Ponto Final - Quem entra, quem espera e quem é dúvida
- Atualizado em 19/05/2017 13:42
Quem entra
A Câmara de Campos deve começar a mudar novamente a sua composição a partir de hoje. No entanto, das dez alterações que podem acontecer após decisão do Tribunal Superior Eleitoral e também da 100ª Zona Eleitoral de Campos, apenas quatro devem acontecer hoje. No entendimento Câmara Municipal podem ser reempossados, neste primeiro momento, Thiago Ferrugem (PR), Roberto Pinto (PTC), Vinícius Madureira (PRP) e Jorge Magal (PSD), que formam o segundo grupo afastado na operação Chequinho. A volta deles é esperada no Diário Oficial (DO) de hoje.
Quem espera
Como mostra reportagem na página 2 desta edição, são muitas as incertezas sobre como será aplicada a recente decisão do TSE. O próprio presidente da Câmara, Marcão Gomes, espera uma definição sobre qual postura adotar sobre Thiago Virgílio (PTC), Linda Mara (PTC), Kellinho (PR), Jorge Rangel (PTB), Ozéias (PSDB) e Miguelito (PSL). Apesar de terem suas diplomações autorizadas no Tribunal após análise de habeas corpus na esfera criminal, teriam eles também a liberação na cível-eleitoral?
Quem é dúvida
As dúvidas não pairam apenas sobre os seis, já que Magal apesar de ter seu nome no DO de hoje, já esgotou sua fase recursal no Tribunal Regional Eleitoral (TRE), sendo confirmada então a sua condenação em segunda instância. O mesmo caminho pode trilhar Vinícius Madureira, que ainda espera, na mesma Corte, os julgamentos dos seus embargos declaratórios. Como é permitida a execução provisória do acórdão penal condenatório em segunda instância, mesmo que estejam pendentes recursos aos tribunais superiores, é possível, no caso de Magal, que já seja aplicada a pena determinada pela 99ª Zona Eleitoral (ZE) de Campos, impedindo sua volta. Destino semelhante pode ter Madureira se o recuso for negado.
Temer não teme?
Após breve pronunciamento na tarde de ontem, no qual dizia desconhecer o conteúdo completo do áudio gravado pelo empresário Joesley Batista e enfatizar que “não irá renunciar”, o presidente Michel Temer ouviu toda a gravação à noite. No entendimento dele e sua equipe, “o conteúdo da conversa não incrimina o presidente”. Mas a pressão tem aumentado não só nas ruas, mas também no Congresso. Se o que foi ouvido no pronunciamento de Temer ontem é indício do que o espera, os aplausos ao “não renunciarei” de Dilma foram mais empolgados.
Morar Feliz
O economista José Alves de Azevedo Neto tem utilizado com frequência fontes do IBGE para mostrar o esqueleto financeiro de toda a gestão da ex-prefeita Rosinha Garotinho (PR). Um dos cálculos apresentados em rede social foi sobre a implantação do programa Morar Feliz, em duas fases. A implantação foi em 2010 e o último pagamento em 2016, num total de R$ 893 milhões atualizados até dezembro de 2016. Com aditivos e uma fatura que ainda não foi totalmente quitada, esse valor estaria em R$ 1,05 bilhão. O projeto inicial tinha como meta construir 9.198 mil casas populares para reduzir déficit habitacional, que em 2009 era de 12 mil habitações. Rosinha entregou 6.132 casas e deixou 3.066 pelo caminho, em diferentes estágios.
Alicerce do caixa 2?
O Morar Feliz foi o maior contrato firmado pela então prefeita Rosinha durante sua gestão. A empreiteira responsável é a Odebrecht, que citou o casal Garotinho na lista de beneficiados no seu caixa 2. O ex-executivo da empreiteira no Rio, Leandro Azevedo, insinuou, em delação premiada, que os dois editais vencidos pela companhia no escopo do Morar Feliz foram montados para favorecer a empresa. Um gasto de R$ 27,5 milhões em caixa 2 em quatro campanhas da ex-prefeita de Campos e do ex-governador Anthony Garotinho (PR) entre 2008 e 2014, também foi citado. O casal nega e será ouvido pelo juiz Marcelo Bretas.
Fundação CDL
A presidência da Fundação CDL-Campos para o desenvolvimento e integração social de criança, jovem e do idoso estará no próximo dia 29 realizando assembleia, visando a eleição da nova diretoria, para a gestão 2017/2018. Atualmente, a fundação tem na presidência Marcelo Arêas. A fundação ligada à área comercial tem desenvolvido várias ações de cunho social no município.
Charge do dia
Charge do dia 19/05
Charge do dia 19/05/José Renato

ÚLTIMAS NOTÍCIAS