Ferrugem e Linda Mara ainda não estão com tornozeleira, diz advogado
23/06/2017 | 20h01
O advogado do vereador Thiago Ferrugem (PR), Rafael Crespo, entrou em contato e informou que seu cliente foi intimado hoje sobre a tornozeleira, mas ainda não colocou o equipamento eletrônico.
De acordo com o advogado, hoje foi feito contato com a Seap, mas ainda não foi agendado o dia em que a tornozeleira será colocada.
A informação de que o vereador está com tornozeleira veio através de email da Seap, que já tinha se equivocado um dia antes, ao afirmar que não tinha equipamentos disponíveis.
Segundo informações, a situação da vereadora Linda Mara é a mesma: Aguardando agendamento.
Compartilhe
Chequinho: Thiago Godoy e Gilson Gomes também condenados
23/06/2017 | 18h44
Mais duas sentenças de ações de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) do caso Chequinho estão no Diário Oficial da Justiça.
Desta vez foram condenados à inelegibilidade por oito anos, o ex-sub-secretário de Governo na gestão rosácea, Thiago Godoy (PR) e o ex-secretário dos dos Direitos dos Idosos, Gilson Gomes (PRTB). 
Compartilhe
Chequinho: Decisão cumprida e vereadores já com tornozeleiras
23/06/2017 | 16h51
A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) encaminhou resposta ao jornalista Aldir Sales, explicando que houve erro na informação de ontem.
De acordo com a Seap: "Houve um equívoco. A Seap está mantendo a tornozeleira nas duas pessoas citadas".
Compartilhe
Rafael Diniz reage: "Garotinho, você é covarde, maldoso e mentiroso"
23/06/2017 | 11h39
Ponto Final
Ponto Final / Reprodução
Limite
Atacado no pessoal, na política e administrativamente pelo ex-governador Garotinho e seu grupo, a quem derrotou em uma vitória memorável no primeiro turno das eleições municipais do ano passado, o prefeito Rafael Diniz adotou o “deixa pra lá”. Até porque, se for parar para responder todos os dias alguma coisa, o governo não vai andar e o que mais os campistas querem é que a cidade saia, enfim, do atoleiro financeiro em que está, refletido em todas as áreas.
Limite 2
Mas, o prefeito chegou a seu limite com a divulgação, no final de semana, de uma suposta conversa, mostrada no blog do ex-governador durante o final de semana, e que atribuiu a Rafael. Garotinho disse, porém, que deletou o áudio para preservar a fonte. No vídeo divulgado ontem na página de Rafael, ele chamou Garotinho de “covarde, maldoso, mentiroso e medroso” e diz que ele usa de “artimanhas para atacar as pessoas”.
Limite 3
Rafael Diniz destaca que a população campista está cansada deste tipo de política e fala ao “prefeito de fato” na gestão Rosinha, como citou o juiz Glaucenir de Oliveira, ao decretar a prisão de Garotinho, em novembro do ano passado: “Campos só está na crise financeira ‘jamais vista’ por conta das irresponsabilidades de Garotinho”. E finalizou: “Prefiro sofrer seus ataques, que você ficar fazendo maldade com nossa cidade”.
Debate
As comissões de Defesa dos Direitos da Mulher e de Educação da Assembleia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro (Alerj) promovem, hoje, audiência pública em Campos, no Norte Fluminense, para debater a situação dos formandos do curso de enfermagem da Escola Técnica Jomasa. Cerca de 300 alunos, a maioria mulheres, finalizaram o curso, mas não conseguem obter o diploma, e por isso estão impedidos de exercer a profissão. O encontro acontece às 10h no auditório da Universidade Federal Fluminense (UFF) do município.
Alternativa
Com a queda do repasse dos royalties do petróleo, os municípios produtores estão sendo obrigados a buscarem alternativas para alavancar suas economias e aumentar suas arrecadações. No interior do estado, os gestores têm apostado na produção agropecuária para recuperarem um tempo de investimento perdido. Ontem, um seminário regional foi realizado na Prefeitura de Campos e reuniu prefeitos e representantes de quase todas as cidades do Norte Fluminense, que apontaram o setor agrícola como o caminho para acabar com a dependência dos royalties. O lema agora, como ressaltou o prefeito Rafael Diniz, é não deixar que as vontades eleitoreiras falem mais alto que as necessidades do povo. O momento é de fazer o dever de casa com técnica, organização e parcerias.
Pesca
Durante o seminário regional, o secretário estadual de Agricultura, Jair Bittencourt, informou sobre um convênio assinado com a Petrobras, no valor de quase R$ 11 milhões, para a elaboração da estatística pesqueira do estado. O estudo já começou a ser feito em alguns municípios e a frente de trabalho para a região Norte Fluminense será assinada na próxima terça-feira. Como a pesca também é um meio produtivo forte, principalmente em São João da Barra e São Francisco de Itabapoana, espera-se que o levantamento possa fomentar as informações relacionadas ao pescado que é mais encontrado em cada região para que ações mais específicas possam ser desenvolvidas.
Prevenção
A procura pela vacina contra a febre amarela tem estado em baixa nos últimos meses. Parece até que as pessoas deram uma relaxada, após a mobilização intensa com o anúncio dos primeiros casos na região. Embora em Campos não haja nenhum caso da doença, no estado 22 confirmações de febre amarela foram notificadas e isso é um sinal de que a doença ainda está em circulação. Em Campos, a vacina ainda pode ser encontrada. Já diz o dito popular: “prevenir é melhor que remediar”.
Charge do dia
/
Compartilhe
Rafael Diniz: "Garotinho, você é covarde, maldoso e mentiroso"
22/06/2017 | 19h03
Atacado de todas as maneiras - pessoal, política e administrativamente – pelo ex-governador Garotinho e seu grupo, desde o início de seu governo, o prefeito Rafael Diniz respondeu hoje, de forma dura ao que chamou de "mentiras que beiram à insanidade".
O prefeito referiu-se a uma suposta conversa, divulgada no blog do ex-governador, durante o final de semana, e que Garotinho atribuiu a Rafael. Garotinho disse, porém, que deletou o áudio para preservar a fonte.
No vídeo divulgado hoje na página de Rafael, o prefeito chamou Garotinho de “covarde, maldoso, mentiroso e medroso” e que usaria de “artimanhas para atacar as pessoas”. Rafael disse que a população campista está cansada deste tipo de política e que Campos só está na crise financeira “jamais vista” por conta das “irresponsabilidades” de Garotinho.
E finalizou: “Prefiro sofrer seus ataques, que você ficar fazendo maldade com nossa cidade”.
O espaço está aberto à defesa do ex-governador.
Compartilhe
Equipes do TRE intimando vereadores. Seap diz que não tem tornozeleiras. E agora?
22/06/2017 | 17h06
Equipes do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) intimaram hoje a vereadora Linda Mara Silva sobre a decisão da 100 Zona Eleitoral, que determinou a colocação de tornozeleira eletrônica.
Já o vereador Thiago Ferrugem deve ser intimado amanhã.
Depois disso, os réus, segundo informações, teriam que procurar a Seap para colocação dos equipamentos.
Porém...
Em nota, a Secretaria de Estado de Administração Penitenciária (Seap) informa que: "no momento, está sem o monitoramento através de tornozeleiras. A Seap esclarece, ainda, que vem se esforçando para cumprir o seu compromisso junto aos fornecedores e restabelecer o mais rapidamente possível o serviço prestado".
Assim, como se dará o cumprimento da decisão?
Nota da defesa dos vereadores:
"A defesa dos vereadores, representada pelo criminalista Fernando Fernandes ressalta que 'o juiz insiste em abusos que descumprem ordens do TSE - que quando revogou o impedimento de diplomação e determinou a posse dos vereadores, anulou todas as medidas cautelares. Esta nova decisão será levada a conhecimento do Tribunal Superior, que até hoje revogou 100% de todas as ordens emanadas. A defesa não acredita em isenção ou busca da verdade por este juízo', conclui.
Fernando Fernandes"
Atualização no texto.
* Com informações do jornalista Aldir Sales.
Compartilhe
Comércio do varejo em debate na Alerj
22/06/2017 | 16h06
A Federação das Câmaras de Dirigentes Lojistas do Estado do Rio (FCDL-RJ), em conjunto com a Comissão de Economia, Indústria e Comércio da Assembléia Legislativa do Estado (Alerj) , realizou nesta quinta-feira (22), audiência pública para discutir políticas públicas e leis para o desenvolvimento do comércio, com geração e manutenção de negócios e empregos.
O presidente da Comissão, deputado estadual Waldeck Carneiro, e os deputados estaduais Bruno Dauaire, Carlos Osório, e Ana Paula Rechuan, propuseram a criação de uma Frente Parlamentar em Defesa do Varejo na Assembléia Legislativa, que vai atuar junto ao Estado e municípios para rever e simplificar leis afetas ao segmento.
(Fonte: Assessoria)
Compartilhe
Picciani: "Intervenção federal ou impeachment de Pezão"
22/06/2017 | 12h19
jorge_picciani-2015_05_06.jpg
jorge_picciani-2015_05_06.jpg / [email protected]
Intervenção federal ou impeachment. Este foi o tom do email enviado pelo presidente da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), Jorge Picciani, ao líder do governo na assembleia, Edson Albertassi (PMDB), onde criticava duramente o governo Pezão.
Na mensagem, ele fala até em votação para o impeachment do governador. Em entrevista ao CBN Rio, Picciani afirmou que, se o acordo de recuperação fiscal não for homologado, o Rio só tem duas alternativas: intervenção federal ou impeachment do governador.
— Há uma constatação de uma pessoa que se elegeu através de muitos companheiros e companheiras no estado todo, mas já se elegeu com um equívoco, que eu não estava na assembleia, não percebi, que foi aquele aumento, quase que uma fraude eleitoral, em junho de 2014, onde chegou-se a aumentar a folha de pagamento em 70% e esqueceu que, na Constituição de 88, tem a isonomia para aposentados e pensionistas. Depois veio a crise do petróleo, veio a queda da arrecadação, mas o outros estados procuraram de uma forma ou de outra a se ajustar — afirmou.
O presidente da Alerj disse que fez alertas sobre a situação do estado desde o início.
— Eu alertei a ele ainda no mês de março de 2015 , de que era preciso cortar despesas, era preciso ter austeridade, era preciso tomar uma solução para uma concessão de aguá mantendo uma estatal forte na área de produção. Hoje você perde entre 35% a 40%, entre o que se produz no Gandu até chegar à casa do consumidor. É muito melhor você fazer a concessão das distribuições, teriam bilhares de empresas no mundo interessadas em fazer, sete, oito, dez lotes para não concentrar na mão de uma só, fazer investimento, gerar emprego, botar bilhões no caixa, quando fica correndo atrás do governo federal para poder pegar de R$ 3 bilhões. É uma incompetência total. É um governo muito despreparado, começando pelo governador, e isso avança muito quando não tem comando.
Sobre as discussões para assinatura do acordo de ajuste fiscal, o presidente da Alerj afirmou que o governador Pezão é incompetente nas negociações, não tem força política e que não sabe argumentar com o governo federal. Para ele, quem pode ajudar nisso é o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, e a bancada federal.
— O governo federal não está cumprindo a sua parte, e falta tudo no governo do estado. O Rio de Janeiro não pode ser tratado assim. Ele estava preparado para defender Piraí e não estava o estado do Rio. Mas isso não significa que as forças politicas do Rio não devam se movimentar. Eu faço um apelo nessa carta ao presidente Rodrigo Maia.
(Fonte: O Globo)
Compartilhe
Vale a pena ter um líder como Garotinho?
22/06/2017 | 10h52
Ponto Final
Ponto Final/Reprodução
Vale a pena?
Dois vereadores mais próximos aos Garotinho sofreram outro revés ontem, com a determinação de colocação de tornozeleiras eletrônicas. Linda Mara Silva e Thiago Ferrugem já foram presos, embora o vereador apenas de modo domiciliar. Já Linda, que fez de tudo um pouco na gestão rosácea, até marcar depilação da então prefeita Rosinha, além de presa atrás das grades e na própria casa, foi impedida judicialmente de ser diplomada, só conseguindo recentemente. Caso não consigam reverter a decisão de ontem, os dois terão que ir para a Câmara, na próxima semana, levando no corpo o símbolo de que teriam cometido suposto crime. Enquanto isso, o “líder” está na zona sul do Rio, junto com a família, falando o que bem entende na rádio e redes sociais. Fica a dúvida: Vale a pena ter um líder desses?
Charge do dia
/
Ação
Em meio à falação comum ao Legislativo, foi aprovado por unanimidade na sessão de ontem requerimento do vereador Álvaro César (PRTB) para uma ação prática de combate a um dos maiores problemas no Brasil e em Campos: o desemprego. Pelo requerimento, aprovado por unanimidade, criação de uma comissão parlamentar para intermediar a instalação de novas empresas no município. O objetivo é gerar empregos para o município. “Vemos em nossos gabinetes todos os dias pessoas que começam a chorar antes mesmo de falar. Esta Câmara tem força e pode fazer esse papel de buscar essas empresas e intermediar a instalação em nossa cidade”, disse o vereador.
União de forças
Empresário, o vereador Neném (PTB) estará hoje na Alerj, em um encontro sobre comércio varejista. Ontem, ele levou a sugestão para que entidades como Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Associação Comercial e Industrial de Campos (Acic) e Federação das Indústrias do Estado do Rio de Janeiro (Firjan) sejam chamadas a participar do projeto de Álvaro Cesar. Membro do conselho de jovens empresários da Firjan, a vereadora Joseane Morumbi (PRP) afirmou que a entidade aceitará o convite para participar da comissão.
Maquiagem cara
Enquanto o governo da ex-prefeita Rosinha Garotinho esbanjou em torno de R$ 20 milhões para tentar dar um aspecto menos pior ao canal Campos-Macaé, popularmente conhecido como valão, a concessionária Águas do Paraíba anunciou que com R$ 1 milhão, valor que representa 5% do dinheiro gasto na gestão Rosinha, é possível realizar, de fato, o que deveria ter sido feito há anos, que é a limpeza do canal eliminando o mau cheiro não cessado após as obras de mera “maquiagem”.
Seis meses para limpeza
Se a diferença de valores entre uma intervenção e outra já é algo que chama atenção, o tempo para conclusão do serviço também é de se levar em consideração. Na previsão da Águas do Paraíba, o trabalho de limpeza do canal deve durar seis meses. Já a “maquiagem” de Rosinha durou mais de um ano para ser finalizada.
FDP!
A segunda edição do Festival Doces Palavras tem cada vez mais ganhado forma. Ontem, a comissão organizadora do evento realizou uma visita técnica ao Jardim do Liceu, palco central do evento, que será realizado entre os dias 20 e 24 de setembro. A primeira edição do FDP! foi considerada um sucesso e espera-se que neste ano o festival supere ainda mais as expectativas. Para isso, ainda dá tempo de os artistas e autores se inscreverem para o evento. A inscrição deve ser entregue no Trianon até amanhã.
Luto
Pessoa de grande estima em Campos, Luiz Sérgio Artiles faleceu ontem. Ele estava internado com problemas respiratórios. Luiz Sérgio foi proprietário da banca de jornais e revistas que fica na avenida Pelinca, esquina do Banco Itau, e também foi distribuidor da Abril Cultural na região. Amigos mais chegados contam que Sérgio era uma pessoa generosa, amigo dos amigos e sempre estava de bem com a vida. Uma perda lastimável.
Compartilhe