Entrega do Hospital São José é adiada
29/05/2019 16:29 - Atualizado em 29/05/2019 20:13
Genilson Pessanha
A Unidade Pré-Hospitalar (UPH) São José, em Goitacazes, não será inaugurada mais nesta sexta-feira, 31 de maio, como previsto. O secretário municipal de Saúde, Abdu Neme, pediu para o prefeito Rafael Diniz (PPS) adiar em alguns dias a entrega da unidade. O objetivo é entregar à população até o dia 25 de junho. A unidade está sendo preparada com mobiliário moderno, sistema informatizado e equipamentos de última geração para oferecer atendimento de qualidade para os campistas. Segundo a Prefeitura, a inauguração foi adiada para que todas as instalações sejam feitas de forma correta, e o São José, funcionando plenamente, seja uma referência para a Baixada Campista, região que possui cerca de 70 mil moradores.
— Com a chegada dos aparelhos, como o raio-x digital, a estrutura do São José teve que passar por algumas adequações. Como a população merece um hospital funcionando plenamente, eu conversei com o prefeito Rafael Diniz e pedi que ele adiasse a inauguração do Novo São José por alguns dias, até que essas adequações estejam concluídas. O prefeito não quer entregar um hospital que não esteja funcionando plenamente, com todos os equipamentos à disposição. A população, que há mais de uma década espera por este novo hospital, merece contar com todos os serviços — explica Abdu Neme, que também é presidente da Fundação Municipal de Saúde (FMS).  
 
 
Nesta semana, o secretário de Saúde acompanhou a instalação do raio-x digital. Além do São José, as UPHs de Travessão e do Farol de São Thomé também vão receber o aparelho. Proveniente de emendas federais, o investimento é de R$ 294 mil. "É um equipamento de última geração. Tudo planejado para qualificar ainda mais o atendimento aos pacientes do São José. Também instalamos cinco respiradores pulmonares, outro aparelho muito importante para o funcionamento da UPH", comenta Abdu Neme. 
O São José também terá um sistema informatizado, com computadores em todos os consultórios e salas. "É um passo para a utilização do prontuário eletrônico, que será muito importante para acompanhar o caso de cada paciente com mais informações", disse Abdu.
A UPH São José conta com uma área construída de 2.700 m² em dois pavimentos.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Sobre o autor

    Arnaldo Neto

    [email protected]