Política e Saúde na Atualidade em Itaperuna com Fernanda Malafaia Abrindo a Boca para Marco Barcelos
14/05/2019 09:50 - Atualizado em 14/05/2019 09:56
Fernanda Malafaia Pimentel
Fernanda Malafaia Pimentel
1 - Fernanda Malafaia Pimentel, nas últimas eleições municipais o PPS partido que você era presidente lançou 5 candidatas a vereadora, como você vê a participação feminina na política ?
R: Muito limitada e com poucas oportunidades no meio político. Reestruturei o partido quando assumi , com essa meta principal , a inclusão das mulheres na política. O partido foi uma porta de entrada para que as mesmas se interessassem mais e participassem de uma forma mais efetiva das eleições , se colocando como candidatas e participando do pleito municipal.
 2 - Quanto a saúde de nosso país, como você enxerga o SUS como sistema para proporcionar melhor atendimento ao população ?
R: O SUS precisa ser reestruturado em todo o país , exemplo disso seria a implantação do prontuário eletrônico nas unidades básicas em todos os municípios , o que tornaria mais ágil os atendimentos dos pacientes , reduziria os gastos públicos e a melhoria da gestão da saúde. Um dos grandes problemas na saúde pública são as grandes filas de espera.
 3 - Como você avalia a saúde no município de Itaperuna ?
R: Em nosso município temos um hospital de grande porte , o HSJA que é referência , por esse motivo ainda somos privilegiados . Tenho visto um trabalho de humanização mais efetivo nos últimos anos , visto que uma das maiores reclamações dos doentes eram a qualidade e a agilidade nos atendimentos. Mas em se tratando de saúde , penso que sempre pode melhorar. Em contrapartida , na rede básica, falta muito profissionais da área de saúde e pessoas mais qualificadas para determinados setores que é de suma importância. Em relação a alguns exames complementares , precisa-se urgentemente uma revisão.
 4 - Como você avalia esse período de exercício do vice Rogerinho, como prefeito de Itaperuna ?
R:Tenho um foco muito voltado para a saúde , até agora não vi nada de novo a ser apresentado e muitas falhas na gestão.Além disso, o prefeito interino não vem demonstrando qualquer sensibilidade com a população, está sendo o prefeito dos gabinetes. Outro ponto negativo é o não pagamento das rescisões de diversas exonerações que foram feitas. Ora, ele tem todo direito de nomear quem ele confia, mas tem que pagar as rescisões de quem foi exonerado, até porque essas pessoas em sua grande maioria são chefes de família.
 5 - Podemos saber se o CIDADANIA (antigo PPS) vai lançar uma nominata com predominância feminina e se vai lançar candidata a prefeita ?
R: Já estamos nos organizando para as eleições 2020, como disse, o quantitativo de mulheres no partido é grande , acima da média, esse é o nosso diferencial. A meta é dobrar o número de candidatas mulheres comparando a última eleição. Quanto ao lançamento de uma candidatura para majoritária em 2020 é um sonho do CIDADANIA de Itaperuna, porém entendo não ser ainda o momento de discutir as eleições de 2020, o momento é de lutar para que a gestão do prefeito interino não seja tão desastrosa como está parecendo ser.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Sobre o autor

    Marco Barcelos

    [email protected]