agência Nacional de Avião Civil (Anac) autorizou um reajuste de 5,39% nas tarifas aeroportuárias dos aeroportos brasileiros, correspondente ao IPCA, índice de inflação oficial, no período de 1 ano. Os novos preços serão aplicados a partir de 15 de fevereiro. O aumento vale para os tetos das tarifas de embarque, de conexão de passageiros, de pouso e de permanência de aeronaves.
Com o reajuste, a tarifa máxima de embarque doméstico a ser paga pelos passageiros passará de R$ 31,27 para R$ 32,95, e a tarifa máxima de embarque internacional passará de R$ 112,83 para R$ 115,82. Esses valores se aplicam a todos os aeroportos administrados pela Infraero.
Aqui no Rio, atualmente o Aeroporto Santos Dumont cobra o teto máximo, de R$ 31,27. Fatalmente reajustará para R$ 32,95. O Aeroporto do Galeão cobra hoje R$ 30,35 nos vôos domésticos e poderá reajustar para R$ 31,98. O Aeroporto Bartolomeu Lisandro, de Campos, hoje cobra R$ 24,57. Com o reajuste poderá ir para R$ 25,89.
Nos vôos internacionais o Galeão, concedido à iniciativa privada e principal porta de saída dos campistas que voam para o exterior, hoje cobra R$ 111,21 e poderá chegar com o reajuste próximo ao teto máximo de R$ 115,82.
A taxa de embarque é encarecida nos vôos internacionais pela cobrança do Adicional do FNAC (fundo setorial criado para, teoricamente, fomentar o desenvolvimento do sistema nacional de aviação civil) de US$ 18,00, criado pela Lei nº 9.825/99 e que atualmente corresponde a R$ 57,47, conforme estabelecido pela Portaria ANAC n° 8/SRA/2018.
Fontes: Melhores Destinos, G1 e Anac
Compartilhe
Ele visitou todos os países do mundo, duas vezes
17/01/2019 | 20h50
O norueguês Gunnar Garfors é recordista mundial, com direito a nome no Guinness Book, no que diz respeito à viagens. Foi a pessoa mais jovem a visitar todos os 198 países do mundo. Não satisfeito, repetiu a façanha, garantindo ao menos uma pernoite e uma semana em cada um dos 198 países e focando mais nos 20 países menos visitados do mundo.
Ele deu aqui uma interessante entrevista à revista Viagem e Turismo, revelando alguns dos seus pensamentos e suas aventuras pelos 198 países do mundo, como no dia em que dormiu no Vaticano (o único país do mundo sem hotel) e nas fotos de casamento com uma sul-coreana, sendo que o matrimônio acabou não acontecendo.
Confira aqui a íntegra da entrevista e veja abaixo a reprodução de alguns trechos:
"Definitivamente mais pessoas estão viajando, mas infelizmente a maioria delas continua indo à países com culturas similares às suas de origem. Grande parte das pessoas que mora no Ocidente continua viajando para a “bolha ocidental”, lugares onde há boa infraestrutura, onde as pessoas têm dinheiro e existem democracias. Assim, as crenças e sentimentos desses viajantes são pouco desafiados. Eu gostaria que mais pessoas viajassem fora dessas bolhas para desafiar suas visões de mundo."
"As pessoas estão, infelizmente, agindo com ovelhas quando viajam. ... Se uma pessoa popular ou uma celebridade faz alguma coisa, “todo mundo” vai seguir. Isso causa o turismo de massa e o congestionamento. Infelizmente, isso quase sempre acontece com essa bolha que eu já mencionei. Não entendo essa fascinação ou porque as pessoas estão felizes em pagar muito mais por comida, bebida e ingressos ou não se importam em ficar em filas o tempo todo."
"Para mim, ver ou fazer exatamente o mesmo que “todo mundo” é desinteressante. Quero explorar nos meus próprios termos. Nós podemos mudar isso viajando para outros lugares, fora da bolha. E, mesmo em lugares turísticos você pode achar lugares menos visitados. Em algumas cidades tudo o que você precisa fazer é ir de duas a quatro quadras além da avenida principal."
"Eu quase casei com uma garota chamada Haenim, na Coréia do Sul. Lá é comum tirar as fotos do casamento muitas semanas antes da cerimônia ser realizada. Isso acontece para que os convidados possam ver a foto na recepção da festa. Os cliques são feitos em diferentes lugares e as pessoas ricas costumam viajar para diferentes países para tirar suas fotos, mostrando seu status. Nós não éramos ricos, então tivemos nossas fotos tiradas em um estúdio, em uma ponte, em uma floresta e em uma vila luxuosa em Seoul."
"Falhamos. Terminamos dois meses depois da sessão de fotos, tendo finalmente percebido que éramos incompatíveis. O casamento foi cancelado, assim como o local da festa. Então, no final, nunca fui casado, mas tenho todas as fotos do casamento."
"Poderia morar em quase qualquer lugar por anos, mas no final das contas eu vou ficar na Noruega. É longe de ser perfeito, mas um lugar maravilhoso e sentiria falta da minha família e amigos se mudasse para algum lugar para sempre."
Compartilhe
Ele é garantia de sucesso
17/01/2019 | 16h06
"Minha vida em Marte" já levou cerca de 2,7 milhões de pessoas aos cinemas do país, superando o longa original, "Os homens são de Marte... E é pra lá que eu vou", visto por cerca de 1,8 milhão de pessoas em 2014. O filme está em cartaz nos cinemas de Campos há quatro semanas.
Ele já é o filme nacional mais visto desde "Minha Mãe é uma Peça 2", de 2016, que teve impressionantes 9,6 milhões de espectadores, não considerando nessa conta o filme de Edir Macedo "Nada a Perder: Contra Tudo, Por Todos" que teve 11,9 milhões com vários relatos de salas vazias com ingressos esgotados, muitos deles comprados pela Igreja Universal.
Em comum, os filmes "Minha vida em Marte" e "Minha Mãe é uma Peça 2" têm Paulo Gustavo no elenco.
Fonte: Filme B
Compartilhe
Aumentou
16/01/2019 | 21h21
A Netflix aumentou entre 13% e 18% o preço da assinatura mensal nos EUA, com o acréscimo de USD 1,00 a USD 2,00 nas mensalidades, dependendo do plano. É o maior reajuste da história do serviço de streaming.
Vários países da América Latina também serão atingidos por reajustes. Brasil e México estarão fora dos aumentos, ao menos por enquanto. O último aumento da Netflix aqui no país foi em junho de 2017. Antes disto, havia sido em junho de 2015. 
Compartilhe
Verão em alta
16/01/2019 | 15h15
Foto: Mauro de Souza e Renan Liu - Prefeitura de Campos
Foto: Mauro de Souza e Renan Liu - Prefeitura de Campos
Com a programação de verão em Farol de São Tomé, fruto de parceria da Prefeitura de Campos com o Sesc, a taxa de ocupação hoteleira no balneário campista foi de 85% no fim de semana passado, com estimativa de circulação de 120 mil visitantes.
Compartilhe
Estreia da semana
16/01/2019 | 13h28
O destaque entre as estreias da semana em Campos é "Vidro". O filme está programado para estrear amanhã, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versões legendada e dublada, sendo a atração principal da sala vip. Ele também estará no Cine Araújo, em versão dublada.
"Vidro" é o capítulo final da trilogia do diretor M. Night Shyamalan, que inclui os filmes "Corpo Fechado" (2000 - lançado no Brasil em janeiro de 2011) e "Fragmentado" (2016 - lançado no Brasil em março de 2017).  
No novo filme, há o encontro dos personagens David Dunn (Bruce Willis) e Elijah Price (Samuel L. Jackson), de "Corpo Fechado", com as 24 personalidades diferentes de Kevin Crumb (James McAvoy), de "Fragmentado", entre elas a Fera.
Confira abaixo o trailer:
 Fontes: G1, Cine Pop e Adoro Cinema
Compartilhe
Fim de linha
09/01/2019 | 13h28
O "Vídeo Show" chegará ao fim na sexta-feira, após 35 anos. Entre os apresentadores mais marcantes na história do programa da Globo estão Miguel Falabella e Cissa Guimarães. Atualmente ele era apresentado por Sophia Abrahão e Joaquim Lopes. A Sessão da Tarde passará a entrar mais cedo, às 14h00.
Compartilhe
Estreia da semana
08/01/2019 | 20h25
O destaque entre as estreias da semana em Campos é "A Esposa". O filme está programado para estrear amanhã, dia do seu lançamento em todo o país, no Kinoplex Avenida, em versão legendada, sendo uma das atrações da sala vip.
"A Esposa" é estrelado por Glenn Close e Jonathan Pryce e conta ainda em seu elenco com Christian Slater. No filme, Joan (Glenn Close) abre mão da paixão por escrever para se dedicar integralmente ao marido escritor, Joe Castleman (Jonathan Pryce).
Ele ganha o Prêmio Nobel de Literatura e o casal viaja para Estocolmo, para a festa de premiação. Lá o biógrafo Nathaniel Bone (Christian Slater) insiste em fazer um livro sobre a trajetória do escritor. É quando os fatos do passado vêm à tona e deixam claro que Joan abandonou seus próprios sonhos para viabilizar os do marido, que colecionou casos amorosos e com frequência a humilha.
Glenn Close ganhou o Globo de Ouro de melhor atriz por essa interpretação, concorrendo com outras grandes interpretações, como a de Lady Gaga em "Nasce uma Estrela". Glenn Close pode finalmente ganhar seu primeiro Oscar, após seis indicações sem levar a estatueta para casa. Confira abaixo o trailer:
 Fontes: Bem Estar - G1 e Adoro Cinema
Compartilhe
Nova cerveja
07/01/2019 | 19h17
Hoje, dia do seu lançamento oficial em todo o país, chegou ao mercado de Campos a nova cerveja da Ambev, a Skol Puro Malte. O produto terá 6 opções de embalagens: latinhas de 269 ml, 350 ml e 473 ml; e garrafas de 300 ml, 600 ml e 1 litro.
Produzida com 100% malte de cevada, o desenvolvimento da bebida envolveu um processo de cinco anos, através de pesquisas realizadas no Centro de Inovação e Tecnologia (CIT) da Ambev, localizado no Rio. O objetivo era criar uma cerveja puro malte que não fosse pesada e pudesse ser consumida em diferentes ocasiões.
A família Skol agora conta com a versão Skol Pilsen, tradicional e feita em parte com a adição de cereais não maltados (milho); a Skol Hops, lançada no ano passsado, uma versão puro malte com um blend exclusivo de lúpulos aromáticos, resultando em um aroma de lúpulo característico, além de notas cítricas ao paladar; e a versão Puro Malte, que chegou hoje ao mercado.
Fontes: Ambev, Manual do Homem Moderno, Jornal de Brasília e Exame
Compartilhe
O triplo
07/01/2019 | 18h48
Os brasileiros gastaram 18 bilhões de dólares no exterior em 2018, o triplo do que os turistas estrangeiros deixaram em gastos por aqui, cerca de 6 bilhões de dólares.
Fonte: Radar Online - Veja
Compartilhe
Sobre o autor

Christiano Abreu Barbosa

[email protected]