"Aparecem" mais 5 CPIs na Câmara e a da Lava Jato vai para final da fila
Suzy 09/05/2016 10:53
WhatsApp-Image-20160509   Em reunião ocorrida há pouco, o s vereadores que assinaram a CPI da Lava Jato receberam informação do presidente da Câmara, Edson Batista, de que existem outras cinco CPIs tramitando no Legislativo - quatro delas protocoladas no dia 18 de abril. Para o vereador Marcão, "Como existem cinco CPIs que os próprios vereadores desconhecem? Que a população desconhece? Tudo indica uma manobra política da base do governo com medo da planilha da Odebrecht que indica a possível utilização de caixa 2 na campanha de Rosinha e Garotinho", disse o vereador, autor do pedido de CPI para investigar  um possível envolvimento da prefeita Rosinha com a Odebrecht, empresa que é um dos alvos da Lava Jato". Também estiveram presentes à reunião os vereadores Nildo Cardoso (DEM), Dayvison Miranda (PSDC), José Carlos (PSDC), Gil Viana (PSB). Marcão representou Rafael Diniz, Fred Machado (ambos do PPS), Genásio (PSC) e Tadeu To Contigo (PRB), que tinham compromissos assumidos anteriormente. Esses nove assinaram o pedido de CPI. Já ao lado do presidente da Câmara, estava Thiago Virgílio. Lembre: Na edição do último dia 27, a Folha da Manhã mostrou que a relação entre a construtora envolvida no escândalo da Lava Jato e a Prefeitura de Campos é antiga. Em 2009, a Odebrecht foi responsável pelo contrato para construção das casas do Morar Feliz. A própria Folha antecipou em maio daquele ano que a Companhia Brasileira de Projetos e Obras (CBPO), incorporada ao Grupo Odebrecht, seria a vencedora da concorrência pública. Após a denúncia, os envelopes ficaram lacrados por meses, mas, em setembro, veio a confirmação.Confira aqui. Sobre a lista, os Garotinho afirmaram tratar-se de doações legais, porém, como é possível conferir aquisobre Garotinho não consta nos registros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nenhuma doação feita pela Odebrecht em 2010. No caso de Rosinha aqui e Clarissa  aqui  embora nas planilhas achadas na casa de Benedicto não conste o ano do repasse, investigação e defesa trabalham com o ano de 2012, quando Clarissa perdeu a eleição à Prefeitura do Rio, como vice Rodrigo Maia (DEM), e Rosinha se reelegeu prefeita. Não há em 2012 nenhuma doação direta da Odebrecht às duas, só ao PR e ao DEM, A lista apreendida pela Polícia Federal em que constavam os nomes dos Garotinho estava no poder de Benedito Barbosa da Silva Júnior, presidente da Odebrecht e que assinou, com a prefeita Rosinha, o contrato do Morar Feliz, como é possível conferir em matéria da Folha (aqui). Leia mais na edição de amanhã da Folha da Manhã. Atualização às 21h56: Em 26 de abril, matéria de Aluysio Abreu Barbosa sobre ação do Ministério Público Estadual falava a respeito da possibilidade de CPI e que a bancada governista tentaria empurrá-la para o fim da fila, o que acabou se concretizando. Confira no Opiniões. Atualização às 23h Resposta do presidente da Câmara: O presidente da Câmara Municipal de Campos, vereador Edson Batista, disse que há, desde março de 2016, cinco CPIs (Comissões Parlamentares de Inquérito) que deram entrada na secretaria da Casa. E que, de acordo com matéria aprovada na Câmara com a aprovação de todos os vereadores, enquanto estiverem em andamento duas CPIs não será instalada uma outra na Câmara, a não ser mediante projeto de resolução, sujeito a quorum especial de 2/3 para a sua aprovação. O presidente da Câmara também afirmou que a procuradoria Legislativa da Câmara está analisando se as CPIs pleiteadas preenchem os critérios legais para sua implantação. “Caso preencham essas exigências legais, todas serão instauradas no seu tempo devido, observando-se os critérios de anterioridade, de ordem cronológica a partir de sua entrada Câmara”, afirmou. Sobre o fato de que os vereadores  não tinham conhecimento de outras cinco CPIs, o presidente afirmou que os vereadores talvez não tivessem conhecimento de outras cinco CPIs porque Casa ainda não tem um canal de acompanhamento on line dos projetos e indicações dos vereadores, como ocorre com as demandas da sociedade civil, que contam com este serviço.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

    Sobre o autor

    Suzy Monteiro

    [email protected]

    BLOGS - MAIS LIDAS