BR-101, terra de ninguém: momentos de terror e pânico - Relato 4
11/08/2018 20:49 - Atualizado em 12/08/2018 01:06
Na semana passada foi publicada aqui a nota "BR-101, terra de ninguém", retratando as péssimas condições de segurança da rodovia, que expõem a graves riscos campistas e usuários que ali trafegam, em especial no trecho existente entre os kms 307 e 309, situado ao lado do Complexo do Salgueiro, em São Gonçalo.
Por estar ausente de Campos por uma semana, passando inclusive pela BR-101, felizmente incólume, interrompi a série de relatos, que será retomada agora. A onda de assaltos na BR-101 infelizmente não para, atingindo vários campistas que trafegam na rodovia.
Segue abaixo o quarto relato que chegou até a mim, para que outros campistas tenham conhecimento do que vem acontecendo na BR-101 em direção ao Rio e para cobrar dos responsáveis medidas para garantir a segurança na rodovia. Assim como a "Terra de Ninguém", a "Faixa de Gaza" de São Gonçalo, os trechos próximos aos acessos aos trevos de Macaé também têm ocorrências.
O quarto relato é do médico Leandro, que ia de Campos para o Rio no dia 29 de julho, um domingo. Ele saiu de nossa cidade por volta de 19h15. Entre 21h00 e 21h30, na altura do km 175, próximo ao 2º trevo de Macaé, ele foi perseguido por um carro de farol apagado por cerca de 9 km. Confira:
"Eu saí de Campos no domingo dia 29 de julho de 2018, por volta de 19h15, em um Honda Civic. Logo após o 2° trevo de entrada para Macaé, um pouco antes daquele restaurante "Caipira da Serra", após fazer uma ultrapassagem, percebi que o carro "colou" na traseira com o farol apagado.
Na verdade, eram 3 carros que andavam lentamente naquele trecho e um deles me perseguiu após eu tê-los ultrapassado!
Esse carro percorreu todo o trecho dali até Rocha Leão "colado" no meu carro! Eu tive de chegar a velocidade de 160km/h para tentar escapar, mas o carro permanecia atrás!!! Esse trecho é cheio de curvas e dá uns 8 a 9 km de distância.
Eu só consegui escapar por Deus e por ter ultrapassado todos os outros carros que encontrei nessa "reta" de Rocha Leão, pelo acostamento!!!
Alí eles ficaram para tras! Era um carro antigo, parecia um Passat velho, dos anos 80, e não sei como um carro daquele ano e modelo conseguia correr tanto como eu, com um carro novo! Eles estavam de farol apagado e apenas as lanternas acesas!
Dali continuei em alta velocidade até a Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Casimiro de Abreu, mas no Posto da PRF não tinha ninguém! Parei em Casimiro de Abreu pra passar a noite sem condições de continuar viagem até o Rio!
Liguei pra PRF de Rio Bonito pra relatar o ocorrido e o policial me disse que provavelmente era uma tentativa de assalto pois os criminosos "batizam" o motor desses carros antigos pra efetuar assaltos! Informou também que naquela noite o Posto da PRF de Casimiro estava fechado, mas que iria emitir um alerta aos demais postos da PRF sobre o ocorrido!
Pra vc ter uma idéia do problema.....estou deixando meus compromissos no Rio....mudando de vez pra Campos pra evitar esse deslocamento pela BR-101
Estou muito assustado....Família pedindo para não pegar mais a BR-101!
Tudo por conta da insegurança na estrada!
Tá tudo muito perigoso....esse trecho de Macaé fica deserto, essa pista simples e perigosa.....obra PARADA, duplicação atrasada....um ABSURDO!
Estamos com 3 escolhas na BR 101....
...ou acidente, ou assalto,
Ou pedir a DEUS por proteção"

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Sobre o autor

    Christiano Abreu Barbosa

    [email protected]