Ponto Final - Troca de tiros e escola fechada no Santa Rosa
- Atualizado em 09/05/2019 10:02
Tráfico ainda assusta
O Parque Santa Rosa, em Guarus, foi marcado pela força do tráfico nos últimos anos. Quando ainda estava solto, Francio da Conceição Batista, o Nolita, chegou a determinar quem poderia ou não estudar em determinada unidade escolar. Ele está preso desde 8 de março de 2018. Nolita e parte do seu grupo foi condenado por tortura. Na decisão, também consta o fato de eles atuarem na seleção de quem poderia estudar ou não no Ciep do Santa Rosa. Outros fatos envolvendo o tráfico foi quando cartazes foram espalhados com ameaças à comunidade escolar.
Não é a primeira vez
A unidade que precisou fechar as portas ontem foi a Escola Municipal Eunícia Ferreira da Silva. O motivo, troca de tiros no seu entorno. Em junho do ano passado, para se ter uma ideia, um tiro chegou a quebrar uma janela da escola. Desta vez, a situação foi menos pior e a decisão da direção foi por suspender a aula apenas ontem, segundo a secretaria de Educação. São cerca de 900 alunos matriculados, além de funcionários, reféns do medo mesmo quando resguardados pelos muros de uma escola.
Reconhecimento
Desde a prisão de Nolita, há de se destacar, a sensação de insegurança diminuiu no Santa Rosa. Além disso, há de se destacar a constante atuação do 8º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e da Polícia Civil, na área da 146ª DP. O resultado são índices bem menores de homicídios, crime que causa mais impacto em qualquer cidade, sobretudo no município considerado o 35º mais violento do mundo em 2018. Entrevistado no Folha no Ar do último dia 17, o comandante do 8º BPM, Rodrigo Ibiapina, garantiu que com as ações desenvolvidas, Campos pode ter resultados mais satisfatórios no próximo ranking.
Em Brasília
Depois da agenda com o governador Wilson Witzel (PSC) no Rio de Janeiro, a prefeita Carla Machado (PP), de São João da Barra, seguiu para Brasília. Em sua página nas redes sociais, cada vez mais usada como seu principal canal de comunicação, registrou uma série de encontros com parlamentares e líderes partidários. Contudo, a prefeita não detalhou os compromissos cumpridos na capital federal.
Reforma
Por falar em Brasília, o ministro da Economia, Paulo Guedes, participou da primeira audiência pública da comissão especial da Câmara dos Deputados que discute a proposta da Reforma da Previdência. Segundo Guedes, o sistema atual, além de estar fadado ao fracasso por causa do envelhecimento da população, transfere renda dos mais pobres para os mais ricos. Ele disse que cabe ao Congresso tornar o sistema de aposentadorias e pensões mais republicano.
Lava Jato
A Polícia Federal prendeu três funcionários do Banco Paulista S.A., ontem, na 61ª fase da operação Lava Jato. Esta nova etapa mira um esquema de lavagem de dinheiro que, segundo o Ministério Público Federal, movimentou R$ 48 milhões do Grupo Odebrecht. Executivos do banco assinavam contratos falsos para repassar o dinheiro, diz o MPF. A Lava Jato também apura outros repasses que somam R$ 280 milhões.
Acumulou
As filas nas lotéricas de todo país tendem a continuar gigantescas ou até mesmo aumentar de hoje até sábado. Ninguém acertou as dezenas sorteadas ontem no concurso 2.149. O prêmio estimado agora é de R$ 275 milhões. Os números sorteados foram: 21 - 23 - 37 - 44 - 46 - 48. Na quina, 496 apostas acertaram os números e cada apostador vai receber R$ 35.200,20. A quadra saiu para 32,880 ganhadores e cada um vai receber R$ 758,57.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS