Estado prorroga recenseamento de servidor até 7 de março
21/01/2019 | 19h44
O Governo do Estado do Rio de Janeiro prorrogou o prazo do recenseamento obrigatório para os servidores ativos, aposentados e pensionistas nascidos nos meses de novembro e dezembro. Eles terão até o dia 7 de março de 2019 para realizar o procedimento em qualquer agência do Bradesco do país. Esta é a última chance para que 18 mil servidores, que ainda não se cadastraram, façam a atualização cadastral e não tenham seus salários suspensos. O procedimento começou a ser feito em novembro de 2018.
 O recenseamento deve ser feito por todos os 455.570 servidores ativos, inativos e pensionistas, incluindo cargos comissionados, contratos temporários, funcionários de empresas, de autarquias e órgãos da Administração Indireta, e poderá ser realizado em qualquer agência Bradesco do país. O procedimento é uma medida do Plano de Recuperação Fiscal do Estado do Rio e tem como objetivo promover a melhoria da base de dados da folha de pagamento do funcionalismo.
 A atualização cadastral obrigatória será destinada aos servidores do Poder Executivo e abrangerá os órgãos que fazem parte da folha de pagamento do Sistema Integrado de Gestão de Recursos Humanos (SIGRH-RJ).
 A lista dos servidores que ainda não fizeram o recenseamento pode ser vista no site do governo (www.rj.gov.br).
 Recenseamento nas agências Bradesco de todo país
 A prestação do serviço será realizada pelo Banco Bradesco, em consonância com o Governo do Estado e de acordo com o edital de licitação, o Decreto 46.481/18 e a Resolução Conjunta nº 55/18. A atualização cadastral poderá ser feita em qualquer agência do Banco Bradesco no país.
 Informações completas
 Informações completas também estarão disponíveis nos sites da Secretaria de Estado de Fazenda e Planejamento (www.fazenda.rj.gov.br), do Rioprevidência (www.rioprevidencia.rj.gov.br) e no Portal do Servidor (www.servidor.rj.gov.br).
 (Fonte: Assessoria)
 
Compartilhe
Rosinha "capturada"
21/01/2019 | 17h31
A ex-prefeita Rosinha Garotinho está aproveitando as férias de verão em um parque temático. E demonstrando coragem: Já tirou foi "capturada" pela estátua de um gorila, foi em montanha russa de cabeça para baixo e até na Big Tower, que tem 100 metros de estrutura e, durante a queda, a velocidade atinge 120 km/h. 
Confira o vídeo abaixo:
Compartilhe
Geraldo Venâncio assume direção geral do Hospital Escola Álvaro Alvim
21/01/2019 | 17h02
 O Hospital Escola Álvaro Alvim inicia o ano de 2019 com novo Diretor Geral. O ex-secretário municipal de Saúde e ex-vereador Geraldo Venâncio assumiu o cargo na manhã desta segunda-feira (21).
A apresentação ocorreu na sala da diretoria do HEAA.
Estiveram presentes ao ato, o presidente da Fundação Benedito Pereira Nunes, Dr. Marcio Sidney Pessanha de Souza, o Diretor Clínico, Dr. Ernesto Carlos Pessanha e o Diretor Geral da Faculdade de Medicina de Campos, Prof. Edilbert Pellegrini Nahn Junior.
Para o presidente da FBPN,  o novo diretor geral possui grande experiência administrativa na área de gestão de saúde. “Com os atributos e qualidades em termos acadêmicos e profissionais, o HEAA ganha um gestor que poderá contribuir muito para seu fortalecimento”, disse Dr. Márcio Sidney.
O novo diretor disse que a gestão do HEAA será um grande desafio, tendo em vista o momento de crise na saúde que assola o país. “Apesar das dificuldades, tenho boas expectativas de melhoras nos Programas de Saúde do Governo Federal, tendo assim, reflexos locais. Com isso, o HEAA estará preparado para avançar ainda mais como referência de atendimento, pois temos o principal que é um quadro de excelentes profissionais médicos e técnicos, todos comprometidos em oferecer um trabalho de qualidade a toda população”, afirmou.
Geraldo Venâncio foi vereador de Campos por dois mandatos, secretário municipal de Saúde em três oportunidades, secretário de Assistência, diretor do Hospital Geral de Guarus e diretor do HEAA, entre os anos de 1989 e 1994. É professor do Componente Curricular de Clínica Médica na Faculdade de Medicina de Campos, desde 1979.
Compartilhe
Diretor de Turismo apresenta potencial de Campos ao Governo do Estado
20/01/2019 | 17h40
A convite da secretaria de Estado de Turismo (Setur), o diretor de Turismo de Campos, Hans Muylaert, se reuniu sexta-feira (18) com o secretário estadual da pasta, Otávio Leite, e sua equipe no Rio de Janeiro. O objetivo da secretaria é aproximar os municípios e conhecer o calendário de eventos de Campos para 2019. O Departamento de Turismo também foi convidado a participar de reunião, no próximo dia 28, com secretários e dirigentes municipais da área na Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado do Rio de Janeiro (Fecomércio). O tema da reunião será O Futuro do Turismo do Rio de Janeiro.
Na visita de sexta, Hans esteve com representantes da TurisRio, como a diretora de Operações, Sandra Federick, para a entrega do calendário de eventos do município. Em seguida, a técnica da diretoria de Planejamento e Projetos, Cristina Ribeiro, repassou as informações sobre “a reavaliação dos municípios, realizada este ano pelo Ministério do Turismo sobre a categorização regional, que coloca as cidades no mapa turístico do país”. Depois, o encontro foi com o diretor de Planejamento e Projetos, César Werneck.
 Hans Muylaert destacou a importância de ter o Conselho Municipal de Turismo ativo para a deliberação de novas ações do setor. Na próxima semana, já será convocada a primeira reunião do ano do conselho para definir o cronograma de encontros de 2019 e possíveis mudanças que ocorrerão, segundo o Ministério de Turismo. “Na reunião do dia 28, pretendemos estreitar a parceria visando o fortalecimento do nosso trade turístico, já que o setor movimenta a economia e gera empregos
 Ele encaminhará em breve para a secretaria estadual informações sobre festas populares do município. Em conversa com o secretário Otávio Leite, o diretor de Turismo formalizou o convite para uma visita ao município. “Queremos mostrar ao secretário todo potencial turístico de Campos e região para que estejam inseridos nas possibilidades turísticas do Estado. Este primeiro momento com a secretaria estadual de Turismo foi muito importante e positivo”, disse o diretor de Turismo de Campos.
 — Também estive com André Torricelli, responsável pelo turismo rural e ecoturismo, com quem conversamos sobre o fomento ao Parque Estadual do Desengano, do Parque Estadual da Lagoa do Açu, APA do Itaoca, as Cachoeiras do Imbé, entre outros pontos, que fazem parte do roteiro rural do município, e com o Gabriel Villar, responsável por ações na área gastronômica, identidade gastronômica regional, mapeamento de rotas de bebidas artesanais, como cervejas e cachaças - adianta Hans.
Hans Muylaert com Cesar Werneck - Diretor de Planejamento e Projeto da TURISRIO e
Cristina Ribeiro, técnica da diretoria de Planejamento e Projeto da TURISRIO
Hans Muylaert com Cesar Werneck - Diretor de Planejamento e Projeto da TURISRIO e Cristina Ribeiro, técnica da diretoria de Planejamento e Projeto da TURISRIO
Compartilhe
Campista tem projeto de pesquisa aprovado e passará seis meses em Portugal
12/01/2019 | 11h59
Interrompendo as férias para uma boa notícia e que enche o coração de esperança em um futuro melhor:
A campista Mariana Vasconcelos, de 22 anos, teve um projeto de pesquisa aprovado pelo CNPq, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. O órgão é ligado ao Ministério da Ciência, um dos maiores incentivadores da pesquisa no Brasil. Como resultado, Mariana, que cursa o 8º período do curso de Medicina Veterinária na Universidade Unigranrio- Campus I, em Duque de Caxias, foi selecionada para permanecer por seis meses na Universidade do Porto, em Portugal, cursando matérias de sua graduação, sem pagar mensalidade.
O programa de bolsas de Intercambio Ibero - Americanas é oferecido todos os anos pelo Banco Santander. Em 2018, houve mais de 12 mil inscritos no Brasil. Mil e duzentas foram selecionadas. A pesquisa de Mariana ficou em primeiro lugar em sua universidade.
“Eu fiz estágio na Fiocruz por um ano e em julho de 2018 iniciei o projeto de pesquisa lá, que é sobre mapeamento da zoonose Esporotricose, em 10 anos, no Rio de Janeiro. Aqui no Rio está uma epidemia de casos. Aí em Campos já está começando a aparecer também. Na Uenf já estãoo fazendo projetos contra a evolução da doença, que atinge animais e humanos”.
Viva Mariana!
 
Compartilhe
Governador Wilson Witzel toma posse e diz que vai priorizar desenvolvimento através do Açu
01/01/2019 | 11h03
Posse do Governador do Rio de Janeiro, Wilson Wotzel.
Posse do Governador do Rio de Janeiro, Wilson Wotzel. / Carlos Magno
O ex-juiz federal Wilson Witzel (PSC) tomou posse, na manhã desta terça-feira (1), como novo governador do Estado do Rio de Janeiro. Com um discurso conciliador e, em alguns momentos, emocionado, Witzel reafirmou promessas de campanha, como combate à corrupção e à violência. E alertou os secretários: “não temos direito de errar” diante da confiança depositada pela população em seu nome. Witzel também agradeceu a legendas, como o PSL — do presidente Jair Bolsonaro — e Pros, por terem acreditado no “candidato 1%”. Logo após a posse, o governador falou à imprensa. Em resposta à Folha da Manhã, sobre as prioridades, ele citou o Porto do Açu como fundamental para retomada do desenvolvimento. E afirmou que já vem sendo procurado por empresas que têm o desejo de se instalarem na área do Distrito Industrial.
Witzel afirmou que o resultado das urnas — que o levou à vitória após sair com 1% das intenções de votos no início da campanha — como “o grito de milhares de mulheres e homens cansados da traição e dos atos de corrupção”. Ele também falou que vai recuperar o respeito ao funcionalismo estadual, que tanto sofreu durante os últimos anos.
Ele chorou ao agradecer à esposa, Helena Witzel, e aos filhos. Também falou que os traficantes de drogas são “narcoterrostistas” e garantiu que como terroristas serão tratados.
Leia a matéria completa na edição desta quarta-feira (2) da Folha da Manhã
 
 
Compartilhe
Carla dá posse a 43 profissionais de saúde aprovados no concurso de 2015
28/12/2018 | 23h05
A prefeita Carla Machado, o secretário de Administração, Flávio Raposo, e o secretário de Saúde, José Antônio Fonseca, deram posse nesta sexta-feira, 28, a 43 profissionais da área de Saúde, aprovados no concurso público realizado em 2015. O quadro de funcionários efetivos da Prefeitura passa a contar com enfermeiro; enfermeiro (auditor); enfermeiro (socorrista); farmacêutico; médico (socorrista); terapeuta ocupacional; médico (psiquiatra); psicólogos; técnicos em enfermagem e técnico em enfermagem do trabalho.
 José Antônio Fonseca deu boas-vindas aos novos profissionais e ressaltou que o município conta atualmente com profissionais de excelência, com capacidade técnica, e ainda destacou que “até o final do primeiro trimestre de 2019 todas as unidades de saúde estarão muito bem estruturadas”.
 O restabelecimento da confiança do funcionalismo com o poder público foi ressaltado pela prefeita Carla Machado, que afirmou que o caixa da Previdência está em dia, os salários sendo pagos pontualmente, juntamente com os benefícios do Auxílio Transporte e Cartão do Servidor.
 A prefeita falou, também, da necessidade de humanizar a saúde do município. “Peço que atendam a nossa população com amor, pois qualquer situação de doença nos torna vulnerável diante da vida. Uma palavra de carinho pode contribuir para amenizar a dor do próximo”, pontuou.
 Durante a solenidade foram lembradas ações na área de Saúde, já executadas e em ação, como a reabertura da maternidade da Santa Casa de Misericórdia, a finalização das obras das unidades de saúde de Barcelos e Palacete, e ainda, os quase 100% de cobertura do Programa Estratégia Saúde da Família, no município.
 (Fonte: Secom)
 
Compartilhe
Dias Toffoli proibe transferência de Pezão após 1 de janeiro
28/12/2018 | 22h50
O presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Dias Toffoli, aceitou pedido da defesa do governador do Rio de Janeiro, Luiz Fernando Pezão , para que ele possa permanecer preso no Batalhão Especial Prisional (BEP) da Polícia Militar, em Niterói, mesmo após o fim de seu mandato, que acaba em 1º de janeiro. A defesa apontou risco à integridade física de Pezão caso ele seja transferido para outro local.
 A defesa havia feito dois pedidos. O primeiro foi para soltar Pezão, o que foi negado. O segundo, caso o anterior não fosse aceito, era impedir sua transferência do BEP. Pezão, acusado de receber propina milionária, foi preso no fim de novembro, durante a Operação Boca de Lobo, um dos desdobramentos da Lava-Jato no Rio.
 
Pezão preso - reprodução tv - blog do Arnaldo Neto
Pezão preso - reprodução tv - blog do Arnaldo Neto
Compartilhe
Chequinho: Magal também perde o mandato
28/12/2018 | 22h46
Depois de Jorge Rangel, em novembro, (Lembre AQUI), agora foi a vez de Jorge Magal perder o mandato em consequência da Chequinho.
Magal foi um dos primeiros afastados da Câmara, em maio de 2017, após ter a condenação de primeira instância confirmada pelo Tribunal Regional Eleitoral. Ele recorreu ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), mas fora do cargo. 
Seus recursos junto ao TSE foram rejeitados e a Ação de Investigação Judicial Eleitoral (Aije) com trânsito em julgado retornou a Campos para ser arquivada. Transito em julgado é quando se esgotam os recursos de uma ação.
Além de Magal e Rangel, também já esgotaram os recursos e estão com transito em julgado a Aije do ex-vereador Roberto Pinto. Também com recurso negado está a Aije da vereadora afastada Linda Mara Silva e de Thiago Virgílio. Este último afirmou ao blog que irá ao STF.
No total, 10 vereadores eleitos em outubro de 2016 tornaram-se réus nas Aije - que investigava a parte cível- eleitoral da operação Chequinho. Também foram condenados em primeira segunda instância Vinicius Madureira, Kellinho, Ozéias, Miguelito e Thiago Ferrugem. Todos foram afastados dos cargos depois que tiveram a condenação confirmada pelo TRE. O mesmo aconteceu com os suplentes Carlinhos Canaã, Geraldinho de Santa Cruz, Roberta Moura e Thiago Godoy, que chegaram a ocupar cadeiras na Câmara de Vereadores deixadas pelos titulares condenados.
Compartilhe
Jorginho Virgílio passa por cirurgia de emergência, mas já teve alta
28/12/2018 | 20h11
O vereador Jorginho Virgílio (PRP) vai passar o Reveillon em repouso absoluto. Ele passou por uma cirurgia de emergência, mas está bem.
Jorginho Virgílio já recebeu alta e está em casa.
Este ano, o vereador chegou a ficar afastado da Câmara por quase dois meses por problemas de saúde.
Lembre AQUI.
Atualização no texto e título.
Compartilhe
Sobre o autor

Suzy Monteiro

[email protected]